• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Search the Community

Showing results for tags 'projeção'.



More search options

  • Search By Tags

    Type tags separated by commas.
  • Search By Author

Content Type


Forums

  • Apresentação
    • Apresentação
    • Regras do Fórum
  • Viagem Astral
    • Dúvidas sobre projeção astral
    • Dúvidas sobre informações gerais
    • Relatos Astrais
    • Chat Viagem Astral
    • Encontro Astral quinzenal dos Projetores.
    • Grupo de Estudos
    • Materiais Educativos do Saulo (em construção)
    • Materiais educativos de outros pesquisadores
    • Mensagens
  • Espiritualidade
    • Desabafos
    • Bom Humor Espiritualista
    • Espiritualismo geral
    • Vibrações e/ou Mentalizações
    • Vídeos / Dicas de Filmes / Áudios
    • Dicas de Livros
    • Bem Estar
  • Dúvidas sobre o GVA(fórum)
    • Dúvidas e Sugestões

Find results in...

Find results that contain...


Date Created

  • Start

    End


Last Updated

  • Start

    End


Filter by number of...

Joined

  • Start

    End


Group


Found 150 results

  1. Boa tarde galerinha do GVA ! Ontem em projeção, desci na praia onde moro, na pracinha, uma galerinha desencarnada tava la no social, eu cumprimentei alguns, conversei um pouco, tinha uns 2 ou 3 usando droga, nem cheguei perto, muito tiozinhos, pessoal legal mesmo, ai a gente tava conversando, era crepúsculo, nem noite breu, nem dia, o sol (ao que parecia ser um planeta) mas grandão mesmo, amarelão alaranjado, mas a lua tava iluminando mais, menor claro, bem iluminada forte e branca, ficamos apreciando o céu maravilhoso, algumas movimentações, a galera não entendia tb muito, todos maravilhados, dei mais um rolê na praia, tinha poucas crianças brincando nas ondas a beira mar, uma 3 tia estilo maiozão das antigas, depois saí um pouco dali, ja é outro relato, depois eu conto. Alguém já viu o céu no astral? alguma experiência que mostra algo muito diferente do que vemos aqui na 3D? obrigado pela atenção!
  2. Faz uns meses tive uma projeção, fui a um lugar que já tinha ido algumas vezes e lembrei do fato de ter ido. Parecia uma vila de casas,um conjunto antigo e tinha um moço que parecia esperar uma visita e lá estava eu, o senhor era muito parecido com meu bisavó que eu não conheci, mas pela estatura e roupas fez lembrar das suas fotos antigas que eu vi a pouco tempo, não sabia do seu estilo. Ele me viu e o lugar parecia uma praça dentro de uma vila toda ela era de uma ardosia verde, ele ficou feliz ao me ver e disse que esperava e fazia tempo desde a ultima visita, mas eu parecia uma criança doida para desbravar o local e assim o fiz. passei por uma porta e vi que tinha que descer, então desci e achei outra porta e assim consecutivamente muitas vezes como um labirinto e sai em um local amplo que parecia um palácio árabe digno de um sultão, no meio tinha uma mulher linda, nem magra e nem gorda em um divã. senti que já a conhecia e ela me disse assim: Há quanto tempo? vai continuar com seu desejo? Mas sei que você deseja outra coisa agora! E eu disse: sim, agora eu quero outra coisa, mas isso vai fazer com que meu desejo anterior se concretize também, um chama o outro e aconteceu de verdade coisa de dias. alguém sabe o que isso significa?
  3. Olá, me chamo Matheus. Eu conheço a projeção astral a mais ou menos 4 anos. E já me projetei no astral, mas isso aconteceu em 2015. Depois que me projetei e "vi que era real" eu perdi o interesse. E também porque eu demorava de 1h30 á 2 horas pra conseguir, e era muito cansativo, rs. Porém nesse ano de 2018 eu voltei á tentar me projetar novamente, fiz as técnicas, que não tiveram muito efeito. Alías não consigo sentir nem 50% do EV que eu sentia em 2015. Hoje em dia é uma leve vibração, naquela época era um EV bem intenso. Contudo, eu comecei a ter uns sonhos. Mas não sei caracteriza-los. São sonhos em que eu "sonho" que me projeto. rs. No primeiro, parecia que tinha alguém me puxando violentamente, então tentei sutilizar as vibrações pra sair daquela situação, e consegui, eu estava em casa, eu atravessei a parede e sai voando. E senti uma mistura de felicidade e medo de estar projetado, então eu tentei me imaginar numa praia, pra "aparecer lá", deu certo, de repente apareci no meio da água do mar, mas assim que eu apareci lá, apaguei. No segundo que aconteceu hoje, eu estava em casa de novo, e me levantei do meu corpo, e tentei adquirir mais lucidez, sem muito efeito rs, eu fui pra sala, e tentei atravessar a parede, mas dessa vez eu olhei pra parede, dai não consegui, então eu sai pela porta, meu cachorro me olhou, e eu vi meu corpo deitado na piscina de casa, o que obviamente não estava pois estava no meu quarto, então sai voando novamente, porque eu penso, ah já que não to com muita lucidez vou pelo menos sair voando, então após sair voando, eu pensei em ir para uma colonia espiritual, para me ajudarem a adquirir lucidez, mas dai apaguei de novo. A questão é que eu sei que não é uma projeção, pois uma projeção é 100% real, é como aqui agora. Mas também não é um sonho lúcido, pois eu não tenho aquele estalo que normalmente me dá, quando tenho sonhos lúcidos. Não sei o que é; Não sei como agir nessa situação pra adquirir lucidez. Alguém pode me ajudar, please? Haha Obrigado!
