Jump to content
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Saulo pode estar errado...


Recommended Posts

Ele não é o Moisés Esagui. O Moisés é um espiritualista aqui de São Paulo, criador do Centro de Estudos da Consciência, o CEC, faz um trabalho interessante, embora eu ache pouco acessível por ser muito caro. E eu também não me identifico muito com ele. Mas, enfim, parece fazer um trabalho sério.

E veja que ele diz "desse cara aqui" em seu post. Ou seja, não é ele.

Link to comment
Share on other sites

Meu Deus Daniel, juro que vi o "Moises" e pensei que você estava perguntando se ele era o antigo profeta, em tom de zombaria! :lol::lol::lol:

Trancar esse tópico? Nunca. Esse tópico é um manual de como não proceder, principalmente em se comparando com outros tópicos aqui, que tanta iluminação vejo nos comentários.

Se, para buscar uma melhora, tivermos que buscar ainda os nossas falhas morais e de conduta, que assim seja! Que vejamos, quantas vezes for necessário, que lançar indiretas, faltar com o respeito, fazer um exame fechado e turvo das coisas não conduz a nada!

Amigos, antevejam: esse tópico já perdeu o sentido! Porque continuar propagando-o... seria tal ação continuar buscando algo inútil, que não mudará nada. Prefiro que esse tópico seja passado do jeito que está do que se continue a propagar essa semente de iniquidade.

Lembremos, queridos amigos! Que, nesse fórum, ao lado dos conceitos científicos e hipóteses, quantos não são os que vem pedindo AJUDA: pessoas pensando em cometer suicídio, pessoas desorientadas, pessoas com dificuldades financeiras, pessoas buscando uma divindade e sem amparo nenhum! Dirijamos recursos a eles! Sim! Vamos trabalhar, transformar esse reduto espesso e espinhoso que é o discurso na arma mais poderosa para o esclarecimento! Desde o ignorante até o mais sábio, todo pode propagar o esclarecimento, só se precisa de duas coisas: amor e indulgência.

Vamos trabalhar pelo próximo, meus caros! Esqueçamos os erros aqui cometidos, os impropérios lançados, as inúteis conversações!

Link to comment
Share on other sites

Nun fecha o tópico não.É o mais divertido do fórum.

Como o Elopes bem colocou,é um manual de "como não proceder".Ja que é um tópico sobre Ego,é um exemplo pratico de como ele domina a todo mundo.

Como alguns virem pedir pela "paz e entendimento" pra logo em seguida caírem no mesmo buraco :mrgreen::lol:

Ver a coisa na pratica,acaba ajudando mais que textos lotados de teorias vagas sobre algo pouco compreendido

Link to comment
Share on other sites

Todos podemos estar errados, você que demonstrou tanta sapiência, poderá fazer um trabalho excelente, porque não grava uns audios? Estou ansioso para ver seu trabalho. :D

Muito justo! já que vc pediu, você já pode começar escutando os 100 áudios desse cara aqui... Aconselho também a ler os livros dele..

http://www.centrodeestudos.org/cds/cds-de-palestras

Aguardo seu retorno para discutirmos os áudios

Parece que ninguém ligou muito pra esse post.(Segunda página)

Não entendi muito bem o que você quer dizer Júnior? Você fala como se você fosse esse Moisés Esagüi, é você mesmo?

Quem me dera eu fosse ele...Eu só divulgo algumas coisas que ele fala. Aliás não entendi porque você teve essa dúvida...Uma vez que eu escrevi:

Muito justo! já que vc pediu, você já pode começar escutando os 100 áudios desse cara aqui... Aconselho também a ler os livros dele..

http://www.centrodeestudos.org/cds/cds-de-palestras

Aguardo seu retorno para discutirmos os áudios

Link to comment
Share on other sites

...se você não gostou da ideia de trancar o tópico ou algo assim é porque você gosta da discussão e o mesmo Diz que não acessa o tópico mas estava aqui me respondendo de uma forma grosseira. Quem quiser que continue postando aqui, mas sempre em busca do que? brigas e mais brigas.

