• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Search the Community

Showing results for tags 'obsessão'.



More search options

  • Search By Tags

    Type tags separated by commas.
  • Search By Author

Content Type


Forums

  • Apresentação
    • Apresentação
    • Regras do Fórum
  • Viagem Astral
    • Dúvidas sobre projeção astral
    • Dúvidas sobre informações gerais
    • Relatos Astrais
    • Chat Viagem Astral
    • Encontro Astral quinzenal dos Projetores.
    • Grupo de Estudos
    • Materiais Educativos do Saulo (em construção)
    • Materiais educativos de outros pesquisadores
    • Mensagens
  • Espiritualidade
    • Desabafos
    • Bom Humor Espiritualista
    • Espiritualismo geral
    • Vibrações e/ou Mentalizações
    • Vídeos / Dicas de Filmes / Áudios
    • Dicas de Livros
    • Bem Estar
  • Dúvidas sobre o GVA(fórum)
    • Dúvidas e Sugestões

Find results in...

Find results that contain...


Date Created

  • Start

    End


Last Updated

  • Start

    End


Filter by number of...

Joined

  • Start

    End


Group


Found 10 results

  1. Olá, amigos! Ontem fui convidado por um dos diretores da casa espírita que frequento a participar das chamadas reuniões de desobsessão. Disse ele que antes devo passar pelo menos 6 meses num grupo de tratamento a distância, como espécie de treinamento. Então gostaria de abrir esse tópico para abordarmos o tema, trazer conteúdo e indicações de livros, discutir experiências, etc. Alguém aqui já participou de grupos assim? Se sim, como acontece? O que é preciso para saber lidar com a situação de um assédio intenso?
  2. Antes de dormir, durante minha tarefa assistencial diária (exteriorização de energia), trabalhei por intuição, com os mentores, o meu chakra esplênico - o que julgo ser uma preparação para a projeção em horário incomum (para mim, 23-00hrs). Parte 1- Assistência Saí do corpo sem lucidez, achei que tinha levantado mesmo. Fui até a rua e vi minha mãe com as visitas que estavam de fato aqui em casa exatamente onde eles estavam no físico. Havia porém uma consciência a mais e ele veio me seguindo (só sentia a presença, não via com clareza). Eu voltei pro quarto, deitei e fingi que estava dormindo porque não queria interagir. Deitei de lado exatamente como estava meu corpo físico. A consciência entrou no quarto e começou a me balançar para me acordar. A sensação foi 100% igual se fosse real. MUITO REAL. Eu estava com MUITO sono por estar deitada em cima do corpo físico e não queria atender ele, mas ele insistiu como se precisasse urgente de ajuda. meio abobada do sono me virei e coloquei a mão no braço dele, senti que o corpo dele estava totalmente deformado, como se fosse um monte de gordura fora do lugar, uns 150 quilos a mais meio derretendo pra todos os lados. Mesmo sem estar muito lúcida comecei a exteriorizar energia. O corpo dele foi tomando a forma de um homem saudável com musculatura definina. Forcei pra jogar toda a energia que eu podia. Lembro que ele falou em uma língua estranha, parecia uns grunidos quase alienígenas. Nenhuma palavra que desse para entender. Respondi que ia ficar tudo bem e delhe energia. Parte 2- Conversa com obsessor: Após a assistência ele sumiu e apareceu um homem sentado nos pés da minha cama (festa no meu quarto). O homem começou a me contar como havia acompanhado aquele ser anterior por muitos anos, e que ele tinha cometido um estupro "bem do jeito que queria a muito tempo", e que agora estava foragido quase morrendo. No início da conversa o "acompanhante" se sentiu encomodado e perguntou se havia mais alguém ali (mentores) no que eu respondi que não sabia (não estava vendo mais ninguém), ele então trocou de lugar na cama e veio pro meu lado. Estava orgulhoso por ter conseguido influenciar o outro a ter finalmente dado ouvido aos seus desejos sombrios e contava como se se gabasse da façanha. Quando a conversa começou a ficar muito longa os mentores cortaram o papo e ficou tudo escuro, no que eu tive um tempo pra rememorar toda a experiência e só então voltei pro corpo muito leve, me sentindo muito bem. Anotei tudo, havia se passado uma hora desde que deitara para dormir. Minhas impressões: Fui preparada antes de dormir para a assistência e em nenhum momento estava sozinha. Foi permitido aqueles espiritos no meu quarto, um para ajuda e o outro para aprendizado. Os dois devem ter sido devidamente encaminhados após o processo. O resto da noite foi normal, não tentei sair de novo. Aparentemente o estuprador era uma pessoa comum que cedeu aos seus desejos alimentados pelo obsessor por muitos anos, e a fulga e a culpa podem ter até matado ele, deixando o corpo astral naquele estado. Foi a primeira vez que a pessoa necessitada veio me pedir ajuda diretamente. Sim foi um ato abominável, mas eu não julgo ninguém, sabe-se la o que fiz em outras vidas. Aqui me despeço, vejo vocês no Astral!
