• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
Astral

hoje aconteceu algo estranho

Recommended Posts

entao pra começar eu fui dormir a 1 da manha, e entao eu tive um sonho que era tipo um lugar aqui da rua so decer da minha casa e ir ate la, mas essa construçao nao existe;

Bem eu nao lembro bem mas parece-me que eu era um tipo de ninja nao me lembro direito, esse  lugar era uma tenda tipo de guerra(antiga) e tinha tipo umas arvores e folhas em volta, tipo eu peguei a minha bike do nada, (mas eu nao esta com ela) e eu coloquei numa fenda que tinha entre essa tenda e o muro de pedra acho(a bike) e eu me escondi la, ai depois nao me lembro oque que aconteceu no resto

Bem, entao eu acordei era 11:05 e fui ao computador, logo a pouco meu pai chegou, e entao ele me deu o abraço e minha mae demorou quase uma hora pra chegar era 12 e pouco, eu almocei e fui ao colegio.

 As primeiras aulas foram de matemática e a professora deu prova e eu vi so os numerros na prova, entao me bateu uma nostalgia que tipo parecia que eu estava no 3 ano de novo, olhando pra lado(para meus colegas das carteiras ao lado!) me parecia isso msm(que estava denovo no 3 ano), e entao começou a me dar arepios junto com o frio, quando parava o arepio parava o frio ai vinha e ia, vinha e ia, varias vezes aconteceu, eu nao sei se eu percebi alguma coisa mas nao consegui saber se era isso msm; mas era uma presença nao sei se era pq nao consegui indentificar, e isso continuou ate acabar as 2 aulas de matematica.

Depois eu começei a ficar tipo meio estranho parecendo que eu estava sonhando sla, que tipo isso nao estava acontecendo(ex: que eu estava sonhando), ai tipo eu começei, a me tornar tipo aquilo que eu nao sou nas aulas (eu fico quieto e tipo ouço tudo que os professores dizem), mas hoje tipo eu estava insuportavel... coisa que tipo eu sou quando eu quero.

      Mas hoje eu nao estava querendo tipo ser insuportavel, e comecei a fazer perguntas de tudo e na hora que nao podia(fazer as perguntas)! e os professores começaram a se iritar comigo e começaram e pedir para que eu parace e entao bateu o sinal e fui para casa, e quando cheguei ainda estava estranho. ai peguei minhas calopsitas e fui pro computador denovo e tipo parou mas oque nao parou o negocio de tipo parecer que isso nao esta acontecendo que parece um sonho nao sei oque que é isso e tipo se alguem souber ou tiver algum paupite do que é pff me fala

OBS: Estou no 1° do ensino medio e tenho 15 anos 

Share this post


Link to post
Share on other sites

e onten antes de dormir eu tinha pedido a deus e aos mentores se eu estava fazendo serto me mandassen um sinal

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olha..  a primeira parte, a do sonho, mao sei onde podeira se encaixar.

Mas voce ter

1- lembrado de quando estava no terceiro ano,

2- em seguida ter sentido os arrepios

3- desacoplamento ( "tipo parecer que isso nao esta acontecendo que parece um sonho")    

4- e em seguida ter comecado  a agir de forma diferente da usual.

Me fez pensar que lá no seu terceiro ano voce possa ter tido alguma conexão com alguma entidade negativa, que agora pareceu sintonizar com você porque foi evocado pela lembranca.

 

Nao teve  nada estranho naquela idade? Uma queda de bicileta em.qie bateu com a cabeça? Um periodo de pesadelos intensos sem motivo? Uma forte febre mais resistente que o normal que preocupou seus pais? Experiencias sexuais...

Coisas assim podem ter aberto as portas da sua aura para uma relacao com alguma entidade mais problemática .

Share this post


Link to post
Share on other sites

Irei aproveitar esse topico para não abrir outro.

Tomei conhecimento de projecao astral a uns 3 meses e des de então tenho praticado e ja tive umas 6 situacoes entre projeções e sonhos lúcidos.

A 5 dias atrás tive uma projeção muito lúcida onde realizando as tecnicas me imaginei no corredor da minha casa e aconteceu.

Segui caminhando até a sala e encontrei minha mae que me chamou e me levou ate minha irma que estava na varanda de casa.

Minha irma estava com o olho esquerdo deformado e minha mae virou para mim e pediu para eu curar ela.

Passei a mao pelo rosto dela e ele voltou a ficar normal.

Entao decidi voltar ao meu quarto... e entao caminhei ate la e quando cheguei havia uma criatura horrivel segurando uma pessoa adormecida pelo pescoço no pe da minha cama proximo ao berço do meu filho.

Fiquei uns 5 s olhando para ela e deitei sobre meu corpo sem falar nada e acordei.

Nesses ultimos dias estou acordando extremamente cansado... será que essa coisa que vi tem alguma relacao com esse cansaço?

O que significa ele segurar uma outra pessoa adormecida pelo pescoço?

Será que essas minhas projeções atraiu ele?

Passei a vigiar mais as ideias que vem em minha cabeça... e realmente algumas são para me prejudicar...

Sera se eu fizer projecao novamente irei encontrar ele? Se encontrar como devo agir? Ou n devo mais tentar a projeção?

Estou meio perdido ?

Obrigado a todos que perdem um pouco de tempo me orientando... esta fazendo mta diferença para mim.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

se voce encontrar essa criatura denovo voce deve estender o braço e imaginar um feiche de luz branca e pensar sobre memorias positivas ou lembranças positivas

Share this post


Link to post
Share on other sites
13 horas atrás, sandrofabres disse:

Olha..  a primeira parte, a do sonho, mao sei onde podeira se encaixar.

