• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
robertoguerreiro

Segundo a clarividência ou espiritualidade de vocês, o que vocês têm a dizer sobre a licantropia?

Recommended Posts

Boa noite forum!

Eu aqui não estou me referindo aquela licantropia que o espiritismo explica de forma simplista e com final feliz que desmente todo mundo que diz ter tido uma experiencia ruim com um lican. Eu estou aqui me referindo a casos onde as pessoas visualizam o animal transformado, sofre agressão por parte dele, reagem atirando em alguma parte do seu corpo e no outro dia aparece uma pessoa no povoado com o ferimento no mesmo local onde a fera foi ferida. 

Teve um caso que eu escutei onde dois homens, um médico desses que atendem regiões afastadas e pobres do Brasil(acho que era do programa Médico sem fronteira) mais um amigo seu, pesquisador , foram para o Amazonas.
Lá chegando, se dirigiram à uma aldeia indígena onde foram bem recebidos por todos os moradores, os dois tinham muita curiosidade sobre a fauna e flora do local e por isso, queriam ir a noite na mata. Quanto ao interesse deles de ir no  meio da noite para o mato, todo mundo desaconselhou mas como eles insistiram muito, foi dado a eles um conselho:

-- "Na noite, tomem cuidado com o que vem de cima das árvores! "

Só isso, a noite caiu, entardeceu bastante e eles foram explorar a mata, ficaram lá um tempo e viram uma onça enorme com um animal morto na boca, eles se encolheram por medo da onça e ficaram observando o animal levando a sua presa na boca. De repente, pula de uma das árvores um bicho em cima da onça. Eles ficaram curiosos em saber que animal naquela região poderia ter capacidade para rivalizar com uma onça, o pesquisador não fazia ideia, a luta entre a onça e o animal que parecia um cão enorme era horrível, a onça levava patadas daquele bicho e mesmo assim reagia quase já perdendo as forças. Eles estão imaginaram que se aquele bicho fazia aquilo com a onça, o que não poderia fazer com eles? Então eles trataram de pegar uma espingarda e no desespero dispararam contra aquele animal estranho na altura do ombro. O tal animal medonho fugiu em meio à mata, a onça por sua vez foi embora toda cambaleando, mesmo olhando para os dois rapazes ali, parecia que ela estava agradecendo com o seu olhar eles terem a livrado de um predador maior.

Os dois rapazes então voltaram com muito medo para aldeia e nunca mais quiseram explorar a mata a noite. 

De manha na aldeia,   surgiu o chefe dos índios para falar com os dois rapazes, eles notaram que no ombro dele tinha um curativo feito a moda deles, o tal chefe os olhou com um sorriso sinistro e lhes perguntou:

--" E aí? Encontraram o que vocês estavam procurando na mata?"
-- "Sabe, vocês precisam ter cuidado onde atiram! Eu poderia muito bem ter matado vocês por isso... Bom, a gente se vê por aí!"

Os dois rapazes ficaram com calafrios ao ouvirem aquilo daquele índio experiente e foram embora. Nunca mais eles tiveram notícia do tal índio.
Hoje o médico vive numa cidade do interior de São Paulo e disse no relato se retratando que jamais voltaria a dar risada ou duvidaria daquelas coisas que os antigos falavam pois ele aprendeu que muitas pessoas falando de uma coisa só remeteria a um ditado popular: onde tem fumaça , tem fogo!

Deixo aqui para vocês um caso onde minha amiga Genilda comenta sobre o parente lobisomem que ela tem na família dela:
https://youtu.be/vTe78uZdcd4?t=184

Também tem o da secretária de um homem rico da Petrobrás que mergulhava em fezes para virar bicho, teve até suspeita de assassinato 
e a secretária teve que se mudar pra fora do país depois:
https://youtu.be/3Ocl-1qdEbk?t=56

 

Gostaria que quem tivesse saco para ver o que eu escrevi e os vídeos, comentasse mas sem envolver aquelas ideias prontas que o espiritismo tem sobre tudo.
Até mais. 

 

 

 

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

É, relatos de lobisomens acontecem a´te em ambientes urbanos de capitais do país. Do ponto de vista de um espiritualismo tradicional isso seria visto apenas como lorota. Mas eu conheço um relato de primeira mão. A avó da minha ex-esposa me contou:

Ela tinha um vizinho (zona rural, o cara vive no campo ao lado, cheguei a conhecê-lo) que todo mundo dizia que era lobisomem, mas ela nunca acreditou.