  3. Boa noite. Estava sumido do fórum e decide voltar hoje prezados pra mais uma vez tentar achar uma solução com ajudas de todos vocês. rs Galera vou resumir tudo que passei e to passando no momento . Comecei a praticar as viagens astrais a mais ou menos uns 2 anos . No inicio estava muito empolgado. fiz varias viagens , ativeis os chacras , aprimorei as tecnicas de saidas minhas. Consegui chegar a ter controle de sair nos dias que queria e tava feliz. O problema que estou tendo é que desses dois anos e até hoje estou sendo perturbado por espíritos durante o sono, eles conseguem me induzir a catalpesia projetiva todas as noites, perdi as forças de praticar a viagem astral, não consigo mais fazer nada, ja tentei de tudo, tudo mesmo.. pra falar verdade eu ja tinha desistido desde 1 ano atrás. Volto meia vejo os relatos e as experiencias astrais e me da vontade de voltar e começar fazer trabalhos espirituais que nem o saulo , wagner, moises etc... mais praticamente não tenho chance nenhuma de desfrutar das projeções pq a pertubação e continua, eu tambem parei de trabalhar os chacras pq quanto mais ativos eles ficam mais chances tenho de ter as catalepsias e consequentemente os ataques decorridos. Volto e meia quero voltar , mais so de lembrar que se eu começar mexer as energias vou fica mais sensivel ainda durante o sono e mais desdobramentos vou ter eu ja perco as forças... todas as noites tenho pelo menos 1 desdobramento, ja cheguei a ter ate 4 á 5 paralisia causadas por influencias desses espíritos, não sem o que fazer. Ja chegou a ponto de afetar meu dia a dia, ha dias que não consigo cumprir com meu horários de trabalho devido a falta de descanso durante a noite. Existe solução ? Preciso desabafar, serio mesmo, estou em um buraco....
  4. Olá pessoal, Há cerca de 6 meses estava ficando cético em relação aos assuntos espirituais, embora já pesquisasse sobre o tema tem alguns anos. Acabei então testando algo "físico", e acabei utilizando um tabuleiro Ouija. Acontece que o copo realmente se mexeu. Desde então vem ocorrendo manifestações de efeito físico na casa, tais como vozes, gavetas que abrem e batem sozinhas, todos na casa tem tido pesadelos, uma espuma branca que se materializa no ar e logo desaparece, quando estou conseguindo dormir sinto algum membro do meu corpo ser puxado bruscamente, etc. Ja fui em centro espírita, coloquei sal grosso na casa, usei incensos, apliquei Reiki no ambiente, e nada resolve. O quê seria bom que fosse feito para que essas perturbações espirituais parem? Estou me cansando já, pois acontecem todas as noites. E parece que me perseguem, pois já passei noites em outros lugares e as mesmas coisas ocorrem, geralmente quando estou indo dormir.
  5. Eu acho que tenho um namorado astral. Muitos dos meus relacionamentos terminaram de forma brusca e dolorida como parceiros mudando a cabeça de repente e "amor" virando raiva. Há um tempo venho buscando autoconhecimento, estudando, meditando e também procurando auxílio de terceiros. Acredito que hoje sou a melhor versão de mim mas também nunca fui alguém tão descartável assim rsrs No entanto em duas saídas no astral eu vi uma pessoa comigo, um homem que parecia ter uns 40 anos e sempre com semblante simpático (mas nunca conversamos). Ontem eu tive um sonho lúcido com ele e era como a gente fosse um casal mas as vezes ele ficava triste comigo e eu gostava e ao mesmo tempo tinha medo dele. Um amigo que é medium um dia me disse aleatoriamente quando estava em transe que meu grande amor estava do meu lado. Esse seria um processo de obsessão? Eu penso que sim e gostaria de saber qual a melhor maneira de quebrar esses laços? Pois quero ter uma vida afetiva e estou cada vez mais travada para me relacionar com alguém depois de tantos tombos. Em um FAQ do Saulo ele relata que sua esposa passou por essa situação. Também li um texto de um escritor que acabou se suicidando por conta de um relacionamento astral (alguém postou ele aqui).
  6. Pessoas, eu tenho viagem astral inconsciente constantemente e vai ficando mais comum com o tempo. O grande porém é quando minha vibração não está boa, se eu estiver preocupada ou irritada com algo no meu dia, na viagem astral sou obssediada. Ontem foi um desses dias. O que eu faço para isso parar? Já estou fazendo radiestesia, uso uma estrela de davi no meu quarto e já fiz oração de 21 dias de São Miguel arcanjo.
  7. Olá a todos, sou Deep Cósmos.. novo aqui no fórum Então, de uns tempos para cá sempre estou tentando manter uma energia positiva, fazendo ev todas as noites, a noite me sinto muito bem em relação as energias... Mas o problema esta quando acordo, me sinto muito pesado e com energias muito pesadas, tento me equilibrar energeticamente antes de ir para o trabalho mas é difícil (trabalho numa panificadora), venho tentando equilibrar o dia todo, mas fico com essas energias desde quando acordo (6:40) até umas 11:00, a partir dai já consigo equilibrar bem e manter um padrão bom... gostaria de saber o que pode ser isso? faz uns 4 dias que já esta acontecendo direto, pode ser obsessão? desde já agradeço