Mas voce ter

1- lembrado de quando estava no terceiro ano,

2- em seguida ter sentido os arrepios

3- desacoplamento ( "tipo parecer que isso nao esta acontecendo que parece um sonho")    

4- e em seguida ter comecado  a agir de forma diferente da usual.

Me fez pensar que lá no seu terceiro ano voce possa ter tido alguma conexão com alguma entidade negativa, que agora pareceu sintonizar com você porque foi evocado pela lembranca.

 

Nao teve  nada estranho naquela idade? Uma queda de bicileta em.qie bateu com a cabeça? Um periodo de pesadelos intensos sem motivo? Uma forte febre mais resistente que o normal que preocupou seus pais? Experiencias sexuais...

Coisas assim podem ter aberto as portas da sua aura para uma relacao com alguma entidade mais problemática .

teve varias coisas tipo varias coisas aconteceram                                          

Share this post


Link to post
Share on other sites
11 horas atrás, max81.costa disse:

1-Minha irma estava com o olho esquerdo deformado e minha mae virou para mim e pediu para eu curar ela. Passei a mao pelo rosto dela e ele voltou a ficar normal.

2-i havia uma criatura horrivel segurando uma pessoa adormecida pelo pescoço no pe da minha cama proximo ao berço do meu filho.

3-Nesses ultimos dias estou acordando extremamente cansado... será que essa coisa que vi tem alguma relacao com esse cansaço?

4-O que significa ele segurar uma outra pessoa adormecida pelo pescoço?

5-Será que essas minhas projeções atraiu ele?

6-Passei a vigiar mais as ideias que vem em minha cabeça... e realmente algumas são para me prejudicar...

7-Sera se eu fizer projecao novamente irei encontrar ele?

8-Se encontrar como devo agir?

9-Ou n devo mais tentar a projeção?

 

1- não eram sua mãe e sua irmã. O projetor pode fazer essas curas em entidades DESENCARNADAS ,porque o encarnado tem muito mais energia que eles. Sua irmã tem a mesma energia que você, em tese não precisaria da sua ajuda. Se precisa, era uma entidade desencarnada se fazendo passar por sua irmã para receber energia. Mas tudo bem também, importa é a cura. Eu não posso ver ninguém com cara torta no astral, que já meto a mão para desentortar, não precisa nem pedir, ehhe. Mas é importante que você SAiBA disso perceba essas farsas para não cair nela. ESCOLHA ajudar se assim for sua intenção, mas tente não se deixar enganar por esses truques, Porque hoje foi alguém de fazendo de sua irmã, no futuro podem se fazer de algum mentor. NUnca dá para ter certeza, mas deve SEMPRE se lembrar que NUNCA se deve confiar nas aparências, no astral. 

2- talvez a pessoa adormecida fosse seu filho (só porque o corpo físico dele é de uma criança não quer dizer que o corpo astral seja, aindam ais na fase inicial, de bebê) e quem o segurava algum velho desafeto. Mas não adianta muito, nem acordar o sujeito em astral eles conseguem mesmo, kkk.. 

3- é, sempre desconfie se está acordando mias cansado do que deitou. Em geral nesss caso a pessoa nem lembra do que sonhou, porque foi levada para alguma zona densa do umbral, aí as energias de lá meio que intoxicam seu corpo astral e você acorda  cansado mesmo.

4- não há "significados" em projeção, só em sonhos. Se você está sem lucidez as coisas podem ser simbólicas. Se está lúcido em geral.. em tese... e´tudo literal. Ou seja, era só alguém seguradno alguém pelo pescoço, não é algo que possa ser "interpretado". Só em casos de projeções mais longas, em que você já está distante da zona física, ou acordou já lá em astral, que o pessoal cham de sonho lúcido, ´que você pode ver situações de caráter simbólico. Mas me geral você sabe que está vendo uma "cena" qu te passa uma mensagem, sabe que  não está vendo um "evento".

5- não. Todo mundo se projeta quando dorme. Só que fazem sem lucidez, voltam para o corpo  achando que foi tudo apenas um sonho.

6- é, isso é importante. Mesmo que nunca mais o veja, convém ficar ligado. A única força que eles tem reside na sugestão telepática. 

7- pode ser. Mas é raríssimo. Só mesmo se for o caso de ele morar aí com vocês. Nesse caso foi bom ter descoberto que tem alguém aí, pode procurar ajuda em algum centro espírita, para levá-lo embora. Mas pode nunca mais vê-lo.

8- Você poderia expulsá-lo, usando métoods de defesa, como o Belilim ou a conjuraçao de júpiter:

https://www.viagemastral.com/forum/index.php?/topic/17091-monstros-autor-matheus/&do=findComment&comment=74367

Mas acho que seria mais interessante, como aprendizado, tentar conversar para saber do que se trata.

9- idem ao item 5. Se você não se projetar, quem quer te pegar vai pegar sem voce perceber, assim como ele estava pegando aquela pessoa pelo pescoço. Se estiver projetado com lucidez voce pode se defender.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Irei estudar mais... e sabado tentarei de novo... se eu conseguir a projeção e ele estiver lá avisarei a vcs para me ajudarem a achar um centro espírita sério. Irei agora verificar a resposta do item 8... mto obrigado!!!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boa noite!

Estou postando porque foi a projeção do comentário acima.

Tentei resumir o máximo, mas mesmo assim ficou longo o texto.

Então, sábado fui jogar futebol, depois teve aquele churrasco e com ele algumas cervejas.

As 21h chego em casa, mais ou menos as 23h deito na cama e em seguida rezo peço para não me projetar consciente, pois aprendi com vcs que projeção e álcool não combinam.

Fechei os olhos e veio aquele apito forte na cabeça, em seguida os balanços no corpo e uma sensação de que alguém estava mexendo nos meus cabelos.  Levantei, dei uma volta pela casa e voltei a deitar... e de novo... apito, balanço no corpo e cabelo mexendo.

