Jump to content
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Lucas Oliveira

B-Membros
  • Posts

    870
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    28

Everything posted by Lucas Oliveira

  1. Retiro de Carnaval Online 2021 - Mosteiro Suddhavāri Devido à pandemia, em 2021, seguindo exemplo de outros mosteiros, decidimos experimentar com um retiro online de 5 dias para o período de carnaval (da tarde do dia 12/2 à manhã do 17/2). https://suddhavari.org/2021/01/retiro-de-carnaval-online-2021/
  2. CIA libera 2.000 documentos com investigações secretas de OVNIs A divulgação atende pedido do administrador do site BlackVault, que digitalizou os relatórios iniciados na década de 50 A CIA (Agência Central de Inteligência) desclassificou cerca de 2.000 documentos com investigações, anteriormente sigilosas, sobre fenômenos aéreos não identificados (UAP, na sigla em inglês, uma nova forma de se referir a OVNIs nos círculos de inteligência). O conjunto de documentos contém registros de avistamentos iniciados na 1950, assim como análises por parte de especialistas da agência e de outras instituições de espionagem dos Estados Unidos. Os documentos foram liberados após uma longa luta do fundador do site BlackVault, John Greenewald Jr, conhecido por ter protocolado cerca de 10.000 pedidos FOIA (o equivalente dos EUA da Lei de Acesso à Informação), para obter a liberação de pelo menos 2,2 milhões de páginas de documentos da CIA. O extenso dossiê foi desclassificado antes do prazo dado por uma lei de ajuda econômica contra o coronavírus, que estabeleceu uma janela de seis meses para agências de inteligência divulgarem o que sabem sobre fenômenos OVNI. Segundo a CIA, os documentos liberados para o site correspondem a todos os registros sobre OVNIs da agência, mas Greenewald Jr diz que continuará investigando e ingressará com novos pedidos FOIA. "Recebi uma caixa grande, de alguns milhares de páginas, e tive que digitalizá-las uma página de cada vez", afirmou ele ao site da revista VICE. "Mesmo para quem não acredita em discos voadores, isso é parte da história do país". Luzes no céu A vasta maioria dos documentos analisados por HORA 7 contém relatos de pilotos e agentes abismados com artefatos aéreos e luzes no céu. Há também investigações com testemunhos de terceiros. Alguns dos relatos se tornaram investigações do Pentágono, que ainda permanecem secretas. É possível ler a coleção inteira dos documentos liberados no site BlackVault. Greenwald afirma que um dos documentos preferidos dele é de 1976, e envolveu investigações do Subdiretor Adjunto de Ciência e Tecnologia da agência, provavelmente o oficial mais graduado a lidar com questões OVNI. O documento mostra um pedido urgente de investigação sobre um avistamento em solo americano (o nome da cidade foi escondido por uma tarja preta), que deixou dois feridos. Em outros dos favoritos do administrador do site, o relato de uma explosão misteriosa em uma pequena cidade russa, em 1991. Segundo moradores, uma "esfera de fogo caiu do céu" e praticamente destruiu um quarteirão inteiro. Os investigadores russos e os correspondentes da CIA não chegaram a uma conclusão sobre o que teria causado a destruição, mas as suspeitas recaíram sobre OVNIs. USS Princeton Em 2018, a Marinha americana atestou a veracidade de um vídeo que mostra a perseguição de jatos de um porta-aviões a um grupo de OVNIs. O vídeo mostra um episódio de novembro de 2004, quando uma série de "luzes desconhecidas" perseguiram o navio de guerra USS Princeton por duas semanas, durante um treinamento na costa sul da Califórnia. No dia 14, ao todo seis caças F-18 voaram para tentar interceptar os OVNIs e nunca conseguiram. Eles testemunharam manobras impossíveis para aviões terrestres e não conseguiram alcançar as luzes. Na extensiva investigação sobre o caso, descobrimos até que os famosos "Homens de Preto" existem. https://noticias.r7.com/hora-7/cia-libera-2000-documentos-com-investigacoes-secretas-de-ovnis-13012021
  3. Fotos do Dharma Mais de 15.000 fotografias de sítios arqueológicos budistas, centros de peregrinação e templos no sudeste da Ásia, bem como vídeos, mapas, pôsteres, etc. https://www.photodharma.net/
