• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Sucedeu

B-Membros
  • Content Count

    140
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    1

Everything posted by Sucedeu

  1. De fato, este é um assunto polêmico. Vai muito da profundidade em que se estuda o tema para se chegar a alguma conclusão que se aproxime de um veredicto plausível sob a ótica da Ciência. Mas isso por si só, não é suficiente para que se tenha um critéiro definido, tipo acredito ou não. Vai da consciência de cada um, sua intuição e suas convicções. Na antiguidade a passagem dele por aqui foi registrada pelos Sumérios em blocos de pedras, como eram feitos os registros naquela época, gravaram dois sóis no horizonte de uma paisagem. E deixou várias sequelas e produziu muitas mudanças geográficas e físicas no Orbe Terrestre. Ele faz parte da órbita de outro Sol, e é uma órbita muitíssimo maior no seu comprimento, tanto que ele leva 6.666 anos em cada volta. E também que ele é um grande magneto, ou seja, tem um forte campo magnético que atua forte nas órbitas dos planetas por onde ele passa, mesmo estando à distância. Há uma mensagem do espírito Ramatis, psicografada que foi em 1952, falando que a passagem dele por aqui seria inevitável e que estaria próxima. Sabemos que o tempo ao qual estamos acostumados aqui na Matéria lá no Astral, é diferente, parece passar mais depressa do que aqui na Matéria, as experiências nas viagens extra-corpóreas comprovam isto. Então para ele, seria uma aproximação bastante provável para agora, neste século, diferente para nós. Por outro lado, as mudanças climáticas que ocorrem em parte é pela poluição ambiental, o degelo Polar, o buraco na camada de Ozônio, o monóxido de carbono, o desmatamento e também por ele, que está recolocando no lugar o eixo magnético da Terra, refazendo um servicinho realizado por ele mesmo há milênios atrás. A própria Atlântida afundou numa das passagens dele por aqui. Vocês sabiam que os Polos da Terra eram habitados e tinham clima ameno, sem as geleiras de hoje? Voltarão a florescer, assim como outras partes secas submergirão e oputras afundadas emergirão. Mas isto é assunto para outro post. Espero ter contribuído para enriquecer o debate. Luz, muita Luz!
  2. Sucedeu