Eu sempre acho discussões e atritos mais produtivos do que frescuras... :lol:

Tópico da discórdia esse...kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Link to comment
Share on other sites

nem faria sentido alguém que está numa dimensão superior ficar o tempo todo enxergando tudo o que se passa em todas as dimensões inferiores, o cara tá lá na 7ª dimensão e vai ficar vendo todas as outras 6, a pessoa enxergar se quiser e souber fazer isso.

Quanta abobrinha... Imagino que isso foi inventado na hora... Não tem nenhuma base, lorota, besteira...

Outra coisa, o fato de não vermos o corpo na cama é meramente interpretativo do cérebro, pois ele nunca se viu em terceira pessoa, logo, na ilusão que vocês chamam de projeção astral, o cérebro não monta a imagem do seu corpo a não ser que se sujestione a vê-lo.

E se estamos numa dimensão superior e não nos vemos, então porque vemos os móveis, o quarto, a cama onde repousa o corpo, estaria esses numa outra dimensão? Vejam quanta coisa não faz sentido senão for pela explicação racional de que PA é um sonho, ilusão etc...

Link to comment
Share on other sites

Pra que trancar, ou excluir, o tópico? Quem está se sentindo incomodado com ele é só não acessá-lo. Eu mesmo, aqui no GVA e em outros fóruns da internet, deixo de ler tópicos quando eles começam a me irritar ou incomodar, mas nem por isso vou pedir para que o tópico seja excluído.

Se não te faz bem, não entre aqui. Mas que quem quiser, que possa continuar postando aqui. Simples.

Esse maxleo123... vou te falar, hein. Carinha arrogante. Com essa aparência de adolescente na puberdade acha que tem razão sobre alguma coisa, não deve ter vivido quase nada. Sua opinião é zero à esquerda.

Link to comment
Share on other sites

Astralnauta, você diz que projeção é lorota, farsa.

Me explique como duas pessoas que tem projeção, se encontram, e confirmam tudo que fizeram, nos mínimos detalhes.

Ou ainda melhor, uma vez que eu saí, fui a casa de um amigo, e ví o que se passava lá, quem estava lá, o que passava na TV, o que tavam fazendo e o que estavam comendo, e todos que eu perguntei afirmaram.

Como eu poderia saber disso tudo sem estar lá?

:mrgreen:

Link to comment
Share on other sites

Astralnauta, você diz que projeção é lorota, farsa.

Me explique como duas pessoas que tem projeção, se encontram, e confirmam tudo que fizeram, nos mínimos detalhes.

Ou ainda melhor, uma vez que eu saí, fui a casa de um amigo, e ví o que se passava lá, quem estava lá, o que passava na TV, o que tavam fazendo e o que estavam comendo, e todos que eu perguntei afirmaram.

Como eu poderia saber disso tudo sem estar lá?

:mrgreen:

Olha, mentir é feio hein. Se isso é verdade, então eu lhe desafio a vir aqui onde eu estou e descrever aqui no fórum como é o meu quarto.

O máximo que posso esperar é uma resposta do tipo: "tinha uma cama, um guarda-roupa e.. uma janela..." :lol:

Link to comment
Share on other sites

Astralnauta, você diz que projeção é lorota, farsa.

Me explique como duas pessoas que tem projeção, se encontram, e confirmam tudo que fizeram, nos mínimos detalhes.

Ou ainda melhor, uma vez que eu saí, fui a casa de um amigo, e ví o que se passava lá, quem estava lá, o que passava na TV, o que tavam fazendo e o que estavam comendo, e todos que eu perguntei afirmaram.

Como eu poderia saber disso tudo sem estar lá?

:mrgreen:

Olha, mentir é feio hein. Se isso é verdade, então eu lhe desafio a vir aqui onde eu estou e descrever aqui no fórum como é o meu quarto.