Com medo de dormir e sair do corpo, fui para sala e fiquei vendo tv até as 4:30h da manhã. Nesse meio tempo cochilei umas 3 vezes e tive as mesmas sensações.

Nesse mesmo horário, exausto de sono, fui ao quarto dormir. “Batata”! Já logo em seguida estava saindo do elevador do prédio da minha mãe e indo em direção a porta do apartamento dela.

Ambiente escuro, semelhante a um local sem energia iluminado por uma vela. Mas muito nítido as coisas... tão nítido que eu ainda não tinha percebido que não estava no físico.

Abri a porta para entrar no apartamento e dava para ver que lá dentro estava mais escuro e o ambiente estava bem pesado...  Depois da porta havia degraus que não existiam no apartamento da minha mãe. Nesse momento pensei “poxa, abrir a porta do apartamento de outra pessoa de madrugada! ”... Então senti alguém vindo de dentro do apartamento (sentimento muito pesado)...  Fechei a porta, corri para escada e desci correndo até o térreo... no térreo, entrei no elevador  e apertei o último andar.

No elevador, pensei e achei estranho os degraus depois da porta de um apartamento... e foi quando desconfiei, olhei para minha mão e vi nove dedos...

O elevador parou e eu sai do elevador. Já era outro prédio, diferente daquele outro. O ambiente mudou também... Bem mais leve e uma noite bem mais clara.

Então pensei, “to bem consciente vamos aproveitar e treinar!” ... 

Li em algum lugar que espada é uma arma muito forte no astral, então comecei a tentar “criar” uma.

Tentando criar a espada... aparecia de tudo na minha mão... menos a espada... rs... era muito engraçado... teve uma hora que apareceu uma espada branca de plástico com bolinhas vermelhas... rsss ... outra,  a espada ia se criando e chegando na ponta ela dobrava...  aparecia de tudo, rs...

Nesse meio tempo... vinha em direção oposta uma moça bem produzida, de vestido branco, mas com a cara “fechada”. Cumprimentei ela de longe e ela nem olhou... Fiquei chateado com aquilo...

Continuei treinando... quando ela passou por mim, eu tentando criar a espada, surgiu na minha mão uma corda de 1,5 m e por extinto joguei essa corda nas pernas dela... Ela deu um pulo, virou e olhou brava para mim. Pensei... vou criar uma bola de fogo azul e jogar no peito dela... Foi uma vergonha!! Criei uma bola do tamanho de uma bola de tênis e quando impulsionei ela para atingir a moça... a bola chegou na metade do caminho e caiu no chão... como se fosse uma bola de papel... A moça de brava passou a ficar assustada. Pedi desculpas e ela foi embora. 

Desci até o térreo, e logo na saída do prédio veio uma moça pálida falar comigo: “Moço, me da um pouco de energia?”. Falei que sim. Quase matei a moça... minha mão era muito forte e ela muito fraca, cheguei a derrubar ela. Quando levantei ela, apareceram mais 3 mulheres... E uma delas, se agachou, levantou o vestido e me chamou para fazer sexo com ela. Eu empurrei ela com a perna e ela caiu com tudo no chão. Levantei ela, pedi desculpa e fui em frente.

Ao sair do prédio, me deparei com um estacionamento descoberto muito grande e quase sem carros. Olhei para cima e vi as estrelas, muitas estrelas e elas vibravam. A esquerda e distante tinha um treiler de cachorro quente com 3 pessoas conversando e lá na frente tinha um prédio em construção.

Pensei... “Vou voltar a treinar! ”. Fui ao prédio em construção e fiz de tudo: Atravessei parede, pulei do chão até o sétimo andar, pulei do sétimo andar até ao chão... Fiz muita loucura... Teve um momento que o pessoal que estava no treiler falou “olha lá o que o maluco está fazendo! ”.

Percebi que estava chamando atenção e parei. Voltei a entrada do prédio e encontrei um casal e uma mulher. O rapaz parecia ter uns 2,60 m de altura e era forte e as mulheres eram bonitas e bem saldáveis (coradas).  Chamei a mulher que estava solteira para dar uma volta, mas ela não quis. Virei para a mulher do rapaz e chamei para dar uma volta (não sei porque fiz isso). O rapaz ficou muito bravo, falou que era a namorada dele, me pegou pelo pulso e me levantou. Quando ele me levantou, imaginei que estava de luvas, escorreguei da mão dele e na cara de pau pedi a minha luva de volta. Novamente pedi desculpas e eles se acalmaram. Uma das garotas perguntou as horas. A outra respondeu: “Onde eu estou são nove horas!”. Eu respondi também: “Onde meu corpo esta é 9 horas da noite!”. E acordei nesse momento.

 

Perguntas:

Normal sentir aquelas sensações logo após fechar os olhos? (apito, balanço no corpo e cabelo mexendo)

O cabelo mexendo, o que seria isso?

O apartamento do início do texto era realmente o da minha mãe? Se sim, será que tinha ou tem algum coisa ruim morando com eles (pai e mãe)?  Nota: Toda a vida meu pai sempre brigou muito com a gente sem motivo. Saia de casa bem e voltava muito bravo por nada.

Porque não consegui criar a espada?

Acordei porque pensei no meu corpo?

Na postagem mais acima, comentei que vi a minha irmã com alguma coisa nos olhos. Pois é, hoje fiquei sabendo que ela está com um tampão em um dos olhos mais que não é grave e que logo ficará boa. Será que foi coincidência ?

Falei que “Onde meu corpo esta é 9 horas da noite!”. Será que na primeira cochilada eu já sai do corpo e tudo aquilo de não tentar dormir eu já estava projetado ? 

