• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
Guest

Projeção astral vs Reencarnação

Recommended Posts

interessante o tema!  nasci em uma familia que acredita na crença da ressureição da carne, as vezes me questiono se eu estava do lado de lá e pudesse escolher a onde reencarnaria pq é que eu escolheria nascer em determinada crença que nega o espirito? (nega a si mesmo) seria retroceder. apesar de a reencarnação ser mais lógica que a ressureição da carne esse é um dos exemplos que faz eu questionar a reencarnação, apesar da reencarnação ter mais provas em relatos do que tudo. mas tambem tem os contras!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bem, talvez a "falha original no entendimento" (me permita expressar minha opinião com estes termos) seja no que vc chama "lei do esquecimento".

Do meu ponto de vista, o que existe é inconsciência espiritual: de quem somos, do que fazemos aqui, de pra onde vamos...

Eu vejo essa lei que vc menciona de forma semelhante como vejo a gravidade: ela atua o tempo todo, mas no momento em que a equação por traz dela se torna conhecida, então fica mais simples voar... ou seja, no meu ponto de vista, é nossa "ignorância espiritual" (ignorante => do grego = aquele que não tem conhecimento) é que nos põe ancoras terrenas.

E se, como disse Jesus, "tudo que eu faço vós também podem fazer, e ainda mais...", não faz parte da nossa natureza divina, como Deus-filho que somos (embora muito imperfeitos ainda), buscar a realidade da sabedoria sem limites?

Share this post


Link to post
Share on other sites
19 horas atrás, urufin disse:

Amiga Maura, não só acredito em projeção astral mas como a vivencio, porem o objeto de discussão do tópico se refere ao fato da pratica ilícita da projeção astral quanto as leis da reencarnação.

Caro amigo, peço desculpas pela má interpretação, é que me pareceu mesmo isso... Rsrsrs ? 

Paz e luz

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
10 horas atrás, sandrofabres disse:

Mas isso já seria um "esforço criativo", não parece? Poorque se todos nascem com o pecado original, todos tem o mesmo nível inicial, logo, não tem porque uns nascerem diferente dos outros devido a essa causa inicial.

E punição antecipada por pecado futuro acho que você não encontra na bíblia. O que encontra é uns pagando pelos pecados os outros, como se a carne, que vem da carne,  tivesse prerrogativa sobre o espírito, que "vem de deus" :  os filhos pagarem pelos pecados PASSADOS dos pais.

 

Mas mesmo assim Cyber, o que estou falando é que essa pergunta não gerou estranheza, o que mostra que a idéia da reencarnação era pelo menos conhecida de quem pergunta e de quem responde.

Exatamente isso e foi exatamente isso que falei ontem para uma amiga que como nosso amigo cyber2050 interpretou este pecado do homem cego como sendo o pecado original de Adão, algo que ela não conseguiu explicar é porque nem todos nascem cegos já que "todos pecaram" nem o porque que os tubarões possuem dentes tão grandes e afiados, será que servem para comer algas marinhas? he he he 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
8 horas atrás, Gustavo disse:

interessante o tema!  nasci em uma familia que acredita na crença da ressureição da carne, as vezes me questiono se eu estava do lado de lá e pudesse escolher a onde reencarnaria pq é que eu escolheria nascer em determinada crença que nega o espirito? (nega a si mesmo) seria retroceder. apesar de a reencarnação ser mais lógica que a ressureição da carne esse é um dos exemplos que faz eu questionar a reencarnação, apesar da reencarnação ter mais provas em relatos do que tudo. mas tambem tem os contras!

Amigo não sei que cresça é essa sua mas com todo respeito imagino que seja os "crentes" rs se os evangélicos lêssem a bíblia principalmente essa passagem:  "Mas alguém dirá: Como ressuscitarão os mortos? E com que corpo virão?
Insensato! o que tu semeias não é vivificado, se primeiro não morrer. E, quando semeias, não semeias o corpo que há de nascer, mas o simples grão, como de trigo, ou de outra qualquer semente. Mas Deus dá-lhe o corpo como quer, e a cada semente o seu próprio corpo.
1 Coríntios 15:35-38   Semeia-se corpo natural, ressuscitará corpo espiritual. Se há corpo natural, há também corpo espiritual." 1 Coríntios 15:44

Hora amigo  estes textos são bem claros ao ensinar que não existe ressurreição da carne! a ressurreição mencionada por Apostolo Paulo se refere há possibilidade de vivermos em um "segundo corpo" ou seja corpo espiritual após a morte física.

"Mas não é primeiro o espiritual, senão o natural; depois o espiritual.
O primeiro homem, da terra, é terreno; o segundo homem, o Senhor, é do céu."
1 Coríntios 15:46,47

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 09/05/2016 at 15:19, urufin disse:

Sou evangélico e acredito na reencarnação,porque? porque esta escrito:  "antes que o corpo volte ao pó que o era e o espirito volte a Deus que o deu"  hora é bem fácil de entender este texto pois para o espirito voltar a Deus ele só podia ter estado antes com Deus. 

Minha tese é que projeção astral vai contra os princípios da reencarnação e sua lei maior, a lei  do karma (lei do esquecimento), meu argumento consiste no fato de que nós espíritos estamos encarnados para experienciar vivencias temporais e transitórias, enclausurados neste corpo físico cujo cérebro é o responsável por limpar nossa memoria astral todos os dias antes de amanhecer o dia. 

Hora se um dos objetivos da reencarnação é o esquecimento da memoria astral, obviamente sair do corpo em projeção e lembrar das ações fora do corpo vai contra os objetivos da reencarnação. 

Logo isso explica a grande dificuldade de muitas pessoas em realizar projeção astral pois tal pratica contraria uma lei espiritual maior, quando a pessoa não é digna de lembrar das ações realizadas pelo espirito fora do corpo o "céu" definitivamente boicota as tentativas de projeção astral consciente e lucida. ( meu caso :( )

Olha, eu respeito seu ponto de vista, mas acho que voce nao foi muito claro em alguns pontos...

*No tocante À projeçao astral ir contra a questao reencarnatoria - nao vejo argumento que sustente tal questão - Nao necessariamente sair do corpo em projeção irá fazer com que lembremos de nossas vidas/experiencias anteriores...e...Sejamos francos, somente uma parcela ínfima de pessoas consegue se projetar de maneira extremamente lúcida, para ter tais lembranças, dá pra contar nos dedos os "Robert Monroe" da vida...as que conseguem, entao, seriam as "escolhidas", as mais evoluidas ? alguns dizem que sim...

-----------------

*Eu mesmo nao escolhi "ser assim", ter essas coisas - projeçao astral, premoniçao, etc. Por que uns tem, outros nao tem nada e alguns fazem zilhoes de cursos e nao conseguem nenhum resultado/ efeito ? Será que sou mais evoluido do que os "outros" ?

----------------

*como muito bem colocado acima, nao da pra bater o martelo em quase NADA referente ao mundo espiritual, acho que a unica coisa que (NOS) ao menos sabemos e temos plena certeza, é a vida pós terra e a existencia de planos espirituais em diversos níveis;  A questao da reencarnaçao gera debate ha seculos. Mas a questao do esquecimento , ao menos, vejo haver uma certo padrao de aceitamento da mesma - sem ela seria inviável nossas proximas vivencias, nossa mente seria uma bagunça só e isso seria involuçao, em vez de evoluçao, ja que estamos aqui neste planetinha Tabajara pra evoluir nao é mesmo ?

--------------

Voce é a primeira pessoa assumidamente evangelica, que eu vejo acreditar e defender a reencarnaçao, parabens, a maioria esmagadora, como bem sabemos, refuta veemente tal ideia. E, como cada igreja dá a interpretaçao que bem entende à biblia....ja sabe né....

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

@urufin essa não é minha crença e sim a dos meus pais, eu tambem acredito no espirito,e concordo com os textos que voce apresentou mas tem gente que não acredita como o caso das testemunhas de jeová que acreditam na ressureição da carne e assim como foi tambem a dos antigos egipcios. mas não é por acaso tambem, eles tambem tem argumentos biblicos Proverbios 2:21-22  (Pois os justos habitarão na terra, e os íntegros nela permanecerão;
mas os ímpios serão eliminados da terra,e dela os infiéis serão arrancados.
) e 
Salmos 37:29 ( Os justos herdarão a terra e habitarão nela para sempre.) totalmente diferente da reencarnação né? kkk. Pessoalmente eu não acredito muito na ressureição da carne, mas o fato aqui é a reencarnação e o que eu queria dizer é se eu do lado de lá acreditasse que sou um espirito e pudesse reencarnar pq é que eu reencarnaria em uma ideia contraria? e isso foi só um dos exemplos. Eu não discordo da reencarnação mas tmb não concordo 100% ainda. sempre me questiono e é por isso que quero ter minhas proprias experiencias pois a biblia são diferentes relatos de diferentes autores que as vezes parecem não ter a mesma ideia. A Biblia parece ser o unico livro com mais de mil interpretações diferentes.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
8 horas atrás, Gustavo disse:

@urufin essa não é minha crença e sim a dos meus pais, eu tambem acredito no espirito,e concordo com os textos que voce apresentou mas tem gente que não acredita como o caso das testemunhas de jeová que acreditam na ressureição da carne e assim como foi tambem a dos antigos egipcios. mas não é por acaso tambem, eles tambem tem argumentos biblicos Proverbios 2:21-22  (Pois os justos habitarão na terra, e os íntegros nela permanecerão;
mas os ímpios serão eliminados da terra,e dela os infiéis serão arrancados.
) e 
Salmos 37:29 ( Os justos herdarão a terra e habitarão nela para sempre.) totalmente diferente da reencarnação né? kkk. Pessoalmente eu não acredito muito na ressureição da carne, mas o fato aqui é a reencarnação e o que eu queria dizer é se eu do lado de lá acreditasse que sou um espirito e pudesse reencarnar pq é que eu reencarnaria em uma ideia contraria? e isso foi só um dos exemplos. Eu não discordo da reencarnação mas tmb não concordo 100% ainda. sempre me questiono e é por isso que quero ter minhas proprias experiencias pois a biblia são diferentes relatos de diferentes autores que as vezes parecem não ter a mesma ideia. A Biblia parece ser o unico livro com mais de mil interpretações diferentes.

