• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
Sign in to follow this  
o_foda

Magia

Recommended Posts

Alguém sabe responder:

O que é magia?

Como praticar?

O que se pode fazer com ela?

Limites da magia?

Benefícios?

Recomendo a leitura do excelente Livro:

Dogma e Ritual de Alta Magia de Eliphas Lévi

;)

Share this post


Link to post
Share on other sites

O que é magia?

R: A magia é a ciência tradicional dos segredos da natureza, que nos vem dos magos.

Como praticar?

R: Eu recomendo os livro, Magia Pratica - O caminho do adepto - Franz Bardon, Dogma e Ritual da Alta Magia - Eliphas Levi, O Poder Da Magia - Israel Regardie. Todos esses livros tem para baixa em pdf.

O que se pode fazer com ela?

R: Você pode tanto curar (magia branca), quanto atrapalhar a vida de alguem (magia negra), mas você tem que saber que, tudo que vai volta.

Limites da magia?

R: As operações da magia não são isentas de perigo. Podem levar à loucura ... Podem excitar o sistema nervoso e produzir terríveis e incuráveis doenças. ... Nada é mais perigoso do que fazer da magia um passatempo, como certas pessoas que fazem dela as diversões das suas tardes (trecho extraido do livro Dogma e Ritual da Alta Magia).A magia não é brincadeira, use-a sempre para o bem não para o mal.

Benefícios?

R: Se você sempre usar ela para o bem, os benefecicios serão muito grande.

Existe muitos sistemas magicos Alquimia, Cabala, Thelema, Teosofia, Wicca, Rosa-cruz, Hermetismo, entre outros.

Para adquirir o poder mágico são necessárias duas coisas: desembaraçar a vontade de toda servidão e exercê-la [submetê-la, à VONTADE] à dominação. ... Querer bem, querer por longo tempo e querer sempre, tal é o SEGREDO DA FORÇA.

Aquele que se entrega às obras da ciência deve fazer, cada dia, um exercício moderado, abster-se das vigílias muito prolongadas e seguir um regime são e regular. Deve evitar as emanações cadavéricas, a aproximação de águas apodrecidas, os alimentos indigestos e impuros. Deve, principalmente, distrair-se todos os dias das preocupações mágicas por trabalhos quer de arte, de indústria ou ofício. O meio de ver bem é não olhar sempre, e aquele que passasse a vida visando sempre um mesmo fim, acabaria por nunca atingi-lo (trecho extraido do livro Dogma e Ritual da Alta Magia).

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não acredite em nada abaixo. Pesquise por si só.

1 - "Magia" é a manifestação da natureza, quando compreendida.

A "ciência" de hoje é a "magia" do passado.

2 - Quando visado ao bem a "magi"a pode ser utilizado através de uma passe magnético, por exemplo, visando estabelecer um equilíbrio energético e fisiológico a quem se submete.

3 - Tanto o bem como o mal.

4 - A "magia" jamais interfere no livre arbítrio, em questão de sintonia. Seria impossível uma transmissão energética negativa a quem não se sintoniza nessa faixa.

5 - Quando usado para o bem traz a satisfação de ser útil, através de sua manipulação. Quando usado para o mal só acarreta problemas a quem pratica e a quem se serviu como alvo(não é sempre que o alvo é prejudicado diretamente).

Obs: Além de Eliphas Levi, como o companheiro acima citou, recomendo que leia Robson Pinheiro, Ramatis("Magia de Redenção"), W. W. da Matta e Silva, etc.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Alguém já praticou magia?

Acabei de ler uns trechos da obra Dogma e Ritual da Alta Magia. Na parte de ritual, tem umas receitas mágicas com palavras estranhas para pronunciar a fim de adquirir certos poderes...

Alguém aí já passou por isso?

Share this post


Link to post
Share on other sites
Alguém já praticou magia?

Acabei de ler uns trechos da obra Dogma e Ritual da Alta Magia. Na parte de ritual, tem umas receitas mágicas com palavras estranhas para pronunciar a fim de adquirir certos poderes...

Alguém aí já passou por isso?

Alguém já praticou magia?

R: A Viagem Astral pode ser considerada uma pratica magica.

