GVA - Grupo Viagem Astral

Fórum GVA

Fórum GVA

Acesse para dividir informações com outros pesquisadores e estudantes!

FAQ´s em MP3FAQ´s em MP3

Acesse os arquivos em áudio das perguntas frequentes que respondemos em vídeo.

Simple

Relatos

Leia aqui vários relatos de experiências extracorpóreas.

É iniciante na Projeção?

Ouça aqui o áudio que ajudará nos primeiros passos!

Comece aqui
  1. Projeção Astral e Mental

    Posted by
    /

    02/04/2002

    Fui dormir quando os pássaros já começavam a cantar, estava amanhecendo, por volta das 5:25. Deitei-me pensando na projeção. Após algum tempo de relaxamento, somente deitado, sem praticar nenhuma técnica, e tentando controlar a consciência para não “apagar”, reparei que minha mente já queria começar a ter sonhos oníricos. Achei muito engraçado, pois comecei a ter idéias estranhas, mesmo não querendo, até que abri os olhos para controlar melhor minha mente. É fantástica a força do inconsciente, ele quer nos levar a todo custo, e aprender a controlar a lucidez é o grande desafio.

    Senti, sem nenhum exercício a expansão da minha aura, então senti que a projeção era quase certa, e não perdi tempo, comecei a ajudar exteriorizando energias. Acho que estava com essa soltura energética, devido um banho prolongado de piscina durante o dia. E isso causa uma soltura muito boa, e ajuda muito na projeção.

    Depois de algum tempo, não sei quanto, perdi totalmente a consciência, e já despertei fora do corpo, numa sala com entidades conhecidas, porém não me lembro de nada agora.

    Vi que estava numa sala de espera, e já sabia por intuição que tinha sido levado lá para algum motivo. Chegou minha vez, e entrei com mais duas entidades que estavam me acompanhando, pareciam muito com índios devido o tipo de cabelo e cor de pele, mas usavam roupas normais.

    Vi que um rapaz tirou algo de dentro de uma gaveta, e apontou em minha direção, reparei ser uma Zarabatana. Minha reação foi instantânea, pensei em fugir, mas fui segurado pelas duas entidades que me acompanhavam. Até que fui atingido no pescoço. Instintivamente passei a mão no local, e peguei o objeto que me atingira. Era um pedacinho de madeira pequeno e pontudo. Só deu tempo de pegar, e sentir o corpo astral desfalecer, e ao cair, ainda senti me segurarem, e deitarem meu corpo astral numa cama ao lado.

    Já totalmente sem controle do corpo astral, senti o uma energia muito característica ao EV quando saímos do corpo. Porém, pensei: como posso estar saindo de novo do corpo, se já fiz isso. E reparei que devia estar saindo em corpo mental, e tentei controlar ao máximo minha lucidez para perceber quais seriam as reações de estar em um corpo mental.

    Senti meu afastamento do corpo astral, porém sentia-me centrado, igual no corpo astral, mas com uma lucidez inexplicável. Ainda ouvi eles falando: Ele já deve estar vendo. E pensei: – Vendo, vendo o que?

    E vejo entrar na sala, uma mulher toda de branco, com uma luz muito forte por todo seu corpo. Era realmente uma figura de anjo. Me aproximei, e reparei seus olhos. Eram as coisas mais lindas que já tinha visto. Não olhava como se fosse para uma mulher, não havia desejo, mas algo que não sei explicar. Ela transmitia um amor tão grande, tão dominador, que me ajoelhei (ou pelo menos em corpo mental me senti ajoelhando, mesmo nao vendo forma) e comecei a chorar copiosamente. Tentei me levantar para abraçá-la, mas foi em vão, minhas forças tinham ido embora. Ela por hora alguma teve qualquer reação visivelmente emocional, porém a energia que vinha dela era o mais puro amor que já tinha visto. Não daria de forma alguma, para interpretar com essas letrinhas, o que se passou naquele momento. Me sinto pequeno em tentar descrever tamanho sentimento.