Amigo estes textos dentro do contexto principalmente o livro de apocalipse percebemos claramente que esta "terra" é a nova "terra"  1 E vi um novo céu, e uma nova terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram, e o mar já não existe. Apocalipse 21

Ou seja religião é assim leia quem quer e entenda quem quer e como quiser, sempre pelo seu próprio interesse, seja financeiro seja para manter seus arquetípicos como sendo verdadeiros. 

Sinceramente não sei se escolhemos reencarnar ou somos obrigados, porem é fácil de entender caso seja escolha nossa, imagine que sua vida é sem graça, todos os dias são iguais, não há nada de novo, todos os dias a mesma rotina sem graça e sem emoção, agora imagine-se poder viver a vida de uma formiga cortadeira que vive 9 meses no máximo, durante 9 meses você vai nascer, crescer, se divertir muito, sair com os amigos, levar diversos tocos, namorar, reproduzir, comprar sua moto, seu carro, experimentar diversas emoções, envelhecer, cagar na calça e depois falecer, voltando para seu estado original só que agora um pouco mais cheio de experiencias gratificantes que lhe permitiram sair do marasmo e da monotonia da sua vida sem graça, logo estando novamente saturado pela mesmice de sua vida, mesmo sabendo dos desgostos sofridos quando viveu sendo uma formiga, decide voltar a ser formiga pois sabe que é apenas um período transitório e temporal é apenas um jogo, uma brincadeira de sentir-se alma vivente novamente podendo passar por emoções boas ou ruins. Entenda que nós como quando espíritos que já passaram por diversas encarnações somos extremamente frios em nossas emoções ou seja não sentimos como quando estamos "vivos" aqui iludidos como se tudo fosse a primeira vez. Muitas pessoas perguntam porque Jesus Cristo não demonstrava emoções, hora simplesmente porque em determinado momento Ele passou a se lembrar de suas vidas passadas.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
12 horas atrás, Dio.Castro disse:

Olha, eu respeito seu ponto de vista, mas acho que voce nao foi muito claro em alguns pontos...

*No tocante À projeçao astral ir contra a questao reencarnatoria - nao vejo argumento que sustente tal questão - Nao necessariamente sair do corpo em projeção irá fazer com que lembremos de nossas vidas/experiencias anteriores...e...Sejamos francos, somente uma parcela ínfima de pessoas consegue se projetar de maneira extremamente lúcida, para ter tais lembranças, dá pra contar nos dedos os "Robert Monroe" da vida...as que conseguem, entao, seriam as "escolhidas", as mais evoluidas ? alguns dizem que sim...

-----------------

Amigo a projeção astral como tal conhecemos não consiste em sair consciente do corpo físico mas sim em se lembrar vividamente desta saída, o problema que levantei se refere a isto, despertar a memoria, se lembrar das ações fora do corpo , não de vidas passadas, mas o despertar para a possibilidade de sair do corpo físico e comprovar de que nós não somos  o corpo físico o que entendo como algo ilícito diante da lei maior a lei do esquecimento da reencarnação que nós induz a acreditar que somos o corpo.

*Eu mesmo nao escolhi "ser assim", ter essas coisas - projeçao astral, premoniçao, etc. Por que uns tem, outros nao tem nada e alguns fazem zilhoes de cursos e nao conseguem nenhum resultado/ efeito ? Será que sou mais evoluido do que os "outros" ?

Não creio nisso, creio que projeção astral seja resultado de efeitos mecânicos, existe um segredo subjetivo difícil de se controlado para se realizar tal fenômeno. Por exemplo descobri que ondas wi-fi muito próximas  me impedem de entrar em transe e sair do corpo.

----------------

*como muito bem colocado acima, nao da pra bater o martelo em quase NADA referente ao mundo espiritual, acho que a unica coisa que (NOS) ao menos sabemos e temos plena certeza, é a vida pós terra e a existencia de planos espirituais em diversos níveis;  A questao da reencarnaçao gera debate ha seculos. Mas a questao do esquecimento , ao menos, vejo haver uma certo padrao de aceitamento da mesma - sem ela seria inviável nossas proximas vivencias, nossa mente seria uma bagunça só e isso seria involuçao, em vez de evoluçao, ja que estamos aqui neste planetinha Tabajara pra evoluir nao é mesmo ?

Eu não estou aqui para evoluir mas apenas para experimentar mais uma vivencia física.

--------------

Voce é a primeira pessoa assumidamente evangelica, que eu vejo acreditar e defender a reencarnaçao, parabens, a maioria esmagadora, como bem sabemos, refuta veemente tal ideia. E, como cada igreja dá a interpretaçao que bem entende à biblia....ja sabe né....

