• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Recommended Posts

Olá amigos! :D

Me veio a seguinte pergunta: será que existem espíritos (desencarnados) que são ateus?

Quando digo desencarnados, me refiro tanto os que não adquiriram sequer a consciência que desencarnaram quanto os que já a adquiriram, mas por algum motivo não aceitaria a existência de Deus.

Percebam que a questão é um pouco delicada, controversa... por isso, peço respeito e tolerância hoje e sempre! E se a coisa desandar eu METO A MÃO EM TODO MUNDO AQUI!!! :twisted::lol::lol::lol:

Enfim, queridos amigos, fica a (ao meu ver) interessante pergunta.

Share this post


Link to post
Share on other sites

O queee? Elopes postando tópico? :o

hehehehe

Eu também pensei nisso. Pra falar a verdade, eu sou meio ateísta, não creio em deus. Mas, estou comprovando sonhos lúcidos e projeção pelo menos. No caso dos desencarnados, por que não? Não tenho dúvidas que possa ter espírito assim, que sabe que morreu, era ateu na vida e pensa "morri, to aqui, mas isso não comprova a existência de deus". Eu até acho que essa será minha condição quando morrer :lol:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sim, certamente existem. A continuação da vida depois do desencarne, por si só, não é uma prova da existência de Deus. Creio que para perceber Deus, é preciso se predispor, é preciso tentar. Quem fica esperando provas "caírem do céu", certamente nunca as terá. Sejam encarnados ou desencarnados.

Share this post


Link to post
Share on other sites

eu ia falar o mesmo que a toquinha, eu provavelmente serei um desencarnado ateu, a existência pós-vida não implica na existência de deus.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Olá amigos! :D

Me veio a seguinte pergunta: será que existem espíritos (desencarnados) que são ateus?

Quando digo desencarnados, me refiro tanto os que não adquiriram sequer a consciência que desencarnaram quanto os que já a adquiriram, mas por algum motivo não aceitaria a existência de Deus.

Percebam que a questão é um pouco delicada, controversa... por isso, peço respeito e tolerância hoje e sempre! E se a coisa desandar eu METO A MÃO EM TODO MUNDO AQUI!!! :twisted::lol::lol::lol:

Enfim, queridos amigos, fica a (ao meu ver) interessante pergunta.

Vou minha opinião com base na minha vivencia em reuniõs mediunicas que eu paticipo.

Sim, existem Espíritos desencarnados ateus, são Espíritos, que encarnados também eram ateus, como você sabe a morte não transforma niguem, seus pensamentos, opiniõs e atitudes não mudam so por que desencarnaram.

Sim existem casos de Espíritos que desencarnaram ateus, e sabem disto, porém acham que isto é mero acaso da natureza, não conseguem admitir a existência de Dues, não concebem Deus como arquiteto deste fenomeno, achando que é mera obra do acaso.

Ja os Espíritos inconscientes, presos em sua ideia da não existencia de Deus, são os mais dificeis de se dialogar, acham que ainda estão encarnados, continuam seus afazeres como antes, e se antes não acreditavam em Deus, ainda continuam não acreditando.

:DPAZ :D

Share this post


Link to post
Share on other sites

O problema é que a palavra "Deus" na humanidade tem muita ligações negativas.

Mesmo alguem que "acredita em deus" deveria ficar desconfortavel ao dizer a palavra deus,por causa de todos os seus diferentes significados,por causa do abuso,por causa da historia.

Dizer a palavra "Principio de organização" é algo que eu sinto mais confortavel,faz mais sentido,e seria muito mais facil de se compreender.

Nosso mundo não é caotico,tudo é criado com base em regras,leis,padrões, se quisermos ter maior controle de nossa vida,precisamos conhecer quais são essas leis e regras como por exemplo o "Karma" etc.

