Jump to content
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Leaderboard

Popular Content

Showing content with the highest reputation since 11/28/2022 in all areas

  1. É , pergunta braba mesmo. Eu nao achei uma resposta concreta. Já tentei baixar mas aí... o ambienfe iluminado que eu via virou trevoso. Ainda era o mesmo cenário, mas agora sinistrao. Nao era essa baixada que eu que ia , era ir para proximo do fisico, não proximo de zonas perigosas, eheeh E essa baixada gera um medo instintivo, como se voce estivesse na sala com um tigre adormecido que já esta acordando. Creio que seja uma reacao institntiva à redução da frequencia. Nenhuma dasinhas tentativas me levou ao fisico.
    3 points
  2. Eu creio que só vale a pena defender-se agressivamente quando se trata de obsessor oportunista, que nao tem mada contra você mas aproveita uma chance. Se notar que tem que pagar um preço eles vao procurar vitimas mais fáceis. Mas um obsessor que já tem uma historia de vida com você, de outras vidas , você não consegue resolver com meras defesas ou contra ataques, porque o laço é mais profundo. Nesses casos é melhor tentar descobrir a origem do problema ( que pode ser você, não o obsessor) e pedir auxílio de grupos de desobsessao que podem remover TEMPORARIAMENTE o obsessor de perto de voce, leva-lo para algum tratamento, e voce tem umas férias para tentar se recompor e sair da sintonia dele por " reforma intima". Mas o obsessor pode voltar daqui a meses ou mesmo anos. Embora se for encaminhado para o reencarne as suas férias serao maiores. Mas esses casos em que o cara é seu obsessor por uma razao muito pessoal, para resolver mesmo, só as pessoas se entendendo.
    2 points
  3. Pois é, acho até que pode ser algo tão simples quanto "elevar os pensamentos em direção e algo superior e abstrato". Afinal estamos falando do corpo astral/emocional. Faz sentido que seja por aí. O problema prático que surge é: - é difícil fazer isso quando se está testando investigando friamente técnicas, vendo o que funciona ou não - não ser ser uma boa idéia rebaixar pensamentos e emoções para baixar a frequência, porque isso pode criar vulnerabilidade a ataques. A gente quer descer para investigar, não para trocar socos com as entidades das zonas pesadas
    2 points
  4. Pois é, eu postei porque foi legal ver alguém devidamente informado sobre os processos de reencarne opinando sobre isso usando o que sabe. Acho muito estranho quando vejo gente que conhece esses mecanismos insistir em repetir dogmas de religiões, que são meras regras coletivas genéricas para um bem viver. Leis genéricas são para guiar quem não conseque compreender esses processos, fazia sentido na época em que essas religiões foram criadas, mas não faz mais sentido quando já se tem mais gente capaz de investigar e detalhnado os processos. Chega a ser contraditório como alguns espiritualistas acreditam que "tudo está planejado".... mas isso não inclui a livre decisão da mãe num caso desses, eheheh. Quer dizer... está tudo planejado, mas ninguém avisou para aquele espírito que ele está ingressando num projeto com alto risco de interrupção? E os técnicos do astral que conectam e desconectam cordões de prata são "os últimos a saber" que aquela mãe não vai querer a criança, por N motivos? Planejam tudo sem consultar quem tem, de fato, o poder de abortar a operação??? Sério mesmo?? Nessa hora todos os espírito, mentores, anjos, deus, todo mundo emburrece e é pego de surpresa pela decisão da mãe em abortar? E não tem ali também um karma do espírito em ser abortado? Um karma que só permite a ele situações de risco e não pais que o esperam com o devido planejamento? Ops... Se alguém de cabeça quente toma a decisão de matar outrem em vingança, não exerceu o livre-arbítrio e cometeu um ato condenável, gerando um karma? Ou estava tudo calculado e aquela vítima na verdade escolheu/precisava passar por isso? Mas um estuprador que comete