• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
rafaelbr91

Tópico Oficial para Apresentações

Recommended Posts

Para quem não me conhece eu era um dos Adm do fórum anterior. Sou membro do GVA desde maio de 2012 acho.

Tenho 45 anos, sou técnico em química industrial,  trabalho numa universidade federal, numa estação de pesquisas em oceanografia. Sou graduado em Letras, com mestrado em História da Literatura.
Tive minha primeira  projeção aos 12 ou 13 anos, após treinar algumas semanas  usando os livros do Lobsang Rampa como referência.
Fui tendo projeções esporádicas, curtinhas, mas nunca "involuntárias", até uns 21 anos, quando me finalmente me desinteressei do assunto.

Mas aos 40 voltei a me interessar, e após um curso no IIPC, resolvi criar vergonha na cara e praticar diariamente, e então comecei a me projetar com certa regularidade.
Entre 2011 e 2014 foram mais de 700 projeções, quando então  parei de registrá-las, eheheeh.

Mesmo assim ainda me sinto um completo novato, sempre na luta por entender o que acontece em cada projeção, o que não é nada fácil.
Mas pelo menos essa experiência serve para quebrar uns  galhos aqui como Adm, ajudando a tirar dúvidas do pessoal iniciante.
....................
Obs: a foto do Avatar não é minha, é uma foto da Dion Fortune, famosa ocultista inglesa.
 
 
felipec
felipec Postagens: 74
Oi Sandro! Legal poder ter contato com alguém mais experiente. Não sei como não entrei nesse fórum antes.
Eu também comecei a ter projeções em 2011, mas até 2014, tive menos de 50 projeções. Você teve mais de 700!!

Já que você falou que nunca teve projeções involuntárias, poderia nos contar como é o seu processo para ter projeções voluntárias? Eu tenho percebido muito a importância do relaxamento, pra ir baixando a frequência das ondas cerebrais, e reli o livro do Robert Monroe, o Journeys out of the body. Ele dá uma descrição bem legal do processo de relaxamento dele. Eu tenho conseguido quase sempre chegar no estado hipnagógico, aquele em que a gente começa a ter uns flashes de imagens malucas, quase entrando no sono....mas não tenho avançado muito a partir daí, em direção ao famoso ponto X, como o Saulo chama.
Gostaria de te perguntar como é o seu processo e o que sente, principalmente a partir do estado hipnagógico em direção à projeção em si.
Abraço!

 

  • Saulo
    Saulo Postagens: 16
    Sandro é danado mesmo e é um cara que aparentemente é comprometido com as projeções, vide o envolvimento dele nos fóruns e sua regularidade na atuação na ajuda.
     
    PS: Essa foto do sandrofabres dá medo e respeito! rs
    Você vê e pensa:
    Viuxe, esse é sério e pela época de foto, deve ter uns 120 anos, Matusalém projetivo!
     
  •  
    sandrofabres
    sandrofabres Postagens: 714

    Por isso eu já avisei lá em cima que a foto não é minha. Fico recebendo MPs de gente perguntando "é você naquela foto? achei meio 'engraçadinha'....", ahahaha.
    ......................
    Cara, do Relaxamento depende tudo. O ideal é se preocupar primeiro em atingir um relaxamento em que a percepção do seu corpo desapareça, se vai tentar uma técnica começando do estado de vigília. Isso demora no mínimo uns 40 minutos. Tem que separar 2h, de cara, se vai pensar "vou tentar me projetar agora".

    Primeiro relaxa bem, o que demooora. Depois entra naquele vai não vai, apaga não apaga,  fica aquela dúvida "tó sonhando ou estou falando com alguém mesmo?", ehehe. Mas tão logo a atenção comece a vacilar e as imagens hipnagógicas surjam, já pode tentar uma técnica de separação, qualquer uma, mas ou insiste na mesma a´te funcionar, ou fica alternando entre umas 5 que você já conheça bem
    Mas em geral eu terei várias apagadas rápidas, e sigo fazendo tentativas a cada nova acordada.

