• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Juca

B-Membros
  • Content Count

    37
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutral

About Juca

  • Rank
    Advanced Member
  1. Bom, uma coisa eu sei, os mentores, até mesmo pela natureza do trabalho, não estão encarnados. Mesmo porque a encarnação nos atrapalha em muito, inclusive a consciência do espírito, de outras vidas, etc. O que atrapalharia bastante um trabalho tão importante quanto ser mentor de outro espírito. O que acho que aconteceu, é que encontrou outro espírito que por alguma razão, foi atraído para o mesmo lugar que você.
  2. Andei relendo alguns dos meus posts e achei este bastante antigo vejo que muitas coisas não mudaram. Saudações
  3. Muito boa essa explicação Ryann_Dreak, simples, mas direta. Acho que todos nós devemos nos melhorar e nos corrigir para alcançarmos estes mundos de regeneração. 1 abs
  4. Concordo com ti Erivelto. Mas tb penso que algo grande pode acontecer...levar muita gente embora e os que ficarem serem obrigados a melhorarem ao máximo. O que acha?
  5. Legal seu relato e bastante comum o que vc relatou. No plano espiritual temos que ter consciencia que estao desencarnados 4x mais pessoas que encarnados. Que a grande maioria, infelizmente não trabalha em prol do proximo ou de seu adiantamento e muitos outros apenas "vagam" sem objetivo de "vida".....e uma outra parte trabalha pelo mal ao demais....e uma outra parte que trabalha pelo bem! O fato dele fumar e beber com certeza o atrai para perto de pessoas encarnadas e com o mesmo estilo de vida....boemios. E que no fundo acabam atrapalhando sim, embora eles achem que não. Na próxima vez, tente questioná-lo sobre o que ele faz de util e tente induzi-lo para algo melhor, as vezes vale a pena questionar sobre amigos e parentes queridos destes....que na maior parte das vezez eles não se lembram e essa forçada os faz pensar no tempo que estão perdendo. Saudações!
  6. Oi Amigo Luiz, Eu ainda não consegui ter a certeza de que era a Terra. Mas também concordo que nosso planeta esta evoluindo e logo mudaremos de "estagio". Porem, creio que essa mudança para um corpo de luz ainda vai demorar muitoooooooooo. Abs Juca
  7. Ola Wellington, Obrigado pela consideração. Sempre tenho estes "sonhos lúcidos" que já sei que não são imaginação pela riqueza de detalhes e pela realidade de tudo e como acontece. Tento controlar para ter 1 EV consciente neste sentido de trabalho, mas quase nunca são. Já percebi que sempre que estou de bom astral e com boas vibrações, então tento iniciar a técnica de relaxamento, mas mesmo sem sono, acabo dormindo quase que instantaneamente. E nunca posso passear consciente pela minha casa. :oops: Abs
  8. A mudança vai haver, mais cedo ou mais tarde. Se fizermos nossa parte e nos reformarmos internamente, não haverá o que temer. Mas que bate uma curiosidade doque vai acontecer....isso vai!
  9. Caros amigos, Na noite em questão, fui dormir cedo pois estava extremamente cansado. Quando estava adormecendo, no quarto escuro, de olhos abertos conseguia ver uma outra sala, como se a estivesse vendo pela janela, mas não sei relatar o lugar e com certeza não era minha casa. Logo acordei em uma rua que parecia ser em uma cidade litorânea, mas não sei dizer qual, a rua era de paralelepípedos e podia sentir o cheiro da maresia. Na rua 3 homens me esperavam, não me lembro bem da feição deles, mas sabia que os conhecia. Quando cheguei até eles, um deles me entregou 1 comprimido branco e disse que entregasse a um rapaz (na hora me veio à mente 1 foto dele) que eu deveria contatar e que os pais dele estavam à espera dele. Então, caminhamos pela rua, mais um quarteirão e logo eles pararam e continuei sozinho e fui em direção a uma casa de muros rosa claro e portões de ferro preto. Entrei e logo vi como se fosse 1 grande festa, mas parecia algo ligado à religião africanas, vi alguns homens passando com aquelas roupas de palha, mulheres e homens dançando, pessoas em grupos bebendo e jogando cartas, música de tambores muito alta, parecia que no local que era muito maior que o quintal daquela casa pudesse ter na realidade, a sensação era meio pesada. Fui andando em meio a todos, despreocupado, certo de que tinha que encontrar o garoto. Andei em meio a esta “festa” toda por um tempo que acredito que tenha sido cerca de 30 min mais ou menos. Então encontrei o garoto, que parecia ser jovem e tinha uma aparência péssima. Cheguei nele e disse que os pais deles o estavam procurando, com saudades e preocupados com ele. E perguntei se ele queria ajuda para sair de lá e ver os pais e receber ajuda. Recordo-me dele ter pensando e dito que sim com cara meio de choro. Então entreguei a ele o comprimido branco, mas logo que ele o pegou e se afastou, algumas pessoas me viram fazer isto e ouve um alarde enorme, a música parou e ouvi gritos contra minha pessoa e pessoas vindo em minha direção nada felizes. Virei-me, tentei disfarçar e sai correndo, mas nessa, havia umas 20 pessoas correndo atrás de mim, sai pelo portão e continuei correndo pela rua, mas não conseguia volitar na hora e não sabia o porque, passei pelos 3 homens que encontrei no começo, mas os meus perseguidores não os viram. Virei 1 rua a direita e continue correndo e eles chegando cada vez mais perto e gritando frases de ódio e coisas que deveriam fazer comigo. Lembro-me de ter visto 1 portão de uma casa aberta e entrei, mas a porta estava fechada, então subi no portão e antes deles me alcançarem, me joguei de costas para trás. Então acordei ofegante em minha cama, era como se eu tivesse caído em minha cama naquele momento. Mas sei que meu corpo ficou lá por todo tempo. Alguém arriscaria o por que não volitei, ou porque senti a sensação física ao acordar ??? Saudações
