• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

juares

B-Membros
  • Content Count

    10
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

5 Neutral

About juares

  • Rank
    Member
  • Birthday 08/08/1974
  1. interessante seu ponto de vista, nos faz pensar e pensar é um dos atributos exclusivos nosso de ser humano... somos capazes de mudar de ideia a cada momento, e enquanto mudamos, crescemos, aprendemos e assim evoluímos. Ta bom, realmente existe excesso de severidade em minha afirmação, não somos donos de TODO nosso livre arbítrio, coisas acontecem sem que temos como influenciá-las, como vc disse no exemplo das eleições, e outras coisas mais. Mas são as coisas de pouca importancia para nossa evolução! continuo acreditando que somos donos de nossas decisões. muitas delas escolhidas a muito tempo, antes mesmo de estarmos no teatro terrestre. Antes de nascermos aqui na terra, já escolhemos boa parte de nossas provas, daí ao chegarmos aqui e esquecermos de tudo, pensamos que não tivemos o livre arbítrio pois grandes coisas nos acontecem mesmo que estamos remando ao contrário da maré. essa sua colocação foi muito pertinente, aí está o livre arbítrio! cada um improvisa de um modo! duas pessoas passando pelo mesmo problema, acharão soluções diferentes. por quê? por que pode escolher caminhos diferentes e esses caminhos diferentes levarão a resultados diferentes. considerando que essas pessoas resolveram tomar a mesma decisão e que elas venham a colher frutos diferentes, qual a lógica? merecimento! cada um se encontra num nível de evolução. sendo Deus justo, ele jamais iria privilegiar alguém, se os frutos são diversos, com certeza aquele que colheu o melhor fruto fez por merecer, hoje ou ontem! mas a cada um segundo suas obras.
  2. "As provas rudes, ouvi-me bem, são quase sempre indício de um fim de sofrimento e de um aperfeiçoamento do Espírito, quando aceitas com o pensamento em Deus. É um momento supremo, no qual, sobretudo, cumpre ao Espírito não falir murmurando, se não quiser perder o fruto de tais provas e ter de recomeçar." trexo o evengelho segundo o espiritismo capitulo 14. seria bom se pudesse ler esse capítulo e acredito que poderá entender melhor o que lhe acontece!
  3. o post ja faz tempo, acredito que já tenha passado essa fase dificil, mas aqui vai minha opinião para aqueles que estejam na mesma condição de nosso amigo a prece e a oração sempre será o melhor resultado! quando for ter com sua mãe, faça orações pedindo paz e entendimento de ambas as partes, você vai sentir que começará a ter acesso a ela sem se aborrecerem! faça disso um exercício constante! abrace-a com carinho! leia o capitulo 14 "honrai vosso pai e vossa mãe" do evangélio segundo o espiritismo, especialmente o tópico "INSTRUÇÕES DOS ESPÍRITOS A INGRATIDÃO DOS FILHOS E OS LAÇOS DE FAMÍLIA" esse tópico explica muito o que acontece na maioria dos casos de dificuldade de entendimento entre mães, irmãos, família em geral.
  4. boa noite! tem jeito sim, só não faça disso uma cobrança, uma obsessão, pois pode ao invés de ajudar, estar prejudicando ele. Mas se for fazer a mentalização, faça orações para ele, especialmente na hora de dormir! peça seu anjo da guarda, seu mentor, para que se possível, você possa o encontrar! se for possível eles te levarão ate ele, voce pode não se lembrar no outro dia, mas terá uma sensação do ocorrido! fazendo as orações e os pedidos, não terá problemas pois se não for possível você o ajudar, ou se ele tiver em algum lugar ainda difícil e você não tiver preparada para isso eles não te levarão. mas uma coisa pode ter certeza, suas orações ajudarão ele e muito! As vezes a gente pensa que o nosso conhecimento é pequeno em uma área, mas quando começa a ler sobre o assunto parece que entende de imediato, isso quer dizer que já temos bastante estudo no assunto, só não foi feito aqui agora nessa nossa terrinha nessa encarnação, isso facilita o entendimento e a aceitação de coisas "novas". até nos sonhos muitas vezes saímos para estudar e entender de espiritualidade.
  5. Boa noite e BEM VINDA AO GRUPO! realmente não é facil mudar de uma hora para outra! tb tive experiencias que me fizeram mudar de ideia, até parecia matrix quando se toma a pilula azul rsrsrsr. a verdade é que muitas coisas são diferentes do que aprendemos por uma vida toda, mas quando acontece com a gente não temos que duvidar, e sim questionar se o que nos foi passado realmente é o certo! aqui vc encontrará pessoas para poder conversar sobre o assunto e aprender muito. eu também tenho uma familia que não aceita nada de espiritualismo, é tradicional católica! cada um tem o tempo certo para aceitar, então o que eu aprendi foi que não devemos forçar nosso ponto de vista para ninguem! um abraço
  6. segundo o que diz o espiritismo, no início foi necessário algo que impactasse e portanto haviam tantos médiuns de efeitos físicos, espiritos batedores, aportes... hoje a mediunidade está mais aberta e praticamente existe um médium em cada casa, por isso não há a necessidade de mediunidade de efeitos físicos. para termos uma ideia da quantidade de médiuns da atualidade, vemos eles em todas as religiões, tanto os católicos nas carismáticas quanto os evangélicos nos seus cultos de curas e libertações. são médiuns videntes, de cura, etc... realmente os de efeito fisico estão cada vez mais raro.
