• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Infinite

B-Membros
  • Content Count

    707
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    18

Everything posted by Infinite

  1. O valor que eu vejo nas profecias não é a suposta data em que tal evento ocorrerá, mas o seu conteúdo. Nos últimos anos de meus estudos metafísicos, eu tenho percebido que a obtenção de informações (por meios parapsíquicos) do tipo "históricas", isto é, que têm a ver com as conjunturas que são formadas pelas escolhas individuais e coletivas de uma população planetária, está bem mais sujeita a distorções diversas do que a obtenção das informações que classifico como “filosóficas”, isto é, que lidam com a natureza estrutural do universo e com suas leis sutis. Por exemplo, informações tais como a existência de outras dimensões, a sobrevivência após a morte e a reencarnação estão quase sempre presentes nas fontes que lidam com o aspecto esotérico e espiritualista da vida. Já informações mais específicas como por exemplo porque, como e quando a Atlântida afundou já variam bem mais. Portanto, não vejo tanto valor em se apegar a datas, mas no que essas supostas profecias dizem: haverá um período de intensas mudanças planetárias que marcarão o fim de um ciclo sobre o planeta Terra e possivelmente após essas mudanças a transição planetária ocorrerá. A preparação espiritual para essas mudanças é a única coisa de real valor, pois o que poderia o homem tentar mudar? Nada. Seria como peixes em um aquário tentando parar uma grande rachadura no vidro e o consequente vazamento da água. A busca pela reforma íntima, elevação da consciência, iluminação espiritual, etc. é a única coisa que importa. Outro fator que vale a pena ser mencionado são os infinitos futuros possíveis. Alguém pode, através de alguma habilidade psíquica, visualizar uma linha do tempo que pode nunca chegar se manifestar e esta fica apenas como possibilidade/probabilidade não-manifestada. Falando sobre a MINHA COMPREENSÃO no que tende à sua pergunta no final do seu comentário. Eu creio que a pandemia possa ser algum de prólogo para mudanças mais intensas que em algum momento ocorrerão. Mas eu não acho que esteja ocorrendo algum tipo de separar do joio e do trigo no que tende a quem vive ou morre em decorrência da covid-19. Para isso eu devo explicar como eu entendo essa questão de apocalipse e transição planetária. Existem ciclos planetários compostos por vários milênios que são o tempo em que ocorrem as encarnações no plano físico da Terra. Quando os ciclos acabam, o planeta se move para um novo nível vibracional ou dimensional. É meu entendimento que estamos no último ciclo do que eu chamo de terceira dimensão. A Terra passará a ser um planeta de quarta dimensão (muitos chamam de quinta dimensão, mas eu entendo que a evolução é matematicamente gradual). É possível de haver mudanças drásticas no fim de um ciclo, que são apocalipses. Ao meu ver, o vindouro apocalipse será decorrente das ações coletivas negativas da humanidade nos últimos milênios. Será uma espécie de resgate kármico planetário. Paralelo a isso, no fim de um ciclo ocorre um evento metafisico (porque ele acontece em dimensões além do plano físico) que seria o que está escrito na Bíblia sobre separar o joio do trigo. Após a morte, aqueles cuja vibração é energeticamente compatível com a vibração da nova Terra irão permanecer aqui. Como já não ocorrerão mais encarnações na terceira dimensão, aqueles que não atingirem a vibração mínima serão realocados/transmigrados para outros orbes que se encontram em um estágio similar ao que a Terra se encontra hoje. Eu acredito que esse período de "triagem espiritual" se iniciou por volta de 2011-2012, e irá continuar até que a humanidade da terceira dimensão seja extinta. Quando será a hora derradeira ninguém sabe. Até Jesus disse que apenas o Pai saberia a hora. Por isso, o importante é não nos apegarmos aquilo que pode ser morto ou destruído. Mas buscarmos pela nossa essência, aquilo que é eterno e imortal.
