• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

aurioneto

B-Membros
  • Content Count

    3
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

1 Neutral

About aurioneto

  • Rank
    novo Membro (1+)

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

  1. Ok, muito obrigado Sandro, sanou bem minhas dúvidas hehe. Abraços e luz pra ti.
  2. Camy, na minha humilde visão e conhecimento, estamos rodeados de informações bloqueadas pelo nosso cérebro para que estas não se tornem maçantes ao longo da vida (imagine um ancestral nosso tentando caçar enquanto vê todas essas informações tirando o foco dele no momento), porém com prática nós podemos ter acesso a essas informações, mandalas e padrões fractais são percepções que muitas pessoas tem em níveis mais profundos de meditação. Então acredito que no seu caso possa ser que teu cérebro se abra a recebe-las enquanto dorme e quando tu acorda continua percebendo elas por algum tempo, até que volte a operar no "modo padrão".
  3. Olá amigos do GVA, sou novo aqui no fórum e gostaria de ajuda com duas experiências que tive, uma antiga e outra mais recente. Conheci o Saulo e seu material sobre viagem astral há alguns anos, quando tentei a projeção, mas por diversos motivos acabei me afastando tanto das viagens quanto da espiritualidade em geral, na época após muito tempo de prática aconteceu o seguinte: Estava passando uns dias no sítio de minha avó e poucos dias antes de chegar lá acharam uma cobra embaixo de uma das camas, o que me fazia dormir toda noite com medo das serpentes, certo dia fui deitar e iniciei as movimentações energéticas da técnica 3, quando comecei a parte da gangorra senti que a parte de cima do meu corpo estava saindo, porém eu estava preso pelo chacra umbilical, então tive a sensação de que alguém tentava me puxar para fora do corpo, como se fosse um mentor tentando me ajudar com a saída, mas sem sucesso. A dúvida aqui é: Pode mesmo ter sido um mentor que não conseguiu desbloquear meu chacra umbilical devido a quantidade de medo que eu sentia ao dormir? A segunda experiência é de antes de ontem, há algumas semanas voltei a praticar as técnicas e me religar com a espiritualidade, ao longo dos dias houveram poucas variações no resultado, a mais sensível foram os EV's se tornando mais fortes, ao ponto do meu corpo todo tremer, como em um ataque epiléptico, (e aqui as vezes fico em dúvida se é realmente resultado das movimentações ou meu psicológico "forçando" essa situação). Enfim, continuava sem grandes resultados até que na noite de sábado para domingo, devido ao cansaço, fui me deitar sem fazer as técnicas. Acordei às 5:15 aproximadamente e como ainda era muito cedo para levantar fui ao banheiro e na volta decidi faze-las antes de voltar a dormir, enquanto tentava entrar no ponto x percebi que, se continuasse, eu não ia nem dormir nem sair do corpo e me virei de lado para deixar o sono chegar. Adormeci até que acordei sentindo um EV muito forte e percebi que estava saindo do corpo, como estava de lado eu tentei a rolagem e me senti caindo suavemente no chão ao lado da cama, foi tão suave que eu tinha certeza que tinha saído, me levantei e caminhei até a porta do quarto com alguma dificuldade, percebi que o apartamento estava diferente na composição dos móveis, vi algumas coisas que não existem na minha casa e percebi que tudo estava escuro, apesar de já ter amanhecido, fui até a sacada, pensei em tentar voar, mas na hora me veio o medo de não estar realmente fora do corpo e "dar ruim" aquele salto para fora, então minha visão de apagou, meu primeiro pensamento foi o de abrir os olhos, porém quando o fiz me vi novamente na cama e no corpo, neste momento notei que ainda estava sentindo repercussões do EV, então tentei nova saida e por umas três vezes eu rolava para fora da cama e quando tentava levantar eu voltava ao corpo. Neste momento pensei que eu deveria sair e logo correr para fora do quarto, para fugir da faixa de atividade do cordão de prata, consegui isso e me vi novamente na sacada, porém a visão que tinha dali não era da minha cidade, pois ela é bem plana e eu via uma cidade com vários morros. Me veio a mente a voz do Saulo falando em um dos vídeos para tentar pular e ver se seria um pulo comum ou mais alto, dei alguns pulos e senti pouca gravidade, percebi que seria seguro "me jogar" da sacada e o fiz, neste momento saí voando muito alto e continuei voando até chegar em uma clareira de floresta, onde aterrissei, a partir daí não tenho mais lembranças. Minha dúvida nesta experiência é: Já tive muitos sonhos lúcidos e a única parte disto que não me parece ter sido um sonho foi a primeira saída, logo após acordar com o EV. Gostaria de saber a opinião dos senhores se tudo isso foi um sonho lúcido ou se foram várias saídas com baixa lucidez ou se foi, assim como minha hipótese, uma saída com baixa lucidez seguida de alguns sonhos lúcidos. Obrigado e abraços.