• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
Cesar_groo

Criancas vs espiritualidade, o que fazer?

Recommended Posts

Ola, pessoal espero que estejam todos bem...

Sou casado e tenho um filho de 5 anos e minha esposa segundo o que ela me passou em algumas conversar que tivemos ela `e uma medium ( nao sei de que tipo) so sei que ela me falou que esculta claramente uma voz falando e aconcelhando-a, antigamente com mais frequencia hoje em dia ela nao comenta mais sobre isso( deve ser para o assunto nao render ja que ela nao gosta desta coisas, ja que cresceu na doutrina catolica e nao aceita nao fora disso), que esta coisa de sair voando por ai( `e assim que ela fala), ela faz com muita frequencia e sempre reza para que estas coisas parem de acontecer com ela.Bem agora que estou estudando a espiritualidade com mais seriedade e acredito que desta vez com mais consciencia, gostaria de ter informacoes ou ate mesmo deixar esta questao para que possamos discutir se `e indicavel ou nao a introducao da espiritualidade as criancas? como comecar a passar isso para uma crianca se com a idade de comecar a ir para a escola tambem `e uma idade em que acredito que a maioria dos pais pensao em ensinar os filhos que nao se deve levar desaforo para casa, que se alguem o bater que ele tem que se defender e nao admitir ser motivo de gozacao entre as outras criancas e ao mesmo tempo dizer que nao importa que digam o que esta dentro dela `e o que realmente importa, que as ofencas sao as armas dos fracos e invejosos. Tambem tem o lado espiritual que segundo informacoes quando vc comeca a trabalhar as sua espiritualidade vc tambem comeca a atrair mais a atencao dos espiritos; As criancas ja sofrem assedios? seriam elas assediadas se comecassem a trabalhar a espiritualidade mesmo que superficialmente? Os mentores permitiriam algo assim? Seria adequado aguardar ate a adolecencia, onde ela tem mais condicao de entendimento as coisas( mais que tambem e uma faze que nao levariam a serio)? Deveriamos deixar que o tempo se encarrega-se de mostrar o caminho?

Nao sei o que pensar, pensando em tudo isso...rsrsr

Bem, se alguem tiver alguma nocao de como tratar este assunto ficaria muito grato pela ajuda, e mesmo assim seria interessante saber opnioes de diferentes pontos de vista sobre o assunto...

Muito obrigado pelo interesse no topico..

Abraco a todos...

Cesar_groo

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não tenho filhos, nunca quis, mas vou falar da minha experiência como criança.

Nem minha mãe nem meu pai nunca acreditaram em nada de espiritualidade. Eu e el semrpe tivemso um ótimo diálogo, mas na área de espiritualidade embora ela veja vídeos e leia livros que eu indico, ela semrpe se sai com “e quem garante que isso é verdade?’, como se houvesse garantia para alguma coisa na vida....meu pai então, sem comentários....nunca tive diálogos com ele sobre nada disso. E quando eu tinha 20 anos ele soube por terceiros que eu era instrutor da gnose, achou que a pessoa que assistiu a aula se enganou e que não podia ser eu, e veio me perguntar se era verdade, mas aprender algo? Nada nunca nem perguntou.

Minha mãe tentou em convencer, quando eu tinha uns 7 anos, que quando a gente morre é como dormir, como uma lâmpada que queima, tudo se apaga, nada continua. Eu nunca tive medo da morte até ela falar isso, e passei umas 3 noites com medo de dormir, ehehehe, mas o fato é que nunca aceitei essa visão dela, mesmo naquela idade.

As melhores instruções espirituais que tive foram nas aulas de religião do colégio, que no meu tempo eram obrigatórias. Acho uma lástima que não seja mais, porque nas que eu tive só foram falar em Bíblia lá pelo meio ou fim do primeiro grau. Nas primeiras sérias aulas de religião eram mais sobre ética de convívio: não mentir, ajudar a quem precisa, respeito humano mesmo. Quando tive aulas bíblicas botaram o mapa da Galiléia na prova e a gente tinha que marcar as cidades pelas quais Jesus passou. Quase rodei naquela prova! Eheheheh. Mas apredíamos a achar capítulos e versículos, quantos livros compunham a Bíblia ,etc. Independente de crenças, se um monte de gente se diz cristão, trata-se de uma obrigação educacional ensinar aos alunos de onde isso saiu. Para mim é como aula de geografia, você tem que saber onde está neste planeta, e onde estão os outros, até para entender o noticiário da TV, que vive falando em guerras entre países. O mesmo se aplica a religiões, no meu entender. Privar os alunos dessa cultura religiosa é fecha-las na visão materialista que predomina na ciência, não é imparcialidade.

