• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Leaderboard


Popular Content

Showing content with the highest reputation on 09/18/2020 in all areas

  1. 1 point
    Eu acho na verdade que existe um erro de compreensao nosso ( dos encarnados, incluisive dos instrutores espiritiuias citados) em relacao a esse fenômeno . É só achismo barato mesmo, mas tenho pensado nisso há mais de 20 anos, devido a essas falhas todas nas profecias. Acho o seguinte: a insistência dessas liderancas espirituais nesse "juizo/apocalipse" esta presente em diversas culturas, no decorrer de toda a historia. E " nunca aconteceu" Porém, " sempre acontece" com grupos que sejam muito focados nisso. Em geral essa turma que se reúne para "esperar o fim" costuma encontrar o proprio fim. Pensando rapidamente me vem à mente os seguidores de Antonio Conselheiro aqui no Brasil, os Davidianos de Wacco nos EUA, os seguidores de Jim Jones na Guiana ( Jonestown), tambem talvez se inclua nessa lista os Cátaros e os Judeus cercados pelos romanos em Massada. Teria que pesquisar direitinho. Mas a impressao que me dá é que nao há UM "apocalipse" , que essa é apenas uma idéia de caráter universal para expressar continuos processos de limpeza/ separacao que estao sempre acontecendo na historia, ate bem dentro daquela parábola do joio e do trigo. Deixa-se varias mentalidades crescerem juntas, se avolumarem até um "ponto crítico", que torna possivel pegar grupoa grandes e separar de outros, e assim redirecionar o processo educativo daquelas pessaos de forma mais otimizada. Exemplo: se uma pessoa tem umas ideias estranhas , pode acabar no hospicio, para não gerar problemas ás demais. Mas quando essas idéias se dissemimam, e junto com elas os comporramentos associados, ja vira uma comunidade pensenica com números repetaveis, caracterizam uma " cultura". E ai pode haver uma separacao dessa comunidade, a principal, e ela pode ser deslocada para experimentar suas crencas de modo que possam sofrer s consequencias positicas ou negativas delas, aprendendo algo no processo. Coisa que internados no hospicio nao seria possivel. Entao eu SUPONHO que estamos smepre passando por micro-apocalipses, micro-juizos, que a todo momento separam grupos de espiritos afins, e os reunem sob outras condicoes, seja para nao descirtuar o grupo principal, seja para qye o grupo principal nao tolha o aprendizado desse outro grupo. Mais ou menos como a gente faria num terreno. Plantamos o que desejamos e temos que continuamente ficar removendo " ervas daninhas", que estao sempre nascendo. Mas se comecar a nascer algo interessante ali, em quantidade suficiente, podemos separar aquelas mudas e replantar em outra área só delas. Entao os "avisos de juizo" teriam sua validade para que as pessoas fiquem ligadas nesses processos de separacao. Mas acho que sempre entendemos essas mensagens, que foram dadas a pequenos grupos no passado como sendo eventos planetarios que afetam a totalidade da humanidade numa mesma data. Essas migracoes para outras orbes mesmo estao acontecendo, pelo que se diz, desde os anos 60 e ainda devem chegar aos anos 70 desde seculo, segundo o Roger Paranhos. Ou seja, vamos morrendo de varias causas, cada um a seu tempo, e alguns nao voltarao a encarnaer aqui. Mas é um processso gradual, que segue o ritmo natural. Ao mesmo tempo voce nota o nascimento de criança diferentes ja faz uns 20 anos. Parece que tem chegado gente nova por aqui no planeta, ainda lutando por se ajustar, e que deve estar vindo de outros processos de separacao similares aos nossos. Mas claro que sempre pode haver alguma grande mudança. Supostamente foi o afundamento da atlantida que teria originado o mito do diluvio. Mas a atlantida era só um continente. Havia gente nos outros, e essas arras integraram os forasterios da atlantida nas suas culturas. Entao esse é mais um exemplo de como um evento local entrou para os mitos religiosos como algo universal que afetaria toda a humamidade. Convém lembrar que o pessoal antigo, na grécia por exemplo, achava que o " mundo todo" era a grécia. Não fosse o Alexandre sair a viajar por aí nao teriam achado o que tinha ao redor, ehehe. E mesmo que um evento apocaliptico tivesse acontecido no passado, a populacao da terra era estimada em 1milhao no ano 10.000 a.C. "Dava para fazer" um evento grande e fazer uma padronizacao dos que sobreviveriam para a nova fase. Hoje em dia um mega evento planetario provavelmente criariadificuldades para administrar ( estou pensando no impacto astral de desencarnes em massa, necessitando de socorro). Acho que " não dá", e o mais lógico seriam utilizar-se dso processos naturais para fazer as separaceos necessarias sem gerar caos de ambos os lados dimensionais. Mas claro, é só achismo barato meu.
