• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Search the Community

Showing results for tags 'energia'.



More search options

  • Search By Tags

    Type tags separated by commas.
  • Search By Author

Content Type


Forums

  • Apresentação
    • Apresentação
    • Regras do Fórum
  • Viagem Astral
    • Dúvidas sobre projeção astral
    • Dúvidas sobre informações gerais
    • Relatos Astrais
    • Chat Viagem Astral
    • Encontro Astral quinzenal dos Projetores.
    • Grupo de Estudos
    • Materiais Educativos do Saulo (em construção)
    • Materiais educativos de outros pesquisadores
    • Mensagens
  • Espiritualidade
    • Desabafos
    • Bom Humor Espiritualista
    • Espiritualismo geral
    • Vibrações e/ou Mentalizações
    • Vídeos / Dicas de Filmes / Áudios
    • Dicas de Livros
    • Bem Estar
  • Dúvidas sobre o GVA(fórum)
    • Dúvidas e Sugestões

Find results in...

Find results that contain...


Date Created

  • Start

    End


Last Updated

  • Start

    End


Filter by number of...

Joined

  • Start

    End


Group


Found 27 results

  1. O trabalho energético vem sendo realizado pela humanidade desde épocas remotas e de diversos modos apesar do descaso ocidental. Ou seja, povos antigos já perceberam que a energia que flui por dentro de mim e de você pode ser controlada, expandida e utilizada de acordo com o nível de domínio do praticante. Segundo a Conscienciologia, isso é possível sem a necessidade de rituais, do uso da imaginação ou de qualquer outra muleta nesse processo. Você já sentiu suas energias? Mas qual a vantagem em dominar as próprias energias? Caso você tenha esse questionamento, segue uma listagem com 100 vantagens, fora muitas outras, para entender a relevância evolutiva desse tema. As vantagens aqui listadas foram divididas em 4 categorias: vantagens pessoais, assistenciais, defensivas e multidimensionais. Muita gente passa a vida tomando passes e frequentando ambientes para que possa ser energizada e equilibrada. E se você puder fazer isso sem nenhuma dependência? SEÇÃO: BENEFÍCIOS PESSOAIS 01. Aumento da flexibilidade energética. O trabalho contínuo das energias torna o corpo energético flexível e muito mais fácil de ser mobilizado. Dessa forma, tornando mais eficiente às práticas energéticas em geral. A tendência é que quanto mais flexível for suas energias, mais forte serão todas as manobras fundamentais (circulação, absorção e exteriorização). Suas energias são fáceis de manejar, ágeis e maleáveis? 02. Promove a autocompensação energética. Seja qual for a causa de uma descompensação energética é possível através das energias inverter esse processo e gerar a autocompensação. Como vivemos imersos em um universo repleto de energias, toda descompensação não deixa de ser patológica. A absorção energética intensa é capaz de promover uma rápida melhoria e o retorno da potência pessoal. 03. Redução do estresse. As bioenergias trabalhadas de modo lento e consciente auxiliam na calma e na pacificação capaz de reduzir o estresse e a agitação da vida humana. Ao centrar a atenção em si mesmo e focar na técnica, por exemplo, circulando as energias sem pressa, geralmente com sensação agradável, e até certo ponto sedativo, têm efeito terapêutico. Não existe conflito sem o autoconflito. 04. Qualificação do animismo. Pelo fato do domínio das energias ser de base anímica, isto é comandado pela própria vontade, dá ao praticante autonomia e desenvoltura sem depender de mais ninguém. Na hora dos problemas não há dependências de “muletas” externas como médiuns, amuletos, gurus e nada do gênero. A vontade e a intencionalidade são fundamentais ao domínio das energias. 05. Ativação Energética. O trabalho bioenergético atua como um organizador dos nadis e chacras, promovendo o equilíbrio de vórtices desregulados e pouco ativos. Estima-se que haja mais de 88.000 pontos de energia ao longo do corpo e que são trabalhados “simultaneamente” na aceleração máxima do corpo energético (energossoma) promovido, por exemplo, pelo Estado Vibracional. 06. Leitura das energias do ambiente. Quem não é analfabeto energético consegue interpretar as energias dos ambientes e com isso se aproveitar delas ou mesmo evitá-las. Sentir padrões e analisar os mesmos faz total diferença para uma manifestação mais lúcida e sadia. Certas percepções e informações podem mais úteis e funcionais do que se pode imaginar. A psicometria é uma habilidade multifuncional. 07. Realização da desintoxicação energética. O desenvolvimento do corpo energético (energossoma) atua como um qualificador geral “enxaguando” e limpando energias indesejáveis. Assim como a limpeza física ajuda na manutenção da saúde, a movimentação energética é o desinfetante ou solvente geral que atua desde questões mais básicas até as mais complicadas. A energia bem trabalhada é prodígio para a desintoxicação. A mobilização intensa atua como um poderoso “lava-jato” das energias pessoais gravitantes excluindo formas-pensamentos (morfopensenes) indesejáveis e pensenes (pensamentos, sentimentos e energias) desequilibrados. 08. Auxílio na autopesquisa. A partir de suas práticas energéticas é possível conhecer um pouco mais sobre si mesmo. As sutilezas percebidas podem revelar muito aos olhos de quem está atento a tudo. Exemplos: alguém com autovitimização acaba diminuindo a potência do seu EV? A desorganização o impede de trabalhar razoavelmente as energias? Sua persistência contribui para a criação do hábito bioenergético? O seu Estado Vibracional, de certa forma, mostra quem você é. 09. Incremento da positividade. A atenção diária as próprias energias consolidam e sustentam uma atmosfera pessoal, ou um holopensene, de saúde e positividade. Uma pessoa bem-intencionada e com discernimento, que tem por hábito o trabalho energético, tem mais afinidade, em tese, para levar uma vida mais ajustada e com menos percalços. Energia sadia não promove desajuste. 10. Aumento do bem-estar. As energias produzem certo bem-estar íntimo ao praticante, por vezes gerando sensações indescritíveis e pacificadoras. O equilíbrio dos múltiplos corpos (holossoma) provocam efeitos benéficos independentemente da idade, do sexo, da formação cultural e de questões gerais. Entenda que ao invés de temer a movimentação das energias ela gera saúde e vida. 11. Melhoria da imunidade. O trabalho energético contínuo acaba por melhorar o corpo físico de um modo geral e também a imunidade. Vale dizer que um corpo energético forte predispõe um corpo físico forte e todos os benefícios de ter uma saúde mais estável para a realização das tarefas e exigências da vida humana de modo mais satisfatório. Toda pequena doença desperdiça tempo, energias e o foco nas tarefas pessoais. 12. Realização de check-up. A sensibilidade energética permite a realização de autodiagnóstico que vai desde pequenos distúrbios até alterações nos próprios chacras. Dessa forma, é possível ampliar com o tempo seu nível de acuidade integral aos moldes da chamada consciência corporal. Esse conhecimento de si mesmo permite a detecção de pequenas mudanças e possíveis causas e assim promovendo um equilíbrio pessoal por maior tempo. 13. Aumento do potencial energético. Da mesma forma que a força física muda de pessoa para pessoa o potencial energético também possui variações. Mexer com a energia não a esgota, muito pelo contrário pois ocorre uma potencialização gradual e isso se reflete em outros níveis manifestação. A maioria das consciências respeitam força, incluindo assediadores conscientes. 14. Maior acesso mentalsomático. Ao mexer com as energias entramos em contato com mundo que é subjetivo e interior. Não raro pessoas que ficam mais ativas energeticamente acabam voltando a estudar ou a tomar gosto pelas práticas mentais. Esse processo ocorre em função da qualificação das energias não apenas do próprio coronochacra como de toda área encefálica. O binômio energossoma-mentalsoma amplia a produtividade pessoal. Quem expande sua mentalidade evolui no ponto mais central. Um mentalsoma mais forte predispõe a um maior controle do corpo energético. 