    Minha emoção foi tanta, que abri os olhos já no corpo físico.
    Meus olhos físicos estavam encharcados de lágrimas.

    Fiquei na cama deitado ainda com a energia do local onde estivera. Estou no momento morrendo de saudades daquela consciência, quem será?

    Não entendi bem porque estive lá, porém estou me sentindo muito bem. E o mais interessante, é que estou sentindo a pontada no pescoço, no mesmo local onde fui atingido pela zarabatana.

    Nunca tinha ouvido falar de nada parecido com isso. Sinceramente, o mundo espiritual cada dia que passa me mostra o quanto é ainda desconhecido. Nada sabemos. Nada. Para começar simples, não sabemos nada de Amor. Sabe, não consigo sentir nem 10% do que senti naquele momento. Não haveria homem tão endurecido que não mudasse naquele momento.

    Muita paz e amor

  2. Projeção de alívio energético (tentativa de ida até o Pão de Açúcar)

    Posted by
    /

    08-10-1999

    Deitei para me projetar, para quem saber chegar ao encontro dos projetores no Pão de Açúcar no Rio. Lá todo dia 15 e 30 de cada mês, marcamos um encontro, para quem sabe dois ou mais projetores se lembrem do ocorrido, e comprovem a experiência. Essa idéia foi criada na lista Viagem Astral, do nosso amigo Luiz Zahar. Após fazer alguns trabalhos para o instituto, fui me deitar mentalizando a ida até o nosso para-encontro no pão de açucar. O quarto estava numa penunbra, com somente uma luz natural que vinha do poste da rua. Eram mais ou menos umas 01:15 da madruga. Tempo bom, céu estrelado, mas sem calor. Deitei na posição supina(barriga para cimas) Ocorreu tudo muito bem, deitei, fiz os exercícios, entrei em catalepsia, e com algum esforço me afastei do corpo. Porem quando estou saindo do meu quarto, encontro uma entidade me dizendo que iria adiantar meu processo energético, que era para eu não me assustar, iria para um lugar ruim para limpar minha aura. Eu perguntei porque logo um lugar desses, ainda mais para limpar a aura? Ele me respondeu mais ou menos assim: A natureza é sábia amigo. O que muitos chamam de umbral, não é mais nada do que um local onde pode-se limpar mais rapidamente as energias negativas empreguinadas nas suas energias conscienciais. Após isso andei em um dos piores locais onde já me lembro ter ido. Era além de escuro, assustador. Um medo, uma angústia fora do comum. Eu que pensava que trabalhar com assuntos espirituais iria me levar para dimensões lindas, com companhias maravilhosas de ilustres entidades, que nada! Lá estava eu, num lugar que fedia muito, com uma carga fortíssima de energia negativa em cima de mim. E o pior, eu tava consciente. Sabia que estava fora do corpo. Pensei no corpo, e voltei. Mas, mal abri os olhos, já senti a catalepsia me dominando novamente. Eu tentei com todas as forças, em vão, acordar, e em segundos já estava de volta àquele lugar horroroso. Rezei, me ajoelhei e nada. Até que abri os olhos no corpo, e não perdi tempo, dei um pulo da cama, e comecei a me sacudir para despertar. Fui um pouco para o computador para relaxar. Coloquei um jogo de formula um. E deu novamente sono. Deitei-me de bruços para não voltar com consciência, quer dizer, se eu voltasse aquele local, que pelo menos eu estivesse inconsciente. Mas para a minha decepção, novamente entrei em catalepsia, de bruços e tudo. Nossa, pior ainda, voltei para o mesmo local. E comecei a me perguntar, pó será que sou um cara ruim e não sabia? Passou um tempo, não sei quanto, e apareci no mesmo lugar do começo, na frente do meu quarto, com aquela mesma entidade me olhando, ele me disse novamente mais ou menos assim: ¨Saulo, suas energias foram aliviadas. Com o passar dos últimos meses, você tinha formulados muitas energias que estavam atrapalhando seu desempenho mental, energético e físico, nós aceleramos o processo de libertação dessas energias. Você vai começar a se sentir melhor, e mais leve. As idéias vão se formular melhor em sua mente. Acordei sem nenhuma lembrança de nada, eram umas 5 da matina, estava amanhecendo. Mas aquela impressão de que tinha que me lembrar de algo estava muito forte. Então fechei os olhos, e após alguns minutos, as cenas começaram a vir, e a visão de tudo, até mesmo daquele lugar feio. Realmente estou me sentindo melhor, e entendendo uma coisa: A natureza realmente é muito sábia. Nós pensamos que ficar no umbral é ruim, pode até ser, mas é como uma libertação mais rápida das energias que nós mesmos criamos, das energias negativas. Aquele local é uma ajuda, infelizmente precisa ser assim, pois se libertar sozinho talvez fosse impossível. Agora entendo. Que perfeição! Tudo, cada detalhe é criado para nos ajudar, mesmo que por vezes interpretemos de maneira dura ou violenta. Bem pessoal, tentei ir ao encontro no Pão de Açúcar, porém não foi bem lá que fui, e de Pão de açúcar não tinha nada onde estive, posso chamar de pão bem amargo, mas era o que eu precisava. Risos… Abraços a todos, e até o próximo encontro, seja em qual pão for, que seja o melhor para cada um de nós…

