Jump to content
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Prazer! Necessidade ? Hábito ou Alienação - COMER CARNE


Joao Paulo
 Share

Recommended Posts

Com o fanatismo de estar sabendo muitas coisas possibilita a pessoa ligar uma com a outra, não deixo minha opinião aqui se não ia dar tiro e sair fogos para todos os lados :lol:

Unica coisa que eu falo, pessoa sem "s" se dirigindo apenas para uma que seria para o criador do tópico mistura muitas coisas, e finalizo que comer carne no excesso que está o problema, e não no dia-dia como fazemos no Almoço ou na Janta :D

Link to comment
Share on other sites

Com o fanatismo de estar sabendo muitas coisas possibilita a pessoa ligar uma com a outra, não deixo minha opinião aqui se não ia dar tiro e sair fogos para todos os lados :lol:

Unica coisa que eu falo, pessoa sem "s" se dirigindo apenas para uma que seria para o criador do tópico mistura muitas coisas, e finalizo que comer carne no excesso que está o problema, e não no dia-dia como fazemos no Almoço ou na Janta :D

Eu como não sou de indiretas, falo na lata mesmo te pergunto:

Sou eu, nhéam? :A

Safadgénhoo, pode falar :D

Hahahahahahah

Link to comment
Share on other sites

Com o fanatismo de estar sabendo muitas coisas possibilita a pessoa ligar uma com a outra, não deixo minha opinião aqui se não ia dar tiro e sair fogos para todos os lados :lol:

Unica coisa que eu falo, pessoa sem "s" se dirigindo apenas para uma que seria para o criador do tópico mistura muitas coisas, e finalizo que comer carne no excesso que está o problema, e não no dia-dia como fazemos no Almoço ou na Janta :D

Eu como não sou de indiretas, falo na lata mesmo te pergunto:

Sou eu, nhéam? :A

Safadgénhoo, pode falar :D

Hahahahahahah

Hahaha :lol: , não não. Relax :lol: , lendo o decorrer do tópico foi diretamente para o criador até falei na metade que era diretamente pra ele. :D Este é um tópico que sempre vai ficar debates igual o do Saulo, deixei minha opinião bem fraquinha de leve, :lol:

Link to comment
Share on other sites

Como onívoros podemos ter saúde nos alimentando de carne (nem tanta falta fibras), vegetariana (falta b12), dieta onívora.

A dieta que eu sigo é ovolactovegan, não tem carne, mas é o básico para ter tudo o que necessito.

Eu já ouvi em blogs que leite e ovo é desnecessário, porém nunca em algum livro estudantil ou algo mais sério, então continuo comendo, e por gosto mesmo.

Sobre Roupas etc, tento evitar ao máximo, sapatos de couro, bolas e mochila de couro, casaco de pele, circos com animais, rodeios, rinhas etc.

Como acima é mais "aceitável" usar a morte de um ser para alimento ou outras necessidades reais, do que divertimento ou vaidade.

Link to comment
Share on other sites

":1l2rg605]Como onívoros podemos ter saúde nos alimentando de carne (nem tanta falta fibras), vegetariana (falta b12), dieta onívora.

A dieta que eu sigo é ovolactovegan, não tem carne, mas é o básico para ter tudo o que necessito.

Eu já ouvi em blogs que leite e ovo é desnecessário, porém nunca em algum livro estudantil ou algo mais sério, então continuo comendo, e por gosto mesmo.

Sobre Roupas etc, tento evitar ao máximo, sapatos de couro, bolas e mochila de couro, casaco de pele, circos com animais, rodeios, rinhas etc.

Como acima é mais "aceitável" usar a morte de um ser para alimento ou outras necessidades reais, do que divertimento ou vaidade.

Pelo menos você já deu um enorme passo sem a carne, parabéns :hug

Leite não é necessário, se você observar outros mamíferos só nós tomamos leite após o período realmente necessário que é a amamentação.

Ovos tem 13 nutrientes, que obviamente podem ser facilmente conseguidos, como qualquer outro que venha de origem animal. Nosso cardápio é bem limitado pela falta de vontade, eu sei :lol:

Link to comment
Share on other sites

Nosso cardápio é bem limitado pela falta de vontade, eu sei :lol:

Não, nosso cardápio é limitado por uma série de fatores e vontade (não a falta dela) é o fator principal dele. Pode ser óbvio, mas as pessoas TEM vontade de comer carne. Não é por vício, assédio, calamidade ou barbárie, é simplesmente vontade de pegar uma carne (boi, frango ou peixe), colocar no prato e comer. Simples assim. Da mesma forma como você NÃO tem vontade de comer carne. Não há mistério algum nisso.

Link to comment
Share on other sites

Nosso cardápio é bem limitado pela falta de vontade, eu sei :lol:

Não, nosso cardápio é limitado por uma série de fatores e vontade (não a falta dela) é o fator principal dele. Pode ser óbvio, mas as pessoas TEM vontade de comer carne. Não é por vício, assédio, calamidade ou barbárie, é simplesmente vontade de pegar uma carne (boi, frango ou peixe), colocar no prato e comer. Simples assim. Da mesma forma como você NÃO tem vontade de comer carne. Não há mistério algum nisso.

Por isso que não falei "nosso cardápio é limitado somente pela falta de vontade" mas esse é um fator e tanto ;)

E não é questão de eu não ter vontade, eu tenho as vezes pelo fato de estar condicionado à isso por 20 anos, mas eu escolho não comer (pelos motivos já descritos no tópico).

Link to comment
Share on other sites

João,

Qual sentido em pedir esse tanto de desculpas?

Se está vergonhoso pelo que disse então deveria apagar tudo, oras. O que foi dito, foi dito. Humildade por humildade já tem em grande quantidade nas igrejas, no futebol e na política. Não precisamos de pessoas humildes, precisamos de pessoas com posicionamento, que batam o pé e assumam a responsabilidade do que é, do que faz e do que acredita.

Pseudo, O sentido dessas desculpas é mostrar que minha intenção não era ofender quem se sentiu ofendido. Não estou vergonhoso, estou em paz.

Como quer defender sua causa se quando a coisa aperta você "retira tudo”

Não retirei nada do que disse. Somente pedi desculpas aqueles que se sentiram ofendidos.

e fica cheio de diplomacia querendo se sair bem com todos?

Qual é sua primeira intenção que fundamenta que você suponha que eu estaria motivado a essa proeza?

Na mesma frase você pede desculpas pelas ofensas e acusa os comedores de carne a promoverem uma calamidade.

Parece que você julga, segundo suas intensões...

Acho que você entendeu errado perante minha intenção.

E foi precipitado em afirmar que acusei quem ainda come animais.

Repito: "queria que refletíssemos diante dessa calamidade."

Diz que estamos numa guerra, dos que optam por comer carne e dos que não optam por não comer.

Manda um blá-blá-blá espiritualista e termina impondo que temos insuficiências para aceitar tais verdades

Disse que a causa do conflito foi sim por causa de ainda termos insuficiências tanto para nos expressar, tanto, para aceitar tais verdades.

Já ouviu aquele dito popular:

Se um não quer dois não Briga, então foi o que aconteceu.

Tivemos insuficiências sim, e ainda temos muitas...

Incontáveis.

.

