• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

ORQUIDEA

B-Membros
  • Content Count

    11
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Neutral

1 Follower

About ORQUIDEA

  • Rank
    Member
  1. Prefácio do livro: Iniciação - Viagem Astral Miramez A palavra Iniciação lembra-nos, de imediato, os grandes iniciador. Faz-nos recordar de visualizar os grandes homens que legaram traços de luz para a humanidade através da conduta do dia-a-dia. A força do exemplo é como uma energia circundante, capaz de acordar os cépticos e fazer andar os que dormem; levantar os caídos pela desilusão e alegrar os tristes. A concha evolutiva em que estamos presos torna difícil realizar o empenho do coração em ingressar nas hostes dos benfeitores maiores da espiritualidade; requer, de todos nós, tempo e um esforço maior em todas as direções que conhecemos, em se tratando de educação, disciplina e amor. Querer alistar-se nessa escola de grandeza espiritual é a pretensão de muitos, todavia, poucos conseguem respirar em meio a tantas contradições, com o mesmo sorriso de alegria por estar subindo verticalmente, sonhando na Terra, O iniciado, nos dias em que vivemos no calendário da Terra, deve procurar ser um super-homem, aquele que se expressa com sensatez na seqüência dos dias, exemplificando as virtudes anunciadas pelos Maiores e projetando outros meios de concordâncias para o equilíbrio da vida e dos corpos que a Criação lhe empresta para evoluir no campo imenso da existência. O iniciado nos segredos da natureza e no complexo estupendo, onde o amor se divide para ser entendido pelo homens, encontra a solução ou a explicação para tudo o que ocorre no mundo externo e interno em que vive Ele começa a conhecer os caminhos por onde deve trilhar, com o máximo de cuidado e equilíbrio. O aluno do Bem mais puro já purificou a sua mente de maneira que não é dado a pensamentos negativos, por ser conhecedor dos desastres que as idéias pesadas lhe causam, no macro e no micro universo que interligam e que registram todos os seus sentimentos, desenvolvendo para o seu uso, o que neles foi escrito com o lápis da vida. A caridade verdadeira deve ocupar as duas esferas de vida: se doas um pão, não te esqueças da palavra de estímulo a quem recebe, sobre os meios de adquirir o seu sustento, sem permitir que as tuas palavras possam parecer ofensivas. Se és refinado em provérbios que educam e instruem as criaturas, não te demores em compridas teorias; alcança sem delongas o objetivo e esforça-te opera viver o que falas aos outros. Se a vaidade te incomoda, querendo mostrar tudo o que fazes de bom aos semelhantes não te demores muito tempo nesse ambiente falso e inverte o interesse. Que a atmosfera de fora executará as mudanças externas. Toda subida pelo conhecimento e todo conhecimento requer amor. O corpo físico e os corpos sutis que o interpenetram são instrumentos que esperam da alma pensamentos puros, para orquestração elevada, sensibilizando todos os sentidos em refinadas melodias, onde a harmonia a harmonia se assenta como base a sustentar a tranqüilidade imperturbável. Não deves iludir com facilidade apropriada aos incautos e aos néscios, buscando pôr a mão no salário a que fizeste jus; o despreendimento é fato nobre, que alegra aos anjos, mas, ele, para ser verdadeiro, deve acompanhar a conduta moral nos contatos que, muitas vezes surgirão em tua existência.. A iniciação não somente é somente conhecer; o conhecimento completo está na prática. O aluno de Medicina escuta nas aulas o verbo fluente do mestre, mas, depois, vai ao pé do leito confirmar o que ouviu. Se gostas somente de teoria e te sentes bem nisso, não prossigas com esta leitura: fecha este livro e vai sonhar, ate alguém bater de novo à tua porta. Precisamos de mãos esclarecidas que operem sem murmúrios, Existem escolas filosóficas que dão as diretrizes