Dicas a todos os Estudantes de Viagem Astral

Saulo CalderonInformações, MensagensLeave a Comment

Olá, amigos.

Eu estou RELENDO pela décima vez(vai saber), o livro Iniciação Viagem Astral. Estou numa sintonia linda, o livro é uma viagem espiritual linda, interna.

Lendo um texto de Lancellin, um dos guias do livro, na cara de pau dei uma editada nele e virei parceiro.

O texto por si só estava muito bom, só dei uma pequena modificada em conceitos e direções, e também adicionei alguns detalhes.

Tenho certeza que fará bem a todos nós ler isso.

Segue abaixo::

O PRIMEIRO PASSO

O primeiro passo para o desdobramento espiritual consciente difere muito de outras iniciações no campo da compreensão. O principiante não pode esquecer a fé, da sintoni  espiritual, com a conexão com o alto, norma essencial nos caminhos de quem vai exercitar a chamada projeção do corpo astral, diferente de muita gente que pensa que sair do corpo é só um turismo, ou com o vemos por aí livros e cursos falando de uma liberdade como se fosse um paraíso e só coisas boas serão vistas.

Mesmo sendo essa operação bem mais simples do que o despertar do Kundalini, não deve ser forçada a todo custo, deve-se entender que a busca pela espiritualidade é algo que vem aos poucos, e que não é preciso ter pressa para a conquista logo de uma saída; algumas regras devem ser observadas, sem contudo apressar a saída, que requer muito tempo e paciência.

Meu filho, quando estás no comando do perispírito, mais ou menos livre do corpo físico pelo processo de desdobramento, a realidade é mais visível e poderás sentir em toda a tua estrutura espiritual, os teus próprios pensamentos. Se pensas firmemente em determinado lugar, já te achas a caminho para ele; se pensares em uma doença, sentirás imediatamente essa enfermidade; se o ódio assomar à tua mente, mesmo que seja por instantes, sentirás um choque eletromagnético percorrer todo o teu soma energético, criando embaraços no que irás fazer no campo espiritual. O mesmo se dará se tiveres sentimentos de inveja, ciúme, medo, cólera etc. E também sentirá isso em outras consciências, por vezes as que nos acompanham por muito tempo. A tua atividade mental deve ser vigiada constantemente; a falta de harmonia nos pensamentos nos leva para lugares indesejados no plano do Espírito, o estado emocional também será um terror por vezes, pois enxergará isso claramente, sendo a projeção astral uma forma de aviso EXTREMO de onde estamos com dificuldades.

Deves aprender a relaxar o corpo físico sempre quando puderes, acabando com as tensões, pois elas desgastam energias preciosas, acumuladas por variados processos, como a alimentação, as orações e o sono reparador.

Outro impedimento sem precedentes no momento de desdobramento é a melancolia; toda tristeza é fechamento de determinada válvula de absorção do prâna, que deve circular em todos os meridianos, estimulando as fibras mais íntimas do Espírito. A tristeza demorada pode, em muitos casos, criar impedimento no fluxo da energia fecundante, diminuindo a vitalidade e formando coágulos em todo o sistema de irrigação energética do corpo. Se queres defender-te de todos esses ataques, não te esqueças do amor. É ele a força ímpar na criação do ambiente perfeito de todas as operações espirituais. A caridade nos abastece de condições elevadas e, quando atacados por instintos inferiores, eles são qual trovoadas passageiras somente com promessas de chuvas.

Devemos nos lembrar da moral e ética em todas as fases da projeção astral, pois  essas energia e ações que nos dão uma força capaz de nos colocar na altura que o coração bem formado deseja e a consciência em Deus programa, a  lei do magnetismo atua em todas as dimensões, mas fora do corpo ela é GRITANTE.

O primeiro passo é entrar na senda com a senha do Amor, meditando nessa virtude por alguns minutos e senti-la interpenetrando todo o ser, visualizando todo o despertar orgânico e psíquico imantado de amor.

Quando a oportunidade nos convidar, devemos dar testemunho destas vibrações de luz que induzimos, vivendo na carne. É bom que não confundas esse exercício sublimado com determinadas repetições que se vê em muitos lugares, sem a mínima noção do que é o amor. Procura fazer tudo com discernimento, longe, mas bem longe, do fanatismo, para não tisnar o magnetismo elevado em torno de ti, ao enveredares nesse elevado aprendizado.

Não queremos ser os únicos a expor as verdades espirituais, longe disso. Mostramos apenas algumas advertências para que as experiências não pesem muito nos teus ombros e não esfriem as tuas esperanças no despertar, que deve ser gradual em todas as direções da vida. Que custes a dar o primeiro passo, mas, quando o fizeres, faze-o com passo firme na senda que te acena há muito tempo.