Certa vez o vizinho apareceu para papear, a noite. Jantaram todos, o avõ da minha ex foi deitar, o vizinho ficou papeando na cozinha ainda enquanto a avó lavava a louça. Entoa lá pelas tantaa ela ouve um barulho e se vira para olhar. Ainda na mesa o visitante parecia convulsionar, parecia ataque epilético. Mas aí ela se lembrou dos boatos sobre ele ser lobisomem e ficou com medo. Sau da cozinha, fechando a porta que dava para o resto da casa. 

Mas la pelas tantas resolveu espiar por uma fresta e disse que viu um bicho estranho andando dentro da cozinha. Ela disse que não era um cachorro, parecia uma mistura de cachorro com terneiro, mas não era nenhum dos dois. E era bem maior que um cachorro. E o vizinho tinha sumido .Então ela fechou a porta de novo e não voltou mais la na cozinha. 

Na gnose a gente tinha alguma explicação sobre isso, relacionado a poderes jinas:
http://noeticaconsciencia.blogspot.com/2015/09/estados-jinas-e-nagualismo-entrando-em.html

http://www.oarquivo.com.br/extraordinario/temas-inexplicados/1706-teletransporte-do-corpo-fisico-em-estado-jinas.html

A origem das lendas sobre lobisomens se não me engano se referiam a uma classe de guerreiros de umas tribos na sibéria e depois foram passando à europa. Fazia parte de uma iniciação serem capazes de alterar sua forma para formas animais, para o combate. Acontece que tal como no caso de outras habilidades similares, apos terem sido adquiridas, uma vez que você reencarne a esqueça a técnica, a coisa foge do controle consciente e pode se manifestar sem controle.

 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pelo o que eu entendi, os rituais que você citou acima(jina) dão acesso à transformações em vários animais porem os casos que eu achei mais verossímeis são sempre com bichos parecidos com cães como você mesmo também deu um exemplo. Nos EUA existe o site https://dogmanencounters.com onde as pessoas se inscrevem para contarem sobre encontros com essas criaturas, em programa de rádio.

Bom, eu acho que as pessoas envolvidas nesses casos são muito humildes e simples para entenderem de jinas ou gnose, a maioria nem ler sabe.
Alem disso, no segundo relato que postei o vídeo, o ritual do homem que virava isso não tinha a ver com jinas mas sim em mergulhar em quilos e mais quilos de fezes de cavalo que ele mandava entregar delivery. 

Pois bem, me diga o seguinte, como fica o papel dos supostos mentores nesse caso? Os mentores não deveriam zelar pela normalidade no plano reencarnatório? Alias, cá pra nós, eu acho que os mentores são tipo aqueles cães que guardam o gado de outros animais para só o dono ter o direito de abate-los, mas isso é um achismo meu, nem sei se realmente eles existem. 
 

Share this post


Link to post
Share on other sites
5 horas atrás, robertoguerreiro disse:

Bom, eu acho que as pessoas envolvidas nesses casos são muito humildes e simples para entenderem de jinas ou gnose, a maioria nem ler sabe.

Como eu falei aqui:

7 horas atrás, sandrofabres disse:

Acontece que tal como no caso de outras habilidades similares, apos terem sido adquiridas, uma vez que você reencarne a esqueça a técnica,.....

Portanto o fato deles serem pessoaa himildes e que nao conhecem nada disso NESTA VIDA pouco importa.

5 horas atrás, robertoguerreiro disse:

mas sim em mergulhar em quilos e mais quilos de fezes de cavalo que ele mandava entregar delivery

Jinas é o fenomeno. Tanto faz como voce chega nele. Cada grupo tem suas tecnicas.

https://gnosisbrasil.com/samael-aun-weor/segunda-chave-jinas/

https://gnosisbrasil.com/artigos/metafisica/sexta-chave-jinas/

E essas tecnicas for criadas quando todos, exceto aristoceacia e padres, eram anafalbetos. Nada tem a vee com cultura mas com práticas bem simples. A maioria dos rituais sao meros processos de induzir uma auto-hipnose, para forçar  mente e "ativar" aquela funcionalidade. Mas alguns caso são fruto de pactos.

6 horas atrás, robertoguerreiro disse:

Pois bem, me diga o seguinte, como fica o papel dos supostos mentores nesse caso? Os mentores não deveriam zelar pela normalidade no plano reencarnatório?

Se zelassem, magia negra jamasi teria efeito. Mas tem. As pessoa tem liberdade de fazer escolhas, algum "controle de danos " é feito, mas noa total. Não haveria sentido mo carma e reencarnacao se as pessoas fossem impedidas de cometer erros.

Share this post


Link to post
Share on other sites

E ha muitas coisas coisas " anormais" rolando por aí, mas o pessoal pensa que é lenda urbana. Como chupa-cabra, sasquatch, bruxas, ovnis,... Todos eles, a principio, relacionados com o estado de Jinas.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.