E quando dava filme bíblico na TV, eu sempre via, e depois usava meu conheciemnto de escola para localizar as estórias na Bíblia e ler mais detalhes. Nunca me senti atraído por formalidade religiosas, mas o que me fascinava era a comunicação entre homens e Deus ou seja lá o que fosse aquilo. Essa via de mão dupla entre os planos, gente trabalhando aqui, com orientação de lá sempre achei fascinante e algo vivo.

Então um dia.....quando comecei a ganhar mesada, quando eu tinha 12 anos, saí para comprar livros (ninguém na minha família era de ler, tínhamos 6 livros em casa apenas; pequeno príncipe, Fernão Capelo Gaivota, e 4 do Og Mandino. Depois de ler e reler os mesmos, fui a caça) e vi um livro na vitrine da livraria: Entre os monges do Tibete, de Lobsang Rampa. Me apaixonei pela capa, entrei e comprei. Enquanto tiravam a nota, virei o livro e vi aquela cara “suspeita” do Lobsang, careca, barba por fazer, cabeça furadinha saindo umas fumaças de incenso, e pensei: Que droga! O autor é daqueles caras que querem ensinar os outros como viver suas vidas, e ele nem deve saber viver a sua”. Fiquei com vergonha de cancelar a compra e levei o livro mesmo assim.

Me apaixonei pelo autor, descobri o conceito de reencarnação, que fez PLIM dentro de mim, dando finalmente um sentido a vida, que semrpe me pareceu meio sem propósito (comer, estudar, trabalhar, casar, ter filhos, aposentar-se, e morrer. Desperdício de recursos!) e por isso mesmo comprei apenas 10 dos seus 19 livros, para me proteger contra a atitude “conheco toda a obra desse cara”. Ate hoje, aos 42 anos, nunca li os outros 9 livros, eheheehe. E foi graças ao livro “Você e a Eternidade”, que e um manual pratico, que tive minha primeira projeção consciente. O Robert Bruce também, o que é um belo taap na cara das pessoas que alegam que o Lobsang era uma fraude. Como no caso de qualquer “guru”, não importa o que ele é, importa o que ele nos traz.

Minha família, inclusive tios, me pressionava para eu largar de ler isso, achavam que esses caras faziam lavagem cerebral. Tranquei o facão no toco e ainda convenci uma tia, que aliás tem toda a coleção do Lobsang.

Aos 14 entrei pela primeira vez na gnose, e novamente sofri pressão da família em geral para eu me afastar. Eu dizia: ao invés de ficarem tentando discutir comigo sem saberem nada do que se trata, porque não vão lá e assistem? Diziam que iriam, faziam estardalhaço, mas como todo mundo que age assim, nunca tiraram a bunda da cadeira para aprender lhufas. Azar o deles, eu segui aprendendo.

Alguns anos depois meu primo, filho justamente de um tio desses que me enchia o saco, começou a puxar papo comigo sobre isso, e eu lhe explicava o que me fosse perguntado, para evitar influneciá-lo demais (ele tinha 11 ou 12 anos). Passou-se mais um tempo e meu primo quis entrar na gnose, e meus tios armaram um barraco, e ele não entrou...Nunca entendi o que pressão familiar tem a ver com a decisão da gente, filhos, mas o fato é que ele não comprou a briga.

Passaram-se muitos anos e eu soube há uns 6 ou 7 anos que ele acabou fazendo faculdade de teologia numa dessas igrejas protestante eu acho.

Porque eu contei tudo isso, de mim e do meu primo?

Quem é DA COISA vai para A COISA, independente de família. O impulso espiritual se impõe. Quem não é não adianta, pode ser criado desde pequeno nisso, chega na adolescência chuta o balde para bancar o rebelde ( Já vi filhos de gnósticos fazerem isso, filhos de judeus, e filhos de evangélicos...jogam fora todo o esforço dos pais que achavam que lhe pouparaim tempo ensinando “as melhores coisas’ desde cedo )

E provável que minhas aulas de religião tivessem todo o tipo de dogma embutido, mas eu lembro de algum? Nada, se tinham, passou batido. Não fiz crisma, nem primeira comunhão, nem sei lá mais o que, apesar de ter sofrido água pressãozinha para fazer. Até pensei num certo momento, entre os 12 e os 14, em virar padre, não pelas crenças, mas pela idéia de dedicar minha vida toda a espiritualidade, não fazer nada mais na vida que não fosse isso. Felizmente a gnose (com sua explicação sobre os 4 caminhos, vinda do ensinamento do Gurdjieff, me abriu a compreensão nesse sentido).

Então creio que o melhor seria deixar a criança se manifestar. Se ela sentir inclinação ela vai perguntar, e você vai dando aos poucos, de acordo com o que ela pedir. Assim não força, não doutrina, mas também não tolhe. Mas como disse, não tenho filhos, só falo isso baseado no meu achismo, baseado nas minhas experiências como criança.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Grande equivoco o nosso no começo, quando começamos a nos interessar por assuntos espirituais, pensar que seremos médiuns! Começamos a fazer o curso de aprendiz do evangelho e depois paramos! Não voltamos mais e não mostramos mais interesse no momento!

Esta questão, diz respeito ao momento de evangelizar-se! Nos enganamos pensando que vamos ser médiuns, mas a verdade é que ali ocorre o momento de evangelização!

No caso das crianças, existe a evangelização infantil! Que acontece no centro espírita onde se reúnem crianças com várias atividades lembrando a evangelização!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Ola, pessoal espero que estejam todos bem...

Sou casado e tenho um filho de 5 anos e minha esposa segundo o que ela me passou em algumas conversar que tivemos ela `e uma medium ( nao sei de que tipo) so sei que ela me falou que esculta claramente uma voz falando e aconcelhando-a, antigamente com mais frequencia hoje em dia ela nao comenta mais sobre isso( deve ser para o assunto nao render ja que ela nao gosta desta coisas, ja que cresceu na doutrina catolica e nao aceita nao fora disso), que esta coisa de sair voando por ai( `e assim que ela fala), ela faz com muita frequencia e sempre reza para que estas coisas parem de acontecer com ela.Bem agora que estou estudando a espiritualidade com mais seriedade e acredito que desta vez com mais consciencia, gostaria de ter informacoes ou ate mesmo deixar esta questao para que possamos discutir se `e indicavel ou nao a introducao da espiritualidade as criancas? como comecar a passar isso para uma crianca se com a idade de comecar a ir para a escola tambem `e uma idade em que acredito que a maioria dos pais pensao em ensinar os filhos que nao se deve levar desaforo para casa, que se alguem o bater que ele tem que se defender e nao admitir ser motivo de gozacao entre as outras criancas e ao mesmo tempo dizer que nao importa que digam o que esta dentro dela `e o que realmente importa, que as ofencas sao as armas dos fracos e invejosos. Tambem tem o lado espiritual que segundo informacoes quando vc comeca a trabalhar as sua espiritualidade vc tambem comeca a atrair mais a atencao dos espiritos; As criancas ja sofrem assedios? seriam elas assediadas se comecassem a trabalhar a espiritualidade mesmo que superficialmente? Os mentores permitiriam algo assim? Seria adequado aguardar ate a adolecencia, onde ela tem mais condicao de entendimento as coisas( mais que tambem e uma faze que nao levariam a serio)? Deveriamos deixar que o tempo se encarrega-se de mostrar o caminho?

Nao sei o que pensar, pensando em tudo isso...rsrsr

Bem, se alguem tiver alguma nocao de como tratar este assunto ficaria muito grato pela ajuda, e mesmo assim seria interessante saber opnioes de diferentes pontos de vista sobre o assunto...

