Jump to content
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Recommended Posts

Olá,

essa é a primeira duvida que tento tirar aqui no grupo, talvez já tenham trazido essa questão, se for o caso me desculpem kkk.

Eu nunca conseguir entrar em EV (consciente pelo menos, mas quase todo dia eu acordo com a sensação de estar vibrando*), tento treinar os chakras, um de cada vez, mais ou menos 10 minutos pra cada, em meditação de 60/70 minutos e consigo me concentrar ok e até sentir certas coisas... mas quando tento OLVE sempre me perco, não sei bem por que a técnica me deixa meio impaciente, acho que eu tenho dificuldades em imaginar/visualizar o que a técnica propõe. Vocês acham que o treino dos chakras pode susbtituir a OLVE? Há outras formas de entrar em EV?

*Já teve vezes que eu achava que minha cama tava possuida de tanta vibração que eu sentia, até que eu percebi que quem tava vibrando era eu. Em geral, acordo assim depois de algum sonho mais intenso, em que costumo lembrar do começo, meio e fim. Mas que, em geral, são meio caóticos e tumultuados.

Link to comment
Share on other sites

10 minutos atrás, deeppsky disse:

*Já teve vezes que eu achava que minha cama tava possuida de tanta vibração que eu sentia, até que eu percebi que quem tava vibrando era eu. Em geral, acordo assim depois de algum sonho mais intenso, em que costumo lembrar do começo, meio e fim. Mas que, em geral, são meio caóticos e tumultuados.

Não tem a ver com o sonho, essa vibração ao acordar é o EV sim, é o EV de retoro. Quanto mais intensos, indica que você ficou mais tempo longe do corpo, ou viajou para mais longe. O Waldo Vieria considera que essa é a diferença entre sonho e projeção. Como sonho, por definição, seria uma fantasia mental, que só acontece na sua mente, você não precisa se afastar do corpo, apenas fica levemente desencontrado. Então ao acordar nao tem EV. Mas se estava fora do corpo, fazendo alguma coisa, ao voltar, vai sentir o EV, porque absorveu energia ao se afastar, e ao reentrar, essa energia é despejada no seu corpo etérico, e é isso que gera o EV de retorno.

Mas para nós aqui projeção é aquela que a gente tem lúcida. Se você todas as noites está com lucidez zero, sonhando que está trabalhando estudando, dirigindo carro...e ao acordar sente EV, não chame isso de projeção, mesmo que seja, porque sendo a lucidez zero, não tem valor nenhum para o que nos interessa na busca pela lucidez.

Apenas fique atento a essas diferenças para fins de diagnóstico, porque, por exemplo, se você sofre ataques repetidos nos seus sonhos, sempre de um mesmo animal,  mas nunca sente EV ao acordar, isso indica que são apenas sonhos, que o atacante pode ser apenas uma figura mental, e que pode talvez ser interpretado segundo a simbologia dos sonhos, o que aquele animal significa na simbologia. Já se você sempre acorda sentindo EV, isso indica que deve ser projeção mesmo e que esse animal não é simbólico, mas algum ser astral.

Citar

Há outras formas de entrar em EV?

Não se conhece forma melhor ainda. Aqui tem um curso em quatro partes que explica isso:

Talvez porque o EV é RESULTADO de estimulação sincronizada ds chackras, é uma ressonância geral que surge no campo TODO, em função de TODOS os chackras estarem vibrando juntos. Então não parece haver outro jeito de gerar isso usando técnicas tradicionais, em que você estimula um chackra por vez.

  • Like 2
Link to comment
Share on other sites

  • 2 weeks later...

Fala galera,

Eu ficarei muito grata se vocês puderem me responder sobre isso lá vai:

Já medito regularmente tem uns 2 anos (pelo menos 3 vezes na semana), em uma época que eu tinha sofrido um ataque espiritual (magia negra), minhas meditações ficaram mais intensas, com sensações mais fortes. A que mais me fazia ficar qq isso meu jesus, era que as vezes (eu medito deitada e não não durmo) o meu coccix fazia movimentos involuntários bem fortes, e ok essa parte eh estranha, eu sentia mt prazer nesses movimentos, não de uma forma sexuaaaal tipo nossa estou excitada, nao eu nao fcava excitada sexualmente, longe disso, era como uma "massagem" não sei dizer, mas era uma sensação muito prazerosa. Nunca entendi bem o que era isso, pensei que pudesse ser kundalini mas nunca encontrei em nenhum lugar a frase "prazer no coccxi" haha. Mas sim, eu sentia isso e dps uma sensação quente ia subindo até minha cabeça, eram sensações puramente físicas mesmo, a minha mente ficava vazia e meu corpo bem quente. Deve ter acontecido pelo menos umas 6/7 vezes e depois nunca mais, até que tcharam hj eu fui tentar a OLVE, faço meio devagar ainda, tô tentando ir ao meu nivel, e isso aconteceu novamente, a última vez foi em outubro do ano passado, mas só ficou lá, não "subiu", mas eu senti o tal prazer e os movimentos involuntários característicos, mas não tão fortes e demorados. Tô lendo um livro de EV do César de Sousa Machado, mas essa sensação em especifico até agora não li por lá, o que vocês acham que pode ser? Uma limpeza? As energias se movimentando? E se sim essa área pode ter bloqueios?  Vocês já sentiram algo assim? 

