• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Search the Community

Showing results for tags 'astral'.



More search options

  • Search By Tags

    Type tags separated by commas.
  • Search By Author

Content Type


Forums

  • Apresentação
    • Apresentação
    • Regras do Fórum
  • Viagem Astral
    • Dúvidas sobre projeção astral
    • Dúvidas sobre informações gerais
    • Relatos Astrais
    • Chat Viagem Astral
    • Encontro Astral quinzenal dos Projetores.
    • Grupo de Estudos
    • Materiais Educativos do Saulo (em construção)
    • Materiais educativos de outros pesquisadores
    • Mensagens
  • Espiritualidade
    • Desabafos
    • Bom Humor Espiritualista
    • Espiritualismo geral
    • Vibrações e/ou Mentalizações
    • Vídeos / Dicas de Filmes / Áudios
    • Dicas de Livros
    • Bem Estar
  • Dúvidas sobre o GVA(fórum)
    • Dúvidas e Sugestões

Find results in...

Find results that contain...


Date Created

  • Start

    End


Last Updated

  • Start

    End


Filter by number of...

Joined

  • Start

    End


Group


Found 87 results

  1. Eu ja tinha ouvido falar da incorporação no astral, mas lendo o ótimo livro "Tambores de Angola" do espírito Ângelo Inácio psicografado pelo Robson Pinheiro, em um capítulo o espírito conta sobre um trabalho astral onde 2 médiuns foram utilizados através do desdobramento, o motivo de precisarem dos médiuns era por conta do ectoplasma. 1- Seria o único motivo de entidades usarem a incorporação? 2 -Será que entidades mais sutis podem usar médiuns de incorporação (ou qualquer outra pessoa) pra adentrar locais mais densos, dos quais ela teria dificuldade por conta da questão vibratória? 3 - Qual seria um possível motivo de uma entidadade ruim utilizar da incorporação no astral?
  2. ao acordar foi um pouco confuso como se eu estivesse no fisico, mas eu levantei eu estava com as mesmas roupas que havia me deitado, mas estava de oculos fui bati no piso e consegui melhorar minha visão estava num quarto diferente como se fosse o meu é estranho uma memoria de que o quarto e a casa é sua mas diferentissimos no fisico, então eu olhei para a janela meio pensando estar no fisico ainda e com uma certa duvida, então me olhei no reflexo que fazia a janela e la estava eu todo diferente, tava estranho aquela projeção na verdade o ambiente todo sinistro, eu lembro de andar de la pra ca ate me ver denovo no reflexo e perceber que estou normal olhei para a janela e dava para ver o universo ou seja la oque fosse, mas eu não olhava para o ceu não eu estava olhando para a frente tudo preto com estrelas e dava para ver galaxias e elas se mexiam como se o planeta que eu estava se mexia so que era como uma pintura tinta mesmo era estranho ao observar o universo seja la oque era eu percebi que estava usando oculos ai logo eu pensei se eu retirar los e ver como vejo significa que não estou no fisico então tirei com duvida e pronto la estava visão perfeita joguei o oculos em qualquer lugar eu tentei atravessar a janela e não consegui tentei atravessar a porta e a mesma, mas quando peguei na maçaneta consegui virar la e abrir a porta casa quase igual havia alguem na cozinha e tinha 2 gatinhos na casa, voltei para o quarto sem nem ver quem estava na cozinha so vi os 2 gatinhos um era meio branco e o outro dourado com uns detalhes brancos (não tenho gatos em casa) ao voltar para a janela eu tento atravessar la novamente com bastante dificuldade eu consigo quintal super diferente vejo o portão e percebo que estou so com a roupa que me deitei então volto pro corpo, mas tento sair novamente fazendo a tecnica do movimento fantasma movo as pernas concerteza ja no fisico não estou então eu saio não sei como mas tudo escuro esta, toco nas coisas mas dificilmente a visão melhora corri e estou na porta sinto o cheiro da madeira é como estar dentro de um lugar completamente escuro e que em alguma hora você encosta em alguma parede, não faço ideia de como eu melhorei a visão estava denso demais com toda certeza o quarto todo bagunçado e eu via na cama um par de pés meus? eu não lembro oque disse sou luz talvez realmente não lembro então toco em um dos pés falo palavras aleatorias vem na minha mente uma compulsão sexual para fazer sexo com meu proprio corpo do astral veio um pensamento em minha mente do tipo não tera problema fazer comigo mesmo (não sei por que mas quando o corpo ficou de quatro o cabelo mudou ficou maior mais liso um rosto mais feminino) e ai eu acordei. Grato por ter disponibilizado um pouco do seu tempo para ler. Luz, Amor e Paz
  3. Olá Viajantes, Quando me dei conta estava andando numa casa desconhecida e tentando achar a porta para sair. Consegui sair e não sei como fui parar no telhado juntamente com outras consciências que associei a minha esposa, sogra e sogro, além de um menininho loirinho que ficava me abraçando. Do alto desse telhado dava para ver que estávamos numa região rural mas eu conseguia ver uns edifícios altos e modernos lá longe. Todos estávamos com a lucidez muito baixa e falávamos coisas sem nexo tentando nos localizar e pensar em como fomos parar ali. Não sei como mas tinha a sensação de estar próximo a Campinas. Consegui ter alguma noção de que deveria ser astral (por estudar o assunto, talvez) mas fiquei na minha observando. Em dado momento vi novamente aquele aparato tecnológico do meu relato anterior mas agora ligado a um tubo que vinha de um objeto voador similar a um OVNI mas totalmente translúcido e com várias pessoas dentro. Aquele treco nos puxou e perdi a rememoração do que aconteceu a seguir. Fiquei um pouco lúcido novamente agora dentro de um veiculo já na minha cidade, ainda com a minha esposa e sogros, além daquele mesmo menininho que não desgrudava de mim! Perguntei para minha esposa quem ele era e ela tentava me responder mas sua lucidez falhava e não conseguia. Chegamos a um terminal onde dois seres nos aguardavam sendo que um deles deu uma capsula para minha esposa ingerir e depois disso fiz uns comentários desconexos que ninguém levou em consideração como se esse estado "grogue" já fosse esperado. Acordei na minha cama super bem. Relato anterior: https://www.viagemastral.com/forum/index.php?/topic/20903-zona-real-time-e-objeto/
  4. Passamos por um período difícil mas as coisas já estão normalizando. /\ Dia desses (3ª, acredito) comecei a ganhar lucidez no meio de um intenso papo com uma Mentora que me explicava a criação de ambientes, formas-pensamento e micro-universos (instáveis). Estava com a sensação que, apesar de não lembrar exatamente do que se tratava, eu havia feito uma pergunta complexa e ela estava tentando me mostrar como funcionam as coisas no Astral. Ela disse: Imagine um ambiente que traga paz. Não consegui evitar e criei uma piscina de uns 30 x 15 m rodeada de grama bem cortada. Era como se fosse um micro universo com as leis da física terrena. Poucos metros além do gramado tudo acabava e tinha um vazio absoluto. Quando me dei conta, a Mentora estava dentro da piscina com uma roupa parecida com a de mergulhador e me mostrava como a física da água funcionava. Entrei na piscina e ela me contou que estávamos num ambiente totalmente criado por mim. Não acreditei de cara e mostrava que tudo estava real demais e brincava com a água e passava a mão sobre o gramado ao redor. Era tudo muito nítido e real. Fiz uma das minhas tradicionais perguntas bestas nestes eventos e questionei o que aconteceria se eu quisesse ficar neste micro universo para sempre. Ela respondeu que eu não tenho energia suficiente para manter aquilo por muito tempo e que é preciso evoluir muito para conseguir criar algo mais complexo (na verdade não criei nada pois a água e o gramado já são ideias criadas pelo Criador. Apenas reproduzi). No caso, só tinha água, a base da piscina e o gramado exageradamente perfeito (sem graça). Em dado momento senti que estava ficando fraco e o micro universo se esgotou igual água indo para um ralo. Ouvi uma última frase em minha mente: "Agora você entende a dimensão, a força e a complexidade do Criador para manter todo o universo?" Acordei super bem e leve.
  5. Venho por meio deste texto para que pensem atentamente, entenda, imagine que você saiu para o astral mas precisa ficar determinado tempo X sem voltar ao corpo e ter que sair novamente, entenda, conhecemos que o estado vibracional "chuta" o corpo astral para fora do corpo fisico, logo concluo, conhecemos tambem que da para mandar o corpo la na cama fazer determinado X la no fisico, entenda, estado vibracional "chuta" o corpo astral pra fora, logo concluo, que ele impede do corpo astral de colar no corpo fisico se o corpo fisico estiver em constante estado vibracional continuo, logo concluimos que se determinarmos e mandar o corpo fisico ficar em estado continuo de vibração (ECV) ficariamos fora do corpo sem voltar. Correto ou incorreto comentem e postem suas determinadas experienciaa correlacionadas com minha pequena hipotese. Grato a ti que disponibilizou um tempo para ler e pensar logo lhe desejarei Luz, Paz e Amor!
  6. Hoje agorinha tive 3 projeções astrais ou 3 saidas ou mais vai que eu não me lembre minha duvida é so pode ter 3 viagens astrais? Pois veja na primeira foi lucida, segunda ja tive que fazer ficar lucida (apertei o interruptor mas a luz não acendeu kkk isso significa astral certo?) E na terceira fiquei todo no escuro pensei vou ir pra longe do corpo fisico para sair do campo denso ne, mas ai que ta eu usei meus sentido aranha e cheguei na porta abri ela e fui ate a sala abri tambem e la na garagem ainda estava tudo escuro eu tentei fazer tecnicas como bater palma e dizer clareia algo assim na segunda vez funcionou kkkk, ainda na garagem eu fiz ev so que fazendo ev eu senti como se la no astral eu estivesse fazendo força pra cima e pra baixo eu sentia meu corpo vibrar e me concentrando para eu não me atrapalhar todo no ev pois quando fica forte demais eu me descontrolo e ai acaba, então clareou depois de um tempo o primeiro foi mais no fisico cheguei ate a rua estava bem longe do corpo mas era um fisico um pouco diferente do daqui encontrei 3 crianças na rua jogando bola comecei a encarar um e ele me encarou e depois eu apontei dois dedos e disse te visgo cosllin e nada aconteceu ele iam chutar a bola em mim ou seila mas ai eu peguei ou impedi so lembro depois de estar olhando a rua e ter alguem subindo sera que era eu? Kkkkk Então a pergunta é teve 3 fenomenos que eu observei e acontecem comigo nas viagens a primeira a visão ja esta clara(e mais facil para clarear), a segunda ja preciso clarear a visão(fica mais dificil clarear com resistencia), na terceira preciso clarear a visão(mas aqui a dificuldade e resistencia aumentam) alguem ja teve isso ? Sera que é so cansaço de ficar saindo ou da pra ter ilimitadas saidas? é normal o astral se parecer as vezes com mundos paralelos? Na terceira vez havia moto e um carrão parecia ser bem caro e uma moto bis branca e outra moto eu creio, na segunda havia as 2 motos mesmas e na primeira tambem estava a bis branca e outra moto normal, logo aqui em casa não há moto de biz branca e nem carrão caro so uma moto mesmo que nem minha é. Grato a você que disponibilizou tempo para ler! Luz, Amor e Paz.
