• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
sandrofabres

EXTERIORIZAR ENERGIAS É PERIGOSO? (autor: Lu Mello)

Recommended Posts

EXTERIORIZAR ENERGIAS É PERIGOSO?

(tópico resgatado do GVA Invision jan 2013-agosto 2015)

Exteriorizar energias é perigoso?
Autor do tópico: Lu Mello , May 20 2014 05:50 PM

Dei uma parada nas técnicas de projeção por conta de alguns trabalhos da faculdade, mas vou retomar assim que entrar de férias. Nesse período, li sobre exteriorização de energias e gostaria de saber se tem algum perigo nisso. Eu já consigo sentir as energias percorrendo o meu corpo e consigo controlá-las dentro de mim no circuito fechado, mas desde que eu passei a ver as criaturas que rondam meu bairro no plano astral, fiquei com medo daqueles insetos gigantes serem atraídos para as minhas bioenergias, por isso nunca as exteriorizei. Vocês acham que, mesmo a gente pedindo proteção antes de dormir, essas criaturas possam vir vampirizar essas energias? E será que pra termos uma projeção astral totalmente consciente e bem controlada é necessário exteriorizarmos as nossas energias? Tenho pensado muito nisso, se o fato de exteriorizar as energias é a peça que falta, mas estou com medo de ser vampirizada e virar um alvo desses seres todas as noites
 
 
LucidDream :

Linda, ou lindo sei lá, eles só podem vampirizar, assediar, se você abrir passagem, esses insetos astrais, gostam apenas de fumo de maconha, cigarro, bebidas, ou seja, eles só vão se aproximar de pessoas que estão em festas usando essas drogas. E quando se usa uma delas, ou todas juntas, abre-se uma porta para eles vampirizarem, é como sair berrando: "-Ei estou dando energias de graça!."

As pessoas sempre falam: "-Vou ir pro baile beber, curtir porque quero tirar o estres"
Mau sabe eles que isso só vai ser destrutível!

Hoje meditando, entrei em uma frequência maior, logo veio uma imagem na minha tela mental, minha mente reconheceu como sendo a face de Jesus. Me arrepiei, meus olhos se encheram de lágrimas, e continuei com a meditação.

Só esse aumento de frequência já gera em você uma barreira, é como se uma luz acendesse em sua Aura, espantando a escuridão.

Exteriorize SIM as energias, você se sentirá bem, além disso você vai deixar sua assinatura energética no ambiente, dando mais proteção.
----------------------------------------------------------------

Henriqueps
Posted 21 May 2014 - 08:25 AM

É bom exteriorizar pq assim vc evita ser vampirizada. O mais atrativo no astral é a energia sexual, se não exteriorizar de alguma forma essa energia vc será como um ponto brilhante piscando no escuro chamando atenção de todo mundo e os vampirizadores vão ficar doidos com vc. hahaOutro lado bom da exteriorização é a limpeza energética. A pessoa se livra das energias densas que tbm podem atrair vampirizadores, e te ajuda não somente na projeção mas na sua saúde por completo.
E claro buscar manter a sintonia como o LucidDream falou. Pq do contrário vc erradia energia negativa e isso vai atrair semelhantes no astral, ou seja, espíritos negativos.
-------------------------------------------------------------------
sandrofabres

Bom, eu nunca exteriorizei.
E no curso do IIPC eles alertavam para EVITAR exteriorizar sempre no mesmo horário, porque vai acabar atraindo vampiros astrais. Tanto que o problema da TENEPES é justamente esse né?
------------------------------------------------------------------
Sidarta
Porque você nunca exteriorizou Sandro ?
---------------------------------------------------------------------
sandrofabres
Os motivos alegados para isso nunca me pareceram ter sentido. Até testei umas poucas vezes, logo que me projetei, para ver se variava lucidez, qualidade de visão, e nunca fez diferença alguma. Além disso, qualquer um sabe que vivemos cercados de entidades vampiras, me parece um completo absurdo ficar exteriorizando energias. Todo o desenvolvimento nas áreas esotéricas e energéticas se da elaborando métodos em direção ao ACÚMULO de energia, nunca à exteriorização.
Portanto:
- como nunca vi nenhuma justificativa decente para o que me parece um completo contrasenso, a julgar pelo que aprendi de outras fontes,
- e como não percebi diferença alguma quando testei estando já projetado...
....nunca adotei essa prática.
Não AFIRMO que seja errada, apenas a proposta não me convenceu, nem em teoria, nem na prática. Se um dia eu achar um bom motivo para isso, posso mudar de idéia.
---------------------------------------------------------------------
Henriqueps
O Laercio Fonseca fala sobre isso. Ele diz que não deviamos desperdiçar energia e que, no caso da sexual, poderia ser canalizada tornado-à útil né. Por isso quando vou exteriorizar energias faço pensando em eliminar apenas as densas, li isso em algum lugar, e manter as boas comigo. Lembrando tbm de absorver energias sutis(do sol, deus, natureza..) depois da exteriorização.
  •  