  8. É possível que seres de baixa frequencia se aproveitem da internet para se alimentar das energias das pessoas? E, por exemplo, isso deixaria inviável fazer um atendimento espiritual virtual devido a vulnerabilidade energética do atendido? Tanta coisa que a juventude de hoje faz de frente à tela que abrem as portas do seu ser convidando todos a entrar... Apenas pensamentos da manhã.
  9. Há poucos dias, na madrugada do dia 18/02/2016, tive uma projeção astral com uma técnica Indireta, a de imaginar uma energia translúcida a entrar no meu chacra frontal, entre as sobrancelhas. Uma técnica quase similar à recomendada pelo Sandro Fabres no seu ebook. Quando fiz isso em estado de hipnagogia, aumentou o ruído intracraniano e logo comecei a ver o plano astral. Levantei o tronco, observei as minhas mãos por 4 segundos e depois levantei-me da cama. Ao fazer isso, lembrei-me de voltar para trás e ver o meu corpo físico deitado e assim o fiz. Vi-me deitado, toquei-me no braço, no nariz e no cabelo. Foi a experiência mais extraordinária e impactante que tive em toda minha vida. Pois, a Auto-Bilocação Consciencial, experiência incrível recomendada pelo Saulo no curso de viagem astral. Depois disso, tentei sair do quarto e encontrei uma Consciência logo na porta, um jovem. Logo puxei conversa. Não sei mas, quero sempre saber tudo sobre quem encontro na minha casa e isso custa-me a projeção. Reparo que quando projeto-me, tenho tendência em perder-me em conversas com Consciências, acabo por não fazer o que eu tinha agendado para fazer quando projetado, e a experiência fica perdida. Tenho como primeiro objetivo sair de casa e andar pelas ruas mas perco-me em diálogos e nem saio de casa. Fi-lo muitas perguntas e ele disse-me na cara dura que queria prejudicar-me, porque no passado havia uma mulher entre nós. Ali logo percebi que talvez "ele" fosse uma Consciência feminina que eu tinha encontrado numa ocasião dentro de casa, e que pareceu-me ser muito ligada a mim no passado. Daquela vez, aquela Consciência feminina recriminou-me por no passado eu não a tratar como eu tratara com amor e carinho uma outra mulher. Além disso, senti energias similares nas duas Consciências. Desta vez, porventura ela plasmou uma aparência masculina. Ficámos parados a conversar e instantes depois, o corpo físico me puxou e logo acordei. Eis as questões: Como livrar-se de Consciências obsessoras? Sei que não se sentem bem perto de pessoas com boas vibrações. Mas se a ligação for forte? Como mentalizar tarefas de modo a não esquecer, e lembrar de fazer tudo quando estamos no astral? Cumprimentos a todos!
  10. Caso de obsessão acontecendo! lepacheco agosto 2015 Amigos, meu primeiro post no fórum novo, infelizmente não é para compartilhar algo bom... Minha prima está passando por uma fase difícil, pela primeira vez, tem 35 anos e sempre teve tudo que quiz, agora a empresa de seu pai que sempre a sustentou faliu, nesse momento de fragilidade e depressão ela se entregou e os espíritos inimigos tomaram conta, há 3 dias a depressão se transformou em possessão, ela diz que vai matar a mãe e o filho que ela tanto ama, diz que vai encontrar Jesus, age como criança, ontem quando chegava alguem perto ela ajoelhava e beijava os pes da pessoa, não fala coisa com coisa, está transformada, não há deixam sozinha um minuto, nem pra dormir com medo do que ela possa fazer, matar alguem ou se matar, chamaram um padre e quando ele a viu ficou assustado e disse que vai não pode atende-la sozinho, ome que o caso é critico, segunda feira apenas com sua equipe ele fará algo, e pediu à família que não reze na perto dela, pois oque for que estiver agindo por ela pode atacar a quem se atrever a rezar perto. Enfim, a família está tratando como loucura, mas eu seu que não é, sei que são espíritos zombeteiros fazendo zombaria se aproveitando do momento de depressão que ela está, eles não estão aguentando, mesmo sendo católicos estão aceitando até centro espírita para que a situação se resolva. Detalhe é que essa moça nunca viveu uma vida de vícios, teve sempre boa postura, boa esposa, boa filha e boa mãe. Enfim, todos estão sofrendo muito com isso. Eu com meu pouco entendimento tenho praticado com mais intensidade agora e quero ajudar nesse caso específico, de preferência em astral, já tenho enviado toda energia que posso à ela, inclusive me relataram melhora após a última prática que fiz de mentalização para ela. Me ajudem? Oque mais posso fazer? Vocês podem enviar energias à ela? O nome dela é Manuele. Agradeço intensamente qualquer intenção de ajuda. Abraço