• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Search the Community

Showing results for tags 'contato'.



More search options

  • Search By Tags

    Type tags separated by commas.
  • Search By Author

Content Type


Forums

  • Apresentação
    • Apresentação
    • Regras do Fórum
  • Viagem Astral
    • Dúvidas sobre projeção astral
    • Dúvidas sobre informações gerais
    • Relatos Astrais
    • Chat Viagem Astral
    • Encontro Astral quinzenal dos Projetores.
    • Grupo de Estudos
    • Materiais Educativos do Saulo (em construção)
    • Materiais educativos de outros pesquisadores
    • Mensagens
  • Espiritualidade
    • Desabafos
    • Bom Humor Espiritualista
    • Espiritualismo geral
    • Vibrações e/ou Mentalizações
    • Vídeos / Dicas de Filmes / Áudios
    • Dicas de Livros
    • Bem Estar
  • Dúvidas sobre o GVA(fórum)
    • Dúvidas e Sugestões

Find results in...

Find results that contain...


Date Created

  • Start

    End


Last Updated

  • Start

    End


Filter by number of...

Joined

  • Start

    End


Group


Found 4 results

  1. Olá Viajantes! Passei por algumas experiências ligeiramente bem fora do comum mas que acredito simplificaram todo o processo. Existe muita desinformação e formação de cultos complexos baseados em informações simples e básicas. Tenham em mente que o que buscamos é a ascensão da nossa alma. Não confundam espírito com alma. Bebam muita água, cuidem bem da alimentação e foquem na proteção e construção de um ambiente equilibrado para a sua família próxima. Não queiram salvar todas as pessoas do planeta. A busca pela expansão da nossa "consciência" se dá quando buscamos o conhecimento no universo que existe dentro de nós. Não é lá em Marte... é dentro de nós a nível molecular. Persistam na respiração correta, livrem-se de vícios terrenos, cuidem de seus aparatos orgânicos para que a sua experiência nesta faixa vibracional seja a melhor possível. Meditem bastante e com regularidade. Busquem conhecimento seguindo o chamado que vem de dentro. Quando começarem a receber mensagens e estabelecer um canal de contato, mantenham as informações apenas com vocês. Ao invés de relatar tudo, busquem despertar o interesse sobre o assunto nas pessoas ao seu redor. Cada um encontrará o seu próprio caminho. Não adianta repetirmos o caminho dos outros. Se você for fiel ao canal que será formado, o vínculo com os seres ascensionados será cada vez mais forte e simples. O nosso organismo passa por uma fase de transição que beira uma enfermidade mas depois tudo fica claro e mais definido. É incrível a facilidade para contato e troca de mensagens. É só respeitarmos o ritmo natural e fazermos o upgrade do nosso aparato biológico. Não caiam no caminho do ego, limpem-se dos vícios que nos prendem ao solo e busquem apenas o caminho da Luz. Nos encontraremos numa nova realidade! /\
  2. Já comentei em outro post sobre minha dificuldade em conseguir sintonia com o meu falecido pai para pelo menos um "oi". Questionava e achava estranho receber mensagens de outros parentes e conhecidos mas nunca do meu pai. Um dos motivos deve ser o efeito que causa. Acho até que esse tipo de aproximação é evitada lá no plano espiritual pois gera um abalo energético na família. O evento ocorreu em partes. Na primeira noite ouvi, bem perto do meu ouvido, a voz do meu pai dizendo: "Mande um beijão para a fulana.". Ele citou um apelido que praticamente ninguém conhece e transmiti o recado para a pessoa que no caso é a minha mãe. Ela ficou super emocionada mas seu frágil equilíbrio orgânico sofreu um grande abalo e ela passou super mal por uns 2 dias. Eu me senti muito fraco também e senti uma grande necessidade de beber muita água. Na segunda parte do evento, fiquei lúcido numa espécie de "festa" com várias pessoas. Era um encontro bem bacana e divertido. Algumas pessoas me chamaram para bater papo e brincavam comigo dizendo que estava com baixa sintonia. Mesmo assim me tratavam bem. Algumas dessas pessoas começaram a me parecer familiares e falavam de como eu era quando criança e de algumas artes que aprontava. hehehe. De repente, virei para o lado e vi meu pai ali. Estava bem mais novo aparentando uns 30 anos mas com o mesmo papo de sempre. Conversamos muito e rimos bastante. Falou que sentia muito mas que não podia me dar dica de nada pois isso nos prejudicaria. Falou dos meus filhos e disse que ele não fica ali nesse ambiente mas fora trazido pois ainda não tem muita prática. Acordei super feliz e realizado. Esse tipo de contato deve gerar uma oscilação muito grande pois foi uma semana bem complicada.
  3. Estou às margens de um rio canalizado e ele é tão fundo que decido me deitar para olhar para baixo. Entre eu e a água deve ter pelo menos 15 metros. O lugar é desabitado e existem algumas árvores espalhadas, deixando alguns pontos de descampado apenas com capim e outros com pequenas aglomerações de árvores, talvez uma lembrança do que antigamente era uma mata fechada. Jogo um pouco de comida na água e vejo um pato e uma tartaruga, mas principalmente os peixes aproveitam para comer. Estou ali perdido em pensamentos e apenas observo o local todo. O isolamento e a natureza que aparentemente foi poluída e destruída e depois se restabeleceu parcialmente, com aquele canal de concreto cortando a região, confere ao local um aspecto um tanto misterioso de uma mistura de natureza maltratada com técnica decadente. Já está escurecendo quando