Share this post


Link to post
Share on other sites
  • Lu Mello
    Oi gente! Valeu pelos conselhos! Sobre essa parte da energia sexual, fica difícil né, porque, como qualquer ser humano eu penso em sexo sim, mas não diariamente, só quando vejo e conheço um cara legal. Então só de pensar, eu já atraio vampirizadores? E se não for pensamentos, digamos assim, sacanas, mas tiver alguma coisa a mais, uma admiração pela pessoa em si, será que eu vou atrair vampirizadores tb? Muito complicado isso, porque já tive e ainda tenho "sonhos" eróticos/românticos e não sei se minha energia é vampirizada depois disso, pois já li que a pessoa vampirizada acorda cansada e de mau humor, e depois desses "sonhos" eu sempre acordo feliz e bem disposta. Então, será que eu é que sou a vampira ou eu tenho de fato amantes no astral? Kkkkkkkkkk
    Enfim, eu lembro que quando eu tô no astral, eu tenho um brilho pálido, meio branco azulado e as pessoas desencarnadas fogem de mim. Essas aranhas e insetos gigantes só aparecem perto dos bares, em outros lugares onde só tem plantas e residências eu nunca vi nenhum inseto gigante. Da próxima vez vou tentar exteriorizar um pouquinho de energias pra ver o que acontece
    --------------------------------------------
    sandrofabres

    E o Moisés conta um caso em que ele foi dar energia para cura, no grupo dele, depois foi para casa, e na hora que deitou e começou a exteriorizar (sabe se lá por qual razão) , ele viu que uma entidade vampirona tinha vindo do núcleo com ele, e estava ali absorvendo o que ele emitia.
    Sinceramente acho muito sem critério a atitude "vamos exteriorizar". Se você vai fazer, tem que saber para quê, e então talvez assim sua intenção limite quanto e para quem ou onde vai a energia.


    Não sou muito de ficar contando relatos, mas nesta caso cabe um:

    Numa projeção consciente eu me vi num lugar já conhecido, no qual eu já estive outras vezes, como uma espécie de praça no centro da cidade sabem, um lugar que você sabe que atravessa seguidamente indo em direção a outros lugares. Mas de repente saíram várias mulheres, com jeitão de prostitutas, vestidas de lingerie e tal, e vieram se aproximando com cara de poucos amigos, duas delas me pegaram pelos braços, a impressão que eu te que elas estavam a fim de me linchar , não de me oferecer algum serviço, eheheeh. Não tive força "física" para me soltar, e então elas começaram e me sugar.

    Como eu não conseguia me soltar , resolvi que essa energia que eles estavam me sugando seria tóxica para elas, e no mesmo instante elas começaram e criar chagas enormes no rosto no corpo, e me soltaram.
    As outras que estavam por ali, umas 30, avançaram na minha direção, e então eu emiti para todo o ambiente essa "energia tóxica", e logo havia 30 mulheres parecendo leprosas, cheias de manchas por todo o corpo, todas gritando ao mesmo tempo, se coçando, esperneando, uma cena meio feia, mas, eu não gosto de ser ameaçado, e não fui eu quem começou, eu só estava passando por ali para ir em outro ponto da cidade.
    Eu custei para fazê-las me ouvir, por cima dos seus gritos e choros, e disse "atenção! calma! assim como eu deixei vocês doentes eu posso curar, mas fica o aviso, não façam mais isso, ou eu não vou consertar vocês da próxima vez", e comecei a emitir energia para curá-las, e as chagas foram sumindo, e acordei em seguida quando terminou tudo.
    Embora tecnicamente isso seja "exteriorizar", eu não chamo assim, é mais uma auto-defesa que surge num momento necessário, e nesse caso eu dei um tom específico para a energia, bem diferente de dizer "vou deitar agora e ficar exteriorizando" .... para quê mesmo????
  •  
    EmPaz