Acho que a palavra "Deus" deveria ser abolida,pois seu passado é muito pesado. Com uma nova palavra,as coisas ficariam mais faceis.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Percebam que a questão é um pouco delicada, controversa... por isso, peço respeito e tolerância hoje e sempre! E se a coisa desandar eu METO A MÃO EM TODO MUNDO AQUI!!! :twisted::lol::lol::lol:

achei isso engraçado! :lol::lol::lol: mas dou apoio uhuhu

sua pergunta é boa!! e como já responderam ateu aqui é ateu no além tb...Mas , tem uma coisa, acho que tem "níveis de ateus" sabe tem uns que nao acreditam em espirito, em vida apos a morte, em nada disso. No caso desse tipo de ateu , quando ele morrer e caso tenha alguma consciencia da sua situaçao de morto, acho que nessa situaçao ele vai deixar de ser um pouco ateu. Pode continuar sem acreditar em deus, mas vai passar a acreditar em outras coisas espirituais...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Deve ser conflitante você não acreditar em vida após as Morte, Espíritos etc.. e se achar lá sem corpo físico, após uma vida inteira defendendo a tese de morte no tumulo.

A consciência de estar desencarnado sempre vem, mesmo demorando anos para alguns. e que irá demorar segundos para muito de nós do forum :lol:

Sobre acreditar ou não em Deus, é a mesma coisa que no Físico, não mudamos de crença apenas por estar fora do corpo (a não ser a crença de vida após a morte :D ).

Eu não consigo acreditar que Deus não Existe, que tudo se formou do nada, que todos os seres e a natureza, e o universo

surgiram do nada. Não consigo acreditar que não exista alguma coisa de inteligencia infinita por trás de tudo. Não sei como Deus é, apenas desconfio de que ele esteja em todos os lugares a todo momento, que é tão grande que foge a minha limitadíssima compreensão.

Também não consigo achar falhas na criação. Em tudo consigo ver um aprendizado, algo bom. Seria legal que alguém postasse alguma falha na criação, mas não venha com pessoas passando fome,frio etc.. Pois todos aqui acreditamos em vida após a morte (ou quase todos), e basta ter um pingo de lucidez para perceber que as dificuldades nos elevam, se sabermos suportar.

Se não acho falhas, logo penso que o criador é perfeito, tão perfeito que apenas consigo imaginar uma faísca do que ele é, e deduzo que é perfeito.

Só em pensar em Deus, e que sou Eterno, uma energia linda chega até mim.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Desculpem a referência, mas no superpop sempre vai um rapaz que representa o ateísmo. Ele procura pregar a lógica e contradizer os demais participantes que são representantes da Igreja, Doutrina Espírita, Evangélicos, etc...!

Ele agrada porque nos ajuda a estudar o caso sem se apegar muito e ficar pensando no assunto!

Acredito que ele morre, vira desencarnado, e continua Ateu!

De minha parte acho que deve haver sim vários exemplos de espíritos ateus; sendo essa porém, apenas uma condição de "ser" no momento!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Olá amigos!

Me veio a seguinte pergunta: será que existem espíritos (desencarnados) que são ateus?

Quando digo desencarnados, me refiro tanto os que não adquiriram sequer a consciência que desencarnaram quanto os que já a adquiriram, mas por algum motivo não aceitaria a existência de Deus.

Percebam que a questão é um pouco delicada, controversa... por isso, peço respeito e tolerância hoje e sempre! E se a coisa desandar eu METO A MÃO EM TODO MUNDO AQUI!!!

Boa noite amigo!

Sim, existem espíritos ateus, a condição desencarnado não muda a concepção de alguém, se era ateu quando encarnado, ateu será quando desencarnar. É tudo uma questão de consciência, "estado de consciência", se levar em conta que com a evolução passamos a mudar nossos paradigmas, um ateu encarnado ou não, vai deixar de ser ateu, a medida que passa a se conhecer e ao próprio Universo, porque a verdade é só uma, o que muda são as opiniões.

Paz e luz.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá Elopes como vai? Excelente pergunta... Eu estava estudando o assunto e a idéia era abrir um tópico semelhante...

Incluindo a sua pegunta:

Me veio a seguinte pergunta: será que existem espíritos (desencarnados) que são ateus?

Se vc olhar do aurélio e traduzindo ao pé-da-letra, ateu é quem não acredita em Deus ( ponto final ), pois bem!

Abrindo um pouco a mente e quebrando os paradigmas e viajando um pouco na maionese... Eu poderia afirmar que de uma certa forma se a pessoa acredita naquele Deus barbudo que mora nas nuvens e que possui a imagem e semelhança do Homem É O DEUS ( um amigo meu evangélico acredita que Jesus Cristo é o próprio DEUS pois está escrito na Bíblia )....

Pergunto:

Essa pessoa também de certa forma é ATEU???

