• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Saavik

B-Membros
  • Content Count

    4
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

1 Neutral

About Saavik

  • Rank
    novo Membro (1+)

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

  1. Sim Iogui, não faz sentido... é um medo ilógico que eu tenho e estou tentando supera-lo: lendo mais sobre espíritos , mudando meu ponto de vista... Mesmo assim, na primeira vez que eu me deparar com desencarnados, posso ficar assustada, é assustador para a maioria das pessoas, até se acostumar com essas experiências. Por favor, responda a minha pergunta inicial, é uma curiosidade que tenho. Talvez você por ter experiências de projeção saiba me responder.
  2. Eu tenho uma dúvida já faz um bom tempo: Eu já vi espíritos no terreno da minha casa e algumas manifestações sobrenaturais na minha casa, tudo isso estando eu acordada. Existe alguma possibilidade de quando eu me projetar na minha casa ou no terreno, eu me encontrar com esses espíritos? Será que no plano astral eles habitam aqui? Eu já assisti relatos do Saulo onde ele fala sobre encontrar com desencarnados no plano astral, inclusive na casa dele, na cozinha, ele viu vários desencarnados e interagiu com eles... Se isso acontecer comigo, eu estou ferrada porque morro de medo, se eu me projetar involuntariamente onde eu moro e me deparar com esses desencarnados, vai ser muito assustador kkkk A primeira vez que vi um espirito, era de uma mulher sentada na ponta da cama da minha mãe, com um tipo de vestido todo branco e ela estava de costas de onde eu observava, até pensei que fosse minha mãe, porque minha mãe é loira e essa mulher também era, só que ao mesmo tempo eu me questionei: "minha mãe não usa vestido todo branco e não tem cabelo longo assim", decidi virar pro corredor indo ao banheiro, quando minha mãe sai do banheiro e vem em minha direção, fiquei com ERROR na minha mente, aquela mulher não era minha mãe mesmo... Outras vezes eu sentada no computador da sala, ao lado do computador tem uma janela com uma cortina azul, do lado de fora da casa, quem olha pra janela não consegue ver nada de dentro da sala, mas de dentro da sala, com claridade do dia, dá pra ver um pouco do terreno... foi quando diversas vezes olhando através da cortina eu observei a silhueta de pessoas vindo em direção à minha casa, vagando pelo terreno, eu podia perceber que a roupa delas eram brancas. Sempre que eu abria a cortina para tirar a prova de vez, eu não via nada... essas pessoas sumiam, dai eu fechava a cortina de novo e não via mais nada também. Uma vez eu vi a silhueta de uma mulher andando em direção ao muro que tinha arbustos, ela foi caminhando caminhando caminhando e passou para os arbustos... eu abri a cortina rapidamente e não vi nada, era como se o espirito tivesse atravessado o muro '-'
  3. Obs: uns meses atrás eu tentei me projetar mas não segui passos e não foi com muita dedicação. Na primeira vez que eu tentei foi antes do almoço, havia música tocando na casa, eu apenas desliguei a luz do meu quarto, deitei na minha cama, fechei os olhos e segui o OLVE. Nada aconteceu, não senti energia, mas quanto mais eu estava concentrada, mais a escuridão dominava a minha mente e eu consegui sentir a presença de algo do meu lado e de repente abri os olhos, insconcientemente fiz isso várias vezes, interrompendo o processo... Eu ainda sentia medo. A segunda vez que eu tentei (no segundo momento, afinal na primeira vez antes do almoço eu tentei várias vezes, quando abria os olhos, fechava de novo...), eu havia minutos antes avisado à minha amiga que faria isso, eram 13:01 horas quando eu me dirigi a cama, eu deitei virada para cima como da outra vez, mas virei a cabeça para o lado, porque me senti mais confortável assim... não tentei canalizar minhas energias, guiando pelo corpo, como fiz na primeira vez... em vez disso, comecei a me encher de pensamentos positivos "Não tenho medo, Deus está comigo, estou relaxada, nada de ruim vai me acontecer" enquanto estava de olhos fechados... comecei a imaginar os lugares que eu queria ir caso me projeta-se, como a casa da minha amiga... Dessa vez comecei a sentir coisas diferentes... na primeira vez eu senti um pouco de formigamento nas mãos, depois comecei a sentir meu corpo mais leve e inchando como um balão e minhas palpebras começaram a se mexer involuntariamente estando eu com os olhos fechados, como um tic nervoso... eu sentia que meu corpo estava entrando em processo... Novamente, meu processo foi interrompido várias vezes pois eu abria os olhos... Em um certo momento que voltei a me concentrar, decidi focalizar em lugares perto de onde eu moro, como meu local de trabalho, padaria que sempre vou, mercado... dessa vez eu não deixei minha perna deitada, deixei ela em formato de montanha, não sei o nome dessa posição kkkk enfim, quando as pernas não estão totalmente deitadas... eu senti meu corpo estremecer em muitos momentos, formigamento e eu visualizei (ainda com olhos fechados) minha perna física e senti minhas pernas astrais irem para a esquerda e depois para a direita, como se elas estivessem se desconectando do meu corpo físico e eu podendo assim me projetar mas quando isso aconteceu, meus olhos se abriram imediatamente... pelo menos eu pude notar que não foi meu corpo físico que tinha se mexido, descartando uma ilusão, porque eu não vi nenhum sinal de movimento nas minhas pernas físicas e na minha cama... Depois eu voltei de novo, esperando que agora finalmente eu conseguiria, já que até senti meu corpo astral se movimentar... mas infelizmente não deu, meus braços mesmo estando relaxados na cama começaram a doer... identica aquela dor de crescimento que nós sentimos na adolescência, sabem? e se tornou inviavel eu continuar tentando... decidi parar e levantei da cama, eram 13:58 da tarde. Pelo que eu me recorde dos momentos que fiquei tentando, eu ouvi uma voz de uma mulher gritando do lado esquerdo do meu quarto, mas era como se fosse longe, foi um grito rápido e pareceu de alucinação... Eu alguns momentos eu viajei na maionese durante o processo, dando foco demais ao que eu estava pensando, criando alguns sonhos... mas eu sempre conseguia voltar ao foco.
  4. Boa tarde, Eu nunca tive projeção astral, pelo menos não conscientemente... Eu sempre tive sonhos bem realistas, sonhos lúcidos e alucinações do sono... Faz anos que eu tenho paralisia do sono, mas cerca de um ano eu comecei a ter junto da paralisia a sensação de meu corpo estar em transe, em meio a uma ventania... eu sinto meu corpo vibrar mas meu corpo físico não se mexe, é uma sensação muito poderosa, eu sinto o vento batendo no meu corpo, eu ouço o som do vento batendo nos meus ouvidos... Algumas vezes nessas paralisias com essa sensação eu senti a presença de seres perto de mim, eu não podia ver... até porque eu estava com a cabeça paralisada, mas eu sentia... É como se eu tivesse a caminho de ir para outro mundo e essa ventania fosse a transição. Por medo do que poderia me acontecer eu nunca me permiti, pois nunca relaxei nessas situações... a respiração fica muito difícil, o desespero me domina. Para vocês que se projetam, isso que acontece comigo é um caminho para a projeção? Portanto devo relaxar e me permitir?