  4. Agora você pode baixar todos os documentos da CIA sobre OVNIs; veja como https://canaltech.com.br/espaco/agora-voce-pode-baixar-todos-os-documentos-da-cia-sobre-ovnis-veja-como-177365/ OVNIs: 2.780 páginas de documentos da CIA vão parar na internet; saiba como baixar https://olhardigital.com.br/2021/01/12/noticias/ufos-2-780-paginas-de-documentos-da-cia-vao-parar-na-internet-saiba-como-baixar/ CIA libera coleção inteira de documntos relavionados a OVNIs https://arquivoufo.com.br/2021/01/16/cia-libera-colecao-inteira-de-documentos-relacionados-a-ovnis/
  5. Grupo de Estudos: Ensinamentos do Buda pelos seus Símiles A Casa de Dharma tem a alegria de convidá-lo(a) para o grupo de estudos sobre ensinamentos do Buda pelos seus símiles. O grupo está voltado especialmente para iniciantes, mas todos os interessados são bem-vindos. https://casadedharmaorg.org/2020/12/05/grupo-de-estudos-ensinamentos-do-buda-pelos-seus-similes/
  6. Um discípulo pergunta ao sábio: – Mestre, como vocês, sábios, resolvem os problemas? O sábio respondeu: – Nós, sábios, não resolvemos os problemas, nós evitamos os problemas. — Provérbio Zen
  7. Existem muitos tipos de Meditação.. e objetivos.. se você busca seu lado interior luz e sombra vai encontrar isso. Zazen (Budismo Zen) é mais um tipo ou técnica de Meditação. partindo do princípio que a prática da meditação, acalma a mente e melhora sua saúde (cientificamente comprovado).. naturalmente esses resultados positivos vão refletir na energia da pessoa e suas energias ficam mais harmonizadas. Simplificando o assunto..
  8. Porque devo meditar? A resposta é simples, para desfrutar da verdadeira felicidade. Todos nós sabemos o que é sentir-se feliz. Já sentimos isso várias vezes. O problema é que invariavelmente esse sentimento de felicidade não dura, acaba desaparecendo. Quantas vezes não desejamos obter algo acreditando que aquilo traria a verdadeira felicidade. Obtendo aquilo que desejamos, o sentimento de felicidade pode ser extremamente intenso e recompensador, mas passado algum tempo já não sentimos mais a mesma coisa e até começamos a ver defeitos naquilo que antes parecia completamente perfeito. A nossa reação, regra geral, é colocar defeito no objeto. Ou seja, se aquilo que obtivemos não trouxe a felicidade completa e duradoura é porque não encontramos a coisa certa e assim saímos em busca de alguma outra coisa que seja perfeita e duradoura. E assim seguimos na nossa busca sem fim. Mas há uma felicidade que é perfeita e duradoura, que não desaparece e que não depende das circunstâncias. A verdadeira felicidade está no interior, nas nossas próprias mentes, não pode ser encontrada no mundo, lá fora. Essa felicidade não é egoísta pois não precisa tomar nada de ninguém e não causa nenhum tipo de dano a ninguém, pois se a nossa felicidade tiver que depender de tomar algo de outras pessoas ou do sofrimento de outras pessoas, elas de alguma forma irão tentar dar um fim nisso. A felicidade que vem do interior não precisa ter um fim e não precisa tomar nada de ninguém, sendo portanto um ato de sabedoria e um ato de compaixão. Para encontrá-la, o único método possível é a meditação. Entendendo a mente A meditação é como uma expedição exploratória no interior das nossas mentes. Um processo investigatório que tem dois objetivos. O primeiro é entender como a mente funciona e o segundo é treiná-la. Entender como a mente funciona significa compreender porque em determinadas situações acabamos agindo ou dizendo coisas que acabam ferindo até mesmo pessoas que queremos muito e a nós mesmos. Coisas das quais acabamos nos arrependendo mais tarde. Ou porque as coisas que obtemos e que nos trazem tanta felicidade, passado algum tempo perdem valor. Treinar a mente significa deixar de lado aqueles hábitos mentais que acabam produzindo uma felicidade apenas temporária, que prejudicam os outros e a nós mesmos, e que nos afastam da verdadeira felicidade. Além disso, treinar a mente significa cultivar, desenvolver, aqueles hábitos que irão beneficiar os outros e a nós mesmos e que conduzem à verdadeira felicidade. O objetivo da meditação não é curar um determinado mal-estar emocional que a pessoa possa estar sentindo, mas sim atacar o problema na sua raiz eliminando as causas que dão origem a todos os tipos de mal-estar mental e que impedem a verdadeira felicidade. Quantos tipos de meditação existem? Existem vários tipos