esse ato condenável e engravida uma mulher terá que ter os frutos do seu crime protegidos pela "lei divina", e a criminosa passa a ser a mãe que quer desfazer o m al que o estuprador fez? A "lei divina" que protege a vida e está expressa no mandamento "não matarás" é a mesma lei que mandava matar mulheres adúlteras e gays, além de VÁRIOS outros casos citados na bíblia? Essas questões todas são muito complexas, e cada caso individual tem sua história, sua parte "toda calculada" e sua parte "imprevista", então nenhum caso desses pode ser analisado por regras gerais. Até porque em todos os casos da vida há um fator frequentemente ignorado pelas regras "a confirmação interior", uqe muitas vezes pode a´te fazer, como citado no vídeo, alguém que foi estuprada decidir sim, por amor, não por culpa, ter o filho. Qual a lógica disso? Zero. São questões internas, de cunho espiritual, de mensagens interiores que ficam fora do radar da razão, da lógica. Assim como a sensação de culpa de quem teve aborto espontâneo. É por isso que da minha parte sou favorável à descriminalização do aborto, de modo que as famílias tenham acesso a isso pelo SUS. Assim, dentro de cada grupo de crenças as pessoas serão orientadas em função daquilo que acreditam, do seus valores, do que sentem ser melhor para si em cada contexto. Por exemplo, em algumas "bolhas de crenças" os enxertos, transfusão de sangue, vacinas, transplante de órgãos, reprodução forçada de animais, são vistos como "crimes contra a natureza", então a pessoa é instada a evitá-los, pela questão cármica. Agora, isso é crença de um "bolha", as pessoas ali ensinadas segundo certos critérios tem liberdade de achar que é melhor desencarnar com uma doença do que tentar evitá-la violando leis da natureza e terminar ganhando carma para adiar o inevitável. Se os argumentos fazem sentido para a pessoa, creio que cabe à sociedade laica respeitar a vontade da pessoa, por mais maluco que pareça, afinal a sociedade baseada na ciência é materialista, portanto faz uma avaliação diferente na tomada de decisões, que um espiritualista ou religioso faria. https://ibdfam.org.br/noticias/7385 Outra coisa muito diferente é uma bolha de crenças dessas querer tornar sua crença em lei para reger a vida de quem não partilha dessas crenças, ou impedir que a lei para todos mude na direção oposta da sua crença, que é o que os grupos anti-aborto fazem achando que suas crenças refletem "a lei para humanidade", erro comum a toda bolha. O mais sensato, me parece, é descriminalizar para todos os casos, e cada grupo de crenças tentar educar os seus de acordo com o que acha certo, e assim as pessoas seguem seu caminho de acordo com suas crenças e também necessidades.
    2 points
  5. Sobre essa questão dos cristais. Não entendo do assunto, mas o argumento utilizado achei razoável. Essa pessoa argumentou que dependendo da procedência do cristal ele pode trazer mais malefícios do que benefícios. Segundo o argumento dela, boa parte dos cristais são obtidos com trabalho análogo à escravidão, de forma ilegal ou num contexto de criminalidade, exploração e sofrimento, e que por isso, eles podem estar trazendo toda essa carga negativa para quem os utiliza. Será que isso procede?
    1 point
  6. Eu sou bastante cetico em relacao a isso, mas o resultado é que manda. Se eu fosse fazer uso de algo assim, usaria não um esparadrapo, mas um cristal pequeno de turmalina ou obsidiana encaixado no umbigo e ai sim, preso ali com esparadrapo para nao soltar. O esparadrapo é só uma barreira fisica, acho que seu efeito nas energias seria mínimo, caso exista. Já um cristal tem propriedades vibracionais inatas, de acordo com cada cristal. Cristais pretos sao bloqueadores, aterradores. Já uma ametista é transformadora, talvez possa ser usada tambem como forma de transformar energias densas que se aproximem do chacrka em algo mais elevado. Fica a sugestão para quem tiver oportunidade de testar.