Muito obrigado pelo interesse no topico..

Abraco a todos...

Cesar_groo

Acho que eu posso te ajudar ( mas vou fazê-lo aos poucos). Lembrando que eu cresci no catolicismo...

Penso que você deve sim introduzir a Multimensionalidade/epiritualidade para a sua esposa, o que me ajudou no começo foram as evidências de PROJEÇÃO ASTRAL na Bíblia... São pelo menos 4 ou 5 citações da PA...

Se você me responder e mostrar interesse... eu te passo esses versículos..

Abraço

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ensina a criança o caminho reto e quando adulta ela não se desviará. Isso tem na biblia, não sei o versiculo.

Muito bom vc como pai estar aberto ao aprendizado, pois issocertamente influenciara sua filha a aprender tbm.

Imagina o que acontece quando uma criança dessas nasce num meio evangelico extremista! Ela nem tem tempo de respirar e já ensinam a ela a chamar tudo tudo de coisa do demonio...

Sobre vozes no ouvido dela ela vai entender com o tempo, mas vc deve ensinar a ela que ela sempre tera o poder de decidir e essas vozes são apenas orientações, nunca ordens. Saiba tbm que podem existir conselhos pra o bem ou pra o mal.

O que fazer então? adquirir conhecimento e sabedoria.Ensine sua filha a orar pro anjo da guarda ou pro mentor. Ensine a ela a orar pra o espirito santo, que é o dono e senhor de todo entendimento e toda sabedoria.

Ensine sua filha o caminho da luz e quando ela crescer ela não vai se desviar!

Amigo, tanto vc quanto sua filha tem grandes responsabilidades. Ela ta pequena e agora a responsabilidade é toda sua! Que Deus te abençoe e ilumine!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Interessante é que a pessoa que abriu o tópico não se manifestou mais....

Comentários como esse:

Ensina a criança o caminho reto e quando adulta ela não se desviará. Isso tem na biblia, não sei o versiculo.

Muito bom vc como pai estar aberto ao aprendizado, pois issocertamente influenciara sua filha a aprender tbm.

Imagina o que acontece quando uma criança dessas nasce num meio evangelico extremista! Ela nem tem tempo de respirar e já ensinam a ela a chamar tudo tudo de coisa do demonio...

Sobre vozes no ouvido dela ela vai entender com o tempo, mas vc deve ensinar a ela que ela sempre tera o poder de decidir e essas vozes são apenas orientações, nunca ordens. Saiba tbm que podem existir conselhos pra o bem ou pra o mal.

O que fazer então? adquirir conhecimento e sabedoria.Ensine sua filha a orar pro anjo da guarda ou pro mentor. Ensine a ela a orar pra o espirito santo, que é o dono e senhor de todo entendimento e toda sabedoria.

Ensine sua filha o caminho da luz e quando ela crescer ela não vai se desviar!

Amigo, tanto vc quanto sua filha tem grandes responsabilidades. Ela ta pequena e agora a responsabilidade é toda sua! Que Deus te abençoe e ilumine!

É como dizer para esse Pai que pediu ajuda ( embora ele ande sumido). Crie sua filha dentro da Igreja/Bíblia que tá tudo certo.

Ou será que eu Li errado o apelo desse Pai??? :shock::shock:

Share this post


Link to post
Share on other sites
É como dizer para esse Pai que pediu ajuda ( embora ele ande sumido). Crie sua filha dentro da Igreja/Bíblia que tá tudo certo.

Ou será que eu Li errado o apelo desse Pai???

Se ele realmente criar como manda a bíblia, tenho só pena da criança :pal:

Share this post


Link to post
Share on other sites
Se ele realmente criar como manda a bíblia, tenho só pena da criança :pal:

Escolhe um dos 4 evangelhos, arranca as paginas, grampeia tudo junto, e pode queimar o resto. Ai e so manter a crianca longe das igrejas....

Share this post


Link to post
Share on other sites
Se ele realmente criar como manda a bíblia, tenho só pena da criança :pal:

Escolhe um dos 4 evangelhos, arranca as paginas, grampeia tudo junto, e pode queimar o resto. Ai e so manter a crianca longe das igrejas....