  10. Olá Israel, Quero ajudar a esclarecer um fato que pode ter ficado dúvida. O médium de incorporação que acho que foi o que citou é chamado assim pois ele aceita e interpreta os movimentos e falas dos irmãos espirito, este tipo é muito comum nas religiões afro descentes. Porém, nenhum espirito pode ocupar o corpo de alguém vivo, ou seja, ele não entra no corpo de ninguém. O que acontece é que eles se aproximam e por sintonia transmitem fala e até movimentos para o médium. O médium tem total controle do que acontece, 99% são conscientes e ele pode ou não transmitir a mensagem na integra ou os movimentos. Quanto ao fato de acreditar em que o espirito fala, concordo 100%, e no próprio evangelho adverte sobre os falsos profetas. Sempre que houver uma mensagem, cabe a quem recebe e a quem a ouve, passar pelo crivo da razão e do bom senso. Quanto orar por espiritos elevados, nada de mal tem nisto, é como orar por um ente querido e do bem.
  11. Amigos, Faz tempo que não posto nada, mas sempre leio os relatos. Quero partilhar algo com vocês, não sou praticante de nenhuma técnica, já tentei e parava na hora do desdobramento, devido sempre ao medo. Porém, por outro lado, tenho sonhos conscientes com muita freqüência. Mas sempre quando estou bem emocionalmente e de sintonia elevada. Há algum tempo, descobri que no Plano Espiritual tenho 1 “trabalho”, não assalariado e sem freqüência, e é disto que quero expor. Sou médium psicofônico e não sei se isso colabora a meus “sonhos” serem conscientes ou não. E devido a estes sonhos, acredito ter descoberto em que ocupo meu tempo produtivo durante a noite. E ressalto que não é sempre. Sempre que acordo as memórias continuam muito claras, sem bagunça e sem mistura de elementos (as vezes acordo no meio da madrugada na sequência), a mesma qualidade de memória com que lembramos o que fizemos pela manhã ou pela tarde do mesmo dia. Portanto, cheguei à conclusão, que pode ser um trabalho que faço. Neste “trabalho” eu auxilio ou faço “resgate” de espíritos em zonas umbralinas e/ou de densidade muito baixa e feia (os busco ou os acho, e encaminho para outra equipe). Mas sempre com a consciência do que estou fazendo e devo fazer. Conheci uma senhora que faz VA consciente e me relatou que trabalha em um pronto socorro do plano espiritual. Minha pergunta é: Alguém mais trabalha ou acha que trabalha em algo? Logo colocarei mais relatos sobre minhas experiências. Saudações e feliz por escrever novamente. Juca
  12. Roberta Este seu relato me lembra o que o Vinicius colocou. Espiritos ainda em um estágio inicial de desenvolvimento podem ser chamados de "elementais", ou como muitos falam, gnomos, fadas, etc. Não são dotados de bondade, nem de maldade, mas desempenham um papel mais "material" junto a natureza em todos aspectos. Nem todos os espiritos passaram por este estágio e não sei o que os levam a isso. Quando grupos de espiritos superiores precisam de alguma forma interagir com a natureza e dada a "própria" matéria, faz com que estes espiritos tenham dificuldades de manipular esta energia e por isso usam da ajuda destes espiritos ainda elementais para tais trabalhos. É dificíl relatos com elementais desta natureza...acho que foi sortuda ! Abs
  13. Roberta Este seu relato realmente remete a idéia de uma região mais densa, talvez na nossa própria crosta...e tenha certeza que aqui, na crosta com excessão dos pronto-socorros espirituais, não há relatos de regiões de vibrações mais elevadas. A questão do orgão sexual não é nada estranho, desde que se sabe que muitos dos irmãos desencarnados nestas regiçoes tem grande apego ao sexo e como sabemos o espirito não tem idade, portanto não é uma criança como conhecemos, pode ser um espirito ligado de alguma forma a pedofilia...sei lá. Acho que te ajudaria uma boa leitura e oração antes de se deitar, para melhorar a sua sintonia. Ou quem sabe vc visita estas regiões com algum propósito (talvez trabalho). Boa sorte.
  14. Kauã Uma coisa importante é vc ter vontade de ajudar. Me lembro que uma vez li um relato psicografado de uma equipe espiritual que disse que de a cada 1.000 pessoas que se dispunham, enquanto lúcidos a ajudar no plano espiritual, estes mesmos, quando em desdobramento ou VA na verdade não o faziam e destes 1000, apenas 5 realmente trabalhavam pelo próximo no outro plano. Parabéns !
  15. Ainda pesquiso sobre os relatos de 2009 e 2013, mas ainda há muita contradição e "lendas" misturadas, então, acho que não estamos prontos a saber os proximos acontecimentos. E o mundo precisa de pessoas boas, sempre me esforço para ser, mas sei que ainda falho e muito preciso melhorar.