Ah, já sei! Deve ser insuficiência de consciência!

Você foi irônico?

O que é consciência?

Quando me referi a “insuficiências” elas foram direcionadas para os atributos do intelecto tanto para o expressar, tanto para o aceitar tais verdades no sentido vice, e versa.

Acho que nosso intelecto ainda está longe de conseguir se expressar perfeitamente.

Já o aceitar, acho varia com o tempo, na medida em que se adquire valores éticos e morais.

É, diplomacia é pouco! Não adianta "apelar", só se convence alguém de duas formas: Lavando o cérebro ou clareando o mesmo. Seu post deu muito bem a entender qual das duas foi.

Ainda não entendo esse coitadismo súbito de alguém que fez afirmativas fortes em postagens anteriores.

Acho que desponhamos do entendimento a partir de nossa base conceitual. Porém as pessoas estão condicionas a entenderem e julgar segundo sua intenção.

Pergunto:

Qual é sua primeira intenção que fundamenta suas expressões? Ora, Uma intenção há de ter não?

Link to comment
Share on other sites

Procure pesquisar sobre o Buda boy... Existem "sim" evidências (científicas e documentários sérios) de pessoas que vivem 100% de Prana...É um processo de reprogramação de DNA que leva 21 dias.... Inclusive quem quiser sair do corpo, tenta ficar 1 ou 2 em jejum!!! sai facinho!!!

Obs.:Você gasta o dobro de energia para digerir o alimento que vc comeu!!!

Agora esse é um depoimento Real:

Num dos seus vários estudos Moisés Esaguii quando criança fez vários experimentos com Plantas. Após árduo esforço ele conseguiu se relacionar com um "Cactus". A Planta lançou sobre ele um fio energético, só isso!

Noutro experimento (ele por ter Clarividência alta), observou que numa vegetação densa existe uma consciência que cuida de uma determinada região de árvores e plantas...

Portanto uma Planta é somente DUPLO ETÉRICO não possui psicossoma, quando vc arranca uma Planta a consciência somente estabiliza as energias...só isso!!!!

Outra observação é que uma pessoa muito evoluída não possui paladar...não sente prazer em comer o "último faisão da indonésia". Ela enxerga o alimento como uma fonte de Prana....

CONHECIMENTO:

Quando vc sente prazer em comer, vc está alinhado com alguma das frequências do chacra esplênico..

Do mesmo jeito que vc sente prazer no chacra sexual...

O Ideal seria termos prazer no Chacra Cardíaco...O Prazer no chacra cardíaco seria o AMOR. :drinks

Outra observação é que uma pessoa muito evoluída não possui paladar...não sente prazer em comer o "último faisão da indonésia". Ela enxerga o alimento como uma fonte de Prana....

CONHECIMENTO:

Quando vc sente prazer em comer, vc está alinhado com alguma das frequências do chacra esplênico..

Acredito que as consciencias que se alimentam do Prana estão num momento de espiritualidade muito acima da maioria da população da TERRA.

Concerteza. :drinks

Junior, Obrigado por compartilhar conhecimento! ;)

Gostou??? quer se aprofundar no assunto??? vi que você mora em Sumaré, existem reuniões sobre a espiritualidade esclarecedora ( sem misticismo e sem consolação) em Jundiaí semanalmente... é de graça!!!! chame uns 3 ou 4 amigos comprometidos com o assunto e participe...

Você é muito sortudo por morar perto do CEC Jundiaí.

Link to comment
Share on other sites

Se não for pedir demais, poderiam me informar/passar essas evidências científicas de que viver de luz (prana) é algo real. Evidências anedóticas (relatos) não valem ;).

Se o sujeito vive de luz, então todo o aparelho digestivo deve ser atrofiado. Gostaria de ter acesso ao exame, a cópia do mesmo ou algum local que mostre isso.

Volto com meu argumento. Se viver de luz fosse algo real, o pessoal que efetivamente morre de fome seriam profissionais nessa técnica de "mapeamento de DNA". E não seria em apenas 21 dias, seria ao longo de anos de sub-existência. Comendo 1 ou 2x na semana em quantidades tão pequenas que certamente não precisariam de preparação para essa reprogramação.

Não sou louco de falar que a energia/prana não nos mantém vivos. Até porque nossa principal fonte de energia é o ar que respiramos, logo em seguida a água e por último e não menos importante, comida. Biologicamente, não há como desvincular nenhum dos 3. Muito menos viver apenas de 1 ou 2. Nossas células precisam muito mais do que energia e/ou "ar". Elas precisam de nutrientes provenientes da digestão de alimentos reais.

Agora, se você propor a teoria de que alguém consegue sintetizar/plasmar/materializar tais nutrientes por meio da absorção de energia, eu até poderia concordar que isso é possível. Mas agindo pelo bom senso, quem conseguiria fazer isso? Aquele rapaz sentado na árvore há anos? (não). Gandhi..? Não.. Jesus? .. Não... Buddha? Não.. =/ Krishna.. !? Não.. Se nenhum avatar/deus conseguiu, imagine nós, reles humanos.

Ops, há sim! http://www.livingonlight.org/ Há um grupo seleto de indivíduos que consegue! Só esqueceram de contar para os africanos (ou qualquer outra população faminta) que se eles ficarem 30 minutos olhando pro Sol ao amanhecer eles não morreriam de fome...

Tempos atrás, vi em algum local que um médico pegou essa mulher que é "líder" do vivendo de luz no Brasil e, apalpando os órgãos dela (pela barriga, não deixou fazer ecografia), constou que não há nada atrofiado, os órgãos dela estão em pleno funcionamento (coisa que ela disse não comia há 2 anos no Jô Soares, em entrevista). Claro que esse meu argumento carece de fontes, por isso pode ser desconsiderado. Mas fica plantada a semente para uma possível pesquisa (não estou afim de buscar isso).

Outro argumento interessante que desqualifica a vericidade desse pessoal é que eles não exigem conhecimento prático com energia para viver de luz. Ou seja, querem que a pessoa viva apenas absorvendo energia do Sol (pela manhã), mas não ensinam os mecanismos para ela absorver essa energia que não seja ficar olhando pro Sol por 30 minutos. Engraçado, alguns povos que estão morrendo de fome vivem com Sol na cabeça por 8 horas (no mínimo). Será que nem um pouquinho desse Sol bateu no olho deles?

Até que caberia a teoria de que para viver de luz era preciso dominar o processo da energia, mas essa teoria já começa infundada pois o próprio pessoa do living on light não pede para sermos bons parapsíquicos. Pedem apenas para ir reduzindo a comida aos poucos até chegar apenas nos líquidos e em 21 dias, BOOM, você não precisa comer nem beber mais nada!

Uau!

edit: Por favor né, dei uma lida no processo de 21 dias e já na primeira semana é preciso que você passe 7 dias sem comer, beber ou ingerir nada.

Pois bem... Eu paro por aqui e não recomendo, junto com a medicina, de fazer essa besteira com a sua vida. Se quiser fazer jejum, faça de 3 dias, mas ingerindo água. É o suficiente para fazer experimento com energia. Segue o link para o processo: http://www.livingonlight.org/PT/article ... 1dias.html ***NÃO RECOMENDADO PARA MENORES e/ou FANÁTICOS

Link to comment
Share on other sites

Se não for pedir demais, poderiam me informar/passar essas evidências científicas de que viver de luz (prana) é algo real. Evidências anedóticas (relatos) não valem ;).