15. Suporte para acabativas. Serve como um instrumento capaz de melhorar a acabativa de algum serviço ou atividade específica. Por exemplo, é comum os amparadores patrocinarem EVs “espontâneos” ao término de uma projeção ou de uma seção assistencial. Quase tudo começa e termina pelas energias, consciente ou inconscientemente. 16. Expansão de chacras específicos. Do mesmo modo que a musculação aumenta o tamanho do músculo e sua força, o treinamento energético faz algo semelhante aos chacras alvo. Portanto, uma pessoa pode se tornar muito desenvolvida em vórtices específicos (expert) e ainda assim ter a maioria dos outros chacras mais expansivos que a média. Para isso é preciso muita prática e esforço em favor da própria expansão até que se domine certa área e suas correlações. 17. Diminuição da Impulsividade. A ativação do energossoma permite a centragem da consciência pelo encéfalo, não pelo subcérebro instintual. Desse modo, é possível observar que a impulsividade tende a ser menor em quem consegue mexer altas cargas de energia. Você já se libertou da conduta negativa relativa ao subcérebro abdominal? 18. Menor sedução energética. Ocorre gradualmente a eliminação da necessidade doentia e primária das seduções sexochacrais desnecessárias e fora de contexto. Assim o praticante acaba tendo uma vida mais centrada em si ao invés da dependência e da aceitação alheia. O autodomínio energético elimina o Homo sapiens vulgaris. 19. Ativação da sexualidade. A tendência é que uma pessoa energeticamente “morta” seja também alguém sexualmente ausente. Muito da potência de energia está relacionada com a potência sexual, salvo algumas questões de doenças nesse ramo. É comum alguém sexualmente inexpressivo voltar a ter desejo e maior intensidade sexual após começar a mexer as energias justamente por esse trabalho de reativação. Quase ninguém ativa suas energias sem a participação do sexochacra. A kundalini está entre as energias mais fortes em nós. 20. Possibilidade de chegar ao holorgasmo. A flexibilidade energética, gerada pelo esforço contínuo do casal, predispõe as vivências do holorgasmo para os parceiros afetivo-sexuais que tem a intenção e a vontade de promovê-lo por meio de metodologia específica. O holorgasmo é um processo energético e não tem relação direta com a ejaculação física. Você conhece os procedimentos técnicos do holorgasmo? 21. Conscientização da Evoluciologia. Saída intencional da condição primária do porão consciencial que não deixa de ser um desperdício de vida. Quando damos valor as energias podemos alavancar a evolução e sair do subnível que pode existir ainda de modo inconsciente. A maturidade energética tende a vir acompanhada de auto-enfrentamentos pessoais. 22. Maior Energopresencialidade. Com o passar do tempo, a força presencial é uma das mudanças mais perceptíveis da catálise feita pela melhoria das energias. É muito comum ver uma pessoa “apagada” e inexpressiva passar a por uma metamorfose silenciosa que a torna mais notada e apresentável. Muda-se a energia, muda-se quase tudo. 23. Manifestação com mais autenticidade. O domínio energético permite o indivíduo viver menos influenciável, com maior lucidez, seja qual for a dimensão. Dessa forma, pode-se dizer que a autenticidade torna-se presente a todo instante e não apenas em algumas circunstâncias. Se for para manipular algo, que sejam energias. Sua energia mostra quem é você, sob as influências de apenas si mesmo. Ser transparente é preocupante para você? 24. Autossuperação da vida materialista. Superação da visão materialista e do condicionamento meramente intrafísico para uma vivência mais abrangente, evoluída e menos limitada. Ao admitir e vivenciar que existe muito mais do que podemos ver acaba sendo um divisor de águas existencial. Quem realmente sente suas energias prova que a existência não e somente material. A melhoria da vibração energética causa refratariedade e aversão ao nível mais troposférico. 25. Depuração da autopensenidade. Depuração gradativa das manifestações pelos autopensenes cosmoéticos (enes). Isto é, com o passar dos anos as energias vão afetando positivamente toda manifestação pensênica (pensamentos, sentimentos e energias) mais séria a ponto de em casos mais raros auxiliar na incorruptibilidade da consciência. É no momento do seu ápice energético que você pode checar o nível de sua pensenidade magna. 26. Promoção da homeostase. Gerador da condição permanente e pacificadora da homeostase energossomática. O equilíbrio ocorre como consequência da fluidez energética. Desse modo o indivíduo fica até mais fácil de ser acessado e conectado por consciências de diversas especialidades e níveis evolutivos. Ative todos os seus chacras antes de pensar em avançar significativamente na escala evolutiva das consciências. 27. Diminuição de distúrbios do sono. Quem se exercita física e energeticamente normalmente dorme melhor que a média. No entanto, é bom observar se alguma técnica o deixa muito acesso e “ligado” demais quanto a lucidez. Há pessoas que dormem facilmente com o EV enquanto outras ficam mais despertas a ponto de não conseguir relaxar. Analise o que é melhor em função da intenção ao deitar. O que o sono diz sobre você? 28. Combate a energo-inexistência. A prática regular das energias torna-se um antagonismo óbvio e preventivo contra a ausência energética e as suas consequências nocivas. Dessa forma, o indivíduo deixa de lado o apagadismo, a autodefesa ineficiente e as intoxicações ininterruptas para viver o oposto de modo equilibrado. 29. Qualificação da Inversão Existencial. Quanto mais cedo uma pessoa aprender a mexer com energia melhor serão as suas chances de se desenvolver gradualmente e com maturidade. Assim sendo, é possível ir se desassediando prematuramente e tendo razoável domínio antes mesmo da adultidade biológica com ganhos ao longo de toda vida. Um inversor sem trabalho energético é como um piloto sem cinto de segurança. 30. Qualificação da Reciclagem Existencial. O reciclante existencial também deve casar-se com o desenvolvimento energético. Mesmo que seja alguém de idade avançada, o ajudará na vida integralmente e até mesmo no processo da dessoma, bem como na preparação antecipada para a próxima vida. A reciclagem pessoal é atemporal. 31. Diminui a ansiedade e sintomas de depressão. O trabalho regular com as energias permite um ajuste maior tanto do ponto de vista orgânico quanto consciencial. Não raro se percebe que a ansiedade é amenizada assim como sintomas que evidenciam estados depressivos. Vale ressaltar que nesses casos as energias ainda são secundárias e sem ir na causa desses problemas servem apenas como paliativos de ajuda temporária. Quanto mais forte as suas energias mais profundo tende a ser as renovações pessoais. 32. Vivência de ciclos de primaveras energéticas. Tendência no aprofundamento de ciclos de primaveras energéticas (cipriene) de modo consciente, construtivo e bem utilizado. Toda primavera energética acaba sendo terapêutica e preparatória para novos e maiores desafios que virão pela frente. A prática energética lhe proporciona energias sadias ou ressacas energéticas? 