    Sandro é praticamente o jiraya das energias, o maximo que consigo é empurrar as pessoas em astral rsrsrrs.
    Eu tambem nao exteiorizo, só quando em trabalho de doação energefica, eu ''forço'' um pouco o movimento de minha propria vontade em alguns dos pacientes que me tocam mais o coração, eu sei que to dando pela minha conta e risco, mas eu tambem gosto de me desenvolver no sentido de concentração mental e percepção das energias, porque isso é util ter em astral.
    Entao, realmente, para doar e saber o que ta rolando, só sendo vidente. Fora isso, é muita especulação , mas tambem sobre acordar quebrado, acho que isso nao é tao real nao... eu ja tive uns sonhos antigamente, nao era nada fora do padrao, mas eu sei que sempre tive muita energia, entao perder um pouco a mais, realmente nao daria problemas.
    É preciso avaliar como experiencia pessoal de cada um, fora isso é novamente ficar especulando.
    -------------------------------------------------
    sandrofabres

    >Sandro é praticamente o jiraya das energias, o maximo que consigo é empurrar as pessoas em astral rsrsrrs.

    É, parece, mas não se iluda: algumas vezes me acontece isso também, só consigo empurrar o cara, que cai de bunda no chão, e ao levantar fica rindo meio espantado, me olhando como se eu fosse um doido. Como após passarem por isso, eles não revidam, não ficam brabos, não fogem....só posso deduzir que nessas situações eu de fato agi como um desmiolado, atacando um inocente por pura paranóia, e por isso a potência foi mínima (bloqueio dos mentores suponho) .
    Já em situações como a que descrevi antes, eu mesmo acabo deduzindo depois, ao fazer a retrospectiva, que provavelmente tratava-se de uma situação perigosa, ou essa eficiência não surgiria assim tão fácil.

    Desconfio que sejam situações de treino mesmo, em que me é permitido liberar mais energia, ou que algum amparador acoplado administre isso, já que o grupo atacante não é composto "inocentes", e porque eu estou totalmente mais centrado quando acontecem situações assim, mas estou apenas "normal" quando sou apenas capaz de dar um empurrão no agressor.
    ---------------------------------------------------

    Henriqueps
    Se vc se sentir mal Lu Mello, depois de acordar Pode ser que sim, caso contrário não deve ter sido vampirizada. E uma hora ou outra todos somos sugados, soq não frequentemente. Os que ficam tempo todo sugando uma pessoa estão ali por uma afinidade, talvez um viciado, pensamentos negativos, essas coisas.
    Sobre a exteriorização e mobilização de energias, não é verdade que são necessárias para ter uma projeção. Vejo mais como um complemento com o intuito de me libertar de energias densas. Acredito que isso é bom, ou não?
    Será que tem um problema fazer isso? Ou é inútil, e não faz mal ficar com energias densas?
    O Saulo fala muito em mecher energias e segundo ele ajudava quando trabalhava numa banda a se livrar dos resquícios negativos que impregnava nele. Lembro até de um relato em que um mentor perguntou por onde ele andava por ter tanta "sujeira", dái o mentor dava um passe pra limpar.
    Fica a dúvida, é inútil ou não? kk
    -----
    Outra coisa que pense aki agora é se apenas alinhar os chakras seria suficiente pra equilibrar as energias. Nesse caso meio q substituiria o trabalho energético. Lembrando que isso é um complemento, não é algo necessário para que uma pessoa possa projetar.
  •  
    sandrofabres

    Eu acredito que as pessoas que experimentaram e sentiram resultados mostram que é útil para algumas pessoas sim, por isso tem que testar. Mas não vamos esquecer que o Saulo ainda é carnívoro, ou está apenas começando a fazer uma transição, como vi ele comentar num vídeo, tentando cortar carnes vermelhas e ficar nas brancas (embora a diferença energética seja mínima entre elas, se é que existe alguma diferença), e tinha esse lance de ser músico e tal. Já no meu caso sou vegetariano há 14 anos, trabalho num laboratório de uma universidade, e quando volto para casa, fico em casa, lendo, fazendo minhas coisas aqui. E moro sozinho....por tudo isso acho que não devo ter fontes "poluentes" de energia grudando em mim, então talvez por isso, das poucas vezes que exteriorizei enquanto estava projetado, não notei nada, nem melhoria na visão, lucidez, nada...porque já estava bom mesmo. Também nunca fique preso em catalepsia, ou tentando sai em astral e com alguma parte muito grudada...
    Acho que essas técnicas todas devem ser úteis sim, mas devem ter surgido como SOLUÇÃO PARA PROBLEMAS que aqueles que as divulgam estavam enfrentando.
    O mito se cria quando as pessoas são levadas a acreditar que "TODOS passam por tais e tais problemas, logo, TODOS DEVERIAM FAZER TAL E TAL PRÁTICA, caso contrário jamais vão conseguir fazer X". Aí já é "viagem"....
    --------------------------------------------------------
    Lu Mello

    Valeu pelos esclarecimentos gente! Eu já tava achando que a exteriorização era algo obrigatório. Ontem mesmo fiu me deitar pensando em exteriorizar as energias, mas acabei dormindo mesmo hihihi. Não exteriorizei nada e acho que fiquei voando no quarto. Enfim, eu só alinho os chakras e oro antes de dormir e me sinto muito bem com isso. Quanto a exteriorizar energias no astral, eu não posso dizer se fiz isso ou não pq minha personalidade e minha lucidez ficam muito alteradas lá e começo a agir de formas que não tem lógica alguma pra minha mente do mundo físico
    ----------------------------------------------------------
    goma

    Sandro eu ouvi esse audio, se não me engano o caso foi assim, a pessoa chegou no consultorio ou sei la o que dele e ele ajudou ( cura pois a pessoa estava com dores) fazendo exteriorização e quando ele voltou pra casa a entidade ( o espirito deformado) que perseguia meio que foi tirar satisfação com ele, se for o mesmo relato, ele diz que o mesmo o fez vomitar e ele mesmo exteriorizando na casa dele, teve que pedir ajuda ( ele até comenta que foi a um templo do sol em projeção e o pessoal ajudou ele, eu tive uma experiencia similar a isso ).Eu acho que exteriorizar ajuda a proteger o local, quando eu fazia todos os dias, dificilmente eu via um companheiro de vida ..rrssssss , mas é como o Sandro falou não é bom fazer sempre no mesmo horario e a outra utilidade é vc exteriorizar pra algum grupo que trabalhe com curas, como o do Moises Esagui que exteriorizam pra outras pessoas.O Saulo costuma falar nos cursos, se vc ajuda com a causa pra cada pessoa que vc ajuda vc tem pelo menos 10 mentores pra te acompanhar.
  •  
    Henriqueps
    tem esse vídeo, resolvi colocar pra complementar o tópico. Vale a pena ver:

    0.jpg

    é do Moises como o goma falou.
    ---------------------------------------
    Alesca
    Concordo com o Moisés, se vai exteriorizar energias que seja específica para alguém. Nos áudios do Saulo quando exteriorizo energias essas sao as energias negativas ou densas. Se nao for pela vontade o próprio corpo limpa sozinho, tanto que sai sem muito esforço, agora quando estou com energias densas provenientes de ataques chego a vomita-las.

    Eu nao entendo isso de exteriorizar energias positivas nos trabalhos energéticos, sempre entendi que era pra exteriorizar as negativas.

    Outra coisa, se eu ficar próxima do corpo dormindo a probabilidade de ser vampirizada é muito grande, e acordo cansada. Se estiver longe, acordo descansada.

    Como eu ainda nao sei exteriorizar as energias sexuais, eu vou ao banheiro e direciono elas para ssir pela urina. Funciona.