  3. Projeção na casa de minha mãe

    Posted by
    /

    02/07/2002

    Deitei-me às 2:00 da madrugada com o propósito da saída astral.

    Fiz os exercícios energéticos e uma prática de relaxamento.

    Após algum tempo, acordei em EV(Estado Vibracional), e saí do corpo rolando para o lado, tendo a sensação de ter caído ao lado da cama. Ainda sentindo as reações pesadas da faixa de atividade do cordão de prata(aura), fui me afastando do fardo físico, e minha lucidez e domínio da situação aumentando comigo.

    Me vi desperto, totalmente lúcido, com uma auto consciência plena da projeção. E reparando que estava em dimensão troposférica, resolvi dar uma pesquisada nas redondezas, coisa que adoro fazer, é muito interessante entrar em contato com todo tipo de entidade.

    Numa ação instintiva, desci pelas escadas de minha casa, e fui até a entrada da casa de Minha mãe, com intenção de sair pelo portão da casa. Só que antes de sair, olhei para trás, e reparei que tinha alguma coisa se escondendo de mim. Um espírito com formas masculinas com aparência de uns 20 anos. E gritei com humor de longe: Não adianta se esconder que já te vi. Então ele responde de lá: Nem venha para cá, siga seu caminho. Toda vez que vem para cá atrapalha tudo. Eu disse: – atrapalhar? Meu amigo, vocês não mudam mesmo né? Sempre nessa vida de ilusão, vamos sair disso meu irmão, ta na hora de crescer. Falei isso indo na sua direção. Então a entidade desesperada, começou a correr gritando: Corre pessoal, aí vem o safado! Risos.. Safado? Essa é boa.. Interessante, é que pelo jeito que ele se expressa, é como se ele já me conhecesse, e parece que eu vou lá sempre. Atravessei a porta da casa de minha mãe com facilidade, e fui em direção à cozinha. Tinham mais duas entidades além daquela outra. E foi uma gritaria danada. Palavrões de todo tipo, e dizendo mais ou menos assim: Saí daqui metido! Saí, a gente já parou de lhe incomodar, agora a gente não se mete mais com você. Eu disse: Há, não se mete comigo, mas ta aqui enchendo o saco de minha mãe? Pois irmãos, ta na hora de melhorar isso, quando vão melhorar essa conduta? Sair desse situação medíocre?
    E quanto tentei entrar na cozinha, eles jogaram todo tipo de panela, copo, prato em minha direção, eu dei uma risada, e disse: Vocês são é bobos mesmos.. Acham que vão me acertar com essas suas plasmagens? Aqui a coisa é diferente irmão, sei que isso não pode me atingir. E fui em direção a eles, e todos partiram em debanda, pulando o muro da casa e caindo no quintal do vizinho. Ainda ouvi um falar assim: – A gente vai voltar!