de meditação no Budismo, mas para atingir os objetivos descritos acima, há dois tipos de meditação que são os mais adequados. Uma é a meditação da concentração e a outra é a meditação de insight. Os dois tipos também são conhecidos como samadhi e vipassana em Pali (shamatha e vipayshana em Sânscrito). A meditação da concentração visa acalmar e tranquilizar a mente enquanto que a meditação de insight visa ver as coisas que ocorrem na nossa mente como elas na verdade são. Para dar um exemplo, imaginemos um lago com águas cristalinas, tão limpas que nos permita ver o fundo, ver as pedras e o cascalho, os peixes nadando. Agora imaginem a superfície do lago com ondas agitadas pelo vento, seria possível ver até o fundo do lago? Muito provavelmente não, a superfície do lago tem de estar calma, sem ondas, sem nenhuma agitação. Assim é como funciona a meditação da concentração, que tem como objetivo aquietar a agitação natural da mente para poder ver melhor o que está acontecendo. Agora imaginem que a superfície do lago está calma, a pessoa que está olhando é capaz de ver e apreciar aquilo que está na água, agora se essa pessoa tiver conhecimentos de biologia, geologia ou ecologia, ela poderá apreciar aquilo que está vendo num grau muito mais completo e profundo do que uma que não tenha esse tipo de conhecimento. De modo semelhante com a meditação de insight, que possibilita ao meditador enxergar e entender completa e profundamente aquilo que está ocorrendo na sua mente. Mas isso também implica que há um certo referencial para a prática da meditação de insight que são exatamente os ensinamentos do Buda sobre a realidade das coisas. Praticar a meditação de insight sem esse referencial é perda de tempo. Esse referencial pode ser obtido através do estudo dos ensinamentos Budistas. Posso meditar sozinho? Não há nada que impeça alguém de começar a praticar meditação sozinho. É necessário ter um conhecimento razoável dos ensinamentos do Buda e com base nos textos disponíveis sobre meditação é possível ter uma idéia geral sobre como funciona a prática. Havendo oportunidade é recomendável que o meditador tenha o apoio de pessoas mais experientes e que participe de retiros de meditação para obter mais experiência e contar com o auxílio de um professor. No entanto, há dois obstáculos que são enfrentados por todos os meditadores. Primeiro é a motivação e segundo, como lidar com as dificuldades que surgem. A meditação como qualquer arte ou esporte requer continuidade na prática. Certo maestro de uma orquestra sinfônica dizia que se um músico da sua orquestra ficasse três dias sem praticar, a audiência perceberia; se ele ficasse dois dias sem praticar, os seus colegas na orquestra perceberiam; e se ele ficasse um dia sem praticar, ele, maestro, perceberia. Com a meditação é a mesma coisa. É necessário incorporá-la como parte da rotina diária, assim como escovar os dentes ou ir ao banheiro. Para fazer isso, no entanto, é necessário motivação. Num retiro de meditação, onde há um grupo de pessoas e uma rotina de atividades estabelecida, fica mais fácil manter a disciplina. Em casa, sozinho, é muito mais difícil. A pessoa tem de encontrar dentro de si mesma essa motivação. Desenvolver um senso de urgência, (samvega em Pali), é um dos principais fatores que ajuda a estimular a energia para a prática da meditação. Esse senso de urgência é despertado ao refletirmos sobre as inevitáveis vicissitudes da vida e o sofrimento gerado pelas enfermidades, envelhecimento e morte. O estudo, a leitura de textos Budistas pode servir como fonte de inspiração, e a participação num grupo que medite regularmente também pode ajudar. Ayya Khema dizia que as pessoas com tendência para aversão são aquelas que são motivadas com mais facilidade para a prática, porém são aquelas que provavelmente, pela própria aversão, irão encontrar mais dificuldades. O segundo aspecto é como lidar com as dificuldades. Não que a meditação seja algo difícil. A meditação em si é muito fácil. As dificuldades são em geral criadas por nós mesmos devido aos hábitos mentais inábeis acumulados durante muito tempo. Isso é o que cria as dificuldades na meditação. Qualquer prática de meditação terá mais chance de ser bem sucedida se for acompanhada por uma sensação de bem-estar mental. Isso não só cria