33. Interação com possível macrossoma. O controle das energias provavelmente deve influir positivamente quando se nasce com um corpo adaptado para seu propósito existencial. Uma hipótese que pode ser levantada é se existe algum macrossoma específico em relação as bioenergias. Outra hipótese é se o trabalho intenso de energias em uma vida proporciona o “passaporte” para um macrossoma na próxima existência. As energias potencializam o corpo humano. CATEGORIA: DEFENSIVIDADE 74. Profilaxias diversas pelo Estado Vibracional. Frente as técnicas energéticas o Estado Vibracional (EV) é um recurso profilático, ou seja, desempenha um papel preventivo sobre as mais diversas ocorrências e situações, sempre atuando de modo pró-amparo e pró-segurança. Do ponto de vista multidimensional, o EV é capaz de prevenir assédios espúrios, descompensações súbitas e situações que possam desencadear acidentes em geral. O Estado Vibracional pode ser mais vacina do que remédio. Você ainda usa o EV somente na necessidade? Ou já vem dando menos trabalho aos amparadores? 75. identificação das sinaléticas. Auxílio na melhora da sensibilidade e consequentemente na identificação das sinaléticas personalíssimas de caráter anímico-parapsíquico. Há parapsíquicos com dezenas de sinaléticas identificadas que sinalizam e descomplicam a percepção multidimensional. O binômio sinalética-EV é um recurso magnânimo para a vigilância interdimensional e para interrupção do assédio. 76. Manutenção da alcova blindada. O domínio energético permite que a alcova, ou base física, sede do corpo humano nas projeções e nas seções afetivo-sexuais, tenha uma blindagem energética frente as energias intrusivas e assediadoras na função de defesa local. Nesse princípio de exteriorização você imprime as suas energias que mostram quem manda no ambiente. Você mantém seu ambiente limpo de energias tóxicas e consciências patológicas? 77. Realização de encapsulamento. O encapsulamento é uma técnica energética defensiva que permite pessoas e até locais ficarem blindados e selados perante uma energia externa antagônica. Desse modo, é possível se fechar as intrusões diversas e manter sua condição de acalmia. Há momentos onde é preciso se fechar energeticamente. 78. Autodefesa Mental. Promove a autodefesa frente os xenopensenes (ou cunhas mentais) geradores de ideias fixas, autovitimizações, hipnoses doentias, manipulações diversas, certos tipos de surtos e todo tipo de patologia intrusiva de base mentalsomática. Como fica você perante uma consciência mal-intencionada que domina energias em alto nível? 79. Autodefesa Extrafísica. O Estado Vibracional é uma das inúmeras técnicas utilizadas como recurso para a defesa pessoal em outras dimensões frente as consciexes doentias, agressoras, perturbadoras, entre outros, capaz de manter o projetor lúcido e hígido sem a necessidade de voltar para o corpo. O EV é, ao que tudo indica, dependendo do caso, um porto seguro frente aos desafios e as problemáticas extrafísicas. 80. Geração da sustentabilidade energética. Promove o ser autossuficiente capaz de resistir gradualmente às pressões diversas, multidimensionais, rumo a uma serenidade plena. Com isso, fica cada vez mais resistente as energias tóxicas e desequilibradas. Essa condição pode favorecer até mesmo o mitridatismo energético capaz de anular a ação de cargas densas e mal-intencionadas. Quanta energia negativa você aguenta sem se alterar? 81. Hábito da autovigilância. A prática contínua gera a manutenção do Homo sapiens energovibrator em uma condição de autovigilância energética ininterrupta naturalmente. Assim que algo no corpo energético se altera, a percepção é imediata e corrigida se necessário. Ser autovigilante sem ter uma postura de alienação é algo raro e sofisticado. Você vive mais lúcido ou mais robotizado? 82. Identificar pessoas mal-intencionadas. Com a leitura energética é possível identificar pessoas que querem prejudicá-lo ou mesmo que trarão algum tipo de problema. Assim evita-se uma série de transtornos com alguém que pode até parecer amigo e sorridente, mas que, na verdade, é um embuste assediador. Toda informação que evidencie má intenção alheia é informação valiosa do ponto de vista preventivo. Como se diz, as energias são o maior cartão de visitas que existe. 83. Rastreamento de bagulho energético. Por meio das energias é possível a pessoa sensitiva identificar se algum objeto está com acúmulo de energias pesadas e patológicas, o chamado bagulho energético. Sem essa identificação um único objeto é capaz de poluir uma casa inteira com um padrão negativo e de difícil remoção. Portanto, essa detecção e remoção posterior do objeto é uma forma de limpeza energética fundamental para quem frequenta o lugar. Você gosta de algum objeto negativo? 84. Evitação do desviacionismo. Trabalhar com energia não é garantia de completismo existencial. No entanto, pode servir como forma de não cair em desvios espúrios da proéxis como, por exemplo, assédios possessivos ou surtos de imaturidade. A tendência é que a conexão com o curso intermissivo e a paraprocedência seja mais eficiente. Quem banaliza as energias pode ter problemas dentro de uma maxiproéxis. 85. Autodesestigmatização. A evitação de estigmatizações e macro-PK destrutivas geradoras dos desvios de proéxis, notadamente patrocinado pelas próprias energias não dominadas do parapsíquico. Importante ressaltar que todo acidente de base energética ou parapsíquica pode ser evitado. O estigma é resultado de uma ação energética proveniente de um emocional ainda desestabilizado. 86. Realizar desassédio. As energias são um recurso poderoso para o afastamento e a proteção em relação a intrusões negativas por parte de assediadores intrafísicos e extrafísicos. Dessa forma, quem se habitua a ativar e movimentar as bioenergias tende a ser menos assediado em função de um campo de energia mais hígido. Entretanto, mexer muito com energia, mas ter um nível de cosmoética ruim é pior e torna o indivíduo ainda mais assediável. Mas é fato que nossas energias são capazes de afastar todo tido de consciência negativa. SEÇÃO: MULTIDIMENSIONAIS 87. Aumento do abertismo. A percepção e a vivência das energias faculta um maior abertismo do indivíduo para contatar outras dimensões (multidimensionalidade) e para descobrir seus outros corpos de manifestação (multiveicularidade), sobrepairando a maioria da população terrestre ainda imatura e ignorante quanto a própria realidade. As energias são “portas” para realidades impressionantes. 88. Mudança dimensional. Com o domínio energético é possível o livre trânsito entre as infindáveis dimensões existentes, desde as mais pesadas e doentias até as mais sutis e evoluídas como a mental. Isso é feito por seres altamente evoluídos fora do corpo ou mesmo quando acessamo algum padrão durante a vigília física ordinária dependendo da sua vontade. Toda mudança de frequência é uma mudança energética. 89. Mudança de Holopensene. O trabalho energético feito de modo regular, durante os anos, permite a melhoria das energias conscienciais e multidimensionais alterando assim positivamente o holopensene pessoal e em alguns contextos até locais. Todo refinamento contribui para um avanço mais significativo da evolução. A mobilização das energias depura o microuniverso íntimo até o macrouniverso exterior. 90. Conexão com a dimensão energética. O esforço de dominar o próprio corpo energético permite a exploração inicial da dimensão energética (dimener) e suas nuances sutis. Por exemplo, vale se perguntar: “é fácil ou difícil mexer com energia nesse lugar?”. O hábito de sentir energias o deixa sempre mais alerta. Quanto mais perturbado for o ambiente, mais difícil tende a ser qualquer manobra energética. 91. Vivência de extrapolacionismo. O desenvolvimento energético predispõe ao praticante ter extrapolações parapsíquicas diversas e marcantes que evidenciam o próximo nível que pode ser alcançado se houver investimento e dedicação. As extrapolações podem trazer enorme vislumbre sobre o que é possível sentir, vivenciar e desenvolver. Os amparadores já investiram em você? 92. Fenômenos anímicos e parapsíquicos. Há uma gama imensa de fenômenos da consciência, superiores aos sentidos humanos, tanto de base anímica como parapsíquica, que podem ocorrer espontaneamente em função das energias ou mesmo que você pode dominar com o tempo. Há diversos fenômenos sequer catalogados até hoje. Energia transcende o material. 