• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
Leadbeater

Projeção em momento não recomendável

Recommended Posts

Olá Viajantes,

Conforme relatei anteriormente, tenho vivido uma fase com um certo grau de bloqueio para projeções. No início pensei que tivesse feito algo de errado mas depois passei a sentir como se fosse uma proteção para o momento "energético" pelo qual passamos. Dei uma reaproximada nos meus estudos e voltei a movimentar as energias fazendo uso das técnicas. Recebi algumas poucas mensagens vindas como de uma consciência "insatisfeita" na noite de sexta para sábado e visualizei um braço emitindo energia no quarto na noite de sábado para domingo. Perguntei mentalmente o que era aquilo e a resposta veio via psicofonia fazendo uso da minha esposa como instrumento: "Para proteger o ambiente.". Não comento mais nada e guardo o teor e os eventos mais marcantes para mim mesmo.

Ontem fui dormir com a intenção de me projetar e senti como se o ambiente/momento fosse completamente desfavorável ao máximo mas que mesmo assim, por pura teimosia minha, acabei conseguindo algum baixo grau de lucidez numa sala toda vermelha e preta com uma mulher vestindo um capuz. O local estava decorado com vários desenhos herméticos mas do ponto de vista negativo/assustador. Ela foi rapidamente me puxando pelo braço para uma salinha ao lado e, ao passar pela porta, mesmo tonto pela baixa lucidez, vi um grupo de umas 5 outras mulheres também encapuzadas formando um círculo. Detalhe: todas muito magras e com olhos acinzentados. A sensação imediata foi de pavor e de sair rapidamente dali. Como parecia estar grudado no local, pedi ajuda para os mentores e acordei mal. Custei a dormir mas já de cara me vejo fora do corpo descendo umas escadas e as vezes eu deixava cair algumas "coisinhas" de vidro ou cristal. Parava e tentava catar uma por uma. Percebi pessoas me notando e murmurando. Depois de andar mais um pouco dou de cara com uma senhora com aparência indígena muito descontente comigo. Ficava me provocando, dizendo para sair de perto dessas "consciências indígenas do mal" (não sei nem do que se trata), que não precisava fazer tudo aquilo (deve ter sido a ação dos mentores ou sei lá) e que ela sabia bem quem eu era (dando um tom de temor). Disse meu nome completo e ainda, acho que para me assustar, o ano no qual irei desencarnar. Não fiquei triste nem assustado pois me pareceu até mais do que eu desejo aguentar neste plano. Simplesmente não entendi a situação, me desculpei e disse que sou construtor do bem. Acho que foi só para tentar me desestabilizar.

Postei apenas para relatar como existem momentos pesados durante os quais devemos evitar a projeção.

Muita paz e luz a todos! A luz sempre vence.

  • Like 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

Na verdade achei recomendável sua projeção para saber para onde está indo inconscientemente , pelo relato parecia uma espécie de culto.

Tento lucidez consegui ver onde estava e consegui voltar para o corpo e ter consciência de onde está indo.

Abraço.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
42 minutos atrás, sandrofabres disse:

O que bota para correr entidades negativas, seria o que?

Estou tentando encontrar a forma como fui sintonizar esse evento. Não sei se foi contaminação do que assisti ultimamente, se faço algo errado mesmo que sem perceber ou ainda alguém me acha importante (não sei como) para tentar me influenciar. Costumo fazer uso do Belilim mas pode ser que não faça da maneira correta.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Agora, sandrofabres disse:

Onde fica o "Belilim+ Circulo de proteção" no seu relato deste tópico?

Sempre antes de dormir quando percebo que minha esposa já adormeceu. Conjuro 3 vezes seguidas e faço o círculo. Acho que meu erro está na proporção desse círculo, englobando praticamente toda a minha casa (com a intenção de proteger meus filhos também).

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu sempre fuz em torno na casa toda, e nunca tive problemas. Mas note, isso so protege seu corpo físico, nao imoede que voce va parar em lugares sinistros, em astral.

Esaas pessoas que voce viu na projeçao,,estavam dentro da sua casa? Ou voce é que foi parar no ambiente delas?

Share this post


Link to post
Share on other sites

É, contra issi não tem proteçao. Mas não acje que foi parar la por sintonia. Voce podw ter sido levado la,,para TALVEZ ver a turma.que agora não esta podendo entrar na sua casa né? 