  4. Apos começar a estudar sobre 'pedras, projeção,reiki, 7 chakras, etc...' Tive 3 projeções intencionais, o que acontece é que consigo me mexer com muita dificuldade coloco os pés fora da cama quando vou fazer o movimento de ficar em pé fica tudo preto e acordo. tenho certeza sobre minhas projeções, é totalmente diferente dos meus sonhos que por sinal tenho uns 4 toda noite foi a primeira projeção depois de 4 dias tive 2 na mesma manha, que seria hoje no caso 02/03/18 primeira quando ficou preto parei de fazer força pois já sabia que iria acabar voltando, ai fiquei na cama projetado por mais um tempo. Na segunda só levantou a metade de cima do meu corpo. E na terceira já querendo explorar forcei para levantar ficou tudo preto e acordei. Minhas perguntas: É normal para quem ta começando ? É questão de treinar ? A alguma técnica que possa me ajudar ? Vocês tem alguma opinião sobre isso ? Grato pela ajuda.
  5. Bom dia! Acabei de experimentar duas projeções seguidas. Estava há muito tempo sem vivenciar isso. Nessa semana, tentei meditar e pedir para que acontecesse. Nessa manhã, despretensiosamente, aconteceu. Foram duas projeções. Encontrei-me em estado vibracional na cama. Meu corpo todo vibrava e a vibração era muito forte na testa. Usei a técnica que sempre uso. Rolei na cama e pus me em pé! O engraçado é que foi muito fácil. Geralmente tenho que tentar algumas vezes e sempre caio no chão como um saco de batatas... Dessa vez, coloquei -me elegantemente de pé. Andei pela casa e o chão da cozinha estava repleto de papéis, jornais, recortes de revistas. Peguei vários desses papéis e li... Não eram papéis normais... Eram mais bonitos... Não sei exilar. Percebi que eram fatos que ainda não tinham acontecido... Desde prisões de personalidades a acidentes... Não consigo lembrar de nada... Fiz carinho no meu gato que estava bem carinhoso. O céu estava negro como a noite, mas a luz do sol entrava em casa. Não senti nenhuma presença. Voltei para o meu corpo e pensei em escrever o conteúdo dos papéis (ainda me lembrava). Mas não pude pois estava paralisado e meu corpo começou a vibrar novamente. Relaxei e tentei sair do corpo novamente... Mas não deu... A vibração desviou da minha testa para o meu ouvido esquerdo e foi muito barulhento. Começou a doer. Levantei- me e coloquei o dedo no ouvido e percebi um pouco de sangue. Somente quando sai do quarto, percebi que estava no plano astral (até então, achei que estivesse acordado no físico). Fui ao banheiro e verifiquei meu ouvido. Estava tudo ok e a dor tinha passado. A TV na sala estava ligada mas era uma modelo mais moderno. Ouvi uma segunda TV e no banheiro tinha um tablet (bem mais moderno que os que existem). Olhei pela janela da sala (moro no sexto andar) e a rua estava futurista. As pessoas caminhavam em longas passarelas que seguiam longitudinalmente acima das ruas por onde os carros passavam. O ambiente era bem limpo e moderno. Procurei algo que pudesse ter data e achei um dos papéis que estavam na cozinha com a data de 2054.
  6. Olá, pessoal! Segue o relato da minha primeira viagem do ano o/ Relato 2018 - 001 14/02/2018 Despertei numa espécie de universidade/hospital, andando pelos corredores, guiado por mentores invisíveis a mim. Era um lugar bem cuidado, limpo, apesar da aparente idade das instalações. Percebia-se o ambiente envelhecido, porém nada faltava (para o atendimento e estudo), e a boa intenção de todos lá dentro criava um clima confortável, me sentia em casa. Sai para rua, ouvindo os guias, e cheguei a uma estrada de barro. Haviam várias casas, uma ao lado da outra, todas com objetivo de tratar da saúde das pessoas. Havia um local de aconselhamento, onde ouvi pessoas lamentando perda de dinheiro, de bens, outros reclamavam o distanciamento dos entes queridos, e ouvindo pacientemente as reclamações estavam senhores e senhoras, com vestes simples. Um senhor vestia uma calça jeans, com cinto e uma camisa listrada. Uma senhora usava um vestido florido. Fiquei pensando com ar de riso: "cadê aquelas roupas brilhantes, brancas e compridas?" Continuei observando o lugar e vi uma casa que atendia pacientes com câncer, outra que tratava de dependência química, e então tive uma visão de cima (acho que passaram pra mim) e vi que todas aquelas casas, e o hospital de onde sai, faziam parte de um complexo, como um bairro inteiro dedicado a saúde em geral. Os mentores me disseram que aquela era uma unidade fundada para receber recém desencarnados, que permaneciam presos as necessidades terrenas. Em geral, eram boas pessoas, com um bom desenvolvimento moral, mas ignorantes da realidade espiritual. Segui andando até uma casa cor-de-rosa que recebia pessoas com câncer. Parei na porta admirado com a decoração. O mentor (agora via a imagem de um jovem adolescente na minha cabeça) me esclareceu que essa era a ala que tratava apenas de mulheres. Disse para eu entrar e prestar auxílio. Nesse momento a lucidez balançou um pouco porque fiquei meio nervoso, sem saber como agir. Senti a mão amiga no meu ombro, restaurando a lucidez perdida. Ele reforçou: "Vamos, vou estar junto. O tratamento aqui é diferente do que imagina, queremos apenas restabelecer o equilíbrio mental das pessoas. Você só precisa dar atenção e conversar, tentando levantar o astral." Uma pessoa se aproximou do portão e parece ter visto minha companhia, abriu-o com um sorriso e esperou eu entrar, sem nada dizer. Sentei de frente a uma senhora que aparentava 75-80 anos, muito simpática. Me apresentei e ela percebeu que eu estava em desdobramento. Quando se deu conta disso, passou a perguntar por seus filhos e netos. Disse que não os conhecia, mas traria informações numa outra oportunidade. Ela se conformou e passou a contar sobre eles. Falou bastante, outras moças chegaram para ouvir as histórias. Interessante é que quanto mais conversavamos, mais crescia em mim uma empatia por ela e pelas pessoas que mencionava, sentia conhecer a todos! O bate-papo seguiu animado, a senhora tinha um baita senso de humor, tanto que acabei voltando pro corpo, acordado por minha própria risada.
