• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Gleidson

B-Membros
  • Content Count

    5
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutral

About Gleidson

  • Rank
    novo Membro (1+)
  1. Que bom que vc conseguiu, também estou tentando,quanto a lucidez como estava? Conseguia mesmo distinguir cada objeto na sua casa? Tinha luz no seu quarto durante a saída? A quanto tempo vem fazendo a técnica? Aguardo as respostas, muita luz e + projeções.
  2. Parabéns! Muito bom, uma lição de paz e fraternidade para todos aqui.
  3. Realmente foi muito hilário, mas só esclarecendo, eu parecia estar drogado, não tinha senso racional até esticar o negócio e lembrar... Com isso conclui que talvez tenha sido um teste, em que naturalmente fui reprovado. Quanto ao "estupro astral" kkkkkkk, rachei de rir aqui. Só tenho a dizer a polícia astral que não me prenda no corpo, pois eu fui induzido e em momento algum forcei alguma "fofinha". Rsrsrs Valew galera pelos comentários,muita paz.
  4. Olá galera, sou Gleidson, tenho 19 anos e estou iniciando os estudos da espiritualidade, curso física na UCB mas vim percebendo que nossa realidade parece ser muito mais espetacular do que pensamos, acreditamos e palpamos. Já escrevi meu primeiro relato e continuo na busca do aprendizado mútuo e livre com respeito e HUMILDADE SEMPRE! Abraços, muita paz.
  5. Fui dormir as 11:45 de ontem, 19/01, após chegar de uma palestra no centro espírita aqui da cidade sobre honrar os pais e ouvir as partes 11 e 12 do curso básico de projeção. Coloquei o celular para despertar as 3:15, hora que acordei e fiz a técnica completa após ir ao banheiro, tomar um pouco de água e ler um caderninho de estudo bíblico sobre os antigos Rêis que tentaram dominar Israel. Por volta das 5:00~5:30, cansado da posição barriga para cima, esperando a projeção, deitei-me de lado. Uma forte chuva tinha caído na madrugada, o ambiente estava perfeito e calmo. Adormeci e sonhei com uma mulher muito linda mesmo e nua, de costas, com as pernas um pouco abertas, em pé, debruçada sobre uma espécie de mesa. Me aproximei e percebi que não estava eu e ela a sós. Havia ali muitos homens, creio que de branco, não muito branco. Não me falaram nada mas sabia que queriam assistir o ato sexual. Eu, meio inconsciente dos meus atos, estava excitado e iria penetrá-la naquele momento. Acho que tentei penetrá-la, mas não conseguia, então uma mão se estendeu, por estranho que pareça um homem daqueles me oferecia um pênis! Isso mesmo, o pênis dele estava na mão estendida para mim. Completamente sem noção eu peguei o pênis e de alguma forma eu encachei no meu. Então comecei a penetrar aquela deliciosa mulher, sentindo um prazer enorme. Foi quando eu peguei o pênis e percebi que ele esticava facilmente. Daí lembrei-me imediatamente da técnica para saber se você está projetado tentando esticar o dedo. Então outra mulher que eu não tinha visto ainda, não me lembro de sua aparência, me disse algo enquanto eu esticava mais ainda o pênis: "É grande, mas não é forte." A palavra "forte" não foi o que ela mencionou, não consigo lembrar, porém tenho certeza que a palavra expressava esse sentido de forte. Daí acordei completamente frustrado pois eu pedi muito por uma projeção e me esforcei muito até então. De toda forma acho que compreendi o recado.