• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Leaderboard


Popular Content

Showing content with the highest reputation on 11/09/2018 in all areas

  1. 2 points
    Olá Viajantes, Acabei tendo a projeção semi-lúcida que alguns já relataram. Sei que perdi muita coisa na rememoração mas tenho certeza de que foi uma saída patrocinada e de preparação. Não sou de botar muita fé em mensagens apocalípticas mas não tem como descrever de outra forma. Fui simplesmente dormir sem fazer praticamente nenhuma técnica a não ser uma leve OLVE. Dormi logo mas sinto que a projeção ocorreu no final da madrugada. Sem saber como fui parar lá, me vi andando pelas ruas de um bairro badalado e com muita gente nas ruas. Vi varias pessoas caminhando com pressa e eu cruzada o caminho delas pois queria sair dali. Num momento uma mulher bem atraente veio em minha direção e eu percebi que aquilo não era normal - ganhei alguma lucidez e imaginei saindo daquilo que parecia mais um dos testes que me colocam as vezes. Apareci num campo calmo e bem cuidado. Fiquei olhando o céu estrelado e imaginei estar ouvindo música. Comecei a caminhar e vi que tinha 2 caras prestando atenção em mim e mais uma terceira pessoa por perto. Para minha mente de carne parecia ser uma moça baixinha usando agasalho olímpico e com uns dispositivos ligados aos ouvidos e na cintura. Fiz que não vi para respeitar a pessoa mas ela veio até mim e perguntou porque não falei com ela se era eu que tinha chamado. A partir daí fica uma linha do tempo estranha e difícil de rememorar. Ele falou que ia me mostrar o que estava acontecendo com a minha cidade. Fui levado para a entrada de um shopping que fica no meio de muitos prédios e quando olhei para o céu era como se estivéssemos no fundo do mar. A nossa atmosfera parecia um liquido/gel e lá em cima dava ver a superfície desse "oceano". Senti a densidade e pressão forte daqui de baixo. Ela me mostrou como se fosse uma corrente de energia/gel escura formando uma especia de onda gigante que atingia a maior parte da cidade e removia todas as estruturas plasmadas há muito tempo. Passei a achar que não se tratava do físico mas sim do Astral. Minha cidade ficou em ruínas no Astral e muita gente desabrigada. Uma corrente de energia/gel escura ficou dominando o ambiente tornando tudo muito tenebroso. A moça baixinha me pegou e puxou para cima em grande velocidade. A subida foi muito forte e pensei que minha cabeça ia explodir pela pressão. Na verdade, estou com essa pressão até agora, acordado no fisico. Ela me deixou numa especie de ilha flutuando sobre esse oceano escuro e denso. Fui tratado e vi que tinha mais pessoas por ali. Tinha construções modernas e uns banquinhos de praça. Muita natureza e organização. Um senhor veio e me mostrou numa espécie de iPad (maior dos que existem aqui) imagens da minha cidade destruída e muita comoção pelas pessoas desabrigadas. Numa total falha de lucidez tive uma sensação de "bem feito!" e comentei que achava estranho uma onda sendo que minha cidade ficava a 900m de altitude. Ele disse que as consciências não tinham culpa pois foi algo que veio de fora e que não era água mas sim um grande fluxo de energia escura inundando o local. Disse que a cidade é extremamente densa e egoísta. Mostrou em mapas que a soma energética daqui é tão densa que afeta até a pressão atmosférica no físico, atraindo a concentração de núvens pesadas, muita chuva e vendavais. Comentei que estava difícil de manter a mente leve no físico e ele disse que isso está acontecendo com muita gente. Disse que muitos sensitivos estão sendo afetados e que veria menos textos, videos e áudios pois o pessoal está tentando não ser afetado pela energia escura. Não estava fácil me manter ali. Sentia enjoo, uma pressão na cabeça muito forte mas ele continuou a me mostrar regiões inteiras da cidade virando terra virada. Por serem feitas de plasmarem, as construções não deixavam escombros e apenas uma nuvem escura pairava sobre tudo. Da ilha onde estávamos dava para ver o plano abaixo com se fosse dentro d'agua e as correntes escuras passavam de um lado para o outro. Senti que ia perder a sintonia mas ainda ouvi/vi/li algo sobre junho do ano que vem e que não era para minha família se preocupar pois eles iriam nos proteger. Nem sei se agradeci e acordei com dor de cabeça, zumbido alto e a tal pressão nas têmporas. Vamos insistir e projetar luz e paz a todos! /\
  2. 1 point
    Esta noite, eu me vi projetada em uma casa diferente e encontrando pessoas q no meu dia a dia são pessoas totalmente diferentes do q vi e vejo nas projeções astrais. Diferentes no comportamento, por exemplo, pessoas agressivas q vejo como pessoas muito amigas e companheiras... pessoas q não vejo há muito tempo e q nem lembrava q existia e q tbm qdo eu via eu nem falava oi por ser uma pessoa extremamente materialista, arrogante e narcisista e q na projeção era uma pessoa maravilhosa, com uma energia ímpar... existe pessoas q, declaradamente, não me suportam e não me tratam bem e q em projeção eram pessoas muito queridas e q nos abraçavam com uma troca de energias revigorantes... O q acontece nestas situações? Desde já, gratidão!!!
  3. 1 point
