Jump to content
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Meu pai tá cansado, o que eu posso fazer a distância?


Guest
 Share

Recommended Posts

São mais de anos e anos levando nas costas os martírios da família, meu pai não dorme direito, acorda exausto e com taquicardia, e se falar para ele dar um tempo e descansar ele responde que só para depois de morto. Estou pensando sobre o que fazer para alivia-lo, pelo menos tentar tirar os encostos de cima dele. Eu já sei quem é um dos encostos, o próprio pai dele falecido há uns 10 anos mais ou menos, os outros ainda não identifiquei. Mesmo assim, eu não sei como afastar esse pai dele de cima. O que fazer nesse caso?

 

Link to comment
Share on other sites

 

1º Passo: Saúde fisica: Faça exame médico e exercicios fisicos diario que ele goste/ que de prazer a ele.

2º Passo: Saúde mental: Filmes, livros e  desafios(games, puzzles)no dia a dia dele (Caso ele não trabalhe nem estude um assunto especifico)

3º ´Passo: Saúde Social: O ser humano precisa ser "validado" para se sentir bem socialmente, a validação ocorre com a comunicação. Quanto mais validações sociais positivas, melhor a saúde social.

Esses 3 campos acima estão andando bem?

4ºPasso: Espiritual: Sentir a vida de acordo com um propósito. Cada detalhe tem um propósito, que o espiritualizado busca e/ou enxerga

Link to comment
Share on other sites

É, e geral quem está numa siutaçao assim está desregulado em coisas simples, se você entra tentando ajudar, sua ajuda escoa pelo ralo para onde todo o resto está escoando. Por isso não costuma ser frutífero ajudar quem não se ajuda. Só relembrando algo que acho que já postei aqui: uma vez resolvi enviar reiki a dsitância, para um colega que estava tentando o Viver de Luz e estava na primeira semana, a mais difícil, e ao conectar com ele, se senti sugado violentamente. Tão violentamente que tive que cortar a conexão rapidamente. Depois eu soube que naquele horário ele estava fumando maconha. Ou seja, os vampiros astrais que a maconha smerpe atrai estavam sugando dele, e quando me conectei, servi de lanchinho também por alguns segundos, enquanto não cortei a conexão.

 

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Exames médicos ele está fazendo e socialmente ele ainda tem alguns amigos vivos com quem ele conversa esporadicamente, entretanto, qualquer coisa que seja hobby jamais ele vai aceitar, para ele é tudo perda de tempo. Ele sempre assumiu o perfil do herói, meu pai era bombeiro e deveria estar aposentado, mas nunca deixa de ajudar a quem pode, mesmo longe da profissão. Um médium falou que ele era ligado no 220 V, ele nunca aceitou opiniões de médiuns na vida dele. Eu tenho rezado para ele conseguir atravessar esse turbilhão de tristeza que os parentes dele despejam na sua cabeça, estão todos somatizando problemas muito sérios e é muito difícil dialogar, quanto mais esses papos de espiritualidade, então, vou apelar para a reza mesmo.

Link to comment
Share on other sites

16 horas atrás, Caroline disse:

São mais de anos e anos levando nas costas os martírios da família, meu pai não dorme direito, acorda exausto e com taquicardia, e se falar para ele dar um tempo e descansar ele responde que só para depois de morto.

Caroline, até copiei ali o trecho e colei acima, porque então eu não entendi. O que diabos ele está fazendo? Nada, só se preocupando emocionalmente com os problemas dos outros? O que você quis dizer com "levando nas costas os martírios da família"?

Link to comment
Share on other sites

Ele agenda médico e leva minha avó com osteoporose crônica há uns 5 anos com vários tipos de problemas para se locomover, pega trânsito, não consegue estacionar na cidade na vaga do deficiente nem do idoso, leva multa por estacionar em local proibido às vezes e quem ficava 24 hs com ela era minha tia, que está agora internada com vazamento da bile na bexiga, está pior que minha avó. Ambos, meu pai e a irmã dele estão com bursite também. Meu pai ainda tem que se dividir com os problemas da minha mãe que teve sequelas de um AVC em 2011 e não quer mais nem sair de casa ou fazer coisas simples como tomar banho ou escovar os dentes. Nenhum deles admite ajuda de empregada, apesar que eu já me ofereci para pagar uma empregada para eles. Ele está procurando uma casa de repouso que aceite minha vó nesta crise toda, mas parece que as casas de repouso da região andam todas lotadas. Ultimamente ele anda em jornada tripla, tá bem pesado o clima, pelo que eu pude sentir agora indo lá no último feriado de Páscoa. Eu também sofri um assédio espiritual quando vindo de lá, mas tenho me mantido vigilante e cuidado das energias.

Link to comment
Share on other sites

Carol, tudo bem?

