• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
sandrofabres

Acho que foi sonho lúcido (autor: Michelle )

Recommended Posts

Acho que foi sonho lúcido

 
Bom gente, esse aqui acabou d acontece. Então vou escrever antes que esqueça, rs.
Ontem, eu estava mt cansada então acabei apagando, sem fazer (ou tentar) técnica nenhuma. Dormi bem a madrugada inteira, nem mh gata me acordou, rs. Pela manhã comecei a sonhar.
No sonho, a onde me dou conta, é qd estava em um bus, com mh namorada (vou chamar ela aqui de kelly), e não tava entendendo o caminho q ele tava fazendo e nem pra aonde estava indo. Ai kelly tava meio q me explicando esse novo caminho. Acabei não reparando em ngm no bus, só no trajeto dele msm.
Daí o bus parou, tds decemos do bus e eu percebi que estava na parte d trás da Lapa (moro no rj). Achei estranhao aquilo pq a Lapa, qm já teve oportunidade d ir, é um lugar bem pessado e hj, é um lugar q eu só vou qd n tem jeito, evito ao máximo até passar por ali.
Daí fiquei mt "bolada" d estar justamente nesse local e qd olho a mh volta, vejo um monte de bruxos (na hr foi isso q me veio na cabeça), tds d preto, mas vestindo roupas normais (pelos trajes pareciam akeles adolecentes roqueiros) segurando sacos transparentes cheios d turmalina negra e felizes.
Aí eu fiquei: O.O
Nisso tb prestei atenção na lua (pq estava anoitecendo). Havia 2 luas, uma nova e abaixo uma minguante (não sei cm deduzir isso, rs).
Comecei a seguir o fluxo, pq o pessoal estava se deslocando pra uma passarela q tinha ali próximo prestando atenção em tudo, qd percebo q a kelly saiu andando na frente, sem me esperar. Aí fiquei preocupada, até tentei alcança-la, mas n consegui pq tinha umas mulheres lerdas na mh frente e cm estava cercada d bruxos resolvi ter paciência e andar nos passos delas. Engraçado q ngm notava mh presença e nem a da Kelly, pois estavamos com roupas normais e o resto do povo todo d preto. Daí chegamos na passarela, e qd eles passavam começaram a jogar a turmalina no meio da pista e nisso ficavam felizes e sorridentes e eu sem entender p.n. Acabei deduzindo q seria algum ritual deles e fiquei com uma vontade imensa d ir catar as pedrinhas, hahaha. Eu até tenho uma aki, mas a mh é feia em comparação a q eles carregavam e dps se livravam.
Fui seguindo o fluxo e nisso a Kelly simiu d vez. Deduzir q ela foi pra onde eles estavam indo, pq o q parecia q eles estavam indo pra algum lugar comemorar.
Daí chegamos em um tipo d prédio e qd entrei, só entrei ali msm pra procurar a Kelly, pq n ficaria ali d vontade própria nem 1 min. Comecei a procurar e nisso eu vi um ambiente sujo, feio, escuro e com mt gente bebendo e acho q alguns drogados. Msm assim continuei na busca. Subi nos andares q deu, e nisso via mt gente no msm estado (e eles n me percebiam). Até q já n a encontrava, resolvi ir embora. Nisso, acabei acordando msm com vontade e ir ao banheiro.

Até agora não consegui interpretar o sonho.

