• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Kazama

B-Membros
  • Content Count

    255
  • Joined

  • Last visited

Everything posted by Kazama

  1. Muito bom Martins. Veja seu relato como um aprendizado. Nele você pode perceber como o cérebro "arruma" as coisas para nós da forma que ele entende como melhor. Muito bacana mesmo. Parabéns pela lucidez. Forte abraço
  2. Eu sofro assédio constante. Meus relatos sempre têm isso no meio. Mas eu costumo perceber que não é minha namorada, ou que a coisa não tá certa, ou que se trata de vampirização.
  3. Sexta, 03/02/12 13:15 às 14:30 Aviso logo que é não é o grudez do TS viu gente? Enfim... Estou eu aqui numa boa, nesta tarde de sexta calma pós greve da PM aqui em Salvador... A greve ainda persiste mas a cidade tá tranquila. Bati um cochilo legal já que acordei cedo pra nada, chegando no fórum me mandaram pra casa pela manhã... Por volta de 13:15 eu deitei... COchilei e acordei 13:45 sem lembrar de nada específico. Nesse tempo eu estava relaxando, sentindo as energias e tal. Resolvi cochilar novamente. Daí eu fiquei umas 5x entre o sono e a vigília, pois eu queria só ficar ali na cama, não queria adormecer. Daí eu sempre escutava a voz de minha prima como se estivesse aqui no pc. Daí teve uma hora que ouvi mesmo a zuada de abrir a porta do quarto (trancada, pois eu estava dormindo à vontade nesse calorzão de Salvador) e aí comecei a ouvir minha prima e minha namorada conversando... Aí eu pensei: "Poxa, Minha prima tá aqui com minha namorada e ninguém nem me acordou pr'eu me vestir e ficar apresentável que nem gente?" Aí eu consegui voltar mesmo, daí eu comecei a ouvir aquela ZOADA infernal da pineal altona!! Só que dessa vez houve uma singela diferença... Eu consegui uma segunda frequência. Segundo uma amiga, essa zoada é alguém tentando se comunicar contigo (ou só te assediando mesmo) só que por não estarem em perfeita sintonia vc ouve apenas um ziiiiiiiiiiiiiiiiiiimmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm. Tentei focar nessa segunda frequência... Nessa segunda frequência logo eu pisquei o olho e pronto como se tivesse acordando (nota, eu estava adormecendo) eu ouvi docemente a voz de minha namorada (mas eu já estava preparado mentalmente) e aí eu olhei e vi uma mulher, de cabelos castanhos escuros cacheados, só que com a parte em volta dos olhos (até onde pude ver) roxos, tipo um zumbi mesmo agarrada em meu dorso (eu durmo sempre de bruços ou de lado, nesse caso eu estava de bruços). Daí eu ainda consegui segurar no braço dela e disse: "Hey, DES-GRU-DA! Sai daí ow..." E ela tava enrolada em mim, não era somente estar grudada nas minhas costas. Com uns 5 segundos ela se desfez e eu senti um baquezinho de leve me "encaixando" no corpo. Mas até quando levantei eu ainda senti pesar um pouco do lado esquerdo do dorso. Se fosse há alguns anos atrás eu morreria de medo. Porém eu consegui me manter firme e tentar "dialogar" com a coisa lá grudada n'eu. Forte abraço galera!
  4. No meu caso foi super real. Se não tivesse tido nenhuma V.A. lúcida, acharia que essa experiência foi. O que tiro é que me parece que eu estava "sonhando projetado", acontece bastante comigo. Foi bem legal e estive mesmo super livre pra fazer o que eu quisesse.
