• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Sembrol

B-Membros
  • Content Count

    33
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    2

Sembrol last won the day on August 31

Sembrol had the most liked content!

Community Reputation

9 Neutral

About Sembrol

  • Rank
    Advanced Member

Recent Profile Visitors

263 profile views
  1. Essa explicação é muito interessante, Sandro, você pode me tirar algumas dúvidas? Primeiro, como esses "mecanismos" instalados no astral foram colocados lá? Pois pelo que entendi aqui, a pessoa fez os ritos, se conectou com espíritos ligados a tal coisa, e então por meio do trabalho que o encarnado teve, em construir o ritual e os simbolismos no plano material, colocar as velas e tal, depois disso, ou esse trabalho psíquico foi cristalizado por ela ou foi literalmente trabalho dos espíritos? Ou, os dois? Eu tenho dúvida nisso. Com isso, ao destruir isso, que foi "plantado" ali, qual a melhor forma de fazer isso? você consegue fazer isso sozinho? Pois veja, eu tô pensando que a pessoa tem que desfazer o "trabalho" da pessoa, e depois contatar espíritos para ir no astral desfazer os "fragmentos" da coisa, do que sobrou. Mas você não pode ir lá em astral e enfrentar os espíritos que foram contratados e desfazer a ccoisa por você mesmo? Ótimo, com isso, o problema agora seria lidar com essas pessoas desencarnadas, que provavelmente iria lhe assediar. Bem, como resolver isso? kkkk Outra pergunta, se você souber, como funciona esse mecanismo? se já foi feito, e está ativo, e enviando as energias que ele está programado para enviar, para tal coisa, então, para que a pessoa tá precisando de desencarnado? Ou não é possível criar uma magia assim? que aja por meio de VOCÊ, digamos, que eu queira trabalhar com magia dos astros, usar energia de cura e com isso eu "crio", por meio da magia, claro, essa forma cristalizada em astral para o envio dessa energia, me usando como canalizador, ou seja, eu mesmo enviando a energia para aquela "máquina" para ela agir, bem, agora o problema seria se essa forma cristalizada virasse um vampiro inconsciente, já li sobre, como resolver isso também? Acho importante saber como essas coisas funcionam. Obrigado pela atenção, Paz e Luz a todos.
  2. É, o alho é realmente muito bom, teve um tempo que eu tava sentindo uma coisa entrando no meu ouvido, como se alguém estivesse enfiado o dedo molhado nele, algo assim, toda santa noite, tirava minha concentração para me projetar, só parou quando eu resolvi colocar bandas de alho cortadas, frescos, dentro dos ouvidos mesmo, ardia muito mano, mais eu queria era resolver o problema, então continuei usando, mesmo ardendo. Interessante que na primeira noite eu coloquei no ouvido que o bicho entrava, ou já tava dentro, e ele passava pro outro ouvido, aí depois foi que fui colocar nos dois. Isso resolveu meu problema, eu tive essa iniciativa ao ler sobre elementais, rezava pedindo para que o meu eu superior, pai, etc, invocasse o elemental do alho e depois ficava fazendo as súplicas.
  3. Bem, eu penso que a sociedade na verdade só é individualista por medo, causado por manipulação mesmo, e a bondade não se deve ser feita pensando em benefícios materiais, dessa realidade limitada nossa, pois não enxergamos os bastidores, comumente. Pensando assim eu também andei procurando alguns materiais para ver se enxergo as coisas com mais clarezas. Assisti esse documentário ontem, que fala sobre a religião e o domínio que é feito com a política e como eles manipulam a verdade. Vale a pena. https://www.youtube.com/watch?v=5R_Vm2wCQj4 E respondendo a pergunta se vale ou não a pena praticar bondade, amor, assista esse vídeo do Saulo, sobre como funciona o desencarne e lembre-se que essa vida é somente uma passagem. https://www.youtube.com/watch?v=wNZXtinYg1M
  4. Eu vejo mais como um instrutor intimo, que nos faz passar por testes, que pode nos levar ao profanismo ou para a santificação. Como uma antítese da luz, a sombra, porém a sombra faz parte da luz, como diz no hermetismo, tudo tem seu polo, positivo e negativo, tudo tem fluxo e refluxo; tudo tem suas marés; tudo sobe e desce. É preciso que aja sofrimento para que aja mudanças, é preciso ser testado.
  5. Então, esse relato é pra mostrar como são as repercussões do mundo material no astral... Eu moro com meus irmãos, meu irmão mais velho não é ligado a espiritualidade, e pouco se importa, não vou ficar aqui julgando ele mas foi isso que aconteceu: ele saiu em um daqueles esquemas pra fazer sexo com essas meninas do tinder e grupos de whatsapp, aí ele saiu, foi beber e tal, e voltou com essa menina aqui pra casa, e ficou no quarto dele com ela, mas eram duas meninas, a amiga da outra não quis transar com o amigo do meu irmão e o amigo dele foi pra casa e ela ficou dormindo aqui na sala, provavelmente frustrada com amiga dela tá no quarto transando e tal, não duvido que ela gerou emoções com baixa vibração pra nossa casa, fora as que meu irmão vive gerando. E então eu desperto no astral deitado na cama, ainda no corpo mais um pouco solto, mas na hora eu não percebi se estava