    Agora eu nao entendo essa história de ser vegetariano ou carnívoro, eu nao consigo so comer vegetais preciso de carne, e chego a enfraquecer se fucar comendo so carnes brancas, como as de frango.
    --------------------------------------------

    sandrofabres

    Medicamente falando não há justificativa alguma para uma pessoa dizer-se mais fraca por não comer carne, o contrário faz mais sentido, porque do ponto de vista materialista, a energia da carne é bem menor que dos vegetais, tanto que quem quer emagrecer rápido basta fazer uma dieta a base de carne e gorduras, reduzindo carboidratos a zero( As famosas dietas low carb, dieta da proteína, dieta atkins, etc ). Como carboidratos de plantas (fibras) são fundamentais para o funcionamento intestinal, então não se corta a zero, cortam-se apenas os refinados e de frutas de suco, mas aí você não emagrece tão rápido. O corpo gasta tanta energia para digerir a carne e gorduras, que cria um défict, falta energia e você emagrece rapidamente.

    Eu CREIO, mas não coloco minha mão no fogo, que essa "fraqueza" que alguns carnívoros alegam sentir é mais resultado de um vício nas energias densas da carne, do que propriamente algo alimentar. Mas o corpo físico é um mistério, talvez para algumas pessoas isso seja fisicamente um problema mesmo.
    -------------------------------------------------
    Alesca

    Então tem um livro que se chama dieta do tipo sanguíneo, quando li sobre o meu tipo descobri pq alguns alimentos me fazem mal e outros nao. Meu tipo é o O , que o sangue dos homens da idade da pedra lascada, de acordo com o livro o tipo O necessita de carne em sua dieta. Outros tipos de sangue nao precisam, ou ptecisam pouco. Mas a ideia geral do livro é que o que faz bem pra uns nao faz pra outros tipos de sangue. Para o meu caso bateu muita coisa que eu como e me faz mal e outras que nao fazem. Mas sei la aparece tanta coisa, tanto modismo que acho que o segredo é a moderaçao em tudo.
    --------------------------------------------------
    sandrofabres
    Ehehhe, eu também sou tipo O.
    Li esse livro há alguns anos atrás, porque parecia ter alguma lógica, mas não bateu nada, talvez porque não tem nenhum alimento que me faça mal ou cause desconforto.
     
     
  • voltando a questao da exteriorizacao ,parece mesmo que a bastante enfoques sobre a questao, esta semana eu comecei a exteriorizar energia o q nunca tinha feito com vontade,mas tentando exteriorizar energia boa ,de amor a alguem ou a varios que precisam ate peço ajuda aos mentores se puderem canalizar esta energia para quem precise, e logo depois faco absorcao, e aproveitando ja nao estava com sono fiz uns 10 minutos de olve, e tentei me projetar pela tecnica direta pq senti que algo ia acontecer ,e batata ,entrei em ev, escutei uma voz feminina dizendo vem e quando levantei o braco sentia ele muito leve mas acho que devo ter movimentado o fisico tbem e tudo parou. bem ,foi minha experiencia com a exteriorizacao ,vou tentar novamente fim de semana quando posso cochilar final de tarde e tentar a noite com vontade e sem sono.
    obs. tentei durante esta semana mas sem sucesso pois ficava adormecendo a todo instante apesar de ficar levemente sentado e nao muito ajeitado para tentar se manter acordado.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu não entendo essa de exteriorizar e depois absorver. Vc n estaria absorvendo a própria energia ruim q jogou no ambiente?! No caso de exteriorizar boa, ql o sentido nisso? Exteriorizar e absorver a mesma. Absorver, ao meu ver, só da natureza, sol, água  e cia.

Comigo a exteriorização acontece espontaneamente na m.b.e. Nem tento exteriorizar energia boa pq não sei quem esta por aqui e sem falar q isso poderia atrair muita gente q depois n vou saber lhe dar.

No livro Clarividência Teoria e Prática do Rodrigo Medeiros ele diz q, pra ter uma melhor percepção, é interessante exteriorizar pois pra quem ta desenvolvendo as energias mais tensas seriam melhores vistas/percebidas q as sutis. Pra mim faz até sentido, embora não faça.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Falamso sobre isso aqui:

 

O que regula é a INTENÇÃO. Isso cria um filtro seletivo. Por exemplo,considerando s 4 elementos, você poderia escolher absorver apenas o prana  do ar, depois absorver apenas o prana da terra. Nos dois casos você fez apenas uma operação,ABSORVER. Mas espera-se, ao final de cada tipo, um resultado diferente, devido à ação dos elementos sobre nossa psique e energias.