Os erros de concordância não é desleixo, é porque sou fraco em português mesmo. Mais uma vez obrigado! Abrs.

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
16 horas atrás, max81.costa disse:

1-Normal sentir aquelas sensações logo após fechar os olhos? (apito, balanço no corpo e cabelo mexendo)

2-O cabelo mexendo, o que seria isso?

3-O apartamento do início do texto era realmente o da minha mãe? Se sim, será que tinha ou tem algum coisa ruim morando com eles (pai e mãe)?  Nota: Toda a vida meu pai sempre brigou muito com a gente sem motivo. Saia de casa bem e voltava muito bravo por nada.

4-Porque não consegui criar a espada?

5-Acordei porque pensei no meu corpo?

6-Na postagem mais acima, comentei que vi a minha irmã com alguma coisa nos olhos. Pois é, hoje fiquei sabendo que ela está com um tampão em um dos olhos mais que não é grave e que logo ficará boa. Será que foi coincidência ?

7Falei que “Onde meu corpo esta é 9 horas da noite!”. Será que na primeira cochilada eu já sai do corpo e tudo aquilo de não tentar dormir eu já estava projetado ? 

1 e 2- depende da velocidade em que você vai pegar no sono. Esses sintomas são normais de sentir, só indicam movimentação energética acontecendo para gerar a separaçaõ do corpo astral. Quando você entra no estado pré-projetivo. Pode ser que devido ao álcool você pegaria no sono muito rápido, então o estado préprjetiov também chegaria antes

3- pode ser sim

4-  porque não é fácil plasmar objetos na zona em que você está logo após sair do corpo. O pessoal que acha que o que você vê na projeção é sua mente que criou não tem noção de como é difícil plasmar algo nessa primeira fase. Mas uns 5 minutos depois fica mais fácil, porque já teremso nos afastado naturalmente da zona física.

5- não necessaraiemente. Você já tinha aprontando bastante né? Em geral a gente acorda ao pensar no copro se for logo na saída, Depois que você já está a uns minutos não acorda tão fácil POR ESSE MOTIVO. Mas acorda se não tiver nada interessante para fazer. Como você parou de agitar naquele momento, o mais provável é que isso FACILITOU sua volta. O fato de te perguntarem as horas pode ser uma forma de te forçar a voltar. "Eles" fazem isso as vezes, fazem uma pergunta qualquer, você pensa para responder e pimba.. acorda. Não precisa ter relação com o corpo. Sabendo disso, quando te fizerem uma pergunta assim, meio nada a ver, enquanto responde esfregue as mãos sentindo o tato dela,s e olhe para elas, tentando ver as digitais, porque fazer isos vai ajudar você a resistir ao processo de acordar. Mas não é tão fácil lembrar de fazer isso quando alguém te saca uma pergutna do nada.

7- Pelo jeito você errou feio as horas, já que: "As 21h chego em casa, mais ou menos as 23h deito na cama ". Se tivesse respondido que eram 23h, aí sim teria sentido sua hipótese. Mas às 21 horas você nem tinha deitado. Pena que não acertou o horário. Em geral você consegue sim saber que horas são no físico, quando está projetado, por algum mistério que até hoje nunca entendi. Até me espantou que você tenha errado. Talvez seja erro de memória, já notei que as vezes pensamos uma coisa e falamo outra, quando se trata de números. Se você lembra do que pensou e do que disse consegue saber qual foi errado, mas em geral lembramso mais nitidamente  do que falamos.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Continuarei aqui, pois tem relação com a postagem mais acima.

 

Então, a três dias atrás minha esposa falou que um brinquedo do meu filho que se encontrava no banheiro estava tocando musica sozinho e isso já vinha acontecendo a dois dias. Achei graça e ignorei.

Esse brinquedo é um pinico musical que tem um botão ao lado que quando apertado a uma profundidade de + - 0,5 cm ele toca uma música por cerca de 15 segundos.

Então fomos dormir e no outro dia, as 6h da manhã, fomos acordados e surpreendidos com esse bendito pinico tocando. Dessa vez, ele não tocou apenas uma vez, ficou tocando e não parava mais. E o engraçado, que ele tocava os 15 segundos e quando a música acabava ele voltava a tocar de novo do início.  

Acredito que se o brinquedo estivesse com problema a música ficaria embaralhada e reiniciando esporadicamente.

Ficou assim durante uns 5 min até minha esposa levantar, ir até o banheiro e arrebentar esse botão do brinquedo, parando a música.

A duas semanas vinha sentido cheiro de pano sujo, tipo cachorro molhado, quando sentava na cadeira da minha mesa do escritório. Já tinha procurado por tudo, limpado tudo e esse cheiro não saia. Por toda a vida sentir cheiro de flores, cigarro e um outro que não sei identificar, mas esse de pano sujo foi a primeira vez.

E nesse mesmo período, estava sentido o ambiente em casa muito pesado, vários calafrios, a noite no escuro havia locais que era mais escuro (não sei explicar bem isso) e as vezes percebia esse escuro sobre mim.

E nessa próxima noite as coisas pioraram e o meu bebe que dormia no meu quarto não parava de acordar chorando.

A partir desse momento as coisas ficaram muito confusas.

Lembro de ter rezado e pedido a Deus para proteger a casa e enviar anjos... e se houvesse alguma coisa fazendo mal a minha família que ele amparasse essa coisa e encaminhasse ela pra luz.

Em seguida, lembro que estava em pé próximo ao berço e gritei que “Ninguém tinha permissão para mexer com meu filho!” . E logo exatamente quando terminei a frase acordei com meu filho gritando muito alto.

Após, uns 20 minutos conseguimos acalmar ele e voltamos a dormir.