    Este fórum está virgem ainda, temos que trazer uns materiais de volta, nem que seja no copia e cola do que sobrou dos cachê do google, como isto aqui embaixo, mas é só para você ver como, estando no estado certo de relaxamento, é simples como levantar para ir ao banheiro.  Depois vou explicando melhor, nas seções certas, até porque pretendo organizar uma área para essa parte educativa, com o que aprendi nas minhas experiências e leituras, e respondendo aos problemas do pessoal do fórum, porque as dificuldades são sempre as mesmas, as etapas, etc. Dá para criar um FAQ por etapas reunindo tudo num só local/seção e ficará  algo como "o mínimo que você precisa saber se quer se projetar".
    Mas vai levar um tempinho ainda, para redigir tudo.

    O que eu tenho é um pequeno PDF com um resumo teórico e coletânea prática do que achei mais eficaz:

    https://drive.google.com/file/d/0ByXGi2vq5-wsenE1V1N2SnRERTQ/view?usp=docslist_api

     

     

     


    ....................................................................


    (postagem do fórum que bugou)


    Posted 02 April 2015 - 11:21 AM

    Sim, é por isso que as vezes você está deitado ali sonolento, pensa em fazer uma tentativa de projeção e funciona de primeira. Isso me aconteceu no fim de semana passado, fui dar uma cochilada no sofá, após o meio dia, pois apesar da janela ensolarada, barulho de vizinhos batendo portas, etc.. fiquei ali rateando, meio que sonhando acordando, enquanto ouvia o rádio ( alto até ) no noticiário, aquele falatório todo, não era música não.

    Então resolvi tentar me projetar, aproveitando  estado relaxado para ver se induzia um EV, e pimba, na primeira descida de energias já formigou. Então levantei devagarinho em astral, e saí para a rua, sempre ouvindo o rádio, porque estava bem alto mesmo. Ou seja, nem atrapalhou em nada meu estado mental. Já outros dias, nem com relaxamento bom, silêncio total, escuro total , a coisa não vai.

    .............................

    CONTINUA AQUI:

     

     

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá, o significado do meu nome é Bastão de Combate, sou de Imperatriz/MA, sou evangélico e não vejo conflito entre a minha espiritualidade e a minha religião. Contudo, sei que esse não é o mesmo posicionamento de outros membros da igreja, por isso, recolho-me ao anonimato. Entendo que o papel do grupo evangélico é de suma importância em alguns aspectos na nossa sociedade, assim como inúmeras outras doutrinas religiosas, pois todas buscam o contato com o mundo espiritual. Sei também que caminhamos para uma evolução de conhecimento onde os dogmas serão desmistificados com o tempo e, ao final, os preconceitos serão desfeitos dando espaço à busca plena pelo bem comum. Enquanto esse tempo não chega, algumas instituições deverão existir para que continuem a afastar pessoas de alguns vícios tornando-as mais próximas do amor fraternal de Deus. Destarte, não devemos julgar as pessoas pelas religiões e até mesmo pelo mal inconsciente que elas causam, pois algo de bom pode ser aproveitado.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
16 minutos atrás, Bastao de Combate disse:

Enquanto esse tempo não chega, algumas instituições deverão existir para que continuem a afastar pessoas de alguns vícios

Pois é. Acho que é bem por aí mesmo, fazem um ótimo serviço nesse aspecto.

Mas para pessoas que podem ficar longe de todos esses vícios, ou que conseguem levar uma vida seguindo a ética cristã, espontaneamente, sem precisarem ser ameaçados pelos fogos do inferno, as religiões tem pouca utilidade.