O máximo que posso esperar é uma resposta do tipo: "tinha uma cama, um guarda-roupa e.. uma janela..." :lol:

Qualquer um que se projeta diariamente está convidado então, por que eu ainda não domino essa façanha totalmente. :(

E o que te fez pensar que estou mentindo? :hug

Link to comment
Share on other sites

astralnauta, eu te desafio a dar uma explicação racional da sua participação nesse fórum por tantos anos mesmo sem concordar com nada.

vc é uma consciência da qual eu tenho curiosidade, pois eu não consigo compreender a razão disso, seu objetivo, vc diz que quer discutir racionalmente mas a sua própria presença insistente aqui é irracional, eu gostaria de entender mas não estou conseguindo, se vc puder me explicar eu ficarei grato, de verdade, tenho certeza que compreender seu pensamento, sua motivação, me ajudaria a compreender muitas outras coisas.

alguém pode interpretar isso que eu disse como ironia ou sarcasmo, mas não é, estou dizendo isso de verdade, eu gostaria mesmo de ouvir vc falar sobre suas motivações.

agora quanto as suas indagações, vc tem quase razão, de fato existe sim muito sonhos sendo interpretados como projeções, as vezes a pessoa diz ter saido e visto um monte de coisas mas na verdade ela nem saiu do corpo.

só dá pra ter certeza de uma projeção quando ela é comprovada depois que a pessoa volta pro corpo ou quando ela sai com uma lucidez igual ou maior que no corpo, nesse caso ela não terá duvidas, mas qualquer coisa diferente disso a gente tem que ficar na duvida, principalmente quem tem pouca experiencia.

falando agora sobre a ideia de que é tudo criado pelo cérebro, me diga, como um cérebro que nunca enxergou na vida poderia criar uma alucinação visual?

existem varias pesquisas envolvendo pessoas cegas de nascença que enxergaram pela primeira vez durante uma experiencia de quase morte.

tem pesquisadores que trabalham só com essas pessoas e tem vários relatos, eu recentemente comprei um livro de um desses pesquisadores contando sobre suas pesquisas.

abaixo está um vídeo de uma dessas cegas de nascença contando sua história:

mudando de assunto, vc já pesquisou a respeito das energias?

comprovar a projeção é um pouco difícil, mas comprovar as energias é muito fácil. vc pode trabalhar as energias durante um tempo e quando já tiver sentindo as energias vc pode fazer testes com outras pessoas que também trabalhe as energias, tipo um fica vendado e o outro joga energia nela, aí ela tem que descobrir pela sensibilidade energética onde a outra pessoa jogou a energia nela, se foi na mão esquerda, direita, no pé, no frontal, etc.

em pouco tempo vc vai conseguir uma prova de algo que nem a ciência descobriu ainda.

depois que vc comprovar as energias aí será bem mais fácil pra vc tentar comprovar a projeção também.

minha sugestão, caso vc goste da ideia de pesquisar sobre as energias, pesquise a respeito da técnica do EV, com essa técnica vc vai desenvolver sensibilidade energética rapidinho.

abraço.

Link to comment
Share on other sites

astralnauta, eu te desafio a dar uma explicação racional da sua participação nesse fórum por tantos anos mesmo sem concordar com nada.

vc é uma consciência da qual eu tenho curiosidade, pois eu não consigo compreender a razão disso, seu objetivo, vc diz que quer discutir racionalmente mas a sua própria presença insistente aqui é irracional, eu gostaria de entender mas não estou conseguindo, se vc puder me explicar eu ficarei grato, de verdade, tenho certeza que compreender seu pensamento, sua motivação, me ajudaria a compreender muitas outras coisas.

alguém pode interpretar isso que eu disse como ironia ou sarcasmo, mas não é, estou dizendo isso de verdade, eu gostaria mesmo de ouvir vc falar sobre suas motivações.

agora quanto as suas indagações, vc tem quase razão, de fato existe sim muito sonhos sendo interpretados como projeções, as vezes a pessoa diz ter saido e visto um monte de coisas mas na verdade ela nem saiu do corpo.

