• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

André Luís F.

B-Membros
  • Content Count

    287
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutral

3 Followers

About André Luís F.

  • Rank
    Trabalhando as Energias (200+)
  • Birthday 09/02/1991
  1. http://br.groups.yahoo.com/group/voadores/message/8591
  2. Acho que o melhor é "dar tempo ao tempo". Se ele acha que isso foi a causa e quer se afastar de assuntos espiritualistas deixe-a fazer, o que para ela talvez seja uma necessidade. Pode ser que esse afastamento lhe dê mais segurança e discernimento com as questões espirituais. Uma coisa lhe garanto: o que provocou essa experiência "ruim" à sua mãe não foi a técnica e sim a questão de sintonia. Mas respondendo sua pergunta (com uma opinião), creio que sim, o processo energético estimula as percepções parapsíquicas. P.S.: Essa área onde postou é voltada à dúvidas e sugestões sobre o funcionamento do fórum (se não me engano). Para assuntos específicos como esse apresentado tente postar na área "Dúvidas" (na parte superior), localizada na seção "Viagem Astral". Abraços.
  3. Oie, Isaac. Seja bem vindo, companheiro.
  4. O Saulo uma vez fez uma analogia interessante em algum áudio a esse respeito. Ele nos comparou a uma bateria (de carro) que quando estamos com pouca energia a tendência seria puxarmos energia (como quando a bateria de uma carro acaba e fazemos a troca de um carro para outro), com isso ambas terminam a troca até estarem estabilizadas. Pelo que li no livro Legião, o processo de "vampirização" é com outros propósitos, mas a grosso modo somos "vampiros" quando carentes de energia. Se não me falha a memória e entendimento foi isso, mas talvez alguém com um conhecimento mais amplo no assunto possa lhe esclarecer melhor, pois meu conhecimento é precário nesse assunto. Abraços.
  5. Oi, Pryscila. Seja bem vinda. Olha, não considere como uma afirmação, mas sim como uma hipótese, mas se não me engano há um chacra corresponde a região da barriga (chacra esplênico) que tem tanto na parte da frente (barriga) como na parte de trás (costas). Então pode (hipótese) ser que seja esse chacra, mas não tenho certeza alguma. Depois posta lá em dúvidas porque alguém deve saber de algo. P.S.: No 2º vídeo tem uma animação para entender melhor o que eu falei: http://www.viagemastral.com/gva/viewtopic.php?f=23&t=10558
  6. Oi, Artur. Seja bem vindo, cara. Abraços.
  7. Olá, Leo. Não tenho como diagnosticar o que foi sua experiência, mas analisando as evidências que você trouxe creio que você teve um E.V. Queria saber: Como estava sua lucidez? Você via, raciocinava e agia como estivesse em vigília ou parecia meio confuso? Como era a sua noção de tempo? Você se deslocava de cenário de repente ou se deslocava como se deslocaria acordado?
  8. Creio que a dificuldade do processo não esteja no ato de projetar (tendo em vista que toda a noite nos projetamos mesmo sendo por centímetros), mas sim na lucidez. Aí que se encontra o obstáculo a ser enfrentado para se ter uma projeção lúcida.
  9. Excelente vídeo feito por nosso companheiro do GVA. Igor: http://www.youtube.com/watch?v=7qlN0ePCW8g
  10. DJ, assista a esses três vídeos, que o ajudarão muito: - Explicação sobre o E.V. I: - Explicação sobre o E.V. II: - Mobilização Básica de Energias: http://www.youtube.com/watch?v=wObyATcHKE0
  11. Toquinha, para saber isso a O.L.V.E. (Oscilação Longitudinal Voluntária de Energias) auxilia muito na questão da sensibilidade. Com isso fica mais fácil saber se seus "chacras" estão bloqueados ou não. A "visualização" não é muito recomendada não. Mover energias é através da vontade e não da imaginação. Recomendo que você veja esses dois vídeos, "linkados" na assinatura de meu perfil (logo abaixo), que falam justamente sobre o Estado Vibracional (E.V.). Abraços.
  12. Recomendo que leia as pesquisas da Drª. Tanit Ganz Sanchez. Ela faz um trabalho todo voltado a causa desse zumbido. Em 2010 ela teve uma palestra exibida pela Rádio Boa Nova relacionando o zumbido com a espiritualidade. Abraços.
  13. Olha, ambas se relacionam, mas não são a mesma coisa. Apometria é uma ferramenta para tratar casos de obsessões complexas utilizando-se de recurso o desdobramento induzido (quando você induz outra pessoa a sair do corpo). Já a projeção astral é quando nós deixamos temporariamente o corpo físico. Segundo dizem, toda a noite deixamos o corpo físico, mas o objetivo do estudo da projeção astral é desenvolver o controle e a lucidez durante o fenômeno. Para entender mais sobre a Apometia recomendo que leia o livro do desenvolvedor da técnica, José Lacerda de Azevedo: http://www.viagemastral.com/gva/viewtopic.php?f=24&t=11066 Já a projeção astral recomendo que ouço os áudios do site "viegemastral.com" e pesquise sobre: Saulo Calderon, Waldo Vieira, Wagner Borges, etc. Abraços.
  14. Gustavo, concordo com você. Também não creio que a antimatéria seja um pedaço da realidade espiritual ainda não. Acho que o "buraco é mais embaixo". Mas ainda tenho muito a pesquisar sobre estes temas para firmar meus "achismos".
  15. No seu caso, eu procuraria me informar (tanto com quem já usou quanto o que dizem os pesquisadores) melhor antes de usá-la. Não sou a favor e nem contra. Boa "sorte". Abraços.