para que seus seguidores atinjam a libertação, esquecendo-se, entretanto, da dosagem dos ensinamentos, o que leva seus discípulos ao fanatismo e proselitismo. Onde fica o equilíbrio indispensável à solidez do trabalho? E a sensatez que direciona esse trabalho no sentido da evolução? Toda prática espiritual, todo desenvolvimento psíquico, busca por sintonia o silêncio. O iniciador deve procurar ser um homem perfeito em todos os aspectos da vida que, se ofendido não ofende: esquece. Se maltratado, não revida; ajuda a todos em seus caminho. Começa examinando hoje o que tens feito da vida da que Deus te deu. O que tiver que ser consertado, conserta logo,. Se não tens forças para tal, continua alimentando idéias de melhorar, que os Céus operarão em ti mais intensidade. A primeira coisa a fazer é limpar-te de hábitos e vícios, que são manifestações de inferioridade. Nunca deixes faltar atividades para as tuas horas de folga, nem percas tempo na vida que passa; faze algo de bom, para que isso fique registrado na memória da vida, não se esquece de nada. Dá o primeiro passo. E nas horas difíceis, assim como nos momentos felizes, não te esqueças da prece, companheira constante daquele que está no caminho da Iniciação. Miramez
  2. 05.3.01 - Técnica Projetiva da Vela Acesa: 05.3.02 - Técnica da Concentração Mental 05.3.03 - Técnica da Auto-Imagem Projetiva (Espelho): 05.3.04 - Técnica de Ativação Da Hipófise Para Projeção: 05.3.05 - Técnicas da Visualizações Projetivas: 05.3.06 - Técnica da Evaporação: 05.3.07 - Técnica da Fumacinha: 05.3.08 - Técnica Hindu: 05.3.09 - Técnica da Visualização Das Mãos: 05.3.10 - Técnica do Mantra Projetivo: 05.3.11 - Técnica Indução e Saturação Progressiva: 05.3.12 - Técnica Projetiva Com Reiki: 05.3.13 - Técnica Imaginativa de Projeção Com Música: (Relaxamento) 05.3.14 - Técnica Imaginativa do Raio de Luz: 05.3.15 - Técnica da Projeção Fragmentada: 05.3.16 - Técnica Imaginativa: Abrindo Os Chacras para se Projetar: 05.3.17 - Técnica da Velocidade: 05.3.18 - Técnica Imaginativa: - Esfera Luminosa 05.3.19 - Técnica Projetiva do Jejum : 05.3.20 – Técnica da Abertura da Porta 05.3.21 - Técnica da Corda (Cordão) 05.3.22 - Técnica Asteca Para Projeção Astral 05.3.23 - Técnica da Contagem dos Passos 05.3.24 - Técnica do Dióxido de Carbono 05.3.25 - Técnica da Hetero-Hipnose Projetiva 05.3.26 - Técnica do Fator Projecional Caso gostem, segue o site: http://www.espiritualismo.hostmach.com. ... tm#05.3.19
  3. Pessoal!!! Vai aqui mais uma perguntinha para compartilharmos. Sabemos que existem várias técnicas de Projeção, uns tem mais facilidades que outros de "saírem do corpo" até mesmo sem técnica nenhuma. E vc usa alguma técnica se sim, diga qual R: Projetei-me poucas vezes e foi usando a técnica do Saulo, depois que a mesma terminou consegui entrar em estado hipnagógico, onde só consegui mexer meus braço, a única vez que decolei, decolei ao contrário rs, ou seja para baixo(me assustei e ¨voltei¨).
  4. Pessoal.. Obrigada pelas respostas é bom saber que não estamos sozinhos ... Como o Sandro eu também sinto choques e algumas partes do meu corpos mexem sozinhas. Bjs!
  5. Olá pessoal.. Pesquisando sobre VIAGEM ASTRAL, descobri que os sintomas do ESTADO VIBRACIONAL são peculiares, ou seja cada um tem reação(ões) diferente(s). Gostaria pedir que cada um falasse um pouco sobre as suas experiências, reações durante o EV. Desde já agradeço!
  6. Obrigada gente! estou mais tranquila agora..abraços!
  7. Pessoal, Ontem em uma das minhas tentativas de projeção, vi minha mão transparente. Alguém sabe se isso é comum. Boa semana!