só dá pra ter certeza de uma projeção quando ela é comprovada depois que a pessoa volta pro corpo ou quando ela sai com uma lucidez igual ou maior que no corpo, nesse caso ela não terá duvidas, mas qualquer coisa diferente disso a gente tem que ficar na duvida, principalmente quem tem pouca experiencia.

falando agora sobre a ideia de que é tudo criado pelo cérebro, me diga, como um cérebro que nunca enxergou na vida poderia criar uma alucinação visual?

existem varias pesquisas envolvendo pessoas cegas de nascença que enxergaram pela primeira vez durante uma experiencia de quase morte.

tem pesquisadores que trabalham só com essas pessoas e tem vários relatos, eu recentemente comprei um livro de um desses pesquisadores contando sobre suas pesquisas.

abaixo está um vídeo de uma dessas cegas de nascença contando sua história:

mudando de assunto, vc já pesquisou a respeito das energias?

comprovar a projeção é um pouco difícil, mas comprovar as energias é muito fácil. vc pode trabalhar as energias durante um tempo e quando já tiver sentindo as energias vc pode fazer testes com outras pessoas que também trabalhe as energias, tipo um fica vendado e o outro joga energia nela, aí ela tem que descobrir pela sensibilidade energética onde a outra pessoa jogou a energia nela, se foi na mão esquerda, direita, no pé, no frontal, etc.

em pouco tempo vc vai conseguir uma prova de algo que nem a ciência descobriu ainda.

depois que vc comprovar as energias aí será bem mais fácil pra vc tentar comprovar a projeção também.

minha sugestão, caso vc goste da ideia de pesquisar sobre as energias, pesquise a respeito da técnica do EV, com essa técnica vc vai desenvolver sensibilidade energética rapidinho.

abraço.

Na verdade, não sou insistente, já havia anos que não aparecia por aqui, pois tenho conhecimento da natureza desse fenômeno mental da projeção astral. Eu já fiz 3 vezes, mas a experiência não convenceu.

Na primeira vez, sai numa noite depois de um EV, olhei para minha cama e não vi meu corpo, vi todos os móveis, vi a mesa com os computadores, o ambiente estava igual ao real, com exceção do meu corpo que não se encontrava na cama. Daí conclui que era uma ilusão, pois sendo o meu cérebro que construia todo aquele cenário com base no que eu conhecia, ele não podia montar a imagem do meu corpo na cama pois ele nunca pode se ver em 3ª pessoa, pois é ilógico. E se meu corpo está noutra dimensão, porque raios vejo a cama, que está na mesma dimensão material do meu corpo?? Se você pensa e aceita a realidade, vai chegar na mesma conclusão que eu cheguei.

Claro que com algumas sugestões, podia fazer meu cérebro montar a imagem do meu corpo. E como eu sei que a mente pode montar as imagens por sugestão? Isso eu descobri também pela experiência.

Na segunda vez, tive uma projeção cega. De novo tive um EV e me imaginei caindo, saindo pelo topo da cabeça, logo em seguida senti meu corpo flutuar para cima. Nada surpreendente, essas sensações o cérebro pode criar sem dificuldade alguma. Inclusive já foi feito pesquisas científicas estimulando uma área do cérebro, o resultado foi a sensação de flutuar (procurem no google)... Efeitos de drogas também causam essas viagens na maionese.

Terceira e última projeção, tive outra projeção cega, mas dessa vez pensei no artifício mental que vocês usam para ver, eu repeti que queria ver, dizia "ver", "enxergar" e eis que a imagem se formou, e era nítida, tão nítida quando estou de olhos abertos. Daí eu vi meu quarto, estava na cama mesmo, vi a porta, o guarda-roupa... E isso me convenceu? Nem um pouco. O fato de eu ter "enxergado" foi uma ilusão criado por sujestão, meu cérebro obedeceu minhas sugestões mentais.