  7. Esse relato é bem curto ! (Porém é especial). Já tem alguns dias que ando acordando dentro de meus sonhos (Sonho Lucido) e quando acordo dentro deles, eu faço o que a Nanci Trivellato fala para fazer, para conseguir transformar um sonho lucido em uma projeção astral ();Então como disse estou tendo facilidade com os sonhos lúcidos ! Ontem eu viajei para o interior e aproveitei o ambiente para ouvir o áudio/técnica do Saulo (técnica completa 2 a que esta no youtube)e então logo após fui dormir sem nem mesmo entrar no EV,e logo me deparei em um sonho tipico meu no qual me deparo fugindo de alguém.Então nesse momento percebi que era um sonho! Pois bem nesse momento eu sentei e esperei o sonho se desfazer e logo senti que estava apenas deitado na minha cama.Me controlei para não acelerar meus pensamentos e imaginei uma rede balançando,logo senti como se estivesse escorregando para o lado e e girando 45 graus e neste exato momento que eu pensei na frase dita pelo saulo: -Quando for pra levantar não pense apenas levante Antes de levantar pensei:-se eu levantar no físico,tudo bem. Mas para minha surpresa levantei e abri os olhos,nesse momento me vi deitado na cama e em menos de 1 segundo acordei novamente no físico. Como eu disse foi uma experiencia bem rápida que me deixa com duas duvidas: 1°-Será que voltei para o físico devido o raio de funcionamento de minha áurea ? e se por outro motivo qual seria? 2°-Porque me parece que as experiencias fora do corpo são mas ascensíveis na praia ou no campo ? Muito Obrigada e Boa tarde/noite ou manha a todos! EM BAIXO ESTA O VÍDEO DA NANCI E DO SAULO QUE ME AJUDOU NO PROCESSO !
  8. Ola Pessoal, Sou nova aqui no forum e sou um tanto quanto iniciante no assunto. Essa duvida provavelmente surge de forma muito frequente aqui, mas estou realmente em duvida se tive um sonho ou projeção e gostaria de saber se alguem pode me ajudar, ou pelo menos opinar. Descobri o assunto projeção tem pouco tempo, por não encontrar explicações para algumas coisas estranhas que aconteciam (por ex, sonhos que depois vinham se tornar realidade ou mensagens que eu recebia em sonho). Dai descobri que o q eu tinha eram catalepsias e descobri que muitas das minhas experiências eram na verdade, projeções. Então, esses dias atras, estava lendo uns relatos aqui no forum sobre ETs e me pareceu interessante o fato de que algumas pessoas relataram encontros com ETs. Durante a leitura, me foram vindo a memoria, diversos sonhos que eu ja tive em que haviam OVNIs, alguns muito antigos, desde a infância. Fiquei um pouco surpresa, pois havia me esquecido totalmente deles e achei interessante o fato de eu ter esquecido, ja q foram marcantes. Ontem, eu fui dormir como de costume e no meio do "sonho", eu encontro minha irma e minha sobrinha. Eu me lembro que estávamos conversando em um lugar que desconheço, porem era um apartamento muito grande, com uma janela muito grande também. De repente, eu olho pela janela e vejo um OVNI aparecendo no céu se aproximando (era noite). Na hora, eu fiquei totalmente petrificada e aterrorizada, e ele se aproximou tanto em tao pouco tempo, que não deu tempo de eu fazer nada. A minha única reação foi pegar a mao da minha sobrinha quem tem 7 anos e gritar pra minha irma correr. Nos saímos correndo desesperadoramente. No meio da corrida, eu me lembro que tive o pensamento mais ou menos assim "eu sei que eles estão aqui para me dar uma mensagem que eu preciso leva-la quando acordar". E nesse momento olhei pra trás pra ver qual mensagem era. Haviam 3 palavras projetadas no ar, em uma lingua que eu desconheço (eu moro na Europa e tenho contato com muitas línguas diferentes, mas ate onde eu sei, as palavras eram escritas em um alfabeto desconhecido. Lembra algo do grego, mas não era grego.) Então eu parei, olhei bem detalhadamente para as 3 palavras, como se eu tivesse tentando "fotografar" as 3 palavras mentalmente de forma a me lembrar delas quando acordasse, mas o fato e que sendo escritas em um alfabeto desconhecido, eu não as entendi. Depois quando eu, minha irma e sobrinha ja estávamos em andares inferiores do prédio, onde a nave n conseguiria chegar, eu falei pra minha irma: ta vendo?? eu te falei! Eles sempre vem atras de mim. Ela respondeu: ahh, que nada, vc esta inventando. Como que voce sabe que eles sempre veem atras de vc? Eu respondi: ue, porque eu vi isso no meu sonho semana passada. Depois que eu falei isso pra minha irma, eu abri o olho imediatamente no corpo e estava tao aterrorizada que não consegui me mover. Demorou bastante tempo pra conseguir me mexer. E de fato, semana passada, eu acordei com uma dor terrível nas costas, que se espalhavam pelas pernas e no quadril. Na ocasião eu pensei que tivesse dormido de mal jeito, mas achei estranho, pois meu corpo esteve sempre esticado e relaxado a noite toda. Eu não me lembro de nada (sonho) nessa noite da semana passada, mas achei muito estranho o fato de estar sentindo tanta dor, mesmo estando numa posição totalmente confortável. Nesse caso, vendo os relatos das pessoas no forum, alguns momentos eu acho que isso foi somente sonho, outras eu penso que foi de fato uma projeção. Eu acho que pode ter sido sonho, porque eu li uns dias antes os relatos de pessoas que falavam sobre OVNIs e isso pode ter feito minha mente criar isso em sonho. Também porque na hora que fui correr, eu corri com as pernas, eu não me lembro de ter volitado (como acontece nas minhas projeções), apesar de ter corrido uma distancia longa em curto espaço de tempo. Por um outro lado, tem horas que eu acho que foi uma projeção porque a noção de realidade era muito grande. Também, meu raciocínio era perfeito: por ex, mesmo estando tao aterrorizada, eu sabia que precisava olhar pra trás pra gravar as 3 palavras e depois de um tempo tentando fotografa-las mentalmente, eu meio que desisti quando