  2. 1 point
    Kkk, eu quis dizer que se esta submetido as necessidades do corpo, está SUBORDINADO às leis mecâncias. Então eu pelo menos não considero Mestre quem está subordinado a elas. Porque se fala que Jesus caminhava sobre as aguas, teansformava agua em vinho, ressicitava mortos? A idéia é qeu um mestre está ACIMA das leis mecânicas. É o mínimo que se espera de um " aluno formado" não? Que já tenha dominado as lições daquela escola. Como esta escola é a da matéria, eu acho que no mínimo o domínio do corpo material precisa ter. Entao tem umas coisinhas nisso. Dntro da gnose conta-se qeu o Samaek mudava a forma do rosto quando queria, na frente das pessoas ali. Também do gurjieff se conta que ele sofreu um acidente de carro muito grave ( eel soube antes e avisou para a pessoa que viajava com ele que ela fosse de trem, pois ele seguiria sozinho no carro. E aí teve o acidente). Morreu só anos depois e o médico que fez a autopaia disse qeu nao sabia como ele estava vivo com um corpo tao dewtruido por dentro. Oa orgaso estavam todos meio decompostos. Também do Saint Germain conta-se qeu nao envelhecia, os diarios de uma mulher que o conheceu quando ela era jovem, e o reencontrou quando ela ja era idosa, também relatam.que ele ainda aparentava a mesma idade, sem mudar nada. Conta neste livro: Entao meio que esperar no minimo isso de um pretenso Mestre, o controle sobre o corpo fisico, não é exigir demais. É o " ponto de corte", ehehe
  3. 1 point
    Bem, aí complica. Primeiro você tem que saber que historicamente as ordens ocultistas são uma tradição totalmente diferente da tradição espiritualista. Ocultismo serve para treinar a pessao a se tornar capacitada a fazer as coisas (na área espiritual). Foca em treInar as pessoas para serem ATIVAS, dominar os processos. A tradição espiritualista faz o OPOSTO DISSO, treina a pessoa para tornar-se PASSIVA, até o Waldo usava essa expressão "dar passividade", ou seja, entregar-se para deixar a entidade controlar seus veículos.(no caso da Tenepes). São caminhos diametralmente opostos. Por isso em tese você nunca deveria ver ocultistas com esse "mimimi" do pessoal do espiritualismo sobre "sentir as más energias,", "clima pesado", "energias pesadas". Essa "sensibilidade" toda é fruto do treino em "passividade", esses treinos para "sentir". Até o DeRose que é da Yoga, sabe disso: https://www.viagemastral.com/forum/index.php?/topic/18261-absorção-de-energias/&do=findComment&comment=82073 Historicamente o ocultismo é uma tradição que vem das escolas iniciáticas, já o mediunismo vem dos grupos de "bruxaria". Então o espiritualismo é sempre muito mal visto por qualquer ordem esotérica, mas há muitos fatores complexos por tras disso. Um deles é o que citei, o treino para se tornar passivo quando a meta no ocultismo é o oposto. Outro motivo é que o médium é uma porta aberta através do qual entidades podem atacar as ordens. Então em geral quem é médium ou não pode virar ocultista, ou fica de molho, sob observação, a´te se ter certeza que não será um "agente de infiltração" de forças negativas no grupo. Até a Dion comenta isso, em um dos seus livros, não lembro agora qual: que os dons dos médiuns em geral foram obtidos em grupos de bruxaria da idade média, então até que se tenha certeza que a pessoa está fora dessas conexões, ela fica "sob observação". Mas ela própria mais tarde na vida treinou para desenvolver essa capacidade porque também uma