• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Search the Community

Showing results for tags 'pouca experiência'.



More search options

  • Search By Tags

    Type tags separated by commas.
  • Search By Author

Content Type


Forums

  • Apresentação
    • Apresentação
    • Regras do Fórum
  • Viagem Astral
    • Dúvidas sobre projeção astral
    • Dúvidas sobre informações gerais
    • Relatos Astrais
    • Chat Viagem Astral
    • Encontro Astral quinzenal dos Projetores.
    • Grupo de Estudos
    • Materiais Educativos do Saulo (em construção)
    • Materiais educativos de outros pesquisadores
    • Mensagens
  • Espiritualidade
    • Desabafos
    • Bom Humor Espiritualista
    • Espiritualismo geral
    • Vibrações e/ou Mentalizações
    • Vídeos / Dicas de Filmes / Áudios
    • Dicas de Livros
    • Bem Estar
  • Dúvidas sobre o GVA(fórum)
    • Dúvidas e Sugestões

Find results in...

Find results that contain...


Date Created

  • Start

    End


Last Updated

  • Start

    End


Filter by number of...

Joined

  • Start

    End


Group


Found 1 result

  1. Boa Tarde! Meu nome é Maiza e eu sou de SC. Antes de qualquer coisa eu preciso dizer que eu ainda não consegui entender se o que acontece comigo são sonhos lúcidos ou projeções. Aliás, por mais que eu pesquise e me esforce, não consigo entender plenamente a diferença desses dois fenômenos a partir das minhas experiências, por isso, eu chamo e entendo o meu caso de forma ainda bem genérica: “experiências lúcidas durante o sono” hehehhe. Bom, eu comecei a ter experiências lúcidas enquanto dormia há aproximadamente 10 anos (hoje eu tenho 28 anos), ou antes, o fato é que no começo e até mesmo algumas vezes atualmente (que eu já sei +/- do que se trata) eu não identifico logo de cara se estou “sonhando esquisito” ou se estou acabando de acordar. Em que momento vocês identificam o que está acontecendo? Até porque as minhas experiências são bem raras - depois de 10 anos ainda consigo contar nos dedos das mãos todas as lembranças lúcidas - e rápidas, mas para mim muito marcantes. A maioria das vezes eu desperto na minha cama, com nada diferente no meu quarto, e simplesmente me levanto com a intenção de ir ao banheiro, beber água ou algo do tipo. Até que acontece algo estranho que me faz entender que aquilo não faz parte da “realidade” propriamente dita. Geralmente esse algo estranho me deixa com muito medo, apavorada mesmo, e acabo desejando muito acordar e acabar logo com aquilo – depois me arrependo por perder a oportunidade de curtir a experiência :/ Um dia hei de conseguir. Às vezes eu preciso de um esforço mental para acordar e outras vezes eu acordo naturalmente, pelo meu desespero mesmo. Vou relatar uma experiência e tentar explicar: certo dia eu despertei e vi minha mãe – claro que não era ela, mas como eu ia saber na hora – ajoelhada no meu quarto e chorando, na mesma hora eu me levantei, fui até ela toda preocupada para saber o que estava acontecendo, assim que eu cheguei perto ela começou a me ameaçar, foi nesse momento que eu entendi o que estava acontecendo, me desesperei e acordei (sem me esforçar pra acordar, simplesmente acordei e estava lá deitada bem tranquila na minha cama). Por mais que eu tentasse não dormir, por medo de acontecer novamente hehehe, acabei caindo no sono um tempo depois e eis que minha mãe entra no quarto, como a luminosidade do quarto me fazia acreditar que já era de manhã eu me levantei sem achar estranho a presença dela ali naquela hora e ainda falei assim: “tu não vai acreditar no sonho que tive contigo hoje! ”. Ela começa a gargalhar e mais uma vez eu tive certeza que era mais um desses meus sonhos esquisitos. Dessa vez eu deliberadamente procurei deitar na minha cama, por extinto mesmo, nem sei se isso faz sentido, mas é com a intenção de ficar próxima ao meu corpo e acordar mais rápido. Detalhe: eu nunca vejo meu corpo. Na terceira vez foi que eu realmente acordei, ufaaa. Alguém sabe se faz sentido essa história de se posicionar no local em que se encontra o corpo pra acordar mais rápido? Uma coisa que tem ajudado muito, que inclusive eu aprendi aqui no fórum, foi tentar fechar o olho, se conseguir é porque não se trata de nada que possa ser chamado de sonho, projeção ou experiência fora do corpo. Sempre quando aconteceu comigo foi de forma voluntária, até já tentei, uma única vez, fazer um exercício para provocar a experiência, mas não deu certo na hora. Sempre que acontece eu procuro desesperadamente acordar, por medo, eu sei que é bobagem, mas o fato é que eu tenho. Medo muito mais do desconhecido do que qualquer outra coisa. Vou continuar trabalhando pra perder esse medo bobo e aproveitar esse coisa bacana que é a lucidez enquanto o corpo dorme, esse post foi muito mais pra agradecer e me apresentar, vocês têm me ajudado muito. Obrigada!