Jump to content
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Caio

B-Membros
  • Posts

    57
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    1

Everything posted by Caio

  1. Eu tb vejo reencarnação como uma lei natural, algo que precisa acontecer até o espírito atingir uma certo nível de iluminação, não atribuo diretamente as religiões essa necessidade de reencarnar, acontece independente das crenças pessoais de uma pessoa, quando eu disse sobre a Igreja Católica, Quiz dizer que foram e continuam sendo um dos grandes responsáveis pela ignorância coletiva acerca do mundo espiritual, se for pensar que desde cedo quando uma criança nascia, a mesma já era oferecida um " céu ", ou vc comprava ou iria para o inferno, entre outras indulgências vendidas na época que ajudaram a criar a partir do medo egrégoras negativas, Ao meu ver a pior coisa foi ter retido e alterado muito conheçimento da forma que foi feita, sem contar todas as mortes em nome de " Deus ". Precisamos reencarnar para resolver pendências com as pessoas que fizeram parte do nosso passado, claro que a responsabilidade é nossa , mas não tiro o peso da igreja católica de todos os atos históricos que facilitaram ainda mais essa necessidade.
  2. Já ouvi vários áudios desse Exu, as conversas dele sobre os " milagres milagroricos demais " que me chamaram mais atenção, essa parte de alimentar uma espécie de verdade na nossa mente faz muito sentido para mim no que toca a questão do inferno, muitas pessoas crescem acreditando em lugar em que um ser maligno vai ficar te espetando por toda a eternidade, queimar no fogo do inferno entre outras coisas, depois da morte essa idéia que foi alimentada por tanto tempo acaba por ser ativada nos outros planos, como uma prisão mental de algo que foi por escolha acreditar, até o desencarnado conseguir mudar a sintonia para ser resgatado leva bastante tempo, a Igreja católica colocou muito peso no Mental das pessoas, isso acaba vibrando em outras gerações e continuamos nessa roda de samsara.
  3. Os livros do Dr Lacerda, Godinho, alguns psicografados pelo Noberto Peixoto do Ramatis são bens úteis para que você entenda a dinâmica de grupos de desobsessão, particulamente só conheço como funciona na apometria que infelizmente não é aceita em centros espíritas, pelo menos na maioria, Geralmente tem um líder do grupo que pode ser médium ou não, mas tem que ter uma força mental bem fora do padrão mesmo, na apometria o grupo geralmente é composto por mediuns de incorporação, clarividentes ( que atravez de clarividência viajora conseguem ver a origem da obsessão) , mediuns de desdobramento ( alguns que conseguem se projetar de uma forma mais imediata) , tem alguns assistentes também que ficam emanando energia, ectoplasma para criar formas no astral, eles criam um campo de energia de forma de pirâmide alguns colocam outras formas de defesa também porque obsessores tentam atrapalhar o andamento do trabalho o tempo todo, o assistido pode tanto ser encarnado ou desencarnado, a partir daí os mediuns conseguem acessar informações de quem está sendo tratado, incorporam os obsessores, a apometria é mais direta é rápida, o obsessor é encaminhado à hospitais espirituais, o grupo todo tem apoio espiritual, pelo menos na Umbanda são índios, caboclos, pretos/pretas velhos etc... Tem um canal no YouTube da Ana Furginelli que tem um conteúdo bem detalhado, mas como seu caso é em centro espírita, se não for um local universalista a forma de lidar com obsessores é bem diferente da apometria.
  4. Bom dia Natacha, legal o seu relato, teve uma vez que meu corpo também começou a girar, quero dizer não o corpo físico, era mais uma sensação mesmo, com o passar do tempo meditando várias outras situações foram acontecendo durante o ato, momentos de hipnagogia , ver cores, sons, enfim não creio que sejam situações negativas, não tenho o costume de meditar com mantras por isso não posso opinar sobre o mantra om , curto mais ouvir post rock que tem uma relação mais pessoal para mim.
  5. Isso não se aplica a tudo não viu, um exemplo disso é o espiritismo, pessoas com processos obsessivos pesados, as vezes são encaminhadas para a Umbanda, que tem técnicas específicas para isso, até pq muitos centros não aceitam por exemplo a apometria, o reiki etc...