    Penso em duas variáveis que podem explicar a sua percepção: i) na verdade são outras pessoas e você, por lucidez insuficiente durante a projeção ou por dificuldades na rememoração, associa a pessoas que você conhece no físico, e ii) essas experiências talvez estejam mais para sonhos (semi-)lúcidos do que para projeções. Se você tiver lucidez suficiente, pode perguntar para elas sobre essa diferença. Por que não? Pela minha experiência, os tabus e reservas sociais são muito menores no astral. Em geral me sinto à vontade de perguntar, projetado, coisas que me sentiria inibido de perguntar no físico. Acho difícil que alguém como esse seu vizinho ("usuário de droga e muito violento, quebra as coisas na casa dele, ameaça a mãe, gosta de fazer escândalos e intimidar as pessoas com seu olhar") seja um anjinho fora do corpo, daí eu considerar mais razoável supor uma distorção da sua parte.
  4. 1 point
    Não é o corção é o chackra cardíaco. É que qundo um chacrka está sendo ativado, ele pulsa rápido. Quando estamos quase chegando no EV, o chackra mais ativo na hora pode começar a pulsar, e essa aceleração é que se alastra e gera o EV. Quando é o chacrka cardíaco que pulsa, a pessoa pensa que é o coração, porque dá o acaso que esse chacrka está ligado a um órgão que pulsa. Se voce seu chacrka umbilical pulsando você perceberia que era o chackra, e não o intestino. Se tiver dúvida, compre um relógio monitor cardíaco, e o ligue ans das tentativas de projeção, deixando o alarme ativado para caso passe de 90, que é um valor normal de vigília, caminhando. Uma pessoa deitada, já cochilando (que é o estado que permite a projeção, vai ficar ali pelos 50-55)
  5. 1 point
    muito interessantes ás suas projeções @rafaale2018, tenho uma amiga que tem projeções com este seu contexto também, e que na projeção ela alega ser uma outra vida, outros parentes. No livro de Roberto Monroe - viagens fora do corpo, ele fale de se projetar em uma área que o mundo é diferente, que não existe eletricidade e outras particularidades e que assume a vida de uma pessoa toda vez que vai lá, no caso sempre a mesma pessoa. Poderia detalhar mais como seriam suas projeções, e as caracteristicas dessas pessoas aqui na dimensão física e na outra dimensão em que você tem ido?abs
  6. 1 point
    Hi Y'all !I just wanna say Hi, I'm new here, Saulo good luck with your new project!
  7. 1 point
    SIGNIFICADO DA VIDA J. R. S. “Um dos maiores presentes que lhes foi dado pela criação é que a vida não possui significado. Nenhuma situação ou circunstância é baseada em algum significado. É neutra separada de qualquer significado. Mas, o significado que você dá, consciente ou inconscientemente, é exatamente o que determina o efeito perceptivo que você terá dessa circunstância, pela sua energia, vibração, atitudes, crenças e definições que você atribui a essas circunstâncias.” (Bashar). Para a nossa cultura, isso parece ser realmente um absurdo. Mas, é exatamente assim que a vida é. A nossa cultura está muito distante de compreender o significado e o sentido da vida. O maior crime cometido contra a humanidade, pelos que a controlam, é fazer você acreditar que a vida tem sentido através da economia, do mercado, da religião, da educação, da cultura e assim vai. A sua prisão à jaula “matrix” se concretiza exatamente dessa forma, acreditar que a vida tem sentido antes de você criar. Quando acredita e assume isso, então essa passa a ser a sua jaula. Neste caso, não precisaria nem ter nascido, pois você não tem nada para fazer e criar, a não ser obedecer e ser gado de manada. Tudo por que na origem, desde o seu nascimento, a sua vida não tem sentido; e o sentido e significado até agora dado não foi você que criou. Mas, o que quer dizer criar significado e sentido para a vida? Quer dizer que a sua vida não possui sentido e significado. É você que precisa criar. O sentido e significado da sua vida não é casa, carro e apartamento. Quando tomar consciência desse equívoco, sentirá desejo de zerar todos estes significados e sentidos que os outros deram, mas que não é você. Sentirá desejo de criar a sua vida a partir do ponto zero, simplesmente a partir de você mesmo como original e singular. Ora, você nasceu para trabalhar, ganhar dinheiro e consumir? Não! Você nasceu para obedecer a Deus e aos dez mandamentos? Não! Você precisa de uma religião para dar significado à sua vida? Não! Então, isso quer dizer que tudo que possui sentido e significado em sua vida foi dado pelos outros. E isso o torna prisioneiro. Mas, para Bashar, o maior presente que foi dado pela criação é que a vida não possui sentido e significado. Isso é assim para que você possa dar e criar sentido e significado para tudo. É assim que você cria a si mesmo, através da criação de sentidos e significados em todas as experiências que faz. É assim que você expande a consciência e o amor incondicional. Por exemplo, não existe nenhum Deus. O seu Deus é você quem cria. Não existe céu, inferno, amor e ódio pré-fabricados. É você quem cria tudo isso. Até o demônio é você quem cria. Tudo está à sua disposição para criar sentido e significado do jeito que quiser. Agora imagina a louca aventura que é a vida, através da criação destes sentidos e significados nas experiências que faz? Esse é o sentido da transição pessoal, humana e planetária para uma nova humanidade. Tudo começa e termina com você. Certamente deseja agora dizer: Ó Deus, isso é demais para mim. É muita novidade. Por que é que ninguém me contou isso antes? Então é preciso compreender que tudo chega na hora certa. Por isso, pode agora começar a criar a sua própria vida. Agora pode começar a criar uma nova humanidade em você, em todos os aspectos, inclusive no sentido político, econômico e social. Não sobra pedra sobre pedra. Isso é maravilhoso demais. Vai, cara!
  8. 1 point
    Em vários sonhos meus eu sempre me vejo na casa que eu vivia na infancia também, mesmo ja tendo passado muitos anos.