• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

rafaale2018

B-Membros
  • Content Count

    22
  • Joined

  • Last visited

Everything posted by rafaale2018

  1. Gratidão por esclarecer todas as minhas dúvidas... Uma outra dúvida q tenho é a questão de exteriorização de energias. Eu estava dando uma olhada no link q me passou e foi dito q podemos dar o comando de exteriorizar somente as energias densas se necessário, certo? Eu trabalho com a magia das 7 sete chamas sagradas do Mestre Rubens Saraceni e hj fui fazer uma mandala para alguém q está sendo alvo de muitas magias e confesso q no final desta magia eu estava com o coração muito apertado e me sentindo muito sufocada, além da articulação do meu ombro esquerdo q é sempre um super indicador de energias densas em meu corpo energético... Fiz uma movimentação de energias e tive q fazer como o Saulo fala, na horizontal pq na vertical não tava rolando de jeito nenhum, a energia não passava. Tentei exteriorizar e tbm não consegui... só melhorei qdo consegui instalar o EV. Dae me vem a seguinte dúvida: Se estamos com a energia densa, se eu exteriorizar aqui em casa ou no meu quarto ou em qualquer lugar q seja, esta energia não irá contaminar meu ambiente em si, prejudicando as pessoas ao meu redor e meus bichinhos e plantas? Tipo, não vai mexer com o padrão vibratório do ambiente?
  2. Outra coisa, essas associações totalmente cerebrais q acontecem são aleatórias ou tem alguma semelhança com o real sujeito em questão? Olha essa minha questão:
  3. Será q pelo fato de o ataque vir em forma de espiral pode ter sido roubo de energia sexual? E quais são as consequências de um ataque assim e como reequilibrar estas energias?
  4. Como impedir q isso aconteça? acordei com muita dor no ombro esquerdo.
  5. Esta noite tive um sonho estranho... caminhando em um mercado estranho, estava com minha mãe e, de repente, me vi longe dela e alguém me abordou e me encurralou num canto... essa pessoa disse q me queria e veio me beijar e qdo a beijei eu senti q uma espiral passava pela minha garganta e atingia os meus chakras, era uma sensação muito desagradável e era só a sensação msm pq eu olhava pro rapaz e nçao tinha nada de errada com ele... mas hj cedo acordei com muita dor de garganta... além disso, nosso cérebro nos atrapalha pq ele conseguiu fazer duas associações distintas, ou seja, cheguei a pensar q seria um conhecido e depois meu cerébro me remeteu à um outro para esse mesmo espírito.
  6. Tem razão, pode ser uma distorção da minha parte mesmo, exatamente pelo meu vizinho... Gratidão pela sua resposta.
  7. Na vdd, são cenários diferentes q eu não conheço. Em alguns casos, no meu próprio bairro e na minha cidade. As pessoas são idênticas fisicamente e a época é atual tbm... é como se fosse um mundo paralelo rs de 2018 mesmo. Bom, as pessoas? Olha, eu tenho um vizinho q mora ao lado q tenho inclusive medo dele, pq ele veio de fora com a família, compraram a casa ao lado com o dinheiro de herança, porém é uma família sinistra. Ele é usuário de droga e muito violento, quebra as coisas na casa dele, ameaça a mãe, gosta de fazer escândalos e intimidar as pessoas com seu olhar. Esta noite, na minha projeção estávamos juntos como best friends e ele parecia um cordeirinho, uma pessoa gentil, atenciosa e muito equilibrada. Entramos aqui na minha casa e minha irmã estava aqui e ela entregava pra mim e pra ele uma bola transparente, parecendo bola de sabão e q qdo tentávamos olhar dentro tinha um peixe ali dentro, mas minha irmã dizia q era um portal e q ali poderíamos ir pra outros lugares e nisso eu fui sozinha para outro lugar. Era um lugar com armações de ferro, um lugar fechado mas bem alto, não sei