Jump to content
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Minhas experiências com um Incubus


lolla
 Share

Recommended Posts

Boa noite,

Venho relatar minhas 2 experiências com um Incubus e como consegui me livrar disto sozinha antes que ficasse sério demais.

Aos meus 14 anos, tive uma crise de depressão, por determinados motivos, mas nenhum deles de conotação sexual. Até então eu era virgem e nunca havia namorado. Mas isso não nos torna imunes a atrair coisas negativas, seja qual for a intenção delas. Ainda mais que é foi um período de grandes mudanças hormonais.

Esta fase foi quando minhas experiências com o lado astral mais se apuraram, sem que eu tivesse controle.

Uma noite, enquanto eu estava de bruços, quase pegando no sono, senti alguém subir em cima de mim. Eu sabia que não havia ninguém lá, pois ainda estava meio acordada, então comecei a me apavorar com a situação. Porém o fato de me apavorar, piorou tudo, pois comecei a me sentir presa, sem poder levantar os braços, nem gritar.

Senti que estava afundando na cama com o peso em cima de mim, pois era horrível você olhar para trás, pelo canto dos olhos, e não ter ninguém, mas saber que tinha alguém ali, sim, e que era um homem com más intenções. Comecei a chorar, então tentei me debater.

Precisei arranjar forças não sei de onde, até conseguir me libertar daquilo. Eu saltei da cama

Eu nunca havia vivenciado aquilo antes e nem sabia como lidar com aquilo, pois não sabia o que estava acontecendo. Até então eu não tinha noção de que isto é algo que pode acontecer com qualquer um, se abrir as portas para este tipo de coisa, consciente ou inconscientemente. Estas coisas se aproveitam de qualquer situação para ganhar forças.

Anos depois eu estava com meu ex-namorado, deitada na cama dele, de madrugada. Eu já havia estudado mais sobre o lado espiritual e casos deste tipo, então havia compreendido o que se passara comigo desde então.

Eu estava em um sono profundo, quando de repende me vi meio acordada, ou em um sonho bem lúcido. Senti que algo estava puxando meu lençol.

Eu demorei pra aceitar o que tinha acontecido comigo, mas quando a gente aprende a levantar nossas defesas, criamos uma forma de afastar estas coisas da gente, por mais que elas nos persigam.

Então eu comecei a ficar muito incomodada com aquela situação e pude sentir que se tratava de algo que eu já tinha vivenciado antes. Foi quando eu senti que o lençol estava começando a ser rasgado, de baixo para cima.

Foi quando eu fiquei irritada e pensei, como se estivesse falando mentalmente: "De novo, não! Vai embora! Você não tem mais forças sobre mim. Nem adianta tentar, pois não vai conseguir nada."

Nisso eu comecei a despertar, até que acordei. Levantei um pouco eufórica, mas aliviada por ter conseguido lidar com aquela situação, como eu devia ter lidado na primeira vez, mas que não tinha a cabeça que tenho hoje.

Tempos depois, por certas razões, eu comecei a ficar meio triste. Não entrei em depressão, pois percebi que a melhor forma de atrair coisas boas é colocar suas experiências, tanto as boas quanto as ruins, no lugar certo em sua vida. Você não precisa esquecê-las. Mas tem que permitir que novas experiências preencham o lugar vazio que as coisas ruins costumam tomar para elas.

Mas por conta disto comecei a ter pensamentos que não eram certos. Eu me sentia carente. Talvez por não ter com quem conversar sobre estes assuntos. Por que poder falar destas experiências, fazia eu me sentir especial, como seu eu pudesse trazer novidades para os outros, como se fosse uma coisa interessante e discutível, mas sempre que eu iniciava este tipo de conversa, as pessoas não gostavam de se aprofundar e preferiam evitar e mudar de assunto, como se se elas soubessem destas coisas, também poderiam acontecer com elas. Sei que todos vocês passaram e passam ainda por isto.

Acontece que meus pensamentos era como se eu desejasse que esta experiência, em específico, voltasse a acontecer, pra eu voltar a me sentir especial e saber que meu lado mediúnico ainda existia. Quando me peguei pensando nessas coisas, foi tiro e queda. Eu pude perceber o quanto eu estava vulnerável e o quanto aquilo ainda tinha influência sobre mim, pois não fazia sentido algum eu pensar daquela forma.

Comecei a rezar seriamente e pedir ao meu protetor que levasse, qual fosse o que estivesse exercendo influência negativa sobre mim, pra longe. Que iluminasse seu caminho, para que não mais fizesse aquilo com mais ninguém. Pois tudo o que eu queria era paz de espírito, paz interior.

Desde então eu nunca mais me peguei nestas situações e senti um alívio enorme depois deste dia.

Agora analisemos. Incubus é tido como um demônio. Sem dúvida minhas experiências foram com um Incubus, mas ouvi dizer que qualquer espírito masculino obsessor pode também ser um Incubus, que está lá para se alimentar de suas energias com ligação sexual.

No que vocês acreditam? Que apenas demônios sejam um Incubus, ou espíritos também?

