Jump to content
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Magnetista

B-Membros
  • Posts

    19
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    1

Magnetista last won the day on August 5 2020

Magnetista had the most liked content!

About Magnetista

  • Birthday 08/12/1979

Recent Profile Visitors

The recent visitors block is disabled and is not being shown to other users.

Magnetista's Achievements

Rookie

Rookie (2/14)

  • First Post Rare
  • Collaborator Rare
  • Reacting Well Rare
  • Conversation Starter Rare
  • Week One Done Rare

Recent Badges

9

Reputation

  1. Sonho dentro de outro sonho? , sonhar com projeção astral? realidades paralelas? Enfim acho que nunca saberemos a resposta
  2. Os comentários e a postagem não me ajudou muito mas valeu por demonstrarem ter as mesmas dúvidas que eu 😉👍😊
  3. Amigos está acontecendo com uma certa frequência comigo e não sei a explicação, se alguém puder falar sobre agradeço muito. Ocorre comigo o seguinte, eu deito para dormir no quarto A e desperto no quarto B realizando as técnicas de projeção e no quarto B eu consigo realizar a projeção astral, porém ao regressar para o corpo no quarto B eu desperto no quarto A. Detalhe o quarto B nunca é o mesmo, sempre muda ou seja B1, B2, B3....
  4. Não se preocupe, tamb fui evangélico durante muitos anos, no início do estudo sobre projeção astral eu acreditava que esta prática não era cristã mas com o tempo fui percebendo que independente de minha crença, realizar projeção consciente é algo tão difícil que não vale nem a pena me preocupar ou discutir sobre algo que não consigo realizar.
  5. Interessante sua indagação, será que foi sonho ou foi projeção? acho interessante este questionamento, que bom seria se houvesse uma resposta certa e objetiva para experiências tão abstratas e subjetivas como projeção e sonhos, infelizmente o que os outros acham pode não ser a verdade para você, por isso cada um deve interpretar sua experiência da forma e da maneira que achar melhor, para uns sonhos são experiências fora do corpo e para outros não, tudo depende de quem passa pela experiência, da fé, da crença do discernimento e conhecimento anterior, o bem da verdade (sem querer ofender a alguns) é que menosprezar as capacidades incríveis do cérebro humano é mero preconceito e ignorância.
  6. Sei que aqui não é lugar para relatar sonhos mas para muitas pessoas sonhos e projeção são a mesma coisa diferenciado apenas no grau de lucidez, pois bem, tive um sonho aonde me vi deitado em uma cama e em um quarto diferente do plano físico, eu estava com muito sono, comecei a levitar e fui subindo em direção ao teto o qual atravessei e pude olhar o céu da manhã, era aproximadamente umas 07h da manhã no sonho, fui subindo em direção ao céu azul de forma bem rápida, olhei para os lados e vi a cama subindo junto comigo, me concentrei na visão remota numa direção única para cima, me acalmei e controlei a ansiedade no intuido de não atrapalhar a projeção, resolvi parar de subir e fui na direção horizontal sentido leste, comecei a ir em direção a uma outra cidade que não existe no plano físico, fui muito rápido ao ponto que comecei a atravessar prédios, passei por entre apartamentos e vi um gato sobre uma cômoda, diminui a velocidade, pensei em regressar e regressei rapidamente, voltei para a cidade de origem, comecei a caminhar, (a cama já não estava lá comigo), fui descendo uma avenida a qual eu já conhecia ( lembra uma mistura de várias avenidas do plano físico) vi ônibus diferentes, correndo muito, me lembro das rodas dos ônibus, eram grandes e duplas, os ônibus eram articulados e corriam muito de forma bem irresponsável, subiam sobre as calçadas e fazim rachas, uma menina estava paralizada sobre a calçada com medo dos ônibus, percebi que quem dirigia aqueles ônibus eram "meninos" uns muleques custosos, vi varios deles em uma praça, continuei minha jornada e fui descendo aquela avenida com plena convicção de que estava realizando projeção astral, fui observando as pessoas e o comércio local, barracharias, padarias, supermercados, bicicletarias etc, entrei em um deles, observei todos os detalhes e pensei comigo, que iria voltar depois no físico naquele local e comprovaria a projeção, tive a incrível e inteligente ideia de pegar um chiclete mascado que estava no chão e pedir para um rapaz que trabalhava naquele local, colocar o chicle numa tomada de energia e ainda pedi caneta e papel para escrever que eu estava ali, nesta hora após o rapaz me conceder uma caneta, tentei escrever num pedaço de papel mas a escrita desaparecia, eu escrevia e a escrita sumia logo em seguida, algumas pessoas observavam, fiquei intrigado e pedi para o rapaz escrever pra mim, que eu estiva lá fazendo projeção astral, resolvi sair e continuar descendo a avenida, pensei comigo que já fazia muito tempo que estava fora do corpo, que será que eu havia falecido? resolvi voltar para o lugar aonde estava meu corpo, chegando perto do prédio comecei a sentir muita fraqueza, muita moleza fui arrastando e ao chegar no predio, comecei a ser puxado e levitei em direção a ele, cheguei no local e indaguei um amigo meu que não conheço no plano físico, perguntei sobre meu corpo, eu estava preocupado, ele me disse que meu corpo estava bem, estava dormindo do mesmo jeito que eu havia deixado ele, foi então que ele abriu a porta daquele quarto e me mostrou meu corpo, quando eu o vi, acordei no físico na minha cama e quarto do plano físico, o prédio e quarto do plano físico são diferentes do quarto e prédio do lugar aonde meu corpo dormia no sonho.