Share this post


Link to post
Share on other sites
 
  • Mas porque voce está chamando de sonho lúcido? No seu relato não mostra em que momento você sabia estar num sonho, ou foi já desde o início?
  •  
    Eu perebi q era sonho assim que desci do bus, pq tava perto da Lapa, lugar q evito até de passar por perto e tbm qd vi as 2 luas. Foi qd deu akele "click". Pior q eu falava com a kelly e ela tava tipo chapada, sabe qd a pessoa toma calmante e fico meio lerda. .
  •  
    Michelle, se deu o click e vc percebeu a situação, acho que poderia considerar projeção. Pra mim pelo menos, não vejo diferença entre sonho lúcido e projeção. Talvez o nível de lucidez seja menor no sonho lúcido...qual seria a diferença pra vc? Quando estou projetado e encontro alguém conhecido que está encarnado, a pessoa sempre fica assim como vc descreveu, lerda, parece um zumbi, a gente tenta falar com a pessoa e ela fica meio devaneando e tem dificuldade em prestar atenção.
    Achei interessante seu relato. Não moro no Rio, mas já fui algumas vezes praí, e a Lapa é bem pesada mesmo, tbm não gosto.
    Uma cidade que visitei e é pesadíssima, talvez até mais...é Amsterdã. Nossa, que cidade pesada. Comecei a sentir o mal estar até antes do trem chegar na estação. O Waldo Vieira falava uma coisa que é verdade. O que não presta....não presta mesmo....kkkk
  •  
    @felipec a Lapa, na mh opinião é um dos piores lugares pra se conhecer do RJ. Qd eu passava (ou qd tenho que passar) de dia por lá, sentia (sinto) um peso considerável. Qd passava de noite la....pqp...sentia nitidamente algo sendo puxado do meu copo na marra. Já trabalhei um período perto de lá, vivia cansada, daí acabaca atribuindo isso ao cansaço físico. A noite o centro da cidade em si já é bem pesado, mas a Lapa é a campeã. Teve uma época q sempre frequentava, pq lá é um dos points aki do RJ, e adolecente, sabe como é....mas sempre q fui voltava exausta. Demorava dias pra voltar ao normal. Achava estranho mas nunca me passava pela cabeça q o motivo era esse, rs. Sempre pensava q era algo físico msm.

    A diferença pra mim entre projeção e sonho lúcido é que na projeção eu faço o que quero. Por exemplo nesse caso, se fosse projeção eu mt provavelmente teria saído dali ou teria forçado pra voltar do corpo, pq estava cercada de bruxos. E tb acho q se fosse projeção eles teriam me atacado, rs.
    Sempre q eu sonho (e consigo lembrar dele com mt detalhe) e no sonho acabo "seguindo o fluxo" das coisas, considero como sonho lúcido.

Share this post


Link to post
Share on other sites
  • Também acho que foi projeção, pelo fato de você notar a Kelly como "chapada", que é algo que indica diferença real de padrão entre dois seres né? Se fosse sonho lúcido não teria porque sonhador e personagens estarem em níveis diferentes.Em tese né? estamos tentando entender isso.

    Na prática projeção e sonho lúcido são quase sinônimos, por isso surge a confusão.

    Segundo o Bruce no sonho lúcido todas as leis da física continuam valendo...

    Já segundo outros, quando você se torna lúcido, isso te permite violar as leis da física, você pode voar, materializar objetos atravessar paredes..

    Não vejo como possamos nos decidir nisso. Mas já me ocorreu de eu saber (ou cismar), logo que deixei meu coroo que eu tinha caído num sonho lúcido. Pareceu algum tipo de compreensão intuitiva, do mesmo tipo que você olha algo vermelho e sabe que ´vermelho, eu sabia que estava num sonho lúcido, mas não posso apontar nada e dizer "ah, foi isto".Você apenas "sabe" que tudo ao seu redor é "falso", como se tivesse caído dentro de um videogame.

    Mas aqui tem um relato de sonho lúcido do Bruce, que não tem essa caracteristica de os personagens parecerem chapados, tão comum quando a gente desperta a lucidez já fora, conversando com alguém, ehehe
    http://viagemastral.com/forum/index.php?/topic/17032-textos-do-robert-bruce/&do=findComment&comment=74038
  •  
    Felipe, TALVEZ tenha sentido isso em Amsterdã porque lá o negócio das drogas é meio que liberado né?
    Regiões onde há usuário de drogas em grande quantidade possuem artefatos astrais instalados, equipamentos enormes, tipo "planta industrial", com vários km de extensão, cobrindo bairros inteiros, cujo objetivo é puxar para baixo o drogados quando eles dormem a noite, e eles ficam ali "sangrando" energias dentro dessas "estruturas de processamento", que captam essa energia e canalizam para a "central".
    Eu vi um desses por clarividencia quando eu trabalhava no grupo de desobsesão, parecia uma roda de bicicleta, cada "raio da bicicleta era um tubulação com cerca de 15m de diâmetro, diâmetro total da "roda" era de cerca de 10km, e estava instalada no bairro onde tem a paira, aqui ma minha cidade, que é onde preferem morar os maconheiros daqui.
    Se você leu o livro do Monroe deve ter notado um relato em que ele encontra o que parece ser algum tipo de povo alienigena, que tem umas tubulaçoes, que parece captar energia.... ele não soube bem do que se tratava quando relatou.
  •  
    Achei o desenho que fiz naquela época:
    image

