• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Jéssica Souto

B-Membros
  • Content Count

    12
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

1 Neutral

About Jéssica Souto

  • Rank
    Member
  1. Tem um relato seu, Sandro assim olha: "(...) Ela me viu e grtou lá para dentro da casa "Mããe, o Sandro!", para avisar que eu tinha chegado (ué, e por acaso eu tinha desejado ou planejado ir lá? Não, eu só pousei ali...) Então perguntei a ela, admirado por sabr meu nome: - Você me conhece? - Sim, mas de outro universo ainda, não deste ( Ela não estava falando de universos paralelos, a idéia que ela quis dizer foi "de outro Mahanvantara", ou seja, nos conhecemos antes do atual big bang que gerou este universo físico) (...) Tem outro post que vc falou isso aqui numa analogia explicando com batatas essa questão: "Num novo ciclo, quando as batatas forem retiradas de novo, o novo momento “zero” da criação também será um momento “zero” mais evoluído." Isso significa então que não perdemos a individualidade e sim ficamos apenas num estado de torpor/insconsciência enquanto está no momento pralaya, e dps volta a individualidade normal? Valeu!
  2. Gente tô passada! kkkkkk Me ajuda a entender isso Sandro. Nessa parada do 'pralaya e manvantara', a gente perde a individualidade? No próximo universo manifesto, voltamos de onde paramos ou já era aquele espírito ali? Pq se já era a individualidade, parece ser tão cruel. É como se estivéssemos numa corrida de evolução e quem não chegar lá a tempo vai sambar! hehehe Não gostei não (da ideia) Obrigada pelos esclarecimentos Sandro. Gostei muito de tudo que compartilhou, só essa parte mesmo que estou sem compreender. Abraço
  3. Pior que se fosse um projetor qualquer beleza, mas se ele realmente foi Francisco de Assis é uma palavra de peso, e isso que me deixa meio assim kkkkkkk
  4. O problema, Sandro, é que ele disse que depois da destruição do veículo Mental, "cabou de vez". Essa visão do "apenas um veículo a menos" serve para o corpo físico e astral, mas se o mental for embora, na ótica de Moises, a consciencia se esvai. Não sei se estou errada, alguém me corrija se estiver! bjs
  5. Acredito que exista uma diferenciação entre sentimento e emoção. O primeiro é relacionado a estabilidade das energias, à maturidade. Já o segundo tem a ver com picos de energia (paixão, raiva, ansiedade etc). Os mentores mais evoluídos possuem sentimentos fortíssimos, e não emoções. (o amor é um sentimento).
  6. Adorei! Vou ler com calma, muito obrigada Só mais uma duvidazinha para aproveitar seu conhecimento: vc sabe como seriam esses "planos da SEM forma"? como é isso um plano sem forma?
  7. As vezes eu fico num labirinto de perguntas meio filosóficas! Há um tempo, estive pensando sobre o ato de evoluir em si. Como eu não tenho muitas experiências próprias em projeção astral e ainda estou aprendendo muita coisa, acabo precisando dos conhecimentos das pessoas mais conhecidas nesse ramo, então li algumas obras espíritas, frequentei o Gnosis, li um pouco sobre teosofia, fiz parte do CEC do Moises, mas não faço mais, etc. O problema é que sempre tem pontos divergentes entre esses segmentos. Um fala uma coisa, outro fala outra coisa aí fico " e aí?" Uma pessoa mandou uma pergunta para Moisés Esagui que achei engraçada e bacana, ela pergunta se "ser uma bola de energia trabalhando pra sempre é divertido?" Nesse vídeo, no final, ele responde assim "O nosso ego um dia deve desaparecer, porque enquanto a gente esta questionando tudo isso é porque nós temos ego, e talvez a gente se integre à energia total e deixe de existir como uma fração, um segmento que está tentando aprender alguma coisa" Já o tio Waldo tem um vídeo bem conhecido no youtube chamado Hipótese de Deus em que ele fala assim: "Agora veja, no oriente querem fazer aquilo mais fácil para poder dominar o povo, então eles falam que vai chegar num certo ponto e você se dissolve no todo, não existe isso, não há dissolução porque seria irracional. O princípio consciencial tem aquele trabalho miserável durante milênios que a gente nem sabe quanto foi, decalhões de anos, e de uma hora pra outra perde tudo? Que besteira, na hora que está mais inteligente ele some? então para que a inteligência?" Vocês conhecem outros pensadores da espiritualidade que apoiem ou refutem alguma dessas ideias? Eu pessoalmente acho que Waldo está mais correto do que Moisés. Na verdade tem muita coisa que eu discordo do posicionamento de Moisés, mas não vem ao caso. Obrigada desde já
  8. Mais ou menos o que eu perguntei para o Sandro, qual você acha que é a natureza do espírito? Matéria, energia, imaterial, etc?
  9. Oi Sandro, obrigada pela sua resposta!! E aquela questão que vi você comentar sobre a diferença entre VÉICULO e CONDUTOR em um post sobre a destruição da consciência que Moisés Esagui uma vez abordou. No caso, as dimensões podem até ser gradações de matéria mas o condutor, ou seja, o espirito, a inteligência, será que é uma energia apenas? (É assim que o Moisés define consciência, se não me engano) Eu sei que é algo bem abstrato, mas no meu raciocínio isso já implicaria em outras coisas. Por exemplo, se o espírito for apenas energia, acho que nada impede de ser realmente destruído num buraco negro/sol/bomba atômica como Moisés fala. Quantas indagações né? kkkkkk
  10. Oi gente, queria saber a opinião de vocês quanto a essa afirmação do Laercio Fonseca de 1:17:56 até 1:18:45 nesse vídeo: No caso, o que existe é apenas matéria densa, matéria sutilizada/quintessenciada, e toda a gradação existente entre esses dois pólos? Porém no livro dos espíritos diz “Há no homem três coisas: 1º, o corpo ou ser material análogo aos animais e animado pelo mesmo princípio vital; 2º, a alma ou ser imaterial, Espírito encarnado no corpo; 3º, o laço que prende a alma ao corpo, princípio intermediário entre a matéria e o Espírito" E as questões 23 e 28 dizem: 23. Que é o espírito? “O princípio inteligente do Universo.” a) — Qual a natureza íntima do espírito? “Não é fácil analisar o espírito com a vossa linguagem. Para vós, ele nada é, por não ser palpável. Para nós, entretanto, é alguma coisa. Ficai sabendo: coisa nenhuma é o nada e o nada não existe.” 28. Pois que o espírito é, em si, alguma coisa, não seria mais exato e menos sujeito a confusão dar aos dois elementos gerais as designações de — matéria inerte e matéria inteligente? “As palavras pouco nos importam. Compete-vos a vós formular a vossa linguagem de maneira a vos entenderdes. As vossas controvérsias provêm, quase sempre, de não vos entenderdes acerca dos termos que empregais, por ser incompleta a vossa linguagem para exprimir o que não vos fere os sentidos.” Um fato patente domina todas as hipóteses: vemos matéria destituída de inteligência e vemos um princípio inteligente que independe da matéria. (...) E aí colegas, qual a visão de vocês?
  11. Oi HAllef0311 Tem sim, através das projeções astrais! Nosso lar existe vide esse vídeo de Waldo vieira
  12. Oi Fly.1978. Você poderia compartilhar quais assuntos o Moisés não domina que você citou?