Se o sujeito vive de luz, então todo o aparelho digestivo deve ser atrofiado. Gostaria de ter acesso ao exame, a cópia do mesmo ou algum local que mostre isso.

Volto com meu argumento. Se viver de luz fosse algo real, o pessoal que efetivamente morre de fome seriam profissionais nessa técnica de "mapeamento de DNA". E não seria em apenas 21 dias, seria ao longo de anos de sub-existência. Comendo 1 ou 2x na semana em quantidades tão pequenas que certamente não precisariam de preparação para essa reprogramação.

Não sou louco de falar que a energia/prana não nos mantém vivos. Até porque nossa principal fonte de energia é o ar que respiramos, logo em seguida a água e por último e não menos importante, comida. Biologicamente, não há como desvincular nenhum dos 3. Muito menos viver apenas de 1 ou 2. Nossas células precisam muito mais do que energia e/ou "ar". Elas precisam de nutrientes provenientes da digestão de alimentos reais.

Agora, se você propor a teoria de que alguém consegue sintetizar/plasmar/materializar tais nutrientes por meio da absorção de energia, eu até poderia concordar que isso é possível. Mas agindo pelo bom senso, quem conseguiria fazer isso? Aquele rapaz sentado na árvore há anos? (não). Gandhi..? Não.. Jesus? .. Não... Buddha? Não.. =/ Krishna.. !? Não.. Se nenhum avatar/deus conseguiu, imagine nós, reles humanos.

Ops, há sim! http://www.livingonlight.org/ Há um grupo seleto de indivíduos que consegue! Só esqueceram de contar para os africanos (ou qualquer outra população faminta) que se eles ficarem 30 minutos olhando pro Sol ao amanhecer eles não morreriam de fome...

Tempos atrás, vi em algum local que um médico pegou essa mulher que é "líder" do vivendo de luz no Brasil e, apalpando os órgãos dela (pela barriga, não deixou fazer ecografia), constou que não há nada atrofiado, os órgãos dela estão em pleno funcionamento (coisa que ela disse não comia há 2 anos no Jô Soares, em entrevista). Claro que esse meu argumento carece de fontes, por isso pode ser desconsiderado. Mas fica plantada a semente para uma possível pesquisa (não estou afim de buscar isso).

Outro argumento interessante que desqualifica a vericidade desse pessoal é que eles não exigem conhecimento prático com energia para viver de luz. Ou seja, querem que a pessoa viva apenas absorvendo energia do Sol (pela manhã), mas não ensinam os mecanismos para ela absorver essa energia que não seja ficar olhando pro Sol por 30 minutos. Engraçado, alguns povos que estão morrendo de fome vivem com Sol na cabeça por 8 horas (no mínimo). Será que nem um pouquinho desse Sol bateu no olho deles?

Até que caberia a teoria de que para viver de luz era preciso dominar o processo da energia, mas essa teoria já começa infundada pois o próprio pessoa do living on light não pede para sermos bons parapsíquicos. Pedem apenas para ir reduzindo a comida aos poucos até chegar apenas nos líquidos e em 21 dias, BOOM, você não precisa comer nem beber mais nada!

Uau!

edit: Por favor né, dei uma lida no processo de 21 dias e já na primeira semana é preciso que você passe 7 dias sem comer, beber ou ingerir nada.

Pois bem... Eu paro por aqui e não recomendo, junto com a medicina, de fazer essa besteira com a sua vida. Se quiser fazer jejum, faça de 3 dias, mas ingerindo água. É o suficiente para fazer experimento com energia. Segue o link para o processo: http://www.livingonlight.org/PT/article ... 1dias.html ***NÃO RECOMENDADO PARA MENORES e/ou FANÁTICOS

Olá amigo como vai??? gostaria de comentar sobre seu comentário, se me permite.

voce disse:

Se não for pedir demais, poderiam me informar/passar essas evidências científicas de que viver de luz (prana) é algo real. Evidências anedóticas (relatos) não valem ;).

A resposta é não eu não posso satisfazer essa sua necessidade científica.... ( mesmo porquê pra mim não faz a menor diferença se você acredita ou não ).

Qual a diferença em acreditar numa pessoa que vive de Prana e uma pessoa que sai do corpo toda noite????

As pesquisas que eu fiz foram baseadas na jasmuheen que vive aqui na Austrália, leia os livros dela....

Mas aí no Brasil tem o Oberom... Vai lá conhecer ele... e veja se ele consegue ficar 3 dias sem beber água...

O mais interessante é que eles comem SIM somente às vezes e em ocasiões sociais, pois alimentar-se estreita os relacionamentos e é um ato-social... Por exemplo se você é um Engenheiro de Vendas, eu não recomendo, pois faz parte você PAGAR almoços e jantares caríssimos para seus clientes,etc.

Esse negócio de olhar para o Sol é apenas uma MULETA para quem se investir em realizar a alimentação prana.. O próprio Oberoma firma isso... Pois somos fracos e precisamos de muletas... É como acender velas para rezar o pai-nosso...

Concordo com vc!!! nos dias de hoje não dá pra viver como aquele BUDA da árvore... Mas a Jasmuheen tem uma vida social e cotidiana normal.

Esse negócio de 3 dias sem água o ser humano morre é mais um dos infinitos paradigmas que a ciência tem que quebrar... É totalmente obsoleto.

Olha que interessante:

Quando um paciente se cura de um cancêr noite para o dia. Os médicos dizem que é Milagre...

já te garanto que a disciplina "MILAGRE" não tem no curso de Medicina ( pelo menos ainda ).

Respondi suas perguntas???

Link to comment
Share on other sites

Ih, fucando por aqui achei no meio do topico sobre carne a questao do Viver de luz. Ja passei 18 meses nisso, nao ha problema, mas acho que e uma questoa de cartas marcadas, ou seja, a propria jasmuheen deixa claro que ALGUMAS PESSOAS PODEM FAZER ISSO, ela nao fala que TODOS PODEM, e ela mesmo afirma nao saber o que torna isso possivel para umas pessoas e nao para outras. Entao o argumento sobre pessoa da africa e outros viciados em comida nao vale. Mesmo pessoas bem de vida fisica e emocional, que meditam sao vegetarianas, etc... podem nao conseguir. Ninguem sabe o que determina isso, mas eu pelo menos, que ja fi, e conheci outras 3 pessoas que passaram masi de um ano nisso, sei que e real. Nao ha outro jeito de saber se algo e real ou nao, depender de "autoridades" misticas ou cientificas da no mesmo: nao importa o que eles dizem, para voce sempre sera crenca.Basta ver os ceticos, que fecham os olhos para toda a pequisa sobre paranormalidade que e feita desde 1882, com milhares de trabalhos cientiicos publicados pela SPR e ASPR, por exemplo. Os ceticos negam a premissa da paranormlidade, e portanto, desqualificam todo o trabalho feito. Quando o cara se nega a encarar os fatos, nenhum trabalho cientifico jamais podera provar-lhe nada, ele sempre vai ahcar um "porem" para se agarrar e negar, pois nao quer assumir para si mesmo que tem medo de admitir que o mundo e mais complicadinho do que a ciencia, que tenta vender seguranca aos inseguros, admite.

Agora, quanto a atrofia do sistema digestivo, e fato, ocorre mesmo. E por isso que tanto eu como as pessoas que conheci que Viviam de luz sempre ingerem um pouco de alimneto de vez em quando. Eu costumava passar so a agua, e uma vez por semana comia um pacotinho de CHIPS, aquela batata frita de pacote, mas o pacote pequeno, que tem 50g eu acho. Tinha que adicionar sal, porque o paladar atrofiou e eu quase nao sentia gosto. E quando aquilo saia, cerca de uma semana depois,parecia que eu estava sendo estuprado, entao olhava o que saiu, e era do tamanho de uma azeitona. Mas a sensacao durante a saida era de que tinha saido um Pepino, aquele de salada, nao o de conserva em vidro....Creio que se eu nao tivesse mantido algo entrando de vez em quando, teria que ter feito uma longa adaptacao quando decidi voltar a comer normalmente.

Agora o cara pode pensar: viu? E fraude! o cara diz que viva de luz mas comia de vez em quando. Sim, quem vive de luz sabe que esta assim porque percebe que tem umas 5 vezes mais energia mesmo sem comer nada, e quando decide comer algo, pelo prazer do saber, PERDE ENERGIA, PERDE DISPOSICAO, mas aceita PERDER ENERGIA de ve em quando, em troca do sabor ou socializacao, pois as vezes e muito dificil se esquivar de comer sem se explicar, as pessoa reparam que nunca o veem comer e logo logo a informacao se espalha, mesmo que voce nao fale nada. Entao, as vezes, para disfarcar, voce tem que comer algo, para evitar que os ceticos pirem.

Quanto a exames, o lado engracado e que eu estava ha seis meses vivendo de luz mas nao queria faer exames, pois supus que poderia precisar um tempo maior para me adaptar, e se fizesse um exame antes e alguma variavel desse estranha, aquilo poderia afetar minha crenca no processo, e ESSE PROCESSO E TOTALMENTE PSICOLOGICO, SE VOCE DUVIDAR, FERROU! E SUA CRENCA QUE O TORNA POSSIVEL, SE TEM DUVIDAS NAO TEM COMO CONSEGUIR FAZER ISSO. So que quando estava ha sesis meses nisso fui chamado para assumir uma funcao publica, e como todos sabem, temos que fazer um check-up fisico para assumir um cargo publico. Meu exame de sangue deu melhor do que no tempo em que eu comia. Meu acucar sempre foi meio baixo, entre 70 e 80, pois eu parei de usar acucar quando tinha 21 anos, mas quando fiz o exame de sangue durante o viver de luz, meu acucar deu 90, achei hilario! Mas foi bom isso comprovou para mim que tudo estava ok, mais ok do que eu supunha, porque, convenhamos, quem garante que os parametros "saudaveis" para populacoes que comem carne com hormonios, vegetais com agrotoxicos, conservantes quimicos, sao os mesmos que os parametros saudaveis para quem nao come nada disso? Afinal, nao existem nada objetivo na medicina, sao apenas dados populacionais, ou seja, se um grande numero de pessoas saudaveis apresenta um certo perfil numerico no exame de sangue, os medicos supoem que aqueles numeors sao os ideais, mas nada ha que embase aqueles numeros. Basta ver a historia dos indices de colesterol. Nos anos 60 um colesterol total de 320 era considerado normal, depois baixou para 240, e hoje, se nao me engano esta em 200. Os medicos no exterior ja discutem a possibilidade de baixar esse valor para 180 (porque assima cada vez mais gente tera que usar estatinas porque o medico afirmou que seu colesterol"esta alto". Ja se discute usar em criancas! )

Entao eu estava vivendo de luz (ou ingerindo um pacotinho peqeuno de chips por semana, que tinha 500cal se nao me engano) e faznedo musculacao 2h e meia por dia, seis dias por semana, e fazendo natacao 1h por dia, 3 dias por semana, dormindo 2h por noite, me sentindo cheio de energia....e dai se me exame de sangue desse algo maluco? Se eu nao estivesse muito bem eu nao poderia estar fazendo tudo isso. Mas estranhamente meu exame de sangue deu normal e pude assumir o cargo publico.Mas foi engracado saber que tinha medicos me examinando e pedidno exames e eles nem desconfiavam do que eu estava fazendo. Se eu disesse, eles iriam fucar ate descobrir algo que pudesse "provar" que eu nao podia estar bem, que e como eles fazem com vegetarianos: se voce vai num medico e di que esta nao esta se sentindo bem, mas cai na besteira de dizer que e vegetariano, ou que segue uma rotina alimentar pouco usual, eles ja inventam que e deficiencia disto ou daquilo e que voce tem que viver igual a todo mundo, ou tera problemas. A mensagem subliminar e sempre a mesma : "Nao tome decisoes conscientes, seja uma formiga que imita as outras no formigueiro, e tudo ficara bem. Se sair da linha, a morte ou o inferno vai te pegar!"

E quanto ao vegetarianismo, que foi a origem deste topico, nao ha nada que comporve que precisamos de carne. Somos CAPAZES de digerir carne, porque somos onivoros, o que nao e o mesmo que dizer que dependemso da carne para sermos saudaveis. Mesmo entre atletas olimpicos ou do IronMan e Ultraman, que sao competicoes extremamente exigentes, ha muitos que sao vegetarianos, inclusive tem um cara desse que foi o unioc, ate pouco tempo, a ser 6 vezes campeao do ultraman, acho que o nome e Dave Scott ou algo assim. Entao o cara achar que so quem nao fa esofroco fisico e que pode ser vegetariano e pura crenca de viciado. Todo viciado acha que nao pdoe viver sem seu vicio, e se sente mais confortavel se acreditar que os outros tambem nao podem. O memso em relacao ao acucar refinado e todas as outras balelas que as vitimas do marketing inventam. Tem gente que acha, por exemplo, que um vegetariano nao consegue aumenta a massa musucular, como se a gente pegasse a carne de outro animal para construir os nosso musuclos. Tudo sao atomos, quimica, o corpo pega nitrogenio, carbono fosforo, etc. e faz o que precisa fazer, nao interessa de onde vieram esses atomos. Quando sai do Viver de Luz eu pesava 55kg (tenho 1,75m). A extrema magreza me incomodava muito, sempre fui magro e demorou ate os trinta anos para engordar um pouquinho e obter um corpo normal (70kg), ai inventei de entrar no viver de luz e pimba, la estava eu de volta a um corpo magricelo. Entao quando sai do Viver de Luz comecei a fazer musculacao comendo 6 vees por dia (eu fazia durante o viver de luz mas nao conseguia aumentar a massa musuclar, por motivos obvios...) Em 7 anos fui dos 55kg para os 91,5kg (com 14% de gordura corporal), consumindo apenas a janta como refeicao normal vegetariana, as outras 5 refeicoes eram apenas leite em po+extrato de soja, a cada 3h. Agora, se 30kg de aumento muscular (descontando a gordura) nao e um grande aumento de massa muscular, gostaria de saber o que e. E tudo cosntruido sendo apeans vegetariano (ovo-lacto vegetariano).

