Jump to content
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Ver Espirito no meu apartamento


Susyane Alves
 Share

Recommended Posts

Olá boa noite,

Sou leiga sobre o assunto, mas tive algumas experiencias.Uma delas me deixou  bastante curiosa...

Depois dos meus 12 anos aconteceram algumas experiências comigo espontâneas, desde catalepsia do sono à ouvir alguns barulhos e sensações de coquinhas nas pernas e barriga.

Como era evangélica sempre associava os acontecimentos com demônios e perturbações e me apavorava e tudo que eu queria era sair daquele estado horrível. Era praticamente toda noite quando eu estava na minha faixa de 15-16 anos. Isso me frustrava MUITO. Chorava e me questionava com Deus, porque ele permitia que acontecesse aquilo comigo e se eu procurava estar bem com todos e estava no meu melhor momento com Ele na igreja, procurando ser melhor como pessoa.

Hoje não me considero evangélica, mas tenho minha raiz no evangelho da palavra, porém tem alguns acontecimentos que sempre me fazem questionar sobre o que ocorre.

Antes eu apenas ouvia ruídos no plano espiritual e sensações, quando havia esses acontecimentos. Se não me engano houve umas 3 vezes que vi uma  mesma pessoa comigo. Uma em “sonho” e outras duas nesse meu estado de “projeção involuntária”.(Hoje lembrando penso ser talvez quem sabe o meu mentor(a), Pois tinha uma “aparência assexuada”, não saberia dizer se era homem ou mulher)

Como perceberam sou bem inexperiente sobre o assunto, não sei sobre energias e chacras e confesso que tenho receio de mexer com algo desconhecido e caso “dê lugar” para espíritos  me possuírem. Hoje tenho 28 anos, depois que venci um pouco o preconceito e vi alguns vídeos do Saulo e explicações de outros me identifiquei com muitas sensações e situações que vivi que me levam a crer que já estive projetada fora do corpo. Embora não creia muito em reencarnação e Espiritismo.

Desculpem o texto grande, bem agora vou direto ao assunto.

Uma das ultimas vezes que me permiti passar pelo processo, sem me apavorar e "repreender", levantei da minha cama em meu apartamento e fui ate a cozinha procurar algo, vi que a porta de acesso a minha área de serviço estava fechada, abri para ver se tinha "alguma coisa" por lá(mesmo me borrando de medo, rsrsr), mas não havia, então fui até minha varanda e chegando lá, vi um espírito meio que se escondendo atras do meu jump(q fisicamente estava no meu quarto, mas na projeção estava na varanda)  eu desesperadamente mandei ele sair, a expressão no rosto do mesmo era de assustado também, parecia q tinha medo de mim, o que me recordo bem era o formato redondo deformado de sua boca...Lembra essa imagem embora o rosto era definido com nariz e olhos.Daí na minha inquietação e medo acabei voltando ao corpo.

 

Aquela experiencia foi tão vívida e lúcida... Alguém sabe me dizer se existem espíritos que nos sugam e por isso o formato da boca?

 

Mais uma vez me desculpem o tamanho do texto.

 

 

Obrigada!

Boca do espírito.jpg

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

1 hora atrás, Susyane Alves disse:

existem espíritos que nos sugam e por isso o formato da boca?

Existem espíritos que nos sugam, mas não precisam de um adaptação anatômica para fazê-lo. Eles podem sugar a distância. ou quando te tocam (por isso gostam de fingir que são mãe ou conjuge, ou namorada), ou basta esbarrar mesmo. Voce está andando na rua em astral e ..estranhamente, uma pessoa passa muito perto de você, e esbarra de leve. Pronto, na hora a visão fica turva e uns 4-5 segundos depois você acorda. Não´e necessário uma "boca de caçapa" para sugar as energias de alguém.