vi que eu não conhecia nem mesmo o alfabeto em que elas eram escritas. Também, quando re-encontrei minha irma, eu falei com ela: ta vendo que eu te falei que eles vem atras de mim? Ou seja, o sonho teve uma sequencia lógica, eu tinha domínio sobre meu raciocínio e poder de decisão. Olhando por esse critério do Wagner Borges (http://www.cantinhodaluz.com/projecao-ou-sonho/), me parece uma projeção. O que vcs mais experientes acham? OBS: eu nunca fiz técnicas de projeção, so vi alguns videos do Saulo, porque morro de medo de tudo, kkkk. Eu sei que o Saulo fala que se todos saem, e melhor sair consciente do que inconsciente. Mesmo assim, eu consigo me convencer racionalmente, mas ainda morro de medo de tudo. Ate estava me acostumando com as projeções e gostando quando notava q estava voando, mas depois de ontem, meu medo voltou todo, kkkkkkk. Pra minha sorte, nunca vi nenhum demônio ou vulto preto estando projetada, so mentores. Acho que os mentores perceberam que eu não podia me lembrar dos demônios e nunca me deixaram lembrar, senao eu morreria do coração hahahaha.
  9. Ultimamente eu estou muito curioso em saber como é a cor ultravioleta e infravermelho. Deve ser incrível ver uma cor nova, será que eu consigo ver uma cor que não está no espectro visível usando clarividência ou projeção astral? Eu tambem queria mto mesmo enxergar mais dimensões, imagina ver um objeto em 3d, 4d,etc... Imagina com9 deve ser incrível enxergar uma direção a mais do que altura largura e profundidade, não da nem pra imaginar mas seria incrível ver. Eu to pensando tanto nisso que nos meus sonhos eu tava até sonhando com minha visão mudando, num sonho eu comia um algodão doce vermelho mas a parte que eu mordia se formava um arco-íris, outra hora minha visão mudou pra tipo um marrom, como se tivesse um daqueles vidros de garrafa de cerveja na minua visão. Já li em um livro de clarividência que é possível ver cores novos e dimensões a mais com a clarividência, imagina que incrível! Isso me lembra dos videos de daltônico enxergando mais cores pela primeira vez e chorando de emoção.
  10. Há uns bons anos atrás, tive um sonho extremamente real. Hoje, depois de descobrir sobre a viagem astral, eu me questiono se esse foi o caso. No dia que esse sonho em questão aconteceu era de tarde e eu fui para meu quarto deitar e tirar um cochilo. Me lembro que havia uma pessoa na minha casa passando roupa, eu podia ouvir o barulho do ferro funcionando. Eu fiquei alguns momentos olhando ao redor do quarto, sonolenta, e não me lembro bem como aconteceu, mas parece que eu pisquei e comecei a "sonhar". Só que nesse sonho, estava tudo igual: os móveis do quarto, a iluminação, o barulho do ferro de passar, minha posição na cama, tudo estava do jeito que era na realidade. A única diferença é que nesse sonho, a porta do meu quarto estava fechada. E de repente uma voz começou a falar comigo. Eu não me lembro mais as frases exatas, do timbre, tom ou algo do tipo, mas eu lembro da mensagem. Era algo como "Você quer conhecê-lo? Mais cedo ou mais tarde, você vai ter que conhecer ele." Eu não fiquei assustada com essa voz falando comigo do nada. Era como se fosse natural. O que me assustava era a mensagem. Eu lembro que eu consenti balançando a cabeça e quando olhei pra janela do meu quarto, um vulto preto começou a se formar. Quando eu vi isso, subiu um arrepio gelado pelo meu corpo inteiro. Era uma sensação MUITO real. Daí eu lembro que eu me levantei depressa da cama e disse "eu quero, mas não agora" e sai correndo pra porta, quando eu a abri, eu acordei de repente e tudo estava exatamente igual ao sonho. Fiquei bem confusa na época. Desde então, eu sou muito curiosa para saber quem seria "ele" e porque eu teria que conhecê-lo. O fato é que nunca mais tive nenhum sonho do tipo e parte de mim sabe o porque: medo. Eu tenho muito medo dessas coisas. Cresci em família espírita e sei que "fantasmas" são reais, por isso sempre fui muito medrosa em relação a essas coisas. Mas minha curiosidade está bem maior que o medo e mesmo depois de muitos anos, esse sonho ainda me chama a atenção, como uma história inacabada. Uma coisa pendente. Eu queria muito saber se haveria um jeito de entrar em contato com ele novamente, talvez por meio de viagem astral, agora que estou mais preparada. Nessa mesma época, eu tinha como hobby escrever histórias e um dia minha mãe chegou do centro espírita falando que um dos colegas trabalhadores de lá falou que tinha "alguém" me auxiliando a escrever. Não sei se talvez esse sonho tenha algo a ver com isso, mas as vezes penso que sim. Enfim, quais são suas opiniões sobre esse sonho? O que vocês me aconselham a fazer para obter respostas?
  11. Olá caros colegas, tudo bem com vocês? Gostaria de compartilhar uma experiência que tive a poucos dias e que ainda me deixa um pouco em dúvida. Sei que essa dúvida deve aparecer milhares de vezes por semana, mas eu gostaria de compartilhar com vocês. Primeiramente gostaria de dizer que não sou muito religioso, nem praticamente (ir em centros). Porém, a religião que mais tenho conhecimento é a espírita e tenho certeza (experiências reais) sobre muitas coisas que a mesma se refere, não tenho a menor dúvida dentro de mim. Enfim, tenho ouvido quando possível o curso sobre projeção astral (ouvi todos os áudios do curso básico e atualmente estou no último áudio do intermediário) e venho praticando a limpeza energética sempre que possível. Faz algum tempo que venho fazendo a mesma e ontem tive a primeira experiência que me pareceu ser um indício de viagem astral, porém, sei que também pode ter sido obra do meu cérebro devido a minha vontade e mentalização. Na noite de ontem, fiz o processo de limpeza energética e cai no sono, como na