A maioria esmagadora dos evangélicos não acreditam em Deus muito menos na bíblia. Não defendo a reencarnação dentro da visão espirita não acredito em reencarnação da alma, porem acredito na reencarnação do espirito que são coisas distintas, sei que não sobreviverei a morte física, porem meu espirito sobreviverá e ele carregará consigo uma copia da minha personalidade, uma copia da minha consciência que logo vai se dissolver ao se juntar as tantas outras copias de diversas consciências que meu espirito carrega consigo.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 09/05/2016 at 19:23, albaman disse:

Há algum problema com o forum ou é o pessoal que anda a escrever mal? É que está bastante difícil de entender. 

Pessoal, assim como o @albaman disse que está, eu também estou tendo muita dificuldade para entender o que vocês estão falando. E não é por conta dos conceitos não! Seja por estarem escrevendo pelo celular ou não, a coisa está saindo muito bagunçada... ou sou eu que não estou conseguindo ler e entender direito?... se for, por favor, me desculpem e podem ignorar estas palavras mas...

Será se dava pro pessoal se esforçar pra escrever de forma um pouco mais clara?

Share this post


Link to post
Share on other sites
22 horas atrás, Dio.Castro disse:

Voce é a primeira pessoa assumidamente evangelica, que eu vejo acreditar e defender a reencarnaçao, parabens, a maioria esmagadora, como bem sabemos, refuta veemente tal ideia. E, como cada igreja dá a interpretaçao que bem entende à biblia....ja sabe né....

 

@urufin, faço minhas as palavras da @Dio.Castro! Parabéns por você se declarar evangélico e, ainda assim, procurar "pensar fora da casinha". 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 10/05/2016 at 12:42, sandrofabres disse:

Cyber, a teoria da reencarnação é bem mais antiga que o cristianismo, porque já era conhecida no hinduísmo, a religião talvez mais antiga que se conhece.

http://www.ultimato.com.br/revista/artigos/270/a-longa-historia-da-reencarnacao

Tanto é que que já estava presenta na bíblia, o que você identifica aqui:

.............................................

João 9

1 "Enquanto Jesus caminhava, viu um homem que era cego de nascença.

“Mestre”, perguntaram­ lhe os discípulos, “porque foi que este homem nasceu cego? Por causa dos seus pecados

ou por causa dos pecados de seus pais?”

...............................

Ora, se o homem era cego de nascença, quem pergunta se ele nasceu cego por causa dos SEUS PECADOS está considerando que esse homem cego DE NASCENÇA :

-teve uma vida ANTERIOR à atual, quando então enxergava. (reencarnação, e não mera pré-existência das almas).......

...

 

"... porque eu, o Senhor,o teu Deus, sou Deus zelo­so, que castigo os filhos pelos pecados de seus pais até a terceira e quarta geração daqueles que me desprezam, mas trato com bondade até mil gerações aos que me amam e obedecem aos meus man­damentos. " Livro do Êxodo 20

 

Então o assunto sobre o pecado do cego pode se tratar dos pecados que ele adquiriu de seus pais e não reencarnação.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mas ele perguntou ali:

A  - por causa dos pecados dos SEU PECADOS...

B - ou dos pecados dos seus pais?"

 

Você diz:

25 minutos atrás, cyber2050 disse:

o pecado do cego pode se tratar dos pecados que ele adquiriu de seus pais

Mas quem perguntou já  considerou na opção B isso que  você trouxe.

A opção A é "seus pecados", e ela  não pode ser confundida com a opção B, porque AMBAS FORAM CITADAS, portanto quem perguntou conhecia a diferença entre elas, ou não teria dado duas opções de resposta, mas apenas uma só.

 

Não confunda isso com dizer que Jesus ou a bíblia defende ou ensina a reencarnação, não é esse o foco  da questão.  O foco é mostrar que a crença na reencarnação era de conhecimento comum naquela época, ou essa pergunta não teria como ser feita. E se fosse uma conversa real, Jesus nem teria entendido a pergunta, teria talvez dito assim

"Como assim 'por seus pecados' homem? Estás louco? Se ele é cego de nascença, e todos sabendo que  há apenas uma vida e depois o juízo, como poderia ter ele pecado antes de nascer??  "

Mas não houve comentário algum, a pergunta foi tratada com naturalidade, o que sugere que mais gente tinha essa visão, independente de Jesus concordar ou não com ela.

 

 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Aqui algumas referências sobre reencarnação no judaísmo:

http://www.chabad.org.br/biblioteca/artigos/almas/home.html

Porém, em outras culturas ela é mais antiga. Entre os gregos é conhecida como Metempsicose, 500 anso antes de Cristo:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Metempsicose

E você sabe, os evangelhos foram escritos em grego, exatamente porque no meio que eles circulavam o grego era a linguagem mais internacional. Portanto é também óbvio que eles conviviam com pessoas que traziam a cultura grega, o que explicaria o motivo para Jesus não estranhar essa pergunta com a reencarnação embutida nela.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 11/05/2016 at 00:00, cyber2050 disse:

Da para interpretar de outra forma também Sandro, não necessariamente reencarnação.