  8. Olá pessoal! Ontem tive uma experiência nova e gostaria de pedir compartilhar : Na hora de dormir a tarde pois acordei muito cedo. Fiz a Técnica de projeção 3 e quando terminei tentei não me mexer, não sei quanto tempo isso durou mas sei que fiquei sem me mover um bom tempo, foi quando tive a sensação de estar caindo dentro do colchão aí procurei na internet e descobri que ¨seria¨ uma DECOLAGEM POR AFUNDAMENTO: Definição. Decolagem por afundamento: exteriorização da consciência encarnada manifestando-se através do psicossoma (Corpo Astral) na qual se tem a sensação paracinestésica de afundar-se ou escorregar para baixo, através dos membros, articulações, tendões e músculos do corpo humano. Sinonímia: decolagem em colisão; decolagem para baixo. Afundamento. Na decolagem por afundamento parece que o corpo humano move-se para baixo, percebendo-se às vezes como se houvesse uma entrada abrupta pelo colchão e o leito a dentro, até o piso do cômodo, quando se está deitado de costas no leito da base física. Impressão. Nem sempre acontece mesmo o afundamento ou a saída do psicossoma (Corpo Astral) para baixo deixando o corpo humano. Não raro, ocorre o contrário, o psicossoma (Corpo Astral) se eleva, um pouco ou muito, devagar ou instantaneamente, do corpo humano, e dá a impressão de que este se afunda, devido à retração para baixo de parte do volume de energias do cordão de prata que permanece, obviamente, em conexão com o corpo físico. Contrário. O melhor para se entender e apurar a própria sensibilidade quanto à decolagem por afundamento é produzir uma projeção instantânea de consciência contínua, ficando o corpo humano de bruços, inanimado sobre o leito, e ocorrendo a saída lenta do psicossoma (Corpo Astral), em sentido contrário, para cima. O ato de deixar parte das forças do cordão de prata então se faz nítido e indiscutível, parecendo mesmo que o nariz físico se afunda ainda mais no colchão, ficando o corpo denso mais pesado e libertando-se o psicossoma (Corpo Astral) levemente e sem embaraços. Esta sensação paracínestésica confunde bastante quem a experimenta pela primeira vez. Formas. O afundamento representa a única modalidade de decolagem onde a consciência encarnada sai, através do psicossoma (Corpo Astral), de encontro direto, em rota de colisão com as formas, corpos ou objetos físicos existentes no cômodo da base física do projetor encarnado, juntos ou contíguos ao seu próprio corpo humano. Raridade. O gênero raro de decolagem por afundamento vale apenas pela experiência exótica, pois quase sempre inibe o surgimento de uma profunda conscientização extrafísica, quando não provoca trauma com a conseqüente interíorização abrupta da consciência perturbada por seus reflexos condicionados, profundamente enraizados na vida humana, relativos às formas e às estruturas dos corpos e objetos físicos. Bibliografia: Muldoon (1105, p. 124). Vieira, Waldo, Projeciologia, p.335, ano 1986, 1ª edição. Como a sensação era nova, todas as 3 vezes que tive a sensação de cair eu me assustei e não continuei... Se alguém puder responder, serei grata: Alguém já sentiu algo parecido, como reagiu, é possível se projetar assim ou isso pode atrapalhar. BOM DOMINGO PARA TODOS!
  9. Pesssoal.. Gostaria de pedir ajuda referente uma dúvida que eu tenho sobre o que acontece no momento da transição entre o EV e a Catalepsia, gostaria que vcs relatassem suas sensações, pois um amigo me disse que depende de cada pessoa. E gostaria que informassem também o que cada um faz para "provocar" a catalepsia quando ela não "vem" naturalmente. Desde já agradeço. Um bom Domingo para Todos!!!
  10. ORQUIDEA

    Olá!!!

    Olá!!! Meu nome é Aline sou do Rio de Janeiro. Conheci o site há pouco tempo. Desde adolescência tenho catalepsia (com pouca frequência) porém nunca saía do corpo por medo, há alguns meses comecei avançar um pouquinho, porém ainda não saí do corpo totalmente..rs Foi aí que eu resolvi pesquisar o assunto. Estou adorando o site, aqui no GVA estou aprendendo muito com os cursos (além de dar boas risadas, o Saulo é hilário rs) Tenho muito a agradecer. Bjs e boa sorte para todos!