  6. O Exu citava alguns conjuros em hebraico para exemplificar para o entrevistado um determinado ponto, a partir daí surgiu a pergunta sobre um Conjuro contra magos negros ele indicou esse, ele respondeu puxando o gancho de outro assunto, não foi algo específico sobre Umbanda.
  7. Esse Exu teve muitas reencarnaçoes e com isso oportunidades de estudar várias linhas diversas de magia, religião etc. O mesmo aconselha a " ler até os olhos sangrarem ", conhecimento é algo que ele escolheu buscar, já falou muito sobre Umbanda, goecia, filosofia, Cabala, Bíblia, maçonaria enfim ele é Exu porquê ele escolheu seguir esse caminho , é simplesmente a roupagem que ele escolheu usar para trabalhar dentro da Umbanda, é como alguns espiritos que trabalham em diferentes egrégoras, usam a roupagem que os beneficiam mais.
  8. @bandeira @bandeirapvhsabe onde posso encontrar esses áudios? por várias vezes vi mencionarem aqui mas não encontrei online.
  9. Algumas entidades permitem serem gravadas caso o médium peça, nesse caso foi o Exu Ventania, vi em um podcast do Jefferson Viscardi.
  10. Obrigado Sandro, agora compreendi parte dos motivos do uso dessa frase. como se treina algo assim? Se eu quiser treinar a entonação por exemplo, tem algum problema em dizer essas palavras sem ter em mente a ativação da energia?
  11. Boa tarde/Noite. Estava vendo uma comunicação com uma entidade de esquerda da Umbanda, esse Exu perguntado sobre um Conjuro para defesa contra magos negros e kiumbas(?) disse esse. Ateh Malkuth veGeburah veGedullah leOlam amem. Que é uma abertura de pentagrama que te conecta com céu e terra e afasta o mal. Seguindo oque eu pesquisei é proveniente da Cabala, porém foi dito como se fosse somente um Conjuro, algo que eu precise falar corretamente e com as entonaçoes corretas, gostaria de saber de quem conhece sobre esse ramo se isso pode ser usado somente como um Conjuro mesmo, porque na internet é dito como se fosse necessário fazer um tipo de ritual que me lembra bastante a proteção com o pentagrama ensinado aqui no site. Outra dúvida é, faria isso no astral ou no físico mesmo?
  12. Eu tenho experiências nesse sentido também, acho estranho pq já fico consciente dentro de uma situação em andamento, na última vez foi como se eu estivesse prestes a entrar em algum tipo de treta com alguém , ganhei lucidez e fui liberar energia pelas mãos, acabou saindo tipo um feixe de luz, tipo um holograma que ficava pairando sobre minhas mãos e eu consciente tentava decorar cada linha do que eu tava vendo para depois pesquisar no físico, porém era muito detalhe é não deu, lembro que eu simplesmente não sabia oque fazer com aquilo, consegui gerar mas não consegui usar, ficava pensando oque eu faço agora kk saiu do automático.
  13. Obrigado pelo recomendação Joe, do Noberto Peixoto só conheço mesmo o Vozes de Aruanda, que foi muito esclarecedor tb.
  14. Obrigado pelos links Sandro, pelo que vi o o texto do site do Del Debbio não romantizou tanto as entidades da esquerda igual ao outro artigo, ao meu ver ele foi mais realista principalmente nas partes " São espiritos que trabalham sim na escuridão, porém em pról da luz " e que eles trabalham para esgotar a negatividade humana, isso me ajudou a compreender o papel dos executores que são citados naquele livro.
  15. Olá, estou estudando a compilação de textos que o Sandro juntou sobre o processo pos-morten ( Aliás vlw Sandro pelas diferentes visoes colocadas), e tem um livro anexado chamado Dialógos com um executor, e em algumas partes do texto citam sobre uma pessoa ter protetor do lado esquerdo, é tb do lado direito, fiquei um pouco confuso para entender o significado, gostaria que alguém pudesse falar um pouco disso se possível, não encontrei nada na internet sobre, tenho um pouco de noção pela leitura ainda incompleta do livro e tb sobre os ditos caminhos , porém gostaria de mais opiniões se tratando da questão de protetores.