"Acabei de ler uns trechos da obra Dogma e Ritual da Alta Magia. Na parte de ritual, tem umas receitas mágicas com palavras estranhas para pronunciar a fim de adquirir certos poderes..."

R: Essas palavras estranhas na verdade são palavras em latim, que funcionam como mantras.

"Alguém aí já passou por isso?"

R: Com palavras em latim não, mas eu trabalho com mantras hindus e tibetanos, e da certo sim.

Share this post


Link to post
Share on other sites
"Alguém aí já passou por isso?"

R: Com palavras em latim não, mas eu trabalho com mantras hindus e tibetanos, e da certo sim.

Eu fiquei curioso para saber o que é que dá certo?

Share this post


Link to post
Share on other sites

As referências de Magia que foram dadas apesar de muito ricas, são muito perigosas.

Um mantra é totalmente diferente de uma invocação/evocação em LATIM. HEBRAICO ou ARAMAICO. Lida com egrégoras antigas e forças ocultas.

Geralmente o que motiva uma pessoa a buscar a magia evocatória é o PODER, e esse é o maior perigo.

O ocultismo e a magia evocatória andam de mãos dadas com a superstição, e ela é a grande envenenadora de mentes desde a antiguidade. Cuidado, pois é um veneno sutil. No início empolga, da sensação de poder, depois mina isso tudo e tras a loucura, o medo e o desespero.

Sou ex-magista, na qual fiz invocações bem-sucedidas e fui assistido por outro magista durante pelo menos 8 anos e meu conselho é: SÓ ENTRE NESSA SE TIVER CONDIÇÕES DE SABER SEPARAR O JOIO DO TRIGO E DETECTAR O MENOR SINAL DE SUPERSTIÇÃO E LOUCURA.

Saiba que se quiser seguir esse caminho, sua vida pessoal vai por água abaixo. Acabou. Pode parecer radical, mas é assim que funciona.

Não é para qualquer um e não considero um caminho de muita luz, apesar de ser mais um possível caminho a ser trilhado para encontrar a Deus.

Agora se quiser brincar de ser Merlin ou Gandalf, pega um livrinho de simpatias na banca que é melhor e mais seguro.

Share this post


Link to post
Share on other sites
As referências de Magia que foram dadas apesar de muito ricas, são muito perigosas.

Um mantra é totalmente diferente de uma invocação/evocação em LATIM. HEBRAICO ou ARAMAICO. Lida com egrégoras antigas e forças ocultas.

Geralmente o que motiva uma pessoa a buscar a magia evocatória é o PODER, e esse é o maior perigo.

O ocultismo e a magia evocatória andam de mãos dadas com a superstição, e ela é a grande envenenadora de mentes desde a antiguidade. Cuidado, pois é um veneno sutil. No início empolga, da sensação de poder, depois mina isso tudo e tras a loucura, o medo e o desespero.

Sou ex-magista, na qual fiz invocações bem-sucedidas e fui assistido por outro magista durante pelo menos 8 anos e meu conselho é: SÓ ENTRE NESSA SE TIVER CONDIÇÕES DE SABER SEPARAR O JOIO DO TRIGO E DETECTAR O MENOR SINAL DE SUPERSTIÇÃO E LOUCURA.

Muito interessante isso, mas que tipo de poderes pode-se obter com as invocações/evocações ?

Como foram as invocações que vc fez? Que poderes usufruiu?

E porque leva à loucura e desespero?

Share this post


Link to post
Share on other sites
A última parte do post dele responde a tua pergunta.

Não é um dos melhores caminhos...

Não estou perguntando se é o melhor caminho...

Esses rituais parecem invocar forças além da compreensão. Estou realmente intrigado com esse assunto.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu também tenho uma dúvida quanto ao assunto:

Toda magia consiste na evocação/invocação de uma entidade?

Eu sempre tive um certo interesse por magia, mas pesquisando sobre wicca eu descobri que na wicca a magia consiste na evocação de dois "deuses" pagãos que de deuses não tem nada. Esse tipo de coisa não me agrada. E parece que na bruxaria tradicional não é muito diferente.

Também há uma tal de magia angelical, que consiste em evocar 72 anjos. Coincidentemente também há uma tal de magia goétia, que consiste em evocar 72 demônios. Tudo isso é muito paganizado, creio que os 72 anjos sejam os mesmos 72 demônios, com nomes alterados.