ordem inciatica precisa ter quem traga os ensinos dos mestres para o grupo. Então por aí você já nota que tem nuances, poréns, tipos e tipos de médiuns.... E o Samael é bem especifico sobre isso, pgs 13 a 16 do livro As tres montanhas: tresmontanhas.pdf Mas eu acho que ele chegou a sua conclusão baseado em poucos casos, e esse tip ode problema que ele relata todo médium espírita sabe que existe. Supor que todos o espiritualismo está iludido nisso me parece ingenuidade. Mas se você queria saber o que a gnose pensa disso, está aí nas pgs citadas. Para a gnose ninguém que não tenha trabalhado com magia sexual sem orgasmo terá a kundalini desperta, Não há exceções sobre isso, PARA A GNOSE. Mas se você ler um livro sobre Kundalini, véra que a tradição yogue considera que há vários métodos para atingir esse despertar, e que o tantra yoga é apenas um deles, não o único.O método mais famoso é o do pranayama. Mas o Samael diz que esses métodos despertam "apenas faíscas" do kundalini. A abordagem da gnose difere um bom tanto das demais sobre isso, o que cria uma barreira intransponível para tentar intercambiar sistemas. Quando se trata de um Mestre real, é porque eles tem acesso ao Ser superior deles né? É como conversar com Deus, porque o Ser interno é o Deus individual de cada pessoa, é uma emanaçaõ divina. Mas sempre tem que ter cuidado com esse negócio de achar que alguém é Mestre, e que portanto sabe tudo. Eu vi muito fanatismo na gnose, e soube de outros grupos gnósticos, que apos a morte do Samael viviam sempre atras do "Novo mestre". São como moscas atraídas para a luz. E aí quando a luz é falsa, e tem um camaleão ali, viram comida de vampiro, ehehe. Acho que tem que riscar do dicionário esse conceito de Mestre encarnado. Sigo a regra "se come, se vai no banheiro, não é Mestre, é ó aluno mais adiantado". "É grande mas não é dois" , ehhe Sobre data limite na gnose não tem nada disso. Como muitos outros grupos a gnose tinha lá suas profecias apocalipticas, que furaram quando passou do ano 2000. Eu já não acredito em mais ninguém nessa área de profecias. A primeira que vi furar foi do Lobsang Rampa, que dizia que a terceira guerra mundial começaria em 1985. Depois teve profecias de cometa , tipo Hercolobus,/Nibiru, para 1986, 1994, 1999, 2012, 2024, 2036. Essas tolices existem desde o tempo que Jesus ainda estava encarnado, tanto que tem gente que interpreta o apocalipse como descrevendo a tomada de Jerusalém pelos Romanos, no ano 70 d.C., porque Jesus disse literalmente que " esta geração não passará antes que essas coisas aconteçam". Então quando ele falava em termos apocalipticos deixava claro que era ali antes de terminar o século I. Mas depois tentaram ajeitar a interpretacao. E o livro do apocalipse foi escrito depois da tomada de jerusalem, talvez proximo ao ano 90 d.C. só que ele é um " relato de projecao astral com desastres". Sonhose projecoes com desastres ainda sao comuns hoje em dia e as pessoa ainda acham que é sinal de algo que vai acontecer, ignorando todos os fracassos anteriores. E na história da humanidade sempe tentaram encaixar essa profecisas nos desastres das suas épocas. O cometa Halley passou em 1910 e depois em 1984 ou 86. Entoa no início de 1900 também acharam que "agora vai", ehehe. Mas pelo menso em 1910 deu para ver o bicho, em 1986 nem isso deu.
  4. 1 point
    Do livro do Roger Paranhos Sob o signo de Aquário: Sobre o tal dispositivo igual ao do Heleno: