• advertisement_alt
  • advertisement_alt
  • advertisement_alt
mvnobrega

Como eliminar o ego ?

Recommended Posts

Andei lendo alguns respostas no fórum,  e me deparei com um assunto sobre "Quatro Classes de Hanasmussen" e o ego. Pelo que entendi é muito grave desenvolver nossas habilidades antes de matar o ego.

O que de fato é o ego ? Por exemplo, quando eu consigo parar de pensar  a minha cabeça inteira fica pulsando e eu perco a noção de identidade, isso seria a ausência do ego? Ou o ego vai muito mais além da ausência de pensamentos?

Se sim, a ausência de pensamentos pode ser considerado um exercício útil para dissipar o ego? Quais métodos vocês recomendam?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Quando se fala em “Ego”, escolas diferentes estarão se referindo a coisas diferentes. Exatamente por causa disso há quem conclua que não é possível viver encarnado sem ego, ou que eliminar o ego é perder a identidade. São erros de compreensão do termo ego, em função das definições que essa pessoa aprendeu.

Exatamente por isso, se uma pessoa quer saber como eliminar  o ego, precisa fazer esse tipo de pesquisa dentro do sistema que alega que isso é possível, ou corre o risco de obter repostas inspiradas na definição da psicanálise, que sendo uma ciência materialista é inútil como fonte de referência para esse tipo de pergunta.

Eu acho que das grandes tradições, só o budismo fala em eliminar o ego. Portanto seria melhor você tentar obter respostas de grupos budistas sobre isso.

Mas das tradições recentes, acho que só a Gnose fala disso, até porque o que você leu veio dessa fonte, já que o termo Hanasmussen vem dessa tradição gnóstica (..../Gurdjieff/Gnose samaeliana)

Então, novamente, seria melhor saber o que é o ego e como eliminá-lo, estudando a gnose. Precisa entender MUITAS coisas para poder entender isso.

Eu posso explicar a visão da gnose, mas ainda assim será uma visão limitada, precisa “entrar no sistema”, estudar a gnose, para ter uma compreensão adequada.

 

Mas basicamente EGO=SOMATÓRIO DE EUS=MENTE FRAGMENTADA.

Pense na diferença entre “leite” e “leite coalhado”. O leite coalhado não é um líquido mais, é um aglomerado de minúsculas unidades boiando num líquido, o soro de leite.

Se o leite fosse sua psique você não teria desejos contraditórios, nem mudaria de opinião ou de planos. Mas como sua psique é leite coalhado, cada coágulo tem seus próprios planos, seus desejos, suas opiniões. Cada coágulo é um “mini-ser”, e nossa vida é a resultante das forças desse conflito interno. Um eu quer dormir, outro quer ver TV, outro quer sair, outro sabe que tem que estudar, outro tem preguiça de tudo, outro está de mau humor, outro está ansioso por algum motivo. Não há unidade de propósito, de opinião, e portanto não há unidade de vontade, não há como assumir compromissos, e não há livre-arbítrio, porque nossa psique atua como um caleidoscópio: cada estímulo externo ou conflito interno faz trocar o eu que comanda nossa psique num dado momento. Então um eu é apaixonado pela namorada, mas após andar cem metros vê uma menina bonita e um outro eu, assume o controle da mente, emoções e corpo e leva esse corpo até a menina para dar uma cantada nela. Se leva um fora, aquele eu pode sumir e volta o anterior e pensa “Que bobagem! Porque eu fiz isso?”. Cada um pode ver exemplos disso na sua vida toda, vários exemplos diários, porque há várias dessas trocas num mesmo dia.

É como se nosso corpo(não só o corpo, mas ment e emoções, e também corpos sutis) fosse um navio cheio de chimpanzés, que birgam entre si para ficar no timão, até que um outro chimpanzé o expulsa dali e assume o controle mudando a direção do navio, e isso se perpetua encarnação após encarnação, sendo que  continua no período entre vidas. O ego NÃO É algo que só quem está encarnado possui, o ego é algo que todos os seres que não sejam “Mestres Ascensionados” possuem.

Portanto, perguntar como acabar com o ego é o memso que perguntar “Como me tornar um Budha? Um Cristo?”. Não há resposta curta possível a essa pergunta, você teria que ir atrás de sistemas completos de aperfeiçoamento, que chamamos de “Caminhos”.