  7. The OA é uma série de 2016 que tem elementos que lembram os livros do Carlos Castaneda e suas viagens para outras realidades. E seus passos de tensenigridade. Experiência de EQM produzida por um cientista macabro. Vale a pena assistir as duas temporadas a segunda saiu mês passado. Premissa: A série centra-se em Prairie Johnson (Brit Marling), uma jovem adotada e inicialmente cega, que ressurge depois de ter desaparecido por sete anos. Após seu retorno, Prairie se auto denomina como "OA", contém cicatrizes nas costas e com a capacidade de enxergar. Prairie se recusa a dizer ao FBI e seus pais adotivos onde ela esteve, o que houve com ela e como sua visão foi restaurada; ao invés disso ela rapidamente monta uma equipe de cinco moradores da cidade (quatro estudantes do ensino médio e uma professora) a quem ela revela toda informação omitida e explicando sua história de vida. Finalmente, ela pede ajuda para salvar as outras pessoas desaparecidas criando um portal para outra dimensão.
  8. como acabar com as projeções fantasiosas assim com toques de onirismo, você atravessa a porta e parece que entra no mundo do sonho mas é sonho ou projeção pois você saiu do corpo estava no seu quarto as vezes você esta no seu quarto, mas nem é igual nem um pouco so que a aquele implante de memoria de que é seu quarto e no momento so vem a sensação de que é seu quarto e a sua casa tambem, você atravessa a janela não é nada igual ao fisico. sonho ou projeção ? sendo que você saiu do corpo, há alguma tecnica para a viagem ser mais real? ou sera que eu estava em planos de baixa vibração depois posto um topico com os meus relatos dessa viagem astral no lugar do forum correto. Grato a ti que disponibilizou um tempo para ler. Luz, Amor e Paz.
  9. Eu estava na casa do meu pai que fica em uma das maiores cidades de são paulo visitando o e deitado na cama que la havia sozinho na casa adormeci em um audio, ao notar me saindo para projeção no quarto escuto uma voz muito grossa e alta dizendo (PROMETI QUE IRIA TE JOGAR NO ABISMO) e la eu estava tudo se apagou e eu me via em uma dimensão escura com formas distintas geometricas e la estava eu girando e as formas distintas geometricas tambem giravam como numa espiral. agora penso eu sera um ser querendo me assustar de algum modo ou eu fiz m******* a algum ser a muito tempo atras e ele voltou e agora quer cumprir sua promessa? em minha casa no interior eu nunca tenho experiencias negativas como tive na casa de meu pai. Grato a você que leu, PAZ e LUZ!
  10. Estava eu deitado em minha cama e acabei dormindo, pagando ou cochilando 11:52h e acordei 12:33h ao acordar eu não me movi era como se eu apenas tivesse fechado os olhos, então pensei e percebi que estava imovel demais talvez perfeito para fazer uma viagem astral, mas ao tentar sair meu corpo entrou em uma especie de eletrocução e quanto mais eu forçava mais forte ficava, pensa que não doia ? doia e ficava piorava quando eu forçava e quando eu parei de tentar sair simplismente parou, eu tentei novamente ja que ainda me encontrava imovel então forcei e la veio a eletrocução estava localizada nas costas eu desisti pois doia mesmo o choque era forte quanto mais eu levantava. se alguem talvez você que esta lendo poder me esclarecer isso ou se ja aconteceu. obs: eu estava com fones de ouvido, mas não creio que eles tenham influenciado a eletrocução. Grato. Att; Daniel
  11. Dia 1 Noite de terça para quarta: após um dia tranquilo vou me deitar ali pelas 11 e acabo dormindo facilmente. Acordei as 4h e resolvi movimentar as energias. Meio que quase dormindo levo um susto ao ouvir a minha própria voz. Acho que era algo do tipo "se prepare". Fiquei tranquilo e virei de lado. Durmo e já vejo uma textura diferente de parede. Falha na rememoração. Estou num transporte público numa "highway" de uma cidade imensa sem prédios. Um mar habitacional com grandes sistemas de transporte formando setores. Lembro de prestar atenção a detalhes de acabamento da cidade e das vias. Usam algo parecido com concreto e tem cruzamentos bem complexos. Falha na rememoração. Estou numa sala grande com algumas pessoas vestidas de azul (inclusive eu) e estamos todos descontraídos brincando, contando piadas e jogando um tipo de fliperama com corrida de pequenos animais (esquisito). Sei que teve bem mais coisas antes pois lembro algo a ver com mais outras pessoas. É um ambiente moderno e eu ainda brinco com um dos participantes atrapalhando um pouco a jogada dele no "fliperama". Logo chega um "supervisor" e avisa que tanto a equipe verde quanto a azul já devem se preparar para a volta. Falha na rememoração. Estou numa espécie de trem com janelas grandes e vejo toda a saída da construção na qual estava com detalhes e lucidez. Foi incrível. Vi a janela da sala onde estava antes e pude notar o estilo da construção gigantesca. Era um prédio retangular com cantos curvos de uns 300x200m e uns 50 andares. Telhado prata e paredes na cor do solo da cidade, que era semi-desértica mas com muita vegetação luminosa. Incrível. Fiquei muito triste de ir embora e fiquei prestando atenção na cidade e lembrando que logo iria acordar aqui no físico... Antes de voltarmos definitivamente, o trem parou perto de uma montanha baixa onde várias pessoas admiravam o nascer do sol. Era violeta com laranja e o mar era algo entre água e gel. Lindo demais. Notei alguns seres diferentes, com o corpo todo escuro e o topo das cabeças brancos como se fosse "vitiligo" (não sei explicar melhor). Uma moça chega ao meu lado e diz: "Sei que está triste por voltar mas pense que logo tudo passa." (Ou algo do tipo). Fui gradualmente perdendo a lucidez e voltando ao físico. Acordei super bem mas saudoso daquele lugar. Dia 2 Noite de quarta para quinta: dormi cansado pois o dia foi corrido para colocar tudo em dia. Acordei ali pelas 3 com dor de