O Ateu de Hoje ( tempos modernos ) também não seria o Cético???

:shock:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sou espiritualista e ateu.

Interpreto Deus da Bíblia como a natureza búdica, o higher self, a Vida em sua essência. Essa coisa Nova Era.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Sou espiritualista e ateu.

Interpreto Deus da Bíblia como a natureza búdica, o higher self, a Vida em sua essência. Essa coisa Nova Era.

Oi John! ;D

Acho que você é talvez um agnóstico, já que um ateu não crê em nada "imaterial" ou divino, ou qualquer coisa extrafísica.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Agnosticismo

http://pt.wikipedia.org/wiki/Ate%C3%ADsmo

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sim, o ateísmo é uma posição fechada, a pessoa acredita na não-existência de divindade alguma. O ateísmo geralmente vem acompanhado do ceticismo, onde, além da questão de acreditar que não há um deus, também não se acredita em nada que não possa ser comprovado cientificamente. Nada "sobrenatural", "paranormal", "espiritual", etc.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pelo que estudei nenhum espirito chegou a confirmar ou ver Deus.

Logo nem na ciência nem na espiritualidade pode se confirmar sua existência.

Porem mesmo ele existindo abre mais dúvidas.

Ele realmente criou o universo ? Ele foi criado por quem ? Se ele não foi criado, como surgiu? Sua sabedoria é limitada ou ilimitada ? ele pode tudo, mas poder tudo não é um "paradoxo"?

A maioria dessas perguntas não tem nenhum valor 'Evolutivo'.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Em si crença ou não em deuses não é algo decisivo.

Cristãos no astral falaram com 100% de certeza que cristo existe.

Hindus dirão que não existe um Deus e sim vários, sendo o criador destes Brahma.

Satanistas falaram que não existe um Deus criador e que cada espirito é uma parte de um mesmo Deus.

Ateístas dirão que não existe força controladora nenhuma.

Budistas dirão que Deus não existe.

Qual deles estaria correto.

Sendo que todos eles acham estar corretos e que estão "Mais evoluídos" e que cada um seguira a sua religião?

Todos, nenhum, um, todos menos um, alguns estão certos, alguns estão errados ?

Independentize de crenças, o mais importante é buscar praticar a virtude, generosidade,concentração e praticar a sabedoria.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mesmo que exista, pode ser que não seja possível "ver Deus". Na nossa limitada capacidade de compreensão, temos a tendência de dar a Deus uma personalidade e aparência humanas. Tendemos a personificá-lo, imaginando que ele/ela seja um ente individual, com uma forma definida.

Os que enxergam Deus como "o todo" não o personificam. Nesse caso, dizem que Deus está em todos os lugares, permeando tudo e todos. Não é possível ver Deus, pois ele/ela não é uma entidade individual, é TUDO.

Creio, sim, que um dia seremos capazes de entender essas coisas. Como se deu a origem do universo, se Deus existe, como surgiu? Etc... à medida que formos evoluindo, dentro de alguns milhares (ou milhões) de anos, quando nossa consciência ascender em direção ao cosmos e se desprender dessa visão pequena e limitada que a condição humana nos dá, aí sim entenderemos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

":2midw8el]Em si crença ou não em deuses não é algo decisivo.

Cristãos no astral falaram com 100% de certeza que cristo existe.

Hindus dirão que não existe um Deus e sim vários, sendo o criador destes Brahma.

Satanistas falaram que não existe um Deus criador e que cada espirito é uma parte de um mesmo Deus.

Ateístas dirão que não existe força controladora nenhuma.

Budistas dirão que Deus não existe.

Qual deles estaria correto.

Sendo que todos eles acham estar corretos e que estão "Mais evoluídos" e que cada um seguira a sua religião?

Todos, nenhum, um, todos menos um, alguns estão certos, alguns estão errados ?

Independentize de crenças, o mais importante é buscar praticar a virtude, generosidade,concentração e praticar a sabedoria.

Correto. Fé em si não tem como diferenciar. Todas são iguais no que se diz respeito a provas. Não tem como diferenciar a fé cristã da budista, ou da hinduísta com a judaica. Ninguém pode afirmar com absoluta certeza se o deus que elas acreditam é real, ninguém consegue entrar em contato nem evidenciar a existência de nenhum deles. Mas claro, aí que entra a fé, que na minha opinião (sem querer ofender ninguém, claro) é a desculpa que as pessoas dão para coisas cujas quais elas não tem explicação.