Assim como todos os amigos que aqui colaboraram, gostaria de deixar também minha contribuição que, de certa forma, aborda diferentes pontos de vista.

Bom, sobre o encosto do seu avô perante seu pai, creio que a melhor forma de libertá-lo seria o perdão. Não sei os motivos da obsessão, mas geralmente algo ocorre entre ambos, alguma desavença ou mágoa, não sei, apenas estou supondo. Neste caso eu utilizaria de uma oração dedicada a este senhor, pedindo que o perdoe por qualquer ato cometido que tenha o desapontado. Que nós, humanos, estamos aptos a cometer erros devido a nossa tamanha ignorância. Além do mais, diga que você não está fazendo isso somente para ajudar o seu pai, mas, também, porque quer ver a felicidade do seu avô, quer que ele esqueça os acasos do passado e que siga em frente.

É algo mais ou menos nesse sentido que eu utilizaria, pois acredito que o poder do perdão é mais forte do que muitas técnicas de desassédio. 

Mas, como muitos já falaram, é de suma importância que seu próprio pai tome algumas atitudes para sair desta situação. Você consegue sim ajudá-lo, mas não conseguirá dar muitos passos à diante caso ele por si só não queira.

Ore por ele, peça tanto ao seu mentor como ao dele para que o proteja, o guie no melhor caminho, o influencie com boas palavras para que emerja dessa escuridão. 

Talvez possa não parecer uma ajuda de grande valia, mas é que eu sou muito crente da oração em conjunto da fé verdadeira. Assim como já se diz: "Com fé se movem montanhas".

Até mais e desejo sucesso com a melhora de seu pai.

  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

Olá Vinícius,

Grata pela sua colaboração também. Esse é um momento em que eu vejo muitas frentes de combate nele, das quais uma você já citou, a falta do perdão ao pai dele. Eu só o identifiquei dentre os encostos, porque sabia da história dos dois e senti a emanação pesada dele. Os encostos lá em casa costumam todos serem almas de pessoas que pertenceram a nossa família, tias-avós, tios, primos, pessoas que desencarnaram e não se foram ainda. Mas nem todos eram para estar lá em casa, afinal muitos deles quando eram vivos, já tiveram a ajuda de meu pai e não tínhamos problemas de relacionamento com eles. Até o ato de lavar cadáver para preparar para o velório meu pai aprendeu a fazer sozinho, porque ele já fez isso na vida também. Estou rezando todas as noites por ele, mas vou fazer a hora da misericórdia para o pai dele como você sugere.

Obrigada.

Link to comment
Share on other sites

Em 07/04/2016 at 11:09, sandrofabres disse:

É, e geral quem está numa siutaçao assim está desregulado em coisas simples, se você entra tentando ajudar, sua ajuda escoa pelo ralo para onde todo o resto está escoando. Por isso não costuma ser frutífero ajudar quem não se ajuda. Só relembrando algo que acho que já postei aqui: uma vez resolvi enviar reiki a dsitância, para um colega que estava tentando o Viver de Luz e estava na primeira semana, a mais difícil, e ao conectar com ele, se senti sugado violentamente. Tão violentamente que tive que cortar a conexão rapidamente. Depois eu soube que naquele horário ele estava fumando maconha. Ou seja, os vampiros astrais que a maconha smerpe atrai estavam sugando dele, e quando me conectei, servi de lanchinho também por alguns segundos, enquanto não cortei a conexão.

 

Isso que você falou eu acabei de constatar essa noite. Eu tenho um sono muito leve, acordo facilmente de madrugada e, como minha cama fica debaixo da janela, eu sempre olho fixamente para as estrelas nesses momentos em que acordo. Ontem, no silêncio da madrugada, fui informada que emanar energia para outra pessoa nem arranha a retirada do processo obsessivo daquela pessoa, porque simplesmente os pensamentos dela são como um escudo contra qualquer coisa que se aproxime contrária àquela ordem. Mas, por outro lado, a constelação me inspirou novamente a pensar que pedir ajuda aos mestres ascencionados através da oração resolve: a longo prazo, porque eles sim, conseguem passar a mensagem para o espírito, no caso, de meu pai, e mudar o pensamento aos poucos, pelo convencimento, sem ferir seu livre-arbítrio. Meu pai dorme e eles canalizam as mensagens telepaticamente ao lado de onde ele fica, aos poucos, conseguem levá-lo para um plano um pouco mais elevado e ele assiste, mesmo que sem muita lucidez, a palestras no plano astral. Quando eles acham que ele já internalizou informação suficiente eles começam a estimular insights durante o dia com ele acordado, sabe aqueles flashes de pensamento sobre algo que você tem a impressão de ter passado, e que aparecem do nada? É assim que eles vão estimulando os bons pensamentos para elevar o espírito, por isso, será assim com muita oração que vou tentar salvar meu pai nesses momentos de sofrimento.

Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share

×
×
  • Create New...