cabeça e sensação de febre. Tentei relaxar e movimentar as energias. Acabei apagando e já vendo uns corredores estranhos com muita gente pra cá e pra lá. Noto que parece ser um tipo de açougue. Local ruim. Vejo um tipo de mortadela meio esquisita sendo cortada em fatias e embalada. Pessoal fica me estranhando ali mas não fazem nada. Tento fazer OLVE ali mesmo para ver se elevo a vibração. Vou parar numa espécie de terminal de transporte gigante que, apesar de moderno e organizado, deve pertencer a uma zona densa. Não sei explicar. Tento volitar e noto que é bem difícil controlar. Ou grudo no chão ou no teto do local. Não consigo atravessar. Falha na rememoração. Penso estar no meu quarto de volta mas noto que ainda é zona real-time. Tem umas 8 pessoas no meu quarto meio como se formassem um coral e outra bem ao meu lado mas com uma aparência estranha. Não deu tempo para verificar se o grupo de pessoas me protegia ou não mas precisei agir logo pois fui atacado pelo ser estranho. Fiz uns sinais que nem sei de onde vieram e consegui segurar o ser a força. Fui apertando até que ele foi se transformando num tipo de ovo feito de carne. Apertei mais até que parou de se mexer e larguei aquilo ali. Falha na rememoração. Estou em outro local com pessoas estranhas tentando me explicar o que tinha acontecido. Perguntei que plano era aquele e uma mulher primeiro tentou me agredir e depois se acalmou e disse era apenas um local onde estavam sendo testados. Ela tinha a noção que ia sair dali. O local tinha um clima pesado e esquisito. Nunca tinha passado por esse tipo de situação. Não sei como saí dalí. Acordei cansado e febril. Espero que tenha feito algum tipo radical de amparo... Não sei se o fato de ser quarta-feira de cinzas tenha algo a ver. Muita luz e paz a todos. /\
  12. Tava lendo certos livros de magia e umbanda que relata a destruição do corpo astral sobrando só o ovóide no lugar. Alguém conhece outras literaturas ou relatos dessa destruição do corpo astral? Geralmente é em ataques. Vou tentar upar alguns livros que relata isso.
  13. Alguns anos atrás fiz um desenho de uma experiência astral e postei aqui. Desde 2014 via uma entidade feminina na minha casa. Ano passado no mês de julho até novembro sofri intensos ataques desse obssessor. Fiz um tratamento espírita de passes e água fluidificada durante as semanas senti dor terrível, dor emocional, psíquica etc... Não resolveu só amenizou... Conversei com pessoal do local que frequentava e marcaram um transporte... A comprovação veio aí... A médium incorporou dois obssessores o primeiro já esperava que era a entidade feminina que me enchia o saco nesses anos todos... Ai comprovou as projeções que vi esse ser, as clarividências... Até alivia saber que não sou doido... Rsrsrs Já o segundo obssessor mais brabo tinha energia horrível. Interessante que meus medos ou sensações desagradáveis que sentia vinha desses seres cada um com tipo de irradiação maléfica peculiar que logo fiz uma rememoração dos eventos que sentia essa energia negativa... Então é isso vários eventos de projeção astral, clarividência, ataque foi comprovado através de outras pessoas. Vida longa e próspera
  14. Olá Viajantes! Ontem foi um dia controladamente tranquilo e consegui um razoável estado de relaxamento para tentar uma projeção. Não consegui de maneira 100% lúcida mas rememorei algumas experiências e detalhes interessantes e que podem fazer algum sentido. Passei a ter lucidez conduzindo uma espécie de carro pelas ruas de uma cidade parecida com a minha mas em melhores condições de estrutura e acabamento urbano. Notei que estava com algum grau de lucidez e tentei prestar o máximo de atenção. No caso, estava conduzindo este veículo (que por sinal é muito moderno e mais evoluído do que aqui mas acredito que seja ainda em alguma faixa do Umbral) por algumas ruas e avenidas quando notei que precisava recarregar a bateria. Parei numa espécie de posto e pela minha leve lucidez 'física' creio que perdi parte da contrapartida astral. Precisei ver como que os outros faziam para proceder com a recarga. Foi rápida e na hora de pagar (aí que fica interessante) eu tinha uma espécie de chave que abria um dispositivo na forma de uma capsula de remédio mas do tamanho de um smartphone. Ao abrir, não sei se era isso ou minha mente de carne processou e interpretou assim, vi umas cédulas de dinheiro. No caso eu precisava depositar ali a quantia de 8 "dinheiros" deles. Achei super curioso e legal pois o dinheiro dos demais ficava ali solto mas ninguém tinha o intuito de pegar. Fiquei com uma impressão ótima e ao voltar para o veículo pude notar o design. Era bem curvilíneo e numa cor grafite escura muito brilhante que ao passar algum reflexo surgiam tons avermelhados. Não tem como explicar pois não temos nada assim aqui. Não segue a evolução/sequência estética nossa. Entrei no veiculo e vi um símbolo no que seria o volante e achei legal saber que existem marcas de coisas lá. Conduzi o veículo até um conjunto de apartamentos e não sei como sabia que tinha uma habitação ali. Depois disso perdi a sintonia. Acho que estava acompanhado dentro do veículo mas meu cérebro de carne tenta associar a minha família. Pouco provável. Paz e luz a todos!