    1 point
  7. Oi, eu tô fazendo um experimento com as projeções, eu vou tentar ir na casa da minha amiga, e falar algo da casa dela, pq pessoalmente eu nunca fui lá, mas, eu acho que até eu sair, é pensar em ir lá, eu já vou tar na 2 ou na 3 frequência, esses dias eu sai voando do meu quarto, quando eu sai do corpo, e uma praça aq perto de casa tava totalmente diferente, nem era uma praça, ou seja, eu já tava lá pra 3 ou 4 frequência, porque a 1 é a que agente tá agora, dá 2 pra frente já tem coisa que muda, então se alguém souber trocar de frequência, me ajuda por favor (quando digo frequência, estou me referindo aos planos)
    1 point
  8. Ah sim, quando eles querem nos levam do ceu ao inferno sem dificuldades. Quando voce lê relatos de amparo nas regioes mais pesadas, é porque: - eles nos levam - zelam por nossa seguranca Mas a gente continua sempre sem saber COMO se faz. Acho que é esse nosso estagio evolutivo mesmo. Essa mente primitiva de corpo de primata não ajuda eheh
    1 point
  9. Sobre a dificuldade de postar, leia este tópico: https://www.viagemastral.com/forum/index.php?/topic/21647-apagar-depois-eu-nao-to-conseguindo-criar-topico-com-conteudo-aqui-pra-mim-so-ta-aparecendo-pra-editar-o-titulo-e-e-sou-obrigado-a-anexar-um-arquivo-tem-algo-errado-tentei-no-modo-anonimo-do-navegador-e-mesmo-jeito/&do=findComment&comment=102095
    1 point
  10. Curioso, eu sou um tiozão que gosta de Stranger Things... antes que os protagonistas principais da série nascessem eu já estava por aqui perambulando...hehehe Citei a série porque imaginei que você poderia conhecer. Então não foi influência da série pois os sonhos ocorreram na década de 90. O que acho estranho é a riqueza de detalhes e que agora. Conversando sobre o sonho, que sempre foi o mesmo, por inúmeros anos, lembro que eu caía, ficava tudo escuro, eu dizia algo como (eu morri...), depois me via flutuando sobre o corpo e vendo a cena que já falei.
    1 point
  11. Olha, eu não sou nenhum especialista no assunto, então não posso afirmar nada com convicção mas aí vai a minha opinião: Já que todos vamos morrer um dia e temos medo disso, sonhar com a morte pode ser uma forma de o nosso subconsciente tentar nos acalmar, tipo um tratamento de choque. Eu ainda não assisti Stranger Things mas parece ser legal. À proposito, você assistiu o tal episódio antes de ter este sonho? Se sim, então pode ter sido influencia da série já que o que sonhamos,. na maioria das vezes é fruto do que pensamos ou experiênciamos ao longo do dia.
    1 point
  12. Aí começa a saga do espiritualista lobo solitário, um contra todos kkk, e quando você achar outros 'espiritualistas', as vezes vão querer levar pro lado trevoso da coisa, muito raro achar pessoas iguais a você, principalmente no dia a dia. Sobre mudança de frequência, não tive projeções astrais lúcidas ainda, mas já tive inconsciente em várias, e em uma eu estava sendo assediado por um espírito que se passava pelo meu pai, ele estava me incomodando muito e tive uma "despertar de consciência" quando olhei para o céu e pensei na insignificância daqueles atritos perante tudo que existe, aí passou a sensação ruim e acordei muito bem logo após isso. Não sei se vai ajudar, mas espero que sim :))
    1 point
  13. É que também é dificil de explicar, porque depende do uso da intencao e de " algo a mais". No meu caso, quanto quero elevar penso mais ou menos como se tentasse elevar meu peso apenas inspirando mais ar. Pense que você é um balão, que puxa mais ar para dentro e isso te faz subir. Só que a intencao é subir na frequencia nao na altura, ou voê vai é levitar, ehehe. E para baixar eu penso como se desejasse ficar mais e mais pesado. Se fosse no fisico a gente faz algo interno e expira ar né? O Ar nao tem nada a ver com isso mas oarece ajidar na intencao. Fazendo isso, COM A INTENCAO FOCADA que queremos subir ou baoxar a frequencia, nao o peso, o ambiente astral muda para mais iluminado ( como um dia nublado que vira um dia ensolarado) ou mais escuro ( do tipo " noite em que vem tempestade"). Mas nao muda o cenário. Creio que nao devo estar mudando o suficiente a frequencia para ver outros cenárioa ali. Ou manter observando o cenário enquanto faço isso talvez me mantenha ancorado no mesmo local. É algo para o qual nao achei uma técnica, talvez porque seja algo muito subjetivo, que seja dificil descrever, como virar a esquerda ou a direita de acordo com sua intencao quando esra caminhando Como.explicar isso para que nao caminha?