  5. Hoje, por volta de quase 1h da manhã, resolvi dormir. Coloquei um programa youtube como sempre faço. Até aí tudo bem, houve um pouco de desprendimento mas na verdade eu apaguei mesmo. Comecei a sonhar que estava numa casa com minha namorada e + umas 2 pessoas (Agora eu até penso que poderia ser eu sonhando com o encontro regional BAHIA do GVA). Ao deitar eu senti um e.v. forte (não é aquele evzinho de choquinho gostoso não, é daqueles que vai te "consumindo"). Costumo sentir muito em sonhos, ou logo que acordo. Aqui no físico eu não aguento esse e.v. muito doido aí pq chega a "doer" mesmo. mas no sonho era minha deixa pra sair do corpo. Quando eu sentia, aguardava um pouco e aí era só "levantar do corpo." Na primeira vi o quarto com lucidez mediana. Tentava ver o povo, mas via apenas corpos em suas respectivas camas. Daí resolvi o que eu ía pensar. Lembrei de pensar no Saulo pra ir até ele e sei lá, pois a lucidez era tanta, eu pensava e eu interagia livremente com tudo (apesar de ser um sonho dentro de outro sonho). Senti esse e.v. bem forte mas não fui a Recife ver painho conterrâneo, acabei voltando para o corpo no sonho. Daí levantei novamente nos mesmos moldes (a esse momento escrevendo, me lembro de inception "A ORIGEM", aquele filme bom sobre sonhos). Dessa vez, até chamei por painho mas não deu muito certo. Daí resolvi passear pela casa, assim o fiz. Na cozinha eu pensei "Recife!! Lá eu me viro e acho o cabra pra comprovar essa projeção." Acabei foi recebendo umas msgs como que num tablet touchscreen. Fui dando ok achando que era um ok pra ir lá pra longe, senti até um e.v. desse doido forte... mas sem sucesso. Aí pensei comigo "Então vamo brincar um pouco". Atravessei a parede da cozinha (cozinha que eu vi em diversos detalhes e interagi livremente). Rodei um pouco e percebi que ía amanhecer. Daí percebi minha prima acordando. Pulei da janela e fui caindo, dpois pensei em voltar e vê-la (percebi que ela me percebeu). Daí com dificuldade eu voltei voando e perguntei se ela me via e ela disse que sim. Peguei na mão dela e fui flutuando mesmo com ela. Fiquei do lado dela cochichando em seu ouvido e dizendo pra ela não dizer ao povo que eu estava ali (e morrendo de medo de acordar). Após isso... Uma menina pequena me disse que ía me levar numa igreja pra me verem. E disse que tinha um obreiro lá que eu tinha que conhecer... (lembrei que já tinham me falado de um cara que aparece do nada e some do nada também). Aí fui... Na entrada tinha um casal loiro, me parecia alguém (reconheci) mas não puxava da memória de onde, e sabia que o cara queria muito a mulher mas ela nunca o quis, daí agora os dois na igreja ela o quis. Fui adentrando e a menina me levou até um canto e parecia que ía me rezar ou algo assim... A menina deu lugar a um cara (algum conhecido) e "do nada" como prometido um cara apareceu atrás desse conhecido. Como um mágico mesmo. Daí eu disse "Eu percebi vc aí, não o vi chegar, mas te percebi" (e expliquei como percebi). Esse cara que apareceu do nada tinha umas conversas estranhas, era um cara bonitão (apesar de meio cheinho/gordinho tipo eu). Só que houve um detalhe pra eu sair de lá. Dado momento ele virou-se e eu vi um certo volume na área do pênis (e como comumente eu sou atacado por gente com intenções depravadas), daí eu fui saindo de fininho. Obs: Houve mais algo sobre o caminho, de entramos em algo como uma Kombi estranha e mais estreita... Mas não lembro muito bem. Acordei umas 2:39 (eu acho). Com o e.v. fortão que falei, porém não sucumbi, levantei e estou aqui escrevendo. Dormi pouco, sonhei muito... Que coisa. Agora vou ali beber uma água e voltar a dormir, pois com essa ação dá pra anular os efeitos desse e.v. fortão/doidão.
  6. Parabéns pela sobriedade e seriedade! Muito bom mesmo ouvir esse relato. Desejo que sempre consiga cada vez mais ajudar dessa forma. Imagino o quão grato deva ter ficado por conta da experiência. Vamo que vamo porque "do lado de lá" há muito trabalho a se fazer. Abraço!