maioria das vezes. Durante a madrugada, acordei com uma sensação estranha (calor, frio, calor, frio, calor ....) e como não consegui dormir, comecei o processo de limpeza energética novamente. Eis que surge minha dúvida, em um determinado momento eu vi uma espécie de luz com a mesma forma do meu corpo saindo para cima de mim. Depois disso, lembro vagarosamente de ter visto o meu quarto e então ter pensado que deveria sair de perto do meu corpo, seguindo os conselhos dos áudios. Também lembro de ter pensado em verificar de alguma forma se eu estava em uma viagem astral, mas como não lembrei de nenhuma rapidamente me afastei. Então, lembro também de ter passado pelo corredor do meu prédio e ter ido em direção a porta dos meus vizinhos (eu moro em um dormitório onde são vários quartos em um corredor). Essas são minhas únicas lembranças da noite de ontem, o que me deixou pensando se o mesmo se tratou de um sonho ou se foi uma pequena manifestação de viagem astral. Também há pouco tempo atrás, lembro que "sonhei" estar voando, coisa que nunca me aconteceu durante meus 25 anos de vida. Enfim, este é meu relato sobre o ocorrido que eu achei muito curioso. Um grande abraço a todos!
  12. Hoje pela manhã, apliquei a tecnica indireta tentando a separação imediata logo após acordar e funcionou 20% podemos dizer, por que consegui separar o meu pé esquerdo, eu senti ele descolar do meu pé físico e a minha mão esquerda também, fiquei um bom tempo assim mais não consegui separar totalmente o corpo, gostaria muito que me dessem dicas de como conseguir separar a outra parte. Fico muito grato.
  13. No início desse ano de 2017, ao final das férias de ano novo, meu professor de matemática do ensino médio, estava internado em estado grave. Nesse mesmo período de tempo eu tive uma projeção astral lúcida, lembrei cada detalhe. A minha escola tem 2 andares, as salas de aula ficam no segundo andar, exceto uma sala que fica no primeiro, e o segundo andar é somente um corredor que liga todas as salas. Minha projeção começou, eu estava no segundo andar, era de manhã, por volta de umas 8/9 horas da manhã, lembro de cada detalhe, as folhas das árvores balançando, as sombras de cada objeto, entre outras percepções. À minha frente, cerca de uns 2-3 metros de distância estava meu professor de matemática bem feliz e acenando para mim, e então acordei com o meu celular vibrando, por conta das várias notificações de mensagem no WhatsApp, abri meu Whats e as mensagens eram do grupo da minha sala, e estava todo mundo comentando que nosso professor de matemática tinha acabado de morrer. No começo eu acreditava que esse ocorrido era apenas um sonho lúcido, mas hoje em dia acredito que eu realmente estava fora do corpo, pois ele jamais esteve em algum sonho meu, e aconteceu em tempo real, quando eu acordei o clima do tempo era o mesmo da projeção. Essa foi uma projeção simples e bem rápida, mas foi o pontapé inicial dessa minha jornada de estudos e pesquisas, e essa experiência foi muito importante para mim, tanto para o meu desenvolvimento intelectual, quanto espiritual. Espero que tenham gostado deste relato
  14. Olá, pessoal. Sou novo no fórum, tenho 33 anos e a 5 meses estou na Umbanda. Aos meus 16 anos tive minha primeira projeção. Foi assustador um barulho horrível de batidas e um "zuuuuuuuuuummmm" contínuo. Me vi deitado na cama fui até a cozinha e não conseguia mais me mexer. Eu só caia lentamente, lentamente, até tocar no chão e voltei para o corpo. Tive essa experiência 2 vezes bem parecidas daí não tive mais. Voltei a tê-las agora, aos 33. Recentemente tive uma projeção curta porém interessante. Deitei pra dormir e meu corpo começou a vibrar, meus ouvidos começam a zumbir e a intensidade desse zumbido vai crescendo até deixar de ser um zumbido e se transformar num "apito" único, linear. Nesse momento eu saio do corpo. Dessa vez eu tenho mais controle, consigo andar pelo quarto e pela casa mas são projeções mais curtas e num curto espaço de tempo eu volto ao corpo(ou perco a consciência). A penúltima eu pedi para que o meu erê (crianças da Umbanda) me ajudassem a ter a projeção. Foi muito parecido com o relato anterior mas com um agravante. Apareceu uma criança no quarto. Aí que eu começo a me questionar sobre o raciocínio pois em meu estado "normal/físico" eu daria um "oi" e perguntaria quem era ela (sei que não era o meu erê) mas o que fiz foi horrível. Eu fui em cima dessa criança agarrei o pescoço dela e perguntei: "–Quem é você?". Daí voltei pro corpo. Mas eu jamais seria tão agressivo assim. Isso me preocupa. Tive apenas uma incorporação do meu erê no terreiro e a minha conexão mental com ele ainda é pequena. Quando acordei meu erê me perguntou mentalmente: –Gostou, tio? e eu agradeci. A última foi nessa noite. Dessa vez não ouvi os zumbidos nem nada. Só senti a sensação de estar sendo levado por um ser meio azulado (só vi o rosto dele pois ele me segurava) numa velocidade surreal para algum lugar e depois começar a descer e ter a sensação de que eu estava descendo, descendo, descendo pro fundo do mar. Fiquei apavorado e esse ser me intuiu para que eu confiasse. Eu confiei e ele me deu uma "dedada". kkkkkkkkk. Constrangedor mas foi isso mesmo. Enquanto descíamos ele fez alguma coisa no meu chakra base que foi breve mas muito desconfortável. Quando chegamos ao fundo do mar (isso tudo aconteceu em segundos) haviam outras pessoas ali esperando. Parecia uma missão mas não lembro mais do que isso. Sou de Umbanda mas não consegui identificar aquele ser, nunca senti aquela energia. Estou só há 5 meses na Umbanda e nem todos os guias se apresentaram ainda. Nessa mesma noite eu fui na casa da minha vizinha (dessa vez sozinho), passei por dentro da porta (foi uma sensação