    1 point
  14. eu sempre penso isso, uma prova é que, sempre que eu falo pra alguém sobre isso eu dou uns exemplos mais bobos, sla, espionar o vizinho essas coisas, e a pessoa fica super interessada, mas quando eu falava que isso é coisa séria e tals, a pessoa nunca mais quer saber sobre, eu faço isso de propósito, pra ver se eu posso falar sobre com a pessoa, de umas 10 pessoas que eu ja tentei fazer esse teste, só uma passou nesse teste
    1 point
  15. Tenho dois tipos de catalepsia, um que me sinto normal e outro que tenho esse medo instintivo, quando saio e muda de faixa para um ambiente mais escuro, tenho a exata mesma sensação
    1 point
  16. ja vi pessoas dizendo que trocam de frequência quando querem, mas eu não sei se é verdade, porque a pessoa n falou como faz nem nada disso
    1 point
  17. Essa é a pergunta de um milhão de dólares. Espero que alguém possa te ajudar. Pessoalmente percebi que só de mudar de cômodo da casa eu mudei de frequência.
    1 point
  18. Sonho pode ser muita coisa, mas interessante esse detalhe de depois ver as pessoas ao redor. Se eu fosse CHUTAR uma diferenciação, arriscaria dizer que se fosse sonho de cunho emocional sua lembrança seria só da queda, do medo, e então acordaria no susto. Porque nesse caso o sonho poderia estar dramatizando esse medo/ansiedade ´por alguma instabilidade na vida, através do sonho de queda. Já se... Esses sonhos aconteceram em períodos que você estava sentindo alguma depressão ou tédio e desinteresse pela vida, podem ter te liberado essas memórias para você lembrar e não repetir o ato. Porque me geral repetimos as mesmas coisas vida após vida, e no caso de suicídios ou assassinatos isso realmente cria um ciclo que dificulta o processo encarnatório, diferente, de sempre casar com a mesma pessoa, vida após vida, ou ter sempre os mesmos amigos e desafetos.
    1 point
  19. Acho que todo mundo já sonhou que estava caindo, comigo aconteceu várias vezes também. Não está necessariamente ligado à vidas passadas mas depende do caso. "Para os místicos, sonhar com queda, se for por um longo período e, se quando terminada, estiver com ferimentos, significa um presságio de que acontecerão coisas ruins. Já para os psicanalistas, sonhar com queda significa angústias. Mostra que você precisa se livrar urgentemente de problemas do dia a dia." https://www.astrocentro.com.br/blog/sonhos/sonhar-com-queda/
    1 point
  20. Pesadelos com provas é pesado...hahaha Quando eu estava fazendo a minha primeira faculdade eu tinha pesadelos recorrentes com a matéria de Cálculo I e Álgebra. Sonhava que perdia o dia da prova, que eu reprovava por faltas... e isso durante anos, mesmo depois de ter saído do curso. Na adolescência eu tinha sonhos recorrentes comigo caindo ou me jogando em um precipício, eu não sei... Depois eu sempre me via acima do corpo e vendo as pessoas cercando o corpo e dizendo: "coitado, foi tão cedo". Só pra constar, morro de medo de altura. Desconfio que sejam memórias de uma vida passada, mas não tenho ideia se foi um acidente, um homicídio ou suicídio... Vai saber, só fazendo uma regressão. Mas também não tenho interesse em saber a causa da morte. Mas foi um pesadelo que me assombrou por anos.
    1 point
  21. Kkkk o seu sonho até que foi de boa, eu já tive vários sonhos com bastante lucidez envolvendo situações perigosas, em um deles eu estava me embalando em um balanço que estava em um lugar bem alto acima de uma escada, dentro de uma casa. Em outro, eu sofri um acidente de carro. Também já sonhei várias vezes que estava fazendo uma prova, geralmente de matemática e eu tirava nota baixa.