93. Aprimoramento do Parapsiquismo. Até certo ponto, pode-se dizer que todo mundo é parapsíquico em algum nível. Com as energias é possível progredir nas diversas esferas do parapsiquismo de acordo com as predisposições pessoais ou mesmo do investimento técnico. Muita gente quer melhorar o parapsiquismo, mas não é dedicado ao aprimoramento energético. Você é uma personalidade mais anímica ou parapsíquica? Está em desenvolvimento? 94. Vivência de experiências fora do corpo. O controle energético é um recurso poderoso que predispõe a saída lúcida para fora do corpo: tanto gerando condições otimizadoras no momento anterior da saída quanto fazendo o energossoma entrar em ressonância com o psicossoma. Não é preciso dominar as energias para só depois sair do corpo, nada disso. No entanto, quanto maior o domínio energético melhor tende a ser os resultados para o projetor. Energia é chave projetiva. 95. Incremento de lucidez. Na parafisiologia, o Estado Vibracional extrafísico e as demais manobras melhoram a lucidez e o raciocínio no estado projetivo, expandindo sobretudo as parapercepções durante as experiências. Toda pessoa que tem certo domínio energético tende a desfrutar de maior lucidez em suas ações. O hábito de mexer as energias enquanto acordado se transfere para as experiências multidimensionais. 96.Diminuição do lastreamento extrafísico. Nas projeções lastreadas, que dificultam a locomoção e a desenvoltura pelo excesso de energossoma, o trabalho energético atua como um sutilizador das energias que permitem manifestações pelo psicossoma menos denso. Uma experiência fora do corpo pode ser sempre qualificada dependendo das técnicas e habilidades do praticante e o lastreamento pode ser revertido. 97. Clarividência. A soltura das energias predispõe a ativação do frontochacra e a melhoria da descoincidência para predispor as clarividências gerais e faciais em níveis mais sutis e avançados. Essa capacidade visual é habilidade fenomenológica que pode ser desenvolvida por qualquer indivíduo dedicado. Todo mundo pode ser capaz de enxergar além do mundo material. As bioenergias desmascaram o invisível aos olhos. 98. Mudança de parafisiologia. As práticas energéticas acabam gerando efeitos sadios na fisiologia dos nossos diversos corpos (holossoma). Em relação ao corpo físico pode-se citar, por exemplo, fora muitas outras ocorrências, a aceleração da digestão, reorganização cerebral, diminuição dos batimentos cardíacos, suspensão da adrenalina, eliminação de pequenos distúrbios, entre outros. Do mesmo modo, reverberam efeitos também nos outros corpos mais sutis e em toda a sua parafisiologia. 99. Minimização de assédio. O autodomínio e a qualificação energética gera a diminuição gradual dos assédios interconscienciais, notadamente os miniassédios inconscientes e eventuais. É como alguém que começa a fazer atividade física e acaba anulando certas doenças imperceptíveis que iria aflorar mais a frente. Do mesmo modo há muito miniassédio desfeito que o praticante nem fica sabendo. Você se contenta em ser assediado? 100. Alcance da Desperticidade. O domínio energético é o primeiro grande passo, multidimensionalmente falando, para a consolidação enquanto ser desperto lúcido e interassistencial nessa existência. O descontrole energético abre brechas para todos os tipos de intrusões assediadoras desde as mais brandas e breves até tipos permanentes. Afinal, nenhum desperto é desassediado na vida humana e assediado extrafisicamente. Desperticidade: refratariedade homeostática. Qual a sua desculpa para não investir no domínio energético? Este texto traz apenas informações básicas. Estude! Se aprofunde mais no assunto! E não acredite em nada. Experimente! Por Alexandre Pereira.
  2. Momentos antes de começar a projeção, e também quando tento praticar o EV ou qualquer meditação com foco nas energias minhas ou do ambiente, SEMPRE, quando começo a ficar espiritualmente atenta, meu pescoço começa a arder, como se queimasse mas sem calor, só aquela ardência e aquela destruição do fogo, tento ignorar e continuar mas chega num ponto que é insuportável a dor, como se ficasse uma bola de energia no meu pescoço mas muito agoniante, e eu tenho que passar a mão (que tira a concentração) ou parar. Parece até/a sensação é de que tem alguém sugando minha energia através do meu pescoço ou me machucando de algum jeito. Refleti muito e pesquisei muito mas não acho nenhuma resposta.
  3. Boa noite pessoal 😁 Graças ao Reiki, sabemos que nossas mãos basicamente funcionam como antenas, captam e emitam energia. Com isso, neste tópico irei falar sobre um assunto que particularmente me interessa bastante, Psi Ball, ou seja, uma bola de energia programada para realizar algo que seja de sua intenção mentalizada. Como por exemplo, auxiliar na cura de alguém que esteja passando por problemas de saúde, tanto no corpo físico, quanto no espírito ou então até mesmo amparar alguma pessoa que esteja passando por uma obsessão. Ela poderá ser útil em infinitas ocasiões, tudo dependerá da sua mentalização e fé. OBS: Não sou reikiano, apenas gosto de estudar e pesquisar sobre. Como criar uma Psi Ball (como eu realizo) 1º Passo - Posição, a principio é necessário encontrar uma posição confortável para realizar essa técnica, pode ser feita deitado, sentado, de pé, ou de qualquer outra forma que mais lhe faça se sentir confortável. (É importante que seja feito em um ambiente tranquilo e sereno, e caso você queira realizar uma prece, ela será muito bem vinda) 2º Passo - Respiração e relaxamento, para este feito é necessário que sua respiração esteja adequadamente controlada e sutil, e com o corpo e mente relaxada, para isso, inale todo o ar que conseguir pelo nariz e exale pelo mesmo, ou pela boca, como preferir. (Este passo deve ser realizado durante toda mentalização) 3º Passo - Posicionamento das mãos, a posição que as mãos devem ter pode variar do gosto do praticante, uma palma mais longe ou mais perto da outra, dedos mais juntos ou mais separados, tudo depende da preferência de quem está realizando a Psi Ball. 4º Passo - Mentalização e programação, mentalize uma bola de energia surgindo do seu corpo inteiro ou até mesmo do universo e sendo canalizada entre suas mãos, recomendo que ela seja da cor branco, dourado ou azul (pra quem já assistiu Dragon Ball essa não será uma tarefa muito difícil 😂). Deposite seus sentimentos, sua fé e sua intenção nessa mentalização, como por exemplo, se você quer auxiliar na cura de alguém diga para sua mente "Eu programo essa energia para auxiliar na cura de fulano devido tal doença", essa programação com certeza pode ser com suas palavras e suas intenções, mas é muito importante que você repita algumas vezes na sua mente e tenha fé na programação. 5º Passo (final) - Envio, para finalizar o envio da Psi Ball mentalize o lançamento da bola de energia até a pessoa que você quer amparar, você pode joga-la pra cima com suas mãos mesmo e imaginar a Psi Ball caindo sobre seu alvo, ou então, saindo de suas mão e chegando até quem você quer energizar, tudo depende da sua mente. Finalização Agradeço a todos que leram meu post, comentem abaixo seu feedback, o que gostaram, ou o que não gostaram, toda opinião é muito bem vinda. Que Deus abençoe todos vocês 🤩🙏