Me peguei novamente acordado no meu quarto de frente com aquele “obsessor” que relatei uma vez aqui no fórum e surgiu de uma fumaça preta (não era bem fumaça mais parecia) uma bruxa. Lembro só de trechos isolados e bem curtos de conflitos com os dois e no final lembro que conversei com a bruxa e ela saiu pela janela e o “obsessor” não lembro o que aconteceu, mas ele não estava mais lá.

Nessa ação de conflito e conversa era eu mas não era eu que estava executando, era tudo automático.

Lembro que depois disso estou com uma sensação muito tranquila, leve e aquele cheiro de pano sujo sumiu.

As dúvidas são:

Até a questão da música é fato e minha esposa estava junto e confirma. Agora, o resto será que eu sonhei ou fantasiei essas coisas?

Isso de fazer as coisas no automático no astral, coisas que a gente não sabe fazer e não tem conhecimento acontece?

Existe bruxa no plano astral?

Eu li em algum local que esses espíritos não conseguem influenciar na matéria do mundo físico. Será que era defeito mesmo do brinquedo?

Quando criança, eu via pessoas mas não conseguia ver os rostos; as coisas caiam próximo de mim; sentia alguém bater em baixo da cama e não ter ninguém lá; bater na porta e não ter ninguém do outro lado; entre outras coisas. Eu fui o primeiro a saber que meu avo tinha morrido porq ele veio ao meu quarto e me avisou e toda minha família sabe disso.

Essas coisas tinham parado, mais ou menos quando eu tinha uns 15 anos de idade. Será que a projeção astral pode ter influenciado para voltar essas coisas?   

Obrigado a todos pela tempo e atenção!

Share this post


Link to post
Share on other sites
6 minutos atrás, max81.costa disse:

Será que era defeito mesmo do brinquedo?

Muito provabelmente. Os brinquedos modernos nao aguentam nada. Algo que precisa pressionar um botão oara funcionar , se fosse ate os anos 90 teria dentro uma chapinha metálica, que seria flexionada para fechar o contato. Demoraria muitos anoa para ela ficar já " rendida" e gerar esse contato acidental. Mas hoje em dia se usa plástico nessa função, que logo logo cede e gera acionamentos automaticos.

Quanto aos sonhos, acredito maia que eles mostrem algo real ( junto com o cheiro) do que o penico musical.

Cara, crianças pequenas vieram do astral ha pouco. Suas companhais astrais, amizadaes e inimizades, podem sim visita-los. Lembre-se wue seu filho não é um bebê, é um adulto, que até ha pouco estaba com a tutma dele em sstrsl, mas que  durante algins anos estará vestindo um corpo em crescimemto . Ele tem as amizadea e inimizades dele, que ele cultivou antes de nascer agora nessa forma que você conhece.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Estou tentando estudar com o pouco tempo que tenho. Mas, é muita informação, muitas duvidas e muito complexo o assunto.  E quanto mais eu estudo, mais percebo que a coisa é bem seria.

Já não pratico mais para sair consciente, pois acredito que até então não tenho conhecimento suficiente para me manter seguro lá.  Acredito que inconsciente lá é menos arriscado do que consciente, pois  consciente ficamos se relacionando e dependendo acho que pode haver algum tipo de consequência.

Ainda vem e acontece essas coisas que não entendemos e não sabemos lidar para desanimar mais a pratica.

Mas, não vou desistir e vou continuar estudando.

Obrigado Sandro!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Max, esses temas de espiritualidade são altamente complexos. Eu tenho 49 anos, comecei a me interessar por esses temas aos 13 e nunca parei. E não vejo respostas claras e seguras, que me convençam, em nenhum ramo ara onde eu debruço minha atençao. A maiora das respostas cai em duas categorias:

- repetições de uma tradição de crenças

- experiencias pessoais SEMPRE limitadas pelo nível consciencial do praticante, e interpretada sempre segundo um conjunto de crenças

Se você esperar primeiro estar bem seguro da coisa, para depois praticar, precisaria viver mil anos. 

Mesmo que você pense "primeior eu vou estudar a cosncienciologia, fazer todos os cursos e práticas deles então saberei"..

Olha, nao vai. Nem o Waldo  sabia, ele só explicou lá as coisas do jeito que ele entendia, bem limitado pelo nível consciencial dele também, como todos nós.

Vai aprendendo estudando  uqe pode. Mas praticar ajuda a entender (ou descartar) o que você estudar.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 15/05/2019 at 19:26, sandrofabres disse:

3- desacoplamento ( "tipo parecer que isso nao esta acontecendo que parece um sonho")  

Sandro quando costumava falar sobre espiritualidade com meus amigos na adolescência ( gostávamos muito de assuntos de espiritos e extraterrestres), eu ficava com muita dor na nuca e ficava exatamente assim tinha horas que achava que estava sonhando e tinha até que fazer alguns testes para saber, ficava com a visão até embaçada.

Inclusive quando era adolescente assisti na casa de um amigo o filme " Médiuns"( não assisto mais filmes de terror por esse motivo), fiquei muito mal , sensação de perseguição, parecia que estava sonhando., Uma angústia muito forte , cheguei até a chorar e passei a noite em claro deitado com meus pais na cama, Algo poderia estar tentando me acessar? 

 

Oque seria esse desacoplamento? Não entendi muito bem

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Desacoplamento é quando seu corpo astral desencaixa parcialmente do corpo físico. Pode ficar um pouco só para o lado  o que em geral te dá uma sensação inexata  da sua posição corporal (similar a ter bebido algo, por isso motoristas bêbados cometem erros, porque o senso de posiçao está afetado), porque há duas informações ali, a do corpo físico e a do astral. Você se sente como se estivesse um pouco para um lado, ou um pouco para cima do seu corpo físico. E geral pode dar alguma leve vertigem também, por causa disso. Se estiver com o coro astral totalmente fora do corpo físico, embora possa estar acordado e conversando sentado ou deitado, caso tente levantar o risco de queda é muito grande, o senso de posição fica totalmente desregulado.