É muito dificil saber o que nos leva a um determinado local do astral. Só nos resta aproveitat a viagem para aprendet algo sobre aquele local e seus habitantes. O resto é especulaçao.

Share this post


Link to post
Share on other sites

So pra esclarecer, o Belilim pode ser feito em uma área mais ampla como a casa toda sem dificuldades?  Ou o ideal seria fazer de cômodo em cômodo e depois fazer o circulo na casa toda?.

 Imaginei inicialmente que o Belilim seria adequado pra limpar um quarto por exemplo, que ficaria dentro do campo de visão, mas se for de quarto em quarto, nao se corre o risco dos "indesejaveis" voltarem a um determinado cômodo apos o Belilim e quando  fechar o circulo ja estarem do lado de dentro?.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Das vezes em.que precisei fazer, eu sempre fiz ma casa toda e nao tive menhuma Surpresa. Em tese voce faria mo.quarto,,mas se levantar para ir no banheiro,,rompera o circulo e tera que refazer tudo de novo.

o Belilim bota para correr asn entidades qje estao proximas.  Nao sei a que distancia elas irao se afastar, mas na mesma sala nao ficarao. 

E se apenas se afastarem para uma sala distantr e voce fizer o.circulo na casa toda, vai prende-los com voce. 

 

Mas assim: isso é matéria de experimentaçao. Se voce faz de um jeito e tem problemas, tem que examinar o.que esta fazendo. Eu sempre fiz na casa toda e nunca tive visitantes nas noites em que fiz.. E ouvia eles batendo na porta do lado de fora da casa, o que mostra que de fato ficaram no lado de fora.

 

Não existr isos de fazer se quarto em quarto, ate porque quando VOCE sair de um quarta para ir para o proximo, voce vai romper o.circulo que acabou de fazer.

GRAVEM: O.círculo é como uma bolha de sabão, se alguem físico passar por ele, rompe! Pessoa, gato, cachorro,criança. Ratos não, são pequenos demais e por isso nao afetam o circulo.

  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
52 minutos atrás, sandrofabres disse:

Das vezes em.que precisei fazer, eu sempre fiz ma casa toda e nao tive menhuma Surpresa. Em tese voce faria mo.quarto,,mas se levantar para ir no banheiro,,rompera o circulo e tera que refazer tudo de novo.

o Belilim bota para correr asn entidades qje estao proximas.  Nao sei a que distancia elas irao se afastar, mas na mesma sala nao ficarao. 

E se apenas se afastarem para uma sala distantr e voce fizer o.circulo na casa toda, vai prende-los com voce. 

 

Mas assim: isso é matéria de experimentaçao. Se voce faz de um jeito e tem problemas, tem que examinar o.que esta fazendo. Eu sempre fiz na casa toda e nunca tive visitantes nas noites em que fiz.. E ouvia eles batendo na porta do lado de fora da casa, o que mostra que de fato ficaram no lado de fora.

 

Não existr isos de fazer se quarto em quarto, ate porque quando VOCE sair de um quarta para ir para o proximo, voce vai romper o.circulo que acabou de fazer.

GRAVEM: O.círculo é como uma bolha de sabão, se alguem físico passar por ele, rompe! Pessoa, gato, cachorro,criança. Ratos não, são pequenos demais e por isso nao afetam o circulo.

  Entendi perfeitamente o conceito. Na verdade perguntei pq vi diversos relatos em que o pessoal cita que faz esse procedimento de fazer o Belilim + circulo na casa toda quando se sente assediado e nao tem dado certo, logo imaginei q o motivo é que acabam ficando do lado de dentro.....

A solução seria fazer o circulo antes das visitas chegarem.

 No meu caso tenho gato que transita pela casa a noite e criancas pequenas que fazem ser rotina levantar algumas vezes, então espero nao precisar fazer uso dessa "ferramenta" hehe.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Há alguns  fatores envolvidos nisso. Muita gente parece que tem extrema dificuldade mental de entender o procedimento. Acho que é porque, no fundo, o próprio obsessor deles deve estar atrapalhando. A explicaça é muito simples:

- faz o belilim

- em seguida faz o circulo

- não pode passar pelo círculo, ou ele se rompe

Quando questiono as pessoas que alegam que falhou, eles sempre "não sabiam" de um desses três pontos. Porque em geral eles acham ,da cabeça deles, que é para imaginar uma bola de luz, ou que é para visualizar saindo do chackra tal, ou que é para adicionar nao sei qual mantram, misturam com nomes de entidades e tal. fazem uma salada..só o que não fazem é cumprir o procedimento correto. Sempre tem uma desculpa o filho , o gato, o marido...