escuto um som estranho. É algo diferente dos barulhos e dos cantos dos animais. Nesse momento eu sei que se trata de algo incomum, algo inusitado que está distante e se aproxima cada vez mais. Então estreito a minha visão ao longo do canal e vejo algo que vem se aproximando e se movendo por cima d’água. Antes que eu tivesse tempo de pensar o que poderia ser aquilo, a figura passa bem diante dos meus olhos numa velocidade incrível. Parece um ser humano, quer dizer, tem apenas a forma de um ser humano, mas tem pernas e braços anormalmente longos, que ele parece usar para bater sobre a água e assim correr sobre ela. E vem “dizendo” em alto e bom tom e ritmicamente, com a sua voz única: -Bilu bilu bilu bilu bilu bilu bilu bilu bilu bilu bilu bilu bilu... Em um primeiro momento, absorto na contemplação dessa imagem, não consigo pensar em nada muito diferente das nossas expressões brasileiras equivalentes ao universal “What the hell?????”, e apenas aproveito para fixar bem na minha memória o que certamente é um momento único na vida, uma imagem que só pode ser vista uma vez, e uma história que só poderá ser contada como piada ou ficção. Passado o choque é inevitável pensar “ahhh, ele existe, esse é o ET Bilu!”. E com um pouco mais de reflexão logo chego à conclusão de que esse deve se tratar de algum animal muito raro, ou no máximo, digamos, inter-dimensional, mas provavelmente, muito provavelmente... não é nada de outro planeta. Se alguém me pedisse para imaginar o ET Bilu de mil formas diferentes eu jamais o imaginaria dessa forma. Além do já descrito, ele possuía uma pele que me pareceu acinzentada e escura, e seu corpo magro e alongado parecia ter pelo menos 2 metros de altura. Porém, como todo “bom avistamento” (e talvez até para não romper com essa nossa antiga tradição), não pude ver mais detalhes, porque foi tão rápido... E se eu tivesse uma câmera ao meu alcance e tivesse tido tempo de pegar e começar a gravar quando o som se aproximava, ou se por coincidência eu já estivesse filmando tudo naquele momento, certamente não apareceria na filmagem nada mais do que um borrão, e talvez um chiado que eu juraria estar dizendo um claro “Bilu bilu bilu bilu...”, mas que só se pode ouvir “shhahshs shahhhh shaccchhh shahshshs”. E isso poderia ser facilmente explicado como um Martin pescador arrastando um peixão, ou algo assim. Obs. Este é o relato de um sonho.
  4. Olá a todos. Bom, na semana passada, da madrugada de domingo para segunda, lá pelas 3 hs da manhã comecei a sentir sensações de desdobramento...alias peço desculpas, pois, ainda estou aprendendo e ainda tenho algumas duvidas reais das diferenças de desdobramento e viagem astral..mas poís bem..aquela sensação da vibração no ouvido, e parecia que estava saindo de lado. Mas na verdade estava com muito sono e não estava muito interessado em realizar essa experiencia, estava mais interessado em dormir mesmo. Mas fiquei na duvida se eu já me encontrava fora do corpo, apesar de achar-me deitado. Nesse instante, pensei, se já me encontro fora do corpo mesmo sabendo que eu estava ainda deitado a cama, pois percebia minha esposa ao lado, comecei a pedir a meu Mentor espiritual que eu estaria disponível a espiritualidade maior, mesmo sabendo de minha pequenez e ignorância, mas estava disposto em aprender nas experiencias fora da matéria. No momento que que elevava meu pensamento até ele..comecei a ver próximo a um móvel um ser sem forma meio que esbranquiçado..quando vi eu pensei...meu Deus isso eu nunca tinha visto, será real?, será do bem ou será do mal, mas nesse momento percebi que esse ser se posicionou próximo a minha esposa, atras da cabeceira da cama..tentava ver com mais clareza seu rosto..mas parece que minha visão estava travada..meus olhos estava paralisados..não conseguia me mexer, só sentia uma sensação estranha. Fiquei com medo..mas lembrava de alguns relatos que li que o medo é nosso inimigo. Tentei me controlar, foi quando percebi que junto a cama havia além do braço de minha esposa um outro braço, alias sentia a mão do ser espiritual. Era uma mão pequena e lisa que se posicionava abaixo da minha e que de certa forma tocava a palma de minha mão esquerda, as vezes fazia uma pequena pressão. Não passou muito tempo senti do meu lado direito se posicionava também outra mão. Achei que ele ia me puxar para cima, mas não, começou a passar a mão na palma de minha mão. Fiquei com muito medo, e sentia uma voz dentro de mim dizendo para que eu não ficasse com medo que estaria ali para me ajudar, nisso fui ficando mais calmo. Logo senti que aquela mão que estava posicionado do lado direito começou a tocar meu rosto. E ao tocar meu rosto voltei a ficar de novo com medo, quando senti, dentro da minha cabeça uma das orações mais belas que já ouvi. O ser pedia ao alto em meu favor, era as vezes uma voz meio que robotizada bem baixinha, as vezes mais fina, as vezes mais grossa. Em quando ele orava sentia seu dedos subindo meu rosto até fazer uma breve pressão entre minhas duas sobrancelhas. Meu coração disparava...Acordei no próprio sono com o coração disparado que com uma sensação muito boa. acordei minha esposa pois precisava contar a ela o ocorrido. Estranho acordar no próprio sonho...Depois que realmente acordei e acordei minha esposa e relatei o que havia acontecido para que as lembranças na manha não se perdesse. . Então foi isso tudo.. Já aconteceu isso de ser tocado com mais alguém? Um abraço a todos