Quando questionado se o cego é cego de nascença pelo seus pecados, segundo a biblia os humanos já nasciam com pegado  do fruto proibido, mas Jesus nos salvou. 

Também, é entendível, que para Deus, ele vê o futuro, e pode ter vido os pecados do cego, que talvez, mesmo se não fosse cego, teria pegados, por isso a colocação.

 

 

Dúvida.

A medida que a tecnologia, ciência, física química, biologia e etc., vão evoluindo ao ponto de curar o cego, o surdo, o mudo, e etc., etc., Como se comportará a lei do Carma nessas situações? 

Ex: Uma criança nasce cega, surda, muda etc., etc., e a tenologia da época consiga reverter desde os primeiros anos de vida, este ser não estaria mais pagando pelo seu carma? 

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, alcidesjr disse:

Dúvida.

A medida que a tecnologia, ciência, física química, biologia e etc., vão evoluindo ao ponto de curar o cego, o surdo, o mudo, e etc., etc., Como se comportará a lei do Carma nessas situações? 

Ex: Uma criança nasce cega, surda, muda etc., etc., e a tenologia da época consiga reverter desde os primeiros anos de vida, este ser não estaria mais pagando pelo seu carma? 

Se a pessoa tiver realmente esse Karma negativo com o que lidar, provavelmente ela não terá cura completa e será de alguma forma afetada por isso. Da mesma forma que a pessoa pode ter tantos atenuantes ou já ter cumprido com este Karma negativo em vidas anteriores que possa ter sua cura logo cedo. A ciência ainda é bastante limitada para muitas coisas e, quando não mais for, é porque já não é mais tempo destas limitações acontecerem no planeta. Tudo tem seu tempo e seu motivo.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
9 horas atrás, Iogui disse:

Se a pessoa tiver realmente esse Karma negativo com o que lidar, provavelmente ela não terá cura completa e será de alguma forma afetada por isso. Da mesma forma que a pessoa pode ter tantos atenuantes ou já ter cumprido com este Karma negativo em vidas anteriores que possa ter sua cura logo cedo. A ciência ainda é bastante limitada para muitas coisas e, quando não mais for, é porque já não é mais tempo destas limitações acontecerem no planeta. Tudo tem seu tempo e seu motivo.

Basicamente o que você diz é que, com o passar da evolução humana vai chegar uma época em que não haverá mais necessidades de encarnar com esse tipo de Karma? E, será nesse momento em que a ciência terá meios suficiente parar curar essas deficiências?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Exato. o karma é uma lei que rege os planos inferiores. Então não tem como você, seguindo as regras dos plano inferiores, anular o carma. É como tentar usar uma chave de fenda para desparafusar um parafuso feito de gás.

A ciência, por ser materialista, fica subordinada aos planos sutis, que são  causais em relação ao plano físico, já que o sentido da criação é do "sutil para o denso", "criação" é "CRISTALIZAÇÃO", n´s aqui só vemos os efeitos, e só o que se pode fazer quando se trata os efeitos, é "secar gelo". Portanto, quando a situação é resolvida pela ciência, é porque acima da ciência, algo permitiu que isso acontecesse, ou seja contou com a ciência para resolver aquilo.

Porém...assim como você pode ir atrás d um amigo negro, para usar forças sutis para tentar resolver um problema físico, arriscando-se a violar as leis do karma ( porque estará apelando para agentes sutis, estará usando uma chave de fenda de gás , "pirata",  para mexer no parafuso de gás ou em algum ponto abiaxo dele e acima do físico)  e depois pagar mais pesado por isso, também a ciência pode cometer "excessos" e violar certas leis naturais.

Quanto mais nosso conhecimento cresce, maiores os riscos dessas violações. É por isso que grupos religiosos ou mesmo alguns grupos esotèicos, como a gnose condenam transfusão de sangue, transplante de órgãos, e a gnose considera até enxertai em plantas como "magia negra" que a ciência faz.

Mas não são só grupos religiosos, mesmo na sociedade leiga, discute-se os limites éticos da ciência, questôes como clonagem humana, seleção de genes para excluir possibilidade de você ter um filho com defeito congênito (que também pode levar a selecionar caracteres estéticos preferidos pela cultura dominante, etc)

Quanto mais sabemos, mai teso que decidir sobre limites AUTO-IMPOSTOS, a própria educação social nos leva a isso. Ou seja, pensar que a ci~encia não pode ter limites é como pensar que o cidadão não pode ter limites. O cidadão é, por definição, um ser que internalizou os limites, ele é cumpridor de regras de bom convívio, ética, respeito, porque ele entende que se todo mundo fizer o que quiser, ficará ruim para todos. Só os criminosos tentam fazer o que querem. Então também não é estranho à ética humana a ciência parar e refletir "até onde DEVO ir, ainda que POSSA ir mais adiante?"