Por isso não tem como responder a isso aqui no fórum. A pessoa teria que escolher um caminho, como o Budismo, a Yoga, a Gnose, e passar uma vida toda nele, estudando e praticando, para ter alguma noção do “como” , do porquê, das etapas necessárias ao trabalho.

 

Mas eliminar o ego é fazer o leite voltar a ser liquido novamente, sem divisões internas, portanto sem múltiplas vontades conflitantes. Uma só mente, passiva, a serviço do Espírito. Pelo fato de nossa mente ser dividida, ela é agitada, então não se abre para receber o influxo do Espírito, que é nossa parte divina, superior, uma Individualidade sem relação alguma com o ego.  

Por isso dissolver o ego não leva à perda da individualidade, mas à perda da FALSA individualidade, porque é isso que no fundo o ego é, um simulacro, uma imitação da individualidade real. Por isso ele tem fim, mas a individualidade real é eterna, porque é parte da Fonte da qual tudo se origina.

O Ego não é parte da fonte, o ego é uma “adaptação” mecânica aos estímulos das experiências nos planos inferiores, similar a como entendemos que seja um “trauma”.

Todos nós entendemos que uma pessoa traumatizada terá uma reação automatizada ao estímulo que criou  trauma né? Cada “eu”, cada “coágulo do leite”, é como se fosse um “trauma”. Nossa psique é  composta por milhões de micro-traumas, e é por isso que se diz que a mente é incapaz de experimentar a Verdade. Porque ao tentar percebê-la, tal como uma pessoa traumatizada, ela perceberá apenas seus próprios preconceitos se sobrepondo ao que ela percebe do mundo exterior. E isso cria um círculo vicioso que deixa esses preconceitos cada vez mais fortes, e a pessoa fica cada vez com menos capacidade de aprender com novas experiências ,até o ponto que ela perderá totalmente o livre-arbítrio, vira um robô que só dá respostas automatizadas aos estímulos que recebe das experiências durante a encarnação. E é isso que gera experiências mais e mais duras ( o lance de “se não aprende pelo amor, aprende pela dor”)

Muitas pessoas que já tem um pouco de idade, uns 35 anos, já passaram por situações de “crise”. É um tipo de situação que envolve uma ruptura ( seja de crenças, de situação econômica, de relacionamentos), faz a pessoa sentir que “perdeu o chão” e isso a obriga a “rever conceitos”. Quem consegue fazer isso em geral contará sua história dizendo que “depois percebeu que aquela dificuldade, num primeiro momento desesperadora,  logo se tornou uma abertura para novas oportunidades”, e gerou um crescimento, tanto psicológico como também material em muitos casos. Porque isso acontece? Porque estávamos reagindo aos estímulos da vida de forma robotizada, “dentro da zona de conforto”, e ainda que isso pareça bom, do ponto de vista da análise materialista  das coisas, é uma situação que nos faz estagnar, do ponto de vista do crescimento interior. Então surgem essas “puxadas de tapete”, o castelinho de cartas que montamos desaba, e nos obriga a “sair da caixa”. Quem aceita o desafio cresce, quem se rebela acaba atraindo lições ainda mais duras, porque mostra que o “côco” é duro, precisa bater mais forte para quebrá-lo, ehehehe. Por isso é essencial ficar de olhos abertos quando esse tipo de coisa acontece, e pensar “que tipo de OPORTUNIDADE está se abrindo para mim agora?” ao invés de pensar “Ó meu Deus! Por que logo comigo????”.

 

Então voltando: EGO=MENTE FRAGMENTADA,ATIVA, AGITADA

Alguns tipos de meditação visam “parar a mente”. Digamos que elas geram um dissolução PROVISÓRIA dos coágulos do leite, o que num passo posterior permite experimentar um “Samadhi”, que seria tipo uma “projeção astral sem o ego”*

----------------------------------------------------------------------------------------------------

* “Encarnação” é a experiência do ego na terceira dimensão. Desencarne e Projeção astral lúcida ou sem lucidez é projeção do ego no plano astral, quinta dimensão. Projeção mental é projeção do ego no plano mental, que ainda fica na quinta dimensão. Samadhi é uma projeção da essência, que se liberta do ego e vai para a sexta dimensão, chamada plano causal. Um Mestre iluminado vive em Samadhi, um praticante avançado de meditação pode atingir Samadhi algumas vezes na  vida, por meditação, mas não VIVE continuamente nesse estado, são experiências pontuais)

--------------------------------------------------------------------------------------------------------

Esse tipo de experiência provisória já é transformadora para o praticante, mas ainda assim não é uma mudança profunda, é um vislumbre do que o espera caso elimine o ego, assim com projeções são um vislumbre da vida após a morte.