  4. Olá pessoal, tudo bem com vocês. Hoje contarei um relato de uma projeção astral clássica, aquela que ficamos lúcidos durante todo o processo de saída. O contexto no qual as coisas aconteceram foi o seguinte: fui para uma fazenda isolada da cidade, bebi algumas cervejas e fui dormir. De madrugada, acredito que entre duas e três horas da manhã, acordei para ir ao banheiro e beber água para dar uma hidratada. Quando voltei para o quarto, decidir movimentar as energias. O negócio foi rápido, em questão de pouco tempo comecei a entrar num estado alterado e logo descolei do corpo. Acabei saindo deslizando. Não tive dificuldades para efetuar o processo de descolar do corpo, mas eu estava com muita dificuldade para me afastar, pois eu não consegui atravessar as paredes (acredito que devido a minha densidade energética do momento). Como eu não consegui me afastar assim que eu saí, fiquei com medo de perder a experiência, então eu mirei para cima, pois eu estava flutuando. Quando olhei para o alto, reparei que o teto estava mais longe do que o comum, coisa que eu já havia reparado em outra ocasião (já me projetei no local a alguns meses atrás). Tentei atravessar as paredes novamente e não consegui, passei só parte do meu braço com muita dificuldade, logo retornei meu olhar para o teto devido a curiosidade. Assim que outra vez, havia uma esfera de luz, algo que eu nunca havia visto antes. A esfera era branca e parecia ter um núcleo relativamente denso, ela não era translucida e tinha mais ou menos o tamanho de um ventilador de teto. Ela ficava parada no ambiente, mas não era um objeto estático e inanimado, parecia haver movimentação energética em seu centro. Irradiava uma luz, mas não era forte e, apesar do quarto estar todo escuro e não ter nenhuma luz acesa no local, era possível ver tudo ao meu redor. Foi uma experiência interessante, mas sinceramente não sei o que pensar disso. Logo depois eu voltei para o corpo, foi algo rápido, tudo isso deve ter durado pouco mais de 1 minuto. Nunca vi uma esfera assim, ainda mais com aquele tamanho e tão de perto. Vale dizer que eu consegui olhar bem para ela, consegui focar bastante e reparar em seus aspectos. Estou até pensando que isso pode ser até algum tipo de dispositivo com algum tipo de tecnologia. Não tentei me comunicar com a esfera, nem pensei nisso na hora; também não recebi nenhum tipo de intuição ou qualquer comunicação. Vou tentar anexar algumas imagens para tentar ilustrar o que estou dizendo. Não sei se consegui anexar as imagens. Lembrando que a esfera era branca, não era da cor do sol. EDIT: Vou colocar um link para uma imagem, pois não consegui anexar a mesma. Segue abaixo. https://www.portalpadom.com.br/wp-content/uploads/2018/11/sol.jpg
  5. Olá Viajantes, Acabei tendo a projeção semi-lúcida que alguns já relataram. Sei que perdi muita coisa na rememoração mas tenho certeza de que foi uma saída patrocinada e de preparação. Não sou de botar muita fé em mensagens apocalípticas mas não tem como descrever de outra forma. Fui simplesmente dormir sem fazer praticamente nenhuma técnica a não ser uma leve OLVE. Dormi logo mas sinto que a projeção ocorreu no final da madrugada. Sem saber como fui parar lá, me vi andando pelas ruas de um bairro badalado e com muita gente nas ruas. Vi varias pessoas caminhando com pressa e eu cruzada o caminho delas pois queria sair dali. Num momento uma mulher bem atraente veio em minha direção e eu percebi que aquilo não era normal - ganhei alguma lucidez e imaginei saindo daquilo que parecia mais um dos testes que me colocam as vezes. Apareci num campo calmo e bem cuidado. Fiquei olhando o céu estrelado e imaginei estar ouvindo música. Comecei a caminhar e vi que tinha 2 caras prestando atenção em mim e mais uma terceira pessoa por perto. Para minha mente de carne parecia ser uma moça baixinha usando agasalho olímpico e com uns dispositivos ligados aos ouvidos e na cintura. Fiz que não vi para respeitar a pessoa mas ela veio até mim e perguntou porque não falei com ela se era eu que tinha chamado. A partir daí fica uma linha do tempo estranha e difícil de rememorar. Ele falou que ia me mostrar o que estava acontecendo com a minha cidade. Fui levado para a entrada de um shopping que fica no meio de muitos prédios e quando olhei para o céu era como se estivéssemos no fundo do mar. A nossa atmosfera parecia um liquido/gel e lá em cima dava ver a superfície desse "oceano". Senti a densidade e pressão forte daqui de baixo. Ela me mostrou como se fosse uma corrente de energia/gel escura formando uma especia de onda gigante que atingia a maior parte da cidade e removia todas as estruturas plasmadas há muito tempo. Passei a achar que não se tratava do físico mas sim do Astral. Minha cidade ficou em ruínas no Astral e muita gente desabrigada. Uma corrente de energia/gel escura ficou dominando o ambiente tornando tudo muito tenebroso. A moça baixinha me pegou e puxou para cima em grande velocidade. A subida foi muito forte e pensei que minha cabeça ia explodir pela pressão. Na verdade, estou com essa pressão até agora, acordado no fisico. Ela me deixou numa especie de ilha flutuando sobre esse oceano escuro e denso. Fui tratado e vi que tinha mais pessoas por ali. Tinha construções modernas e uns banquinhos de praça. Muita natureza e organização. Um senhor veio e me mostrou numa espécie de iPad (maior dos que existem aqui) imagens da minha cidade destruída e muita comoção pelas pessoas desabrigadas. Numa total falha de lucidez tive uma sensação de "bem feito!" e comentei que achava estranho uma onda sendo que minha cidade ficava a 900m de altitude. Ele disse que as consciências não tinham culpa pois foi algo que veio de fora e que não era água mas sim um grande fluxo de energia escura inundando o local. Disse que a cidade é extremamente densa e egoísta. Mostrou em mapas que a soma energética daqui é tão densa que afeta até a pressão atmosférica no físico, atraindo a concentração de núvens pesadas, muita chuva e vendavais. Comentei que estava difícil de manter a mente leve no físico e ele disse que isso está acontecendo com muita gente. Disse que muitos sensitivos estão sendo afetados e que veria menos textos, videos e áudios pois o pessoal está tentando não ser afetado pela energia escura. Não estava fácil me manter ali. Sentia enjoo, uma pressão na cabeça muito forte mas ele continuou a me mostrar regiões inteiras da cidade virando terra virada. Por serem feitas de plasmarem, as construções não deixavam escombros e apenas uma nuvem escura pairava sobre tudo. Da ilha onde estávamos dava para ver o plano abaixo com se fosse dentro d'agua e as correntes escuras passavam de um lado para o outro. Senti que ia perder a sintonia mas ainda ouvi/vi/li algo sobre junho do ano que vem e que não era para minha família se preocupar pois eles iriam nos proteger. Nem sei se agradeci e acordei com dor de cabeça, zumbido alto e a tal pressão nas têmporas. Vamos insistir e projetar luz e paz a todos! /\