Nem assim! rs

Tenho muito pra falar da bíblia mas acho que vou levar pedrada como sempre :lol:

Como falaram pro Junior, brasileiro não aceita crítica, se eu falar que o deus da bíblia é um matador profissional, sádico, sanguinário e imoral já vem gente falar que sou do capeta e tal, nunca tendo lido a bíblia completamente.

Share this post


Link to post
Share on other sites
o deus da bíblia é um matador profissional, sádico, sanguinário e imoral

O que?!! O Bom Velhinho? Imagina! Nao era ele o tal que habitava as montanhas, incitava seu povo a guerra, instruia como dividir o espolio de guerra e a quem matar; que segundo as mas linguas tentou matar Moises; e que foi responsavel pela morte do primogenitos no egito?

Aquele que condenava sacrifcios humanos mas que aceitou um sem chiar quando um pai prometeu sacrificar o primeiro membro da familia que o viesse receber ao voltar da guerra, se lhe fosse dada a vitoria naquele combate?

Que injustica voce faz ao Bom Velhinho Toquinha! So' voce mesmo para pensar isso dele!

Share this post


Link to post
Share on other sites
o deus da bíblia é um matador profissional, sádico, sanguinário e imoral

O que?!! O Bom Velhinho? Imagina! Nao era ele o tal que habitava as montanhas, incitava seu povo a guerra, instruia como dividir o espolio de guerra e a quem matar; que segundo as mas linguas tentou matar Moises; e que foi responsavel pela morte do primogenitos no egito?

Aquele que condenava sacrifcios humanos mas que aceitou um sem chiar quando um pai prometeu sacrificar o primeiro membro da familia que o viesse receber ao voltar da guerra, se lhe fosse dada a vitoria naquele combate?

Que injustica voce faz ao Bom Velhinho Toquinha! So' voce mesmo para pensar isso dele!

Esse mesmo! Que apóia a escravidão, que manda matar seus filhos desobedientes, que é homofóbico, que mesmo sabendo que a primeira pessoa que o pai veria depois da guerra seria seu filho ainda assim ajudou-o a ganhar :lol:

Share this post


Link to post
Share on other sites

projeção astral... espiritualidade... vida após a morte... religiões... Deus...

Nada a ver isso, né?

Quero so ver essa gente no plano astral tendo q lidar com seres dementados das trevas!

Se pra vcs o unico deus que existe é o deus-de-papel da biblia, na boa, acho q vcs estão precisando de amparo!

Pra mim a perpectiva de projeção astral está indissociada da ideia de Deus, da ideia de que todos nós temos que procurar a luz de Deus!

Mas vamos combinar o seguinte: vcs ateuzinhos revoltadinhos projetores astrais façam sua parte que eu faço a minha, cá do meu lado, como bom crentezinho obedientezinho...

Mas sinceramente, me parece absurdo alguem falar de projeção astral e falar mal de Deus. Preciso entender isso.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Falo mal do deus bíblico, assim como cristãos criticam o islamismo e esses as outras crenças. Normal. Como falei, eu meio que sabia que ia levar cascudos, mas não importa, nada muda o fato do deus cristão ser uma cópia mal feita de muitos outros muito mais antigos, só que com a adição de "ou crê ou queima".

Ah, to louca pra criar o tópico Sandro, me dá uma luz! :)

PS: Ninguém ta revoltado amigo ;)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Ninguem esta falando mal de Deus colega (eu pelo menos nao). Estamos falando do PERSONAGEM Deus, conforme o BOLETIM DE OCORRENCIAS dele, presenta na Biblia. Acreditar que aquele personagem e Deus e que cria problema, tornando muita gente ateista.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Falamos mal do deus bíblico, assim como cristãos criticam o islamismo e eles as outras crenças. Normal. Como falei, eu meio que sabia que ia levar cascudos, mas não importa, nada muda o fato do deus cristão ser uma cópia mal feita de muitos outros muito mais antigos, só que com a adição de "ou crê ou queima".