Para falar em eliminar o ego você precisa conhecê-lo ( maioria abosluta das pessoas não tem essa noção e acredita ser uma unidade psicológica e não uma multiplicidade), saber como atua, e saber os métodos para eliminá-lo. E aí depende de cada escola, o budismo tem os seus, a gnose os seus. Para saber se este ou aquele é efetivo, só entrando de cabeça no sistema e praticando.

Aqui neste post eu fiz um "resumão" do sistema da gnose:

https://www.viagemastral.com/forum/index.php?/topic/19524-estou-pensando-em-entrar-para-a-gnose-alguém-tem-experiência-nela-é-uma-boa-ideia-ou-é-mais-um-culto-maluco/&do=findComment&comment=91144

Mas tem mais lá na minha primeira resposta  no início desse tópico.

E neste outro incluí um pdf com a descrição da técnica de morte do ego:

https://www.viagemastral.com/forum/index.php?/topic/18220-qual-técnica-você-usa-para-o-auto-conhecimento-ou-auto-domínio/&do=findComment&comment=81741

Mas como eu disse no início, precisa estudar o sistema todo.

Share this post


Link to post
Share on other sites
2 horas atrás, sandrofabres disse:

Muito boa essa explicação Sandro mas fiquei com algumas dúvidas:

1 - Quem não consegue matar o ego a tempo acaba se tornando cada vez pior (perverso, mal), até o ponto em que a própria densidade do ambiente desintegre o ego, permitindo que a essência recomece tudo de novo? Nesse caso, um mago negro por exemplo, poderia evoluir para uma verdadeira besta das trevas? de modo que ocorra uma saturação que gere a morte do ego e ele recomece como um espírito normal?

2 - Pelo que entendi se eu me masturbar sem orgasmo, eu vou acumular energia sexual. Essa energia fica acumulada em algum chakra específico? Para onde ela vai ?

3 - No caso da masturbação sem orgasmo deve-se chegar ao ápice para então interromper ? Com que frequência isso deveria ser feito ?

4 - Deve haver algum estímulo mental erótico ou algum pensamento específico para esse objetivo?

5 - Faz sentindo pular a etapa de eliminação dos 30% do ego e ir direto para o uso da energia sexual?

 

 

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
7 horas atrás, mvnobrega disse:

2 - Pelo que entendi se eu me masturbar sem orgasmo, eu vou acumular energia sexual. Essa energia fica acumulada em algum chakra específico? Para onde ela vai ?

Creio que não falei sobre masturbação no tópico, que eu lembre. Falei sobre magia sexual. Quando você une duas forças opostas, surge uma terceira. Quando você empurra o chao para caminhar, como ele não se move, o resultado é o movimento Quando você une home e mulher, surge a criança, quando você risca o fósforo na caixinha, surge o fogo. A energia do ato sexual entre homem e mulher é uma coisa. Masturbaçao ou sexo homossexual é outra, porque não há dois pólos interagindo, há apenas estímulo de uma só força, para que se amplie até o orgasmo, mas cujo resultado é muito diferente (numa qualidade abstrata impossível de descrever, mas concreta o suficiente para que todo mundo concorde que masturbação não é substituto para o sexo).

De qualquer forma, numa prática em que se pretende aproveitar uma energia dessas, que já esteja em excedente no chackra, ( o que não envolve se masturbar para produzi-la) ela é direcionada para cima, para dentro da coluna vertebral, passando pelo chackra coronario, e a seguir descendo pela frente do rosto até o coração, onde é depositada. Segundo o conhecimento energético chinês, o nosso corpo tem 3 grandes "baterias" ou "acumuladores", que são centros energéticos propícios para estocar energia. Os chackras não são para acúmulo. Em geral, nas práticas de chi kung eles estocam a energia excedente no ponto mais baixo. Mas em práticas mais avançadas essa energia já acumulada descerá por certas rotas  e penetrará na coluna.  No caso da prática de transmutaçaõ sexual algumas escolas levam a energia apenas ate o chackra coroa, mas na gnose passa da coroa e desce até o coração. Como eu disse, antes, aí tem que ver qual sistema a pessoa iria escolher.

e4f2170bb7eb0f43c056a9030033e80c.jpg

7 horas atrás, mvnobrega disse:

3 - No caso da masturbação sem orgasmo deve-se chegar ao ápice para então interromper ? Com que frequência isso deveria ser feito ?