diferente), e quando cheguei lá tinha um monte de gente acordada, inclusive a minha vizinha, numa espécie de reunião informal de família. O ambiente tava bem animado, todos felizes. Tive a intuição que nem todos daquela familia eram encarnados. Vi uma menina bonita num canto e fui na direção dela e tentei beija-la. Ela se afastou mas eu fiquei sexualmente atraído. Cara, eu sou casado, tenho 2 filhos, jamais faria isso. Pq eu não consigo raciocinar direito nas projeções? Depois, nessa mesma noite, eu fui para um lugar muito sujo, com bares, prostíbulos e muita gente curtindo drogas e álcool. Lembro que tinham pessoas conhecidas comigo mas não sei quem eram. Eu me sentia agressivo e sexualmente excitado. Entrei num bar e tinha uma menina lá bêbada e eu transava com ela e acabei machucando ela sem querer. Foi quando eu acordei. Pessoal, o que está acontecendo? Porque eu não consigo raciocinar direito? Eu, quando acordado, tenho vontade de visitar parentes, curar pessoas, dar passes, Reiki e etc. Quando eu entro na projeção me sinto diferente. Não sei pensar direito... A sensação da projeção é muito gostosa e divertida mas de repente eu fico agressivo ou excitado.... Ajudem.
  15. "Havia deitado no colchão ao quarto ao lado após almoçar. A casa estava agitada, meus pais estavam almoçando e a conversa tomava conta da casa. Durante o descanso comecei a sentir os efeitos da catalepsia projetiva, aproveitei para tentar me projetar. Comecei a fazer o exercício da contagem, e não demorou muito para os primeiros efeitos virem a tona. Sentia medo, algo que sabia que devia controlar para me projetar, controlei-o. A seguir senti o vórtex de energia como um vento muito forte zunindo em meus ouvidos, portanto, comecei o exercício da entrada lenta na piscina de água, exercício este que foi a porta para a projeção. Comecei a sentir que o exercício estava surtindo efeito, sentia minha alma se levantando, e devido a minha posição na cama, senti meu corpo astral girando na horizontal para que eu ficasse virado para cima. Senti então minha alma ser levantado pelos pés (os pés iam pra cima guiando o resto do corpo). Quando vi estava projetado (ou em um sonho lúcido, não sei ao certo). Flutuava pelo universo, vários letreiros passavam por mim, assim como no inicio de filmes, porém não conseguia lê-los completamente, o único que consegui ler e me impactou foi o seguinte: “Até quando você ira se importar tanto com o que pensam de você?”. Após isso estava flutuando pelo universo, passando por vários planetas, um deles um planeta alaranjado, muito parecido com marte, foi onde estacionei. Um professor me explicava sobre composição da matéria, descrevendo os componentes que precediam o tetraedro formado por carbono e hidrogênio, e também exemplificava como funcionava a eletrolise. Nesse momento minha atenção se desviava, devido ao barulho presente dentro de casa, fato este que dificultava o mestre a me passar os conhecimentos, que percebia os momentos nos quais eu me distraia e parava a explicação esperando a volta da minha atenção. Não demorou muito para minha mãe entrar no quarto e foi então que voltei ao corpo e acordei." Queria saber se isso foi realmente uma projeção, pois não me vi andando dentro de casa, não estava com 100% de minha lucidez, e não controlava muito o que fazia, apenas assistia as aulas desse professor. Não foi esta a primeira vez que tive experiencias assim, onde algum guia, ou mestre, não sei, me ensinava coisas. E sempre são no universo, ou em planetas ou no espaço.
  16. Hoje de manhã logo que acordei tentei me projetar, fiz as tecnicas energéticas e logo após fiz uma tecnica de separação, eu senti ambas mãos ficarem acima do normal, elas estavam subindo e antes disso tive alguns espasmos, tipo meu corpo se mexia sozinho, as vezes minha cabeça.. Daí não passei dessa fase, minhas mãos flutuaram um pouco, continuei fazendo a tecnica mais não veio nenhum resultado, poderia me explicar esses sintomas ?
  17. Olá, gostaria de tirar uma dúvida.. Sempre que tento me projetar, faço as tecnicas energeticas não passo de tonturas, flash de luzes brancas, leve formigamento , e isso vem muito rápido, coisa de 1 á 5 minutos todos esses sintomas começam á aparecer, mais nunca me projeto. Já senti minha mão acima um pouco do normal, já tive uma projeção involuntária que durou pouco, mais nunca tive uma projeção consciente. O que devo fazer ?
  18. Ainda hoje, nestante tentei a tecnica do alvo e meu ouvido começou a ouvir barulhos estranhos, parecendo uma abelha.. E flash de luz branca. Me explica esses sintomas. Não consegui prossegui por que me chamaram e não pude continuar.
  19. Um tempo atrás eu dormi como qualquer outro dia.. Mais tive uma pequena experiência.. Eu acordei e estava completamente imóvel, falei algo.. Chamei alguém. Daí eu me vi no meu quarto, andei pelo corredor da minha casa, vi alguém, parecia com minha irmã.. Daí eu olhei para o espelho e me vi, estava meio borrado e distorcido mais eu me vi completamente como eu durmo, sem meus óculos, sem minha camisa.. Percebi também que estava pouco lúcido por que não tinha controle do meu corpo. Eu gostaria de saber se foi uma projeção..
  20. Faz algum tempo que estou com esse problema, não recordo os meus sonhos ! Seja ele lúcido ou inconsciente eu não me lembro, o que pode ser ?