explicar, parecia uma construção... semelhante à um prédio, sei lá e lá eu via uma pessoa q não consegui identificar e um rapaz q eu nunca falei com ele, ele treinava na msm academia q eu, porém ele é um poço de arrogância e narcisismo. Nem oi eu nunca falei pra ele. Mas faz muito tempo q ele não vai mais na academia e nem lembrava q ele existia rs dae eu tenho essa projeção estando com ele... ele tinha a energia tão bonita, um magnetismo q eu tinha vontade de ficar perto o tempo todo. Éramos amigos e conversávamos bastante mas não me lembro o que. Quando eu voltei pro corpo, tinha um mentor meu aqui que ficou comigo um tempo sussurrando para eu anotar a experiência e ficou repassando essa vivência para eu não esquecer. Não entendi quão importante era isso. Ele me fez lembrar q enquanto eu saía do corpo, eu usei o mantra LUCIDEZ mas sinceramente parece surreal pra mim pq eu não me lembro disso não. Pra falar a verdade, de quarta pra cá, eu estou me sentindo bem estranha... sinto muita pressão na testa e tontura, além de parecer q estou aérea maior parte do tempo... é uma mistura estranha de sensações, tipo: formigamento e eu sinto meus ouvidos estufarem, a minha testa gelar e esquentar ao mesmo tempo. Sinto a cabeça anestesiada, muita sensibilidade à luz. Estou medicando minha labirintite e minha enxaqueca e não tá mudando nada.
  8. Esta noite, eu me vi projetada em uma casa diferente e encontrando pessoas q no meu dia a dia são pessoas totalmente diferentes do q vi e vejo nas projeções astrais. Diferentes no comportamento, por exemplo, pessoas agressivas q vejo como pessoas muito amigas e companheiras... pessoas q não vejo há muito tempo e q nem lembrava q existia e q tbm qdo eu via eu nem falava oi por ser uma pessoa extremamente materialista, arrogante e narcisista e q na projeção era uma pessoa maravilhosa, com uma energia ímpar... existe pessoas q, declaradamente, não me suportam e não me tratam bem e q em projeção eram pessoas muito queridas e q nos abraçavam com uma troca de energias revigorantes... O q acontece nestas situações? Desde já, gratidão!!!
  9. Meu Deus!!! Quanta informação... daqui a pouco enlouqueço... hahaa mas esse fórum é bom demais... parabéns pelo vasto conhecimento. Gratidão... e em breve I'll be back hahah.
  10. Uau, q legal... gratidão!!!! é vdd... agora me lembro, falam dos tais mundos paralelos e vidas simultâneas q seriam várias versões nossas em td quanto é lugar e de td quanto é jeito. Vou ler esse relato pra me aprimorar... E qto à isto? O q vc diz à respeito? Aguardo resposta.
  11. Então, mas como assim visita astral se ambas estavam acordadas? Eu posso estar aqui digitando pra vc e estar visitando alguém no astral sem saber? Como isso procede? Teve uma vez q minha mãe pensou q eu tivesse morrido e tivesse ido lá me despedir dela pq ela foi no banheiro e qdo saiu eu estava sentada na cama dela e depois eu sumi... aí minha irmã me mandou mensagem dizendo se estava td bem e me contou, só q enquanto minha mãe me via lá, eu estava trabalhando no meu quarto e sem nem pensar nela, eu estava concentrada. MInha amiga é clarividente, tem facilidade em ver, não o tempo todo, mas acontece frequentemente...
  12. Bom, eu apurei os fatos com minha amiga e ela me disse q a tal "aparição" foi assim: Ela estava deitada e acordou e me viu andando ao redor da cama dela segurando cristais nas mãos... e ela disse q qdo ela olhou novamente eu havia desaparecido... Mais tarde, no mesmo dia, ela estava na cozinha trabalhando e me ouviu chama-la e qdo ela olhou eu sorri pra ela. Ela disse q eu estava com roupas roxas e com muito brilho. O problema é q nesse dia, não tinha como eu estar em vigília pq estava correndo pra lá e pra cá super atarefada.