  15. Olá Viajantes, Que bom que o fórum voltou. Estava com saudades. 😊 Passei um período fora e durante a minha estadia numa casa lá, consegui uma breve projeção semi-lúcida. Tive alguns problemas inesperados relacionados a aluguel de veículo e acabei tendo um dia que precisou de bastante controle para não se tornar negativo. Só sei que cheguei "em casa" exausto e só conseguia pensar em desmaiar na cama. Fazia muito frio lá fora e dentro da casa estava, digamos, meio calor demais. Tomei banho e me joguei na cama (por sinal bem confortável). Cheguei a pensar em projetar mas fiquei meio receoso por se tratar de um local muito antigo. Como de costume, movimentei as energias, virei de lado e apaguei. Logo percebo que estou fora do corpo e tem um cara chateado com o que aconteceu comigo durante o dia e disse que era melhor devolver o carro e usar Uber! hehehe. Era uma consciência nativa mas me recebeu super bem e deu para perceber que estava preocupado com a minha primeira impressão da cidade. Comentei que sabia que isso não tinha nada a ver e que estava adorando. Ficamos batendo papo na frente da casa e notei que não sentia mais frio. Estava agradável. Tentei caminhar pela rua mas acabei perdendo a sintonia. No dia seguinte, devolvi o carro e passei a usar apenas Uber. Economizei um monte! Dois dias depois, caminhando com minha família no centro da cidade, noto um senhor cadeirante bem mal vestido e com roupas não compatíveis com o frio que estava fazendo no momento somado a uma garoa virando quase neve. Frio de arder. Cheguei perto do senhor para tentar ajudar pois ninguém dava bola. Ainda pensei: "Nossa, isso justo num local que se diz super materialmente evoluído, se promove bastante, etc,...". Perguntei se precisava de ajuda e ele me olhou bem nos olhos e perguntou se eu poderia pagar um café quente para ele. Disse que sim e depois de agradecer disse se eu não poderia empurrar ele até uma ruazinha logo acima onde tinha um local da preferência dele. Concordei e fui levando enquanto minha família ficou olhando lá embaixo. Notei que deveria ser veterano de guerra pelo tipo de vestimenta mas preferi não perguntar. Viramos a esquina e ele disse que ali já estava bom. Olhei bem e não vi nenhum café por perto. Ele agradeceu, eu desejei boa sorte e notei que segui sendo observado. Voltei para a minha família e continuamos o passeio. Depois, ao rever as fotos que tirei do local incluindo o ponto onde deveria estar o cadeirante, notei que não tinha ninguém. Não sei se foi coincidência ou não mas foi mais um dos meus eventos que geram aquela sensação de estranheza. Paz e luz a todos! /\
  16. Olá Viajantes, Tenho uma dúvida: todo e qualquer ser/espírito/consciência que apareça com uma tonalidade escura na zona real time é necessariamente negativa ou com grandes possibilidades de ser assediador? Desde já, obrigado!
  17. Eu ouve uma altura que praticava todos os dias a viagem astral, ouve um momento até que cheguei mesmo a enxergar uma luz forte em cima da minha cabeça mas ai quando eu ia para sair do corpo, apareceu um velho com cara muito maldoso em cima de mim na cama e me espetou uma forquilha nos meus olhos, ai acordei logo muito assustado, e no dia seguinte eu fui tentar de novo e a mesma pessoa apareceu de novo em cima de mim na minha cama e me deu com um taco de baseball no meu saco, isto parece ser inventado né mas não é!!, eu fiquei muito assustado e parei de tentar fazer a viagem astral naquele tempo, mas agora estou querendo voltar a tentar, até porque sem querer já fui parar num lugar cheio de pessoas como se fosse um bar antigo tudo rústico em madeira e eu andava lá voando dum lado para o outro muito contente, até chegar na sala alguém muito diferente como se fosse mesmo um anjo e me perguntou, "O que está fazendo aqui??" nesse momento ele fez qualquer coisa que eu voltei para o meu corpo, por essa razão quero investigar melhor o Astral, só fiquei foi na dúvida porque aquela entidade maligna estava fazendo ali no meu quarto não querendo que eu sai-se do meu corpo.
  18. Ontem, por ter sido um dia especial em termos energéticos, resolvi assistir o filme Interestelar (disponível na Amazon Prime Video) agora com uma visão muito mais consciencial do que na época do seu lançamento. Acredito que o Nolan seja um ser com elevado grau de expansão da consciência. Pesquisei sobre a sua trajetória e notei sutilezas como interesse pelo trabalho de M. C. Escher, pela física quântica e pelo comportamento da consciência humana quando exposta a adversidades. Assistir Interestelar com uma abertura consciencial em crescimento gera um impacto forte. É como se eu estivesse assistindo pela primeira vez. Vi outro filme! Tem muita mensagem subliminar, conhecimento sobre sincronicidade, física quântica de mente aberta, conceitos de genética e ativação de estímulos de retroceder/avançar, preservação, multidimensionalidade, tecnologia, transmissão de informação através da gravidade e uma leve cutucada na ciência conformista estagnada num loop mental auto-comprovado fisicamente em 1910. (rssss) O momento da presença do aparato biológico 3D do Cooper num ambiente 5D foi, para mim, um momento de extrema genialidade por parte da equipe de produção pois conseguiram transmitir a impressão que temos quando nossa consciência, estando na 5D, observa um momento consciencial na 3D. Fluxos de conexão emocional e energética formando texturas palpáveis para que o Cooper interaja com a filha é de emocionar pois está sendo representada em telas 2D. É de uma grandeza que o atual rebanho humano só perceberá muito no futuro. Depois de assistir, movimentei as energias, fiz uma proteção em minha casa e comecei a meditar. Tudo conspirava para que eu tivesse uma experiência notável durante a noite. Meditei bastante sobre a visão do nosso ambiente 3D do ponto de vista 5D. Dormi. Acordei hoje com a sensação de que passei por algo incrível mas grande demais para um cérebro de carne. Sei que aconteceu algo muito legal mas não rememorei praticamente nada. Apenas uma sensação de que não sou exatamente a mesma pessoa de ontem. Não sei explicar. É como se a textura ou o atrito desse