E a idéia da MBE é apenas praticar o exercício, para usar uma ou outra atividade com competência quando o momento de fato é propício, como absorver energias da natureza, exteriorizar energias densas,para facilitar alguma coisa ou com outro objetivo.

 

E no caso da clarividência, é como se você fosse um peixe num aquário e quisesse enxergar a água. Ao exteriorizar energias densas a idéia é "engrossar a água" para tentar ver melhor as correntes se deslocando, por exemplo.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

boa noite gente! sou nova por aqui e tenho muito o que aprender, mas pelo que pude entender dessa questão debatida aqui, eh que o ideal eh exteriorizar energia em beneficio de outra pessoa...ou em um caso de defesa em uma situaçao de real perigo, como foi citado das mulheres que atacaram pra sugar. Quanto as densas, o certo é procurar se equilibrar sempre emocionalmente e essa "limpeza" de energias densas, acontece naturalmente... eh isso (meu interrogação não esta funcionando)

 

E, por falar nisso, lembrei de um sonho que eu tive ha algumas semana, que eu acredito ser projeçao, eh que eu sempre tive, desde criança e achava que era sonho... rsrs... que no momento em que me tornei lúcida, eu estava no quintal da casa de minha avó e um rapaz estava querendo me manter ali, na primeira oportunidade, eu tentei sair volitando o mais rapido possivel, porém, eu me sentia pesada e não conseguia no começo, mas aos poucos fui ganhando velocidade, ou melhor, leveza só que ele me alcançou a tempo, e com um tecido ele laçou meu pescoço e cafungou no meu cangote (rsrs) procurei me soltar e quando consegui, ele estava em pé e eu a uns 2 metros acima e me veio de fazer tipo um movimento com minhas mãos, parecido com de video games ou desenhos animados e soltar uma energia... fiz e soltei, vi que abalou ele de alguma forma, nisso, ele fez o mesmo, só que quando a energia dele estava chegando perto, eu criei um escudo, na minha vez de soltar novamente, planejei fingir que ia soltar, só que ia apenas fazer uns movimentos para distai-lo, mas ao invez de lançar a energia, eu voltei ao corpo, por querer, esse era o plano e realmente acordei no meu corpo... vcs que ja estudam e conhecem mais, podem me explicar isso por favor (interrogaçao) Gratidão!!!! luz e paz a todos

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá!. Bom Dia a Todos.

Com relação à Técnica 3 realizada todos os dias, no mesmo horário, seria conveniente abolir a exteriorização e fazer apenas a absorção de energias?

Grato pela atenção.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bom, a técnica 3 é do Saulo, cabe a ele responder o que ele acha disso eu creio. Eu não faria exteriorização fora de um círculo de proteção, sem ter feito um banimento antes.

Mas "cada um com seus cada um ", eheh

Share this post


Link to post
Share on other sites

De cura sei que eles não fogem, mas também não os torna mais amistosos com você. De amor não sei, talvez em dose forte deixe eles "incapacitados" (em êxtase) , mas para irradiar isso você tem que sentir isso, sintonizar internamente com isso e depois irradiar, não dá para "fabricar" uma emoção dessas.

Então não sei. Pode ser que sim, pode ser que não, tem que testar. Uma coisa que nunca pude testar, mas tenho quase certeza que funciona, seria fazer o agressor dormir, um simples comando mental junto com emissão de energia e apagar todo mundo ali. Só que isso acontece rápido, na situação que relatei é quase como se fosse um linchamento, quando você vê uma monte de gente correndo na sua direção, com cara de poucos amigos, e os mais próximos a 10m, você não tem muito tempo para pensar em  algo e acaba agindo "na mesma vibe", para "liquidar a fatura", eheeh. Nunca pude praticar muito essas técnicas ,porque ate hoje só sofri uns 5 ou 6 ataques acho, e nos primeiros eu era mais contundente ainda. Esse aí, em abril/2014, acho que foi último, e minha reação foi bem mais "fria" que nos anteriores.

Share this post


Link to post
Share on other sites
24 minutos atrás, sandrofabres disse:

De cura sei que eles não fogem, mas também não os torna mais amistosos com você. De amor não sei, talvez em dose forte deixe eles "incapacitados" (em êxtase) , mas para irradiar isso você tem que sentir isso, sintonizar internamente com isso e depois irradiar, não dá para "fabricar" uma emoção dessas.