no físico ou no astral, só despertei assustado porque ouvir um rosnado esquisito..então na minha frente, em cima do guarda-roupa eu vi esse cassaco (como chamam aqui em fortaleza) aí ele estava todo agressivo rosnando pra mim e então o bicho pulou pra cima de mim! aí me esquivei e cobrir ele com o meu lençol, mas aí o danado ficou se mexendo e eu ali morrendo de sono tentando sair da cama, e com aquele peso por está preso no corpo, sem sucesso, aí ele se contorceu e cravou as garras logo bem nas minhas partes íntimas aí sentir aquelas garras, então na mesma hora acordei no corpo Já fui logo tirando a cocha do cama e trocando pra tirar aquele bicho dali e fazendo ev, Ainda por cima, já estava na hora de eu ir pra aula, que nesse dia é pela manhã, e no caminho pra pegar o ônibus vejo um cassaco na rua! deu até uma raiva na hora mais aí percebi e já fui logo dizendo, n n é só um bichinho, aí ando mais a senhora que vinha atrás de mim já foi logo resmungando "Ah! UM CASSACO!" e jogou uma pedra no bicho, mas aí como n tem o que fazer e eu n vou julgar, seguir normal.
  6. Ah sim! Eu também vejo esses, mas é outra coisa, esses são tipo umas faíscas brancas, e vejo quase como a Patríciaf disse, mas não desse jeito igual a foto da tv. Eu olho pro céu e enxergo esses pontinhos em movimentação, igual ao site que você sitou, eles deixam uns rastros e somem, e são bastantes mesmo. Eu estava mesmo para perguntar sobre isso também, vlw. Era o quê eu pensava. Agora esses outros aí que comentei primeiramente na postagem, parecem serem moscas volantes mesmo, pois são fixam na vista e não se parecem em nada com esses pontinhos.
  7. http://drrodrigosalustiano.com.br/images/moscas-volantes/moscas-volantes.png Realmente, deve ser isso mesmo, parece com as dessa foto aqui. Mas, diferente como diz o estudo, quando se tenta olhar para elas, acaba sendo uma atitude fracassada, porém eu foco nelas normalmente e sem elas saírem da visão. Também não as vejo quando olho para uma superfície neutra, no caso só através dessa mancha causada pelo sol.
  8. Bom dia, gostaria que alguém me respondesse essa dúvida, se tiverem alguma suposição ou souberem As vezes quando eu estou indo voltando para casa no ônibus coletivo, ou indo para a faculdade, se eu estou no lado do sol e bate a luz dele na minha vista, eu vejo aqueles raios coloridos dele e fica uma manchilha na vista, causada por ele, uma mancha amarelada, e se eu foco nessa mancha eu vejo através dela, como se fosse uma lente, e nela vejo umas bolinhas pretas com tipo uma aurinha transparente ao redor delas, e ficam presas na vista, se o sol pega por outro ângulo eu vejo mais ou menos, agora também da pra ver quando eu to andando na rua ou olhando o céu, as vezes.
  9. Nossa que coincidência, também tive um sonho desses quando criança, foi tão gostoso "voar", na verdade eu planava, correndo em um campo florido eu dava uns pulos e imitava os pássaros alçando voou com os braços, o lugar era muito brilhoso e me divertir muito, mas durou pouco porquê depois acordei mexendo pelo movimento dos braços que fazia, hoje também acho que foi projeção e não se repetiu embora eu também tentasse toda noite. Eu sabia que eu poderia voar de novo, daquela maneira tão real, foi depois disso que comecei a criar(fantasiar) os meus próprios sonhos, me aventurando neles(e voltando novamente ao mesmo na próxima noite, seguindo aquele mudinho), mas não entendia porquê não conseguia sentir a mesma sensação.
  10. Você pensou no físico e voltou pra ele. Quando for se projetar, vc tem que saber que o corpo físico não é você, dá um foda-se pra ele mesmo, você é a consciência e nada mais, vai pensando assim que você consegue se projetar.
  11. O chacra frontal server para a VISÃO, a claridade. pra você não ter uma projeção cega ou escura.
  12. É bom dá uma energizada antes, orando por exemplo, o ho'oponopono (que aprendi essa semana) me deixa todo vibrando, vale a pena pesquisar, é uma cura ótima. A lucidez não é o seu chacra frontal, a lucidez é SUA habilidade de ver o mundo no PRESENTE, como ele realmente é, por exemplo: quando você estiver caminhando por aí, em vez de ficar pensando nas suas preocupações, em vez de pensar em como vai fazer algo quando chegar no destino, em vez de ficar com sua ATENÇÃO voltada para seus pensamentos, procure OBSERVAR o seu REDOR, as coisas, as pessoas, os animais, as plantas, O CHEIRO, O VENTO, A TEMPERATURA, TUDO. é assim que você GANHA LUCIDEZ, para ter lucidez lá é preciso ter lucidez AQUI. A movimentação de energias já server para desbloquear-los, pois você vai limpando eles, então é sempre bom fazer a movimentação de energias estando com uma emoção plena, feliz e em harmonia, pra limpar seus chacras.
  13. Que legal isso, gratidão. a gente pode ter feito muita coisa ruim, mas dependemos delas para evoluir, então cabe a nós ter(tentar) a capacidade de compreensão como a dos mentores.
  14. Nunca um deles conseguiram sugar a distância? Porquê eu já li que eles conseguem se esconder em outra frequência vibracional, bem n sei se eles podem mas outras coisas podem, eu devo tá pensando demais.