Não há diferença entre a projeção, alucinação, hipnotismo. No hipnotismo, a pessoa pode ver, sentir, cheirar coisas que não existem simplesmente porque o cérebro dele está criando essas experiências com base nas sugestões e crédulo que ela está se submetendo. Uma vez que o cérebro acredita em algo, ele transforma aquilo em real.

Entre as técnicas de projeção, existe a sugestão: durma se auto-sugestionando a ter projeção, que se você tiver vontade, acaba tendo uma.

Vi uma vez Waldo Vieira dizendo que a movimentação de energia depende da vontade, a projeção depende da vontade. A vontade motiva o cérebro a fazer algo. Para mim, isso prova a natureza mental, material, e limitada ao cérebro.

Respondendo. Eu só voltei porque, por acaso, cai num vídeo do youtube onde estava o Saulo falando... Aí lembrei daqui e vim visitar. Como já conheço o mecanismo do fenômeno, vim ver se alguém fez progresso como eu, ou se ainda estão na fase mística... Bom, não preciso comentar, pois só pelo fato de ser chamado de troll já mostra que a supertição e misticismo ainda impregnam os coitados desse mundo...

E para mim todo esse papo de espiritualidade está mistificando a sociedade demais, basta ligar a TV e ver aquela espertalhona da Márcia Fernandes falando suas abobrinhas e vendendo seus livros e poções mágicas ao custo da ignorância desse povo idiotizado pelas religiões e toda esse misticismo sem base, ou de bases falsas e duvidosas.

Eu desprezo religião, conheço muito bem como elas agem e sei muito bem que são idiotizadoras das massas, são muito bem aproveitadas pelos espertalhões... Só existe espiritualidade onde a ciência ainda não chegou. Tenha certeza que a projeção anda pelo mesmo caminho e um dia será desmistificada pela ciência.

Link to comment
Share on other sites

Comentando o vídeo sobre cegos que tem EQM.

É realmente muito fácil explicar como uma pessoa cega de nascença pode ver durante uma EQM.

Vou começar eliminando a possibilidade de ela (assim como outros que relatam experiências do tipo) estar mentindo, ou seja, estou eliminando aqui cerca de 50% da probabilidade de ser ilusão.

Acontece que essa mulher nunca viu nada, mas seus pais viram! Seu bisavós e seus trisavós também! Por centenas de gerações, seus antepassados viram.

Concluo que não seria difícil imagens e cores estarem gravadas em sua genética. Imagens que ela pode ter acesso em uma situação extrema. Mas ela viu a aliança e o próprio cabelo, isso é incontestável! Calma... mas ela tateou a aliança e o cabelo por toda a vida, tempo suficiente para formar uma imagem bem definida de como é.

Obs. Acho que pode ser real sim, mas não é difícil pra mim imaginar explicações que descartam a realidade da projeção da consciência. Pessoalmente acho um exercício bacana, procurar falhas na minha própria percepção.

Link to comment
Share on other sites

entendo, gostei da sua postura na resposta.

agora deixe-me fazer umas observações.

esse negócio da influencia da vontade não prova nada, apenas se encaixa na sua explicação aí vc a considerou como prova mas assim como ela se encaixa na sua explicação ela também se encaixa na teoria do corpo mental.

a ideia dos móveis que dá pra ver também existe uma explicação, vc viu o duplo etérico dos móveis, o seu vc não viu pq estava com vc, vc deixou apenas o seu corpo físico na cama, sem o corpo etérico.

a ciência não pode se satisfazer só de teoria, é preciso testa-la e testar também as teorias alternativas, esse é um ponto muito importante, se vc tem uma teoria que explica tudo mas eu também tenho uma teoria diferente que também explica tudo é necessária testar ambas.

eu tenho em cima do armário da cozinha (dizem que tem que ficar longe do corpo pois perto do corpo a influencia onírica é maior) 3 cartas de baralho que tirei aleatoriamente, no intuito de quando eu sair do corpo tentar verifica-las, anotar e conferir, para testar a projeção.

eu comprei um baralho novo só pra isso, abri, fiquei 30 minutos embaralhando, tirei as cartas com os olhos fechados, coloquei lá, guardei o restante das cartas em um lugar onde eu raramente preciso mexer e não mexi nelas mais.

ainda não consegui sair para verifica-las mas é só uma questão de tempo.

vc poderia ter feito isso ou algo parecido.

tem também a questão da energia, que é bem mais fácil e rápido para comprovar.

eu não estou dizendo no que vc deve acreditar, estou dizendo para vc testar para confirmar, vc pode testar e confirmar que sua teoria inicial estava certa ou não, mas vc só pode ter certeza depois de fazer as experiencias e confirmar isso.