  7. Olha, concordo com o que você disse sobre dívidas cármicas e etc, creio que isso está intimamente envolvido com o fato e local da reencarnação, mas dai a chegar ao ponto do espírito ESCOLHER a família já é demais. Não acho que alguém que necessite de reencarnação tenha a sabedoria suficiente para tal façanha. Para mim, estamos todos muuuuuito abaixo dessas "escolhas", e quem define isso para mim são as próprias leis do Criador, e não algum Ser específico, muito menos a própria pessoa. Eu sei que exitem relatos dentro da doutrina espírita que dão a entender que isso é possível, mas acredito do fundo da alma que é um equívoco muuuuito grande de interpretação do médium, ou do espírito que ditou a obra. Esse conceito de "morreu, virou sábio" é muito utópico eu não aceito de forma alguma. Vamos lá! 1 - Cara... Existem várias formas de se escolher sua família. O simples fato de vc aceitar ser filho de 2 pessoas que já te fizeram muito mal no passado, para acertar isso, já é uma escolha. Pois se você quiser, conseguirá adiar essa encarnação. 2 - Eu já concordo que "morreu, virou sábio." Pois aqui vc tem sua memória APENAS dessa existência. Já quando você morre, você tem (depois de um tempo, afinal vc precisa se "limpar" daqui) acesso a registros de suas vidas passadas, de forma que terá disponível em si, a experiência de N vidas que teve, e isso sim lhe tornará sábio, indubitavelmente. Forte abraço!
  8. Por vezes, o ser é obrigado a reencarnar, não por espíritos superiores, mas para ajustar a sua própria condição. Não sei se comungam da minha idéia... Mas na verdade (por incrível que pareça) quem obriga o espírito a reencarnar é sua própria consciência. Após passar por cuidados, após sua estadia umbralina, com a consciência tranquila e sã, pode o próprio espírito repensar por completo a existência que acabou de ter e entender onde errou e onde acertou. Ele próprio se cobrará e assim, decidirá por encarnar. A diferença reside em: - Há seres que NECESSITAM encarnar. *Estes precisam pagar alguma dívida ou resolver algum desvio moral. - Há seres que podem encarnar se quiserem. *Em missão, para corrigir determinado defeito (geralmente moral), pois apesar de alguém já estar numa dimensão mais sutil, pode ainda ter consigo algum leve defeito que facilmente pode ser corrigido aqui nesse mundinho nosso.
  9. Muito grato amigo. Qualquer idéia que agregue será bem vinda. Um abraço
  10. Mas eu não tenho feito técnicas. Foi algo que aconteceu um dia apenas e pronto. Mas agora eu já estou melhorando, toh conseguindo diminuir e até ouvir algumas coisas quando estou muito concentrado. É como se estivesse conseguindo estabilizar a frequência.
  11. Permita-me algumas palavras amigo... 1 - Sâo bem uns 6 livros que comprovam a existência de Jesus. Livros de história de diversos lugares. 2 - Quem diviniza de forma exacerbada Jesus é(são) a(s) Igreja(s). Pois ele (a meu ver) foi e continua sendo muito incompreendido, pois o próprio disse coisas que o povo da época não compreendeu (parábolas) e infelizmente hoje poucos ainda conseguem entender. Ele de fato (como vc mesmo disse) esteve muito à frente de seu tempo. 3 - Jesus veio em carne e osso, para mostrar a vc, a mim e a todos que é possível viver uma vida aqui e sobreviver a todas as provações aqui existentes. Ele veio homem (creio eu) por esse motivo, claro que também para ser exemplo. Como você também concordou, ele é um belo exemplo, não desmerecendo todos os outros que também contribuem para a "expansão" consciencial de todos e construção de ideais mais altruístas e fraternos. 4 - Repare uma coisa... Se vc olhar da forma mais isenta possível, Jesus de muitas formas mostrou que não é diferente de nós. Vejo que a "santíssima trindade" vendida pela igreja católica, é encontrada em todos nós. Pois todos nós carregamos aquela linda centelha divina dentro de nós, temos um corpo humano (como Jesus também teve). Parabéns pela reflexão isenta que fizestes, é sempre agradável poder ler reflexões desapegadas. Forte abraço amigo!