nosso plano existencial estivesse um pouco mais suave e confortável. Fui tomar banho hoje cedo e ao olhar pela janela recebi uma forte descarga emocional vinda não sei de onde. Senti uma corrente elétrica passando pelo corpo e simplesmente não suportei a intensidade e chorei. Saiu uma voz de mim dizendo que me arrependia dos meus erros e depois um nova corrente passou pelo corpo. Muito diferente. Uma sensação de ardência no peito que vinha me acompanhando nos últimos meses sumiu. Tentei algum contato mental sutil e só consegui associar a cena 3D/5D do filme e senti uma resposta. Essa resposta veio com energia e emoção anexadas, informando sem assustar, dizendo sem abalar e transmitindo um intuito estável que não tirasse minha consciência do seu equilíbrio. Algo do tipo: "Calma. Tudo com seu tempo. Uma consciência é algo muito sutil e delicado. Qualquer abalo vibracional pode desestabilizar e danificar o esforço cármico e afetar o ambiente. Siga firme no caminho que acredita e saiba que tem grandes amigos ao seu lado. Você tem amigos e algum dia voltará para o seu lar e entenderá o nosso ponto de vista. Curta o seu "agora"." Estou com os antebraços vibrando levemente até agora. Muita paz e luz a todos! /\
  19. Ruim Esse foi nessa noite. Depois de um dia meio complicado em termos familiares fui tentar dormir bem sem assistir nada negativo. Mesmo assim, só consegui dormir um pouco mais de uma hora e passei o resto da madrugada numa espécie de transe pois percebia que o corpo físico estava dormindo mas minha consciência ficou ativa. Não era catalepsia nem nada que indicasse inicio de projeção. Sempre que quisesse, podia mover o corpo e este, depois de alguns minutos, voltava a adormecer. Sensação bem estranha. Como vi que não tinha solução fiquei pensando em coisas da vida, imaginando lugares, relembrando viagens e tentando adormecer. Notei que, embora minha consciência estivesse 100% ativa o tempo todo, o relógio saltava horas. Na minha interpretação, a madrugada passou em 2 horas. De ruim é que ficava ouvindo aquele turbilhão de vozes como quando entramos em hipnagogia. Depois de algum tempo consegui separar 2 vozes no meio da multidão. Uma era de um cara que falava: "Me vê! Me vê! Me vê! Me vê! Me vê! Me vê! Me vê! ", mas não via nada. Outra voz era de uma uma mulher que falava meio que rindo: "Vamos sugar o (meu nome). Vamos sugar o (meu nome). Vamos sugar o (meu nome). hahahaha.". Apliquei uma pitada de Belilim na situação e o silêncio voltou. Acordei super cansado. Bom Noite dessas fui dormir super relaxado e bem. Não demorou muito para já visualizar uma cena fora do meu contexto. Minha consciência foi levada para o interior numa zona rural. Vi um gramado gigante e muito cuidado. Lá longe vi um cavalo "marrom" (não entendo nada de cavalos hehehe) e tinha uma linda menininha cuidando dele. Fui chegando perto e percebi que também havia uma mulher com um vestido azul claro sorrindo para mim. A menininha estava de vestidinho branco e foi avisada pela mulher que eu estava ali. Ela veio correndo para mim, deu um pulo e grudou em mim me abraçando forte! Foi uma sensação incrível! Senti uma paz enorme e uma energia positiva forte sendo passada para mim. Cheguei a chorar no local e vi que a mulher estava chegando perto. Me olhou bem e abriu um imenso sorriso. Fiquei todo arrepiado. Ela veio e abraçou nós dois e ficamos assim por um bom tempo. Elas ficavam me olhando e perguntando coisas e eu apenas sentia que elas eram pessoas muito importantes para mim. Pena que essa minha mente de carne é atrasada demais para processar tudo e não conseguia me aprofundar mais. Acho que aquele cavalo também deveria ter sido marcante para mim. O cenário em geral era de século 18. Em dado momento elas precisaram partir e se despediram. A imagem delas, do cavalo e do gramado foi sumindo até que acordei super arrepiado e bem. Queria muito relembrar mais ou ter mais uma chance de entrar em contato com elas.
  20. Olá Projetores! Não ando conseguindo manter minha vibração boa nessas últimas semanas. Parece que a minha região anda carregada demais e é preciso muito mais empenho para equilibrar as energias do que antes. Ando fazendo o possível mas não consigo sutilizar minha mente o suficiente. Tenho apenas fragmentos de conversas, mensagens, alguns eventos na hipnagogia e uma espécie de recado para deixar a projeção de lado por um tempo e cuidar mais do aparato biológico. Tenho rememorações de superestruturas estranhas, salas de treinamento como se fossem palestras, conversas com parentes desencarnados e diálogos longos que terminam com alguém dizendo que está na hora de despertar e logo em seguida o despertador toca. Passei por alguns dias com febre perto de 38º sem nenhuma enfermidade e sinto que ando meio estranho. É como se tivessem propositalmente cortado o meu acesso às projeções. Espero que seja temporário. De bom, notei um grande avanço nas minhas percepções sensoriais e minha tela mental ganhou mais potência e desenvoltura. Já consigo visualizar levemente o ambiente do meu quarto mesmo com os olhos fechados. Noto alguns focos de claridade que se movem rapidamente e outros que permanecem alguns instantes próximos a minha esposa e ao meu lado. Em alguns momentos sinto como se alguém me fizesse cafuné. Muito difícil de descrever. Detalhe: sinto como se tivessem formigas andando nos locais referentes aos chakras frontal e coronário. Isso ganha força após sequências de respirações positivas. Acho que minha clarividência, após tantos meses de tentativas, começou a aflorar. Relatei em outra categoria aqui do fórum sobre uma visão perfeita de um ser acoplado a um rapaz andando na rua em plena luz do dia. Não era