Não há prática de de magia sexual pela masturbação. Qualquer tentativa nesse sentido seria especulativa. O que se faz é evitar a masturbação. Ou seja, se a pessoa anda estimulada sexualmente, essa energia irá tentar sair, seja levando o sujeito à masturbação, caso ele nao tenha parceiro,seja atrave´s de sonhos eróticos, quando então o sujeito pode ter um orgasmo no sonho, que o leva a ter orgasmo no físico, em alguns casos. Para evitar isso se faz alguma pratica de transmutação dessas energias, que POR ESTAREM ACUMULADAS NO CHAKCRA, (lembre-se o chakcra não é local para acumular energias), estão gerando essa estimulaçao sexual. A meta é ESVAZIAR a energia do chacrka, para desativar a estimulação sexual, e isso pode ser feito diariamente. É uma forma de aproveitar o excedente de energia mas daí a afirmar que possa ter algum resultado transcendente, já é outro papo. Um exemplo de técnica é ensinada pela Dion Fortune, no livro "O problema da pureza", de 1927:

Citar

CAPITULO VI

Nos capítulos anteriores mostramos como controlar o aspecto mental do circuito sexual: neste capítulo vamos lidar com o método de controle da parte física desse circuito.

Deve ser claramente enfatizado, no entanto, que depois que as reações sexuais tenham sido despertadas a um certo ponto, elas seguirão seu curso natural; o momento no qual devemos interromper seu curso é antes que o primeiro fluxo de sangue nos órgão seja detectado. Brincar com as sensações até que o orgasmo esteja começando é bastante indesejável e capaz de produzir tensão nervosa. Se, no entanto, o seguinte sistema de controle de pensamentos for utilizado, você descobrirá que e' comparativamente simples reduzir a pressão sanguínea nos órgãos reprodutores e enviar a energia nervosa para outras partes do sistema e direciona-la a outras finalidades.

Assim que o impulso sexual se faça sentir, concentre sua atenção na base da coluna. A atenção é dirigida para esse local porque é ali que os nervos que controlam o os órgãos sexuais se localizam. Então diga a si mesmo: “ A divina força da vida saiu do meu subconsciente e chegou ao meu alcance. Eu me apodero dela em nome de Deus, que foi quem a criou, e a dedico ao Seu trabalho”. Se a idéia de Deus não lhe atrai, então dedique-a a Humanidade, ou a qualquer outro conceito que lhe pareça nobre o suficiente, mas sempre insista no ponto de ver a força sexual pelo seu mais nobre aspecto, em uma forma pura e imaculada derivada da fonte divina; jamais tente induzir repulsa por ela, ou por pensar nas conseqüências dos seus abusos e desvios. Se você estivesse aprendendo a andar de bicicleta e visse na estrada uma pedra que desejasse evitar, descobriria que ao manter seus olhos fixos na pedra, a atingira com uma precisão que jamais conseguiria reproduzir nem mesmo numa competição, e quanto mais pensasse nas conseqüências de se chocar com a pedra, mais nervoso ficaria em mais difícil seria desviar dela. As pessoas não percebem os efeitos negativos do sistema nervoso que são gerados quando pensam em algo que desejam evitar. Concentre-se no bem que será alcançado caso realize o que você deseja, isso reforça a vontade e suaviza o caminho de uma forma maravilhosa. SEMPRE SE CONCENTRE NO QUE VOCÊ QUER FAZER, NÃO NO QUE PRETENDE EVITAR.

A seguir visualize a coluna como um tubo oco, e crie a imagem mental de sua mão agarrando-a, e então, com essa mão imaginária, comece a massagear a coluna para cima, como se a estivesse espremendo. Vamos supor que você tivesse na mão um tubo de borracha, e que ele contivesse algum sedimento obstruindo-o. Você poderia se livrar desse sedimento agarrando esse tubo e espremendo-o com a mão, e a pressão gerada vai empurra a obstrução em direção a saída. É esse mesmo processo que estamos tentando reproduzir aqui, mas precisa ser repetido diversas vezes, gradualmente empurrando mais e mais, porque um único movimento imaginário não será suficiente para produzir um efeito na mente.