 

 

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Nossa agora entendo...Sandro desculpe, vou relatar algo inédito que me aconteceu de sábado para domingo11-12/02...Na minha ultima experiencia eu creio que me projetei(Como nunca vi meu corpo deitado, não tenho certeza se é projeção), eu meio que lutava com um espirito que se passava por minha mulher, lembro que naquele momento pensei: O Saulo falou que temos que sair de perto do corpo caso estejamos projetados, senão o cordão de prata nos puxa de volta ao corpo,daí  eu analisei que se  estivesse projetada e com meu corpo  astral e poderia sair de lá,  então saí pela janela do quarto para me livrar do conflito que me perturbava. Pulei a janela... E lá fora eu ía voando em direção a um lugar com arvores bem bonito. Passei por uma especie de campo de energia ou sei lá o que, que parece que filtrou minhas emoções negativas de medos, raiva e etc... Enfim me senti mais leve.Tive um momento que não lembro, só lembro de ver umas pessoas em roda me recebendo onde eu estava indo, e de repente estava em uma cidade bem pobre, parecendo abandonada, me lembro que estava plenamente lúcida e analisando tudo, vendo as coisas me desviando de algumas pessoas que passavam por mim, até de bicicleta ou moto bem rápido mesmo, e a todo tempo pensando: "que loucura sei que não estou dormindo, vou correr nas direções que eu decidir, e assim o fiz, e pensava: tomara que ninguém tope em meu corpo dormindo pra eu não voltar para ele".Entrei em umas casas pobres msm. e haviam leitos, (no astral se é que não foi um sonho lúcido) eu era mais espontânea, e agia sem medos, me recordo que vi um senhor negro deitado em uma das camas beliche, então pensei em falar com ele, sem receio trisquei nele com um pedaço de cano ou madeira(que não sei de onde surgiu) e perguntei o que ele era...Me lembro que tive essa coragem pois o que me chamou a atenção é que ele a principio tinha apenas um olho(Como um ciclope da mitologia) bem verde e depois quando falou comigo foi normal sentia empatia por ele.Não lembro mais o que conversamos, apenas que ele meio que sorriu me perguntando sobre a realidade no mundo espiritual ser diferente do que as pessoas pensam (um lugar lindo, reluzente, perfeito) e me lembro que concordava com ele e falava q era frustrante pq havia sido enganada toda minha vida. Então perguntei o nome dele e falei que era pra me lembrar quando eu voltasse pro meu corpo. Ele falou e eu repetia juntamente com ele e outro rapaz q estava  junto pra me lebrar(umas 4x)...(era Dabi) me lembro que depois ele havia mudado a forma, como se fosse um animal, eu pedi pra fazer um carinho, e ele deixou e saí de lá passando em várias outras casas correndo curiosa e a todo tempo falando comigo que eu tinha que lembrar quando voltasse para o meu corpo.

Passei em um lugar com muitas pessoas, muitas mesmo, mas não havia sentimentos maus nelas, pareciam desencarnadas que não tinham plena consciência de que estavam mortas(pelo menos foi o que entendi). Me lembro que uma mulher ficou me encarando MUITO, como se não acreditasse no que estava vendo e estava com a filha, e a filha a todo tempo chamava a atenção dela "mãe vamos,  vem mãe, não fica olhando...) daí eu dei um soco na mulher, mas pelo jeito não a machucou, daí a filha a alertou:"viu mãe te falei..."Daí eu pedi perdão e falei que era a minha primeira vez que eu fora para lá , e elas consentiram que estava tudo bem...Depois aconteceram outras coisas que não lembro e voltei pro meu corpo.

Foi um sonho lúcido, minha mente me pregando peças ou estava em uma cidade astral?(Desculpe ser tão detalhista, há outras lembranças vagas, mas já fui extensa demais).

 

Grata pela paciência e resposta!!

Link to comment
Share on other sites

1 hora atrás, Susyane Alves disse:

Nossa agora entendo...Sandro desculpe, vou relatar algo inédito que me aconteceu de sábado para domingo11-12/02...Na minha ultima experiencia eu creio que me projetei(Como nunca vi meu corpo deitado, não tenho certeza se é projeção), eu meio que lutava com um espirito que se passava por minha mulher, lembro que naquele momento pensei: O Saulo falou que temos que sair de perto do corpo caso estejamos projetados, senão o cordão de prata nos puxa de volta ao corpo,daí  eu analisei que se  estivesse projetada e com meu corpo  astral e poderia sair de lá,  então saí pela janela do quarto para me livrar do conflito que me perturbava. Pulei a janela... E lá fora eu ía voando em direção a um lugar com arvores bem bonito. Passei por uma especie de campo de energia ou sei lá o que, que parece que filtrou minhas emoções negativas de medos, raiva e etc... Enfim me senti mais leve.Tive um momento que não lembro, só lembro de ver umas pessoas em roda me recebendo onde eu estava indo, e de repente estava em uma cidade bem pobre, parecendo abandonada, me lembro que estava plenamente lúcida e analisando tudo, vendo as coisas me desviando de algumas pessoas que passavam por mim, até de bicicleta ou moto bem rápido mesmo, e a todo tempo pensando: "que loucura sei que não estou dormindo, vou correr nas direções que eu decidir, e assim o fiz, e pensava: tomara que ninguém tope em meu corpo dormindo pra eu não voltar para ele".Entrei em umas casas pobres msm. e haviam leitos, (no astral se é que não foi um sonho lúcido) eu era mais espontânea, e agia sem medos, me recordo que vi um senhor negro deitado em uma das camas beliche, então pensei em falar com ele, sem receio trisquei nele com um pedaço de cano ou madeira(que não sei de onde surgiu) e perguntei o que ele era...Me lembro que tive essa coragem pois o que me chamou a atenção é que ele a principio tinha apenas um olho(Como um ciclope da mitologia) bem verde e depois quando falou comigo foi normal sentia empatia por ele.Não lembro mais o que conversamos, apenas que ele meio que sorriu me perguntando sobre a realidade no mundo espiritual ser diferente do que as pessoas pensam (um lugar lindo, reluzente, perfeito) e me lembro que concordava com ele e falava q era frustrante pq havia sido enganada toda minha vida. Então perguntei o nome dele e falei que era pra me lembrar quando eu voltasse pro meu corpo. Ele falou e eu repetia juntamente com ele e outro rapaz q estava  junto pra me lebrar(umas 4x)...(era Dabi) me lembro que depois ele havia mudado a forma, como se fosse um animal, eu pedi pra fazer um carinho, e ele deixou e saí de lá passando em várias outras casas correndo curiosa e a todo tempo falando comigo que eu tinha que lembrar quando voltasse para o meu corpo.

Passei em um lugar com muitas pessoas, muitas mesmo, mas não havia sentimentos maus nelas, pareciam desencarnadas que não tinham plena consciência de que estavam mortas(pelo menos foi o que entendi). Me lembro que uma mulher ficou me encarando MUITO, como se não acreditasse no que estava vendo e estava com a filha, e a filha a todo tempo chamava a atenção dela "mãe vamos,  vem mãe, não fica olhando...) daí eu dei um soco na mulher, mas pelo jeito não a machucou, daí a filha a alertou:"viu mãe te falei..."Daí eu pedi perdão e falei que era a minha primeira vez que eu fora para lá , e elas consentiram que estava tudo bem...Depois aconteceram outras coisas que não lembro e voltei pro meu corpo.

Foi um sonho lúcido, minha mente me pregando peças ou estava em uma cidade astral?(Desculpe ser tão detalhista, há outras lembranças vagas, mas já fui extensa demais).

 

Grata pela paciência e resposta!!

Susy, que experiencia maravilhosa !!! Sinta-se lisonjeada por conseguir se "projetar"  dessa forma e conseguir lembrar de tantos detalhes !! Parabéns !!

Saiba que muitas coisas em que você acreditava ser coisas do demônio, são absolutamente normais, não há com o que se preocupar!

Em relação ao espirito no seu apartamento, pode ser que seja sim um "vampiro astral" mas como o Sandro falou acima, eles não precisam ter características "físicas" para se caracterizarem como vampiros, os tais espíritos podem se plasmar (transformar),no que acharem mais cabível para roubarem a sua energia, por isso aprenda também a se defender no astral, se você procurar um pouquinho aqui no fórum, vai encontrar muuuuuuita coisa bacana e com certeza aprenderá muito!

Se você gosta ou é curiosa com esse tipo de assunto, estude bastante, aqui no GVA irá encontrar pessoas e um conteúdo bem bacana..

 

Abs.

 

 

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share

×
×
  • Create New...