Na primeira saída em corpo astral o tempo deve ser o mínimo, pois o Espírito é qual o preso há muitos anos na prisão, encerrado em uma cela onde somente vê as quatro paredes e que, em determinada hora, percebe abrir-se a porta em uma noite límpida, cheia de estrelas e sente uma brisa suave beijar e levantar os seus cabelos, deslizando em todo o seu corpo, como se fosse um banho de energia divina a transportá-lo para outras esferas de luz. A visão se alarga muitas vezes mais além da natural quando no corpo, e a demora pode impedir a volta para as lutas humanas, necessárias ao nosso progresso espiritual.

O estudante deve se recolher ao leito mais cedo, sem nenhum problema na mente, procurando exercitar a respiração, se possível a profunda e a rítmica, expulsando com isso algumas ondas de magnetismo inferior que sempre existem dentro e fora do candidato; dedicar-se à boa vibração com profundidade de entendimento e nunca pensar nas coisas que haverá de resolver no dia seguinte, sempre procurando se colocar também à disposição para ajudar, deixando na frente de qualquer outra vontade a caridade. O relax é indispensável para o transe que se vai operar. Os órgãos devem estar aliviados, sem excesso de comida e é bom que essa seja selecionada, dentro da linha natural da vida. Convém que seja suprimida a alimentação carnívora.

As frutas nos dotam de maior energia em todos os casos de desdobramento, entretanto a alimentação mental é a que requer maior seleção, de nada adianta achar que vai ser vegetariano, mas teus pensamentos estarem em baixa vibração.

Se queres acelerar o teu desdobramento, procura, pelo menos uma vez por semana, ler alguma coisa referente ao assunto e mentalizar tua saída, sem te esqueceres dos amigos invisíveis que te assistem e orientam no trabalho empreendido.

Se os resultados não vierem com o tempo desejado, não esmoreças, nada de ficar se lamentando, reclamando ou com dúvidas. Continua tentando, sem que a violência assuma a direção dos teus pensamentos; se a demora continuar, espera mais, porque alguma coisa estará faltando e o tempo avisará no momento exato, ajudando-te nos complementos necessários. Sair do corpo é um atributo spiritual, e temos muitas ligações que estão acima do que podemos compreender por vezes, paciência e tenha fé e vá curtindo a beleza de sentir-se melhor a cada dia, de cuidar de você e torna-se um ambiente saudável a si mesmo. Lembra-te de que viagens astrais não são para qualquer pessoa, sem os devidos preparos. Jamais negues essa faculdade, porque tu ainda não a tenhas desenvolvido; negação é retardamento e o futuro te fará começar de novo. Faze a tua parte, sem violência, de sorte que se processe normalmente a operação no teu mundo interno, libertando-te de certas amarras que te prendem ao templo de carne.

Se queres viajar ao mundo espiritual, não forces essa saída sem que o preparo vibre em tuas mãos. Mesmo assim, é conveniente que exista alguém com bastante experiência nessa ciência, para te orientar seguramente em todos os caminhos a percorrer, é importante que leia autores sérios para encontrar segurança em teus passos e não se conflitar com visões por vezes mal colocadas.

Convida a caridade para te assistir permanentemente e não deixes de conviver com o amor em todos os lances diários, pois este costume te dará condições para experimentações espirituais sem tropeços, comuns às criaturas que se alistam nesse empreendimento e que têm preguiça de pesquisar os fundamentos da Verdade.

Haverás de ser um amante da natureza, pois ela te fornecerá uma profusão de elementos, uma espécie de ectoplasma vegetal para teu bom desempenho nas saídas astrais, além de, certamente, poder contar com a companhia espiritual dos vigilantes na esfera vegetal; a ligação entre tu e a natureza é feita pelo amor.

Sair do corpo é ESPIRITUALIDADE, e como tal é preciso ligação e boa sintonia sempre.

Deves respeitar os animais de todas as escalas da existência, por onde pesquisares e experimentares os teus dons espirituais. A atmosfera que se respira na Terra é rica em substâncias valiosas e, pelos teus sentimentos, ela poderá ser tua escrava inteligente, trazendo-te suprimento de vida ou plasmando em ti a tirania e a morte, dependendo do modo como tu a tratares.

Os teus pensamentos é que irão falar mais alto acerca do que começamos esboçar nestas páginas. És o que pensas, e atrairás para junto do teu coração o que sentires pelos outros. És uma antena viva, que atrai as ondas, cujos pensamentos estejam ligados na faixa que se afiniza com os teus sentimentos. 

Ninguém engana as leis imutáveis que nos regem, e elas são iguais para todos nós. A ninguem é dado uma maior facilidade que a outro, o que acontece é que um começou a treinar antes, não importa se vai começar agora, a diferença estará na forma como se conectará com a sua espiritualidade.
E lembre-se, não há privacidade para a espiritualidade, lá fora os defeitos, as dificuldades, como também as nossas qualidades, elas ficam estampadas.

Bem vindo à sua espiritualidade, onde sair do corpo é só o complemento do que já é aqui!

 Lancellin e Saulo

PS: Não estou me retirando de TUDO que foi escrito nesse texto, aliás vejo-me pecando em vários aspectos que me dariam melhores projeções…

PS2: Vou gravar essa mensagem em áudio hoje a noite, essa merece.