Acho que no futuro, numa utopia em que o planeta fosse habitado por uma população de semi-iluminados, a ciência, conhecendo os reais mecanismos do universo, poderia decidir com mais lucidez o que pode ser feito. Por enquanto estamos longe desse nível, e cabe só a quem tem conhecimento suficiente para isso realizar esses procedimentos, e aí chamam de "milagre". Mas no fundo é tudo ciência:

saber EXATAMENTE como funciona, quais as causas REAIS do problema, para poder decidir se aquele processo já pode ser desligado porque cumpriu sua função, ou se ainda há outros requisitos a serem cumpridos antes disso..

Share this post


Link to post
Share on other sites
24 minutos atrás, sandrofabres disse:

Quanto mais nosso conhecimento cresce, maiores os riscos dessas violações. É por isso que grupos religiosos ou mesmo alguns grupos esotèicos, como a gnose condenam transfusão de sangue, transplante de órgãos, e a gnose considera até enxertai em plantas como "magia negra" que a ciência faz.

Não seria possível comparar uma transfusão de sangue, transplante de órgãos e etc., a doação de energias nos demais planos? Assim como acontece nos amparos?

Mesmo que tenhamos o Karma, não estamos sujeitos a situações físicas? ou tudo realmente é friamente calculado? 

Ex: A pessoa cai de bicicleta em um movimento bobo, como escorregar na areia, e corta um local qualquer do corpo e perde muito sangue e precisa de uma transfusão. Isso é Karma? ou estamos sujeitos a situação extra-karma físicos que não entraria dentro de ''karma''. 

Você doar sangue, órgãos, não seria a mesma coisa que você fazer um amparo? 
 

Share this post


Link to post
Share on other sites
23 minutos atrás, alcidesjr disse:

Não seria possível comparar uma transfusão de sangue, transplante de órgãos e etc., a doação de energias nos demais planos? Assim como acontece nos amparos?

Mesmo que tenhamos o Karma, não estamos sujeitos a situações físicas? ou tudo realmente é friamente calculado? 

Ex: A pessoa cai de bicicleta em um movimento bobo, como escorregar na areia, e corta um local qualquer do corpo e perde muito sangue e precisa de uma transfusão. Isso é Karma? ou estamos sujeitos a situação extra-karma físicos que não entraria dentro de ''karma''. 

Você doar sangue, órgãos, não seria a mesma coisa que você fazer um amparo? 
 

Na minha opinião sim, doar sangue é semelhante a fazer um amparo ou doar energias e sou totalmente a favor. Também acho que é dever da ciência fazer tudo que estiver a seu alcance para melhorar a qualidade de vida das pessoas e não acho que isso vá afetar negativamente a questão do resgate karmico, se a pessoa não efetuar seu resgate karmico de uma forma o fará de outra, a ciência não pode impedir isso.

Muitas vezes as próprias "situações físicas" são ferramentas de resgate karmico. Acredito que acidentes não existem, o que existe é um tipo de "magnetismo" Karmico da pessoa atraindo aquela situação que ela tem que passar ou mesmo evitando que ela passe por algo que não deveria sofrer como quando alguém se livra de um acidente quase que como por milagre, sabe?

Acredito muito nisso aqui que o Sandro disse:

1 hora atrás, sandrofabres disse:

Portanto, quando a situação é resolvida pela ciência, é porque acima da ciência, algo permitiu que isso acontecesse, ou seja contou com a ciência para resolver aquilo.

E também nisso:

1 hora atrás, sandrofabres disse:

Acho que no futuro, numa utopia em que o planeta fosse habitado por uma população de semi-iluminados, a ciência, conhecendo os reais mecanismos do universo, poderia decidir com mais lucidez o que pode ser feito. Por enquanto estamos longe desse nível, e cabe só a quem tem conhecimento suficiente para isso realizar esses procedimentos, e aí chamam de "milagre". Mas no fundo é tudo ciência

Os Planetas são organismos vivos que possuem inclusive seus próprios chakras que estão relacionados ao seu magnetismo. Sendo assim, os planetas também evoluem e quando o ser humano atingir um certo nível de evolução e também o seu planeta, espíritos que ainda não chegaram nessa etapa evolutiva serão enviados para outros planetas afim de continuarem sua evolução lá sem atrasarem a evolução do planeta. Nesse estágio evolutivo, o ser humano médio terá seus chakras mais desenvolvidos e despertos e a própria constituição física do ser humano deve mudar para algo mais evoluído impulsionada pela evolução de seu organismo espiritual.

A ciência é só parte desta evolução... Na verdade, tudo é ciência. Estudar projeção astral, mecanismos cármicos, espiritualidade é também fazer ciência, as separações o homem é que faz para ficar mais fácil de entender (dividir para conquistar), é só questão de estratégia, uma abstração. Mas, no fundo, não tem divisão, evolução é uma coisa só. 

E nosso objetivo é evoluir.

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, alcidesjr disse:

Não seria possível comparar uma transfusão de sangue, transplante de órgãos e etc., a doação de energias nos demais planos? Assim como acontece nos amparos?

Mesmo que tenhamos o Karma, não estamos sujeitos a situações físicas? ou tudo realmente é friamente calculado? 