um fator de estímulo para praticar a meditação, como é também a condição necessária para que a meditação transcorra com menos dificuldades. O objeto de meditação mais recomendado é a respiração, que inclusive foi o que o próprio Buda empregou. A respiração tem a vantagem de ser algo neutro, mas ao mesmo tempo capaz de condicionar a mente e o corpo. Dependendo da forma como a respiração é observada, ou seja, o tipo de atenção e intenção na mente ao observar a respiração, combinado com um ritmo de respiração que seja confortável e agradável, é possível com facilidade criar essa sensação de bem-estar no corpo e na mente. Esse será um bom ponto de partida, ao qual poderemos sempre recorrer. Além disso é importante, como base para uma meditação bem sucedida, que o meditador observe certas regras de conduta, cujo conteúdo mínimo abarca os cinco preceitos e o ideal, a Ação Correta, a Linguagem Correta e Modo de Vida Correto do Nobre Caminho Óctuplo. A observação dessas regras de conduta visa evitar o remorso e a agitação mental e com isso, contribuir para o ambiente de bem-estar e tranqüilidade da mente. Mas mesmo tomando todas essas precauções, é inevitável que as dificuldades surjam, e nesse aspecto, uma pessoa mais experiente pode ajudar bastante evitando que o meditador perca tempo em demasia com problemas de fácil solução. Por outro lado, o meditador tem de estar preparado para emoções fortes que podem se encontrar contidas dentro da mente e que devido à prática da meditação encontrem uma forma de vir à tona e assim impossibilitar que a mente se tranquilize. Nesse caso, o mais prudente é descontinuar a prática da meditação até que ele receba instrução adequada de como lidar com esse aspecto da prática, e para isso a ajuda de um meditador mais experiente ou de um professor será necessária, pois se essa emoção for demasiado intensa e perturbadora, a prática da meditação poderá alimentá-la. No entanto, há algumas dificuldades que o meditador irá enfrentar e para as quais ele mesmo terá de encontrar a solução, pois as experiências das pessoas variam muito e nem sempre um meditador mais experiente, ou um professor, terá uma resposta satisfatória. Mesmo que o professor tenha tido uma experiência semelhante, as soluções para as dificuldades na meditação podem variar de pessoa para pessoa. Nesses casos o meditador terá que agir como seu próprio professor, ser aluno e professor ao mesmo tempo. Para conseguir isso é necessário ser muito observador e estar disposto a fazer experimentos, tentar diferentes alternativas para avaliar o resultado, é dessa forma que o meditador irá conhecer melhor a sua mente. O importante é não ficar frustrado com as dificuldades que forem encontradas, lembrando sempre que a paciência e a equanimidade são qualidades mentais importantes e que são justamente as dificuldades que fazem com que elas amadureçam. Lembro de uma história do Ajaan Mun, um dos fundadores da tradição de florestas da Tailândia, que no início da sua carreira como monge, perambulando pelas florestas da Tailândia, ao meditar, com a mente concentrada, tinha a visão de um cadáver e não sabia bem o que fazer com aquilo. Ele recorreu ao seu companheiro monge para pedir ajuda mas este foi incapaz de ajudá-lo, pois as suas experiências meditativas eram completamente distintas. Ajaan Mun teve de encontrar a resposta sozinho através da própria perspicácia. Através da sua determinação e esforço Ajaan Mun acabou se convertendo num dos mais renomados mestres de meditação na Tailândia no século XX. Para aqueles que o conheceram Ajaan Mun era um iluminado. A tradição que ele estabeleceu se mantém viva até os dias de hoje, não só na Tailândia, mas em vários monastérios estabelecidos pelos seus discípulos em muitos países da América do Norte, Europa e Oceania. Uma pessoa com a mente instável, que não compreende o verdadeiro Dhamma, que tem convicção hesitante: a sabedoria não chega à sua plenitude. Dhammapada 38 https://www.acessoaoinsight.net/arquivo_textos_theravada/abc_budismo.php#meditacao
  9. Viagem Espiritual II (A Projeção da Consciência) - Wagner Borges http://consciencial.org/wp-content/uploads/2016/02/wagner-borges-viagem-espiritual-ii-a-projecao-da-consciencia.pdf