Existem dois fatores relacionados à eficácai disso:

- concentraçao (para o belilim e para o círculo)

- entonação (para o belilim)

Se cantar de forma desatenta ou na entonação errada, não via funcionar mesmo. Esqueça aquelas bobagens tipo "o que vale é a intenção". Não. Em algumas coisas a intenção não é a única variável importante, é a menos importante. Não estamos falando de dar benção, de orações ,de enviar energias boas. Estamos falando de  processos energéticos ativados pelo som, e portanto necessita entonação correta. 

http://www.viagemastral.com/forum/index.php?/topic/17349-fiquei-com-medo-de-dormir-como-assim-véi/&do=findComment&comment=75680

Mas EU suspeito, pelo que já pude ver de relatos, que nos casos em que o obsessor é alguém que as vezes faz ataques sexuais à vítima, que se a pessoa faz o círculo só em torno do quarto, a própria vítima pode vir a romper o círculo, pela indução telepática de sonhos, que o obsessor pode lhe causar se ficar ali olhando a vítima deitada né? Todo mundo, dormindo está vulnerável à telepatia.

Quem faz o círculo é que pode romper. E quando você pensa em alguém, você o convida para entrar no círculo. A maioria de nós, que não é médium, não conhece seus obsessores, então é quase impossível a vítima pensar neles. Mas médiuns as vezes conhecem eles, já os viram, por clarividência. Se você fizer o círculo e depois ficar lembrando do obsessor, VOCÊ o romperá, VOCÊ convidou o vampiro para entrar no seu quarto. Então quando o obsessor e sua vítima tem já uma relação de uma vida toda, por exemplo,com sonhos de ataques sexuais, isso complica as coisas, porque há uma certa colaboração da vítima nisso, há uma "relação" antiga ali.

Por isso nesse casos acho melhor fazer na cada toda, pelo menso para deixar o sujeito bem distante do seu quarto, e dificultar para ele ficar tentando induzir coisas telepaticamente.

Você não vai querer um sujeito do outro lado da porta do eu quarto focando a mente dele na sua, dentro do raio de ação do cordão de prata. Melhor estabelecer um perímetro de segurança maior.

Share this post


Link to post
Share on other sites
56 minutos atrás, Oderich disse:

logo imaginei q o motivo é que acabam ficando do lado de dentro.....

Normalmente se você prender alguém dentro do círculo ele não vai te deixar pegar no sono. Já me aconteceu umas poucas vezes. Aí voce precisa levantar, atravessar o círculo com seu corpo físico (o que significa, no caso de um círculo em torno casa, abri a porta da rua e sair, em plena madrugada, então voltar, eheheh), então voltar para o quarto e refazer tudo, desta vez com mais atenção e ênfase no belilim, porque se ele for fraco, você não expulsa os seres presentes, e por isso eles ficam presos dento do círculo. Das vezes que tive que fazer isso foi justamente porque fiz o Belilim meio que de forma automática, como as pessoas rezam o pai nosso sabe? Uma ladainha sem prestar total atenção no que estão dizendo. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
8 horas atrás, sandrofabres disse:

Acho que é porque, no fundo, o próprio obsessor deles deve estar atrapalhando.

Então, ultimamente está muito difícil conseguir completar o cântico. Minha mente fica confusa e um pensamento bobo qualquer acumulado no subconsciente atravessa o processo. Tenho certeza que existe uma consciência usando meu subconsciente para me atrapalhar na projeção.

Essa noite tive uma mini projeção onde vi uma senhora dançando comigo rindo enquanto eu estava com baixíssima lucidez. Ela ria dizendo que estava até cansada de ficar passeando pela minha "mansão" (é uma casa pequena), obviamente se desfazendo da minha casa e das minhas "técnicas".

Acho que preciso primeiro aprender a limpar bem o ambiente, depois melhorar a entonação e/ou fazer o pentalfa. Minha cidade já não é fácil no físico...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Achei isso no wikiHow:

Citar

"Alguns espíritos que vivem na sua casa podem não querer sair. Por exemplo, é provado que em vários cenários os espíritos que permanecem na verdade limpam a água que entra na sua residência, se alimentando das toxinas presentes na água. Isto foi mostrado em um exemplo em particular em que uma família só morreu depois de ter removido o espírito de sua residência. Certifique-se de saber quais os efeitos que o espírito está causando no seu lar antes de tomar qualquer atitude."