Se você analisar, cada religião, ou até mesmo denominação vai diferenciar suas experiências com deus, que nada mais é para muitas o mesmo indivíduo.

Pegue os espíritas: "Deus existe por que o espírito de tal grau na evolução falou pra eu acreditar. Já eu, mero ser começando minha jornada evolutiva devo acreditar nesses seres tão evoluídos (que pra mim não faz o menor sentido crer em TUDO que os espíritos evoluídos dizem)." Mas eu não tenho certeza se ele existe, não o vi, não o escutei, e se o fiz, quem garante que não tenha sido um espírito mais evoluído?

Pegue os católicos: "Deus existe pois está na bíblia. Esta sendo a palavra de deus não está errada, portanto, deus existe."

Pegue os evangélicos: "Irmão!! Deus existe sim! Ele tem um propósito na sua vida, ele vai mudar sua vida! É só você ir para a nossa igreja que você vai ver todos os milagres que ele faz la! Ai meu deus, que benção, eu sinto você aqui quando canto na igreja! *-*"

Eu até acredito que quando a mente (principalmente a debilitada emocionalmente) é trabalhada, refinada, pode-se sim sentir algo, ouvir vozes, pois você acredita muito cegamente naquilo. Tem um teste onde foram dadas pílulas de açúcar (tipo TicTac) para 1000 pessoas, e para cada uma foi dito que essa pílula teria um efeito diferente. Para uns foi dito que essa pílula faria você ter dores de cabeça, para outros, vômito, para outros tontura etc. Os resultados foram muito surpreendentes, mostrando que quando uma pessoa crê muito em algo, sua mente trabalha isso de forma muito feroz, mesmo não sendo real.

Por isso EU pelo menos tenho muitas dúvidas com relação quando alguém me diz que deus existe, ou que eu posso sentir ele etc, pois, e se for algo mental? E se não for deus, mas sim, um espírito mais elevado? E se deus não existir? Você pode provar sua existência com evidências e não somente basear-se em fé para se auto confortar com sua provável mentira pessoal?

Eu fico muito confusa com isso, por esse motivo eu escolhi não acreditar em deus. Já tentei orar, pedir, fazer qualquer coisa, mas não veio nada. Para uns é falta de fé, para outros "deus age misteriosamente". Para mim, não passa de "e o homem criou deus à sua imagem e semelhança".

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não acho que a fé seja uma desculpa. Se a fé é apenas um sentimento, e por isso não merece crédito, também não merecem créditos o amor, a amizade, a lealdade, o carinho e nem outro sentimento qualquer.

Quem já teve uma experiência real de fé, sabe. Simplesmente sabe. Os céticos vão sempre duvidar, sempre. Pois mesmo que vejam uma prova super concreta, vão atribuir isso a uma criação mental. Para os céticos, não há como provar a existência de um deus. Isso nunca será possível. Mesmo que a ciência chegue um dia à conclusão de que há uma "energia criadora", vão dar outro nome e outra explicação.

E igualmente aos céticos que acham que a fé é uma muleta, também podemos dizer o contrário: o ceticismo é uma muleta, que previne a dor de pessoas que não são capazes de conviver com dúvidas. Por isso, preferem decretar que não acreditam "se não houver provas". Aliás, os céticos acreditam, sim, em deus, só que o chamam de "ciência". Eles atribuem à ciência a palavra final e definitiva sobre todos os assuntos, mesmo sabendo o quanto nossa ciência ainda é incipiente.

Eu, particularmente, acho ofensivo chamar a fé de muleta, e também o ceticismo. Acho que cada pessoa, dentro do seu grau evolutivo e dentro do seu momento, chega até onde é capaz. A dúvida dos céticos sobre a existência de deus não afeta a minha certeza de que ele existe. Assim como a certeza dos que acreditam não deveria ser motivo de desconforto nos ateus.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nós vivemos há milênios familiarizados com a crença da existência de deus ou deuses, eu acredito que essa certeza que os crentes dizem tanto ter, nada mais é do que essa familiaridade com a crença de tantos milênios seguidos.

uma autolavagem cerebral, temos a tendência de repetir nosso passado, fazer o que já fizemos, acreditar no que já acreditavamos.

se eu ficar acreditando em tudo que quero, em tudo que acho que deve ou deveria ser, em tudo que minha "certeza interior" ou intuição me disser, vou inevitavelmente acabar fazendo exatamente as mesmas coisas que já venho fazendo a milênios, encarnação após encarnação, tudo a mesma coisa novamente.

por isso eu não acredito em nada sem provas, não acredito em nada que dizem sem experimentar por mim mesmo e comprovar.