Link to comment
Share on other sites

Já vivenciei situações que também seriam com tais criaturas. Pessoalmente, não consigui chegar a conclusão alguma, acho que pode ser qualquer coisa, se referindo a minhas próprias experiências, ou seja, pode ser tanto espíritos obcessores quanto seres criados por nós mesmos - o que não está muito distante de afirmar que é apenas um sonho.

Saudade do Grim Fandango! O final é de emocionar.

Link to comment
Share on other sites

Eu não pretendo me tornar freira, nem me fazer de inocente, gente. Mas quando isto me aconteceu, não tinha noção que eu mesma estava abrindo a porta pra este tipo de coisa entrar.

Aprendi a lidar com isto. Não foi carência nem falta de macho o porquê disto me acontecer. Quando tendemos a baixar nossas defesas, qualquer coisa pode passar na menor brecha e nos atingir.

Fui descobrir que um Incubus tinha ligação com a energia sexual, anos depois da minha primeira experiência, pois nunca tinha ouvido falar este nome até então, já que eu me senti presa na cama por uma força masculina, só que a ideia que me vinha à cabeça era apenas que o tal queria me causar algum mal. Não fui violentada pelo espírito nem tive sonhos eróticos, apenas me senti tão vulnerável, como um sentimento de impotência, como se aquilo pudesse me matar... Não é nada agradável, como alguns podem pensar.

Foi um alívio descobrir que isso não é algo que só havia acontecido comigo e que ninguém mais sabia como eu me senti. E perceber que o poder da reza, quando feita com sinceridade, é tão válida, foi melhor ainda.

:)

Amo Grim Fandango!

Link to comment
Share on other sites

Nem sabia o que era esse tal de incubus, fiquei sabendo agora pesquisando aqui no google, o pai dos burros.hehe

Na minha opiniao, são só espíritos em desequilíbio, assediadores mesmo.

Eu ja acordei algumas vezes em catalepsia, e vi espiritos no meu quarto com intençoes nada agradaveis, querendo sexo mesmo.kkk :lol:

Em uma dessas experiencias, eu pude ver claramente uma mulher pelada em cima de mim, "cavalgando"..sem rir em pessoal, to falando sério mesmo.hehe

Enfim, quero dizer que isso realmente acontece, nao só com mulheres, não só com vc, mas muitas pessoas ja vivenciaram isso.

Link to comment
Share on other sites

Daimon ou daemon (grego δαίμων, transliteração dáimon, tradução "divindade", "espírito"), é um tipo de ser que em muito se assemelha aos gênios da mitologia árabe.

A palavra daimon se originou com os gregos na Antiguidade; no entanto, ao longo da História, surgiram diversas descrições para esses seres. O nome em latim é dæmon, que veio a dar o vocábulo em português demônio.

São intermediários entre os deuses e os homens. Xenócrates associava os deuses ao triângulo equilátero, os homens ao escaleno, e os daimons ao isósceles.[1]

Seu temperamento liga-se ao elemento natural ou vontade divina que o origina. Não se fala em "bem" ou "mal". Um mesmo daimon pode apresentar-se "bom" ou "mau" conforme as circunstâncias do relacionamento que estabelece com aquele ou aquilo que está sujeito à sua influência.

Íncubo (em latim incubus, de incubare) é um demônio na forma masculina que se encontra com mulheres dormindo, a fim de ter uma relação sexual com elas. O íncubo drena a energia da mulher para se alimentar, e na maioria das vezes deixa-a morta ou então viva, mas em condições muito frágeis. A versão feminina desse demônio é chamada de súcubo.

Então daemons que são seres espirituais "tanto bons quanto maus", estavão de obsediando (ao menos tentaram), pode classificar ele como um Íncubu sim, o demónio da tradição judaico-cristã é o anjo caido, mas o termo original é para definir um ser espiritual, não é errado chamar meu mentor de demonio kkkkk, palavras gerão uma confusão trementa.

mas fica de olho moça você se saiu bem, já sofri ataque de sucubus, e a solução é "orar e vigiar".

Good Vibes.

Link to comment
Share on other sites

Columbia...

Sei que vc não quer assustar a moça, mas se não eram incubus...

O que eram?

Se ela postou, espera uma resposta.

Também estou curioso,o que afinal de contas é,esse ser tão maligno? :evil:

Diego

Em uma dessas experiencias, eu pude ver claramente uma mulher pelada em cima de mim, "cavalgando"..sem rir em pessoal, to falando sério mesmo.hehe

Acordou com a dama cavalgando?hahahah.......Pelo menos a cavaleira era gatinha?Ou era um dragãozinho? :lol:

Link to comment
Share on other sites

Vixi, gente... O ruim é que nesta experiência que tive primeiro, eu estava acordada. Quando iniciou eu estava sonolenta, mas quando tomei consciência do que estava acontecendo, me apavorei e fiquei bem desperta. Até conseguir me livrar daquilo, não foi fácil. Mas deu tudo certo.

É como eu disse. Em pesquisas que fiz, ouvi dizer que um Incubus não necessariamente é de natureza demoniaca, mas qualquer espírito mal intencionado pode assumir este papel, pois tanto o demônio em si, quanto um espírito maléfico, se alimentam do medo e tristeza de seu alvo.

Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share

×
×
  • Create New...