Link: https://pt.wikihow.com/Limpar-Espiritualmente-sua-Casa-de-Perturbações-Psíquicas

Isso aí também me fez pensar se dentro dos conceitos da Cosmoética, até que ponto a minha casa é "minha" no Astral. Minhas técnicas não podem estar apenas incomodando alguém e o certo seria uma espécie de "acordo operacional" entre encarnados e desencarnados "numa boa"?

Como vivo num bairro densamente habitado, é meio óbvio que a minha casa seja um local convidativo para moradia no Astral. Já vi duas avenidas próximas lotadas de pessoas e lojas "astrais".

Share this post


Link to post
Share on other sites

É. Eu não faço proteção a menos que eu esteja sendo perturbado. 

Na semana passada mesmo estava dormindo e fui acordado( em astral)  por uma batucada tipo candomblé,,sei lá...

Fui ver de onde vinha o barulho,,que estava bem alto, e ao abrir os olhos ( astrais) tinha dois caras sambando/ dançando no quarto, um sacudindo um sino ainda,e o outro/a vestido como as figuras que voce vê na internent quando pesquisa a paçabra Orixá.

Eles olhavam para a rua, através da janela.Era como se estivesse passando por ali um bloco de carnaval, de tao alto o batuque. Levantei da cama e fui até la ver que diabos tinha la na rua. E vi um sacerdote de alguma religiao afro, me pareceu vodun, até pelo símbolo que vi na tunica dele,,que depoia procurie na internet e localizei um parecido,,entre as entidades vodun.

Entao decidi que precisava mandar aquela turma pastar. Acordei no fisico, levantei e.como estava sonolento,,nao quis fazer o Belilim, porque a impostaçao de voz necessária ia me acordar muito, e eu queria voltar a dormir logo. Só  fiz o ritual do pentagrama mesmo, e voltei a deitar.

Acho que a turma presente no quarto não gostou muito, porque logo apos terminar e me dirigir para a cama senti multo as energias disparando pelo corpo, achei até que ia entrar em EV,eeheh. Mas resolveu.

Nao sei  o que eles vieram fazer na minha casa,,mas eu tinha feito, antes de deitar, uma pratica para tentar ajudar a romper certas ilusoes de massa que estao pegando muita gente atualmente, e deitei pensando em fazer algo em astral sobre isso.... Vai ver a turma que cria essas ilusões não se agradou e veio tentar me atrapalhar,,eheheh. 

 Curiosamente a tal entidade vodun era ligada ao campo da comunicaçao mesmo. Mas eu moro a 50 metros de um centro religioso afro( digo afro porque nao sei o que é aquilo,,,nao tem placa) que as vezes faz umas macumbas aqui na esquina, com sangue e tudo,,eheehhe. Até filmei da janela uma vez: 

https://youtu.be/rL0JtwVcIes

Entao pode ser alguma linha cruzada aí, sei la. Se não me perturbarem eu não esquento com cruzar com gente em astral dentro da minha casa ( o que é muito raro, acho que só aconteceu umas quatro vezes até hoje), mas se são do tipo barulhento, aí eu mando pastar.

 

  • Like 2
  • Thanks 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tenho lido alguns relatos sobre dificuldades para se projetar lúcido de domingo para cá devido a energia densa que se instalou no Brasil. 

Fiquei preso em catalepsia no domingo pra segunda e um cara do tipo brincalhão veio até a mim, durou uns 30 segundos. Eu ouvia ele falando, acompanhava a movimentação dele com minha visão mas ele era invisível.

Apesar dessa experiência, a segunda feira transcorreu tranquila, fiz auto aplicação de Reiki em mim e apliquei na minha noiva antes de deitarmos para dormir. Fiz MBE, tive um EV e fui dormir. Não consegui dormir com facilidade e tive pesadelos a noite toda no quais se passavam a noite e eu andava por ruas próximas a minha casa, e sempre fugia de assaltantes que vinha atrás de mim ou do local onde eu estava. Sempre eram violentos e atiravam ou esfaqueavam todos, incluindo a mim. Tive pelo menos 3 pesadelos dessa forma pelo o que lembro. Em um momento, após acordar do último pesadelo, quando eu estava prestes a cair no sono profundo, ouvi um latido alto de um cachorro pequeno dentro do quarto. Acordei assustado e procurei instintivamente pela minha cachorrinha que dorme no meu quarto e ela estava deitada com a cabeça ereta olhando para a porta do quarto. Achei que poderia ter sido ela, mas se fosse ela mesmo, acredito que ela teria se levantado. E minha noiva, que dormia ao meu lado, não esboçou nenhuma reação ao latido. Após isso, lembrei-me de uma técnica ensinada pelo Wagner Borges para afastar assediadores. Mentalizei uma luz dourada vindo de dentro da minha cabeça e preenchendo todo o quarto. Fiz isso por poucos minutos e voltei a dormir e não tive outros problemas.