A medida que faz isso você poderá notar uma sensação peculiar, quando trabalhando na parte inferior da coluna você notará uma dificuldade considerável, mas a medida que avança pela coluna a resistência diminuirá, e quando chegar na altura dos ombros, a energia imaginada começará a se mover na direção desejada naturalmente, ao invés de precisar ser forçada.

Assim que ela entra no cérebro, ela deve ser direcionada para a fronte. Você deve imaginar-se como se tivesse um terceiro olho no centro da testa, como os titãs da antiguidade, e com esse terceiro olho você deve imaginar-se olhando para o planeta de uma grande altura, como se estivesse num avião. A seguir você deve penar em algum movimento filantrópico que tenha alcance nacional; deve então criar uma imagem mental do trabalho que eles realizam, e deve então projetar essa energia que você elevou pela coluna como um feixe de luz brilhante sobre a visão do trabalho dessa instituição, e imagine-se participando do trabalho dessa instituição e disponibilizando sua energia para que atue como uma força de apoio para eles.

Por exemplo, supondo que você tenha escolhido uma instituição de amparo a crianças carentes. Elabore uma imagem mental de uma dispensa com comida para distribuir a essas crianças (não precisa ser a imagem exata, é o símbolo que conta), então imagine que a força que você projeta de seu terceiro olho flui num feixe de luz dourada e é estocada na dispensa. A seguir imagine a si mesmo saindo da dispensa com uma cesta de alimentos nos braços e distribuindo nas casas das crianças carentes, e o desejo que você tinha será transformado em amor e compaixão por essas crianças.

Imagine a alegria e o alívio delas, e se concentre nessa sensação, até que você comece a sentir-se feliz pela gratidão delas, porque quando você conseguir induzir em si mesmo uma emoção de um tipo superior, a emoção inferior desaparece.

Você pode utilizar esse método com qualquer grupo que queria auxiliar, mas jamais envie essa força a um indivíduo, porque sabemos muito pouco sobre os poderes da mente para poder prever o resultado; e também lembre-se que este não é um método que possa ser utilizado com segurança como sistema de cura mental.

Outro exemplo é esta técnica:

http://www.agsaw.com.br/sublimacaosexual.html

8 horas atrás, mvnobrega disse:

4 - Deve haver algum estímulo mental erótico ou algum pensamento específico para esse objetivo?

A prática de magia sexual é feita durante  o ato sexual  com o parceiro do sexo oposto. Você já  tem ali, portanto, todo o estímulo necessário. Mais a´te do que o necessário. saber REDUZIR  o estímulo sem perder o estímulo é que é a chave para poder fazer magia sexual sem orgasmo. Já no caso de transmutação sexual para solteiros, você faz justamente quando sente que a energia es´ta acumulada na região, exatamente porque sua mente andou "pescando estímulos" na rua, durante o dia. Entoa agora você tem um problema para resolver, um problema que foi a mente quem criou ao procurar estímulos. Não vai querer agravar isso. Por isso masturbação não faz parte da magia sexual.

8 horas atrás, mvnobrega disse:

5 - Faz sentindo pular a etapa de eliminação dos 30% do ego e ir direto para o uso da energia sexual?

Se quiser se tornar um "demônio", sim. É o que a loja negra faz, trabalham com magia sexual sem trabalhar com a eliminaçaõ do ego. Com a prática nascerão chifres e cauda no seu corpo corpo astral, porque chifres e cauda são apenas a expressão de chackras negativos hipertrofiados. 

Mas para quem quer melhorar, o fooc é eliminar o ego. O que faz sentido é esquecer o tema da magia sexual e focar nos 30% que é possível ao solteiro. Assim garante uma melhoria e evita os riscos de virar "demônio", ao trabalhar com acúmulo de energias antes de trabalhar sua psique, porque apenas estaria dando mais energia para seus diversos eus. É o que aconteceu com a maioria dos ocultistas famosos, que ficaram megalomaníacos. Dar mais energias ao ego é como entregar uma arma a um macaco, é dar mais poder ao que temos de mais primitivo:

https://youtu.be/voOg8X2dPGM?t=23

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

A pergunta sobre a masturbação eu não tirei do tópico que vc indicou, eu me recordava vagamente do assunto que eu li em algum lugar aqui do fórum, por isso aproveitei a oportunidade pra perguntar. 

Então o mais adequado é eliminar as masturbações e focar na sublimação sexual através do Pranayama egípcio por exemplo ?