  21. juliana Oliveira: Eu estava no meu quarto era todo diferente. Eu saia do corpo e estava em uma beliche. Na hora q saio do corpo e tinha guarda roupa, comodas uns utensílios dai na beliche comigo apareceu um cara (bonito plasmado) querendo me beijar dai falava que não queria. Ele insistia, dai eu sentei na cama com as pernas para fora e esse cara puxou meu cabelo pra trás tipo arrumando senti o arrepio e pegou no meu ombro e não queria soltar. Eu falei solta ele disse q nao, consegui desci da beliche e comecei a lutar com ele (ele queria me atacar) dai ele se transformou, era um esqueleto com corpo preto acinzentado dai falei para ele: " eu nao quero confusão se vc quer ajuda te ajudo mas se não quiser deixa eu fica aqui sossegada, quero me divertir conhecer lugares (nao podia falar que eu iria sair ajudar "pessoas" )". Ele se retirou e voltei pro corpo. O mentor queria eu la de novo, dai ele teve que me concertar quando voltei nao sei oq houve nao conseguia nem descer da beliche. Sei q fez umas luz la e me concertou voltei ao corpo pra retorna q ele me pediu isso era no mesmo lugar do mesmo jeito (na minha casa mas era antiga e diferente moveis e outras coisas). Orei la falando que estava disposta a ajudar e tal (e perguntei mentor vc está ai ) e estava indo pro outro quarto cheguei no corredor o mentor me falou: -pára, não vá la tem algo ruim la. Parei, e ele falou -vire e volte agora. Ele pegou meu corpo e girou dai voltei ele falou: -agora vá para outro lugar, pro curso. - pro curso? - é pro curso, vc tem q terminar, vai fazer o curso agora -mas não sei chegar la (pensei q eu iria fazer um curso no astral ) como chega? - se desligue e vá. - mas como q vou? eu nao sei ir - para de fala isso, se desligue agora Dai q entendi era pra mim volta pro corpo e termina o curso que tenho q terminar. Acho q preciso ouvir algo q nao escutei sobre o assunto pra esta preparado pro "negócio" do corredor (Deis desse dia não consigo ter uma projeção por qual motivo não sei mas estou trabalhando minhas energias todos os dias e estudando talvez tenha algo que me impede de conseguir ..) Se alguém passou por algo parecido comente aqui por favor.
  22. Boa tarde Ontem a noite de quarta pra quinta dia 02/11/2017 fui atacada por uma plasmagem (eu acho que seja isso) de mariposa ou borboleta pesquisei pra ver se achava uma igual a que vi mas não achei as asas batiam bem rápido ela era de uma cor cinza esbranquiçada, eu estava dormindo quando escuto um barulho de algo vindo era barulho de "energia quando tomamos um choque" foi aumentando e bateu na minha testa e entrou no meu cabelo depois disso levantei assustada fiquei olhando ... acendi a luz não vi mas nada depois, eu ficava acordando toda hora meu cérebro parecia conciente e era algo confuso ficava alterando entre dormindo e acordado e conciente Ja aconteceu com mais alguém algo parecido ?
  23. Olá pessoal! Acabo de cair de paraquedas aqui no Fórum, e estou gostando muito dos tópicos! Gostaria de saber se é comum com vocês projetar sem ter a intenção. Eu nunca fiz técnica para projeção ou quis tentar, mas desde mais nova acontece comigo e até então eu nem sabia o que era, mas sempre tive muito medo, porque sentia que era algo diferente de estar em um sonho. Então sempre que acontece eu meio que me desespero e tento acordar. Dá ultima vez que me ocorreu, tinham várias pessoas por perto, diferente do que ocorria antes onde eu via/falava com bem poucas.
  24. Olá pessoal! Quero deixar claro desde o início que ainda possuo pouca prática e lucidez. Portanto, ainda não tenho certeza do que realmente aconteceu. Esses foram os principais motivos de relatar isso, pois me deixou bastante dúvidas. Se alguém já passou por algo similar, ou tem maior conhecimento do assunto para me ajudar eu agradeço. Então vamos ao relato. No sábado, dia 26/8/17, fui dormir na casa de uma tia. Fiquei no quarto de hóspedes, no térreo da casa, que possui duas camas de solteiro (cama 1 à frente da porta e, cama 2 rente à mesma parede da porta), uma TV na parede acima da cama 1, condicionador de ar e, uma mobília de escritório que percorre a parede em que fica a janela e a restante, esta última com estante de livros. Minha tia me fez companhia até que eu dormisse - ela na cama 1 e eu na 2 - mas em algum momento da noite ela se dirigiu ao seu quarto que fica no piso superior da casa, mas eu só soube no dia seguinte. Isto porque, após alguns sonhos "normais" (como se existisse), acordei na madrugada, sem qualquer noção de hora, com uma sensação de EV muito forte da cabeça aos pés (mix de dormência, formigamento, choque). Eu estava deitada de lado, de frente para a parede, e, a princípio, pensei que aquilo fosse reação ao frio. Não sei se por sono, medo, ou por ter condicionado a minha mente a aproveitar este tipo de ocasião para projeção, não tentei me mover. Tentei ficar o mais clama possível, exercitei algumas técnicas de respiração e disse a mim mesma para ter confiança pois, de qualquer forma, a morte de fato não existe. Após isso, lembro-me de ver o quarto e, embora eu soubesse que ele deveria estar completamente escuro, a sensação era de penumbra. Ao que parece, fui guiada por um senhor de idade um pouco avançada, pele morena ou negra e que vestia algo como uma túnica branca. Ele me falou algo relacionado a eu ter que acompanhá-lo e sair logo do quarto, ou porque os outros não deixariam, ou porque a criança em mim era mais fácil de aceitar. Eu não entendi, mas acho que ele me prometeu que explicaria depois. Ele me guiou para fora do quarto e, para isso, tive que atravessar a janela de vidro como um fantasma, e embora tenha sentido alguma pressão, não senti qualquer dor. Chegando ao outro lado, deparei-me com o corredor da casa tal qual ele é no plano físico, naves luminosas sobrevoando o local num céu que não estava escuro e, em seguida, fiz comunicação com seres, aparentemente de outro planeta, com aparência similar aos greys ou raça parecida. Senti algo como um mix de medo e euforia, que apontavam, inclusive durante o ocorrido, despreparo de minha parte para aquele contato. Fiquei tentando me controlar, inclusive lembrei do que o Saulo