Acho que a barra tá pesada de uma forma geral!

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, Matheus_Lima10 disse:

de domingo para cá devido a energia densa que se instalou no Brasil. 

Está pesando no mundo todo desde 2011, com a ascensão da extrema direita no mundo. Primavera árabe... conflitos na ucrânia, tentativa de golpe na turquia, conflitos na síria com participação dos EUA e rússia, instabilidade nos governos da américa latina... estamos sendo engolfados numa onda planetária, a questão nacional é apenas uma pecinha desse quebra cabeças. Numa projeção em janeiro de 2012, ao me projetar para o egito,  cruzei com grupos paramilitares capturando soldados de outro grupos, brancos. Em seguida, ao andar pelo QG onde fui parar, cruzei com Hitler e os nazistas, que pareciam estar se preparando para uma parada militar, mas estavam ainda esperando a data ser definida. Não entendi lhufas do porquê fui ver Hitler numa projeção para o egito, até que soube o que estava rolando por lá,  sendo que alguns dos grupos que estavam atuando lá eram de extrema-direita. Depois disso piorou a extrema direita tem crescido no mundo todo

Definição de extrema direita (tem gente que não sabe):https://pt.wikipedia.org/wiki/Extrema-direita

Início da ascensão recente--> 2011: https://www.dn.pt/globo/interior/a-extrema-direita-esta-a-crescer-em-toda-a-europa-2105764.html

Vem piorando-->2017:https://www.nexojornal.com.br/entrevista/2017/09/29/Por-que-a-extrema-direita-cresce-no-mundo-segundo-este-estudioso

E no Brasil também, quem pesquisar  "extrema direita no Brasil" vai achar ali os representantes, nem vou postar aqui porque o pessoal perde a lucidez rapidinho  quando você dá nomes aos bois e não enxergam mais a questão geral dominante. Mas "A verdade está lá fora", eheh, e só usar o Google.

--------------------------------------------------------------

Então daqui para frente, ao que tudo indica, enfrentaremos uma fase negra, que deve durar alguns anos, na melhor das hipóteses, porque em geral isso são como marés, uma certa onda invade a área por uns anos, então recua e vem a onda oposta. O problema não é pontual, tanto faz se o candidato x ou y ganha, ou se o governo do vitorioso implodir  após dois anos. O problema é que essa onda de extrema direita gera ódio na mente e emoções do povo, despertando tendências mais agressivas em quem já as cultivava e agora resolveram botar para fora. Para o meu olhar, entramos nessa bolha em 2013, quado vimos manifestações populares de um nível de agressividade muito maior que o usual. Mas só vem ficando visível para a sociedade me geral de 2016 para cá: http://blogs.correiobraziliense.com.br/igualdade/e-assustador-o-aumento-dos-crimes-de-odio/

A eleição é só a "tomada de poder" por essas forças.

 

  • Like 5

Share this post


Link to post
Share on other sites

É verdade, Sandro. É possível ver uma escalada de sentimentos negativos. Tudo que é extremo, é ruim, pesado... 

Achei interessante seu relato sobre os bastidores da política. Sempre imaginei que deve rolar nessas questões... Deve ser barra pesada.

Share this post


Link to post
Share on other sites
3 horas atrás, Rafael Frog disse:

@sandrofabres você já consegue se projetar sempre quando quer com facilidade? Sei que faz muitos anos que você prática.

No astral voce busca fazer Amparo ou apenas da uma andada e tals para conhecer melhor

Não acho que eu tenha MUITOS ANOS de prática. Comecei a me projetar com regularidade e 2011 apenas. Mas de 2011 a 2014 foram cerca de 800 projeções. Mesmo assim isso não gerou facilidade alguma. Tanto que até me desinteressei da projeção, porque se com essa quantidade de prática em poucos anos  vi que a coisa não rende legal PARA OS MEUS OBJETIVOS, então não parece algo que justifique minha dedicação.