Ex: A pessoa cai de bicicleta em um movimento bobo, como escorregar na areia, e corta um local qualquer do corpo e perde muito sangue e precisa de uma transfusão. Isso é Karma? ou estamos sujeitos a situação extra-karma físicos que não entraria dentro de ''karma''. 

Você doar sangue, órgãos, não seria a mesma coisa que você fazer um amparo? 
 

Creio que não. Nossas energias não são  sempre usadas de forma bruta, provavelente são filtradas, moduladas. Não tenho certeza sobre isso, é apenas uma opinião. O que me fez pensar isos é que o vampiros comuns, desencarnadso da terra viciados em sugar dos vivos, sugam direto, porque o que  eles querem é baixaria mesmo. Pense numa pessoa que tem fome e aceita comer carne crua, beber sangue, etc.O que um cidadão mais civilizado faz? Cozinha a comida. Também alguns tipos de entidades vampiras mais evoluídas, como certos tipos de Ets negativos, não absrovem nossa energia sem antes ela sofrer um refino. Por isos eles não nos sugam, como fazem os desencarnados, eles montam estruturas de absorção de energia coletiva, como seitas e grupos religiosos, e dali aborvem tudo que é emanado, refinam e só então a utilizam.

Lembre-se que quando VOCE EXTERIORIZA, você modula, você exterioriza para cura, ou para expulsar entidades dali, por exemplo. Por isso tudo creio que quando doamos energia que os amparadores usam para tratar espíritos-presos-a-corpos-sutis-densos, e que só por isso necessitam  "remendos"....essa energia está sendo modulada pelos amparadores, não é crua, ou também iriam nossos pensenes, nossos maus hábitos, nossas toxinas energéticas....

E é esse o problema do transplante de sangue e órgãos, pois eles tem marcadso nas céulas o karma da pessoa. Aquela doença surge porque há uma programação em cada peça da máquina, com a qual você foi destinado a nascer. e essa máquina foi projetada para expressar esses carmas (entre outras coisas, mas o assunto aqui é carma, doenças, etc) . Então um transplante é como você pegar um pneu de trator e querer colocar num carro de cidade, porqu cada um nasceu com um corp programado para si apenas.

As vezes vemos notícias do sujeito que tinha uma doença que detonou aquele órgão, aí faz transplante, e uns 10 anos depois ou mais, a mesma doença detona o novo órgão.

Claro que nem semrpe é assim. Usando novamente o exemplo  do veículo, se você coloca o peso sempre do mesmo lado de um carro, é bem provável que após um tempo (optei na vida por não ter carro, então não tenho certeza) somente os penus de um lado sofrerão desgaste. Se você trocar por pensu novos, apos um certo tempo o problema se repete, porque a causa é o peso desequilibrado, não é o pneu. Da mesma forma, a causa do nosos corppo físico´e o corpo etérico, é nele que nossa programação ocrporal se expressa, e nossa psique, pelso seus pensamentos e emoções, gera bloqueios energéticos, mucos, miasmas...que acabam afetando as energias e por fim o corpo físico. E pela reeptição incessante de um mesmo padrão psicológico em vidas sucessivas, isso gera danos mais permamentes na estrutura energética do corpo etérico da vida que virá, gerando o "defeito congênito", ou seja, seu corpo terá problemas de nascença em função de hábitos psicológicos que se repetem em diversas vidas. Quantas? Não sei, a Dion fala que se a pessoa nasce com um probleam, sabeso que ela repete aqueles maus hábitos psicológicos há no mínimo 3 vidas.

Então todo nosso corpo , suas células, seu sangue, traz em si o registro carmico que lhe deu origem na própria forma e funcionamento do corpo. Ao misturar "peças" entre os corpos" é fácil entender que isos não pode ser feito sem gerar algum tipo de "conflto".

Agora, se esse conflito pode ser superado por meios físicos, como remédios contra a rejeição do órgão, ou porque menotres ajudam no procesos quando notam que aquilo é lícito, pelas leis divinas, aí ficamos num terreno mais especulativo ainda.

Share this post


Link to post
Share on other sites
27 minutos atrás, sandrofabres disse:

(...) Lembre-se que quando VOCE EXTERIORIZA, você modula, você exterioriza para cura, ou para expulsar entidades dali, por exemplo. (...)

(...)Então todo nosso corpo , suas células, seu sangue, traz em si o registro carmico que lhe deu origem na própria forma e funcionamento do corpo. Ao misturar "peças" entre os corpos" é fácil entender que isos não pode ser feito sem gerar algum tipo de "conflto".

 Agora, se esse conflito pode ser superado por meios físicos, como remédios contra a rejeição do órgão, ou porque menotres ajudam no procesos quando notam que aquilo é lícito, pelas leis divinas, aí ficamos num terreno mais especulativo ainda.

Acredito que da mesma forma que "programamos" nosso corpo físico, nós podemos "programar" o sangue que recebemos por transfusão da mesma forma que modulamos a energia ao exteriorizar. Claro que junto com o sangue recebido virá um pouco da energia da outra pessoa e podemos sim sofrer alguma consequência negativa disso mas não acredito que venha também um pouco do Karma em si.