  10. O proposito universal da existencia - Cura Autocura - por Dalton & Andreia http://www.ippb.org.br/baixar_o_proposito_universal_da_existencia_cura_autocura.php LIVROS ON-LINE - IPPB http://www.ippb.org.br/multimidia/livros-online
  11. Projeção Astral - O Despertar da Consciência - por Liliane Moura http://www.ippb.org.br/baixar_projecao_astral_o_despertar_da_consciencia_liliane_moura.php LIVROS ON-LINE - IPPB http://www.ippb.org.br/multimidia/livros-online
  12. Constantine - 1ª Temporada - Trailer - Legendado [PT-BR] https://www.youtube.com/watch?v=z_L4CwRc38Y
  13. O corpo humano pode emitir luz visível, mostra estudo https://socientifica.com.br/o-corpo-humano-pode-emitir-luz-visivel-mostra-estudo/ Esquisito: Humanos literalmente emitem luz https://hypescience.com/18993-esquisito-humanos-emitem-luz/
  14. Padre tem crise de riso, durante a missa, após a corda do violão arrebentar.. ( ele mesmo divulgou o video ) :D... https://www.youtube.com/watch?v=Wrd5EyQm-68
  15. Estudo indica 300 milhões de planetas potencialmente habitáveis na Via Láctea Segundo novas as descobertas, metade das estrelas similares ao sol podem abrigar planetas parecidos com à Terra; pela primeira vez análises são baseadas em dados completos do telescópio Kepler https://olhardigital.com.br/ciencia-e-espaco/noticia/existem-300-milhoes-de-planetas-potencialmente-habitaveis-na-via-lactea/110271
  16. Hoje se comemora 112 anos da fundação da Umbanda... uma religião brasileira que representa a diversidade do nosso país. “A Umbanda é paz e amor É um mundo cheio de Luz É força que nos dá vida E a grandeza nos conduz” Salve a Umbanda, os Orixás e todas as suas linhas de força.
  17. BIREME/OPAS lança mapas de evidências sobre aplicabilidade clínica das práticas integrativas e complementares de saúde O Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde da Organização Pan-Americana da Saúde (BIREME/OPAS) lançou nesta quinta-feira (5) uma série de mapas de evidências sobre a aplicabilidade clínica de práticas integrativas e complementares de saúde (PICS). O objetivo da iniciativa é sintetizar, identificar, descrever e caracterizar a evidência científica existente para determinadas temáticas e mapear as lacunas no conhecimento. https://www.conass.org.br/bireme-opas-lanca-mapas-de-evidencias-sobre-aplicabilidade-clinica-das-praticas-integrativas-e-complementares-de-saude/
  18. Exercícios tradicionais chineses emagrecem e combatem o estresse Novo estudo da Universidade do Esporte de Xangai revela que modalidades como o Tai chi chuan contribuem para o controle da obesidade e a melhora da saúde mental https://globoesporte.globo.com/eu-atleta/treinos/post/2020/10/27/exercicios-tradicionais-chineses-emagrecem-e-combatem-o-estresse.ghtml
  19. só para os mestres 😎 Doctor Strange Steals Books from the library of Kamar Taj https://www.youtube.com/watch?v=OnR7TRqey38
  20. Fim da pandemia Depois que a segunda onda letal ocorreu no final de 1918, novos casos caíram abruptamente – quase nenhum depois do pico da segunda onda.[67] Na Filadélfia, Pensilvânia, por exemplo, 4.597 pessoas morreram na semana que terminou em 16 de outubro, mas em 11 de novembro a gripe quase desapareceu na cidade. Uma explicação para o rápido declínio da letalidade da doença é que os médicos se tornaram mais eficazes na prevenção e tratamento da pneumonia que se desenvolveu após as vítimas terem contraído o vírus. No entanto, John Barry afirmou em seu livro The Great Influenza: The Epic Story of the Deadliest Plague In History, publicado em 2004, que os pesquisadores não encontraram evidências para apoiar essa posição.[16] Outra teoria sustenta que o vírus sofreu uma mutação extremamente rápida para uma estirpe menos letal. Essa é uma ocorrência comum com os vírus influenza: existe uma tendência de os vírus patogênicos se tornarem menos letais com o tempo, pois os hospedeiros de estirpes mais perigosas tendem a morrer.[16] https://pt.wikipedia.org/wiki/Gripe_espanhola