Enfim, esse é um assunto muito confuso.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Muito interessante isso, mas que tipo de poderes pode-se obter com as invocações/evocações ?

Como foram as invocações que vc fez? Que poderes usufruiu?

E porque leva à loucura e desespero?

Olha, "poderes" soa como algo fantasioso, mas o que se pode obter com a magia evocatória vai depender do quando você evoluiu dentro dos padrões.

Geralmente a Magia evocatória se baseia na invocação de seres evoluídos (Geralmente arquétipos divinos), ou evocação de seres na qual se quer obter domínio (Elementais, Demônios, Anjos e etc...).

O limite da possibilidade é, o quanto você é capaz de mandar alguém fazer por você por meios...digamos..."mágicos", o quanto a criatura é capaz de executar, e o quanto afeta no livre-arbítrio/carma de outras pessoas. Básicamente é isso.

Porque pode levar a loucura e ao desespero?

Imagina passar a ver demônios alegóricos em figuras simples como uma folha, uma abelha ou um escorpião, e passar a temer figuras infantis?

Imagina ter que eliminar/controlar extremamente a bebida, o sexo, a imaginação, controlar praticamente tudo o que sai de sua boca, ficar 100% atento 24 horas por dias a ataques demoníacos, controlar seus pensamentos, sendo proibida a visualização de certas imagens e o PENSAMENTO de certos nomes, principalmente em rituais?

TENTE bloquear um pensamento da sua cabeça ETERNAMENTE, coloque-o como proibido e fatal, ai você vai entender como se chega a loucura rapidinho, pois o sub-consciente não aceita ordens, somente sugestões. Proibições não fazem parte de seu universo.

É por ai...

Gangrelrj

pq a vida pessoal vai por agua abaixo???

mesmo eu seguindo o livro de Franz Bardon isso pode acontecer???

Se você está se baseando em apenas um livro, você está vendo um mísero fragmento de um só ponto de vista, o do Franz Bardon. Mas se você buscar outras referências, verá que a magia evocatória "exige" que o "Mago" leve uma vida longe das coisa levianas como jogar conversa fora, beber com amigos, sexo puramente carnal, impressionar e explorar a imaginação com fins levianos e etc, e ainda aconselha a ter somente amigos magistas.

Quantos Magistas você conhece? rsrsrs

Eu só conhecia 1...rsrsrsrs

É por ai também o caminho da loucura...

Toda magia consiste na evocação/invocação de uma entidade?

Eu sempre tive um certo interesse por magia, mas pesquisando sobre wicca eu descobri que na wicca a magia consiste na evocação de dois "deuses" pagãos que de deuses não tem nada. Esse tipo de coisa não me agrada. E parece que na bruxaria tradicional não é muito diferente.

Também há uma tal de magia angelical, que consiste em evocar 72 anjos. Coincidentemente também há uma tal de magia goétia, que consiste em evocar 72 demônios. Tudo isso é muito paganizado, creio que os 72 anjos sejam os mesmos 72 demônios, com nomes alterados.

Não, isso que estou descrevendo e desaconselhando é a magia evocatória. Magia em si, até a Projeção Astral pode ser considerada uma forma de "Magia".

É exatamente essa parte final do seu texto que é o grande veneno da magia evocatória. Os 72 Anjos não são os mesmos seres dos 72 Demônios, apesar de serem "contrapartes".

(Corrigindo do texto anterior: Onde coloquei tras, leia-se traz).

Share this post


Link to post
Share on other sites
Porque pode levar a loucura e ao desespero?

Imagina passar a ver demônios alegóricos em figuras simples como uma folha, uma abelha ou um escorpião, e passar a temer figuras infantis?

Imagina ter que eliminar/controlar extremamente a bebida, o sexo, a imaginação, controlar praticamente tudo o que sai de sua boca, ficar 100% atento 24 horas por dias a ataques demoníacos, controlar seus pensamentos, sendo proibida a visualização de certas imagens e o PENSAMENTO de certos nomes, principalmente em rituais?