Ah, to louca pra criar o tópico Sandro, me dá uma luz! :)

PS: Ninguém ta revoltado amigo ;)

Toquinha, no fundo isso tudo e brincadeira, pelo menos para mim. Mesmo o que eu citei nao e tao simples, ha uma explicacao para tudo isso, a Biblia nao pode ser analisada de forma tao simplista. Por isso existem milhares de tratados de teologia.

O problema e, como eu disse ao gpcosta, que esse personagem foi REPRESENTADO de forma muito especifica na Biblia, refletindo a crenca dos judeus, algo socialmente e historicamente muiot particular.

Ha uma sabedoria po tras de cada acao dessas, claro, mas se olharmos de forma superficial, fica tudo um conjunto de incoerencias malucas e o PERSONAGEM DEUS fica seriamente QUEIMADO. Por isso tanta gente prefere ser ateista.

As vezes chego a concrodar com o catolicismo antes de reforma: liberaram os textos para as massas, e eels nunca foram porjetados para serem publicos, sao textos e cartas privadas, circulando entre pessoas que conheciam o significado delas. Jogou para as massas, deu confusao.

Botem na conta do Lutero.

E' como o pessoal que alega: ah, se existisse Deus nao haveria tanto mal no mundo. Isso e simplista demais! O mesmo para essas interpretacoes rapidas sobre esses eventos, memso aqueles que eu listei do BOLETIM DE OCORRENCIAS do "elemento". Nao acho uma boa criar um topico para isso, vai ser apenas dar mais corda para essas interpretacoes apressadas.

O que me deixa fulo da vida e' a Biblia listar esse monte de ocorrencias 'suspeitas' que queima o filme da espiritualidade para qualquer um com bom senso. Precisa um bom tempo e boa vontade para enxergar alem disso. Poderiam ter selecionado estorinhas melhores. Ha muitos absurdos bem piores nos apocrifos, que foram cortados da selecao biblica. Por mim, deveriam ter cortado muito mais coisas, como esses estorinhas terriveis do "bom velhinho". A selecao de textos foi mal feita, prejudica a mensagem.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Desculpa Sandro, achei que estávamos juntos nessa :o

Até editei minha mensagem viu? rs

Me equivoquei mesmo quanto à isso, desculpinhas :pal:

Bom, acho que não vou criar mesmo, talvez uns entendam como ofensa. Obrigado pela opinião :hug

Share this post


Link to post
Share on other sites

Em primeiro lugar, a questão aqui não é a biblia ou o deus biblico, mas sim a educação religiosa de uma garotinha que tem um pé no mundo fisico e outro pé no mundo espiritual...

O centro de tudo é o pai da garotinha que veio aqui pedir ajuda.

Em segundo lugar, se tem muita gente ateista no mundo por não ter estudado/entendido/ sido ensinado sobre a biblia, isso é uma outra questão. A questão mesmo é haver gente ateista AQUI, num forum sobre projeção astral.

Isso é que lasca!

Depois essas pessoas tão pertinho de sair em astral e assim q vêm uma "alma" logo pedem pra voltar e ficam se tremendo, travados por meses,jogando fora tanto o trabalho deles quanto o trabalho dos mentores!

Vamos fazer o seguinte: A sua fé, junto com a minha fé, junto com as fezes dos outros, formam um monte de fezes...

É isso que vai resultar toda essa discussão!

Pra mim sem fé em Deus o melhor mesmo é jogar video game, é levar as filhas alheias pro motel, é trabalhar, gastar dinheiro, trabalhar, gastar dinheiro.

Sem fé em Deus, colegas, o melhor mesmo é deixar pra lá essas coisas de projeção astral! É o que eu acho.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tem muita gente que se projeta e nao acredita em Deus, biblico ou nao biblico. FELIZMENTE UMA COISA NADA TEM A VER COM OUTRA. mas aqui no brasil, devido a influencia do espritismo, o pessoal gosta de fazer VENDA CASADA.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom não quero desvirtuar mais o tópico falando da ligação inexistente entre crer em deus e vencer medos ou lidar com obsessores, nem mesmo dizer que quem não crê em deus a melhor coisa a fazer é largar projeção, até porque eu não creio em deuse nunca tive essa dependência. Caso vejo um espírito maléfico, me defendo com minhas energias (que o Splinter sabe que são afiadinhas :lol: ). E falar que ficou surpreso em ver ateus aqui, digo o mesmo sobre você, sendo crente, mas claro, sem preconceitos :mrgreen:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Hey, Kadu, aleu pela nova biblioteca que tenho...espero que arrume tempo para ler tudo isso, e algo que preciso e gosto muito de fazer o peblema e o tempo que nao tenho , mais eu vou dar um jeito de resolver isso logo....