Tenho outra dúvida. Tempo atrás eu li um livro do Osho, onde ele menciona ( pelo que me lembro ) que é necessário ter o ego antes de perdê-lo. Até então eu havia considerado isso uma possibilidade válida, pois, embora eu nao recorde dos detalhes, dentro do contexto em que ele abordava o assunto parecia fazer muito sentido. Até que dois dias atrás eu li alguns posts seus aqui no fórum sobre ele. Até então eu não tinha uma imagem negativa do Osho, mesmo sabendo dos escândalos que ele estava envolvido. Porém, pintou a dúvida: esse negócio de ter o ego antes de perdê-lo é pura balela do Osho ou realmente tem alguma verdade nisso ? 

Share this post


Link to post
Share on other sites
6 horas atrás, mvnobrega disse:

Então o mais adequado é eliminar as masturbações e focar na sublimação sexual através do Pranayama egípcio por exemplo ? 

Exato.

6 horas atrás, mvnobrega disse:

. Porém, pintou a dúvida: esse negócio de ter o ego antes de perdê-lo é pura balela do Osho ou realmente tem alguma verdade nisso ?  

É a lógica que magos negros usam para enrolar os ingênuos. É como dizer que pata eliminar sua luxúria primeiro você tem que desenvolvê-la mais , se envolvendo com promiscuidade, prostitutas, sexo grupal... se você cai nesse papo vai descobrir que será muito mais difícil voltar à simples normalidade sexual do cidadão comum, imagina então a dificuldade que será reduzir a luxúria a um nível acima do cidadão comum!  É como dizer que para limpar a casa primeiro tem que sujá-la mais. Não faz o menor sentido, torna tudo mais dificil, é pura armadilha dele e de outros que usam essa lógica torta.

Todo mundo que esta encarnado ja tem ego, bem grande e bem velho. Quem não tem ego nem habita os planos inferiores ( mental, astral, eterico, fisico), porque é a eliminação do ego que nos liberta do ciclo de reencarnações. Então falar algo assim, que é necessário ter o ego antes de perdê-lo é uma tolice sem tamanho, já que não há encarnado sem ego. O ego surge ainda no reino animal, já se manifesta nos instintos animais, por isso você já nota cães e gatos ciumentos, por exemplo. O ego surge em você  portanto antes que você ingresse no reino humano. Quando  chega aqui já esta prontinho, e aí vai ficando mais forte a cada reencarnação.

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 22/12/2019 at 07:28, sandrofabres disse:

O ego surge em você  portanto antes que você ingresse no reino humano. Quando  chega aqui já esta prontinho, e aí vai ficando mais forte a cada reencarnação.

Li num dos textos do Osho que a criança nasce pura sem ego e que o ego é implantado em nós pelos pais e pela sociedade, enquanto nos educam (nos programam). Quando um pai diz por exemplo: “você tem que ser o melhor”, o que induz a uma necessidade de competitividade, uma das características do ego. Realmente já nascemos com o ego @sandrofabres? Fiquei com essa duvida, por conta desse texto do Osho, que constrasta com o que você disse.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sim, já nascemos com ego. Se não fosse assim todo mundo se tornaria iluminado apos desencarnar. Não haveria espiritos sofredores no astral. A morte fisica elimina apenas o corpo. E a psique reencarna por que? Não é para corrigir o que esta mal? Não repete os mesmos erros vida apos vida? Não léem relatos e mais relatos no espiritismo de ódios e paixões que continuam de uma vida para outra entre as mesmas pessoas? O que continua então ? É o ego que sempre é o mesmo de uma.vida para outra.

Isso que o Osho fala é a personalidade, não o ego. A personalidade é algo que dá uma formatação ao ego, de acordo com a época, cultura , educação.

Quando desencarnamos a personalidade é descartada. E quando encarnamos o ego total da vida anterior só incorpora totalmente após a formação da personidade. Até que esteja formada o ego vai encarnando por partes. Por isso o bebê é percebido como mais puro que uma.criança de 5 anos. Mas a criança de 5 anos ainda é msi pura que a de 10 anos. Segudno a gnose leva 7 anos aprpximadamente para completar a formação da personalidade. Só então o ego total da pessoa estará vivendo naquele novo corpinho. Antes é parcial.

  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
9 horas atrás, mvnobrega disse:

Mas onde se encaixa a Kundalini nessa história toda Sandro? A ideia também é despertar a kundalini somente após eliminar o ego? 