  2. Sempre esteve. Pode-se dizer que é uma visão dissidente da ufologia original. Quando se estuda a linha do tempo do fenômeno UFO moderno (que começou na década de 40) observa-se que, ao mesmo tempo em que as luzes eram vistas nos céus, médiuns de várias partes recebiam mensagens de extraterrestres.O núcleo de informações de tais mensagens eram bastante similar. Muitos grupos esotéricos se interessaram pelo fenômeno e começaram a estudá-lo. Um dos mais famosos contatados da época foi George Adamski. Anos antes do seu primeiro contato ele fundou uma ordem esotérica na década de 30.
  3. Legal é a notícia de 2010 linkada nessa matéria: http://g1.globo.com/brasil/noticia/2010/05/india-iogue-de-83-anos-que-nao-come-ha-70-impressiona-medicos.html Ele impressionou os cientistas.
  4. Suponho que você siga uma rotina de autodefesa psíquica, preparando o ambiente todos os dias, certo?
  5. Bem, vou escrever a SUPOSIÇÃO que eu tenho desse conceito, que é baseada em certos estudos. Primeiro, é preciso visualizar que nós habitamos no que escritores teosóficos chamaram de planos cósmicos. Os 7 planos frequentemente estudados (físico, astral, mental, etc.) são sub-divisões de um plano cósmico, que na Teosofia se chama de plano físico cósmico. Além dele existem outros planos cósmicos, tais com plano astral cósmico, plano mental cósmico, etc. cada um também com 7 sub-divisões. Assim, cada plano nosso é uma representação de um plano maior. Eu não concordo com a nomenclatura específica desses planos dados pela teosofia., mas isso não importa, porque expliquei isso apenas para você visualizar que chegar a ascensão aqui na Terra é apenas completar uma etapa, pois existem outras. O Eu-Superior seria o eu futuro de toda entidade, que habita no sexto plano cósmico. O seu Eu-Superior seria o seu eu que se desenvolveu até certo ponto nesse sexto plano, que se volta para trás e guia seu próprio eu passado. É algo meio confuso, porque lida com a esfericidade do tempo. Não é questão de alimentar outro ser, porque ele é você mesmo.
  6. Goste desse vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=m6nc5jx8Ec8&
  7. https://www.youtube.com/watch?v=ms_-vPUjhS0
  8. Encontrei outra interessante reflexão no Facebook: Fonte: https://www.facebook.com/notes/joão-cláudio-fontes/o-neoliberalismo-espiritual-ou-o-materialismo-espiritual-30/1198437490216210/?refid=13&_ft_=qid.6631152304300412658%3Amf_story_key.431091346690570085%3Atop_level_post_id.1171847039637490%3Acontent_owner_id_new.502991370%3Asrc.22%3Aphoto_id.10155522523941371%3Astory_location.5%3Astory_attachment_style.photo&__tn__=R
  9. Cruzei com esse texto agora a pouco. Gostei: Fonte: https://dharma.org.br/2020/04/20/a-resposta-do-bodhisattva-ao-coronavirus/?fbclid=IwAR2pfz-jdXL86qDm7adBjpH4aaYtiRXdRZMpKbsUgCcxPtWDn5MA0Kmpvx4
  10. Vídeo do Roger paranhos sobre o momento atual: https://www.youtube.com/watch?v=4NLaWW--4ZI&feature=youtu.be&fbclid=IwAR3TFqZuq1vw3VKlxqIGzKXxM61SYpN--9sCNrNazwwv-Nv3Vg35_pCHrbE
  11. É, são muitos sinais. Mas ainda não estou tão convencido. De todo modo, acho que essa crise tende a mostrar que é preciso que o ser humano pense na humanidade não como indivíduos isolados, mas como um só organismo.