:hug

Link to comment
Share on other sites

muito interessante Daniel, mas tem outro detalhe pra gente considerar, em uma pessoa cega de nascença a aréa do cérebro responsável pela visão assume outros papéis, visto que ela nunca o utilizou, então o cérebro dela teoricamente não possui estrutura física para criar uma alucinação.

Link to comment
Share on other sites

@Astronalta

Você é muito coerente com os seus argumentos eu realmente acho que você está certo. Eu não entendo por que as pessoas tem dificuldades de aceitar aquelas opiniões que sejam diferentes as delas.....

Acho que Henri Ford disse uma frase mais ou menos assim:

"CERTO OU ERRADO VOCÊ ESTÁ COM A RAZÃO".

Quando vc tem projeções com 100% de lucidez, sua vida muda...( Mas vc pode não enxergar a experiencia e inventar uma versão mais conveniente para você poder continuar ).

Já adianto que sou muito exigente e teimoso... Admito que em toda a minha vida eu tive somente 2 projeções com 100% de lucidez e controlova todo o ambiente.

Agora o que eu observei no seus depoimentos é que você NEGA os experimentos que você já teve ( mecanismo de negação)...

Do mesmo jeito que nós não vemos espíritos( nós negamos)...

Agora eu fico confuso!!! Qual seria sua busca num Fórum de Projeção Astral???

Se você desencarnar neste momento!!! você ainda não vai enxergar a realidade que o cerca...

Agora acredito que alguns que lerem isto deverão concordar quando eu digo que a espiritualidade possui diferentes níveis. Uns são mais primitivos e outros não!!! ;)

Link to comment
Share on other sites

Admito que em toda a minha vida eu tive somente 2 projeções com 100% de lucidez e controlova todo o ambiente.

É interessante observar que uma altíssima porcentagem das pessoas que tem poucas experiências de projeção, quase todos, tendem a acreditar que é real. Passam a vida toda confiando que aquela meia dúzia de experiências que ela teve foram visões reais do mundo espiritual.

Já entre as pessoas que tiveram mais experiências, digamos umas 50 projeções com boa lucidez, é mais comum encontrar aqueles que passaram a duvidar se é real.

Claro que também tem aqueles que nunca tiveram uma única experiência de se ver saindo do corpo e conseguem tirar ânimo não sei de onde para sustentar intermináveis debates sobre projeção.

Que bom que você questionou "o Saulo", e não "a projeção" ou "as projeções do Saulo" porque seria cômico.

Link to comment
Share on other sites

Claro que também tem aqueles que nunca tiveram uma única experiência de se ver saindo do corpo e conseguem tirar ânimo não sei de onde para sustentar intermináveis debates sobre projeção.

eu sei de onde, para formular e compreender teorias é necessário muita pesquisa, e compreender as teorias ajuda demais, pois vc sabe melhor o que pode estar fazendo de certo ou errado.

eu levei mais de um ano de pesquisas até descobrir a importância do EV, pensa nisso.

e só depois de ter descoberto a importância do EV que eu comecei a ter algum avanço de verdade.

os debates ajudam muito pois nós sempre vemos alguém comentar algo que não tinhamos pensado, isso trás novas pesquisas que trazem novas perguntas que trazem novas pesquisas.

claro que eu tenho uma tendência a creditar na projeção, principalmente pelas minhas experiência com as energias mas eu ainda não confirmei a projeção e não admiti certeza dela.