  7. O médium é uma pessoa normal e comum, ninguém sofre aquilo que não mereça sofrer, se foi um acidente ou algo trágico era que estava no seu planejamento reencarnatório. Existe a possibilidade de sentir a influencia de espíritos atrasados, existe! mas daí eles ocasionar a morte não acredito! acho mais que "Talvez "saíram da linha" justamente por influências desses espíritos ruins com o objetivo de destruir a boa moral da espiritualidade e do espiritismo em si." como vc disse. sou trabalhador de uma casa espírita e concordo com vc que a maioria das casas trabalham de portas fechadas! ao meu ver isso não trás tanta segurança assim pois temos medo daquilo que não conhecemos! e quando se abre as portas, claro explicando cada passo do processo e deixando livre o participar ou não, desmistifica muito!
  8. Boa noite! Acredito que você deveria fazer os cursos de viagem astral do Saulo, eles são bem interessantes, pois você poderá ter algumas experiências que tirarão muitas de suas dúvidas. Vou me ater somente ao seu questionamento de "esquecimento do passado" imagina o que seria se nós tivéssemos a lembrança do que nós fomos? no estágio em que está a terra, o que mais acontece aqui são expiações, encarnações para pagar dívidas. Então sendo assim, como vc entraria em uma família se soubesse que aquele que agora está cuidando de você era no passado alguém que te fez mal? Como você iria se apaixonar por aquela menina linda e meiga se soubesse que na verdade você tem grandes dívidas a resgatar com essa pessoa? Ah, mas nós podíamos ter no mínimo uma ideia de alguma coisa! Sim nós temos!!! Quando criança temos nossos amiguinhos invisíveis... temos nossos momentos de nostalgia como se fosse uma saudade de não sei o que e o mais importante, quando aproximar algo sério em sua vida você terá a intuição de o que fazer! Surgirá uma sensação de que você conhecia o desenrolar da história e também temos os mentores para nos guiar, mas ainda não sabemos ouvir nossos mentores, eles nos falam, mas estamos ainda em uma vibração densa e não damos os devidos valores nas suas palavras por pensar que são "pensamentos nossos". A razão para ainda estarmos assim é o nosso desenvolvimento espiritual, ainda estamos engatinhando, por isso não nos é dado o inteiro saber! não se dá ao aluno do ensino fundamental o trabalho de um engenheiro. quando conseguirmos atingir o desenvolvimento necessário teremos o conhecimento necessário, pois aí saberemos fazer bom uso dele! A primeira coisa você já está fazendo, questionando... essa é a base!
  9. Sem sombra de dúvida existe o livre arbítrio. Nós e somente nós, somos responsáveis pelos nossas decisões! Se por acaso decidimos algo que nos contraria, foi por convenções arraigadas, crenças, cultura ou algo assim! ninguém nos obriga a fazer isso ou aquilo! Se a semeadura é livre, a colheita é obrigatória. Quem semeia vento colhe tempestade! Então se somos livres para escolher e fazer o que bem entendermos, com certeza colheremos os frutos de nossas decisões. Uma pessoa que ainda não tem ainda o entendimento aberto e acredita por exemplo que a honra se lava com sangue como antigamente era, e era algo normal, ele irá matar se sentir sua honra em jogo! Com certeza a colheita desse fato será dolorosa nessa ou noutra vida! Quem não acredita no livre arbítrio por se sentir lesado, afinal "sou uma pessoa super do bem e nada dá certo comigo" volte os olhos no tempo e no espaço! a vida espiritual é muito extensa e somos capazes de ver somente essa nossa oportunidade aqui, não lembramos de nossas outras existências. Quem fomos nós? O que fizemos? O quanto aprendemos antes de voltar aqui na terra? Esses questionamentos nos dá uma ideia do que aprontamos para hoje estarmos passando pelas dificuldades que hora apresenta na forma de colheita obrigatória de um semeadura já esquecida. Somos todos livres, esse é o maior dos direitos que temos, poder escolher o caminho a seguir. Só não podemos reclamar de não ter tido oportunidades, pois essas estão a todo momento batendo em nossas portas, só nos falta saber aproveitar e realmente fazer bom uso delas.
  10. Saulo, sou seu fan de carteirinha! Um dia navegando pela internet encontrei IVA, isso acredito eu que foi la pelo ano de  20012, achei os cursos de viagem astral, baixei e ouvi todos... logo tive a sensibilidade do chacra frontal bem alterado, mas não passou disso! tive alguns poucos sonhos conscientes... mas é isso! continuo tentando sem desanimar, mas também sabedor que não se dá evolução em saltos e devagar também é pressa!

    admiro muito seu esforço e sempre tenho vc em minhas orações! tudo de bom pra vc e pra toda equipe! um abraço!!!

  11. Bom, igual nosso amigo Saulo comentou... todos nós vamos para lá, isso é a maior certeza! As preces e as vibrações ajudam muito, especialmente nesse momento de transição. vamos estar vibrando por ele, para que possa aceitar a nova realidade e entender que a verdadeira vida é a do espírito. A tarefa dele aqui já terminou, agora é bola pra frente com fé e esperança! Pelo o que você comentou, a parte mais difícil é a família. pois o apego exagerado impede que ele fique em paz. então as vibrações é para ele e para que os que ficaram possa entender que a vida é bem mais que uma existência e que ela continua do lado de lá naturalmente, só estamos privados do contato físico. Mas isso também não nos dá o direito de estar chamando pelos nossos entes queridos que já seguiram antes de nós, por que como a vida continua ele também tem mais coisas a fazer por lá, ou ainda não está em condição de vir ao encontro do chamado. que Deus esteja com todos vocês! muita paz a todos!