translúcido nem nada mas sim muito físico e ninguém via ou percebia. Isso me deixou bem pensativo. Vou tentar sutilizar minha mente e corpo ao máximo nos próximos dias para ver se consigo retornar as projeções lúcidas. Sinto que converso com 2 mentores sendo um com aspecto masculino e com uma certa idade que fala comigo, digamos assim, "curto e grosso"; enquanto um segundo ser parece ser uma doce menina de uns 15 anos que me trata como um "bichinho de estimação". Sinto muito afeto vindo dela e ela me envia sinais diários demonstrando a sincronicidade, com sutilezas que vão desde músicas que chegam até mim ou pessoas que do nada pronunciam frases para mim. Fase bem interessante e educativa no sentido da demonstração de proximidade entre os planos e a simplicidade dos processos. Minha esposa começou a expandir a consciência e já percebe mudanças sem que eu tenha insistido ou "forçado a barra". O lado difícil tem sido a empatia demasiada e a dificuldade em limpar o subconsciente. Agradeço ao @Matheus_Lima10 pela dica do video do Wagner Borges e ao próprio pelo ensinamento do desvio do foco da respiração. Estou tentando repetidas vezes. Muita paz e luz a todos!
  21. Olá Viajantes! Passei por algumas experiências ligeiramente bem fora do comum mas que acredito simplificaram todo o processo. Existe muita desinformação e formação de cultos complexos baseados em informações simples e básicas. Tenham em mente que o que buscamos é a ascensão da nossa alma. Não confundam espírito com alma. Bebam muita água, cuidem bem da alimentação e foquem na proteção e construção de um ambiente equilibrado para a sua família próxima. Não queiram salvar todas as pessoas do planeta. A busca pela expansão da nossa "consciência" se dá quando buscamos o conhecimento no universo que existe dentro de nós. Não é lá em Marte... é dentro de nós a nível molecular. Persistam na respiração correta, livrem-se de vícios terrenos, cuidem de seus aparatos orgânicos para que a sua experiência nesta faixa vibracional seja a melhor possível. Meditem bastante e com regularidade. Busquem conhecimento seguindo o chamado que vem de dentro. Quando começarem a receber mensagens e estabelecer um canal de contato, mantenham as informações apenas com vocês. Ao invés de relatar tudo, busquem despertar o interesse sobre o assunto nas pessoas ao seu redor. Cada um encontrará o seu próprio caminho. Não adianta repetirmos o caminho dos outros. Se você for fiel ao canal que será formado, o vínculo com os seres ascensionados será cada vez mais forte e simples. O nosso organismo passa por uma fase de transição que beira uma enfermidade mas depois tudo fica claro e mais definido. É incrível a facilidade para contato e troca de mensagens. É só respeitarmos o ritmo natural e fazermos o upgrade do nosso aparato biológico. Não caiam no caminho do ego, limpem-se dos vícios que nos prendem ao solo e busquem apenas o caminho da Luz. Nos encontraremos numa nova realidade! /\
  22. Olá Viajantes, Passei o final de semana devorando os materiais do Robert Bruce e percebi que tenho grande similaridade com ele (não no nível dele) nos tipos de eventos, experiências e manifestações. Se alguém ainda não leu ou assistiu, vale a pena decodificar o que ele diz nas entrelinhas. Ontem foi um dia quente e depois de assistir a 2 videos de 1 hora do Bruce acabei ficando sonolento. Antes de apagar, pedi mentalmente para que meus guias iluminassem as minhas habilidades de rememoração para obter melhor proveito das situações que passo. Em algum momento lembro de ter me oferecido para ser útil na construção do caminho bom. Entrei em hipnagogia e literalmente ouvi uma mulher falando comigo. Ela me chamava dentro da cabeça, praticamente igual a ouvir no físico. Não via nada além dos meus tradicionais glóbulos laranja mas sentia o chakra frontal formigando forte. Ela falou "Oi, sou Fulana!". Eu respondi: "Oi Fulana! De onde você é?" Ela: "Da tal cidadezinha do interior". Perguntei o que aconteceu? Ela Responde "Eu não sei. Estou perdida.". Perguntei do que ela se lembrava por último e ela respondeu que era de um assalto na casa dela. Falei que ela deveria considerar a hipótese de ter desencarnado. Ela respondeu que não entende dessas coisas e que estava com medo. Falei para ela tentar pedir para que o ambiente se iluminasse (igual para nós projetores). Ela disse que melhorou mas ainda não sabia onde estava. Falei que ia chamar alguns seres para irem buscá-la e que era para não ter medo e acompanhar. Fiz um pedido e ouvi ela sendo levada, como se algumas pessoas sussurrassem coisas para somente ela ouvir. Acordei e tinha se passado 1 hora. Mais tarde, antes de dormir, acendi 2 incensos no quarto e fiz umas mentalizações para dar uma protegida e fiz as técnicas normais. No Astral, me vejo numa espécie de festa na região central da cidade (Centrão mesmo), região que evito passar mesmo no físico. Local muito pesado para mim. Era um evento até bem organizado mas vi muita bebida e comecei a me sentir deslocado com a percepção remota de que era para dar o fora dalí. Caminhei vendo os prédios velhos, grandes e uns colados nos outros, muitas consciências de "aristocratas" do passado tentando bancar importantes e poderosos na calçadas e um aspecto geral de uma faixa mais densa do Umbral. Notei que tinha uma pessoa me acompanhando agradecendo por não ter esquecido dela mesmo depois de coisas feitas por ela. Falei que nao precisava se preocupar com isso mas sim em sair daquela faixa existencial. Daí já vem uma conversa de "ainda não", "qualquer dia desses", etc. Perda na rememoração Estou na velha pira de encontrar meu carro no Astral (minha mente de carne acha que fui para lá de