• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Marcos Iniciante

B-Membros
  • Content Count

    6
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutral

About Marcos Iniciante

  • Rank
    novo Membro (1+)
  • Birthday 11/17/1992
  1. :DDD Boa nando, gostei pra caramba, continua assim, música alegra os corações, não importa o estilo, desde que nos agrade :]
  2. Boa tarde, vagando pela net encontrei esse texto bacana A SOLIDÃO A solidão não existe. A solidão é tão-somente medo do eu. Medo de si próprio. O ser humano anda há tantos séculos a prestar atenção aos outros: o que dizem, o que pensam, o que acham, o que julgam, que não desenvolve o hábito de olhar para dentro. Sentir-se por dentro. Lembras-te: «Vocês não são o que pensam, são o que sentem»? Claro que o ego também não ajuda, está sempre a dizer-te o que deves ou não fazer. E se reparares, são sempre indicações para fazeres ou pensares coisas fora de ti. Sempre fora de ti. Sempre relacionadas com os outros. Conclusão: começa a haver um abismo entre o que tu és e o que tu pensas que és. É muito mais prático achares que és uma série de coisas. Se essas coisas forem politicamente correctas vão dar-te imenso jeito. Mas esqueces-te de que existe um ser aí dentro que quer e precisa de existir, que tem vida própria, às vezes até muito mais desconcertante do que te daria jeito admitir. Esse ser és tu e não há como negar. Quanto mais sentes esse ser que és a querer existir, maior é a tendência de te esconderes por detrás dos outros. Vou dizer-te uma coisa. Por mais absurdo que pareça, é muito mais fácil sermos o que esperam de nós, do que sermos nós próprios. Porque ao seres o que esperam de ti não entras em conflito com ninguém, não desiludes ninguém, enfim, a tua vida fica muito mais fácil de viver... com os outros. O problema é que se torna cada vez mais difícil viveres contigo própria. E porquê? Porque ao seres - ou tentares ser - o que esperam de ti, não contas com uma frequência energética fortíssima que não aceita ser contrariada. O teu eu. A tua alma. O teu ser. A tua essência. A solidão não existe. O que existe é o Universo a retirar todas as pessoas do teu caminho para definitivamente te encontrares com o teu interior. O retorno ao ambiente mágico do teu interior. E esse ambiente, quanto mais vivido for, mais mágico se torna. A Alma Iluminada, Alexandra Solnado http://marazul21.multiply.com/journal/item/168
  3. Gostei Muito do texto e concordo perfeitamente. Jesus buscou o homem, não fugiu, sabia que encontraria seguidores e críticos que tentariam derruba-lo. Buda simplesmente demonstrou o caminho para a elevação da consciencia que permitiria fugir dos críticos, das ofensas, pois se alcançaria a paz eterna, aprendendo e apreciando cada tiquinho de paz no nirvana.
  4. Olá a todos, já cadastrei faz um tempinho já nesse forum ainda, mas n tive a oportunidade de me apresentar, só agora então tai, xD espero poder ajudar e ser ajudado por vcs. Obrigado
  5. Elize, muito interessante seu relato. O bom é que ele estará bem , onde estiver.
  6. Eae pessoal,Nando, tranquilo? Bela experiencia, me impressiona a facilidade que tems para deixar o corpo fisico.Pena que tem esse "perigo" de tentar acordar um outro projetor, senão iria pedir para voce me dar uma maozinha aqui! hehe