auahauau, valeu desde já aos que responderem, abs

Link to comment
Share on other sites

Em 2017-5-17 at 17:52, deeppsky disse:

Tô lendo um livro de EV do César de Sousa Machado, mas essa sensação em especifico até agora não li por lá, o que vocês acham que pode ser? Uma limpeza? As energias se movimentando? E se sim essa área pode ter bloqueios?  Vocês já sentiram algo assim? 

Olá, deeppsky, tudo bem?

Olha... é muito difícil para qualquer um dizer algo conclusivo em relação a isso pois, para tanto, acredito que seria  necessário alguém, sendo sensitivo ou clarividente experiente, entrar em contato mais direto com você para ter um panorama geral do seu campo energético, seu energossoma e a configuração de cada chakra.

Pela sua descrição apenas eu não me sinto capaz de afirmar nada mas posso levantar algumas possibilidades apenas a título de sugestão de pesquisa:

- Talvez, uma possível ativação mais intensa do chakra básico poderia gerar esse tipo de sintoma, a esse respeito, recomendo a leitura do livo Teoria dos Chakras do Hiroshi Motoyma,  pois este possui a descrição do que o próprio Hiroshi Motoyama sentiu ao despertar cada um de seus chakras (vale a título de comparação) e mais detalhes a respeito do funcionamento do sistema de chakras de uma forma geral. Ainda dentro desta possibilidade, se tiver interesse, existem vários lívros sobre Chakras que podem lhe enriquecer o conhecimento:

- Outra possibilidade é mesmo algum tipo de vampirização de sucubus ou entidade energívora com foco na energia sexual, você disse que medita deitada (o que não é recomendado se o objetivo for meditar de fato) então pode ser que você tenha entrado em transe (fase) projetivo e esteja mais sensível ao seu corpo energético captando sensações nas áreas mais ativas.

- A prática de OLVE pode ter te sensibilizado mais em relação as energias e pode ser que você simplesmente esteja sentindo mais as energias associadas ao chakra básico nos momentos em que este chakra esteja mais ativo.

Enfim, são apenas algumas possibilidades mas mesmo assim, pode ser que não seja nada disso então vale a pena você continuar se questionando, se observando e buscando conhecimento afim de chegar a alguma conclusão por si mesma.

Dependendo do seu nível de curiosidade, de tempos em tempos a Nanci Tivellato e o Alegreti voltam para o Brasil para ministrar cursos da IAC e fazer o que eles chamam de coaching evolutivo. Você poderia pagar por uma dessas seções de coaching evolutivo e saber uma resposta mais precisa sobre toda a sua constituição energossomática e até mesmo pegar dicas para melhorar sua prática de OLVE.

  • Like 1
Link to comment
Share on other sites

  • 1 month later...

Boa noite prezados colegas...

Vou colaborar como puder e tentar trazer minha (pequeniníssima) experiência para vocês...

 

Consigo chegar a um Estado Vibracional mais acentuado ao praticar de alguma forma com os chakras (no meu caso, reiki) enquanto relaxo meu corpo.

 

Na verdade, sinto meu corpo vibrando demais, porém ele é tomado por uma euforia, por uma energia; sinto como se estivesse flutuando, mas logo sou tomado pela euforia e acabo tendo de me mover, fico ofegante - é uma ótima sensação na verdade e permaneço vibrando um bom tempo após cessar a movimentação de energias...

 

(Noto que, apesar disso, meu coração não está palpitando, meu corpo não está tenso - na verdade ele segue relaxado, chego a me tropeçar quando saio da cama, hehehehehe)

 

É quase, digamos, como um orgasmo mas sem o componente físico (nem sensual)...

 

É bom, mas ao acabar essa pretensa OLVE estou longe de dormir ou de sair do corpo... Ou não estou?

 

 

Link to comment
Share on other sites

Voce precisa.ainda tirar suas consciencia do seu local de referencia, para isso tem que reduzir o input de dados dos sentidos, que informam a sua consciencia qual é o local que ela ocupa mo espaço. E para fazer isso, precisa atngir um bom relaxamento. Ter o EV é cumprir apenas a exigência energetica , falta o resto, corpo ( desstivar) e mente ( focar em um ponto fora do corpo para forçar a separaçao). Leia aqui:

 

Link to comment
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share

×
×
  • Create New...