TENTE bloquear um pensamento da sua cabeça ETERNAMENTE, coloque-o como proibido e fatal, ai você vai entender como se chega a loucura rapidinho, pois o sub-consciente não aceita ordens, somente sugestões. Proibições não fazem parte de seu universo.

Não entendi porque não se pode pensar em certas coisas ou porque ver demônios em figuras alegóricas infantis etc.

Essa loucura parece vir de causas apenas psicológicas, e não que algo sobrenatural ou mágico realmente faça o mágico ficar louco, parece ser apenas o próprio mágico que se oprime com essas regras, o que leva ao estresse e a tal loucura.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não entendi porque não se pode pensar em certas coisas ou porque ver demônios em figuras alegóricas infantis etc.

Essa loucura parece vir de causas apenas psicológicas, e não que algo sobrenatural ou mágico realmente faça o mágico ficar louco, parece ser apenas o próprio mágico que se oprime com essas regras, o que leva ao estresse e a tal loucura.

Mas em nenhum momento eu disse que os problemas são externos. Os problemas estão na doutrina em si, nas cobranças psicológicas e emocionais, na superstição e etc. Não neuroses do magista, mas está dentro da doutrina nas entrelinhas.

Porque não pensar em certas coisas? Vamos a exemplos?

Foram passados p/ mim 72 nomes demoníacos com suas respectivas "assinaturas" (Que são como...digamos...o DNA demoníaco?).

Só que tem um porém: Em uma evocação, na qual você lida com uma força exterior e "imaginária", e dentro de um círculo, seus pensamentos são como flechas. Praticamente, após tudo feito corretamente, um pensamento errado pode comprometer todo o processo, e um demônio pode destruir sua vida e a de seus familiares e entes queridos, segundo 99,9% das crenças.

Agora, imagina no meio de uma invocação de um elemental (Ser simples e relativamente inofensivo) você começar a pensar em nomes de demônios poderosíssimos e visualizar suas assinaturas? Não importa se é sem querer ou por querer...simplesmente está sendo evocado de tabela!

Esse é o porque de não poder pensar certas coisas, nem visualizar certas coisas...porque uma coisa é uma pessoa comum pensar e visualizar isso, outra é um magista iniciado, vinculado a uma egrégora antiquissima e com poder de evocação, visualizar e pensar.

Imagina então ver um filme de terror ou jogar um RPG, que hoje em dua são recheados de nomes demoníacos reais?

É assim qye funciona a "loucura", e não um ser externo que traz a loucura.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Não estou perguntando se é o melhor caminho...

Devidamente, não respondi se era o melhor ou o pior caminho, e muito menos lhe ofereci um melhor caminho ou um indicativo deste. Ademais, a minha resposta fora confirmada pelo próprio Gangriel, que indicou que há muitos pontos negativos na doutrina da magia.

Nossa hein Gangriel, de fato, fiquei impressionado. Aprendi muito com seus conceitos e aprendizados de magia. :D

Ao que me permite concluir, pelo que vi, parece ser uma coisa bem perigosa de lidar! ;)

Share this post


Link to post
Share on other sites

gostei das respostas!!!

vou ser um mago do bem!

Jamais encontrei outro livro tão profundo entre as centenas que já li, tão intenso e técnico, para me ensinar os meandros da Ciência Sagrada. Ele me faz lembrar uma velha mina de ouro, encravada no sopé de uma montanha. Ele é a porta de entrada, escorada por toras de sólida madeira, colocadas ali por Bardon.

http://www.franzbardon.com.br/home.htm

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá...

Nossa tem muita coisa sobre magia né...

Você perguntou quem já praticou né?

Olha eu já, com minha mãe e de depois em algumas ordens da qual não posso dar o nome... Mas amigo os limites são o da sua vontade, mas como eu li aqui tudo que vai volta, uma daz conseguencias é você ficar louco se não for forte o sufuciente porque no principio da magia você começa com a natureza e seus elementos (depois muda muita pouca coisa) o coeço é o mais dificil, por que você meche com os elementais ai você da fufu irmão, a maioria da ceitas que praticam magia começam com outras coisas mais facil, por exemplo motivicar energia, consentração, trasmição de pensamento e algumas coisinhas mais facil.