    Voltei e vi minha mãe dormindo tranqüilamente, tentei ver seu corpo astral, mas parece que ela estava fora do corpo, onde?

    Para não esquecer a experiência, pensei no corpo, e em segundos já estava de olhos abertos, sem perder nenhuma imagem do ocorrido. Acordei às 4:10, na mesma posição, sobre as costas, com um lençol fino cobrindo o corpo, que estava totalmente paralizado.

    Pois é.. O mundo espiritual é assim, cheio de entidades vivendo um grande mundo da ilusão. Infelizmente não podemos ajudar a quem ainda não quer se ajudado. Mas falta gente com boa vontade. Falta projetor com maturidade, para enfrentar de maneira natural e com um sentimento bacana essa batalha pela paz.

    Pois é irmão, a candidatura para bom projetor está lançada.

    Quer se eleger?

    Muita paz irmão

  4. Projeções Conjuntas

    Posted by
    /

    Olá queridos amigos!

    Saudações energéticas a todos nós!

    Vou relatar algumas experiências que tive que considero muito importante para mim e acho que para vocês, pois cada vez mais, pela pura lógica outras pessoas estão aprendendo a conhecer com a projeção a realidade incontestável da espiritualidade, e nessa jornada vamos nos auto-conhecendo.

    Viajei para um interior aqui da Bahia à convite de um centro espiritualista, para fazer uma palestra sobre projeção astral. Como sempre, me preparo com antecedência, ficando meio ¨zen¨, hehe, chamo assim, porque nessa preparação, eu passo alguns dias antes da palestra sem comer carne, meditando bastante, e trabalhando um pouco mais que o normal as energias, isso me conecta mais com os amparadores, e comigo mesmo, e claro, facilita e MUITO a projeção. No Final da palestra, um rapaz me pediu para que eu fosse um dia, se ¨pudesse¨ , ajudar ele sair do corpo, pois ele tinha facilidade mas o medo o continha. Eu respondi que não posso afirmar nada, pois não iria depender somente da nossa boa vontade, mas se nos derem liberdade para isso, eu iria sim. Então fui para o hotel descansar. Li um pouco o livro do Tibet, da seria a Jornada da Alma, e deitei-me pensando na projeção.

    Não me lembro como, mas minha consciência despertou em frente a uma casa que nunca tinha visto. Fiquei olhando e perguntei, e aí? Que faço aqui? Senti forte vontade de entrar e fiz de imediato. Atravessei a porta sem dificuldades, e logo estava num quarto com um rapaz deitado. Para minha surpresa era o rapaz que tinha me pedido a ajuda. Segurei a emoção, e olhei para ele. Seu corpo astral estava uns 15c, acima do corpo físico, Dormindo.

    Falei calmamente, para ele despertar. E com certeza com a ajuda dos amparadores que eu não via, apontei as mãos para o corpo dele, e saiu uma energia fortíssima em direção a ele. Ouvi sua voz, dizendo: Aí meu Deus de novo não! Eu pedi calma para ele, e perguntei: Oi amigo, lembra que me pediu ajuda? Aqui estou, vamos sair para dar uma voadinha por aí, procurar umas espiritaszinhas bonitinhas, risos….. Vamos não há problemas, não sei quando teremos outra oportunidade igual a essa. Vi seu corpo astral sair do horizontal para a vertical, numa decolagem chamada Clássica! Peguei ele pelos braços e decolei por entre a casa de telhado. Em segundos estava tão alto que somente via as formas dos terrenos quadrados. Desci um pouco, próximo a um lago pousamos. Pedi para ele olhar para mim e disse: amigo, Olha que maravilha! Estamos conscientes! A vida é maravilhosa! Que pena quemilhões de pessoas ainda não conhecem essa experiência! E disse: Volte ao corpo, que voltarei ao meu para lembrarmos essa nossa viagem astral, pense nele agora!