    Perto do ponto A tem uma seta,apontando um pequeno traçinho. Esse tracinho eu fiz para simular o tamanho de uma pessoa adulta, para da alguma noção de escala, mas é uma estimativa.

    A curvatura B é o desenho de um "close", mostra um dos pequenos segmentos mostrados no desenho da estrutura inteira.

Share this post


Link to post
Share on other sites
  • Nossa, gigante o negócio!
    É, com certeza Amsterdã é assim, não só por causa das drogas, mas também por causa do sexo. Drogas e putaria rola forte lá....a aura pesada pode ser sentida a alguns quilômetros de distância antes de chegar na cidade.
  •  
    Nessas horas me pergunto, como a espiritualidade superior permite o povo montar uma estrutura gigante dessas, com esse propósito? Viver no plano físico já não é um desafio por si só? Ainda temos que lidar com essa baita tecnologia pra sugar as pessoas. Nunca ouvi relato de tecnologias em larga escala pra melhorar a energia das pessoas....ou tbm existe? Pô....uma roda gigante dessas tinha que ser explodida!
  •  
    Essas coisas vivem sendo explodidas todos os dias, faz parte do trabalho dos grupos de apometria.
    (grupos kardecistas todos os dias fazem "amparo" aos "sequelados", grupos de apometria todos os dias destroem essas estruturas, QGs, captruam chefes desses esquemas etc. É outro tipo de "amparo" )

    Mas os caras constroem de novo, com as próprias energias que são liberadas pelos usuários, porque enquanto as pessoas tiverem "liberdade de escolha", o mundo se nivelará por baixo, pelo mesmo motivo que crianças escolherão doces ao invés de espinafre, até que cresçam e tenham pago o preço dessas escolhas.
    Nosso sistema econômico, social, é todo sustentado por essa fórmula, o que acontece no astral é só o reflexo no espelho do que é nossa vida física né?
  •  
    @sandrofabres é justamente isso q sinto cm vc msm falou:
    você apenas "sabe" que tudo ao seu redor é "falso", como se tivesse caído dentro de um videogame.
    É mt diferente da sensação q tenho qd realmente estou projetada.
    O estranho é q o restante das pessoas estavam normais e só a kelly, qd parei pra flr com ela sobre o pessoal e mostrar a lua, q ela me pareceu chapada, rs.

    Bizarro essa espécie de máquina. Imagina se um dia, qd sairmos, damos d cara com uma dessas...quer dizer, acho q nem conseguiriamos chegar próximo sem ajuda.
    Aki no rj já procurei (pela net) algum grupo desse, de apometria. Acho interessante e uma forma de aprender mais rápido as coisas. Mas até agora não encontrei.
  •  
    Nossa Michelle, senti as energias daqui... existem muitos pensamentos que nos cercam como vórtices, tais pensamentos de outras pessoas e tantos os nossos tbm... se concentre na sua sintonia e a "kelly"... por mais que na saída.. saímos na dimensão densa(material) , se estivermos com as vibrações elevadas somos levados a outros planos... salvo os quem trabalham como captor, lanceiro etc etc.. mas ai é um outro assunto!!
    Estive no rio algumas vezes e as projeções foram conturbadíssimas,,, mas nada como estar lúcido e saber o que esta em sua volta!
    Abração e muita luz e Lucidez!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.