falou sobre levar as coisas com bom humor. Os seres, pelo que lembro, me disseram que eu precisava voltar para a Lua, que era de onde eu vinha (na hora pensei na Lua da Terra, após acordar pensei que meu cérebro estava me trolando). Então, vi um desses seres muito próximo à minha frente e veio uma intuição forte de que aquele não era outro ser e sim eu mesma "refletida num espelho". Ele tinha as mesmas características pessoais do meu rosto, porém adequadas àquele corpo específico. O meu mix de medo e euforia aumentou bastante e eu queria quebrar aquilo de qualquer forma para conseguir prosseguir com a experiência e fiz algo ridículo mas de algum resultado positivo: comecei a dançar (óbvio, kkkkkk). O mais engraçado é que o outro ser repetia instantaneamente meus movimentos o que reafirmava a sensação daquilo ser meu reflexo. Foi aí que pude me acalmar mais. Controlei meus movimentos, disse que não iria agora pois, se era verdade que eu tinha família na Lua, também era que eu tenho outra na Terra. Respondi isso porque havia entendido o convite como para uma viagem sem retorno e não quis me desligar de tudo aqui. Os seres não me atacaram nem responderam com palavras, mas entendi que haviam respeitado minha decisão. A impressão era ao mesmo tempo que via o que relatei, via a face de outro à minha frente todo o tempo. Após isso, o primeiro guia me levou para que eu pudesse voltar ao quarto sem que me perdesse (algo que não aconteceria no plano físico) e me senti segura para ir com ele. Ainda lembro de ter passado por uma sala com vários trabalhadores humanos, que pareciam estar ligados a este assunto e ao governo dos EUA (?) e de ter conversado alegremente com eles. Então acordei e fui anotar um rascunho de tudo já sentindo que alguma coisa se perdeu na volta. Estava próximo das 5 am quando terminei de anotar e minha tia não estava no quarto. Informações adicionais que podem ser relevantes para isso: Minha tia disse que foi pro quarto dela porque teve um pesadelo muito ruim do qual não se lembra. Segundo relatos de prima que ali reside, o local tem algum histórico de acontecimentos no mínimo estranhos. Ela mesma tem convicção de que já foi abduzida. Eles tem costume de realizar encontros de orações e reflexões com base no evangelho segundo o espiritismo na cozinha que fica bem próxima ao local em que eu estava. Já tive alguns sonhos lúcidos/ projeções/ contatos antes disso em outros lugares. OBS: sei a diferença teórica das três palavras e o que cada representaria na prática, mas não tenho, pessoalmente, muita experiência prática para discernir exatamente o que foi cada uma das experiências que tive com exatidão, por isso as coloquei assim. Antes deste caso, já havia lido alguns livros básicos de assunto espírita, exotérico, projetivo e até de contato, e após li o livro do Leadbeater (Manual de teosofia), mas minha biblioteca mental ainda é pequena. Ou seja, tenho algum conhecimento básico e tento ser objetiva, sem fé cega, mas sei que comparada a vários membros da comunidade meu conhecimento é igual ao de um bebê que acabou de aprender a contar até 10 assim: 1... 3...4...10...7... Algumas dúvidas: O que diabos foi isso mesmo? Projeção? Auto-sugestão? Meu inconsciente me trolando? Aconteceu mesmo? Se essa lua é uma lua de verdade, que lua seria? Lua da Terra? Lua de outro planeta? Greys estão ligados a alguma Lua? Essa Lua pode se referir à encarnação planetária citada no Leadbeater (encarnação lunar)? O cara que me guiou pode ser um mentor? Quem eram os trabalhadores mano? PS1: O que vocês tiverem entendido que possa me ajudar a entender o ocorrido dentro ou fora do âmbito das perguntas é de grande ajuda. PS2: Não fiquem "mangando" (sorrindo) só por causa da dancinha de nervoso! kkkk ATÉ A PRÓXIMA!
  25. Na maioria das vezes em que leio sobre projeção, há uma relação entre a facilidade em sair do corpo e a evolução espiritual - evolução sempre num sentido de "moral cristã". Digo "moral cristã", pois, quem se interessa por filosofia, moral, Nietzsche, já deve ter lido os conceitos sobre a genealogia da moral, moral do senhor x moral do escravo etc. Em suma, Nietzsche alega que as religiões pré cristãs (politeísmo grego, germânico, romano etc) eram pautados em valores como força, beleza, honra, coragem, justiça; enquanto o cristianismo passou a valorizar a fraqueza ("bem aventurados os que choram", "se te agredirem, dê a outra face"), a pobreza ("ricos não irão para o céu"), ao passo que valores como a beleza, força e coragem perderam a importância. A "moral do escravo" seria basicamente a moral dos perdedores, imposta pelos primeiros cristãos. Portanto, uma pessoa evoluída/abençoada para um politeísta espartano seria um cara forte, bonito, atlético, rico, inteligente... Enquanto um cristão evoluído poderia ser feio, burro, ignorante, desde que fosse caridoso, bondoso e cheio de fé. Fechando esses parêntesis, sem entrar no mérito (a proposta não é definir a melhor moral), só para explicar porque falei em "evolução segundo a moral cristã" (ligada, normalmente à morte/diminuição do ego), gostaria de saber de vocês se essa relação entre projeção e "evolução" realmente existe. Pois, há ordens iniciáticas de mão esquerda, por exemplo, que vêem a evolução com base em uma moral quase oposta à cristã (mais semelhante ao paganismo antigo que já expliquei resumidamente) e ensinam a projeção também. Em suma, a projeção é algo simplesmente biológico como transar e urinar (bons e maus o fazem igualmente), de forma que apenas os encontros astrais seriam diversos (iguais atraindo iguais), ou realmente há uma facilidade dos "bons" e "evoluídos" se manterem lúcidos fora do corpo, como ensina o pessoal da conscienciologia e espiritualistas em geral? Obrigado.