 

Os sintomas que você descreve parecem ser fruto da sua conexão com coisas do seu passado, acionadas pelo filme. 

-Uma pessoa que teve contato com magia negra em outras vidas e teve problemas, ao se aproximar desses contatos de novo, ou mesmo filmes, sempre pode reconectar com antigos obsessores/experiências através da sua memória (tal como lá no outro tópico que falamos sobre energia dos objetos, a culpa em geral não é do filme, que também EM GERAL só usa entidades ficcionais, mas da sua mente subconsciente que ao ver algo no filme similar a uma vivência passada, reative os links com outra faixa de tempo),

 

- Ou as vezes até devido a traumas gerados pela inquisição né? Não vamos esquecer que muita gente foi torturada pela igreja por ter mexido com assuntos que ela não aprovava. Isso deve ter criado uma certa "alergia psicológica" a certos temas, porque a pessoa deve ter associado, devido à tortura, que "estava sofrendo tanto por ter se metido com aquilo". Eu, por exemplo, nunca consegui estudar astrologia (só ler superficialmente) porque basta começar a ler sobre isso e começo a sentir gosto de ferro na boca. Vá saber o que tem por trás disso....Também já quase desmaiei ao ver uma exposição itinerante de instrumentos de tortura da idade média que andava na minha cidade, em 1998. Esta mesma:

https://www.youtube.com/watch?v=UeXO-GVNp8A

(São réplicas, portanto, a culpa não foi de nenhum tipo de energia dos objetos, ehehe), e outra vez foi vendo um filme, no cinema, sobre isso ( A cena final do "Coraçao Valente".Quem viu sabe que não tem nada ali que possa impressionar um adulto.  Muito menos eu, que desde os 13 anos sempre gostei de ver filme de terror perto da meia noite e com luzes da casa apagadas, para máximo efeito. A culpa certamente não foi das cenas do Coração Valente, mas sim algum link de memória de vida passada.)

Um exemplo até mais "ridículo" foi quando vi o filme Tróia com um amigo, lá em casa. Logo na cena inicial o Aquiles vai combater um gigante e quando se aproxima ele pula e, de cima para baixo,  crava a espada no músculo trapézio do gigante. Meu amigo, que estava ao meu lado no sofá deu um gemido forte, disse que sentiu-se até mal pela cena. E continuou mal nos dias que se seguiram...ficou de cama, sentia dores por todo o corpo, ficava só deitado no quarto escuro. A esposa dele me ligou, já sem saber o que fazer e fui la. Quando o vi achei que ele ia morrer. Sabe quando um cachorro ou gato está mal, já para morrer, que o olhar está sem brilho, a musculatura toda flácida, como se pendurada no esqueleto? Até a voz dele mal saia... Mas tinha feito uma bateria de exames, "não tinha nada", o médico achou que só podia ser depressão.  ele só dizia que aquilo pegou ele após aquela cena do filme. Que fiou mal quando viu, foi para casa mal.. e no dia seguinte já acordou todo dolorido e dali só piorou. Apliquei um Reiki nele, uma sessão só, e dali em diante ele começou a melhorar, o que me fez penar que o problema era mais espiritual do que psicológico, já que em geral precisaria mais sessões para gerar melhora. Mas quando é algo espiritual a vezes uma sessão só já remove a causa né? As vezes....

 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Realmente é muito interessante essa questão de cenas que ativam gatilhos do passado , eu por exemplo tenho pavor de escuro , me falta o ar, comprei lanterna, velas e o celular fica do lado da cama caso haja um apagão não madrugada ( devo ter ficado muito tempo no umbral escuro haha).

Ouvir música com a velocidade mais lenta que a música original ou mais rápida e que vai alternando também me causa mal estar se bobear até desmaio por conta da angústia, e isso é desde pequeno, agora saber por que eu não sei haha.

Na questão do desacoplamento em vigília, pode ser usado para algo?

Quando acontecia isso eu morria de medo de ser algo querendo me incorporar hehe.

Share this post


Link to post
Share on other sites
22 minutos atrás, Rafael Frog disse:

Na questão do desacoplamento em vigília, pode ser usado para algo?

É projeção sem dormir. O problema é você conseguir captar o que está vendo com seu corpo astral nessas condições. É o que acontece no "desdobramento apométrico", embora alguns autores aleguem que não, já que eles não aceitam a projeção em vigília, então tentam explicar de outra maneira.

Mas é algo que se estiver acontecendo sem que seja  intencional por parte do praticante não é uma boa, ate porque pode gerar acidentes, desmaios, atenção difusa. Se a pessoa sofre dessa condição tem que procurar maior aterramento, porque está desequilibrada. 

  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Já que vocês tocaram no assunto filme, isso me lembrou um pesadelo que me marcou quando eu era criança. Eu devia ter em torno de 7 anos de idade, quando tava dormindo na casa de uma tia minha e ela adora até hoje filme de terror. Acredito que as imagens do filme tenham me espantado de tal forma que despertei lúcido num pesadelo e tinha um ser muito muito feio tentando me assustar a todo momento. Lembro que ele conseguiu inclusive chegar perto de mim dando uma gargalhada horrorosa... acordei num supapo.

Essa questão dos filmes também me lembrou de um relato do Roberto Pineda:

http://projecaoastral.com/experiencias/noite-dos-vampiros/

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boa noite!

Irei seguir o conselho do Sandro e continuarei praticando.

Sobre meu relato mais acima:

O ambiente em casa está leve, os calafrios e o cheiro foram embora. Então, acredito que realmente aconteceu o conflito e a conversa.