  6. Olá pessoal, Eu já mais do que constatei a existência dos outros planos, de consciências elevadas e de outras nem tanto. Já li um conteúdo razoável sobre realidades ocultas e o sentido da nossa existência, etc. Converso e capto muito conhecimento vindo de pessoas que passam/passaram por experiências extraordinárias, assisto/ouço bastante material dos nossos "mentores encarnados" mais destacados e que transmitem informação de maneira pura e leve. Ontem foi aniversário de 1 ano da minha primeira projeção astral lúcida e simplesmente apostei esse período na construção de um bem maior, pedindo para mim nada de material fora auxílio na cura (ou qualquer melhora) da minha síndrome do pânico. Sempre mentalizei o bem sendo propagado mesmo vendo o rebanho geral sendo levado para um funil psicológico. Movimentei energias, tentei amparar ao máximo dentro do meu conhecimento, bebi muita água, melhorei alguma coisa em termos de hábitos, foquei no trabalho bem feito, tentei despertar consciências mas, no fim, parece que a equipe da escuridão foi mais competente. Parece que agora é mais difícil relaxar e entrar em estado vibracional, projeções mais raras, maior incidência de vampirismo, só tem notícia negativa e de crime sendo enfiada goela abaixo, você muda para um serviço de streaming e 80% é crime, dor, drama, violência, guerra, terror, sacrifícios, lados negros, novos heróis de olhos vermelhos e agora enfiam politicagem ali também. Não adianta mudar as preferências, os conteúdos são promovidos e enfiados na nossa cara. Resta a leitura selecionada. Ando focando apenas no aprendizado da expansão da consciência e na elevação do nosso ser. Meus contatos com seres elevados andam escasseando talvez por culpa minha e do meu atual estado vibracional. Quando recebo, é mais informação de que preciso mudar meu comportamento e tal, beber muita água para saúde mental, ouvir música no carro enquanto passo por locais negativos, etc. Coloco tudo isso num cérebro de carne e o resultado é uma sensação de solidão e desamparo generalizado. Tomara que eu esteja errado mas a sensação é de que o mal está sendo mais competente e deixando o povo cada vez menos lúcido. É uma pena. Tenho fé que não seja isso o que está acontecendo e que o "acaso" não seja tão descontrolado assim e que tudo isso seja uma provação de um karma coletivo. Vejo muita gente regredindo em vários aspectos. Claro que a maioria da população não tem acesso a cultura de verdade e ainda é demasiadamente contaminada pelo universo de crenças familiares. É difícil para o cidadão comum levantar a cabeça em meio ao rebanho e ver para onde estamos sendo conduzidos. O pessoal só pensa no "agora" como se o futuro nunca chegasse. Já cheguei ao ponto de bater boca com consciências sobre isso e parece que o plano astral não torna ninguém mais sábio ou santo. É só uma nova versão expandida da nossa realidade média propagada. Tomara que sejamos parte de uma nova geração que pode sacudir o tapete lá e melhorar a situação. Vejo videos e ouço podcasts dos grandes nomes do estudo da consciência aqui do país tristes, as vezes chorando, muitos desmotivados, podendo estar até mesmo decepcionados. De uma coisa eu tenho certeza, tirarei meus filhos desse local para que tenham um futuro mais consciente e com mais possibilidades. Não quero vê-los caindo no contexto "recreativo/cultural" do rebanho local. Como manter o foco e a motivação aqui no físico com essa atual energia? Que a luz se mantenha forte para todos! /\
  7. Olá Viajantes, Conforme relatei anteriormente, tenho vivido uma fase com um certo grau de bloqueio para projeções. No início pensei que tivesse feito algo de errado mas depois passei a sentir como se fosse uma proteção para o momento "energético" pelo qual passamos. Dei uma reaproximada nos meus estudos e voltei a movimentar as energias fazendo uso das técnicas. Recebi algumas poucas mensagens vindas como de uma consciência "insatisfeita" na noite de sexta para sábado e visualizei um braço emitindo energia no quarto na noite de sábado para domingo. Perguntei mentalmente o que era aquilo e a resposta veio via psicofonia fazendo uso da minha esposa como instrumento: "Para proteger o ambiente.". Não comento mais nada e guardo o teor e os eventos mais marcantes para mim mesmo. Ontem fui dormir com a intenção de me projetar e senti como se o ambiente/momento fosse completamente desfavorável ao máximo mas que mesmo assim, por pura teimosia minha, acabei conseguindo algum baixo grau de lucidez numa sala toda vermelha e preta com uma mulher vestindo um capuz. O local estava decorado com vários desenhos herméticos mas do ponto de vista negativo/assustador. Ela foi rapidamente me puxando pelo braço para uma salinha ao lado e, ao passar pela porta, mesmo tonto pela baixa lucidez, vi um grupo de umas 5 outras mulheres também encapuzadas formando um círculo. Detalhe: todas muito magras e com olhos acinzentados. A sensação imediata foi de pavor e de sair rapidamente dali. Como parecia estar grudado no local, pedi ajuda para os mentores e acordei mal. Custei a dormir mas já de cara me vejo fora do corpo descendo umas escadas e as vezes eu deixava cair algumas "coisinhas" de vidro ou cristal. Parava e tentava catar uma por uma. Percebi pessoas me notando e murmurando. Depois de andar mais um pouco dou de cara com uma senhora com aparência indígena muito descontente comigo. Ficava me provocando, dizendo para sair de perto dessas "consciências indígenas do mal" (não sei nem do que se trata), que não precisava fazer tudo aquilo (deve ter sido a ação dos mentores ou sei lá) e que ela sabia bem quem eu era (dando um tom de temor). Disse meu nome completo e ainda, acho que para me assustar, o ano no qual irei desencarnar. Não fiquei triste nem assustado pois me pareceu até mais do que eu desejo aguentar neste plano. Simplesmente não entendi a situação, me desculpei e disse que sou construtor do bem. Acho que foi só para tentar me desestabilizar. Postei apenas para relatar como existem momentos pesados durante os quais devemos evitar a projeção. Muita paz e luz a todos! A luz sempre vence.
  8. Vamos todos fechar os olhos, respirar repetidas vezes puxando e soltando o ar apenas pelo nariz, sem gerar desconforto. Pensem apenas em coisas positivas! /\
  9. Olá Viajantes! Gostaria de saber se é possível doar boa ou a maior parte da sua soma energética positiva neste plano para salvar uma pessoa amada. Não digo de "boca pra fora" mas a nível espiritual mesmo. Gostaria de doar a melhor parte de mim e de tudo que consegui ser de construtivo para salvar uma pessoa que não merece passar pela situação em que está. Sei que mais tarde poderei me recuperar de alguma forma numa nova etapa ou estado. É possível se for realmente de coração? Muita paz e luz a todos!
  10. Olá a todos. Espero que todos possam ter um ótimo dia. Peço desculpas caso as dúvidas sejam muito ordinárias, são só algumas coisas que ainda não entendo que passei em astral ou por que elas acontecem, mas ficaria muito agradecido caso alguém respondesse, especialmente se as causas forem algum tipo de falta de cuidado energético. Ou sei lá o que, muito dos casos aconteceram em diferentes projeções. 1º- Durante uma projeção, estava sentado na janela do meu quarto( moro em um condomínio). A rua estava bem movimentada, e o pessoal parecia apressado, escutava bastante barulho de gente conversando, coisa que não era comum. Efim, chegou um cara que entrou como se fosse dono do lugar, e mandou eu descer de uma forma bem agressiva, eu recusei de uma forma não muito respeitosa também... então ele ameaçou chamar os "outros". Devido a esse negócio da cosmoética, pedi desculpas, desci pra evitar encrenca,apesar das minhas vontades. Mas o interessante é o seguinte, isso não foi algo muito linear e não sei se isso significa uma oscilação de lucidez. Eu vi uma "criança" com ele. N sei se era só um espírito que tomou aquela forma,mas eu estranhei isso também. N tem crianças desencarnadas no umbral, certo? Mas de qualquer forma quando olhei pra ele, deu aquele zoom que normalmente dá quando você se concentra(achava que isso era falta de lucidez) . Nisso, ele olhou pra mim com olhos bem assustados, e começou a falar comigo sobre como eles eram perigosos que era pra simplesmente deixa-los. Falou como se estivesse na minha frente, dentro do meu quarto, mas aí é que tá, estávamos a 1 andar de distância. E pelo visto, o cara arrogante que entrou nem percebeu, porque foi em segundos. Fiquei me perguntando se estava perdendo a lucidez então estava doidão. Isso realmente acontece ou é falta de lucidez? caso seja falta de lucidez, como saber se estou alucinando ou aquilo é real? 2°- Tirando minha primeira projeção, nunca tive necessidade de agredir um espírito em defesa, também infelizmente nunca doei energia... No dia que resolvi soltar energia pelas mãos no quarto por curiosidade, o que apareceu foi uma fumaça azul que seguia uma linha reta. N me lembro como estava nesse dia. Mas enfim, a cor representa algo? essa fumaça faz alguma coisa? ela parecia bem inofensiva rsrsrs... Se eu estiver no corpo e vizualizar como fiz em astral ela também sai? Apesar de não ver. 3°- Já tentei me plasmar na frente do espelho no meu quarto. Mas tudo que consegui foi mover a pupila do olho, de modo que ela ficasse maior ou menor, mas ela voltava ao normal depois que deixava. EU meio que conseguia modificar algumas coisas mas era difícil, e elas não ficavam por muito tempo, se eu praticar vizualização com isso, posso ficar melhor? Me perdoem pelas perguntas, agradeço qualquer resposta, crítica etc. Gratidão pelas informações nesse fórum postadas.