carro...) ainda no "Centrão" mas sinto que minha lucidez está um pouco pior do que antes. Logo aparece um "amigão" dizendo que meu carro ficou pronto e que era só segui-lo. No caminho, meio estranho por sinal, tinha uns terrenos com mato junto com grandes prédios, pensei como que deixariam meu carro num lugar desses! Enquanto caminhávamos (umas 3 quadras) ele começou a mudar a conversa dizendo que tinha acontecido algo com o meu carro, pediu desculpas, e comentou que precisávamos passar no escritório dele para pegar a chave. Entramos numa construção baixa velha cheia de salinhas. Chegamos na dele e tinha uns equipamentos de transmissão com microfones, computadores e um monte de anotações. De repente aparece uma mulher morena que fala algo com ele e eu cometo a besteira de dar as costas para procurar meu carro na janela. Acordei mal e febril. Precisei tomar antitérmico para conseguir iniciar o dia. ... De bom é que pelo que ouvi do Robert Bruce, esses perrengues que a gente passa são construtivos para que nos preparemos para o novo ambiente que não tem nada de conto de fadas. Pelo que entendi, se não tentam mais me iludir com figurinhas bonitas e personagens fofinhos é porque já percebem algo de diferente. Agora apostam mais em pegadinhas e espertezas para sugar energia. A gente vai aprendendo. Muita paz, saúde e luz a todos!
  23. Bom dia Viajantes! Ando passando por uma nova "modalidade" de hipnagogia. Digo isso pois deixou de ser simplesmente uma etapa antes de projetar e se tornou mais um canal de contato. Pena que ainda desconheço muito sobre o assunto. Dia desses me vi "voando" dentro de um túnel que parecia o tubo de um aspirador gigante, escuro e cheio de curvas. Fiquei um tanto quanto assustado e cheguei a pensar que tinha desencarnado pois ando estranhamente febril e etc... No final desse túnel cheguei a uma sequência de fotos antigas mostrando momentos importantes mas não me localizei nelas! Esqueci praticamente de todas e só rememorei uma última que tinha umas 6 crianças e uma delas estava borrada. Depois disso acordei assustado e relaxei novamente voltando a dormir. Outro dia sentei num sofá aqui do escritório e de tão desenergizado acabei apagando. Por alguns instantes começou a surgir uma visão perfeita do local onde estava mas numa realidade paralela. Estava bem mais iluminado e os contornos da construção eram os mesmos. De repente aquilo ganhou força e virou realidade total por alguns poucos segundos até que meu celular vibrou no meu bolso. =( Tentei repetir a experiência mas não deu mais... Hoje sonhei/projetei com baixíssima lucidez e me vi sendo cuidado por uma mulher numa espécie de tenda num deserto super ensolarado. Tinha mais uns caras junto preparando coisas. A mulher comentava que eu preciso ficar mais tempo exposto ao sol já que vivo num lugar muito nublado. Que preciso aproveitar cada pequena oportunidade de sol. Em um determinado momento chegou uma figura diferente do meu universo de crenças com um visual bem do oriente médio e que começou a repetir o que a mulher tinha falado. Fizeram uma espécie de passe em mim e depois me mostraram uma foto um tanto fora de foco de uma pessoa com aspecto similar a Jesus. Não era ele mas tinha aquele visual que estamos acostumados a ver só que ia mais para um lado arábe/indiano. Terminou o procedimento dizendo "Sempre às ordens". Acordei hoje com menos febre do que os últimos dias. Ficou a sensação de que estou passando por uma fase de upgrade e que a febre é proveniente desse processo que afeta o nosso organismo a nível celular. Espero que seja resultado da minha busca pela abertura da clarividência. Muita paz e luz a todos!
  24. Olá, Alguém mais já vivenciou este tipo de situação? A princípio estava sonhando sem grandes possibilidades de ser uma projeção. Apenas um sonho bobo. Em determinado momento o sonho se distorce visualmente e vejo como que andando de bicicleta numa rua que vai se esticando e se transformando numa decida muito íngreme e assustadora. Durante o trajeto e minhas tentativas de frear e evitar cair, ouço uma conversa na minha cabeça como se fosse uma ligação telefônica. Posso ouvir que são umas 4 pessoas discutindo e uma delas tirando satisfações comigo e me chamando de "amiguinho". Logo associo a umas mentalizações que gerei no passado para ajudar algumas pessoas e acredito que tenha irritado algumas consciências com a pensamento do tipo "quem é você para bancar o amiguinho nessas horas?". Ganhei alguma lucidez no momento e o sonho deve ter ficado pelo menos 10% projetivo pois lembrei das minhas leituras by Robert Bruce e comecei a pedir desculpas e afirmar que minhas intenções eram boas. Acordei bem. Seria uma mensagem captada? Muita paz e luz a todos!
  25. Sou ainda iniciante na prática da projeção astral e, umas semanas atrás, tive, creio eu, uma projeção astral consciente. Acredito que tenha sido porquê eu lembro de levantar da cama e estar tudo muito mais claro do que o comum. Okay, levantei e fique sentada na cama (o.b.s. : eu não sabia que estava em uma projeção). Comecei a cantarolar uma música que meu vizinho tava escutando e, de repente, na porta do meu quarto começou a surgir uma luz muito forte e que transmitia tanto amor que eu comecei a fechar os olhos e ficar com sono novamente. Não lembro de ver nenhuma silhueta ou algo parecido. Era só uma luz que ia ficando cada vez mais forte e transmitindo muito amor cada vez mais que ia surgindo. Então, eu acordei. E realmente meu vizinho estava tocando a música que eu ouvia na projeção. E eu fiquei me perguntando depois será que era meu/minha mentor espiritual ou alguém com uma maior evolução espiritual que estava no meu quarto? O que vocês acham??