Você pode tirar a roda de um carro e colocar no outro contanto que exista compatibilidade e, para evitar que, após a troca as rodas comecem a gastar desigualmente, você deve efetuar o balanceamento.

O corpo humano é só um veículo. Não é ele que carrega o karma.

A doação de sangue é uma ferramenta que já provou sua utilidade ao salvar muitas vidas. É melhor lidar com os problemas da transfusão (que podem mesmo existir) do que perder a vida.

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, Iogui disse:

Acredito que acidentes não existem, o que existe é um tipo de "magnetismo" Karmico da pessoa atraindo aquela situação que ela tem que passar ou mesmo evitando que ela passe por algo que não deveria sofrer como quando alguém se livra de um acidente quase que como por milagre, sabe?

Sim sei bem!  
Mas como eu posso magnetizar algo do tipo que aconteceu comigo. 

Aos 20 anos eu estava indo jogar bola de moto em uma estrada de mão simples e estava +- há 100 km/h, derrepente acordo na ambulância, sem saber o que houve. No hospital fiquei sabendo que um casal com o filho atravessaram a minha frente para entrar na rua onde moravam, eles não me viram, e eu bati exatamente ao meio de um monza, bem na coluna, sem freiar, sem desviar, apenas bati reto. A moto ficou igual uma latinha de refri amassada.  E eu? não quebrei um osso se quer. porque? Os anjos trabalharam essa noite. Bom, eu de fato não lembro, mas o que as testemunhas relataram é que eu voei por cima do carro a uma distancia de mais ou menos 15 metros.  Milagre? acho que sim.  A física explica também. No ato do acidente eu não soltei dos punhos do guidão e fiz uma tremenda força a qual me fez projetar virando um mortal por cima do carro e caindo como uma bolacha no asfalto. Minha maior lesão foi que o tendão do braço quase rasgou por completo e perdi toda a musculatura do braço direito, o braço inteiro ficou de uma única espessura. 

Até hoje penso o que eu devo aprender com esse acidente.

Aos 27 anos, saindo de um cliente e voltando para cidade de carro estava vindo pela rodovia sc 280, a + ou - 80 km/h. quando derrepente o carro torce todo na rua como se fosse atingido na parte de tráz, do lado direito tinha um barranco eu puxo o carro pra rodovia e do outro lado vejo uma família em um gol prata vindo de frente, íamos bater de frente, eu consigo puxar o carro novamente pra outra pista e com muita luta conseguir parar o carro sem ter acertado ninguem da pista contrária. Saio do carro sem entender nada e vejo um batido na porta do lado direito para traseira e nisso vem uma mulher chorando pedindo desculpas desesperada, apesar do que aconteceu eu estava calmo, por que não bati de frente com aquela família.  No fim a mulher estava no acostamento e quando eu passei ela entrou na pista para atravessar para o outro lado e ela não tinha visto eu passar e nisso bateu no meio do meu carro, fazendo eu dançar para um lado para o outro a 80 km/h. 

Eu reflito sempre, sempre sobre os dois acidentes e de fato só estou vivo por algo que me ajudou, por que eu nem sei oque fiz para conseguir parar o carro. 

Mas a pergunta é a mesma, o aprendizado é para mim? para a mulher?  para os dois?  

 

6 minutos atrás, Iogui disse:

Acredito que da mesma forma que "programamos" nosso corpo físico, nós podemos "programar" o sangue que recebemos por transfusão da mesma forma que modulamos a energia ao exteriorizar. Claro que junto com o sangue recebido virá um pouco da energia da outra pessoa e podemos sim sofrer alguma consequência negativa disso mas não acredito que venha também um pouco do Karma em si.

Você pode tirar a roda de um carro e colocar no outro contanto que exista compatibilidade e, para evitar que, após a troca as rodas comecem a gastar desigualmente, você deve efetuar o balanceamento.

O corpo humano é só um veículo. Não é ele que carrega o karma.

A doação de sangue é uma ferramenta que já provou sua utilidade ao salvar muitas vidas. É melhor lidar com os problemas da transfusão (que podem mesmo existir) do que perder a vida.

Estava escrevendo sobre isso também no mesmo sentido do que o Iogui comentou. 

Me corrija se estou pensando de forma errada, mas tudo oque acontece no físico não vem do plano etérico? 
Desta forma se eu compartilhar do meu sangue para outra pessoa que seja compatível ele não recebera a programação etérica daquela pessoa?

Share this post


Link to post
Share on other sites

É que ninguém perde a vida né? Só perdemos a encarnação, mas isso é inevitável.

Então a pessoa tem que pensar se está de fato interessada em protelar ao máximo o inevitável,usando qualquer recurso, questionável ou não, ou se prefere  sair na hora programada, na hora que uma peça essencial do seu corpo expirou a validade.

Acho que é uma questão pessoal mesmo, mas só acho que não podemos ignroar prós e contras, porque não faz sentido achar que a vida física  é a prioridade que justifica qualquer escolha, porque ela é a menor parcela do tempo que vivemos, nossa vida encarnada é um fragmento pequeno de nossa vida total.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.