é assim que eu penso, só estou tentando evitar meus próprios erros, meus autoenganos.

eu respeito quem acredita cegamente, respeito quem duvida cegamente também, mas eu não acredito nem duvido, eu questiono, e ainda não consegui minha resposta nesta questão.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom, eu, que já me declarei cético durante muito tempo, certamente não acredito por condicionamento, por preguiça de pensar, nem nada parecido. Acredito porque cheguei a essa conclusão. Aliás, eu nem curto usar a palavra "acredito", prefiro usar a palavra "sei", tem mais a ver com o meu posicionamento a respeito.

E duvido que a ciência seja capaz de provar, ou negar, um dia a existência de um deus. Aliás, dia após dia, verificamos que a ciência vive de consertar seus próprios erros. Ou seja, como depender dela para acreditar na existência de um deus, se a ciência é tão falha e limitada?

Share this post


Link to post
Share on other sites

É difícil definir o absoluto, e Deus é, apenas isso, não há como defini-lo ou personificá-lo, não em nosso estado atual de consciência.

Respeito os que não acreditam e que necessitam de provas para aceitá-lo, mas independente disso busquem o divino em tudo na sua vida, respeitando o próximo, tolerando as limitações e ofensas dos que nos ferem, seja por orgulho, por medo ou por simples vaidade. Amando a todos sem condições e ajudando sempre que for possível. Deus é a essência de tudo, não é preciso vê-lo para acreditar, eu não enxergo os átomos, mas sei que são a unidade fundamental da matéria, mas se ainda tivesse dúvida bastaria utilizar a tecnologia hj disposta para comprovar isso.

Porém Deus, ser absoluto, esse não existe tecnologia na Terra que possa comprovar sua existência, mas se por um segundo esquecermos nossa mesquinhez, e tomarmos consciência de nossa pequenez, aí talvez seremos capazes de comprová-lo, não para os outros, mas para nós mesmos.

Olhem a harmonia de tudo que o homem ainda não compreende direito, a ligação entre todas as criaturas,a perfeição do movimento dos orbes, do microcosmo ao macrocosmo, tudo funciona em perfeita sinfonia, para mim isso já é comprovação mais que suficiente de sua existência, mas não é necessário muito, aprendemos a fechar os olhos e entrar em comunhão com a natureza, não precisamos ver Deus, mas podemos senti-lo, assim como sentimos uma brisa suave, mas só poderemos sentir sua sutileza, quando aprendermos a acalmar nossa mente e nosso coração.

Fiquem em paz.

Paz e luz.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Palestra Espírita - Therezinha Oliveira - Que é Deus - Parte 1

Palestra Espírita - Therezinha Oliveira - Que é Deus - Parte 2

Palestra Espírita - Therezinha Oliveira - Que é Deus - Parte 3

Palestra Espírita - Therezinha Oliveira - Que é Deus - Parte 4

:DPAZ :D

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bacana, Gilbert. Concordo com você.

Eu acredito, sim, que é possível ter uma experiência verdadeira e concreta com Deus, seja de que forma ele possa ser compreendido. No entanto, acho que temos ter realmente vontade de buscar isso, pois ele não vai bater na nossa porta um dia e dizer "aqui estou, eu existo". Acho que inclusive é por isso que nós todos somos dotados dessa necessidade de entender, pois ela nos empurra em direção à busca.

Desde que me libertei da visão cristã de Deus, pude respirar aliviado. O Deus cristão é um tirano insuportável, um sádico que nos joga no meio do fogo cruzado e ainda se dá ao direito de nos castigar caso não andemos na linha. Esse deus é odioso. Prefiro a imagem de Deus não como um ser, mas como "o todo". Me parece bem mais realista e lógica.

Enfim, seja de que forma for, eu não tenho dúvidas acerca de sua existência.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.