Então não sei. Pode ser que sim, pode ser que não, tem que testar. Uma coisa que nunca pude testar, mas tenho quase certeza que funciona, seria fazer o agressor dormir, um simples comando mental junto com emissão de energia e apagar todo mundo ali. Só que isso acontece rápido, na situação que relatei é quase como se fosse um linchamento, quando você vê uma monte de gente correndo na sua direção, com cara de poucos amigos, e os mais próximos a 10m, você não tem muito tempo para pensar em  algo e acaba agindo "na mesma vibe", para "liquidar a fatura", eheeh. Nunca pude praticar muito essas técnicas ,porque ate hoje só sofri uns 5 ou 6 ataques acho, e nos primeiros eu era mais contundente ainda. Esse aí, em abril/2014, acho que foi último, e minha reação foi bem mais "fria" que nos anteriores.

Quando li a pergunta do "tgo" no post acima foi logo isso que pensei. Não é qualquer um que anda por aí irradiando amor, não. Ou bem que a pessoa já está nesse estado "naturalmente" ou então demora o seu tempo para se sintonizar e "sentir" como você bem frisou.

Eu só posso falar por mim como é óbvio, mas sei que é difícil. Imagino que para o comum dos mortais também não seja fácil.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Acho que isso exige uma lucidez espiritual boa. Não essa lucidez que falamos aqui, projetiva, mas a lucidez que te permite enxergar, por exemplo, que todo agressor na verdade tem medo, que todo crimimoso é alguém que foi machucado pela vida (ou por várias vidas). É relativamente fácil entender isso assim, no diálogo, refletindo. Mas ali ao vivo, enquanto a pessoa é vítima da agressão, por exemplo, já exige bem mais lucidez, ehehe. Ainda não é para o meu bico, eheheh.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
15 minutos atrás, sandrofabres disse:

Acho que isso exige uma lucidez espiritual boa. Não essa lucidez que falamos aqui, projetiva, mas a lucidez que te permite enxergar, por exemplo, que todo agressor na verdade tem medo, que todo crimimoso é alguém que foi machucado pela vida (ou por várias vidas). É relativamente fácil entender isso assim, no diálogo, refletindo. Mas ali ao vivo, enquanto a pessoa é vítima da agressão, por exemplo, já exige bem mais lucidez, ehehe. Ainda não é para o meu bico, eheheh.

Sim, é isso. Sentir Amor por um filho, familiar, amigo é uma coisa; outra coisa bem diferente é sentir amor por alguém que lhe "quer mal".

Uma coisa que eu "tento" fazer é quando me zango com alguém e fico a pensar "menos bem" dessa pessoa, é tentar irradiar para essa pessoa bons pensamentos em vez de ficar para ali a remoer vinganças. Por exemplo: de vez em quando surgem conflitos com os vizinhos por motivos diversos que não interessam para o caso. Então quando faço meditação dedico sempre um bocado a "tentar" enviar energias de paz e serenidade para essas pessoas na tentativa de amenizar o conflito. Isto nem sempre se consegue porque pensar eu penso...agora sentir...é outra história. :$

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Talvez dependa da situação. Mostrar firmeza talvez não seja mau, já imposição pode nem sempre ser o adequado. Na minha opinião serenidade é o ideal. Mostrar que a pessoa está serena, sem conflito, pode levar a outra parte a acalmar-se e a perder agressividade.

Sobre o amparo, eu ao deitar penso algo do género: "eu não me sinto preparado mas se acham que posso ajudar estou à disposição". Ou seja; não me responsabilizo nem garanto que a coisa corra bem. :lol:

Share this post


Link to post
Share on other sites

 eu  estou longe de ter essa lucidez, e não tenho controle nenhum ainda,  preciso praticar muito as técnicas, melhorar na projeção..   .....    que me lembre nunca ter tido esse tipo de ataque, nas poucas vezes que me recordo que exteriorizei mas estava sendo orientado por um amparador, e foi para ajudar.....       

Share this post


Link to post
Share on other sites
10 horas atrás, Marcela Jahjah disse:

Nossa, quanta coisa, fiquei confusa agora se devo exteriorizar energias ou não, onde posso ler mais sobre isso?

Se possível veja todos os vídeos deste post:

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.