Na verdade, o cheiro voltei a sentir mais uma vez dirigindo, entretanto após uns 30 minutos sumiu e não voltou mais.

Tenho algumas dúvidas simples:

Posso está no astral tomando decisões como no físico e não percebendo está no astral? Ou isso seria sonho?

Existem pessoas enjauladas no astral?

Consigo sentir gosto (sabor) no astral?

-----

Essas dúvidas surgiram dos dois relatos abaixo. Tentarei resumir o máximo.

1 – Acordei em uma escola onde percebi um corredor com apenas duas salas de aula.

Em uma das salas de aula estava uma mulher conhecida, mas não lembro quem era. No corredor estava a mesma bruxa do relato a cima.

Falei para a bruxa não mexer com aquela mulher e a bruxa concordou e entrou na sala de aula onde estava a mulher.

Após algum tempo, passei pela porta da sala onde elas estavam e percebi a mulher deitada e flutuando em frente a essa bruxa e a bruxa falava algumas palavras estranhas.

Entrei na sala, pedi para a bruxa parar, ajoelhei e beijei a barriga da bruxa. Senti um gosto horrível e acordei.

Obs.: Ela tinha tatuagem na barriga.

A sensação era bem real, sabia o que estava fazendo, mas não percebi que poderia ser um sonho ou projeção. Em momento nenhum senti medo e ou raiva da bruxa. E o beijo, não entendi bem porq fiz aquilo.

2- Acordei em uma esquina de uma cidade e sentia que já havia estado lá.

Uma pessoa me abordou e perguntou se um prédio verde a frente, poderia desmoronar, pois tinha uma rachadura enorme e estava meio de lado.

(Olhei para o prédio e vi uma pessoa subindo pela fachada externa como uma aranha e entrando em uma rachadura do próprio prédio. "Achei normal e nem me importei").

Falei a pessoa que sim e que todos deveriam sair de lá.

Segui meu caminho e fui andando pela cidade percebendo que a maioria dos prédios estavam em situações precárias.

Voltando, avistei aquele prédio verde e de imediato ele desmoronou, passando de 8 andares para 3.

Fui correndo para o prédio para tentar retirar as pessoas que estavam lá dentro e percebi que o pessoal em volta nem se importou com o que aconteceu. Apenas umas 7 pessoas pararam e ficaram olhando, mas sem se importar.

Entrei e fui descendo para baixo do prédio e encontrei 3 pessoas caídas. Peguei a primeira pessoa e retirei do prédio.

Quando voltei tinham 3 pessoas normais e as duas outras caídas. Perguntei se elas iriam ficar ali olhando ou iriam ajudar. Então começaram a ajudar. Nisso uma pessoa que estava toda torta no chão levantou do nada e saiu como se nada tivesse acontecido. Então deixei os 3 ali e desci mais para o fundo.

Lá encontrei uma senhora caída, duas mulheres dentro de uma jaula soterrada, um homem e uma outra senhora conversando com essas duas enjauladas.

Peguei a senhora caída no colo e levei para fora do prédio, quando volte os dois ainda estavam conversando com as mulheres enjauladas.

Fiquei indignado porq eu queria tirar todos dali e eles ainda estavam conversando com as mulheres enjauladas.

Fui bem perto e tentei tirar as mulheres das jaulas. As mulheres eram estranhas e passavam uma sensação bem ruim. Mesmo assim, tentei retirar elas e foi quando a senhora me puxou e pediu para eu ficar em silêncio e observar eles.

Eles tiraram da jaula duas criaturas pequenas parecendo recém-nascidos, mas menores e com pernas e braços mais compridos.

A senhora se aproximou de mim ainda em silencio e me mostrou uma das criaturas mais de perto e foi quando eu acordei.

A sensação era bem real, sabia o que estava fazendo, mas não percebi que poderia ser um sonho ou projeção.

 

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
14 minutos atrás, max81.costa disse:

Posso está no astral tomando decisões como no físico e não percebendo está no astral? Ou isso seria sonho

Claro. Normal, igual ao fisico. Mas projecao sem lucidez chamamos de sonho memso, por uma questao de organizar as categorias. Mas nem todo sonho é projecao, alguns sao so fantasia cerebral.

16 minutos atrás, max81.costa disse:

1-Existem pessoas enjauladas no astral? 

2-Consigo sentir gosto (sabor) no astral? 

1-Sim, milhares. Tem muita gente presa em masmorras do astral, escrsvizados por magos negros.

2- sim, mas e um sabor bem mais suave. Similar à diferença que existe se sabor entre umnl vegetal cuktivado na terra e um hidropônico. Assim.como se voce s eprowjta rquando estiver chovendo, consegue sentir o frescos da chuva passando por voce, mas se uma forma suave, nao de forma que seja desconfrotavel.

Mas isso em relacaoa provar alimentos plasmados que as evzes temgente fazendo. No caso que voce relata e gostonde enrgias. Em geral esse pessoal mais suspeito ( por exemplo, a mukherada que tenta seduzir a gente) tem cheiro de suado/ sujinho. Mas gente mais pesada ja fa voce sentir gosto de carniça podre, mesmo em vigilia. A simples proximidade deles em vigilia pode te fazee pensar.que coe comeu carne crua podre. Ou pode sentir isso ao tentar tratar energeticmaente alguém que está com um " encosto" desse tipo. Isso memso em vigilia. El asyral voce nem chega perto, da para sentri como se a pessoa fosse uma "ferida inflamada".

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boa noite!

Exatamente, “suor com sujo”!

A parte das duas mulheres na jaula... poderia ser duas pessoas “perigosas” (atormentadas) e as outras duas pessoas “conversando” com elas poderiam ser espíritos bons tentando ajudar?  Ou estou fantasiando muito as coisas?