    1 point
  22. Como o tópico é sobre resultados com hemi-sync, e para não ficar abrindo outro tópico desnecessariamente, vou relatar o que estou sentindo ao utilizar o hemi-sync. Tenho utilizado o hemi-sync quase que diariamente por pelo menos 2 horas ao dia. Como meu trabalho me dá essa possibilidade, fico escutando o hemi-sync enquanto trabalho. Não tenho me fixado em uma frequência específica mas tenho percebido que algumas delas realmente parecem ajudar a aumentar o foco e a produtividade no trabalho. Outra coisa que tenho percebido nos últimos dias que o meu corpo começa a vibrar em alguns momentos durante o dia, mesmo não estando ouvindo hemi-sync. Demorou mais ou menos uma semana. Depois desse espaço de tempo comecei a sentir essas repercussões de energia no meu corpo. Sobre projeção, ainda não tenho como narrar algum benefício mas posso afirmar que o meu corpo, ao deitar, começa a vibrar com maior facilidade do que antes. Vou continuar ouvindo diariamente, se possível. Se notar algo diferente vou narrar aqui neste tópico.
    1 point
  23. Bom dia, colegas Essa noite tive uma experiência meio doida. Antes da experiência, tive de forma sequencial, de 2 a 3 sonhos, um dentro do outro. Acordava, ou melhor, pensava estar acordado, mas estava em um outro sonho. Em um deles eu tive certeza que eu estava sonhando em razão de um fato impossível que ocorreu e abriu a minha lucidez. Então "acordei" (só que não).... tudo me levava a crer que eu agora estava realmente acordado no mundo físico. Eu estava na casa da minha falecida mãe, ou pelo menos achava estar lá. No quarto eu estava com meu irmão, no mesmo quarto (ou parecido) com o quarto em que nós dois dormíamos antes de cada um de nós termos casado. Conversei um pouco com ele e ambos fomos dormir. Então comecei a fazer as técnicas e senti o meu corpo vibrar... tentei sair, mas não consegui... Então tentei novamente e novamente e na terceira vez saí do corpo (ou pelo menos sonhei que saí). Meu irmão estava sentado olhando pra mim, como se soubesse o que estava acontecendo. Coloquei a mão na cabeça dele e ele pareceu sentir o meu toque... então decidir ver minha mãe, mas imediatamente lembrei que ela já havia falecido. Mas mesmo assim pensei que, como estava (ou acreditava estar) no Astral, teria uma chance de encontrá-la. Tentei atravessar a porta e meu corpo passou tranquilamente, mas estava tudo escuro e parecia haver algo me segurando, impedindo de seguir em frente. Então pensei: "alguém criou um bloqueio aqui, vou tentar pela outra parede". Tentei na outra parede mas esbarrei no mesmo bloqueio.... Então decidi sair pela janela e quando passei pela janela estava em uma espécie de sacada (que não existe na casada da minha mãe). Senti em meu rosto a brisa fria da noite e vi que estava no alto de um prédio e então pensei: " vou pular e voar"... mas algo me disse, "não pule, vá para o outro quarto"... Fui para o outro quarto pela sacada... tinha uma ligação entre os dois quartos pela sacada. Então encontrei o meu outro irmão e ele me reconheceu de primeira.... Achei estranho, pois acreditava estar projetado. Mas ele me disse que eu não estava projetado.... Então fiquei muito confuso pois tinha conseguido passar por duas paredes... e pensei: "então eu estava delirando". Imediatamente pensei... "meu Deus, eu podia ter me matado se eu tivesse me jogado naquela hora"... "eu estava delirando".... Daí já estava sentado na beira de uma calçada de uma rua muito movimentada... com vários carros passando... era noite. Pensei: "Eu delirei... podia ter me matado... tenho que avisar o pessoal do fórum que isso pode acontecer... que loucura... cadê o meu celular para postar?" Então acordei e vi que tudo não passava de um sonho ou de uma grande trolagem no Astral. Obs: a nitidez desse sonho era muito grande, o que me ajudou a acreditar que eu estava no mundo físico.
    0 points
×
×
  • Create New...