• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt

Recommended Posts

Pessoalmente eu acho que é só uma situação da vida. Muitas vezes as pessoas se preocupam demais com isso. Ficar uma vida sem um parceiro não é um fim de mundo e já diz o ditado: "melhor só do que mal acompanhado". Eu sei que é difícil compreender isso sem ter de fato vivido uma vida a dois por algum tempo mas quem já passou por esta experiência sabe que não é fácil, por mais que existem afinidades sempre vão existir desentendimentos e é preciso uma certa dose de sabedoria para lidar com isso.

No final das contas eu acho mais importante ter paciência e procurar compreender o momento e, principalmente, não se precipitar buscando viver uma vida a dois a qualquer custo porque, neste caso, "a emenda pode ser pior que o soneto", se é que você entende.

Agora... respondendo de fato a sua dúvida: sim, há situações onde o fato de a pessoa possuir muita vontade de ter uma vida a dois mas nunca conseguir pode ser relacionada à algum karma acumulado de vidas passadas mas há casos e casos, acho que isso corresponde à minoria das pessoas que não conseguem se encontrar em um relacionamento a grande maioria é por culpa das ações que pratica nesta vida mesmo, da forma de ser e agir em relação a si e aos outros e, em alguns casos, simplesmente por não encontrar alguém que vale a pena e que esteja disposto a levar uma vida a dois.

A verdade é que há muitas pessoas que são muito "afobadas" e acham que porque já tem 25 anos e ainda não encontraram a tampa da sua panela vão ficar sem ninguém. A maioria destes casos só ressalta uma enorme "falta do que fazer" e, neste caso, a pessoa fica "caçando assunto". Quem emprega seu tempo de forma útil não fica pensando nesse tipo de coisa e quando menos, quando mais, acaba encontrando alguém que realmente valha a pena ou passa a vida sozinho mas de forma útil e rica porque em verdade, ninguém está só e o que é uma vida sem um companheiro(a) perto da imensa quantidade de vidas que possuímos?

O apego é, em via de regra, aquilo que nos prende a nossa condição de ignorância que nos faz prisioneiros do ego e o que é essa imensa necessidade de possuir um parceiro amoroso se não for um tipo de apego? Posso estar errado mas acredito que, com a evolução, esse tipo de coisa deixa de ter importância para o espírito que já se encontra mais liberto e espíritos mais evoluídos não precisam mais encarnar e também não possuem sexo. Isso é coisa de gente pouco evoluída como nós que estamos aqui. Com tudo isso em vista, eu acho que vale mais a pena deixar a vida seguir e o que tiver que ser será.

  • Like 1
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.