  12. Interessante reflexão. "Muitas pessoas espiritualizadas/Nova Era que preferem acreditar em reptilianos que dominam o mundo, que estamos passando por transição planetária, que Ashtar Sheram, blablablá geralmente são as que preferem orar, meditar e buscar saídas individuais do que combater o sistema capitalista. As mesmas pessoas que acham que eu vibro no ódio ou coisa assim. Meu ódio é pela injustiça. Eu não odeio as pessoas. É por amar a humanidade que temos que ser combativas e firmes. Você pode acender uma vela para seus guias espirituais pedindo proteção contra o corona vírus, mas pode, também, ser aliado na defesa do SUS. Pode meditar, mas pode também mandar mensagem para seus amigos neuroatípicos perguntando como estão, seus amigos em perrengue financeiro oferecendo ajuda, se cabe nas suas possibilidades. É muito conveniente colocar tudo na conta da espiritualidade e se recusar a meter a mão na massa em questões sociais. É muito fácil botar o valor de um salário mínimo e meio para seu curso imersivo de 3 dias e achar que quem não tem esse valor tem "crenças limitantes sobre finanças", em vez de analisar que vivemos num país extremamente racista, extremamente desigual. Muito lindo "se colocar a serviço" somente de quem tem 200, 300, 700 reais para uma sessão. Vocês querem uma Nova Era talvez mais trazida pelos ETs e por suas orações do que pelo labor real da matéria. E não estou falando de trabalho assalariado. Estou falando de ajudar o próximo. Pra mim, há muito mais divindade no MST doando toneladas de arroz orgânico do que em eventos de sagrado feminino heteronormativos, caros e que só tem brancas. Pra mim, construir um mundo melhor é trabalhar na matéria também. Hoaskeiros que pagam 150 reais numa cerimônia indígena, o que mais vocês já fizeram pela causa dos povos que CRIARAM essa medicina? Você lê autores indígenas? Você ajuda financeiramente com doações terras indígenas quando tem oportunidade? Ou ajuda de outras maneiras? Eu não sou contra meditação, oração nem ayahuasca - essas coisas são presentes na minha vida. Eu sou contra alienação, egoísmo e hipocrisia. Eu sou contra a arrogância de um ego suuuper espiritualizado que se coloca acima da matéria e apartado dos problemas sociais para justificar sua falta de mobilização. Se querem a Nova Era, vamos criá-la. Ativamente. Porque se sua Nova Era não inclui o fim do capitalismo, do patriarcado, da desigualdade, do racismo, da LGBTfobia, ela não tem nada de nova. É tão velha quanto todas essas opressões. "As mãos que ajudam são mais sagradas do que os lábios que só oram"." Texto de Giovana Lizana
  13. Se o universo for infinito, devem existir infinitos. De qualquer forma, deve ser um número incomensurável.
  14. É minha suposição que o objetivo de tudo é autoexploração, pois eu vejo que é evidente que esse Criador Infinito está experimentando a si. Através da finitude, aquilo que já é perfeito e infinito pode explorar a si mesmo.
  15. Vou deixar para o Sandro as perguntas específicas sobre os conceitos gnósticos que ele apresentou. Na verdade não. É meio complexo. Vou apresentar a minha visão. O Criador, Deus, Absoluto, etc. por alguma razão deseja experimentar a si mesmo. Para isso, cria o universo com suas infinitas dimensões. Porém, esse universo não é criado diretamente por Ele, mas através de porções individualizadas de si. Essas porções são núcleos de consciência que irão gerir toda a sua criação. São arquitetos para que as centelhas do Criador possam experimentar a si mesmas. Um Logos maior, que chamo de Logos Galático, cria bilhões de sub-Logoi ou Logoi Solares. Cada Logos solar irá gerir os planetas sob seu domínio.. As estrelas são manifestações físicas desses Logoi e Sub-Logoi. Um "Eu-Superior" é o tipo de entidade que experimenta encarnação e evolui através de incontáveis existências em diversos níveis até que se refina de volta a Deus. Um Logos é uma consciência completa que não experimenta encarnação, mas que arquiteta e gerencia as leis e os caminhos de todos aqueles sobre seu reinado que irão encarnar e evoluir. São como deuses por assim dizer. Existem algumas visões sobre o conceito de Eu Superior. Vou explicar aquela com a qual ressoo mais. O Eu Superior seria o eu futuro de toda entidade em um ponto próximo da volta à Fonte. Isso é porque o tempo é uma ilusão, não vivemos em uma linha temporal, mas em um círculo de tempo, um eterno presente. Esse Eu futuro, que sabe e conhece todos os caminhos, auxilia nas lições para que a centelha que experimenta as encarnações o alcance até que ambos se tornem um. É uma espécie de existência simultânea.