valeu tembem pelo interesse no post e espero que os livros possam me ajudar ...abraco...

Cesar

Share this post


Link to post
Share on other sites
o deus da bíblia é um matador profissional, sádico, sanguinário e imoral

O que?!! O Bom Velhinho? Imagina! Nao era ele o tal que habitava as montanhas, incitava seu povo a guerra, instruia como dividir o espolio de guerra e a quem matar; que segundo as mas linguas tentou matar Moises; e que foi responsavel pela morte do primogenitos no egito?

Aquele que condenava sacrifcios humanos mas que aceitou um sem chiar quando um pai prometeu sacrificar o primeiro membro da familia que o viesse receber ao voltar da guerra, se lhe fosse dada a vitoria naquele combate?

Que injustica voce faz ao Bom Velhinho Toquinha! So' voce mesmo para pensar isso dele!

Sim! esse mesmo Deus que dava os "canais" para Joan of Arc revolucionar a guerra entre a França e a Inglaterra...rssr

Share this post


Link to post
Share on other sites

....Nussss

GPCOSTA se permite, você já começou totalmente convenieste:

Em primeiro lugar, a questão aqui não é a biblia ou o deus biblico, mas sim a educação religiosa de uma garotinha que tem um pé no mundo fisico e outro pé no mundo espiritual...

Eu num conheço nenhuma criança que tenha 5, 6 ou 7 anos.. elas tem no mínimo uns 500 anos ou mais.... Sem falar que esse seu depoimento é totalmente Romântico e "bunitinho", bla, bla, blá...

Outro:

Pra mim a perpectiva de projeção astral está indissociada da ideia de Deus, da ideia de que todos nós temos que procurar a luz de Deus!

VOu considerar que "indissociada" significa "não-associada", partindo desse princípio eu realmente não entendi o que você quis dizer... Porque na verdade quem sai do corpo com 100% de lucidez Têm a certeza que "DEUS" o barbudão que mora nas nuvens nao existe...

Existe sim uma CONSCIÊNCIA UNIVERSAL QUE PERMEIA TODO O UNIVERSO, se vc chama essa consciência de "DEUS" estamos falando da mesma coisa... Pois o que difere é somente a nomenclatura.

Se você se refere ao DEUS da Bíblia, realmente NÃO estamos falando a mesma língua.

Abraço

Share this post


Link to post
Share on other sites

Junior, indissociada quer dizer inseparavel. Dissociar é separar...E não tem como separar o plano espiritual,a perspectiva da vida após a morte,da ideia de Deus.

Adiferença entre o Deus da biblia e o "grande arquiteto do universo" dos maçons e a "grande consciencia cosmica que permeia todo o universo" é uma diferença que foi criada na sua cabeça confusa,pq as três ideias são uma só: Deus todo-poderoso criador do céu e da terra.

Se vc tem problemas com alguma igreja, ou com todas, o problema é seu, mas se vc acredita numa tal consciencia que permeia todo o universo vc não pode se declarar ateu...

Já reparou que vc usa a palavra "consciencia"sem perceber que essa mesma consciencia tem o DIREITO de ter escolhas proprias? Já reparou pra o singelo fato de que tais escolhas, da tal consciencia cosmica, poderiam estar fora do seu alcance?

Quando é pra usar palavras bonitinhas vcs pseudo-ateus-rebeldezinhos usam varias delas, mas quando se trata de baixar a cabeça pra a VONTADE de um ser ONIPOTENTE ai vcs dão pulinhos mortais pra trás...

Sabia que isso é lugar-comum na caminhada pra descoberta de Deus?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.