• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
Sign in to follow this  
Mafarina

Pesoas queridas que já se foram

Recommended Posts

Olá. Será possível que pessoas queridas nos contactem através de sonhos sobre coisas que ainda não aconteceram, ou somos nós que os procuramos? Isso será mesmo um sonho?

Há uns anos atrás, sonhei que entrava no estúdio do meu marido de surpresa e lá estava a minha mãe. Ela estava de costas para mim e quando me viu parecia muito surpreendida e ela procurava esconder alguma coisa atrás das costas pois mantinha as mãos escondidas. eu queria ver o que era... e ela no ínio não queria e disse: isto vai te magoar e não mereces. Eu teimei e ela acabou por me estender um envelope grande, castanho um bocado já gasto e com o canto superior direito já rasgado. Tinha um remetente escrito mas tinha sido riscado. Ela pediu que eu não o abrisse dizendo outra vez que me ia magoar. Eu acordei bastante aflita, aliás meu marido é que me acordou porque eu chorava durante o sono.

O que é certo é que passados alguns meses descobri que meu marido tinha uma amante, que por acaso trabalhava com ele naquele estúdio (claro que na altura do sonho ele já andava com ela...), no meio de uma zanga entre eles ele pediu-lhe de volta umas cartas que lhe escrevera. Quando ela as entregou...eu estava lá e fui eu que as recebi, trazia-as dentro de um envelope grande, castanho identico ao do meu sonho e que minha mãe não queria que eu visse!

A situação foi de tal maneira estranha que meu marido olhou para o envelope e para mim e reconheceu-o de imediato ,pois eu tinha-lhe contado o meu sonho...Será desnecessário dizer que realmente me magoou imenso e abriu grandes feridas. Eu acabei por abri-lo...e foi um tormento!!!

Não creio que isto tivesse sido um sonho! Durante este processo muitas vezes "sonhei" com ela, nas alturas que eu estava mais em baixo, ela vinha e me contava coisas que eu só entendia mais tarde quando essas situações surgiam.

A primeira vez que tenho noção de um contacto com a minha mãe eu tinha nove anos, era noite, todos dormiam em casa e eu também quando acordei porque ouvi que ela me chamava noutro quarto. Levantei-me, mas recordo que não estava bem acordada nem a dormir... fui até esse quarto e continuava a ouvir chamar....eu conhecia bem a voz dela... quando cheguei lá então foi como se tivesse acordado, claro não havia nada...tudo estava escuro...então gritei com medo. Meu pai veio e minha madrasta (ele já casara de novo) claro nunca contei o motivo porque estava ali e eles diziam que eu era sonambula, que já me tinha levantado outras vezes e que falava muito de noite sozinha... será? ( foi a primeira vez...que me lembro... a morte da minha mãe deixou-me grandes marcas e recordo-a ainda hoje bem viva, bem cheia de energia...)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá companheira.

Acabei de ler seu relato.

é possível, sim, sua mãe quer apenas preparar seu espírito para aguentar um problema que ela sabe que é doloroso para vc.

Postei aqui um relato que acredito, possa ajudá-la à entender como as coisas continuam no astral. Se sua mãe sempre quis protegê-la, claro é o que todas as mães, em sã consciência, fazem, ela continua querendo fazer isso, mesmo do astral.

Ore muito por ela, para que ela se sinta mais tranquila, "converse com ela, nas orações", dizendo-lhe que vc cresceu(em maturidade), para ela ñ mais se preocupar tanto com vc.

Tb continue orando aos seus mentores para eles lhe fortalecerem.

Um gande abraço e

continue no caminho da luz

helena

responde ao post do dia 19-08

Enviar à: Ter Set 02, 2008 8:34 pm

De: Helena Vieira

Para: marcelo silva

Meu querido irmão Marcelo

Por estar muito atribulado naquele dia 19 de agosto(lembra-se?), ñ havia visto sua mensagem tão cheia de sgnificados.

Hj, verificando se eu havia respondido às mensagens a mim direcionadas, resolvi passar em revista, as outras mensagens postadas aqui. Qual ñ foi a minha surpresa em encontrar aqui sua grandiosa mensagem, ainda ñ lida por mim.

Algumas questões que vc coloca, faz-me lembrar de uma afirmação da minha mãe(em nosso primeiro encontro no astral) 4 meses, depois do desencarne. Ela havia feito a passagem(aos 46 anos), devido a um câncer e sofrera muito.

Como havíamos combinado que assim que ela se encontrasse em condições de receber minha "visita" ela pediria aos mentores a permissão para eu ir encontrá-la. quando lá cheguei, ela se encontrava em um local, parecido com um hospital, onde as pessoas todas vestidas de branco, iam e viam, (só os rostos é que ñ me foi possível ver). Quando indaguei a ela que local era aquele, ela me respondeu, que estava lá, desde que "acordara' do transe da passagem e que estava sendo tratada, pra retornar aos trabalhos espirituais, para dar continuidade ao trabalho que fazia na terra, ou seja, caridade, caridade, caridade. ela acrescentou que essa era a única saída para a evolução espiritual.(Em casa a minha mãe ,mantina reuniões kardecistas, todas às quartas-feiras, para o estudo dó evangelho de kardec e várias pessoas sempre a procuram no intuito de serem apoiados. Papai sempre dizia, que lá em casa parecia um albergue ou, um asilo, tal o número de pessoas que passavam por lá).

Conversamos um pouco, ocasião em que dei notícias dos "meninos" (seus filhos menores, de 12, 14 e 16 anos)que haviam ficado comigo).

Eu me despedi dela, porque estava na hora de acordar um dos meus irmãos, para a escola do SENAI (5:30) e que depois conversaríamos mais.

A sogra do meu irmão, desencarnou em dezembro último e a filha dela (todos muito católicos), disse na semana passada que "sonhou" com a mãe. Essa diz que estava bem, mas que havia muito trabalho para fazer e que seus "superiores" esperam que ela continuasse um trabalho similar ao que fazia na terra. Essa senhora também ajudava muitas pessoas na zona rural, onde morava. Até o padre local, estava sempre à enviar pessoas para que ela ajudasse, já que ela tinha uma numerosa familia, certamente alguns deles podiam ajudar...mais esse ou mais aquele.

Diante de tudo isso, meu caro irmão, ñ espere outra coisa, a ñ ser trabalho, trabalho; como já deve estar imaginando.

Um grande abraço e

que os mentores continuem abençoando vc e sua família

helena

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Sign in to follow this