Eu venho acompanhando vários relatos no fórum e com algumas exceções noto que as minhas experiências estão sendo mais duradouras, mais intensas e com muita ação. Geralmente o pessoal encontra com alguém especial, ou sai voando, ou viaja, ou conhece seus mentores, ou encontra seu animal de estimação, ou é atacado por um gato, ou vai a lugares perigosos mas sempre bem acompanhado, etc... e eu estou sempre sozinho, vendo pessoas próxima a mim sendo “atormentadas”, sendo enganado e vendo entidades negativas.

É assim mesmo que acontece no plano astral, ou eu estou criando essas coisas, ou tenho que melhorar mais minhas vibrações, ou tenho que passar por essas experiências para evoluir?

Sobre as entidades li vários conselhos: Atacar elas; forma um escudo em volta de si; tentar conversar com elas; agir com indiferença; tentar melhorar a vibração para sair dali; falar “palavras mágicas” de ataque, etc. Se observarmos a maioria dos conselhos se contradizem. Queria aprender a agir com essas entidades, assim já daria um grande passo, pois estou empacado nisso.

 

abrs.

Share this post


Link to post
Share on other sites
1 hora atrás, max81.costa disse:

Sobre as entidades li vários conselhos: Atacar elas; forma um escudo em volta de si; tentar conversar com elas; agir com indiferença; tentar melhorar a vibração para sair dali; falar “palavras mágicas” de ataque, etc. Se observarmos a maioria dos conselhos se contradizem. Queria aprender a agir com essas entidades, assim já daria um grande passo, pois estou empacado nisso.

Cada um da conselhos segundo suas crencas e vivencias. Nao da para padronizar. Por exemplo, tem gente que alega que se voce atacar elas, mao adianta depois elas vem e... o sauloante conta um caso que na primieira vez que ele viu um cara estranho na  casa dele( em astral) saiu na porrada( que nao machuca , alias). Na proxoma projecao o cara voltou com mais um  Brigarma de novo. Na proxima voltou com mais dois.. eheheeh

Eu nunca saí ma porrada com ninguém em astral, sempre usei eneegia. E nunca vi novamente alguem que eu tenha resolvido atacar.

E no innicio os cqraa tinham mania de querer esbarrar em mim logonquwbeu saia , para roubar energia. O problema noa e roubar enegia, o provlema e que isso faz voce acordar.  Entoa coemcie a roubar de volta  deles todas as vezes que faziam isso, e roubava sempre um poico mais do que elea tinham pego, para elea aprenderem qie sairiam prejudicados se tentassem faze risao comigo. Pronto, resolveu, nunca mais tive esse problema.

Entao minha experiencia me mostra que se eu der o troco resolve. Ja esse relato inicil do  Saulo  dria a impressao que tudo só piora se voce for agressivo.

Entao acho que depende de como cada um age mesmo. E uma ilusao pregarem por aí que voce noa pode fazer  nada contra o espjrito so porque ele ja esta morto.

Pode fazer coisas horríveis até por descuido, infelizmente.

Mas se eles forem bulliers e notarem que voce nao connsegue se defender , vao abusar apenas porque.... DEVE SER DIVERTIDO ASSUSTAR A MANEZADA QIE SE PROJETA, KKKKKK

Entoa lembre disso: muitas vezes eles só querem gozar da sua cara. Mas se a coisa parece séria, é bom que eles saibam que voce tem meios de defender.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Então, tive 03 projeções na mesma noite.

A 1º:

Sonhava que estava a noite em um quarto com 6 pessoas. E nesse sonho eu e mais duas pessoas combinamos em nos projetar e se encontrar no astral.

No astral se encontramos e de imediato contei os dedos para ver se era diferente de 10 e tinham 8 dedos.

Não sei porq nos se separamos e eu fui voando para a cidade vizinha para ver uma casa de show e como ela funcionava no astral.

No caminho vi uma moto andando na estrada, fui até ela e acabei acordando no sonho.

No sonho todas as 6 pessoas estavam lá... E falei a todos “viu como o astral é real!” e acordei.

Pergunta: Isso é possível?? Sonhar e de um sonho se projetar... depois retornar para o sonho e acordar?? As vezes acho que estou ficando doido !!!

A 2º:

Acordei no passado, em uma época e local parecido com os filmes de “Robin Hood”. Estava dentro de um estabelecimento onde estava trabalhando um ferreiro.

Quando estou no astral fico fascinado por espadas e sem perder tempo pedi para o ferreiro fazer uma pra mim. Ele riu e não fez.

Quando olhei para o lado tinha duas pessoas vestidas conforme aquela época e estavam me encarando. Lembrei do que o Sandro falou e tentei soltar energia neles com a mão e depois com e testa e não consegui, então eles riram e foram vindo em minha direção até encostar em mim com as mãos.

Quando eles encostaram ficaram com um ar de satisfação e então eu saí correndo e eles foram atrás de mim rindo.

Quando me aproximei de uma porta para abrir e passar vi alguma coisa escrito nela, uma frase. A frase não estava em português e eu só conseguir ver a última palavra pois o restante estava borrado.  A palavra era “BOYLE” ou “BOLY”. (Quando eu tentava ler ela mudava).

Eu acordei com uma frase na cabeça: “eu sou “Boyle”” ou “eu sou “Boly””.

O restante da projeção foi os dois me perseguindo e rindo de mim e eu fugindo. Até eles me encurralarem e eu acordar.

Perguntas:

O ataque com energia nos conseguimos fazer com um tempo ou tem referência com a nossa vibração?

Alguém sabe se existia algum “Boyle” ou “Boly” naquela época que tinha relação com o espiritismo?  

E percebi na pratica o que o Sandro falou: que eles querem brincar com a gente.

 

A 3º projeção eu não lembro mais como foi. Mas, não foi muito boa não.

 

abrs.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.