    Ser Feliz

    É vero, Iluminare, sómente para sabermos viajar dentro do nosso próprio ser temos que ter na bagagem uma dose razoável de sofrimento amadurecido numa nova situação de vida, que nasce como a bonança vem depois da tempestade, sendo um combustível turbinado que nos faz ter consciência exata das nossas limitações, nossos defeitos, virtudes e aquilo que ansiamos e podemos alcançar. Nada como uma pancada moral e sutil, para nos fazer levantar de novo e voltar à luta. Luz, muita Luz!
  3. Então, Alexandre, o mais difícil está em conseguir fazer esta migração consciencial da mente, onde ficamos nos momentos de concentração, preces e estado de quase sono, para o mundo real, onde tudo que é bom está escondido, ou são tantos desafetos disto que fazem a maioria e tornam a missão mais difícil de ser executada. Enquanto estamos na 4ª dimensão, somos uma energia volátil, mas presa ainda ao corpo e às amarras terrenas e, por isso, falíveis do ponto de vista espiritual. Vem de encontro a citação no post acima, ficamos desprovidos de humildade, caímos em maldades como a inveja, o egoísmo, a prepotência, deixando de lado aquilo que no Astral é tão fácil mentalizar e agir como tal. Talvez precisemos ainda sofrer mais, obter um saldo devedor maior de tantas atrocidades, desvios de conduta, maldades e maledicências a respeito do próximo, enquanto aqui estamos , no Planeta de Expiação. Talvez daí, seja alcançada uma plena situação de equilíbrio, trazendo assim maior serenidade para nós e para outrém. Mas quanto trabalho temos pela frente! Não só nós próprios, mas de escalrecimentos e de luz nas consciências, trazendo-as à razão. Luz, muita Luz!
  4. Prezado amigo, jogastes um faixo de luz dourada em nossas consciências ao postar estas sábias palavras que são, na verdade, um ótimo guia para qualquer um que queira caminhar na estreita trilha da retidão e simplicidade. Obrigado, Iluminare. Luz, muita Luz!
  5. Então, é aí que mora o perigo. Como costumo dizer, quem viver verá. Uns falam que será breve, outros dizem que não é para agora, a verdade é que estão em curso muitas mudanças, quase imperceptíveis, mas estão ocorrendo. Uma delas é a "popularização" crescente do espiritismo na década de 80 em diante. Quem poderia imaginar este estado de coisas há 50 anos atrás? Luz, muita Luz!
  6. O velho materialismo, acaba sendo um paradoxo: Foi a sanha materialista que induziu o homem a se lançar na revolução industrial que revolucionou tudo no século XvIII, o modo de vida, o modo de produção, o consumo e a diferenciação do campo para a cidade, o ser urbano e o rural. Por outro lado, desperta o egoísmo e a mesquinhez deste mesmo ser humano, criando as divisões em classes e atrasando o progresso moral e espiritual. As respostas clareiam inconteste o problema, indo mais além, nos informando que levarão ainda mais duas ou três gerações para que o espiritismo chegue ao lugar de destaque na sociedade humana, para que se processem as transformações necessárias ao progresso e derrubem os céticos de plantão. É como foi dito, tudo tem a sua hora para acontecer e esta hora chegou. Luz, muita Luz!
  7. Ainda adicionaria à execelente mensagem que, sem termos a nossa auto-estima em ordem, ou seja, se não estivermos nos amando a nós mesmos como somos, não poderemos amar ninguém. Como poderemos fazê-lo sem nem ao menos gostarmos de nós mesmos? Sendo nada, aceitamos o outro(a) sem tantas restrições e tendo uma imagem positiva de nós mesmos, tudo fica mais fácil, sermos aceitos e aceitarmos quem quer que seja. Luz, muita Luz!
  8. Obrigado, muito esclarecedor. Eu, sinceramente, tinha uma vaga idéia de que isto de fato, permeava outras vidas e tinha origem mais remota, do que numa vida tão sómente, era pouco provável que se manifestasse. A tese que explica o que acontece, as ramificações na origem da pessoa, desde a concepção, as influências externas e a preciosidade de ter a seu serviço a energia sexual, que tanto está em moda, porém poucos sabem a sua verdadeira função, além de ser uma energia reprodutiva das espécies, a influência direta nas ações da pessoa, é muito interessante o caminho deste raciocínio. Não havia pensado neste formato, agora entendo como não uma doença e sim como uma consequência pós vida passada, onde foi vivida desta forma e agora se manifesta nas impressões da alma que estão gravadas no subconsciente. Muito interessante. Luz, muita Luz!
  9. Grande Roberto, há quanto tempo! Pois é amigo, estamos de volta. Amigo Giu, esta mensagem vem de encontro à uma situação vivda exatamente agora e como o acaso não existe, tomo-a como um grande presente neste Natal! Vou aproveitá-la. Obrigado amigos Luz! Muita Luz!
  10. O que se vê é um desrespeito total à individualidade do ser humano em todos os sentidos, no trabalho, na família, na sociedade, onde impera o poder financeiro que só esmaga quem nada ou pouco tem. Esta transmutação exige-nos uma dose de sacrifício ainda mais apurada, porque mexe no nosso íntimo, enquanto que a mídia nos leva para o lado oposto, ao descuido, ao envenenamneto, à vida fácil, sem responsabilidade com nada, muito menos consigo próprio. Pore´m, a vibração da reação e do comprometimento vem do espírito e derruba um a um, deste exército de opulentos irmãos que não se dobram às evidências que a mudança está em curso e teimam na manutenção do que já é passado, o que estava na 3ª dimensão. Continuemos na luta! Agora e sempre! Luz, muita Luz!
  11. Então amigos, o Planeta está doente, as calotas estão derretendo, o buraco de Ozônio aumentando, o "el niño" mais frequente(aquecimento das águas do Pacífico)o desmatamento crescente na última grande floresta, a Amazônia, doenças nunca antes vistas agora estão na agenda dos cientistas, pedindo passagem e matando muitas pessoas. O tempo avança rápido na direção da nova acomodação que a Natureza irá fazer diante da teimosia humana em destruir o que ainda resta. Este e outros sonhos com aberrações deste tipo, são intuições no subconsciente que denotam a urgÊncia do momento, o que está chegando, não escaparemos. Mas também me dizem que nós viveremos, nossos netos sim... Eu sinto que a transição já começou, mas isto é devagar...
  12. Prezado amigo, na minha forma de ver, este fenômeno de "esquecimento" do povo brasileiro é um bálsamo divino que só faz afastar a discórdia, os enfrentamentos e as lutas civis. O Brasil além de ter um povo pacífico, é uma miscigenação forte do sangue europeu, africano, árabe, asiático e americano, com o índio que aqui já estava. Então, também sendo a "Pátria do Evangelho" ninguém melhor do que ela para abrigar todo mundo sem brigas!O acaso não existe.