  13. Eu fiquei tão chocada q já quis vir falar, mas hj irei falar om ela em detalhes e já posto aqui... pelo pouco me falou tanto eu quanto ela está vamos muito acordadas na hora, ela disse q estava costurando e eu estava dirigindo pra SP... mas mais tarde eu posto aqui o q ela me disse. Além disso, outra coisa me ocorreu ontem... eu estava caminhando e eu senti como se saísse de mim outras duas e eu vi como se formasse uma fila com 3 de mim...duas à minha frente e mais uma q seria eu mesma em carne e osso, na hora q isso aconteceu é como se se formasse uma onda de energia e qdo essa onda passou por mim td ficou lento.
  14. Boa noite, gostaria de saber se é possível eu estar trabalhando concentrada em minhas coisas, inclusive dirigindo de um lugar pra outro e ao mesmo estar presente na casa de alguém, sem eu nem lembrar q a pessoa existe rsrs. Hj fiquei sabendo de uma amiga do terreiro onde trabalho q eu teria ido na casa dela durante o dia por duas vezes, como se fosse uma aparição espiritual. Achei muito curioso e louco tudo isso. Ela me disse q era durante o dia enquanto ela trabalhava na casa dela... disse q se não me conhecesse diria q era um espírito. O que seria isso? Gratidão desde já. Alecsandra.
  15. RESGATANDO UMA CRIANÇA EM UM “CORTIÇO” AFRICANO Na madrugada do dia 15/06/18, eu fui deitar por volta de 4 da manhã e conforme havia conversado com meu amigo de como eu poderia fazer uma projeção astral mesmo estando cansada, ele me disse que era simples e que deveria somente ter a intenção e me colocar à disposição da espiritualidade. Segui, então, os seus conselhos e mentalizei na hora de dormir que estaria à disposição para o trabalho que sempre desejei. Somente, lembrando, que fiz todas as práticas energéticas poucas horas antes de dormir. A última coisa que me lembro é que eu fiz esse clamor à espiritualidade e adormeci e quando eu me vi, estava na sala da minha casa, com minha irmã mais nova. Estávamos papeando, deitadas na sala e já estava claro lá fora, as janelas estavam abertas e o sol ensaiando seus primeiros raios. De repente, um vórtice de luz dourada muito intensa vindo de fora se adentrou ao ambiente e eu senti o chamado. Fiquei surpresa na hora e minha irmã ,então, me disse assim: - Você não se colocou à disposição deles? Então, ande logo porque eles não podem ficar esperando muito. Eu me despedi dela e fui em direção à esta luz, como se fosse um túnel e então eu me vi em outro lugar, outra realidade. Umbral? Talvez. Porém estava “só” e com um objetivo, uma missão à cumprir. O céu estava nublado, sem qualquer possibilidade de sol e o ar gélido. Eu me via numa rua que dava para uma espécie de cortiço, favela que ficaba abaixo do nível desta rua. Parecia um labirinto. Labirinto de concreto poque era tudo cinza, sem cor. A única coisa colorida que eu conseguia ver era alguma moita que beirava a tal rua. Eu desci a escada de concreto, uma escada muito estreita, mal feita, gasta e então, numa espécie de labirinto eu procurava de barraco em barraco, cômodo por cômodo uma criança. Uma menina por volta de 2 anos de idade, negra. Às vezes, entrava em barracos onde haviam pessoas, pareciam ser africanos. Mas, ninguém sabia dela. Conversava com eles por telepatia. Não havia som algum ali. Num deteminado momento, entrei em um lugar e havia uma mulher, parecia até ser cordial e era a única que não parecia ser africana. Ela me disse pra sentar e descansar, me ofereceu uma bebida que não sei o que era, mas eu não quis. De repente chegou um homem muito alto e negro e os dois começaram a ter relações sexuais ali na minha frente e eu comecei a me sentir muito fraca e então consegui exteriorizar uma energia dourada para me isolar e bloquear aquela espécie de vampirismo porque a impressão que tive é que eles faziam entre eles porém aquilo sugava a minha energia muito intensa e rapidamente. Senti uma pontada na região do estômago e consegui sair correndo