  16. É, são números assustadores. Só no resta aguardar. Eu sou bem resistente a afirmar que o fim do mundo está acontecendo, o passado nos mostra que previsões apocalípticas estão fadadas ao fracasso. Nesse aspecto, eu concordo. Embora eu prefira esperar a pós-pandemia para analisar o cenário, de fato, o modo no qual nossas relações politicas e econômicas estão fundamentadas hoje, é bem mais complexo que à época das pandemias que eu citei. Eu acredito que está próximo. Acredito também que antes da regeneração, haverá uma limpeza. Isto é, desencarnes em massa são processos naturais, pois o nível vibratório do planeta será outro. A raça na terceira dimensão deverá morrer, e a raça da quarta dimensão irá nascer. As catástrofes provavelmente serão potencializadas pelo karma acumulado. Minha única dúvida é se serão catástrofes sucessivas ou um grande evento único. Acredito mais na primeira possibilidade. De qualquer forma, não devemos nos apegar àquilo que é físico, impermanente e transitório. Concordo com essa visão. A volta dele é simbólica, não literal. Poucos entenderam isso. Essa pandemia está escancarando as falhas de nossa humanidade. É uma aberração existirem bilionários enquanto outras pessoas morrem de fome. Um sistema que estimula a concentração de riqueza, o egoísmo e a competição, se mostra falho quando há a necessidade dos serviços essenciais da sociedade. Ao invés de financiar uma boa vida na qual as necessidades básicas de todos estão garantidas, e por isso a espiritualidade poderia ser buscada sem muitas preocupações materiais, a riqueza acaba indo para as mãos de poucos, criando um cenário no qual vivemos pela lei do mais forte, e bilhões precisam lutar para sobreviver. É preciso abandonar a ideia de luxo, não há nada mais ilusório do que isso.
  17. Bem, esse é assunto a ser analisado por muitos ângulos. Um religioso ou mesmo espiritualista poderiam pensar que essa pandemia é um dos sinais dos fins dos tempos (que eu chamo de fim do ciclo de terceira dimensão da Terra). Eu não estou certo disso, mas acho melhor esperar o período pós-pandemia para analisarmos as possíveis mudanças que essa situação irá trazer. A peste negra e a gripe espanhola foram exemplos de pandemias bem mais agressivas e que estavam mais próximas de um possível apocalipse. Mas a humanidade continuou. Não acabou. Não quero ser pessimista ou alarmista, mas o apocalipse em si provavelmente será algo sem precedentes na história contemporânea. Provavelmente será comparável ao suposto afundamento da Atlântida (embora isso não seja história oficial). Na história oficial, um apocalipse faria a segunda guerra parecer um passeio no parque. Sobre o vírus em si. Eu aconselho o mesmo o que já fizeram no tópico. Eu venho sendo afetado por ficar lendo demais sobre e estou procurando focar pouco tempo na questão. De todo modo, recomendo: 1 - Evitar se focar demais ou ficar muito tempo lendo/assistindo as notícias. Acompanhar apenas o essencial. Não só por causa do estado mental negativo que pode nos provocar ansiedade, estresse, pânico, etc., mas como o Sandro disse, para não ressoarmos com entidades negativas. Pessoas mais sensíveis devem estar passando mal (como já relato no tópico). É hora de redobrar a atenção e transferir o foco para leituras e práticas que nos levam a uma consciência mais elevada e uma possível conexão com nosso interior. 2 - Seguir as recomendações médicas das autoridades RESPONSÁVEIS. Higienização correta e só sair de casa se for realmente necessário. 