Link to comment
Share on other sites

Eu confesso que estou muito deprimido. Foi um erro ter voltado aqui no fórum, espero sinceramente que não tenha destruído qualquer esperança e fantasia de alguém, pois sei bem como é ter de enfrentar a realidade pura das coisas.

Pensar em viagem astral, no espiritismo e todo seu arquétipo é confortante para nós, pois o materialismo é insensível e duro como pedra. Sempre fui existencialista e encontrei no espiritismo a razão explicada da existência. No entanto estudos e mais estudos me levaram à descrença, pois várias coisas me mostraram que o espiritismo não concorda com a realidade que já conhecemos hoje pela ciência.

Bom, eu sei que é exageiro eu me preocupar com os outros nesse sentido, pois não serão meus posts que mudarão o crédo de alguém. Já tentou mostrar a falta de razão e as contradições da religião evangélica para um crente? Eu já, mas nenhum argumento adianta, nada muda a mente fechada daquele povo. Bom para eles, pois descobrir que as coisas não são daquele jeito como eles idealizam, é realmente muito triste.

Como já disse, agora estou deprimido e não encontro onde reconfortar meu ego, minha consciência, pois não acredito em nada desse tema espiritual, duvido de tudo. Alan Kardec tinha toda razão ao dizer que se estivessemos por acaso no mundo como o materialismo afirma, então nenhuma razão teria para existir nele, mais sensato seria dar fim a vida. Como vejo a razão dessa sabedoria, como sinto o peso da descrença nesse momento de depressão.

Vou me ausentar do fórum, mas antes peço desculpas por atacar a crença e a esperança de qualquer um que tenha me lido.

Link to comment
Share on other sites

Lendo esse último tópico de nosso incompreendido astralnauta que aparentemente enfrenta no momento uma crise existencial, me deu vontade de postar essa mensagem.

De forma parecida com ele eu também entrei em séria depressão ao constatar por meio da lógica e coragem de questionar minhas próprias convicções, que eu não tinha certeza de nada, mas apenas tinha crenças. Se desfez o mundo encantado e tive que começar a reorganizar minhas idéias.

"O mistério é a coisa mais nobre de que podemos ter experiência. É a emoção que se encontra no cerne da verdadeira ciência. Aquele que não sente essa emoção e que não pode mais se maravilhar nem se espantar, é como se já estivesse morto. Saber que aquilo que é impenetrável para nós verdadeiramente existe e se manifesta como a mais alta sabedoria e a mais radiosa beleza, que nossas limitadas faculdades só podem apreender em suas formas mais primitivas, esse conhecimento, esse sentimento, está no centro de toda verdadeira devoção. A experiência cósmica é com efeito o mais poderoso e mais nobre pivô da pesquisa científica" - Albert Einsten

Quando se tem resposta pra tudo, tudo perde a graça. Quando se atinge muita estabilidade, as coisas tendem a se desestabilizar e logo o caos se instala.

É de nossa natureza questionar, duvidar, não se satisfazer com as condições por melhores que sejam, e querer sempre mais e melhor. Isso nos faz progredir, faz a ciência avançar.

Religiões e crenças confortam e acalmam nossa natureza insaciável.

São muito benéficas a meu ver, no sentido de dar propósito e objetivo a vida, mas infelizmente também trazem seus malefícios, que eu não acho que seja necessário mencionar.

Será que falta muito para a projeciologia ser igual a qualquer religião?

Por milênios houve religiões e ensinamentos que davam respostas as coisas e hoje vemos como são limitadas e irracionais. Mas agora, finalmente temos a verdade: projeção astral.

Será? Será que finalmente começamos a capturar a pura essência de todas as religiões e de toda a espiritualidade? Ou seria só mais uma tentativa?

Quanta humildade seria necessária para alguém reconhecer e aceitar sua natureza limitada, sua insignificância dentro da vastidão do universo e sua mortalidade?

Será que não é muita ganância querer viver para sempre? Qual a diferença entre viver para sempre e viver enquanto viver?

Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share

×
×
  • Create New...