• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
Guest

"Destruindo" a mente

Recommended Posts

Guest

Olá pra todos. Eu sempre tive a sensação que assistir demasiadamente tv, escutar muita música com fones de ouvido e outras coisas afins pode como causar uma poluição mental que no caso poderia até atrofiar a pineal( acho eu, me corrijam por favor, se eu estiver errado). Também eu fico observando os meios de comunicação e etc, e sinto uma imposição de ideologia, de magnetismo proposital para algum fim,principalmente em séries de tv, programas etc.       Meu avô é um homem sério,estilo militar e nunca deu bola para nenhum programa de tv, de forma forte. Porém, atualmente ele é víciado em uma série de tv,que vc já deve saber qual é.                          Então,gostaria de compartilhar essa observação minha, se vocês a consideram plausível ou se acham tola, comentem.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Este é um fórum de projeção astral, e primeiro lugar. Vinculado a isso vem espiritualidade, energias.. não é para opiniões sobre  "sociedade", mesmo sendo o "informaçoes gerais". Então o que você comenta, assim como está, está meio solto, meio desvinculado do que é o interesse do fórum, mas vou deixar o tópico  aberto por enquanto porque dá para puxar o tema para espiritualdiade etc. Vamos ver como evolui.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não conheço relatos nem experienciei que ela Destrói a Mente literalmente. Mas da forma que os conteudo são transmitidos pela TV e pelo computador, conteúdo esses: Seriados, Programas televisivos, Internet, Navegar na Internet sem propósito e sem foco. Acostuma o usuário do CÉREBRO (= a pessoa) a não dar tempo para que este PROCESSE AS INFORMAÇÕES COM PROFUNDIDADE, gerando uma espécie de "informação lixo" no subconsciente maior do que poderia ser, além de TREINAR a MENTE a NÃO SE CONCENTRAR, pois é muita informação mastigada e o pior, sim, já filtrada e mastigada pelos cérebros de outras pessoas, resultando em informações com opiniões, pré-conceitos e ideologias embutidas.

 

E isso pode afetar a projeção astral também, na hora que a pessoa precisar se concentrar para fazer visualizações de um alvo mental por exemplo.

Alguém me falou (acho que foi o Sandro) que a internet DISPERSA a mente, e na minha opinião, o mesmo se aplica a TV, essas tecnologias precisam ser utilizadas de uma forma CONTROLADA/correta (sob aspectos estabelecidos em particular pelo individuo único através da razão). Pois se não elas literalmente "te levam"/"levam a mente"

 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Não sei se cabe neste tópico, mas minha questão é como limpar a mente dos "vermes de ouvido" ou musicas mentais que ficam tocando o tempo todo em que vc não esta concentrado em algo. São músicas que nem escuto mas que me parecem que a maioria escuta. Na meditação elas somem, mas quando penso em algo ela toca de fundo...:?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olha, mas falando sério, acho que isso vem da repetição. A mente parece ter muitos mecanismo automáticos. Quem vive estuando música vai acabar tendo uma parte cantora ali ativa, e pode acionar por alguma simples conexão ao acaso. Aí entra em looping né? 

Eu não sou de ouvir música, nã tenho hábito há muitos anos. Só ouvi ate uns 20 anso de idade. Mas noto isso, aquelas músicas que ouvi muito naquela época, se eu ouvir uma vez agora, ficarão tocando sozinhas na minha mente por horas. Não é tão ruim: barão vermelho ,queen, legião urbana, Elvis. E como sempre fui muito fã do Elvis na juventude, se eu ouvir um pedacinho de alguma coisa dele, passo o dia cantarolando depois, é um saco, ehehe. Acho que é um tipo de fragmento mental cantor que se cria na mente, e depois de ativado fica funcionando no automático. Não sei como fazer isos parar, e não ser madnaod a mente calar a boca mesmo, como se faz com uma criança. Mas tem que insistir várias vezes. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Quem dera fosse música que eu gostasse...mas não. Não ouço música a não ser quando vou em um local e está tocando. Não estudo e nem faço nada relacionado. Fico pensando se não é um chip instalado ou se estou em alguma faixa captando estas músicas populares e porque elas grudam? Cada dia é uma música diferente e ela se repete o dia todo. Há e me passou na mente agora e se não for uma frequência harp pra enlouquecer as pessoas? Eu consigo meditar e fazer mantras e suportar, mas uma pessoa ignorante neste sentido, enlouquece...