dali. Teve um momento em que eu subia um set de, pelo menos, uns dez degraus e parece que isso se repetia, como se fosse um loop que aconteceu umas cinco vezes. Ao longo, dessa escadaria tinham pelo menos três portas. Mas, somente na última repetição eu vi, era uma porta com uma enorme máscara rústica de pedra, estava de frente pra porta, tipo uma carranca, porém sem cor. Aquilo tomava metade do comprimento da porta e então eu tive certeza absoluta de que ali estava quem eu tanto procurava. Quando entrei, eu vi uma fila de nativos de uma tribo africana, eles me olhavam assustados e surpresos e eu passei por eles ao longo de um corredor e eu então, pela primeira vez, avistei aquela criança. Era uma criança muito negrinha, linda, tinha uns 2 anos de idade, um olhar muito brilhante. Sentia a energia dela fragilizada e eu senti que era a energia daquele lugar que a sugava. Eu estava desesperada correndo muito naquele labirinto onde eu não encontrava a saída de maneira alguma. Era um lugar extremamente denso e eu tinha que correr contra o tempo, pois sabia que em determinado período eu tinha que estar no ponto inicial. Conforme eu subia as escadas, eu tinha a sensação de que a criança havia caído e ficado pelo caminho, mas eu olhava para meus braços e ali estava ela. Sentia novamente que ela estava machucada e olhava novamente e não era nada. Acho que queriam me confundir e não queriam que eu conseguisse levá-la dali. Mas eu consegui. No momento em que estava nas escadas do início e que eu ficava de costas para aquele lugar, com a criança nos braços e olhando para a rua, tudo começou a florescer, o céu começou a ficar todo azul e o sol a brilhar. Naquele momento, eu me emocionei. Eu tinha um amor enorme por aquela criança, por aquela missão e então o mesmo vórtice de energia dourada apareceu e fomos recolhidas dali e então eu voltei pro corpo e com todas essas lembranças em minha memória. FIM.
  16. Boa noite, eu estou ouvindo os áudios do curso intermediário e em um dos áudios foi mencionado a projeção mental. Esse é um assunto q já procurei muito à respeito, porém nunca obtive algo de concreto. Sou médium e trabalho num terreiro de umbanda há uns 5 anos e algo muito estranho começou a acontecer esse ano. Continuo no mesmo terreiro e faz parte da ritualística da casa cantar para cada um dos orixás. De uns tempos pra cá, quando é cantado para um orixá, me sinto deslocado dali e fico face a face com o orixá... é como se eu tivesse em mundos paralelos, se é q posso dizer assim. Os orixás são responsáveis por cada magnetismo e cada um tem sua morada em um ponto de força... é comum por exemplo, eu estar ali na roda batendo palma e cantando e ao mesmo tempo estar em outro lugar com aquele orixá. Xangô, por exemplo, traz o equílibrio e a justiça divina e sua morada são as pedreiras e ao cantar pra ele sou projetado para seu castelo de pedras, eu me ajoelho diante dele, ele me abençoa e eu me sinto cansado depois pq acredito q haja um desgaste pois fico lá e cá. Quando é Obaluãe vou para o cemitério, Oxum vou para a cachoeira e fica assim... geralmente isso acontece qdo os trabalhos serão pesados. Tenho absoluta certeza q não são obsessores até por conta de todo amparo q existe ali dentro. Além disso, acontece algo muito interessante tbm, mas isso acontece geralmente em casa, na maioria das vezes pela manhã qdo já estou de pé, ocupado com meus afazeres. Sou projetado para um lindo jardim e lá tem um senhor q sempre fala comigo e uma moça tbm... os dois são muito iluminados, me ajudam muito com conselhos e principalmente esse senhor q teoricamente é o jardineiro de lá pq sempre está fazendo a manutenção é expert nos processos energéticos e ele me ajuda nisso. O estranho é q eles jamais saem de lá... ou conversam comigo por telepatia ou qdo vou pra lá e o engraçado é q fico aqui e lá ao mesmo tempo. Seriam esses exemplos de projeção mental? Aguardo e gratidão por td.