Entao gente, em relacao ao vegetarianismo ou ao viver de luz, ou a qualquer coisa, ha dois tipos de mentalidade:

- aquela que ve problemas, limitacoes, impossibilidades em tudo

- aquela que so ve o que quer e trabalha para chegar la.

Pessoas que acham que nao pode isso, precisamos daquilo, temos que fazer desta ou aquela maneira, estao paenas se limitando. Elas podem estar certas, mas a gente so deve aceitar limitacoes apos tentar vence-las, nao antes, ou podemos ser presas de um estado mental sem perceber que se trata de uma ilusao apenas, e ninguem ganha nada com isso. Quem nao aceita limitacoes, pode se quebrar de vez em quando, mas pelo menos vai SABER pela experiecna, que tem de fato uma limitacoa, pois tentou de tudo e nao conseguiu superar. Muita gente deixa de realizar o que quer porque aceita a derrota antes de tentar, usando a ciencia, as crencas ou os cosutmes para dizer "isto nao 'e possivel", ou "se fosse possivel, porque outros diem que nao e?".

Nao somos iguais, o que e possivel par uns pode nao ser possivel para outros, mas voce so sabe tentando.

Link to comment
Share on other sites

Ih, fucando por aqui achei no meio do topico sobre carne a questao do Viver de luz. Ja passei 18 meses nisso, nao ha problema, mas acho que e uma questoa de cartas marcadas, ou seja, a propria jasmuheen deixa claro que ALGUMAS PESSOAS PODEM FAZER ISSO, ela nao fala que TODOS PODEM, e ela mesmo afirma nao saber o que torna isso possivel para umas pessoas e nao para outras. Entao o argumento sobre pessoa da africa e outros viciados em comida nao vale. Mesmo pessoas bem de vida fisica e emocional, que meditam sao vegetarianas, etc... podem nao conseguir. Ninguem sabe o que determina isso, mas eu pelo menos, que ja fi, e conheci outras 3 pessoas que passaram masi de um ano nisso, sei que e real. Nao ha outro jeito de saber se algo e real ou nao, depender de "autoridades" misticas ou cientificas da no mesmo: nao importa o que eles dizem, para voce sempre sera crenca.Basta ver os ceticos, que fecham os olhos para toda a pequisa sobre paranormalidade que e feita desde 1882, com milhares de trabalhos cientiicos publicados pela SPR e ASPR, por exemplo. Os ceticos negam a premissa da paranormlidade, e portanto, desqualificam todo o trabalho feito. Quando o cara se nega a encarar os fatos, nenhum trabalho cientifico jamais podera provar-lhe nada, ele sempre vai ahcar um "porem" para se agarrar e negar, pois nao quer assumir para si mesmo que tem medo de admitir que o mundo e mais complicadinho do que a ciencia, que tenta vender seguranca aos inseguros, admite.

Agora, quanto a atrofia do sistema digestivo, e fato, ocorre mesmo. E por isso que tanto eu como as pessoas que conheci que Viviam de luz sempre ingerem um pouco de alimneto de vez em quando. Eu costumava passar so a agua, e uma vez por semana comia um pacotinho de CHIPS, aquela batata frita de pacote, mas o pacote pequeno, que tem 50g eu acho. Tinha que adicionar sal, porque o paladar atrofiou e eu quase nao sentia gosto. E quando aquilo saia, cerca de uma semana depois,parecia que eu estava sendo estuprado, entao olhava o que saiu, e era do tamanho de uma azeitona. Mas a sensacao durante a saida era de que tinha saido um Pepino, aquele de salada, nao o de conserva em vidro....Creio que se eu nao tivesse mantido algo entrando de vez em quando, teria que ter feito uma longa adaptacao quando decidi voltar a comer normalmente.

Agora o cara pode pensar: viu? E fraude! o cara diz que viva de luz mas comia de vez em quando. Sim, quem vive de luz sabe que esta assim porque percebe que tem umas 5 vezes mais energia mesmo sem comer nada, e quando decide comer algo, pelo prazer do saber, PERDE ENERGIA, PERDE DISPOSICAO, mas aceita PERDER ENERGIA de ve em quando, em troca do sabor ou socializacao, pois as vezes e muito dificil se esquivar de comer sem se explicar, as pessoa reparam que nunca o veem comer e logo logo a informacao se espalha, mesmo que voce nao fale nada. Entao, as vezes, para disfarcar, voce tem que comer algo, para evitar que os ceticos pirem.

Quanto a exames, o lado engracado e que eu estava ha seis meses vivendo de luz mas nao queria faer exames, pois supus que poderia precisar um tempo maior para me adaptar, e se fizesse um exame antes e alguma variavel desse estranha, aquilo poderia afetar minha crenca no processo, e ESSE PROCESSO E TOTALMENTE PSICOLOGICO, SE VOCE DUVIDAR, FERROU! E SUA CRENCA QUE O TORNA POSSIVEL, SE TEM DUVIDAS NAO TEM COMO CONSEGUIR FAZER ISSO. So que quando estava ha sesis meses nisso fui chamado para assumir uma funcao publica, e como todos sabem, temos que fazer um check-up fisico para assumir um cargo publico. Meu exame de sangue deu melhor do que no tempo em que eu comia. Meu acucar sempre foi meio baixo, entre 70 e 80, pois eu parei de usar acucar quando tinha 21 anos, mas quando fiz o exame de sangue durante o viver de luz, meu acucar deu 90, achei hilario! Mas foi bom isso comprovou para mim que tudo estava ok, mais ok do que eu supunha, porque, convenhamos, quem garante que os parametros "saudaveis" para populacoes que comem carne com hormonios, vegetais com agrotoxicos, conservantes quimicos, sao os mesmos que os parametros saudaveis para quem nao come nada disso? Afinal, nao existem nada objetivo na medicina, sao apenas dados populacionais, ou seja, se um grande numero de pessoas saudaveis apresenta um certo perfil numerico no exame de sangue, os medicos supoem que aqueles numeors sao os ideais, mas nada ha que embase aqueles numeros. Basta ver a historia dos indices de colesterol. Nos anos 60 um colesterol total de 320 era considerado normal, depois baixou para 240, e hoje, se nao me engano esta em 200. Os medicos no exterior ja discutem a possibilidade de baixar esse valor para 180 (porque assima cada vez mais gente tera que usar estatinas porque o medico afirmou que seu colesterol"esta alto". Ja se discute usar em criancas! )

Entao eu estava vivendo de luz (ou ingerindo um pacotinho peqeuno de chips por semana, que tinha 500cal se nao me engano) e faznedo musculacao 2h e meia por dia, seis dias por semana, e fazendo natacao 1h por dia, 3 dias por semana, dormindo 2h por noite, me sentindo cheio de energia....e dai se me exame de sangue desse algo maluco? Se eu nao estivesse muito bem eu nao poderia estar fazendo tudo isso. Mas estranhamente meu exame de sangue deu normal e pude assumir o cargo publico.Mas foi engracado saber que tinha medicos me examinando e pedidno exames e eles nem desconfiavam do que eu estava fazendo. Se eu disesse, eles iriam fucar ate descobrir algo que pudesse "provar" que eu nao podia estar bem, que e como eles fazem com vegetarianos: se voce vai num medico e di que esta nao esta se sentindo bem, mas cai na besteira de dizer que e vegetariano, ou que segue uma rotina alimentar pouco usual, eles ja inventam que e deficiencia disto ou daquilo e que voce tem que viver igual a todo mundo, ou tera problemas. A mensagem subliminar e sempre a mesma : "Nao tome decisoes conscientes, seja uma formiga que imita as outras no formigueiro, e tudo ficara bem. Se sair da linha, a morte ou o inferno vai te pegar!"