3 - Ter empatia. Só porque a doença afeta mais as pessoas idosas e com problemas de saúde preexistentes, não podemos ser displicentes e corrermos o risco de transmitir o vírus para elas. Mesmo assintomáticos, somos possíveis vetores do vírus e podemos infectar essas pessoas mais vulneráveis. É hora de total responsabilidade social. 4 - Praticar algo que possa fortalecer nosso sistema imunológico. Exemplos já foram dados no tópico, como o qigong ou a respiração Wim Hof. Meditação, yoga, etc. também podem nos ajudar a relaxar e aliviar a tensão de toda essa energia negativa. 5 - Buscar equilíbrio na postura. Nem negacionismo nem alarmismo exagerado. É preciso tentar ver as coisas tais como elas são. 6 - Sob um ponto de vista superior, está tudo bem. É como deve ser. Tudo isso, toda essa vida, é uma grande ilusão construída para aprendizados espirituais. Como não vemos isso encarnados, nosso drama nesse teatro é maior. Talvez seja hora de aprendermos algo com tudo isso. Talvez devamos começar a viver como se hoje fosse o último dia. Desencarnar sem arrependimentos. Me parece uma maneira de viver com o mínimo possível de liberdade.
  18. Sobre esse tema, eu penso que ela pode ser automática ou planejada. Automática para aqueles espíritos ainda infantes nessa dimensão. Planejada para aqueles que já despertaram o suficiente para perceber o mecanismo de evolução e então, programar as lições a serem aprendidas.
  19. Com esse termo "etéreo" estão se referindo a algum dos planos superiores. Já cruzei com essa nomenclatura para se referir ao que tradicionalmente se chama de plano causal. Pode ter alguma relação. É um problema mais semântico do que conceitual.
  20. Livre-arbítrio é um conceito muitas vezes mal interpretado. Eu diria que é a capacidade de viver segundo as próprias escolhas, não a liberdade de fazer o que quiser. Em minha visão, isso é derivado de um princípio universal no qual é definido que o Criador conhecerá a si mesmo. Isso ocorre através de porções desse Criador experimentando a si mesmas em condições que começam simples e rudimentares, até que uma espécie de evolução ocorre para que essa experimentação ocorra em condições cada vez mais complexas. Como o Sandro disse, a natureza da realidade limita bastante o que podemos fazer. Livre-arbítrio então, diz respeito a livres escolhas dentro de condições pré-definidas que podemos chamar de leis da natureza. Há outras questões sutis além disso que não precisam ser comentadas. Acho que esse "parou" diz respeito a quando os mundos foram criados e a consciência começa o processo de volta de se tornar o Criador a partir de uma consciência básica na primeira dimensão, ou reino mineral. Deus cria o universo e então nós usamos esse universo em nossa escalada de volta à origem de tudo.
  21. Planos interiores ou planos internos é uma maneira de se referir a todas as dimensões invisíveis (plano astral, plano mental, etc.) como um todo. É uma nomenclatura que geralmente ocorre em fontes ocultistas.
  22. Eu já fui jogado para fora do corpo e fui parar na parede hehe
  23. Você faz limpeza e selamento energético do seu quarto? O que eu já fiz em situações nas quais suspeitei que alguma entidade estivesse tentando me influenciar, foi usar a conjuração de Belilin. Passa na hora. Aqui o Sandro explica as técnicas de limpeza e selamento: https://www.viagemastral.com/forum/index.php?/topic/17091-monstros-autor-matheus/&do=findComment&comment=74367