 

Aqui tem uma entrevista do Wagner Borges, sobre projeçõa, em que ele comenta um pouco da experi~encia de vida dele na questão religião x projeção:

 
0.jpg
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

— Como esses espíritos em sofrimento não possuem, quase em sua totalidade, o conhecimento da vida espiritual, precisam de um tempo para meditar, fazer algumas reflexões; a seguir, devem ser conduzidos, em breve espaço de tempo, à reencarnação. Durante a próxima vida, em novo corpo físico, entrarão em contato natural com o sofrimento e a marginalidade, mas se verão também envoltos em algum conhecimento espiritual elementar. Reclamarão um tipo de alimento espiritual básico, sem complexidade nem sofisticação, para que possam começar a ter noções de algo além do mundo material.
— Se precisam de um conhecimento tão básico assim, com certeza não estarão preparados para o ensinamento espírita ou umbandista, pois que ambos já expressam um grau maior de iniciação espiritual, não é assim? — inquiriu Raul.
— Pois é, meu filho — anuiu o pai-velho. — Precisamente por essa razão é que vemos no mundo a atuação cada vez mais intensa das chamadas igrejas pentecostais e neo-pentecostais, bem como do movimento católico carismático, os quais abordam a questão espiritual de maneira bem distinta daquela que o espiritismo apresenta. Esses nossos irmãos, com sua fé radical e grande poder de persuasão, têm prestado imenso benefício, pois retiram esses espíritos, já reencarnados, de dependências químicas e
antros de perdição, como dizem. Conduzem-nos à vivência de algum princípio moral, que desperte neles conceitos elementares, a fim de elevá-los em relação à vida puramente material.

Mas será válida a forma como trabalham com esse público? Em suas pregações, valem-se de imagens como o inferno, a perdição eterna e o diabo, arrebatando fiéis para suas igrejas através do medo.
— Que outra linguagem tais irmãos entenderiam?
Emergem de uma situação no plano astral na qual conviveram com imenso sofrimento; eram fantoches nas mãos de espíritos marginais. Sobretudo, seu despreparo espiritual é tamanho que não compreenderiam jamais a linguagem detalhada e explícita da doutrina espírita. Reencarnam, então, em meio à marginalidade, conforme dita a própria sintonia de seus espíritos, integrando gangues ou agindo sozinhos, de conformidade com as impressões e lembranças firmemente gravadas na memória espiritual.
Habituaram-se de tal maneira às imagens mentais de sofrimento e dor do plano onde estagiaram que, uma vez na Terra, só estão aptos a dar ouvido aos apelos das pregações fortes e recheadas de elementos familiares a seu universo. O inferno do qual querem escapar, ou o diabo, por quem alimentam tanto pavor, são os obsessores e magos negros que deles se serviam antes da reencarnação atual. Decorrem desse fato o conteúdo de medo e as imagens mentais fortes que muitos ministros pentecostais e carismáticos empregam.

"Tudo tem uma finalidade útil. Muitos dos atuais pregadores que se dedicam a trabalhar nos guetos, nas favelas e nos lugares de peso vibratório são espíritos de guardiões, que já desempenhavam esse papel nas regiões do mundo oculto, antes de reencarnar. Especializaram-se no resgate dessas almas; ao reencarnarem, em seu ministério, contam com a linguagem mais adequada a coibir os abusos que esses espíritos trazem como marca de sua conduta. Somente esse tipo de linguagem e vocabulário
poderá ser capaz de conter seus instintos primitivos."
Nova pausa foi feita por Pai João, pois naturalmente sabia que era muita informação para nós. Precisávamos digerir tudo antes de prosseguir. Olhando-nos bondosamente, o pai-velho deixou transparecer seu carinho imenso. Percebendo que o tempo transcorrido fora suficiente, prosseguiu:
— Reencarnados, tanto os espíritos sofredores como os quiumbas ou marginais e outros semelhantes
encontrarão no linguajar típico das igrejas reformadas um eco, imagens expressas de acordo
com o que viveram na er-raticidade.

"Talvez vocês entrem em contato com alguma propaganda igrejeira, falando de ex-drogados, ex-ladrões, ex-prostitutas, que agora se converteram àquela determinada religião. Mesmo em contato com uma fé mais elementar, esses ex-sofredores e ex-quiumbas, agora encarnados, têm oportunidade de ouvir falar também de um paraíso cristão, de uma continuidade da vida em alguma estância do universo. Ou seja, estão recebendo informações simples, sem complexidade, para que mais tarde possam assimilar o alimento espiritual mais elaborado das religiões espiritualistas de caráter mediúnico."