E quanto ao vegetarianismo, que foi a origem deste topico, nao ha nada que comporve que precisamos de carne. Somos CAPAZES de digerir carne, porque somos onivoros, o que nao e o mesmo que dizer que dependemso da carne para sermos saudaveis. Mesmo entre atletas olimpicos ou do IronMan e Ultraman, que sao competicoes extremamente exigentes, ha muitos que sao vegetarianos, inclusive tem um cara desse que foi o unioc, ate pouco tempo, a ser 6 vezes campeao do ultraman, acho que o nome e Dave Scott ou algo assim. Entao o cara achar que so quem nao fa esofroco fisico e que pode ser vegetariano e pura crenca de viciado. Todo viciado acha que nao pdoe viver sem seu vicio, e se sente mais confortavel se acreditar que os outros tambem nao podem. O memso em relacao ao acucar refinado e todas as outras balelas que as vitimas do marketing inventam. Tem gente que acha, por exemplo, que um vegetariano nao consegue aumenta a massa musucular, como se a gente pegasse a carne de outro animal para construir os nosso musuclos. Tudo sao atomos, quimica, o corpo pega nitrogenio, carbono fosforo, etc. e faz o que precisa fazer, nao interessa de onde vieram esses atomos. Quando sai do Viver de Luz eu pesava 55kg (tenho 1,75m). A extrema magreza me incomodava muito, sempre fui magro e demorou ate os trinta anos para engordar um pouquinho e obter um corpo normal (70kg), ai inventei de entrar no viver de luz e pimba, la estava eu de volta a um corpo magricelo. Entao quando sai do Viver de Luz comecei a fazer musculacao comendo 6 vees por dia (eu fazia durante o viver de luz mas nao conseguia aumentar a massa musuclar, por motivos obvios...) Em 7 anos fui dos 55kg para os 91,5kg (com 14% de gordura corporal), consumindo apenas a janta como refeicao normal vegetariana, as outras 5 refeicoes eram apenas leite em po+extrato de soja, a cada 3h. Agora, se 30kg de aumento muscular (descontando a gordura) nao e um grande aumento de massa muscular, gostaria de saber o que e. E tudo cosntruido sendo apeans vegetariano (ovo-lacto vegetariano).

Entao gente, em relacao ao vegetarianismo ou ao viver de luz, ou a qualquer coisa, ha dois tipos de mentalidade:

- aquela que ve problemas, limitacoes, impossibilidades em tudo

- aquela que so ve o que quer e trabalha para chegar la.

Pessoas que acham que nao pode isso, precisamos daquilo, temos que fazer desta ou aquela maneira, estao paenas se limitando. Elas podem estar certas, mas a gente so deve aceitar limitacoes apos tentar vence-las, nao antes, ou podemos ser presas de um estado mental sem perceber que se trata de uma ilusao apenas, e ninguem ganha nada com isso. Quem nao aceita limitacoes, pode se quebrar de vez em quando, mas pelo menos vai SABER pela experiecna, que tem de fato uma limitacoa, pois tentou de tudo e nao conseguiu superar. Muita gente deixa de realizar o que quer porque aceita a derrota antes de tentar, usando a ciencia, as crencas ou os cosutmes para dizer "isto nao 'e possivel", ou "se fosse possivel, porque outros diem que nao e?".

Nao somos iguais, o que e possivel par uns pode nao ser possivel para outros, mas voce so sabe tentando.

Para quem ainda acredita que carne e necessaria para alguma coisa, se le ingles nao deixe de ler o livro CHINA STUDY:

http://www.livrariacultura.com.br/scrip ... 8586707446

(a opiniao do leitor e minha mesmo)

Tem em espanhol tambem:

http://www.livrariacultura.com.br/scrip ... 8586707446

Link to comment
Share on other sites

Ih, fucando por aqui achei no meio do topico sobre carne a questao do Viver de luz. Ja passei 18 meses nisso, nao ha problema, mas acho que e uma questoa de cartas marcadas, ou seja, a propria jasmuheen deixa claro que ALGUMAS PESSOAS PODEM FAZER ISSO, ela nao fala que TODOS PODEM, e ela mesmo afirma nao saber o que torna isso possivel para umas pessoas e nao para outras. Entao o argumento sobre pessoa da africa e outros viciados em comida nao vale. Mesmo pessoas bem de vida fisica e emocional, que meditam sao vegetarianas, etc... podem nao conseguir. Ninguem sabe o que determina isso, mas eu pelo menos, que ja fi, e conheci outras 3 pessoas que passaram masi de um ano nisso, sei que e real. Nao ha outro jeito de saber se algo e real ou nao, depender de "autoridades" misticas ou cientificas da no mesmo: nao importa o que eles dizem, para voce sempre sera crenca.Basta ver os ceticos, que fecham os olhos para toda a pequisa sobre paranormalidade que e feita desde 1882, com milhares de trabalhos cientiicos publicados pela SPR e ASPR, por exemplo. Os ceticos negam a premissa da paranormlidade, e portanto, desqualificam todo o trabalho feito. Quando o cara se nega a encarar os fatos, nenhum trabalho cientifico jamais podera provar-lhe nada, ele sempre vai ahcar um "porem" para se agarrar e negar, pois nao quer assumir para si mesmo que tem medo de admitir que o mundo e mais complicadinho do que a ciencia, que tenta vender seguranca aos inseguros, admite.

Agora, quanto a atrofia do sistema digestivo, e fato, ocorre mesmo. E por isso que tanto eu como as pessoas que conheci que Viviam de luz sempre ingerem um pouco de alimneto de vez em quando. Eu costumava passar so a agua, e uma vez por semana comia um pacotinho de CHIPS, aquela batata frita de pacote, mas o pacote pequeno, que tem 50g eu acho. Tinha que adicionar sal, porque o paladar atrofiou e eu quase nao sentia gosto. E quando aquilo saia, cerca de uma semana depois,parecia que eu estava sendo estuprado, entao olhava o que saiu, e era do tamanho de uma azeitona. Mas a sensacao durante a saida era de que tinha saido um Pepino, aquele de salada, nao o de conserva em vidro....Creio que se eu nao tivesse mantido algo entrando de vez em quando, teria que ter feito uma longa adaptacao quando decidi voltar a comer normalmente.

Agora o cara pode pensar: viu? E fraude! o cara diz que viva de luz mas comia de vez em quando. Sim, quem vive de luz sabe que esta assim porque percebe que tem umas 5 vezes mais energia mesmo sem comer nada, e quando decide comer algo, pelo prazer do saber, PERDE ENERGIA, PERDE DISPOSICAO, mas aceita PERDER ENERGIA de ve em quando, em troca do sabor ou socializacao, pois as vezes e muito dificil se esquivar de comer sem se explicar, as pessoa reparam que nunca o veem comer e logo logo a informacao se espalha, mesmo que voce nao fale nada. Entao, as vezes, para disfarcar, voce tem que comer algo, para evitar que os ceticos pirem.