  11. Boa noite pessoal, sou novo de conta mas acompanho a movimentação do fórum há algum tempo e tenho um problema que eu gostaria de discutir com vocês. É o seguinte, Desde os meus 16 anos ( quando tive a minha primeira relação sexual- hoje tenho 23 anos ) acabei desenvolvendo uma compulsão por sexo sem igual. Descobri os aplicativos de relacionamento muito cedo e conheci muitas parceiras desde então, eu sempre marcava com a mulherada na minha casa com a desculpa de assistir um filme, a verdade é que eu só queria consumir o ato e sair fora. Hoje em dia não levo mais ninguém pra minha casa, tendo em vista as vibrações negativas que eu acabava atraindo para o meu lar. Pois bem, esse padrão se repetiu todos esses anos, assim que eu conseguia concretizar o meu objetivo eu simplesmente saia fora e não ligava mais pra garota, eu mentia dizendo que queria um relacionamento só pra levar a garota pra cama, isso gerou muitas decepções amorosas, inclusive fizeram um trabalho espiritual contra a minha pessoa que me prejudicou muito durante uma fase de minha vida. Nos últimos anos eu mudei bastante, procuro ser o mais sincero possível nos meus relacionamentos, evitando o máximo decepciona-las. O real problema é que eu não consigo sair desse ciclo vicioso !! TODOS os dias eu entro nos aplicativos de relacionamento buscando alguma garota para sair, eu nunca gostei de garotas de programa pelo simples fato de ser fácil de mais, eu sinto muito prazer em conquistar a mulher, gosto do jogo da sedução. E pra piorar tudo , eu estou namorando há uns 2 anos, eu amo muito a minha namorada porém eu não consigo parar de ficar com outras mulheres. Eu sei que isso é uma p****** falta de caráter da minha parte, mas eu já tentei inúmeras vezes " ficar tranquilo" e eu não consigo. Posso até ficar 2 semanas sem ver ninguém , mas na terceira semana começo a caçar feito louco alguém pra curtir. Já pensei em buscar ajuda de um psicologo, fazer reiki ou hipnose, porém não sei qual seria melhor Gostaria muito que alguém pudesse me dar uma luz , sem julgamentos. Muito obrigado!
  12. De uns tempos para cá tenho meditado bastante e treino técnicas energéticas de respiração positiva e negativa. Após alguns minutos, já em estado de relaxamento, sinto umas alfinetadas suaves na região dos gânglios cervicais. Estou fazendo algo de errado, é reflexo direto de algum tipo de ativação ou resposta de assédio? Muita paz e luz a todos!
  13. Um parente meu foi detectado com câncer no pâncreas e acabou sendo encaminhado para um hospital num local distante aqui na região metropolitana. Vi muita gente sofrendo, pessoas sendo atendidas em cadeiras nos corredores e etc. Muito sofrimento. Em dado momento senti uma grande vontade de tentar emitir alguma energia positiva para aquele povo ali e fiz um exercício. Imaginei energia positiva e curativa sendo transmitida ali como se fosse ondas de rádio circulares. Dirigi até em casa e me senti super cansado e com enjoo. Apenas sentei na cama e apaguei assim mesmo. Quando vi tinha se passado 1 hora e ainda me sentia fraco. Fiz isso pois não vi nenhum grupo ou loja nas imediações e fiquei com muita pena. Fazer isso adianta alguma coisa? Ajuda?
  14. Primeiramente bom dia e muita paz a todos ! Pintou uma dúvida sobre como energizar os chakras de forma efetiva e correta, já li alguns artigos e ouvi alguns áudios exercícios no youtube, mas recentemente vi sobre ficar com a pernas cruzadas sentado, e emitir alguns mantras com posições diferentes das mãos respectivas a cada chakra principal, gostaria de saber se vocês acham efetivo, se vocês utilizam esta forma de meditação ( com a posição das mãos diferentes de pernas cruzadas ). E gostaria de pedir indicações sobre como iniciar, pois estou começando os estudos agora, e para começar a exercitar a projeção( já aconteceu uma vez involutariamente), preciso alinhas minhas energias. Outra coisa que gostaria de saber é como energizar o ambiente, pois tenho sentido minha casa com uma energia pesada, queria uma ajuda de como posso exteriorizar essa energia interna, como posso fazer esse ambiente ficar mais leve. Obrigado desde já! Segue o link sobre as posições de mãos de qual falei : https://www.eclecticenergies.com/portugues/chakras/abrir
  15. Olá, recentemente defini como objetivo aprender o máximo possível na teoria e prática, do livro Energy Work do Robert Bruce, e para isso defini que só posso avançar depois de conseguir na prática o dado exercício, então acontece que não sai das primeiras páginas, naturalmente, estou na parte de imagem corporal ou mental. Ele diz que todos nós temos um mapa mental na mente sobre o corpo físico, algum tipo de imaginação da mente(imaginação visual) do corpo físico. E daí ele parte falando que tomar consciência dela é um passo muito importante para o estudo de energias, consequentemente ele pede para começar olhando para frente(sem luz incidindo diretamente na pálpebra) com olhos fechados e levantar o braço direito e ficar girando o pulso ao mesmo tempo que abrindo e fechado a mão, de acordo com ele isso é para sentir ou perceber a mão usando a consciência corporal, a mão usando essa imagem mental do corpo. Bom eu estagnei nessa parte, estou fazendo isso várias vezes desde ontem, coisa de ficar a cada uma vez feita esperar 10 minutos para fazer novo e eu sinceramente não sei o que é para perceber, acho que isso que está me bloqueando(não sei vai que não é isso), mas pode ser a falta de tempo, talvez sejam necessários semanas ou meses para acessar essa imagem mental do corpo, e conseguir realizar este exercício, bom, peço a opinião/instrução de vocês. Deixarei aqui o link do livro cujo peguei do Sandro daqui do forum que traduziu a primeira parte: https://drive.google.com/file/d/0ByXGi2vq5-wsdWJJaHNjQXVxMTA/view?usp=sharing Deixarei aqui a parte do livro responsável por este ensinamento: "O fenômeno da “imagem corporal” é algo que tenho explorado desde 2008. Meu ponto forte é a minha capacidade de observação imparcial. Agindo assim, eu descobri muitas coisas ao longo dos anos que foram negligenciados por outros, coisas que são importantes para o trabalho espiritual, incluindo o sistema de trabalho energético maravilhoso que este livro apresenta. A imagem corporal é imagem visual da mente/imaginação sobre o corpo físico, o mapa mental que a mente tem do corpo. Qualquer pessoa pode ver esta imagem usando sua mente, mas ninguém parece ter notado isso antes. Essa imagem corporal se solidifica e se torna mais forte e mais clara quando o trabalho energético ensinado aqui é feito de forma regular. Para ver a sua imagem corporal, sente-se e relaxe num ambiente com luz suave e indireta, e feche os olhos. Certifique-se de nenhuma fonte de luz direta atinja suas pálpebras. Quando sentir que está pronto, com os olhos fechados e olhando em frente, levante o braço direito para o lado. Abra bem os dedos e gire o pulso. Abra e feche a mão algumas vezes enquanto faz isso. Perceba onde sua mão está usando a sua consciência corporal. Preste atenção a esta área, ao espaço onde você sente que está sua mão. À medida que você move sua mão, você vai notar que pode ver algo se movendo lá, com sua “visão mental”. Não importa se você mover seus olhos em direção a sua mão, mas é mais fácil se você olhar diretamente para frente. A posição da sua mão para o lado do corpo não irá causar qualquer movimento de sombra que possa afetar os olhos, como aconteceria se você movesse as mãos a frente do seu rosto" Ali onde ele fala que "qualquer pessoa pode ver esta imagem usando sua mente" bom eu devo salientar que possuo Aphantasia, incapacidade de visualizar imagens, será que isso pode me afetar neste exercício? Obrigado!