  7. Michael Raduga fala mais sobre isso, abduções e avistamentos de extraterrestres em seu vídeo "The Phase"
  8. Eu tamb sempre sonho com objetos voadores que ficam passeando pelo céu noturno em baixa altitude, sinto que é possível capturar um dele, foi o que fiz, teve um sonho que subi no muro da casa aonde passei minha adolescência, quando passou um deles eu pulei e tentei agarra-lo com as mãos mas ele escapou, porém após isso surgiu um personagem no sonho, um "sabio" e me aconselhou a deixar aqueles objetos voadores em paz, me advertiu serenamente a não tentar mais captura-los. Como eu não sei o que são aqueles Ufos, pretendo não tentar mais captura-los.
  9. Exatamente amigo, eu também consigo me auto-arrepiar quando quero mas o EV não consigo o estabelecer quando quero e sei que os dois fenômenos raros são muito diferentes, não posso afirmar com absoluta certeza que a capacidade de se auto-arrepir seja proveniente de algo energético como o EV, na minha opinião pode ser ou também pode não ser algo puramente biológico, uma sensibilidade física apenas, como a capacidade de espiar ou de chorar quando quiser que poucas pessoas possuem, pode ser energético também pois certa vez durante alguns testes meus, tive a experiência de ficar me auto-arrepiando indefinidamente deitado em minha cama, durante varias horas fiquei deitado fazendo isso para ver no que ia dar, acontece que alguns horas depois destes testes, me senti fraco, debilitado fisicamente, cheguei a ter febre e extrema palidez, adoeci drasticamente e isso foi pela manhã, se estendeu pela tarde e só comecei a me sentir melhor ao anoitecer, ou seja este "auto arrepio" pode estar relacionado a exteriorização energética e não ao EV em si.
  10. Aconteceu novamente, interessante é que eu poderia fazer este mesmo procedimento toda semana mas não, algo na minha mente gera um bloqueio incomum, as vezes não sinto vontade e nem interesse algum na projeção, dai entro na inconsciência do sono sem me lembrar de nenhuma experiência quando acordo, talvez seja esse motivo subjetivo de não desejar lembrar que me tem feito perder estas oportunidades maravilhosas. Pois bem há umas semanas atrás lá estava eu deitado no sofá na posição decúbito dorsal, logo após o almoço, minha mulher fazendo minhas unhas como de costume, coloquei meu tampão de olhos e relaxei profundamente e rapidamente, simplesmente abri meus olhos e olhei para minha mulher ali sentada no sofá e fazendo minhas unhas e ao mesmo tempo e não sei explicar como eu a vi deitada ao meu lado na cama, ao mesmo tempo e eu não sei explicar como eu me vi deitado em uma cama e minha mulher deitada ao meu lado, ao mesmo tempo e eu não sei explicar como, eu vi as duas versões da minha mulher e fiquei ali observando e analisando elas e tudo meio que sem entender o que estava acontecendo, pensei no meu corpo deitado no sofá e despertei, me levantei e relatei a ela o que eu tinha visto. A minha interpretação particular para esta experiência é a de que eu consegui visualizar a dimensão astral e a física ao mesmo tempo através de dois corpos não físicos diferentes, sendo um o corpo etérico ou duplo etérico e o outro o corpo astral, posso estar equivocado é claro mas interpreto esta experiência subjetiva desta forma, temos corpos diferentes, vivendo e vivenciando situações e em lugares diferentes e tudo isso ao mesmo tempo e estes corpos se comunicam instantaneamente e constantemente, estão emaranhados. Já ocorreu comigo de deitar em um lugar e despertar em outro lugar, em outro quarto mas sem me levantar da cama, voltei a dormir e logo após despertei no quarto do primeiro deitar.😊
  11. Alguém pode me fornecer o e-mail do Saulo Calderón?
  12. Eu já li tantos relatos sobre estar lucido do outro lado e as entidades de lá acharem isso algo que não é normal, inclusive vários projetores falam: "eu estou projetado" o que é de maneira ríspida recebida negativamente pelas entidades, abraçando a tese de que a projeção astral é algo rotineiro que todos nós realizamos mas que não lembramos devido ao despreparo do cérebro físico em rememorar, captar as lembranças, entramos em um complexo dilema, pois a lucidez se dá quando recordamos plenamente da projeção astral ou quando lembramos aonde estamos, quem nós somos e para onde vamos durante a experiência de projeção? pois se saímos todas as noites de forma lucida, porque então o fato de existirem tantos relatos aonde as entidades estranham quando a pessoa diz saber que esta lucida, esta fora do corpo tendo uma experiência de projeção astral?
  13. A que pena você não conseguiu encontrar seu querido tio. 😥
  14. Interessante, realmente o que importa é lembrar e um cérebro dopado por anestésicos realmente não vai absorver as lembranças mesmo que se tenha tido experiências astrais incontestáveis, o relato é legal mas os comentários logo após o relato são mais legais, existem diversos relatos de pessoas que exergam espíritos, ouvem passos e sentem a presença deles, porém nunca havia lindo um relato duplo, ao mesmo tempo duas pessoas perceberem um espírito e ouvir seus passos.
×
×
  • Create New...