Quanto a exames, o lado engracado e que eu estava ha seis meses vivendo de luz mas nao queria faer exames, pois supus que poderia precisar um tempo maior para me adaptar, e se fizesse um exame antes e alguma variavel desse estranha, aquilo poderia afetar minha crenca no processo, e ESSE PROCESSO E TOTALMENTE PSICOLOGICO, SE VOCE DUVIDAR, FERROU! E SUA CRENCA QUE O TORNA POSSIVEL, SE TEM DUVIDAS NAO TEM COMO CONSEGUIR FAZER ISSO. So que quando estava ha sesis meses nisso fui chamado para assumir uma funcao publica, e como todos sabem, temos que fazer um check-up fisico para assumir um cargo publico. Meu exame de sangue deu melhor do que no tempo em que eu comia. Meu acucar sempre foi meio baixo, entre 70 e 80, pois eu parei de usar acucar quando tinha 21 anos, mas quando fiz o exame de sangue durante o viver de luz, meu acucar deu 90, achei hilario! Mas foi bom isso comprovou para mim que tudo estava ok, mais ok do que eu supunha, porque, convenhamos, quem garante que os parametros "saudaveis" para populacoes que comem carne com hormonios, vegetais com agrotoxicos, conservantes quimicos, sao os mesmos que os parametros saudaveis para quem nao come nada disso? Afinal, nao existem nada objetivo na medicina, sao apenas dados populacionais, ou seja, se um grande numero de pessoas saudaveis apresenta um certo perfil numerico no exame de sangue, os medicos supoem que aqueles numeors sao os ideais, mas nada ha que embase aqueles numeros. Basta ver a historia dos indices de colesterol. Nos anos 60 um colesterol total de 320 era considerado normal, depois baixou para 240, e hoje, se nao me engano esta em 200. Os medicos no exterior ja discutem a possibilidade de baixar esse valor para 180 (porque assima cada vez mais gente tera que usar estatinas porque o medico afirmou que seu colesterol"esta alto". Ja se discute usar em criancas! )

Entao eu estava vivendo de luz (ou ingerindo um pacotinho peqeuno de chips por semana, que tinha 500cal se nao me engano) e faznedo musculacao 2h e meia por dia, seis dias por semana, e fazendo natacao 1h por dia, 3 dias por semana, dormindo 2h por noite, me sentindo cheio de energia....e dai se me exame de sangue desse algo maluco? Se eu nao estivesse muito bem eu nao poderia estar fazendo tudo isso. Mas estranhamente meu exame de sangue deu normal e pude assumir o cargo publico.Mas foi engracado saber que tinha medicos me examinando e pedidno exames e eles nem desconfiavam do que eu estava fazendo. Se eu disesse, eles iriam fucar ate descobrir algo que pudesse "provar" que eu nao podia estar bem, que e como eles fazem com vegetarianos: se voce vai num medico e di que esta nao esta se sentindo bem, mas cai na besteira de dizer que e vegetariano, ou que segue uma rotina alimentar pouco usual, eles ja inventam que e deficiencia disto ou daquilo e que voce tem que viver igual a todo mundo, ou tera problemas. A mensagem subliminar e sempre a mesma : "Nao tome decisoes conscientes, seja uma formiga que imita as outras no formigueiro, e tudo ficara bem. Se sair da linha, a morte ou o inferno vai te pegar!"

E quanto ao vegetarianismo, que foi a origem deste topico, nao ha nada que comporve que precisamos de carne. Somos CAPAZES de digerir carne, porque somos onivoros, o que nao e o mesmo que dizer que dependemso da carne para sermos saudaveis. Mesmo entre atletas olimpicos ou do IronMan e Ultraman, que sao competicoes extremamente exigentes, ha muitos que sao vegetarianos, inclusive tem um cara desse que foi o unioc, ate pouco tempo, a ser 6 vezes campeao do ultraman, acho que o nome e Dave Scott ou algo assim. Entao o cara achar que so quem nao fa esofroco fisico e que pode ser vegetariano e pura crenca de viciado. Todo viciado acha que nao pdoe viver sem seu vicio, e se sente mais confortavel se acreditar que os outros tambem nao podem. O memso em relacao ao acucar refinado e todas as outras balelas que as vitimas do marketing inventam. Tem gente que acha, por exemplo, que um vegetariano nao consegue aumenta a massa musucular, como se a gente pegasse a carne de outro animal para construir os nosso musuclos. Tudo sao atomos, quimica, o corpo pega nitrogenio, carbono fosforo, etc. e faz o que precisa fazer, nao interessa de onde vieram esses atomos. Quando sai do Viver de Luz eu pesava 55kg (tenho 1,75m). A extrema magreza me incomodava muito, sempre fui magro e demorou ate os trinta anos para engordar um pouquinho e obter um corpo normal (70kg), ai inventei de entrar no viver de luz e pimba, la estava eu de volta a um corpo magricelo. Entao quando sai do Viver de Luz comecei a fazer musculacao comendo 6 vees por dia (eu fazia durante o viver de luz mas nao conseguia aumentar a massa musuclar, por motivos obvios...) Em 7 anos fui dos 55kg para os 91,5kg (com 14% de gordura corporal), consumindo apenas a janta como refeicao normal vegetariana, as outras 5 refeicoes eram apenas leite em po+extrato de soja, a cada 3h. Agora, se 30kg de aumento muscular (descontando a gordura) nao e um grande aumento de massa muscular, gostaria de saber o que e. E tudo cosntruido sendo apeans vegetariano (ovo-lacto vegetariano).

Entao gente, em relacao ao vegetarianismo ou ao viver de luz, ou a qualquer coisa, ha dois tipos de mentalidade:

- aquela que ve problemas, limitacoes, impossibilidades em tudo

- aquela que so ve o que quer e trabalha para chegar la.

Pessoas que acham que nao pode isso, precisamos daquilo, temos que fazer desta ou aquela maneira, estao paenas se limitando. Elas podem estar certas, mas a gente so deve aceitar limitacoes apos tentar vence-las, nao antes, ou podemos ser presas de um estado mental sem perceber que se trata de uma ilusao apenas, e ninguem ganha nada com isso. Quem nao aceita limitacoes, pode se quebrar de vez em quando, mas pelo menos vai SABER pela experiecna, que tem de fato uma limitacoa, pois tentou de tudo e nao conseguiu superar. Muita gente deixa de realizar o que quer porque aceita a derrota antes de tentar, usando a ciencia, as crencas ou os cosutmes para dizer "isto nao 'e possivel", ou "se fosse possivel, porque outros diem que nao e?".

Nao somos iguais, o que e possivel par uns pode nao ser possivel para outros, mas voce so sabe tentando.

Cara! eu simplesmente concordo com tudo que você falou!!!

Que Bom que você se manifestou!!! Obrigado

Link to comment
Share on other sites

A resposta é não eu não posso satisfazer essa sua necessidade científica.... ( mesmo porquê pra mim não faz a menor diferença se você acredita ou não ).

Qual a diferença em acreditar numa pessoa que vive de Prana e uma pessoa que sai do corpo toda noite????