  12. Nesse meio tempo, conversei com uma amiga muito bem instruída, com a qual levo longos papos sobre espiritualidade. Ela me disse o mesmo amigo, que são espíritos querendo se comunicar. Lembro tb, que já ouvi uma dica que devemos tentar falar a eles que tentem outro modo de comunicação ou outra frequência, pois esta não está funcionando. Você pode não saber sobre o assunto, mas pelo que pesquisei e conversei com as pessoas, me parece que é isso mesmo, são (a grosso modo) "mensagens/comunicação/informação vinda do outro lado" mas que por alguma diferença de frequência, gera um som elevado da pineal.
  13. Eu não quis dizer que vc estava usando a técnica,apenas que os "sintomas" relatados batiam com os da técnica Azteca.Tendo a ligação com o som da pineal,visões de "vampiros e lobisomens" e manifestações assim Acredito que algo esta fazendo sua Pineal trabalhar com mais força,podendo ser coisas como desequilíbrio energético ou ate mesmo alguma entidade querendo te chamar a atenção pra algo(quem sabe uma auto-analise não traga uma resposta). De qualquer modo,espero que consiga solucionar o problema. Abraço o/ PS:Parecer um Lobisomem durante as VA's é o máximo,controlar a transformação é melhor ainda,não apenas virando lobo,mas qualquer animal.Se ver alguma Hiena gigante correndo por ai durante uma Projeção,de um Oi que pode ser Eu ,ahuahuahu Parecia que eu ía me transformar n'um, e não que eu parecia um. Pois eu travei os dentes e no reflexo da tv eu vi meus caninos mais proeminentes, sabe? Acho que talvez sem querer eu tenha feito algo relativo à técnica, estou pensando... Foi meio aterrorizante no sonho, mas acho que me vacinou. Se ocorrer novamente, ficarei calmo mais rápido. Valeu meu velho! Obs: No dia que eu controlar com certeza eu me transformarei numa raposa. Pois então, se vir uma raposa pode ascenar que sou eu. =D
  14. Sim e não. Vou acabar gravando um video pro povo me entender. Eu não faço técnica alguma específica. Apenas desperto ou não no astral. Porém tem diversas vezes em que acordo já nesse estado, com a pineal no PIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII Se eu deitar e fechar os olhos sinto como se fossem me arrancar do corpo, e é meio doloroso, por isso não vou em frente. No caso do sonho, como eu vi que era sonho, resolvi ver até onde ía isso... E não deu em nada, apenas consegui suportar mais. E no sonho era mais uma sensação de pressão. Pela primeira vez me causou tanto problema sabe? Não vi nada do "arco da velha" ou coisa do tipo. Apenas fiz um teste no sonho, o que ajudou muito, pois apesar de não conseguir trazer a tv com telecinese, tomei mais lucidez de que era um sonho, pois aqui em casa não tem tv de 14". Está sendo a maior complicação pra me entender isso... Mas vamos lá... Vou tentar dar uma meditada por esses dias pra ver no que dá, quem sabe chego ao X da questão, não é? Obrigado a você e aos outros amigos pelas respostas. Forte abraço!
  15. Muito do que é dito nesse blog é o que acontece comigo. Inclusive ouvir frases sem enredo de vozes conhecidas ou desconhecidas. http://trazendoluz.blogspot.com/2011/10 ... ineal.html
  16. Cara... Eu vivo a espiritualidade em cada momento do dia (como acredito que deve ser), porém não tenho trabalhado nada de energias. no máximo eu apenas relaxo antes de dormir, como chamo "meditação de dormir" só pra acalmar e relaxar o corpo aí viro e durmo. Mas imagina só cara, a sensação é de que eu vou ser arrancado do meu corpo. Alguém iniciante mesmo, teria medo de morrer com isso. Pois desesperaria qualquer um, no meu caso eu já estou até levemente acostumado, já percebi que dá pra controlar o volume desse som, porém é bem estranho. No sonho cara, era perturbador mesmo. E parecia que ía me arrancar de mim mesmo, cheguei a pôr a mão na cabeça pra ver se eu conseguia pensar, daí me deixei levar pra ver até onde ía. Logo que acordei tava bem forte ainda, era só deitar e fechar os olhos que vinha essa mesma sensação. Pela primeira vez foi verdadeiramente perturbador. Enfim... Vamos ver se elucido essa dúvida...