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 horas atrás, Madrebenemérita disse:

Quem dera fosse música que eu gostasse...mas não. Não ouço música a não ser quando vou em um local e está tocando.

Como tenho um gosto um tanto seletivo para música, dificilmente o que toca por aí me agrada, então me acostumei a simplesmente não prestar atenção, o que não é difícil quando não é um som tão alto. Vira ruído de fundo, como o som do trânsito ou qualquer outra forma de poluição sonora. É claro que seria melhor se não estivesse ali, mas dá para se desligar e ignorar. Se o volume estiver alto, não fico no ambiente. Frequentemente alguém fica meio boquiaberto comigo por nunca ter ouvido alguma música que faz muito sucesso e "todo mundo conhece". Provavelmente, em muitos desses casos, já até ouvi, mas não dei atenção nenhuma e assim não ficou registrado, pelo menos numa camada mais superficial e acessível da memória.

É importante notar que memorização exige atenção. É verdade que absorvemos muita coisa por "osmose", mas o grosso vem de atenção dirigida. Essas músicas são compostas para serem grudentas, viciantes. São verdadeiros memes. Aí se você acontece de memorizar, vai ficar repetindo eventualmente, porque, como o Sandro disse, a mente (não-educada) opera dessa forma.

Comigo, essa experiência desagradável de ficar com uma música ruim na cabeça é coisa antiga, de quando era mais novo e acabei exposto a mais lixo musical do que minha mente pôde filtrar. Ainda ouço música e, naturalmente, de vez em quando me pego a ouvindo internamente ou cantarolando. Aí é como qualquer outro pensamento recorrente. Você pode aprender a lidar com isso treinando lucidez, presença, mindfulness, etc.

3 horas atrás, Madrebenemérita disse:

Fico pensando se não é um chip instalado ou se estou em alguma faixa captando estas músicas populares e porque elas grudam? Cada dia é uma música diferente e ela se repete o dia todo. Há e me passou na mente agora e se não for uma frequência harp pra enlouquecer as pessoas?

Eu tendo a adotar a navalha de Occam e sempre dar preferência para a explicações mais simples. Uma observação atenta da mente revela que ela funciona mesmo de forma compulsiva, repetitiva, automática. Como essas músicas são feitas seguindo padrões simples, fáceis de captar e repetir, é natural que acabem pegando. Pode ser algo mais elaborado num caso muito dramático, mas infelizmente não precisa de chip nem de ondas harp para uma melodia ficar na cabeça.

3 horas atrás, Madrebenemérita disse:

Eu consigo meditar e fazer mantras e suportar, mas uma pessoa ignorante neste sentido, enlouquece...

Quase todo mundo neste nosso mundinho já é totalmente neurótico. Haha.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vou completar a resposta acima (sei lá por que, ela foi incompleta):

Se voce está fazendo uma coisa pensando em outra, então está adormecido (espiritualmente falando). Isso é basico pra entender.

Se está lavando a louca e - ao inves de estar atento ao momento, ao toque da espuma, ao som da torneira com agua - vc está ouvindo uma musica em sua cabeça, entao está adormecido.

Isso significa que nao está presente, atento, consciente ao que está fazendo. Está no piloto automatico, está inconsciente - este termo, inclusive, que teve origem na espiritualidade, hoje é muito abordado por técnicas de venda e PNL, porque o pressuposto básico por traz deles é que "todo mundo vive meio inconsciente, então usando o método correto, empurramos o que queremos".

Porque a musica que fica some na meditação (assim como todo o lado de fora)? Porque vc está ATENTO, CONSCIENTE. Simples.

A mágica do despertar é trazer estes estados de meditação para o dia a dia (nao precisa nem dizer que nao é algo que acontece da noite para o dia). E com base nisto, Krishnamurti dizia: "a meditação é o fim do ego"!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now