• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
Joe

Destruição do corpo astral é possível?

Recommended Posts

Tava lendo certos livros de magia e umbanda que relata a destruição do corpo astral sobrando só o ovóide no lugar.

Alguém conhece outras literaturas ou relatos dessa destruição do corpo astral? Geralmente é em ataques.

Vou tentar upar alguns livros que relata isso.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sim, é possivel. É o que fazíamos no nosso grupo de desobsessão. O lado bom é que resolve na hora o problema. Mas de livros so vi falarem isso  nos livros do Saraceni

Share this post


Link to post
Share on other sites
26 minutos atrás, sandrofabres disse:

Sim, é possivel. É o que fazíamos no nosso grupo de desobsessão. O lado bom é que resolve na hora o problema. Mas de livros so vi falarem isso  nos livros do Saraceni

Foi nesses livros do Rubens que vi. Interessante que chamavam o ovóide de sementes como se fosse um núcleo central que gera uma árvore (corpo).

Pela lógica a matéria astral obedece certas leis físicas como as substâncias matériais. A perda ou ganho dessas substâncias lembra as nomenclaturas antigas dos fluidos perispirituais dos kardecistas, e suas analogias com a física do século XIX.

Digo porque no ocultismo mundo astral parece mais um mundo virtual onde uma mente comum consegue gerar ou plasmar do nada substâncias, objetos etc... Pelo que entendi nas minhas pesquisas existe as fontes energéticas de certas energias, quando a consciência tem domínio sobre essas fontes consegue plasmar substâncias correspondentes a elas.

 

Única dedução para acreditar na destruição do corpo astral é a perca de todas essas energias, substâncias similar ao corpo físico em uma explosão. 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Eu também já li sobre este assunto em algum livro, talvez tenha sido no livro entitulado "Segunda morte" do André Luiz Ruiz, ou nos livros do Dr. Inácio.

Ainda sobre o tema "Segunda morte", existe alguma confusão sobre o assunto. Alguns chamam de segunda morte o descarte do corpo energético  (etérico ) algum tempo após a morte do corpo físico, outros chamam de segunda morte justamente o descarte do corpo astral que, assim como o físico é descartado de tempos em tempos. Isso significa que durante a existência da consciência mundana, esta possui várias encarnações em corpo material e várias em corpo astral mas em frequência menor que o primeiro, ou seja, de x em x desencarnes de corpo material, ocorre um desencarne do corpo astral que, assim como o primeiro, também se deteriora mas em uma janela de tempo muito maior.

Assim, da mesma forma que há eventos capases de acelerar o descarte do corpo físico material, há também eventos capases de acelerar ou gerar o descarte do corpo astral. Como os dois corpos (físico/material e astral) possuem características distintas é natural que os eventos aceleradores de seu descarte sejam também de natureza distintas.

No caso do corpo astral, um claro fator acelerador de seu descarte é o cultivo de emoções em desequilíbrio, principalmente as mais intensas como o ódio, durante um tempo prolongado. Há alguns relatos de situações que ilustram bem este caso nos livros psicografados pelo dr. Inácio, mostrando relatos onde a consciência em desequilíbrio emocional chega a um ponto de completa desintegração do corpo astral passando assim a um estado ovoide.

Share this post


Link to post
Share on other sites
12 horas atrás, sandrofabres disse:

Sim, é possivel. É o que fazíamos no nosso grupo de desobsessão. O lado bom é que resolve na hora o problema. Mas de livros so vi falarem isso  nos livros do Saraceni

bom dia @sandrofabres explica melhor o processo, não ficou claro, no caso então, assim como existe a destruição do corpo fisico, existe também a destruição do corpo astral propositalmente e por um ataque? até onde li e estudei o corpo astral um dia será descartado, e a consciência ira usar somente o corpo mental, então obviamente que o corpo astral ao ser descartado, se degrada e some, mas ser propositalmente destruido, não entendi como possa ser.

Outra coisa, o rapaz que fez o post, disse que ja leu que o corpo astral é destruido e se torna um ovoide, no caso, eu entendo e ja li em vários relatos que ovoides são consciências que ao longo de existências e por ter pensamento monodeista se apega ao assédio de tal forma, que não se importa com mais nada, e vai perdendo a forma humanoide, se tornando um ovoide.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sim, essa questão do ovóide é complicada. Não sei as pessoas que usam essa nomencaltura estão falando das mesmas coisas. Esses "ovóides"  modeístas, que em saiba são grandes como bolas de basquete. Os "ovóides" que resultam da destruição do corpo astral por ataque são do tamanho de ovos mesmo,

O corpo astral é destruído, por exemplo, nas zonas mais profundas do umbral, o que chamam inferno.  Aqueles situações em que tem gente atolada, petrificada, são processo de destruição do corpo astral, uma lenta erosão. 

Um ataque causa essa destruição de forma instantânea. Mas é necessária uma grande desproporção entre a energia de quem ataca e a de quem é atacado.

-O encarnado tem essa capacidade porque tem muito mais energia que o desencarnado.

-Dois desencarnados simples não podem gerar esse efeito um no outro. Um mago negro desencarnado já pode, talvez,  gerar isso num desencarnado simples. Mas um encarnado faz isso com facilidade num mago negro desencarnado, porque tem sempre mais energia, pelo fato de estar encarnado. 

- dois escarnados não tem diferença de potência energética significativa para gerar nada além de perturbações energéticas leves.

Por isso esse recurso só é usado com quem está já além da possibilidade de correção e estão atuando fora do lugar. abe os mentores selecionar esse pessoal e trazer ao grupo que fará o processo.  O encarnado, mesmo que médium, clarividente, não tem como julgar em quem deveria  ser aplicado. Então num grupo como aquele em que trabalhei, "caiu na rede é peixe", porque não atendíamos encarnados, todos os obsessores presentes haviam sido trazidos pelos mentores, para uma parte deles passar por esse processo. Outra parte era tratada ou encaminhada para hospitais astrais.

O corpo astral vai ficando mais  mais denso de acordo com a maldade do sujeito,Vai se defromando ,criando chifres, cascos, pelos, escamas, carapaças. deixar de ser um corpo energético fluído para ser algo cascudo. E casccas podem ser rasgadas, quebradas, abertas ao meio... e de dento delas é retirado o ser que se manifestava através delas. o tal ovóide. Isso é entregue aos mentores para leh seja destinado um novo corpo astral, sem aquelas "doenças emocionais petrificas" que davam a forma monstruosa a esse ser e o tornavam escravo dos seus vícios. Ou seja, o "bicho mau" é neutralizado.. mas também é libertado do seu automatismo no mal, e terá uma nova chance de recomeçar.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
5 horas atrás, sandrofabres disse:

Quem mandou não estudar? Kkkkkk

giphy.gif

Kkkkk deve ser uma conreus homo sapiens jurassicus

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.