  16. Amigo , tem essas opções que o Sandro falou , eu acrescentaria tb a apometria que é uma pratica mais comum em terreiros de Umbanda , mas pode ser encontrada em outros locais tb , geralmente tem as pessoas que possuem mediunidade que podem ver e/ou incorporar oque quer que esteja te incomodando , e encaminhar essa consciencia adequadamente , vc deve ter aberto esse frequencia de obsessão durante esse game .
  17. Interessante vou estudar a respeito de transe , é uma sensação meio comum para mim então taaalvez eu posso aproveitar esses momentos para sair , apesar de achar que essa projeção foi completamente patrocinada . Vlw
  18. Amigo se vc vê algum tipo de campo de energia ao redor de alguma coisa é bem provável que vc tem o ajna chakra já um pouco desenvolvido , não posso afirmar que vc tem clarividência ou não pq como já disse é tipo de mediunidade que engloba muitas possibilidades , caso queira desenvolver sua visão extrasensorial eu te indicaria o livro acima , tem várias técnicas e experiências da autora , mas aí saiba que nem sempre oque verá será coisas positivas , mas deve ser bem interessante conseguir ver guias , equipes astrais etc ...
  19. Vou postar aqui a parte do livro Mãos de luz que me lembrou o seu relato . Minha infância foi muito simples. Cresci numa fazenda de Wisconsin. Como não havia muitas crianças para brincar comigo na minha área, passei grande parte do tempo sozinha. Deixava-me ficar horas e horas sentada no meio do mato, imóvel e só, esperando que os animaizinhos viessem a mim. Eu procurava fundir-me com as coisas que me cercavam. Só muito depois comecei a compreender o significado desses períodos de silêncio e espera. Nos momentos tranqüilos no mato eu entrava num estado ampliado de consciência em que era capaz de perceber coisas além dos limites humanos normais da experiência. Lembro-me de saber onde se encontrava cada animal sem olhar. Podia sentir-lhe o estado. Quando eu caminhava de olhos vendados no mato, sentia as árvores muito antes de poder tocá-las com as mãos. Compreendi que as árvores eram maiores do que pareciam ser aos nossos olhos. As árvores têm à sua volta campos de energia vital, e eu os estava sentindo. Mais tarde, aprendi a ver os campos de energia das árvores e dos animaizinhos. Descobri que tudo tem um campo de energia à sua volta, campo este que se assemelha, mais ou menos, à luz de uma vela. Comecei a notar, igualmente, que tudo se achava ligado por esses campos de energia, que não existia espaço sem um campo de energia. Todas as coisas, inclusive eu, estávamos vivendo num mar de energia . Clarividência no caso dela era mais voltado para cura , ela conseguia ver áureas e com isso identificar a origem de doenças , as vezes via as memórias que podem ter levado o assistido a ter traumas e consequentemente desenvolver a doenças ou bloqueios . Uma definição básica de clarividência seria a capacidade que uma pessoa tem de ver o mundo espiritual e de certa forma interagir com ele , mais é bem variado esse tipo de capacidade .
  20. @sandrofabres Pelo tanto que você já leu no fórum ou fora daqui , se recorda se alguém já citou essa sensação do corpo físico meio que ir se desligando do nada , isso sem estar fazendo nenhuma técnica de relaxamento ou projeção ?
  21. A parte que eu achei criação mental é mais relacionada ao fato do ambiente não ter nenhuma diferença do ambiente em que eu vivo , e também nunca ouvi falar de bike no astral kk , não cheguei a ver nada muito absurdo , vou voltar a estudar com mais foco , e ver oque eu puder definir sobre o ambiente .
  22. Interessante , o início do seu relato me lembrou bastante das experiências de uma Pesquisadora/Terapeuta chamada Barbara Ann , que tem memórias como essas suas muito parecidas de quando ela começou a ter experiências extra sensoriais quando criança e quando adulta desenvolveu uma clarividência bem específica eu diria .
  23. Não exatamente Felipe , é mais como se meu corpo físico ficasse sem energia do nada aí fica aquela sensação de que eu tenho que me desligar , descansar . Oque não faz muito sentido já que eu já tinha dormido umas 7h seguidas .
×
×
  • Create New...