• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Search the Community

Showing results for tags 'pranayama'.



More search options

  • Search By Tags

    Type tags separated by commas.
  • Search By Author

Content Type


Forums

  • Apresentação
    • Apresentação
    • Regras do Fórum
  • Viagem Astral
    • Dúvidas sobre projeção astral
    • Dúvidas sobre informações gerais
    • Relatos Astrais
    • Chat Viagem Astral
    • Encontro Astral quinzenal dos Projetores.
    • Grupo de Estudos
    • Materiais Educativos do Saulo (em construção)
    • Materiais educativos de outros pesquisadores
    • Mensagens
  • Espiritualidade
    • Desabafos
    • Bom Humor Espiritualista
    • Espiritualismo geral
    • Vibrações e/ou Mentalizações
    • Vídeos / Dicas de Filmes / Áudios
    • Dicas de Livros
    • Bem Estar
  • Dúvidas sobre o GVA(fórum)
    • Dúvidas e Sugestões

Find results in...

Find results that contain...


Date Created

  • Start

    End


Last Updated

  • Start

    End


Filter by number of...

Joined

  • Start

    End


Group


Found 1 result

  1. Atenção não estou incentivando o despertar da kundalini e nem nada relacionado simplesmente estou passando o conhecimento adiante: Swāmi Santaram Saraswatī Recentemente, um grande número de livros e revistas têm sido publicados a respeito de investigações sobre a realidade da kuṇḍalinī. Infelizmente, muito do que está sendo escrito mostra apenas um conhecimento muito infantil, preliminar e parcial do processo de despertar real. Em muitos textos, o prāṇotthana ou liberação da força prânica no corpo tem sido confundido com o despertar real da kuṇḍalinī. Prāṇotthana é o primeiro acontecimento na evolução individual e é esta liberação de energia que desencadeia o despertar real da kuṇḍalinī. Sem prāṇotthana a kuṇḍalinī não é despertada. Há duas maneiras pelas quais prāṇotthana pode ocorrer. A primeira é através da prática regular de āsana, prāṇāyāma, concentração e técnicas de meditação. Através destas práticas, o prāṇa é gradualmente liberado no organismo, iniciando o processo preliminar de purificação dos órgãos, glândulas, sistema nervoso, cérebro e nāḍīs. A purificação completa só vem com o despertar da kuṇḍalinī em sua subida para o cérebro. A segunda maneira em que prāṇotthana ocorre é por śaktipāta, o despertar da energia efetuado por um guru. O śaktipāta não desperta diretamente a kuṇḍalinī, só libera o prāṇa do discípulo. No entanto, é este prāṇa em movimento que desperta a kuṇḍalinī. O tempo que leva para isso ocorrer depende das impurezas físicas e mentais do discípulo, bem como sobre a sua atitude para com o guru que lhe conferiu o śaktipāta e para este novo processo de trabalho em si. Se o prāṇotthana ocorre por esforços individuais «tapaḥ» ou pela ativação do próprio prāṇa por um guru, o fato é que este não é o despertar da kuṇḍalinī como muitas pessoas estão dizendo. A confusão surgiu porque, talvez, o processo e efeito que o prāṇotthana tem sobre o corpo e a mente do indivíduo é um pouco semelhante ao início do despertar da kuṇḍalinī. Alguns livros afirmam que essa energia – a kuṇḍalinī – despertou e subiu ao cérebro, imediatamente ou após algumas tentativas, em muitos indivíduos. No entanto, essas pessoas continuam com suas vidas normais, além de uma melhora na saúde e clareza mental. Isso mostra que não era a kuṇḍalinī que subiu ao cérebro, mas a força prânica ou prāṇotthana. Esta força segue os mesmos caminhos como o faz a kuṇḍalinī. Ela inicia-se no mūlādhāra e sobe pela coluna, purificando os cakras parcialmente, mas não completamente, até que atinja o cérebro. Esta força prânica, portanto, torna mais fácil o processo de purificação pela kuṇḍalinī, que acontecerá em um momento posterior. Na medida em que a força prânica os purifica, cria movimentos automáticos no corpo, āsanas espontâneos, prāṇāyāmas, visões de luzes etc., uma vez que encontra bloqueios psicológicos e fisiológicos. Uma vez que o prāṇotthana cessou seu trabalho inicial de purificação, o sistema normalmente se estabiliza por um tempo antes de começar o trabalho real com a kuṇḍalinī. Depois de um tempo a kuṇḍalinī desperta. Com o despertar da kuṇḍalinī, os movimentos espontâneos, mudrās, bandhas, prāṇāyāmas, geração de uma grande quantidade de calor, as visões psíquicas etc. começam a ocorrer. Mas estes são de natureza mais intensa e mais profunda do que aqueles causados pelo prāṇotthana. É agora que a meditação espontânea ocorre e não antes. É agora que a purificação verdadeira ocorre e o estado de consciência do indivíduo muda radicalmente. Um estado superior de consciência amanhece automaticamente no indivíduo e seu comportamento, as relações com o seu ambiente, a compreensão das coisas etc. muda completamente. Ele definitivamente parece ser uma personalidade diferente. Poderosas mudanças ocorrem em todos os campos de sua fisiologia e psicologia. Automaticamente, o homem começa a se tornar mais sutil e espiritual ou, por outro lado, começa a se comportar como um neurótico. Se ele ainda tem muitos bloqueios – não ter se purificado pela prática de āsanas, prāṇāyāmas, mudrās, bandhas, concentração, karma-yoga etc. – o despertar pode causar insanidade temporária. Tais pessoas podem passar algum tempo no manicômio. Esses casos extremos ocorrem quando os indivíduos inexperientes tentam despertar a kuṇḍalinī através de métodos não científicos, sem qualquer preparação. No entanto, quando devidamente iniciado e guiado por um guru experiente, o despertar da kuṇḍalinī é um renascimento espiritual para o aspirante. No entanto, tudo não termina aqui. Despertar a kuṇḍalinī em si não é uma coisa difícil, o que é importante é a ascensão da energia através da passagem suṣumṇā e isso não é fácil, realmente não é. O despertar pode ser efetuado por qualquer guru ou por seus próprios esforços no Yoga. Mas o que há de errado então? A subida através da suṣumṇā está entupida com saṃskāras e impurezas físicas e psíquicas. Estes bloqueios são os obstáculos que a própria kuṇḍalinī terá de transpassar e queimar. Este processo irá afetar o aspirante de muitas maneiras, causando grande transformação física, visões psíquicas, experiências, doenças estranhas, inconsciência etc., tudo isso dependendo das impurezas que ele tem sobre os diferentes níveis de seu ser. Mas estas são apenas coisas transitórias, que vão embora da maneira que vieram, deixando uma consciência purificada. Verdadeiramente, esta é a energia da evolução, sem a qual o homem vai permanecer ordinário, com suas faculdades latentes e adormecidas permanentemente. Uma vez que você colocar o pé nesse caminho, nunca mais vai querer voltar. Tradução livre de Fernando Liguori. http://drashtayoga.blogspot.com.br/2014/05/pranotthana-ou-kundalini.html