  16. Olá, pessoal! Segue o relato da minha primeira viagem do ano o/ Relato 2018 - 001 14/02/2018 Despertei numa espécie de universidade/hospital, andando pelos corredores, guiado por mentores invisíveis a mim. Era um lugar bem cuidado, limpo, apesar da aparente idade das instalações. Percebia-se o ambiente envelhecido, porém nada faltava (para o atendimento e estudo), e a boa intenção de todos lá dentro criava um clima confortável, me sentia em casa. Sai para rua, ouvindo os guias, e cheguei a uma estrada de barro. Haviam várias casas, uma ao lado da outra, todas com objetivo de tratar da saúde das pessoas. Havia um local de aconselhamento, onde ouvi pessoas lamentando perda de dinheiro, de bens, outros reclamavam o distanciamento dos entes queridos, e ouvindo pacientemente as reclamações estavam senhores e senhoras, com vestes simples. Um senhor vestia uma calça jeans, com cinto e uma camisa listrada. Uma senhora usava um vestido florido. Fiquei pensando com ar de riso: "cadê aquelas roupas brilhantes, brancas e compridas?" Continuei observando o lugar e vi uma casa que atendia pacientes com câncer, outra que tratava de dependência química, e então tive uma visão de cima (acho que passaram pra mim) e vi que todas aquelas casas, e o hospital de onde sai, faziam parte de um complexo, como um bairro inteiro dedicado a saúde em geral. Os mentores me disseram que aquela era uma unidade fundada para receber recém desencarnados, que permaneciam presos as necessidades terrenas. Em geral, eram boas pessoas, com um bom desenvolvimento moral, mas ignorantes da realidade espiritual. Segui andando até uma casa cor-de-rosa que recebia pessoas com câncer. Parei na porta admirado com a decoração. O mentor (agora via a imagem de um jovem adolescente na minha cabeça) me esclareceu que essa era a ala que tratava apenas de mulheres. Disse para eu entrar e prestar auxílio. Nesse momento a lucidez balançou um pouco porque fiquei meio nervoso, sem saber como agir. Senti a mão amiga no meu ombro, restaurando a lucidez perdida. Ele reforçou: "Vamos, vou estar junto. O tratamento aqui é diferente do que imagina, queremos apenas restabelecer o equilíbrio mental das pessoas. Você só precisa dar atenção e conversar, tentando levantar o astral." Uma pessoa se aproximou do portão e parece ter visto minha companhia, abriu-o com um sorriso e esperou eu entrar, sem nada dizer. Sentei de frente a uma senhora que aparentava 75-80 anos, muito simpática. Me apresentei e ela percebeu que eu estava em desdobramento. Quando se deu conta disso, passou a perguntar por seus filhos e netos. Disse que não os conhecia, mas traria informações numa outra oportunidade. Ela se conformou e passou a contar sobre eles. Falou bastante, outras moças chegaram para ouvir as histórias. Interessante é que quanto mais conversavamos, mais crescia em mim uma empatia por ela e pelas pessoas que mencionava, sentia conhecer a todos! O bate-papo seguiu animado, a senhora tinha um baita senso de humor, tanto que acabei voltando pro corpo, acordado por minha própria risada.
  17. Como que funciona a canalização de energia?
  18. tenho uma duvida sobre o método de obtenção de energias no plano astral fora o vampirismo, quais são outros métodos de obter energia sem precisar vampirizar alguém no plano astral? o que acontece com o espirito/desencarnado se ele abster-se dessa energia?
  19. Na noite de ontem para hoje, eu estava fazendo a técnica completa 3, e durante o início em que se mexem as energias através da pulsação, senti uma pressão sobre o meu peito logo após fazer a pulsação no peito, mas era como se fosse uma energia boa, como se alguém estivesse pressionando para baixo, eu fiquei em um estado alegre e senti a respiração melhorar, porém logo em seguida não conseguia respirar bem pois pensava que se eu voltasse a respirar fundo novamente eu iria parar de sentir aquilo. Continuei a técnica mesmo tendo perdido a concentração, porém tenho lembranças de uma saída inconsciente após dormir normalmente. (Engraçado que ontem eu tinha pensado no quanto eu tinha "evoluído" no sentido de manter a respiração e consequentemente o batimento cardíaco melhor, muito diferente deste relato: http://www.viagemastral.com/forum/index.php?/topic/18812-suor/ ) Será que aquilo era algo bom ou ruim?
  20. Olá a todos, sou Deep Cósmos.. novo aqui no fórum Então, de uns tempos para cá sempre estou tentando manter uma energia positiva, fazendo ev todas as noites, a noite me sinto muito bem em relação as energias... Mas o problema esta quando acordo, me sinto muito pesado e com energias muito pesadas, tento me equilibrar energeticamente antes de ir para o trabalho mas é difícil (trabalho numa panificadora), venho tentando equilibrar o dia todo, mas fico com essas energias desde quando acordo (6:40) até umas 11:00, a partir dai já consigo equilibrar bem e manter um padrão bom... gostaria de saber o que pode ser isso? faz uns 4 dias que já esta acontecendo direto, pode ser obsessão? desde já agradeço
  21. Uma consciência pode plasmar um objeto, como uma faca, por exemplo, e depois fazer mal com aquilo para uma pessoa encarnada? Eu já vi casos de consciências que manipularam energias para fazerem mal a outras (encarnadas e desencarnadas). Como isso funciona?
  22. afinal, elas precisam ter sido criadas para existirem
  23. Olá galerinha, É difícil emanar uma vibração quando o sujeito estiver rezando para Deus , se ele(a) praticou uma masturbação antes das 24hrs ? Ou seja, Deus vai se conectar contigo , mesmo se você tiver se masturbado ? porém, sua reza ( ou súplica) carrega um tom sério de querer se conectar com deus. Aceito comentários inteligentes.
  24. existe alguma forma de fazer os chakras pegarem mais energia? tipo fazer com que eles absorvam mais energia ?
  25. Hoje após o horário do almoço resolvi ir até minha cama e deitar um pouco pra relaxar,e resolvi fazer um teste de locação energética.pois bem,me deitei confortavelmente e fechei os olhos,fiz algumas respirações profundas e comecei...mentalizei eu mesmo na frente da cama em pé com todos os 7 principais pontos de chakras girando,e comecei a faze-los puxar o meu corpo astral para fora,como se fosse um ventilador girando,porém ao invés de de jogar para frente fazia o contrario.Senti uma forte vibração,e lá estava eu de pé em corpo astral,fiquei animado mas resolvi voltar para o corpo e tentar outro tipo de exercício mas com a mesma teoria do ventilador. Deitado e com os olhos fechados mentalizei em minha testa uma especie de mini ventilador,comecei a mentalizar energias brancas adentrando pelas janelas e portas da casa e vindo para a minha testa...pra quê? meu corpo começou a pular deitado,minha retina se deslocava rapidamente e sentia uma forte pulsão na frontal,depois de uns 3 minutos assim resolvi parar. Me senti bem avivado,sentia ainda aquela corrente de energia passando pelos meus chakras,depois fiz mais umas experiencias envolvendo água e o ar,mas depois relato aqui. (OBS: quando recebia aquela descarga de energia,ela havia de sair por algum lugar né? oque teve de arrotos e gases durante a experiencia,o sherek ficaria no chão (risos) ) Abraço amigos,muita luz.