Mas onde eu começei, eu comecei mechendo com os elementais, eles são muito pesados e não tem senso de certo ou errado, se você o chama ele vem com toda a sua energia primitiva e se você não está preparado você fica louco não só fisicamente mas espiritualmente, ai você se fufu.

espero ter ajudado.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Olha eu já, com minha mãe e de depois em algumas ordens da qual não posso dar o nome... Mas amigo os limites são o da sua vontade, mas como eu li aqui tudo que vai volta, uma daz conseguencias é você ficar louco se não for forte o sufuciente porque no principio da magia você começa com a natureza e seus elementos (depois muda muita pouca coisa) o coeço é o mais dificil, por que você meche com os elementais ai você da fufu irmão, a maioria da ceitas que praticam magia começam com outras coisas mais facil, por exemplo motivicar energia, consentração, trasmição de pensamento e algumas coisinhas mais facil.

Mas onde eu começei, eu comecei mechendo com os elementais, eles são muito pesados e não tem senso de certo ou errado, se você o chama ele vem com toda a sua energia primitiva e se você não está preparado você fica louco não só fisicamente mas espiritualmente, ai você se fufu.

espero ter ajudado.

O que é exatamente um elemental?

Qual objetivo de chamar um elemental?

Pelo nome, eu deduzo que deva ser um "agente do elemento". A utilidade disso é, por exemplo, se eu quiser fazer ventar para mover a um catavento, posso fazer um desses carinhas ventar para mim? Ou nada a ver ?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sobre o que o Gangrelrj disse, eu acho que a consequência depende muito do que te motiva em buscar isso.

Se você busca a prática magística com objetivo de ter poder e influência sobre os outros, muito provavelmente, mesmo, você vai acabar se dando mal.

Mas se você buscar isso pra despertar a consciência, realizar a "Grande Obra", com certeza é um caminho benéfico, mas também não é isento de riscos.

Pense bem, porque o conhecimento e a prática que cair no seu colo tá de acordo com a sua sintonia.

E também concordo que não é um caminho para todos. A questão é que é preciso eliminar essa idéia de "melhor caminho", "sou melhor porque sou magista". Cada um tem um caminho ideal pra alcançar o seu objetivo espiritual. Se o seu objetivo é compatível com esse caminho, vá em frente com muita luz nas idéias, e como o Gangrelrj disse, eliminando as superstições, usando a razão também! E estudando a sério.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Sobre o que o Gangrelrj disse, eu acho que a consequência depende muito do que te motiva em buscar isso.

Se você busca a prática magística com objetivo de ter poder e influência sobre os outros, muito provavelmente, mesmo, você vai acabar se dando mal.

Mas se você buscar isso pra despertar a consciência, realizar a "Grande Obra", com certeza é um caminho benéfico, mas também não é isento de riscos.

Pense bem, porque o conhecimento e a prática que cair no seu colo tá de acordo com a sua sintonia.

E também concordo que não é um caminho para todos. A questão é que é preciso eliminar essa idéia de "melhor caminho", "sou melhor porque sou magista". Cada um tem um caminho ideal pra alcançar o seu objetivo espiritual. Se o seu objetivo é compatível com esse caminho, vá em frente com muita luz nas idéias, e como o Gangrelrj disse, eliminando as superstições, usando a razão também! E estudando a sério.

Sobre o que o Gangrelrj disse, eu acho que a consequência depende muito do que te motiva em buscar isso.

Se você busca a prática magística com objetivo de ter poder e influência sobre os outros, muito provavelmente, mesmo, você vai acabar se dando mal.

Mas se você buscar isso pra despertar a consciência, realizar a "Grande Obra", com certeza é um caminho benéfico, mas também não é isento de riscos.

Pense bem, porque o conhecimento e a prática que cair no seu colo tá de acordo com a sua sintonia.

E também concordo que não é um caminho para todos. A questão é que é preciso eliminar essa idéia de "melhor caminho", "sou melhor porque sou magista". Cada um tem um caminho ideal pra alcançar o seu objetivo espiritual. Se o seu objetivo é compatível com esse caminho, vá em frente com muita luz nas idéias, e como o Gangrelrj disse, eliminando as superstições, usando a razão também! E estudando a sério.

Queria saber a aplicação prática disso...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Sign in to follow this