    Despertei com aquela sensação de projeção. E tudo foi se formando forte e nítido!

    Nem precisou eu ir até a casa dele, pois bem cedo pela manhã, antes de eu pegar o ônibus, meu amigo que fiquei sabendo o nome depois, Carlos me olhou e perguntou: vc lembra? Eu disse, claro!!!!

    Sorrimos felizes, e com certeza ficou marcada uma grande experiência conjunta! Conversamos até a hora da partida!

    A outra experiência interessante foi no trabalho! Quer dizer, eu sou músico e vivo viajando por aí em estradas no ônibus da banda. Parece que estou sendo usado para ir buscar esse povo, estou achando ótimo, pois volto com uma felicidade muito gostosa! Que dura o dia todo, as vezes semanas. Infelizmente esse meio musical popular atual anda meio apagado para muitas coisas, inclusive para a própria música. Na verdade pode-se dizer que não fazem música, mas dinheiro! Mas vamos lá, esse é outro tópico!… RS

    Despertei sobrevoando em alta velocidade e com muita facilidade por sobre uma orla, e fui levado para o alto, e logo depois para dentro do mar. Nunca havia ido no fundo do mar antes, na hora da entrada senti uma agonia, acho que psicológica, sei lá! E fui descendo rapidamente, e cheguei a uma vila que ficava dentro do mar. Fui recebido por duas consciências, que me saudarão, e saí novamente do mar, tudo isso sem que eu controlasse nada. Após estar voando a algum tempo, vi o ônibus da banda la do alto, e fui descendo. Achei estranho, pois eu via a pista, mas a região era diferente, será que aquela pista existe em outra dimensão mas em outra região? Entrei no ônibus, e um amigo meu um percussionista, me disse que nunca tinha voado, e me pediu para ir comigo, peguei ele pelo braço e subi, ele reclamou da altura, meio rindo meio agoniado.Então desci e deixei ele no ônibus.

    Acordei no ônibus, e fui procurar ele. Perguntei se ele tinha sonhado que estava voando, ele me olhou assustado, e respondeu. Vc ouviu eu falar com João? Eu respondi: Não, eu estava projetado, e levei vc para voar hoje, vc inclusive reclamou da altura. O rapaz chamado António ficou pálido, e me disse que mal sonha, e que a última vez que tinha sonhado que voava era quando era criança! António esta interessadíssimo em projeção astral!

    Bem pessoal, esses dois relatos foram importantes, pois confirmou aquilo que eu mesmo vivencio fora do corpo!

    Abraços a todos, boas projeções, e coragem na vivencia extrafísica!

20 posts mais lidos

Comentários recentes...

  • Naiane: Mesmo assim vou manter o que eu disse… hahaha abraço
  • Naiane: Devagazim, mas cheguei até o final… rsrsrs. Conteúdo de primeira! Arrasou, Saulo! Quem nunca ouviu...
  • Eduardo: OK Naiane, obrigado. Abraço. Eduardo.
  • Flavia: oi Naiane, quem se expressou mal acho q fui então :(, é que aqui no sul, onde moro, quando alguém fala algo...
  • Naiane: Oi Eduardo, Infelizmente não lembro, Lembro do rosto, aparentava ter uns 38-39, mas as mãos revelavam ser...
  • Naiane: Oi Flávia, Na época eu era um bebezim na espiritualidade, me impressionei mesmo na ocasião, mas logo depois...
  • Eduardo: Olá Naiane, Saberia informar o nome da palestrante? Abraço, Eduardo.
  • Flavia: que doido isso Naiane.. sempre leio teus comentário, apesar de não alcançar muita coisa q vc fala rsrs, o que...
  • Naiane: Deixa eu contar uma história curiosa relacionado a esses casos aih dos chakras… Uns 4 anos atrás,...
  • Steve Morais: Já garanti e fiz o meu download da palestra completa. Porque tem muita galera aqui que assiste também ,...

O IVA , o IPPB e a Voadores
são gentilmente hospedados pela
BHI desde 2003.