  17. Vdd, não tinha pensado nisso do bloqueio para passes magnéticos.... e eu vou ver os links q passou pq nunca tinha ouvido falar nisso... Isso q vc falou de cante azul e talz, me remeteu à uma lembrança... já ouviu falar de códigos Grabovoi? As pessoas escrevem sequências nume´ricas nos pulsos com caneta azul pq acreditam q aquela energia passa a vibrarem seu campo energético e atrair essas energias do universo. Tirarei a ansiedade da cabeça e me limitarei às técnicas haha... Gratidão pela sua ajuda.
  18. Gratidão pela resposta viu... me esclareceu muita coisa... eu logo percebo q nesse assunto temos q ser todos irmãos mesmo como diz o Saulo... tds as experiências compartilhadas são essenciais para o nosso desenvolvimento pois é um universo muito complexo. Muito interessante vc me perguntar se tenho tatuagens nos braços. Tenho os dois braços tatuados sim, e ambos pegam essa extremidade do ombro. Porém, diferente do q vc relata, eu não tive dores durante o dia. Comecei a técnica sem dor e as dores ficaram crônicas assim na parte quase final qdo se expande a aura, eu comecei a sentir o processo de balonamento e como disse, parece q estavam me decepando os dois braços... me senti nos JOGOS MORTAIS hahahaa q horror viu... e foi acabar a técnica q a dor se foi... hj de tarde, refiz a técnica pq estou fazendo todos os dias e hj não senti nada. Uma coisa q achei estranha tbm foi assim, na primeira vez q eu fiz, eu senti uma sensação maravilhosa... na segunda senti essa dor terrível e parece q não fiquei tãoo entregue às sensações... o q senti de mais intenso foi essa dor mesmo, as demais sensações quase nem senti... hj fiquei com muito enjôo, não sei se é pq fiz depois do almoço mas parece q eu sentia meu corpo como se fosse uma geléia e se movia demais como as ondas do mar... tive tontura qdo acabou e fiquei assim por uma hora mais ou menos. Olha, eu sou umbandista e esses negócios de implantes é fogo... eu tive um insight uma vez de ter isso bem ali na nuca para atrapalhar minha mediunidade. Agora um implante nos ombros não sei não, pq não teria sentido me atingir ae pq não sou atleta e meu trabalho tbm não requer uso preciso dos braços, apesar de eu usar o pc pra trabalhar... Me surgiu outra dúvida, posso t perguntar? Um mentor veio me buscar um dia, eu nem tava vendo os vídeos do Saulo ainda, só estava estudando apometria e ele veio nos pés de minha cama e me disse, presta atenção q eu vou contar até 3 e vc me dá as mãos e eu saí do corpo facilmente... dae ele me disse q eu poderia passar pela parede e do meu quarto já me vi do lado de fora no quintal e eu disse q queria ir na casa da minha mãe e fui lá e de lá eu disse q queria visitar uma pessoa q não me lembro quem é e nisso voltei pro corpo na hora... só q depois desse dia não conseguia mais sair consciente do corpo, só ter sonhos lúcidos... pq será?
  19. Boa tarde a tds... eu fiz a técnica completa 1 uma vez e foi td ótimo... consegui excelentes resultados... não me projetei porém mais tarde qdo fui dormir consegui me lembrar nitidamente. No dia seguinte, fui fazer a técnica novamente e senti uma dor terrível nos ombros como se alguém tivesse tentando arrancar meus dois braços... a dor foi tão grande q quase interrompi a técnica, mas aguentei firme e qdo terminei a técnica percebi q não havia dor alguma... na verdade, a dor foi só durante a técnica, próximo do final da mesma. Alguém já teve algo parecido e pq isso ocorre? Gratidão desde já.
  20. Boa tarde, me chamo Rafael e achei o forum pq busquei no Youtube e cheguei no canal do Saulo... viagem astral é fascinante pra mim, mas acima de td quero poder um dia ajudar no plano astral.