  21. Mahali Sutta (SN XXII.60) - Mahali. As causas e condições para a contaminação e a purificação dos seres. https://www.acessoaoinsight.net/sutta/SNXXII.60.php Samyutta Nikaya XXII.60 Mahali Sutta Mahali Assim ouvi. Certa ocasião o Abençoado estava em Vesali na Grande Floresta no Salão com um pico na cumeeira. Então o Licchavi Mahali foi até o Abençoado e depois de cumprimentá-lo ele sentou a um lado e disse: "Venerável senhor, Purana Kassapa diz o seguinte: 'Não existem causas ou condições para a contaminação dos seres. Os seres são contaminados sem causas ou condições. Não há causas ou condições para a purificação dos seres. Os seres são purificados sem causas ou condições.' [1] O que o Abençoado diz a respeito disso?" "Mahali, há causas ou condições para a contaminação dos seres; os seres são contaminados com causas ou condições. Há causas ou condições para a purificação dos seres; os seres são purificados com causas ou condições." "Mas, venerável senhor, qual é a causa ou condição para a contaminação dos seres? Como os seres são contaminados com causas ou condições?" "Mahali, se esta forma fosse exclusivamente sofrimento, imersa no sofrimento, impregnada de sofrimento, e se ela não estivesse também imersa no prazer, os seres não se enamorariam da forma. Mas porque a forma é prazerosa, impregnada de prazer, imersa no prazer, e não está apenas imersa no sofrimento, os seres se enamoram da forma. Enamorando-se da forma, os seres são cativados pela forma, e sendo cativados pela forma eles são contaminados. Mahali, essa é a causa ou condição para a contaminação dos seres; é assim que os seres são contaminados com causas ou condições. "Mahali, se esta sensação ... percepção ... formações volitivas ... consciência fosse exclusivamente sofrimento, imersa no sofrimento, impregnada de sofrimento, e se ela não estivesse também imersa no prazer, os seres não se enamorariam da consciência. Mas porque a consciência é prazerosa, impregnada de prazer, imersa no prazer, e não está apenas imersa no sofrimento, os seres se enamoram da consciência. Enamorando-se da consciência, os seres são cativados pela consciência, e sendo cativados pela consciência eles são contaminados. Mahali, essa é a causa ou condição para a contaminação dos seres; é assim que os seres são contaminados com causas ou condições. "Mas, venerável senhor, qual é a causa ou condição para a purificação dos seres? Como os seres são purificados com causas ou condições?" "Mahali, se esta forma fosse exclusivamente prazer, imersa no prazer, impregnada de prazer, e se ela não estivesse também imersa no sofrimento, os seres não experimentariam o desencantamento da forma. Mas porque a forma é sofrimento, impregnada de sofrimento, imersa no sofrimento, e não está apenas imersa no prazer, os seres experimentam o desencantamento da forma. Experimentando o desencantamento da forma, os seres se desapegam da forma, e desapegados da forma eles são purificados. Mahali, essa é a causa ou condição para a purificação dos seres; é assim que os seres são purificados com causas ou condições. "Mahali, se esta sensação ... percepção ... formações volitivas ... consciência fosse exclusivamente prazer, imersa no prazer, impregnada de prazer, e se ela não estivesse também imersa no sofrimento, os seres não experimentariam o desencantamento da consciência. Mas porque a consciência é sofrimento, impregnada de sofrimento, imersa no sofrimento, e não está apenas imersa no prazer, os seres experimentam o desencantamento da consciência. Experimentando o desencantamento da consciência, os seres se desapegam da consciência, e desapegados da consciência eles são purificados. Mahali, essa é a causa ou condição para a purificação dos seres; é assim que os seres são purificados com causas ou condições."
  22. eu achando que o céu só ficava assim com efeitos especiais.. Cidades de Oregon têm céu vermelho devido aos incêndios florestais https://gq.globo.com/Noticias/noticia/2020/09/cidades-de-oregon-tem-ceu-vermelho-devido-aos-incendios-florestais-veja-imagens.html
  23. É possível se ordenar no Budismo Zen e no Budismo Theravada e seguir as 2 Tradições? Sim, ela conseguiu.. Integrating Dharma Practice in Spanish: An Interview with Venerable Dhammadīpa Samaneri A Zen and Theravada monastic bridges traditions, languages, and worlds https://www.buddhistdoor.net/features/integrating-dharma-practice-in-spanish-an-interview-with-venerable-dhammadipa-samaneri Dhammadipa Konin Cardenas, a nun in the Theravada Forest Tradition in the West and in the Soto Zen Buddhist tradition https://dhamma-dipa.com/
  24. #nofapseptember https://twitter.com/search?q=%23nofapseptember&src=trend_click&vertical=trends
×
×
  • Create New...