Pois bem, amigo, não é questão de acreditar ou deixar de acreditar.

Sair do corpo é algo MUITO diferente se comparado com PARAR DE ALIMENTAR o corpo físico com comida sólida. Não percebe isso?

Repito, não é CRENÇA nem questão de experimentar. É questão de TESTAR. Afirmar que alguém pode viver sem se alimentar e/ou ingerir líquidos é uma afirmação muito forte, não acha? Não acha que é diferente de trabalhar energia, fazer algumas técnicas e sair do corpo?

Quando falamos de "paradigma científico", é preciso ter cuidado. Existe muita coisa ultrapassada e a cada dia barreiras são quebradas. Mas com a questão da fisiologia é complicado discutir nesse aspecto. 3 dias é uma média, como chegou-se a essa média? Medindo e fazendo estatísticas. Há pessoas que duram mais? Há. Outros duram menos? Com certeza. Mas não estamos discutindo isso. Estamos discutindo o fato de PARAR DEFINITIVAMENTE de ingerir qualquer coisa. Não acha que afirmações extraordinárias merecem evidências extraordinárias?

É muito simples falar: Não precisa acreditar em mim, tenha suas experiências. Quando abordamos isso no âmbito das energias e experiências fora do corpo é uma coisa. Ninguém pode morrer, ter falhas nos órgãos, hipoglicemia aguda, parada cardíaca etc, quando realiza meros experimentos com energia. Agora essa mesma pessoa pode ter tudo isso se parar de comer e ingerir TUDO na primeira semana do "plano de 21 dias".

Não entende a gravidade disso? Não é SATISFAÇÃO CIENTÍFICA. É senso de preservação mesmo.

Qualquer um pode fazer um blog dizendo que está sem comer, qualquer um pode dar entrevistas, escrever livros. Mas não é qualquer um que tira a roupa e fala: "pode me testar da maneira que quiser, no entanto, eu quero tudo documentado e gravado". Se isso fosse tão real assim, acredite se quiser, já teria sido espalhado pela internet (meio mais democrático que existe já feito). Agora, o que temos quando colocamos "vivendo de luz" no YouTube? Temos videos esotéricos, algumas entrevistas sem seriedade, documentários direcionados. Cadê os estudos sérios e metodológicos? Cadê os laudos médicos atestando que essa cidadã australiana é capaz disso?

Argumento como "ela come socialmente" não cola pois isso se aplica a "beber socialmente e fumar socialmente" também. Se você não bebe ou fuma não irá faze-lo socialmente. Não importa quem peça ou qual situação apareça.

Outra coisa, se esse Oberom é um adepto a esse "modo de vida" e ele quer o bem da humanidade (o que eu presumo), por que não deu as caras na mídia? Qual emissora não gostaria de um furo de reportagem desses? "UM CARA QUE NÃO COME E NÃO BEBE A NÃO SEI QUANTOS ANOS ESTÁ DISPOSTO A FAZER QUALQUER TESTE MÉDICO E A DIVULGAR SEU SEGREDO".. Putz, acha mesmo que essa afirmação não seria uma bomba?

O argumento de "uns podem e outros não" também não cola pois mesmo tendo diferenças biológicas, nossos corpos possuem as mesmas estruturas e glândulas, portanto, esse argumento é um "se colar colou". No entanto, se você estiver falando à respeito de parapsiquismo, posso até começar a concordar... Mas esse também é treinável. Esse negócio de "só os especiais conseguirão" tem uma conotação de seita.. não acha?

Sobre o milagre, sim, há muitas coisas inexplicáveis pela ciência e é justamente isso a base dela. Trabalhar em cima de coisas inexplicáveis até acharmos a explicação, a ciência trabalha em cima do COMO não do por quê.

Compreende meus questionamentos? Tentei ser o mais claro quanto possível, tanto que fui bem redundante.

Link to comment
Share on other sites

O mais interessante é que eles comem SIM somente às vezes e em ocasiões sociais, pois alimentar-se estreita os relacionamentos e é um ato-social...

Claro,quando um "carnivoro" usa essa "desculpa" se referindo ao churrasquinho de final de semana com os camaradas,sempre tem um vegetariano que pula la de cima das alturas de sua superioridade alimenticia e grita bem alto:

"SOU MAIOR QUE MERAS FORMALIDADES SOCIAIS,NÃO VOU COMER CARNE PARA AGRADAR NINGUÉM,NEM FAZER AMIGOS

Mas claro,os Yakons da vida podem faze-lo normalmente.

Sandrofarbres

Quer dizer que tu preferiu um corpo mais gordinho visualmente,que manter as energias em nivel MegaBlaster Zenkai Power 5x mais poderosa que a nomal:(mais de 8000 de poder de luta huahuahua)?

Ce teve a força de vontade pra fazer seu organismo sobreviver de luz,mas não resistiu a uma ilusão fisica?

Não quero criticar nmg(apesar de saber que vou levar uns Hadoukens por esse post)mas vejo a galera mudar até o DNA e não conseguir se desprender das ilusões mais básicas do comparamento robotizado da nossa sociedade

Link to comment
Share on other sites

nessas horas que dou gracas a Deus de nunca ter comido carne! de ter rejeitado desde quando era uma bebe....

apesar da insistencia de meus pais quando eu era crianca, ja que ninguem na minha familia eh vegetariano eu sempre recusei carne...

Sou muito feliz por isso, e tenho orgulho de ter quase 30 anos e nunca ter comido carne em minha vida mesmo vindo de uma familia de carnivoros...rsrs...

Link to comment
Share on other sites

Toquinha,essa ai na foto é tu?

Sempre falei com você como se fosse um homem :o

Sim, essa sou eu. Eu achei que como homem teria uma aceitação melhor aqui no fórum, talvez por ter machistas ainda que pensem "Vai lavar uns pratos" ou "O que essa guria sabe sobre projeção?" :lol:

Brincadeira, ta? :?

Muitos usuários acham que sou homem aqui no fórum, talvez faltou perguntar ;)

Link to comment
Share on other sites

Toquinha,essa ai na foto é tu?

Sempre falei com você como se fosse um homem :o

Sim, essa sou eu. Eu achei que como homem teria uma aceitação melhor aqui no fórum, talvez por ter machistas ainda que pensem "Vai lavar uns pratos" ou "O que essa guria sabe sobre projeção?" :lol:

Brincadeira, ta? :?

Muitos usuários acham que sou homem aqui no fórum, talvez faltou perguntar ;)

Interessante, também não sabia que era mulher (tinha uma suspeita pelo apelido).. Mas afinal de contas, gênero é importante em algumas situações. Numa discussão, o bacana é a impessoalidade mesmo. Machismo se vence com argumentos, não com omissão!

De qualquer forma, parabéns por se mostrar. Para alguns isso pode dar mais credibilidade ao argumento (ter uma face por trás), para outros, pode virar motivo de chacota (como você bem disse sobre lavar pratos). Sou frequentador assíduo desse fórum desde 2009 (na época que ainda usava um usuário com nome e foto) e particularmente nunca vi nenhum desrespeito nesse sentido (machismo pífio). Se houve, com certeza foi desqualificado imediatamente. A convivência aqui é boa, apesar de haver conflito de ideias.

Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share

×
×
  • Create New...