Atualmente me projeto só uma ou duas vezes por mês, só para manter um nível mínimo, mas já não tenho quase interesse. Se eu decidir que quero investigar algo, em geral preciso uma semana a dez dias de tentativas diárias, ate conseguir. Só se eu estiver muito encazinado com o problema é que consigo de primeira. Mas tento evitar esse estado mental de ficar muito encazinado com algo.

Na postagem acima eu falei sobre a projeção de 2012, que quando aconteceu atribui a algum onirismo, não entendi nada. Só agora, vendo o rumos para onde o mundo está indo, é que entendi o que me foi mostrado naquele momento. O grande problema é esse, entender o que rola. A gente não sabe onde foi parar, porque foi parar lá, quem são aquelas pessoas, que zona é aquela, etc. A projeção é meio inútil como meio de busca de informações ,talvez pela limitação da nossa mente. 

E tem uma coisa que o pessoal aqui não percebe bem, nem eu me estendo nisso, porque não é o meu objetivo aqui:

Eu não tenho a mesma formação do Saulo.  Eu já cheguei aqui com um pouco de experiência, com cem projeções em um ano, mas sem ter a mesma mentalidade que o Saulo esboça nos seus cursos. O Saulo foi membro do IIPC, pelo que eu saiba, e sinceramente, AOS MEUS OLHOS o IIPC é mero espiritismo com vocabulário pseudo-cientifico. Para mim o Waldo nunca passou de um espírita inteletualóide, com a única vantagem que ele se projetava. Ficar renomeando as coisas com palavras estranhas não disfarça isso, AS MEUS OLHOS. Outros, evidentemente podem ter outra opinião, não estou defendendo qual a visão está correta estou só explicando como minha mente enxerga isso tudo. E vejo muita RELIGIOSIDADE no papo do Waldo e derivados. O próprio conceito de "amparo" para mim, colado na projeção,  é fruto dessa abordagem religiosa. E essa não é a minha abordagem, não vejo nenhuma relação da projeçao com o conceito de amparo, exceto como "moeda de troca". 

Eu sei sim que projeções com amparo são legais, porque você sente se fato uma alegria interior quando a faz. São projeções em geral mais claras, mais duradouras, e mais compreensíveis, porque você está ali apoiado pelos mentores né? Sei disso porque já fiz algumas. Porém "amparo" não é meu objetivo. Essa idéia costuma estar ligada também ao conceito  de que os encarnados tem lá suas dívidas, que de certa forma meio que pagam isso ajudando e tal.... Isso é tudo crença espírita, que para mim é estranha. Vejam bem, não estou dizendo que são crenças erradas, eu acredito que são verdadeiras porque se aplicam a certos grupos, e acredito que as pessoas que sentem no seu interior que isso é verdadeiro devam seguir esse rumo, pode ser um chamado interno nessa direção, mas nunca compartilhei dessas crenças em relação à minha vida pessoal, minha encaranção.

Então o que me trouxe para a projeção ,aos 13 anos, era uma meta específica que em nada se relaciona com essa visão um tanto religiosa da projeção.  Apesar de saber que se eu me dedicasse a projeção para amparo as projeções seriam melhores, eu "não sou desses", que fica fazendo "trocas". Eu tenho um objetivo com a projeção, se não conseguir achar um jeito fazer isso, a projeção é inútil para mim. Ponto. Tem pessoas que por personalidade  são abertas para a vida, para o que surge. Eu não sou, eu determino o que quero e faço aquilo, ou não faço nada. Minha encarnação,  minhas regras.

Portanto  quando me projeto eu nunca tenho como meta, o tal "amparo". Quando acontece de eu ser levado por algum mentor para isso, ok,  eu gosto mesmo.  Mas eu mesmo nunca busco por isso, busco pelos meus objetivos apenas. Mas não tenho conseguido progredir neles, então reduzi o interesse  em projeção, por isso só faço de vez em quando, para manter algum nível mínimo de habilidade, ate ver se uma hora consigo descobrir o jeito de fazer o que eu quero. E em geral só dou uma andada pela zona em que fui parar, para ver como é.

 

 

  • Like 5
  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Entendi, de qualquer forma independente de Amparo ou não você ajuda muito aqui no fórum com conhecimento diversos é uma forma de amparo a encarnados haha.

Obrigado.

  • Like 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.