— Meu Deus! — exclamou Raul. — Os espíritos pensam em tudo! Nunca imaginei esse aspecto da vida religiosa. Como todas as religiões têm de fato sua função com vistas a acordar as consciências dos filhos de Deus.

 

Legião - Robson Pinheiro, pelo espírito Ângelo Inácio.

  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Seja bem vindo Combate interessante o que tu falou sobre sua vida, lembra um pouco o que aconteceu comigo quando conheci o fórum:

http://viagemastral.com/forum/index.php?/topic/16648-como-se-liberta-de-magia-enoquiana/

 

A jornada é grande o importante é andar em linha reta rumo ao destino escolhido pois o pior é andar em círculos!

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bem vindo Bastao de Combate. Penso de forma parecida, as religiões existem cumprindo alguma função na sociedade, na jornada evolutiva, e acho que a tendência é ir se desvinculando cada vez mais de dogmas e ganhando interpretações mais convenientes, ir se tornando uma coisa bem mais simplificada..

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá a todos. Apesar do nick meu nome é David Lucas. Tenho 23 anos, meu interesse pela "realidade oculta" começou bem cedo, quando criança. Em determinado dia, quando brincava no quintal de casa, eu avistei uma nave não-humana alçando voo bem próxima a mim. Pude ver todos os detalhes dela. Apesar de ter ficado com muito medo, aquele foi um momento chave onde qualquer possibilidade de seguir fielmente o conhecimento ortodoxo foi eliminada. Sempre me interessei por temas como ufologia e espíritos. Com o passar dos anos tive frequentemente catalepsias projetivas e sem acesso a Internet ou a livros específicos nunca sabia do que se tratava. O ano de 2009 foi um tempo de mudanças onde comecei a ler livros sobre esoterismo e ocultismo e também passei a ter acesso a internet. Naquele período tudo realmente mudou de fato até culminar no que sei hoje. Devo dizer o Fórum GVA sempre esteve dentre os melhores sobre espiritualidade do Brasil. Você encontra diversas informações preciosas nele. Meus interesses são diversos e a projeção astral é um dos principais. Infelizmente por motivos de estrutura, ainda não pude de fato treinar como deveria para ter uma projeção 100% lúcida mas já me projetei com uma lucidez abaixo do que considero necessário. Espero aprender cada vez mais e poder ajudar na medida do possível quem precisar aqui do fórum. Paz, amor e luz a todos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

hahaha 

Lembro que quando me registrei lá por meados de dezembro de 2012, na época Amanda assinava por ''Toquinha'' e participava ativamente do fórum como moderadora. Realmente ela sumiu... o ''amor do Joe'' hahaha

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá a todos, para quem não me conhece, me chamo Raphael Anderson, sou de Manaus - AM (PS: Se tiver alguém aí do NORTE, dá um toque, porquê a união faz a força, pelo menos é o que dizem, ¯\_(ツ)_/¯  ), e não me considero um projetor/desdobrador, mas sim um estudioso empírico do comportamento da consciência nos diversos corpos.

Tenho atualmente o pé em três religiões (sou cristão protestante, espírita e umbandista), por enquanto, e sou simpatizante de diversas outras religiões e doutrinas.

E para quem me conhece, bom, NardarMir, o "mago" paliteiro da capa falante, também conhecido como Radran do deserto está de volta, e me encontrarei sempre que possível no chat, :P, para lhe zuar dar uma força, e jogar papo fora.

  • Like 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá!

Navegando pela internet encontrei sobre o assunto, me interessei, decidi pesquisar e saber mais sobre, decidi fazer várias pesquisas e experiencias com o mesmo.

Resumindo, sou apenas um "pesquisador" se é que posso me auto-intitular assim.

Estou aqui para ajudar no que for possível e também aprender com os membros do fórum.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.