Itens 8, 10,11 do post que citei antes:

Citar

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 24/12/2019 at 14:42, sandrofabres disse:

Sim, já nascemos com ego. Se não fosse assim todo mundo se tornaria iluminado apos desencarnar. Não haveria espiritos sofredores no astral. A morte fisica elimina apenas o corpo. E a psique reencarna por que? Não é para corrigir o que esta mal? Não repete os mesmos erros vida apos vida? Não léem relatos e mais relatos no espiritismo de ódios e paixões que continuam de uma vida para outra entre as mesmas pessoas? O que continua então ? É o ego que sempre é o mesmo de uma.vida para outra.

Isso que o Osho fala é a personalidade, não o ego. A personalidade é algo que dá uma formatação ao ego, de acordo com a época, cultura , educação.

Quando desencarnamos a personalidade é descartada. E quando encarnamos o ego total da vida anterior só incorpora totalmente após a formação da personidade. Até que esteja formada o ego vai encarnando por partes. Por isso o bebê é percebido como mais puro que uma.criança de 5 anos. Mas a criança de 5 anos ainda é msi pura que a de 10 anos. Segudno a gnose leva 7 anos aprpximadamente para completar a formação da personalidade. Só então o ego total da pessoa estará vivendo naquele novo corpinho. Antes é parcial.

Li hoje e lembrei da sua resposta:

“Um ponto básico para compreensão e aceitação dos conceitos de educação em profundidade é o fato de que as crianças, no início de seu desenvolvimento, são “forçadas” a aceitar as regras dos pais, que se esquecem de que os filhos não são “livros em branco”, mas almas antigas que carregam consigo enorme bagagem de experiências em seu “curriculum” espiritual.” (livro Renovando atitudes).

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sim, de certa forma acho que todo espiritualista entende bem isso e "trabalha com essa hipótese".

Só que esse pessoal que gosta de usar artimanhas argumentativas para seduzir seus seguidores para o lado negro precisa convencer as pessoas que liberar seu lado mais primitivo é algo positivo. Para convencê-las disso eles precisam eliminar da mente do seus ouvintes alguns conceitos chave, como a continuidade do sujeito de uma vida para outra, já que aceitar isso nos leva à dedução lógica de que "se o sujeito se conserva, então  pode ser necessário responder no futuro pelos atos do presente". Enxergar essa relação lógica cria problemas para aceitar a hipótese de "liberar a geral", que é a grande meta desses caras, para induzir o retrocesso espiritual nos seus seguidores. 

Então mesmo quando esse tipo de guru aceita a idéia de alguma continuidade do sujeito, eles precisam criar uns argumentos para  "enevoar" a coisa toda, tornar algo vago, discutível, chamar de "pura energia" ou algum outro termo que passe a idéia de alguma abstração filosófica, que permita dar a impressão que cada desencarne dá um reset espiritual no sujeito, de que cada nova vida é um recomeço sem ligação com o que veio antes.

Isso tornará mais fácil para o ouvinte/leitor descartar o conceito da responsabilidade do sujeito pelos seus atos, e abre espaço para que todo tipo de experimentação seja considerada igualmente válida, e a partir daí  se introduzem sugestões que qualquer cidadão de bom senso perceberia serem desequilibrantes, mas os seguidores dessas idéias não percebem, porque já aprenderam  a ver todas as alternativas como sendo apenas "uma entre infinitas possibilidades disponíveis".  Quando se iguala remédio a veneno, o resultado é previsível

  • Thanks 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pois é. Eu li varios textos dele e confesso que gostei bastante do que li. Mas no documentário vi muitos erros na prática. Nao posso nem dizer que a culpa foi exclusiva da administradora dele, porque acho que ele sabia o que ela fazia, houve consenso. O lance de ter vários rolls royces, pra quem prega a simplicidade. E tambem as atitudes nao pacificas da administradora diante das cameras. E depois que a administradora o abandonou ele fez uma declaração querendo vingança, também algo contra o que ensinava. So fiquei na duvida se os textos em que ele assina como Osho foram escritos depois que voltou a India, e sei la, talvez tenha reconhecido os erros e esses textos sejam apos isto. Porque na comuna ele era chamado Bagwan, e mudou pra Osho quando voltou, que em japonês significa mestre.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.
Note: Your post will require moderator approval before it will be visible.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Restore formatting

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.