  17. Demora um tiquinho, pode ser problema na conexão também. No link o que há é um player tipo o Mediaplayer, só que online e vai passando a programação. Boa sorte!
  18. shuashuhua isso me faz lembrar do desenho Timão e Pumba. valew pelo link abraços Faz 1h que a rádio está embalando meus estudos. Salvo raríssimos breves momentos, está me agradando por demais. E o cara já falou que há uma interação da galera escolhendo as músicas e tudo. Achei muito bacana.
  19. Tá passando Hakuna Matata agora. Tô começando a achar que essa rádio é filiada à RVA do IVA, pois bom humor com certeza está presente!
  20. http://www.radios.com.br/play/1_esotefmweb-br.htm As músicas são bem selecionadas e bem estruturada a rádio.
  21. Pessoal... Sabem aquele som da pineal que nós ouvimos bem atrás da orelha direita um pouco abaixo? Bem aquele que pedem pra nos concentrarmos para fazer viagens astrais em algumas técnicas? Pois bem... Já há muito tempo venho tendo um certo problema com esse som, porém hoje ultrapassou um pouco os limites. Normalmente eu tinha o problema de logo ao acordar, se fechasse novamente os olhos o som vinha e crescia fácil, daí eu não segurava o tranco e voltava a acordar, pois era muito forte a sensação que sentia a ponto de não suportá-la e de fato ter receio. Hoje me ocorreu dentro do sonho. Depois de diversos sonhos meio loucos, de pouco sentido mesmo (agora que acordei, pois na hora eu entendia tudo). Depois de sonhar com minha namorada, com minha namorada e amigos, com desenho animado... Finalmente eu estava em casa pra dormir, somente eu e minha mãe, só que era beeeeeeeeeeem diferente a casa, bem pequena mesmo a casa. Daí eu era acometido por esse problema na pineal, só que pasmem... ACORDADO! (dentro do sonho, claro). E aí eu tentava suportar, porque lá dava a entender que algo queria se apossar de mim, quando eu vi meu reflexo na tv pequena, eu mesmo cheguei à conclusão que naquele estado eu parecia um lobisomen ou um vampiro, isso ocorreu umas 2 ou 3 vezes no sonho, eu até tentei "puxar" a tv com a força do pensamento pra ver se eu estava ganhando super poderes... Em vão. Quando tudo cessou, em vez de dormir resolvi abrir a porta do quarto de minha mãe, tentava explicar tudo pra ela, mas minha voz estava rouca, o máximo que ela me dizia era "Vou ter que comprar um remédio pra você, essa sua voz está muito rouca!" Daí eu não lembro se eu disse ou mesmo ela: "Aqui (quarto de minha mãe) parece estar mais tranquilo." Enfim pessoal... Acordei, novamente com problemas com a pineal, até fiquei calibrando o volume mas por receio resolvi dar uma acordada mesmo, pois eu sei que pelo sono ela ía aumentar de volume e eu iria me assustar... Dúvida (finalmente): Como eu faço para lidar com esse problema da Pineal?
  22. Meu sonho apenas parecia amigo, não era bem o counter strike. O seu foi O Counter Strike em si.
  23. Saiu em grande estilo e de agenda cheia Abraço!
  24. É difícil dizer... Só você mesmo para se responder isso com base nos detalhes que tiver à disposição. Seu relato tem poucos detalhes para poder entender o que foi. Mas é bem possível que tenha sido a lembrança (em um flash) de alguma projeção, pode até nem ter sido dessa noite...